Your SlideShare is downloading. ×
0
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
História do Ayurveda
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

História do Ayurveda

2,794

Published on

Published in: Education, Spiritual, Technology
2 Comments
8 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
2,794
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
2
Likes
8
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. I.M.T.- Instituto de Medicina Tradicional Cadeira de Medicina Ayurvédica História do Ayurveda Docente: Prof.ª Michele Pó Discente: Vanda Branco Naturopatia 3ºA
  • 2. Cronologia da História do Ayurveda:
    • 3000 a.C.- Civilização Harappeana
    • 2000/1500 a.C.- Os Vedas
    • 1000 a.C.- A Filosofia Samkhya
    • 700 a.C.- O nascimento da Ciência e divisões do Ayurveda
    • A idade dos Compêndios ( Samhitas )
    • 530 a.C.- O Budismo e o Ayurveda
    • 1600 d.C.- O Período Mongol
    • Século XX- O Período Moderno
  • 3. 3000 a.C.- Civilização Harappeana
    • Data-se que a civilização mais antiga surgiu por volta de 3000 anos a.C. Calcula-se que a sua cultura dominou o Vale do Indo durante 1500 anos.
    • São hoje em dia conhecidas três cidades desta civilização: Harappa, Mohenjo-daro e Lothal.
    • Embora exista pouca informação acerca destas cidades, acredita-se que Harappa dominava o alto Indo e Mohenjo-daro o baixo Indo.
  • 4.
    • A civilização Harappeana provavelmente possuiria um governo bastante organizado e com um planeamento prévio das suas actividades.
    • Estes factos foram comprovados ao estudar achados arqueológicos da arquitectura , do comércio e da cultura do povo Harappeano.
    • O povo harappeano tinha uma cultura elevada e um comércio internacional forte.
    • A sua arquitectura era por isso rica assim como as suas esculturas, selos de pedra, jóias e vestuário.
  • 5.
    • Como todos os povos da época, devido á proximidade com o rio, o povo Indo tinha uma agricultura muito produtiva com sistemas de irrigação.
    • Foi provavelmente a primeira civilização a plantar algodão e a confeccionar roupas com esse mesmo material.
  • 6.
    • As origens do yoga estavam presentes nesta civilização, facto provado pelos vestígios encontrados que demonstraram que este povo era shivaista (Shiva- criador do Yoga), como é o caso dos selos encontrados com a figura de Pashupati, o senhor dos animais.
  • 7.
    • O desaparecimento desta civilização permanece ainda em mistério.
    • Há provas que indiciam que factores ecológicos como a perda de fertilidade dos solos, a fome e a seca, enxurradas que levaram à destruição dos canais de irrigação e casas tenham precipitado o fim desta civilização e facilitado a invasão dos povos arianos que provavelmente já encontraram algumas cidades abandonadas.
  • 8. 2000/1500 a.C.- Os Vedas
    • Os Vedas , ou “Livros do Conhecimento” foram trazidos para a região do Vale do Indo pelos povos arianos.
    • Os quatro textos, escritos em sânscrito por volta de 1500 a.C., são a base do vasto sistema de escrituras sagradas do hinduísmo, a mais antiga literatura existente em qualquer região de língua indo-europeia.
    • Também foram os arianos que introduziram o sistema de divisão social em castas.
  • 9.
    • Os Vedas compilavam todos os conhecimentos que
    • poderiam ser úteis à humanidade:
    • engenharia,
    • física,
    • filosofia,
    • astrologia,
    • biologia,
    • toxicologia,
    • teologia entre outros.
  • 10. Os quatro Vedas:
    • Rigveda - é o Veda mais antigo, significa “veda dos hinos". É o primeiro, na ordem comum de enumeração dos quatro Vedas.
    • Yajurveda – significa "veda do sacrifício". Contém textos religiosos com foco na liturgia, nos rituais e no sacrifício, e como executá-los.
    • Samaveda - significa "veda dos cantos rituais". É o terceiro, na ordem comum de enumeração dos quatro Vedas.
    • Atharvaveda - É o quarto veda, faz referência mais direta à fitoterapia, anatomia, fisiologia e cirurgia e possui uma linguagem mais objetiva.
  • 11.
    • Cada Veda é composto por duas partes: a Samhiti , onde se recitam os hinos ou mantras; e os Brahmanas , que contêm os comentários feitos por diferentes tipos de sacerdotes brahmins envolvidos num sacrificio.
    • Os não-brahmins não tinham acesso aos Vedas por serem considerados seres inferiores.
    • Foi a partir do Atharvaveda que se desenvolveu o Ayurveda ; este por sua vez gerou 6 grandes tratados médicos, em épocas diversas, entre eles o Charaka Samhita (tratado de medicina interna) e o Sushruta Samhita (tratado de cirurgia), escritos inicialmente para treinar médicos para tratarem famílias reais.
  • 12. 1000 a.C.- A Filosofia Samkhya
    • Samkhya foi uma antiga escola, que desenvolvia o mais antigo sistema filosófico indiano.
    • Era essencialmente uma filosofia cosmogénica e antropogénica.
    • Foi responsável pelo surgimento, 1000 anos após o período Atharvaveda, dos compêndios ou samhitas , que em sânscrito significa “coisas postas juntamente”.
  • 13.
    • O termo Ayurveda surge primeiro nos samhitas e não nos Vedas, sendo que a palavra Ayur é vida em sânscrito e Veda significa conhecimento ou ciência.
    • O Ayurveda tal como foi referido nos samhitas é um modo de viver em equilíbrio, unindo-nos com o Universo e com o nosso interior.
    • O  Sistema Ayurveda  preocupa-se com o paciente como um todo, seja corpo ( prasanna ), sentidos ( indriya ), mente ( manah )  e  alma espiritual ( atma ) no contexto do ambiente em que vive sob as influências do país ou região ( desha ), do tempo ou estações do ano ( kala ), das condições climáticas tais como humidade ( ardrata ), chuvas ( varsha ), ventos ( vayuh )  etc.
  • 14. 700 a.C.- O nascimento da Ciência e divisões do Ayurveda
    • Todo o conhecimento contido nos tratados de Medicina Ayurveda têm duas origens: um surgiu quando  Sri Dhanvantaridev , uma encarnação de Sri Vishnu, o Senhor Supremo, revelou o conhecimento sobre os cuidados com o corpo como forma de atenuar o sofrimento da humanidade devido às doenças. Esse conhecimento foi passado para Susruta Rishi, que compilou o Susruta Samhita , que descreve métodos medicinais de cura com remédios e mais precisamente com cirurgias.
  • 15.
    • O outro sistema surgiu quando o Senhor Brahma , o engenheiro desse Universo, recebeu o conhecimento das curas directamente de Vishnu e movido por igual sentimento de compaixão, revelou-o a Prajapati Daksha; este para os Ashwini-kumaras que transmitiram para Indra que o ensinou a Atreya Rishi, o filho do grande sábio Atri Muni.
  • 16.
    • Essas duas origens estabeleceram as duas escolas ( sampradayas ).
    • A Sri Dhanvantari-Sampradaya  enfatiza o diagnóstico, administração de remédios e principalmente cirurgias.
    • A Brahma-sampradaya faz uso do diagnóstico, remédios e tratamentos diversos.  
  • 17.
    • A mudança na percepção da ciência foi importante pois permitiu a passagem de uma medicina mágico-religiosa para uma visão mais ligada à causalidade física. Esta mudança deveu-se principalmente à introdução dos conceitos filosóficos do “Nyaya Vaisesika” e do “Samkhya”, base para a estrutura do Ayurveda.
  • 18.
    • A fundação da ciência foi marcada pelos conceitos dos 5 grandes elementos, éter, ar, água, fogo e terra; e dos Tridosha (Vata, Pitta, Kapha).
    • A combinação desses elementos fundamentais dá origem aos doshas ou “humores” corpóreos que são em número de três ( tridoshas ), a saber , Kapha, Pitta e Vata :
    • Kapha = Terra + Água
    • Pitta = Água + Fogo
    • Vata = Ar + Éter
  • 19.
    • O conhecimento ayurvédico era ministrado em duas grandes Universidades: uma na cidade de Kasi, em Benares, e a outra em Takshasila no Punjab.
    • A metodologia ayurvédica inclui Vijñana (ciência), Vidya (conhecimento e treinamento), Tarka (lógica e crítica), Smriti (memória), Tatparata (adaptabilidade) e Kriya (prática).
    • A Ayurveda não é um sistema de conhecimento dogmático nem desprovido da pesquisa empírica; muito pelo contrário, sua metodologia faz uso de aspectos também presentes na Medicina Moderna.
  • 20.
    • Foi durante este período que surgiu a divisão do Ayurveda em 8 ramos distintos (o Astanga):
    • Kayachikitsa - Medicina Interna
    •  
    • Salakya Tantra - Ouvidos, nariz, garganta, olhos, boca e dentes
    •  
    • Agada Tantra – Toxicologia
    •  
    • Kaumara bhritya ou Bala Tantra – Pediatria, embriologia e obstetrícia
    •  
    • Salya Tantra - Cirurgia
    •  
    • Bhuta Vidya – Psiquiatria
    •  
    • Vajikarana Tantra - Afrodisíacos e medicina reprodutiva
    •  
    • Rasayan Tantra - Longevidade e revitalização terapêutica
  • 21. Idade dos compêndios (Samhitas)
    • Os principais textos autorizados são os compêndios clássicos conhecidos como “Brihat Trayi” ou o grande trio:
    • Caraka Samhita (escola de clínica médica)
    • Susruta Samhita ( escola de cirurgia)
    • Astanga Hrdayam ( coração dos 8 ramos do Ayurveda de Vagbhata)
  • 22. 530 a.C.- O Budismo e o Ayurveda
    • Buda (563-483 a.C.) desenvolve a prática da medicina ayurvédica que viveu uma fase grandiosa, pois o próprio Buda era um grande estimulador de sua prática e estudo.
    • O Budismo deu um grande contributo para o Ayurveda, isso deve-se ao facto de no século III a.C., o imperador Ashoka (imperador do norte da Índia), se ter convertido ao Budismo e, motivado pelos ensinamentos de Buda, que transmitiam a compaixão por todos os seres humanos, construiu hospitais de caridade, com sectores de cirurgia, obstetrícia e problemas mentais, por todo o seu reino, não somente para seres humanos, como também para animais.
  • 23.
    • Os budistas apoiavam todas as formas de aprendizagem; construíram verdadeiras universidades onde eram ensinados, além do Budismo e da ciência védica, história, geografia, gramática, literatura sânscrita, drama, poesia, leis, filosofia, matemática, astrologia, astronomia, comércio, artes bélicas e medicina.
    • Os monges budistas tiveram um importante papel na disseminação da medicina ayurvédica e propiciaram o intercâmbio com a medicina chinesa - o outro grande sistema médico da época .
  • 24.
    • A era de ouro do ayurveda acabou entre os séculos 10 e 12, quando o norte da Índia sofreu invasões de muçulmanos, que impuseram o sistema médico deles. Mas alguns textos foram preservados por monges que fugiram para o Tibete e o Nepal.
  • 25. 1600 d.C.- O Período Mongol
    • O domínio Mongol na India deu-se no séc.XVI.
    • Grande parte da Índia ficou sob o domínio muçulmano mongol.
    • O maior e mais influente dos imperadores mongóis foi, sem dúvida, Akbar, o Grande.
    • O seu império era maior e mais rico do que o da rainha Isabel I da Inglaterra (seu império é da mesma época).
  • 26.
    • O período de governo de Akbar , que governou por 49 anos o império Mongol, foi aberto para outras religiões.
    • Uma das mais importantes decisões tomadas pelo imperador Akbar , foi ordenar a compilação do conhecimento indiano, resgantando assim a tradição ayurvédica.
  • 27.
    • Essa decisão por parte do imperador apenas atrasou o declinio da tradição e conhecimentos Ayurveda, pois durante os séculos XVI e XVII, as rotas maritimas para o Oriente foram abertas, sendo que os povos europeus, além de doenças como a sifilis, difamaram de modo quase irrecuperável toda a medicina tradicional, o que fez com que o povo indiano passasse a pensar que a medicina Ayurveda contribuia para o atraso do desenvolvimento do país.
    • A última ocupação da Índia ocorreu durante o século XIX pelos ingleses.
  • 28.
    • A partir de 1835 os ingleses apenas reconheciam como legítimas as práticas médicas ocidentais, o que provocou o desencorajamento da cultura e da prática da medicina indiana mesmo entre o próprio povo indiano.
    • Perdeu-se a tradição dos ensinamentos passados oralmente de mestre (Vaidya) para discipulo e muitos dos mestres morriam, assim como os seus conhecimentos.
  • 29. Século XX- O período moderno
    • Durante o século XX, surgiu na Índia um movimento nacionalista ( estimulado por Mahatma Gandhi ) de forma a fazer renascer o Ayurveda.
    • Mohandas Karamchand Gandhi ou Mahatma (grande alma em indiano) Gandhi, como ficou conhecido entre o povo, nasceu a 2 de Outubro de 1869, foi um dos idealizadores e fundadores do moderno estado indiano e um influente defensor do Satyagraha (princípio da não-agressão , forma não-violenta de protesto) como um meio de revolução.
  • 30.
    • O princípio do satyagraha , frequentemente traduzido como "o caminho da verdade" ou "a busca da verdade", também inspirou gerações de activistas democráticos e anti-racismo, incluindo Martin Luther King e Nelson Mandela. Frequentemente Gandhi afirmava a simplicidade de seus valores, derivados da crença tradicional hindu: verdade ( satya ) e não-violência (ahimsa).
    • Hoje em dia o Ayurveda faz parte dos seis sistemas médicos reconhecidos na Índia: Ayurveda, alopatia, homeopatia, naturopatia, Unani, Siddha (variedade de Ayurveda praticada ao sul da Índia).
  • 31. Bibliografia:
    • http://pt.wikipedia.org/wiki/Civiliza%C3%A7%C3%A3o_do_Vale_do_Indo
    • http://www.cao.pt/surya/js_29_1.htm
    • http://pt.wikibooks.org/wiki/Civiliza%C3%A7%C3%B5es_da_Antiguidade/Civiliza%C3%A7%C3%A3o_do_Vale_do_Indo
    • http://pt.wikipedia.org/wiki/Vedas
    • http://inform20010.tripod.com/dorita/page4.html
    • http://giridhari.com.br/introducao/o-que-sao-os-vedas/
    • http://portugalmistico.com/artigos-por-temas-mainmenu-56/terapias-mainmenu-46/med-trad/117-medicina-ayurvedica.html
    • http://pt.wikipedia.org/wiki/Sankhya
    • http://www.ideariumperpetuo.com/ayurveda.htm
    • www.yogabrasil.org/...ayurveda/258-historia-da-ayurveda
    • www. ayurveda.com.br
    • super.abril.com.br/.../conteudo_125230.shtml
    • http://uniohm.multiply.com/journal/item/107
    • http://hinduism.suite101.com/article.cfm/samhitas__brahmanas___upanishads#ixzz0YTR3aCUJ
    • http://pt.shvoong.com/medicine-and-health/1706603-medicina-ayurveda/
    • http://www.gita.ddns.com.br/cultura_religiosa/neopentecostal14.php
    • http://pt.wikipedia.org/wiki/Mahatma_Gandhi
  • 32.
    • http://pt.wikipedia.org/wiki/Hist%C3%B3ria_da_%C3%8Dndia
    • http://www.dhanvantari.in/Images/ah.jpg
    • http://images.google.pt/imgres?imgurl=http://projetophronesis.files.wordpress.com/2009/03/buda_1.jpg&imgrefurl=http://projetophronesis.wordpress.com/2009/03/11/as-interpretacoes-erradas-das-4-nobres-verdades-de-buda/&usg=__gF3Fm6eZpBlAAaCYDWurBlJrwwU=&h=430&w=300&sz=41&hl=pt-BR&start=5&um=1&tbnid=3wqlbz6-kVfUjM:&tbnh=126&tbnw=88&prev=/images%3Fq%3Dbudismo%26hl%3Dpt-BR%26rlz%3D1T4ACEW_pt-BRPT315PT315%26um%3D1
    • http://images.google.pt/imgres?imgurl=http://images.exoticindiaart.com/books/susruta_samhita_precise_notes_and_multiple_choice_idf484.jpg&imgrefurl=http://www.exoticindiaart.com/book/details/IDF484/&usg=__qr_-1WI75cYa1Xv6pTA5rczTJUY=&h=500&w=382&sz=43&hl=pt-BR&start=1&um=1&tbnid=QAc84WzIqhm7NM:&tbnh=130&tbnw=99&prev=/images%3Fq%3Dsusruta%2BSamhitas%26hl%3Dpt-BR%26rlz%3D1T4ACEW_pt-BRPT315PT315%26um%3D1
    • http://images.google.pt/imgres?imgurl=http://www.harekrsna.com/philosophy/gss/sadhu/sampradayas/brahma/raghavendra.jpg&imgrefurl=http://www.harekrsna.com/philosophy/gss/sadhu/sampradayas/brahma/tattva-vadi.htm&usg=__4EelX5nXudQ6QY_DjSyHn1WnlGg=&h=355&w=256&sz=26&hl=pt-BR&start=33&um=1&tbnid=2iOuJtqxtMEbdM:&tbnh=121&tbnw=87&prev=/images%3Fq%3Dsampradayas%26ndsp%3D18%26hl%3Dpt-BR%26rlz%3D1R2GGLL_pt-BR%26sa%3DN%26start%3D18%26um%3D1
    • pt.wikipedia.org/wiki/Rig_Veda
    • www.ayurveda.org.br/.../default.asp?titulo
  • 33.
    • http://images.google.pt/imgres?imgurl=http://images.exoticindiaart.com/books/caraka_samhita_text_with_english_translation__critical_idi547.jpg&imgrefurl=http://www.exoticindiaart.com/book/details/IDI547/&usg=__0VPX6wV_2KsPW0YmB7I54zJSGQw=&h=550&w=361&sz=51&hl=pt-BR&start=2&um=1&tbnid=In2pKWOh6EMBtM:&tbnh=133&tbnw=87&prev=/images%3Fq%3Dcaraka%2BSamhitas%26hl%3Dpt-BR%26rlz%3D1T4ACEW_pt-BRPT315PT315%26um%3D1
    •   http://images.google.pt/imgres?imgurl=http://static.flickr.com/72/193597320_62f35e530b_m.jpg&imgrefurl=http://ayurvedavida.blogspot.com/&usg=__5EjD7XCBgJ0h7PnQi3hWF39ZhfY=&h=240&w=180&sz=30&hl=pt-BR&start=145&um=1&tbnid=dd-TDPt2nwODpM:&tbnh=110&tbnw=83&prev=/images%3Fq%3Dtridoshas%26ndsp%3D18%26hl%3Dpt-BR%26rlz%3D1T4ACEW_pt-BRPT315PT315%26sa%3DN%26start%3D144%26um%3D1
    • http://images.google.pt/imgres?imgurl=https://usaytg.bay.livefilestore.com/y1mL-VuvcVgsxR5s42EP7n7gIcrj9arcgAwPlXXuoKWnuLlsbFdvp2ulIahNeIgOE_TPb_z6ofJa0BGqR2XI2nCnah2bMVKcirQbQnlrVt9TkSLU7HhQovnJNRz8iEjl8LM2Dik35vpIDqANaDXtm_njQ/tridosha_thumb.gif&imgrefurl=http://fourthdimension.us/Blogs.aspx&usg=__8SX3_LY0Kb8-FinCuocNev-RDXs=&h=202&w=200&sz=20&hl=pt-BR&start=57&um=1&tbnid=mDLCDaPlL73XZM:&tbnh=105&tbnw=104&prev=/images%3Fq%3Dtridoshas%26ndsp%3D18%26hl%3Dpt-BR%26rlz%3D1T4ACEW_pt-BRPT315PT315%26sa%3DN%26start%3D54%26um%3D1
    • Aulas cedidas pela professora Michele Pó
  • 34.
    • http://images.google.pt/imgres?imgurl=http://3.bp.blogspot.com/_AErVnmRqEpM/SqFyeo6xPhI/AAAAAAAAAI4/8g6fkOGpPQY/s320/lakshmiii.jpg&imgrefurl=http://nitaygouranga.blogspot.com/2009_09_01_archive.html&usg=__YwRANJMnXQXtvatc0VfgSVFjcd8=&h=320&w=234&sz=25&hl=pt-BR&start=10&um=1&tbnid=TkgEkiLwPuxXxM:&tbnh=118&tbnw=86&prev=/images%3Fq%3Dt ridoshas%26hl%3Dpt-BR%26rlz%3D1T4ACEW_pt-BRPT315PT315%26um%3D1
    • http://images.google.pt/imgres?imgurl=http://static.flickr.com/66/198059686_08e9fd6006_m.jpg&imgrefurl=http://ayurvedavida.blogspot.com/&usg=__Qv_z0Ad5c6xbG7Q1I_kOnHXsCpw=&h=240&w=160&sz=22&hl=pt-BR&start=3&um=1&tbnid=oTUn8SCN4PVHvM:&tbnh=110&tbnw=73&prev=/images%3Fq%3Dtridoshas%26hl%3Dpt-BR%26rlz%3D1T4ACEW_pt-BRPT315PT315%26um%3D1
    • http://images.google.pt/imgres?imgurl=http://www.anjodeluz.com.br/mantras/adi_sh6.jpg&imgrefurl=http://www.anjodeluz.com.br/mantras/adi_shakti.htm&usg=__eRmHPtqVoDMCzhDU4SquRolIZIQ=&h=350&w=401&sz=51&hl=pt-BR&start=1&um=1&tbnid=VvMLo9xymeAZwM:&tbnh=108&tbnw=124&prev=/images%3Fq%3DA%2BFilosofia%2BSamkhya%26hl%3Dpt-BR%26rlz%3D1T4ACEW_pt-BRPT315PT315%26sa%3DG%26um%3D1
    • http://images.google.pt/imgres?imgurl=http://vsr28.tripod.com/sitebuildercontent/sitebuilderpictures/sama_veda_murthy.jpg&imgrefurl=http://vsr28.tripod.com/id9.html&usg=__7ARDZhCNHY0F7nXSzjOPmNmdXus=&h=186&w=135&sz=13&hl=pt-BR&start=12&um=1&tbnid=hwH6RsKODeazLM:&tbnh=102&tbnw=74&prev=/images%3Fq%3Dsamaveda%26hl%3Dpt-BR%26rlz%3D1T4ACEW_pt-BRPT315PT315%26sa%3DN%26um%3D1
  • 35.
    • http://images.google.pt/imgres?imgurl=http://www.iimcal.ac.in/imz/archive/images/vedas_puranas.jpg&imgrefurl=http://www.iimcal.ac.in/imz/archive/article.asp%3Fcode%3DCorporate_Jungle_Jan08&usg=__R0sQ8-CNCSoo4xdLlmlCt6tFe-I=&h=276&w=217&sz=21&hl=pt-BR&start=3&tbnid=Pt_SSgICGsT1UM:&tbnh=114&tbnw=90&prev=/images%3Fq%3Dvedas%26gbv%3D2%26hl%3Dpt-BR%26sa%3DG
    • http://images.google.pt/imgres?imgurl=http://images.exoticindiaart.com/books/caraka_samhita_text_with_english_translation__critical_idi547.jpg&imgrefurl=http://www.exoticindiaart.com/book/details/IDI547/&usg=__0VPX6wV_2KsPW0YmB7I54zJSGQw=&h=550&w=361&sz=51&hl=pt-BR&start=2&um=1&tbnid=In2pKWOh6EMBtM:&tbnh=133&tbnw=87&prev=/images%3Fq%3Dcaraka%2BSamhitas%26hl%3Dpt-BR%26rlz%3D1T4ACEW_pt-BRPT315PT315%26um%3D1
    • http://images.google.pt/imgres?imgurl=http://images.exoticindiaart.com/books/susruta_samhita_precise_notes_and_multiple_choice_idf484.jpg&imgrefurl=http://www.exoticindiaart.com/book/details/IDF484/&usg=__qr_-1WI75cYa1Xv6pTA5rczTJUY=&h=500&w=382&sz=43&hl=pt-BR&start=1&um=1&tbnid=QAc84WzIqhm7NM:&tbnh=130&tbnw=99&prev=/images%3Fq%3Dsusruta%2BSamhitas%26hl%3Dpt-BR%26rlz%3D1T4ACEW_pt-BRPT315PT315%26um%3D1

×