Civilizacao egipcia

  • 317 views
Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
317
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
2
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. 1. Condições naturais2. Atividades económicas3. Sociedade4. Religião5. Manifestações artísticas e culturais.
  • 2. O Egipto é um dom do Nilo.Sem o Nilo o Egipto seria um deserto.
  • 3. Esta civilização dependia das cheias periódicas do Nilo que irrigavam e fertilizavam os solos.Para apoiar a agricultura construíram um sistema de diques e canais. Estes serviam para armazenar e distribuir água conforme as necessidades.
  • 4. O Egipto é um exemplo de uma economia agrária. As principais atividades económicas eram a agricultura e a criação de gado.As atividades artesanais (tecelagem, metalurgia, cerâmica, vidraria, joalharia, ourivesaria, etc.) também tiveram muita importância.Os excedentes agrícolas e artesanais eram exportados para a Fenícia. Importavam sobretudo matérias primas.
  • 5. A sociedade egípcia era uma sociedade estratificada e hierarquizada.Cada grupo social ocupava um lugar determinado pelas suas atividades, riqueza, poder e influência.Dividiam-se em dois grandes grupos: dirigentes e produtores ou privilegiados e não privilegiados.
  • 6. Os egípcios tinham uma religião politeísta (adoravam vários deuses).O faraó tinha um poder sacralizado e era considerado um deus vivo.Enquanto deus-rei tinha um poder absoluto, centralizador e planificador.O Egipto constituía um estado teocrático.
  • 7. Os egípcios acreditavam na vida para além da morte e na reencarnação dos corpos, mas esta só acontecia se o corpo estivesse bem conservado. Por isso embalsamavam e mumificavam os corpos.
  • 8. Tipos de monumentos: templos, túmulos (mastabas, hipogeus e pirâmides) e palácios.Todos os edifícios, em honra dos deuses e dos faraós, tinham proporções monumentais para transmitir a imagem de poder e de eternidade e impressionar os mortais.
  • 9. As estátuas eram colossais e rígidas.Estavam representadas na posição estática, com os braços ao longo do corpo ou dobrados sobre o peito.
  • 10.  Os artistas representavam a figura humana de acordo com as seguintes regras: 1. Lei da frontalidade – a cabeça, as pernas e os pés estavam representados de perfil, enquanto que os olhos e os ombros estavam representados de frente; 2. Lei da hierarquia – as pessoas com maior estatuto social tinham maiores dimensões; 3. Realçavam a beleza, o vigor e a juventude dos retratados.
  • 11. Os egípcios inventaram a escrita hieroglífica que se baseava em sinais pictográficos que representavam pessoas e objetos (hieróglifos).Esta escrita foi decifrada a partir da descoberta da pedra de Roseta que tinha inscrito o mesmo texto em três tipos de escrita: hieroglífica (a), demótica (b) e grega (c).
  • 12. Astronomia: através da observação dos astros criaram um calendárioMatemática e Geometria: cálculo (soma subtração), noções de peso e volume importantes para a construção dos monumentosMedicina: aprenderam a conhecer o corpo humano devido à prática da mumificação, faziam operações cirúrgicas
  • 13. Trabalho atualizado em Novembro de 2011