Your SlideShare is downloading. ×
CESG - NewHotel - João Infante
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Saving this for later?

Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime - even offline.

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

CESG - NewHotel - João Infante

988
views

Published on

Published in: Technology, Business

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
988
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1.
  • 2. Inovaçãonasaplicaçõesdedicadasaomercadohoteleiro
    João Infante – joao.infante@newhotel.com
    VP Web Business - Software Newhotel, S.A.
  • 3. Agenda
    Introdução
    Canais de venda “on-line”
    Motores de reservas “on-line”
    Conclusão
    Perguntas & Respostas
  • 4. Introdução
    PropertyManagementSystem– aplicação de gestão para a indústria hoteleira
    A inovação nestas aplicações tem estado desde sempre ligada às capacidades de integração
    As soluções de PMS têm vindo a evoluir e cada vez mais cobrem as principais necessidades da indústria hoteleira
  • 5. Introdução
    Um sistema de IT de um hotel tem cada vez mais complexidade:
    Recepção
    Restaurante
    Bar
    Mini-bar
    SPA
    Golf
    Comunicações
    Chaves/acesso
  • 6. Introdução
    Um sistema de IT de um hotel tem cada vez mais complexidade:
    Televisão
    Alarmes
    Ambiente
    CRM
    Stocks
    Financeiro
    Canais de venda “on-line”
  • 7. Canais de venda “on-line”
    Actualmenteexistemtrêscanais de venda:
    GDS – “Global Distribution Systems”
    IDS – “Internet Distribution Systems” / ADS – “Alternative Distribution Systems”
    Site do hotel
  • 8. Canais de venda “on-line”
    GDS
    Desde sempre foi a principal fonte para agências de viagens fazerem reservas muito antes da existência da Internet
    Tradicionalmente sempre foi um sistema de distribuição caro, porque existem custos de entrada, custos por transacção, para além das comissões dos agentes
  • 9. Canais de venda “on-line”
    GDS
    Os custos de adesão para hotéis independentes sempre foi muito elevado
    Através de CRS é possível entrar neste mundo, mas a “marca” com que se aparece nos GDS é a do CRS a que se adere
    Custos aumentam porque existem mais intermediários pelo meio
  • 10. Canais de venda “on-line”
    GDS
    Inicialmente a introdução de dados era feita manualmente
    Numa segunda fase passou-se a disponibilizar integração com os sistemas de PMS, o que foi chamado de “seamlessintegration”
    Actualmente a tendência é fazer esta integração “on-line”, utilizando o “seamlessnextgeneration”
  • 11. Canais de venda “on-line”
    IDS/ADS
    A definição de IDS é um sistema de reservas “on-line”, disponível para todos os utilizadores da Internet, actualmente existem cerca de 2000 serviços deste tipo
    Os hotéis acedem através de uma ferramenta disponível através da Internet para criar e actualizar as suas tarifas, inventário e restrições
  • 12. Canais de venda “on-line”
    IDS/ADS
    É uma ferramenta crucial para conquistar mais mercado e promover as vendas dos hotéis
    É um caos para gerir devido à quantidade de sistemas existentes
    Actualmente já existem ferramentas que dão a possibilidade de gerir este canal
  • 13. Canais de venda “on-line”
    • IDS/ADS
  • Canais de venda “on-line”
    • IDS/ADS
  • Canais de venda “on-line”
    • IDS/ADS
  • Canais de venda “on-line”
    • IDS/ADS
  • Canais de venda “on-line”
    • IDS/ADS
  • Motores de reservas “on-line”
    Com a Internet os clientes pretendemterumarespostaimediata
    Disponibilidade
    Preços
    Reservas
    Se o website do hotel nãotiveressacapacidade o clientevaiprocuraroutro hotel quetenhaessasfuncionalidades
  • 14. Motores de reservas “on-line”
    • Os Web Booking Engineexistentestêmmuitasfuncionalidades .... e exigências de umapermanentegestão do inventário a disponibilizar
    • 15. Como simplificar e melhorarestagestão:
    • 16. Usandoumasolução PMS quepermitacontrolar a disponibilidade, ospreços e o inventário de quartos num únicosistema!
  • Motores de reservas “on-line”
    Os maisavançadossistemas de PMS, têmfuncionalidadespara resolver as questões de disponibilidade, allotments, preços, promoções
    Permite-se assimmanter um únicosistema (e pessoal) para a gestãocomercial e daofertapeloscanaistradicionais e pelalnternet .
  • 17. Motores de reservas “on-line”
    Umasoluçãoavançada de software de gestão PMS permiteao Hotel gerir de forma integrada o website e o motor de reservas
    O software PMS poderáaindadispôr de funcionalidades de yield management e potenciar a aplicaçãodestaferramenta à comercialização e gestão de tarifas Internet
  • 18. Motores de reservas “on-line”
    Preço máximo: 225
    Preço mínimo: 40€
    Sensibilidade dos preçosà variação da ocupação
    nível de preço máximo ou stop sales
    Preço
    Ocupación
  • 19. Conclusão
    Os PMS devem ser sistemas aberto que tenham a capacidade de fazer face aos desafios actuais de integração
    A utilização de Web Services vai permitir que os hotéis possam utilizar diversas aplicações de uma forma integrada
  • 20. Perguntas&Respostas