• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Marketing Político Digital por @Gabrieleite e usuários
 

Marketing Político Digital por @Gabrieleite e usuários

on

  • 10,325 views

Palestra realizada na oficina de Redes Sociais da Rede de Socialização 3 PONTOS. http://www.trespontos.com.br

Palestra realizada na oficina de Redes Sociais da Rede de Socialização 3 PONTOS. http://www.trespontos.com.br

Statistics

Views

Total Views
10,325
Views on SlideShare
9,647
Embed Views
678

Actions

Likes
28
Downloads
627
Comments
3

12 Embeds 678

http://www.rafaeldesigner.com.br 271
http://mentesdigitais.com.br 127
http://www.alinnefernandes.com.br 91
http://www.bloglecom.com.br 64
http://www.tecnocratadigital.com.br 45
http://gpn.pepelavandeira.com.br 34
http://alinnefernandes.com.br 16
http://www.mentesdigitais.com.br 15
http://paper.li 12
http://ricardonespolicoutinho.blogspot.com 1
http://blog.nubiasouza.com.br 1
http://ricardonespolicoutinho.blogspot.com.br 1
More...

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

CC Attribution License

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel

13 of 3 previous next Post a comment

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Marketing Político Digital por @Gabrieleite e usuários Marketing Político Digital por @Gabrieleite e usuários Presentation Transcript

    • Marketing Político Digital Por Gabriel Leite
    • @ajohannc, @Pel_Bh, @Eloy_Vieira, @AdemarQueiroz, @PlinioMKT, @_geraldo, @ligiadutra_, @bygabys, @robertopalazo, @mtonus, @tche_eduardo, @vanrodrgs, @vinnysacramento, @alinnefernandes, @pedrocordier, @_trespontos @semsujeira, @meloliveira, @amandacardoso, @amchagas, @porrasalvador @marthaterenzzo9, @Subacelar, @srchico, @sindicatohomens, @junqueiradanilo @nubiasouza, @senarafa, @maykofranceschi, @nayannecesar, @happymoon @lululacerda, @michelfonseca. @camilajoaquina, @almeida021, @kennedylucas, @Diego_Humphrey, @christyexx, @roneyb, @raphaelprugner, @jumenezesrp, @blogabordo, @kadu_fernandiz, @diegodacosta, @dezacarneiro, @marciokonfide, @thalesbrandao, @cidademarketing, @VanessaLockhart, @marcoscampelo, @amchagas, @heliobasso, @midias_sociais, @garotaXD, @vihfreitas, @ricardohortajor, @publisiridade, @MemeliaMoreira, @bigdigo, @josetelmo, @forsoli, @luhferraz, @paulokendzerski, @anamodesto, @lenteaberta, @dayanascimento, @cinty_lopes, @prekk, @Rdraw, @jurasb, @andretelles, @CarlaCostaRP, @ligiatex, @robsonvicent, @mchamusca, @rafaeldesigner, @tiagoamelo, @elencezar, @chebante, @danygattena, @centraldaugusta, @fernandamusardo, @paulopedrassoli, @Mpinheiro, @brunofigueredo, @mahtchelo, @marianaalmofrey, @_gugafleury Obrigado a todos! As respostas de alguns participantes serão utilizadas na apresentação como forma de contribuição colaborativa à potencialização da mesma. PARTICIPANTES DA ENQUETE COLABORATIVA
    • escolhido como melhor resposta foi @mchamusca. A escolha foi feita pelo autor do livro; o amigo e sócio @andretelles @mchamusca SORTUDO DA ENQUETE COLABORATIVA
    • A MAIOR HASHTAG DA POLÍTICA BRASILEIRA #MamaeQueroSerBarackObama!
    • #MamaeQueroSerBarackObama! Não é aconselhável COPIAR Obama. Que este sirva apenas como inspiração e referência. #ficadica BRASIL x EUA História, cultura e economia diferentes. É preciso haver bom senso. A MAIOR HASHTAG DA POLÍTICA BRASILEIRA
    • Como os políticos devem se posicionar na internet; Destrinchando o Case do Barack Obama; Passo a passo de como construir uma campanha de Marketing Político Digital relevante. SOBRE O QUE VAMOS FALAR?
    • COMO OS POLÍTICOS DEVEM SE POSICIONAR NA INTERNET? "Uma vez que nós nos livrarmos do pensamento tradicional, podemos avançar com a criação do futuro. ”   James Bertrand
    • Um político deve interagir com seus eleitores. Conversar, trocar idéias, ouvir necessidades e propostas. @RobertoPalazo Na internet a frase mais adequada é arregaçar os ouvidos! É necessário ter como base a interatividade e o diálogo. ARREGAÇAR AS MANGAS?
    • Acho um absurdo os políticos serem redundantes em se manter falando apenas de si. @PlinioMKT Interagir é diferente de participar. Interagir tem lógica distribuída, participar tem lógica centralizada. É fundamental descentralizar, o foco são as pessoas. INTERAGIR X PARTICIPAR
    • Quem imagina a internet hoje representada apenas por um site está ultrapassado, agora é necessário ir além. Diante de toda essas transformações, surge um novo tipo de eleitor, que não apenas mais recebe informação, e sim transmite, influencia, interage, opina e desenvolve conteúdo. NOVO TIPO DE ELEITOR
    • @Pel_Bh Não é legal apenas falar e divulgar eventos de campanha e se recusar a responder questões que não são favoráveis à imagem. Sejam o menos comercial possível , nada de nome e número dos partidos em destaque nos perfis. Para o usuário não interessa o partido nem o número e sim a PESSOA e as propostas. Se ele gostou, vai procurar o número e votar. MENOS AUTOPROMOÇÃO - MENOS BLÁ BLÁ BLÁ
    • Não seja radical , procure discutir, defenda seu ponto de vista, porém esteja sempre acessível a mudanças. A internet é um excelente lugar para quem buscar melhorar. Jamais tente esconder informações. @mtonus SEJA ETERNAMENTE BETA!
    • @srchico Repudio os políticos que contratam blogueiros e pessoas influentes para falarem bem deles nas redes sociais. No Brasil, dos 198,7 milhões de habitantes, 72 milhões são internautas – quase um terço dos brasileiros acessa a rede. Em torno de 50% destes são extremamente ativos, críticos, participativos, formadores de opinião. Muitos ainda duvidam da força da Internet e fazem mal uso do dinheiro. MONÓLOGO POLÍTICOS ELEITORES
    • DIÁLOGO O Brasileiro é o povo que passa mais tempo conectado. É o 2° no Youtube, Gmail e Twitter. E 1ª no Orkut e no MSN. Os candidatos devem estar preparados para ouvir e reagir de forma estratégica. Nunca deixe uma pergunta sem resposta. POLÍTICOS ELEITORES
    • Cerca de 56% das pessoas afirmam que só concretizaram um negócio após pesquisar na Internet , na política não é diferente. ANTES DE COMPRAR SUA IDEIA EU PESQUISO
    • @nubiasouza Acho um absurdo os políticos que bloqueiam, excluem, xingam e destratam os usuários por uma crítica. As críticas devem ser encaradas como termômetros , pesquisas qualitativas gratuitas, uma forma de buscar melhorar e discutir, com respeito. Comunidades do Orkut, Fóruns, páginas do Facebook, Formspring, Blogs e principalmente o Twitter, são os principais canais de monitoramento e mensuração à críticas. FALAR MENOS, OUVIR MAIS
    • É preciso monitorar. O que geralmente acontece é uma "comunicação" de mão-única, sem responder a quem fala (bem ou mal) na web; Não é a mesma coisa mas devem caminhar juntos. Monitorar: Verificar, acompanhar com foco em adaptar e modificar possíveis erros. Mensurar: Analisar, quantificar e medir. @vinnysacramento MONITORAR E MENSURAR
    • @marthaterenzzo9 Um candidato na internet jamais deve mentir deixar de ser autentico. manipular, enviar Spams, comprar voto, usar fakes, pessoas como "plantadores “, seeders de sua imagem. "Se queremos progredir, não devemos repetir a história, mas fazer uma história nova ” (GANDHI) Informe aos usuários quando não é o candidato que está falando. A prestação de contas do candidato referente às doações, e os gastos, também devem serem usados para transmitir segurança e transparência aos usuários. Nada de mentiras. Se errou, assuma o erro e recomece. SER VERDADEIRO, ÉTICO E RESPONSÁVEL
    • Cerca de 35% dos internautas colocam ativamente suas opiniões nas mídias sociais. O candidato não deve pensar em convencê-los, ou querer todas as atenções voltadas para ele, o candidato deve evitar ser intrusivo. @_gugafleury No sites de campanha não é mais aceitável também só expor o que se pensa, sem trazer as pessoas (eleitores-internautas) para próximo, para uma construção coletiva de ações, ideias e do plano de governo proposto.  NÃO SEJA INTRUSIVO
    • @hebersales Estamos na era da hiper-edição do eu. Não existe manobra mais privada do que essa. Se tratando de política, existem dois tipos de exposição à privacidade: Pública: que não temos controle, divulgada por algum meio; Particular: que temos controle e publicamos o que nos convém. É O FIM DA PRIVACIDADE NA POLÍTICA?
    • @raphaelprugner O candidato não deve realizar SPAM. Isso aborrece os eleitores e conseqüentemente desvaloriza sua "marca “. A internet condena o spam! Os políticos tem em suas raízes o feeling spammer. Ele faz SPAM na vida real através dos seus santinhos nos sinais, carros de som na porta de casas e carreatas que prejudicam o trânsito. SPAM NA VEIA
    • @upalupa Os candidatos não devem enviar e-mail sem me conhecer e ter a minha permissão. O candidato jamais deve passar mais de 24h para responder a um e-mail. SPAM x E-MAIL MARKETING E-mail Marketing se difere do SPAM principalmente pelo fato de: falar com quem quer ouvir, seguindo as seguintes características dos 4P´S do e-mail: Proposta , Pertinência, Permissão, Permanência. #SPAMonha
    • @blogabordo Os candidatos não devem focar somente em uma rede social ou em várias e sim escolher as mais adequadas. SEGMENTAÇÃO DA MENSAGEM É fundamental haver uma segmentação da mensagem de acordo com o público-alvo do candidato co-relacionados aos seus projetos. Vale a pena procurar redes sociais segmentadas. SEGMENTAR A MENSAGEM
    • @vanrodrgs Um candidato antes de tudo não pode ser "chato", ele tem que transformar a web em um canal de troca de informações. O principal desafio dos políticos na internet é fazer com que a política na internet não seja algo chato. Através do Humor, O CQC conseguiu quebrar um pouco o paradigma de POLÍTICA = CHATO, transformando-se em: POLÍTICA = ESTAMOS DE OLHO. POLÍTICA = COISA CHATA
    • @subacelar Muitos candidatos só postam textos no twitter (por exemplo). Não postam foto, vídeo, ou um simples link. É fundamental buscar aprender mais sobre a ferramenta. Muitos políticos, por falta de uso e medo do novo, desconhece e abomina as meios digitais como: Computador, celular, câmeras, gravadores, e suas ferramentas. Muitos vão errar. Mas é importante experimentar. TECNOLOGIA = MEDO
    • @alinnefernandes Um candidato não deve falar mal de outros candidatos, nem encher a timeline dos seguidores com brigas, assuntos narcisistas ou inverídicos. A essência da internet é social e não de concorrência. Não responda aos ataques do adversário na mesma moeda, se coloque superior a ele, mantenha o foco. Não demonstre raiva isso transmite pânico e insegurança para os usuários. CULTIVE A CALMA
    • É preciso trabalhar em equipe , concentrado, de maneira a manter a racionalidade serena, o bom humor, motivação e união da equipe, o equilíbrio sob pressão, e a capacidade de ser coerente e controlado sob fortes emoções. @thalesbrandao As estratégias mercadológicas tradicionais são distintas das digitais e requer uma maior atenção, ações específicas e diferenciada. LIDERANÇA 3.0 – LIDERAR COM MOTIVAÇÃO
    • O trabalho será intenso, pratique esportes regularmente para aliviar as tensões. O líder precisa estar relaxado para sobreviver as pressões físicas e psicológicas. Se entrar na rede é para valer. Não pode deixar o blog e o twitter desatualizados. @marcoscampelo SE NÃO AGUENTA, PRA QUE ENTROU?
    • “ O que mata uma doninha é a publicidade que faz a si própria.” Abraham Lincoln ESQUEÇA O DISCURSO: EU PROMETO...
    • "O engajamento é relativo. A participação é apenas parte da equação ”. Brian Solis É A VEZ DO: NÓS VAMOS FAZER, E JUNTOS.
    • O PERFEITO, INTOCÁVEL, INVENCÍVEL. MUDANÇA NA FORMA DE PENSAR: APOSENTEM O SUPER-HOMEM!
    • CONTATO DIRETO E PERSONALIZADO. DE PESSOA PRA PESSOA HUMILDADE É A VEZ DO SUPER-HUMANO GOVERNAR
    • GOVERNAR PENSANDO NO SOCIAL E AMBIENTAL
    • CLICKARVORE – SOS Mata Atlântica.
    • Veia Social – Doe Sangue. Compartilhe Vida.
    • GOVERNAR PENSANDO NA INCLUSÃO DIGITAL
    • SEM ESQUECER DA EDUCAÇÃO DIGITAL
    • SEM ESQUECER DA EDUCAÇÃO DIGITAL
    • SEM ESQUECER DA EDUCAÇÃO DIGITAL
    • Espécie cada vez mais rara. É A HORA DA FAXINA?
    • SÓ DEPENDE DE VOCÊ!
    • ARTICULAÇÃO BRASILEIRA CONTRA A CORRUPÇÃO E IMPUNIDADE
    • VAMOS COMBATER?
    • QUE TAL MANTERMOS TUDO ÀS CLARAS?
    • TODOS EM BUSCA DO VOTO CONSCIENTE!
    • VAMOS EXERCER CIDADANIA?
    • FICAR MAIS LIGADO NO CONGRESSO
    • MONITORAR SE ESTÁ HAVENDO TRANSPARÊNCIA
    • ESTIMULAR UMA E-DEMOCRACIA
    • AFINAL, PELO QUE VOCÊ SE INTERESSA?
    • QUE TAL CONHECER MAIS SOBRE POLÍTICA?
    • OS POLÍTICOS BRASILEIROS
    • O MARKETING POLÍTICO
    • O IMPORTANTE É CONHECER
    • QUER SABER “TUDO” SOBRE SEU CANDIDATO?
    • PREZE PELA TRANSPARÊNCIA
    • CRIE SUA PRÓPRIA OPINIÃO
    • VOTE CERTO DE QUE PODE AJUDAR
    • MÍDIAS SOCIAIS NÃO SE RESUMEM APENAS AO TWITTER
    • PROCURE FAZER ANÁLISES NAS MÍDIAS SOCIAIS
    • JOSÉ SERRA ANALISE COMPORTAMENTOS
    • DILMA ESTUDE AS TENDÊNCIAS
    • MARINA SILVA MAS SIGA ALÉM DOS TWITTOMETROS DA VIDA
    • FAÇA A SUA PARTE E REPORTE!
    • NÃO TIRE O OLHO DO RADAR!
    • PARTICIPE ATIVAMENTE!
    • DESTRINCHANDO CASE DO BARACK OBAMA "A melhor forma de destruir a seu inimigo é converter-lhe em seu amigo. ” Abraham Lincoln 
    • Este é o cara.
    • Concorrência Era do Petabytes
    • Concorrência Era do Petabytes
    • Concorrência Era do Petabytes
      • Realidade análogica x realidade virtual
      • Uma vida contém a outra
      • Um e-mail é tão real quanto o fax
      • O bar é tão real quanto o hojo 3D
      • Não existe velha e nova economia
      • VIRTUAL É REAL
      A vida sem espelhos! Mudamos a filosofia!
    •  
    • @vihfreitas Acho que os políticos deveriam aproveitar a velocidade de informação na Internet para disseminar suas boas idéias. Elas contribuíram, porém foi um conjunto de ações estratégicas tanto on-line quanto off-line que fizeram com que as pessoas fossem engajadas a votar. O carisma, por exemplo, é um grande fator. Estudos mostram que cerca de 75% dos eleitores ainda votam por impulso e carisma. AS MÍDIAS SOCIAIS ELEGERAM OBAMA?
    • Cerca de 56% das mulheres americanas votaram em Obama. Fonte: ABCNews QUEM ELEGEU OBAMA?
    • A FORÇA DAS MULHERES
    • @lenteaberta Que geralmente acontece é comunicação um para muitos quando na verdade deveria ser comunicação one to one. Foi usado um software para gestão de relacionamento com o cliente dentro de sua comunidade com mensagens de texto e “redes” de celulares para expandir e reforçar sua comunidade. MY.BARACKOBAMA.COM
    • @josetelmo É importante tomar cuidado com o "Efeito eco" - a mesma mensagem aparecer, repetidas vezes, em todas as redes sociais. O aplicativo “Obama”, compreendia todo o conteúdo produzido pela campanha , inclusive vídeos, releases e blogs. Permitia que os usuários classificassem a mídia, destacando os itens mais populares. FACE TO FACE
    • @andretelles Candidato não se apresente. Deixe os usuários te apresentarem, te indicarem, o conteúdo relevante gerado por você para o eleitor fará este papel. Obama iniciou discussões sobre o futuro das empresas americanas , mostrando claramente um planejamento e objetivo para cada rede, seguido do tipo de abordagem e linguagem adotada. PROFISSIONAL
    • @bigdigo Não se deve criar um site, blog e/ou rede social que não possua opções de comentários ou participação do eleitorado que chegam por links a ele. Centenas de vídeos produzidos de forma rápida e acessível pela equipe de Obama foram colocados no YouTube. Em outubro de 2008, os vídeos já tinham sido visto 77 milhões de vezes. O PODER DO VÍDEO NA ELEIÇÃO
    • Não tente vender uma imagem que não seja condizente com seu histórico, pois, na internet, ele será facilmente desmascarado pelo Google. @pedrocordier A equipe de Obama, quando não estava fornecendo mensagens customizadas aos sites de rede, estava pedindo aos voluntários que fizessem. No Digg.com os membros postavam de tudo, de notícias a vídeos, e os posts que recebem mais votos aparecem na primeira página do site. MYSPACE E DIGG
    • Obama transformou o mobile no melhor santinho! Com botões separados que permitiam falar sobre os eventos locais (mostrados na ordem de proximidade) e a posição do candidato sobre determinadas questões, além de fotos e vídeos de campanha. MOBILE MARKETING E OS APLICATIVOS - IPHONE
    • Jamais prometa algo que não possa cumprir. @brunofigueredo Pior que não conquistar um eleitor é frustrá-lo. Obama continuou se relacionando com os seus colaboradores através do portal, emails e mensagens de texto. E DEPOIS DE ELEITO? BEIJINHO, BEIJINHO, XAU, XAU?
    • Quer saber sobre mais sobre o case Barack Obama? Acesse o slideshare.net e pesquise. CONHEÇA MAIS SOBRE O CASE BARACK OBAMA
    • Quer saber sobre mais sobre o case Barack Obama? Acesse o vimeo.com e pesquise sobre o documentário Obama Digital. ASSISTA AO DOCUMENTÁRIO OBAMA DIGITAL
    • Passo a passo de como construir uma campanha de Marketing Político Digital relevante. "Diamantes não brilham porque os átomos que os constituem brilham, mas devido ao modo como estes átomos se agrupam num determinado padrão". Marc Buchanan em "O átomo social"
    • Quer saber sobre as regras de doação na internet por cartão de crédito? Acesse o webinsider.uol.com.br e pesquise. O PRIMEIRO PASSO: O QUE PODE E O QUE NÃO PODE?
    • A PRINCIPAL LEI @rafaeldesigner O que acho mais lamentável é a falta de atenção dos políticos na internet que pensam que ainda detêm todo o poder. RESPEITAR SEMPRE O OPT-IN E TER BOM SENSO.
    • PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DIGITAL Sem planejamento o candidato não tem um rumo, uma direção, um alvo definido.
    • SEO E-MAIL MARKETING SITES INTERATIVOS MOBILE MARKETING MÍDIAS SOCIAIS BLOGS REALIDADE AUMENTADA QR CODE ASSESSORIA DE IMPRENSA ON-LINE STREAMING DEBATES ON-LINE CRIAR ALGO NOVO DEFINIR COM O QUE VOCÊ VAI TRABALHAR
    • O primeiro passo é a Análise SWOT: forças, fraquezas, oportunidades e ameaças. O planejamento estratégico digital para uma campanha de marketing política é traçar de forma detalhada todas as ações a serem realizadas pelo candidato na internet. Antes - Durante - Depois. ANÁLISE SWOT
    • Estudar os projetos do candidato. Conhecer a fundo o público-alvo, trabalhar técnicas de relacionamento digital com base na sociologia, antropologia e psicologia. @paulokendzerski Não adianta nada para o candidato só utilizar a internet as vésperas da eleição. É preciso um trabalho de médio a longo prazo. Internet é conquista. PROJETOS DO CANDIDATO
    • Ranking de maiores Mídias Sociais on-line (BR, 2010): 1.Orkut – 26 milhões 2.Youtube – 20 milhões 3.Twitter – 9.8 milhões 4.Facebook – 9.6 milhões 5.Yahoo Respostas * – 5.5 milhões 6.Flickr – 3.5 milhões 7.Ning – 3 milhões 8.Sonico – 2 milhões 9.Myspace – 1,5 milhão 10.LinkedIn – 1,5 milhão Fonte: Ibope Net Ratings, Junho 2010, ratificado pelo Binderlandia. Analisar os principais “concorrentes” e principalmente definir seus objetivos para cada rede. LINGUAGEM - REDES
    • Muito cuidado com o que faz na internet. As pessoas esquecem, a internet não. A INTERNET TEM MEMÓRIA
    • ESQUECEU EM QUEM VOTOU? NÃO MAIS!
    • @midias_sociais O discurso do candidato deve ser auto-gerado e distribuído gratuitamente. Construir cronogramas quinzenais de ações para que o candidato esteja por dentro do que estar sendo feito com base em prazos e estabelecimento de metas. Podendo haver interferências quando necessário. CRONOGRAMA DE AÇÕES
    • Durante o planejamento das ações é preciso estar ligado em tudo que acontece na web, a dinâmica na Internet é muito grande e o candidato precisa acompanhar as tendências. YOUTUBE LANÇA FERRAMENTA
    • GOOGLE INOVANDO NA ELEIÇÃO
    • VÊ QUEM QUER, NA HORA QUE QUER. HORÁRIO POLÍTICO DIGITAL
    • É importante que a equipe do candidato esteja em total sincronia com a equipe digital . É importante dar a mesma importância ao on-line que se dar ao trabalho off-line. Para isso, aconselho um breve treinamento. #crossmediawork integração entre as equipes de trabalho. Off/On. TREINAMENTO DA EQUIPE DE APOIO
    • É necessário ir além de criar simples perfis em mídias sociais é preciso ser estratégico. Os amigos dos perfis devem ser adicionados estrategicamente e de maneira segmentada, seja por região, seja por faixa etária ou baseado nos projetos do candidato. CRIAÇÃO DE PERFIS DE FORMA ESTRATÉGICA
    • @kadu_fernandiz Condeno a compra de profiles para inflar seguidores. Quantidade nem sempre é qualidade. Crie backgrounds a partir da identidade visual do site do candidato e padronize nas redes e nos anúncios que compartilharem. IDENTIDADE VISUAL
    • Fonte: Blog Dormiu Fale para quem quer ouvir. Entre e participe de comunidades ligadas ao segmento do candidato. Comunidades compartilham interesses em comum. COMUNIDADES
    • Crie uma página e comunidade oficial para o candidato , onde terá todas as informações sobre o mesmo, todas as formas de contato possíveis, diretas, e interação através de conteúdo e discussão nos fóruns, linkando ao site e as outras redes sociais. A depender do perfil do candidato, comunidade no Orkut e páginas no Facebook pode ser uma boa dica. COMUNIDADE / PÁGINA OFICIAL
    • @happymoon Um candidato não pode fingir que não ouviu uma crítica/reclamação Defina um texto base para criação dos perfis , porém cada um utilizando uma linguagem de acordo com o tipo de rede social e público. TEXTO BASE - PERFIS E COMUNIDADES
    • Estude os projetos do candidato e se infiltre nas redes sociais segmentadas de forma antropológica a fim de conversar e disseminar aquela idéia de forma direcionada. SEGMENTAÇÃO DAS MÍDIAS SOCIAIS
    • POLITIC GAMES
    • Faça uma rede social oficial do candidato, ou transforme o próprio site dele em uma rede . Procure reunir todas as pessoas que apóiam o candidato e querem conhecer seus projetos, conversar, e trocar ideias. É importante movimentar e estimular a participação. Dê aos eleitores ferramentas de divulgação da sua campanha e transforme-os em voluntários. REDE OFICIAL PARA MOBILIZAÇÃO
    • MOBILIZAÇÃO DA MARINA
    • MOBILIZAÇÃO DO SERRA
    • MOBILIZAÇÃO DA DILMA
    • E ATÉ DO LULA
    • Apresente mensalmente relatórios detalhados de todo trabalho que está sendo feito. Use esses dados com inteligência e de forma estratégica. MONITORAMENTO - MENSURAÇÃO – RELATÓRIOS
    • ANÁLISE DE SENTIMENTOS O HOMEM É INSUBSTITUÍVEL MAS EXPERIMENTE!
    • REPUTAÇÃO E OPINIÕES
    • ANÁLISE DE SENTIMENTO: OUTRAS OPÇÕES
    • ACESSE E DÊ SEU VOTO. E SE A ELEIÇÃO FOSSE NO TWITTER?
    • UMA ESPÉCIE DE TWITELEITORAL
    • UM VOTE NA WEB, POR EXEMPLO
    • DE QUALQUER FORMA, NÃO VENDA SEU VOTO
    • Nada vai morrer, nada vai acabar, tudo vai se transformar e interagir. Crossmedia. TV AINDA É A MAIOR. QUAL O PROBLEMA?
    • Aquele botão VERDE, na urna eletrônica, está escrito CONFIRMA e não DANE-SE. Pense bem antes de votar. A Responsabilidade é sua. A DICA ESTÁ NA TELA: FIM. MUITO CUIDADO COM O BOTÃO VERDE
    • VAMOS CONVERSAR?
    • Gabriel Leite – CEO Mentes Digitais Publicitário, Pós Graduando em Marketing Digital www.meadiciona.com.br/gabrieleite @Gabrieleite