• Save
Oceanos
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Oceanos

on

  • 821 views

 

Statistics

Views

Total Views
821
Views on SlideShare
821
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft Word

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Oceanos Document Transcript

  • 1. Escola Básica Padre José Rota Geografia Os oceanos e mares: Um património em risco.Por: António Fernandes, Francisco, Armando Rodrigues Abril 2012
  • 2. Índice: I-Introdução. II-Identificação de problemas ambientais. 1-Derramação de petróleo e pesca ilegal. 3-Analisar problemas e como poder resolve-los. 4-Perceber a vulnerabilidade da Terra face á intervenção do Homem.III-Perceber as diferentes atitudes face á gestão do ambiente no diferente nível de desenvolvimento. IV-Reconhecimento da necessidade de haver um esforço comum na preservação e gestão do ambiente, fazendo-o com uma mudança de mentalidade. V-Opinião própria. VI-Bibliografia.
  • 3. Introdução: Neste trabalho iremos falar sobre factores que afectam o ambiente neste caso os oceanos, coisas que acabam por nos afectar a nós também.Decidimos fazer este trabalho sobre os oceanos pois pensámos que havia necessidade de chamar as pessoas á atenção para o que está a acontece, algo que vão descobrir neste trabalho.O que se pretende mostrar é que o nosso mundo está a ser mal tratado e que algo tem de ser feito para poder diminuir, ou diminuir este assassinato á terra. Resolvemos começar por mostrar-vos que tipos de problemas vamos falar neste trabalho. Iremos falar sobre o derramamento de petróleo em primeiro lugar. Este fenómeno acontece muitas vezes por ano e sempre que isto acontece nunca é em pouca quantidade, pois sempre que petróleo é derramado nos oceanos e mares, são sempre milhares de Litros deitados ás águas.Isto pode acontecer em várias situações, comopor exemplo um barco tem um acidente e logo milhares de Litros de petróleo deitados aos oceanos/mares,
  • 4. Pois até as unidades de limpeza especializada chegar ao local para poder limpar já está maior parte espalhado pelos oceanos e mares.O mesmo acontece com as petrolíferas instaladas nos oceanos mas estas cada vez que rebentam conseguem fazer mais estragos que um navio.E no que é que isto tudo resulta, os derramamentos de petróleo resultam em mortesde milhões de animais marinhos, o que quem sabe ainda nos pode vir parar ao prato, porque sem fiscalização é muito possível que alguns animais contaminados possam ser vendidos. E com isto entra a pesca ilegal. A pesca ilegal é um pouco mais diferente pois não faz tantos estragos tão depressa como um derramamento de petróleo. Existem vários tipos de pesca ilegal, tais como pescar com redes de pesca proibidas. Mas o que são as redes de pesca proibidas? Redes de pesca que são mais enriçadas este tipo de redes são proibidas devido ao facto de que conseguem apanhar peixe mas novo, peixe que não se desenvolveu tempo suficiente para se poder reproduzir, mas mesmo assim existe muita pescailegal, mas mesmo com a polícia costeira este fenómenos continua a acontecer e não é em pouca quantidade. Quantidade de litros de petróleo derramado:
  • 5. Pouco e pouco poderá acontecer o que nós mais conhecemos, a extinção de alguns peixes. Mas estes não são os únicos factores que estão a destruir os nossos mares e oceanostal como o resto da Terra, pois existem outros como o buraco na camada de ozono que provoca o aquecimento global, o que poderá acabar em cheias e destruições de várias cidades perto das costas; Mas este factor será algo aprofundado por outro colega. O que se pode fazer acerca destes fenómenos.Enquanto á poluição marinha por petróleo eu acho que é uma consequência quase inevitáveldevido à crescente demanda de energia requerida pela nossa civilização.O transporte de elevados volumes de petróleo, a extracção de petróleo em bacias marítimas eas actividades associadas contribuem com os derrames de petróleo no mar, de formasistemática ou acidental, provocando impactos ambientais de grandes proporções com altocusto de limpeza, custos legais, multas etc. Atitudes por PD:Os PD não mostram qualquer empenho em mudar o que está mal pois o que está aacontecer é algo que dá muito dinheiro, neste caso o petróleo, e não vemos porque éque alguém haveria de abdicar do seu negócio de milhões para preservar a natureza. Quanto aos PED:Bem já com os PED como podem calcular são países que gostam de preservá-la poisvivem maior parte da natureza. Estes também estão contra isto pois grandes partesdestas petrolíferas situam-se em regiões de PED.Zonas por Ex: Golfo do México, África do Sul
  • 6. Opinião própria: Achamos que pelo menos nas petroleiras nos oceanos deviam reforçar a segurança ao máximo pois cada vez que á uma quebra são milhões de seres vivos intoxicados; Algo que também poderá chagar a terra o que acontece algumas vezes o que vai também intoxicar-nos a nós o que pode vir a trazer problemas de saúde e quem sabe, a morte… Conclusão:Podemos concluir que a Terra está a ser danificada ao max. E que só uma pequenaporção da população mundial se está a preocupar para mudar algo e esta pequena porção de população não vai conseguir mudar nada sozinha.Posso também concluir que problemas piores viram com este ataque que estamos a fazer á Terra. Bibliografia: http://pt.euronews.com/tag/derrame-de-petroleo