3 Os Centros Urbanos

6,752 views

Published on

0 Comments
5 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
6,752
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
156
Actions
Shares
0
Downloads
56
Comments
0
Likes
5
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

3 Os Centros Urbanos

  1. 1. Cidades — cada vez mais e maiores!
  2. 2. O Mundo está a tornar-se o planeta das cidades. Algumas maiores e mais povoadas que certos países! • Formas de povoamento • A taxa de urbanização no Mundo • Evolução da taxa de urbanização • Localização das principais aglomerações urbanas
  3. 3. O aumento do número e do tamanho das cidades é um fenómeno generalizado a nível mundial: – elevados valores da taxa de urbanização * – grande número de cidades de enormes dimensões. * Taxa de urbanização: percentagem de população urbana em relação à população total. Calcula-se utilizando a seguinte fórmula:
  4. 4. O número de cidades e a sua dimensão têm crescido consideravelmente. Se, em 1950, apenas Nova Iorque e Londres tinham mais de 10 milhões de habitantes, actualmente esse número aproxima-se das duas dezenas e tende a aumentar.
  5. 5. Cidades com mais de 1 milhão de habitantes
  6. 6. A urbanização em 2000
  7. 7. São várias as razões que contribuem para este movimento de urbanização (concentração de população nas cidades): – o êxodo rural (principalmente nos países em desenvolvimento); – o forte crescimento natural (nos países em desenvolvimento); – a concentração espacial das actividades, resultante da industrialização e da terciarização do espaço urbano.
  8. 8. A grande concentração de população na cidade pode torná-la menos atractiva, e fazer com que: • diminua a vinda de população das áreas rurais e algumas pessoas troquem a cidade pelo campo — êxodo urbano; • cada vez mais pessoas se fixem nas áreas rurais, embora continuem a trabalhar na cidade.
  9. 9. Evolução da população urbana (população que vive nas cidades ou centros urbanos, incluindo as áreas metropolitanas) em países com diferentes níveis de desenvolvimento:
  10. 10. • nos países desenvolvidos, onde se sentiram mais cedo os inconvenientes das grandes cidades => ritmo de crescimento mais lento (ritmo do crescimento natural); • nos países em desenvolvimento, de urbanização mais recente => ritmo acelerado (crescimento natural mais elevado e continua a chegar à cidade gente vinda do campo).
  11. 11. Esta diferença na evolução recente dos dois grupos de países não foi ainda suficiente para equilibrar os valores das taxas de urbanização, uma vez que: • as mais elevadas predominam ainda nos países desenvolvidos; • as mais baixas encontram-se todas nos países em desenvolvimento.

×