• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Marx e Durkheim
 

Marx e Durkheim

on

  • 24,690 views

material elaborado como revisão de matéria para os alunos no primeiro ano do Ensino Médio.

material elaborado como revisão de matéria para os alunos no primeiro ano do Ensino Médio.

Statistics

Views

Total Views
24,690
Views on SlideShare
24,283
Embed Views
407

Actions

Likes
3
Downloads
519
Comments
0

6 Embeds 407

http://mariacristinaeduc.blogspot.com.br 285
http://mariacristinaeduc.blogspot.com 96
http://www.mariacristinaeduc.blogspot.com.br 16
http://www.mariacristinaeduc.blogspot.com 6
http://mariacristinaeduc.blogspot.pt 3
http://www.google.com 1

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Marx e Durkheim Marx e Durkheim Presentation Transcript

    • KARL MARX EMILE DURKHEIM Maria Cristina Bortolozo mcristinalistas@yahoo.com.br
    • A SOCIOLOGIA DE KARL MARXQuestões fundamentais:-Materialismo Histórico;- Alienação da produção;- Modo de produção
    • KARL MARX Preocupação: compreensão do capitalismo com o objetivo de alcançar a transformação política, econômica e social. Apontou as contradições existentes na sociedade capitalista e as possibilidades de superação destas contradições, por isso, suas obras tiveram grande impacto nos movimentos revolucionários a partir do sécuo XIX.
    • MARX - INFLUÊNCIAS Dialética de Hegel. Correntes socialistas francesas e inglesas do século XIX (denominadas por ele como utópicas – veja o livro “Do Socialismo Utópico ao Socialismo Científico: Saint- Simon, Fourier e Robert Owen. Marx criticou os economistas clássicos (liberalismo): Adam Smith e David Ricardo.
    • PENSAMENTO DIALÉTICOTese Síntese Antítese
    • PARA MARX: não há harmonia entre os grupos que formam uma sociedade. Eles estão sempre em confronto: sociedade é campo de luta. Partiu de uma análise histórica e percebeu que o confronto sempre ocorreu em diferentes grupos ao longo da história: “A história de todas as sociedades que existiram até hoje é a história da luta de classes.” (Manifesto do Partido Comunista) na sociedade capitalista, o conflito ocorre entre a classe burguesa e a classe proletária (trabalhadores).
    • MATERIALISMO HISTÓRICO desenvolveu uma teoria e método de análise - Forças materialismo histórico – para Produtivas explicar qualquer forma produtiva criada pelo homem. Suas pesquisas apontam: Produção as estruturas das sociedades Social refletem a forma como os homens organizam a Relações produção social de bens. de Produção
    • NO MATERIALISMO HISTÓRICO: Forças Produtivas Relações de Produção Condições materiais para a  Como os homens se produção: organizam para executar a atividade produtiva: são- Objetos (matérias-primas); diversas as maneiras pelas- Instrumentos (ferramentas); quais são apropriados e- Homem (trabalhador). distribuídos os elementos envolvidos no processo produtivo.  cooperativistas, escravistas, servis ou capitalistas.
    • MODOS DE PRODUÇÃO A forma qual as forças produtivas e as relações de produção existem e são reproduzidas numa determinada sociedade: Modos de produção = sistema comunal primitivo, modo de produção asiático, modo de produção escravista, modo de produção feudal e modo de produção capitalista.A superação do capitalismo e dos problemas sócio-econômicos gerados por ele somente seria possívelpor meio de uma revolução proletária que eliminaria omodo de produção capitalista.
    • ALIENAÇÃO DO TRABALHO Marx desenvolveu o conceito de alienação (assista ao filme “Tempos Modernos”, de Charlie Chaplin); os trabalhadores assalariados (proletariado) são alienados dos meios de produção e do produto de seu trabalho: meios de produção e o produto do trabalho do operéio são propriedades privadas do capitalista (burguês); a alienação do trabalhador também ocorre na participação política, porque o Estado apenas atende aos interesses das classes dominantes; a divisão do trabalho resultante do modo de produção capitalista aprofunda a alienação da classe trabalhadora.
    • IDEOLOGIA PARA MARXPara manter a submissão é preciso governar aalma, neste sentido o papel da ideologia éfundamental: Ideologia é o conjunto de ideias falsas destinadas a esconder a realidade social, encobrir as relações de dominação e exploração que são submetidas as camadas subalternas da sociedade. Ideologia também pode ser entendida como a visão de mundo de determinada classe social, sociedade ou período histórico.
    • FRASES DE MARX Não é a consciência do homem que lhe determina o ser, mas, ao contrário, o seu ser social que lhe determina a consciência; O dinheiro é a essência alienada do trabalho e da existência do homem; a essência domina-o e ele adora- a; As idéias dominantes numa época nunca passaram das idéias da classe dominante; De cada um, de acordo com suas habilidades, a cada um, de acordo com suas necessidades.
    • A SOCIOLOGIA DE DURKHEIMÉ fundamental compreender:-Fato Social;- Métodos da Sociologia
    • EMILE DURKHEIM Nasceu na França em 1858 e morreu em 1917. Principais obras: As Regras do Método Sociológico Da Divisão do Trabalho e O Suicídio. Tanto quanto Marx, Durkheim viveu em um período de profundas transformações políticas, econômicas e sociais.
    • OBJETOS DA SOCIOLOGIAOs conturbados séculos XVIII e XIX fizeram com que, como Comte, que criou o termo “Sociologia”, Durkheim se preocupava com a questão da ordem na sociedade; Não concordava com Marx. Para Durkheim a crise vivenciada pela Europa tinham raízes na fragilidade moral da época. Era papel da Sociologia encontrar soluções para os problemas sociais, restabelecendo a normalidade social anterior.
    • MÉTODO SOCIOLÓGICOo sociólogo deveria mostrar-se neutro frente aos fatos que analisa e ser objetivo; Baseava-se nas ciências naturais, ou da natureza, e defendia o distanciamento entre o sociólogo e o objeto de estudo, o qual deveria ser visto como coisa.
    • OBJETO DE ESTUDO DA SOCIOLOGIA fatos sociais. fato social: "toda maneira de fazer, fixada ou não, suscetível de exercer sobre o indivíduo uma coerção exterior". fato social: os modos de pensar, sentir e agir de um grupo, que mesmo sendo exteriores, são inconscientemente aceitos pelo indivíduo como parte de si. fatos sociais: normas de como se vestir ou se portar em público, a língua, a religião, instituições como a família e a escola.
    • CARACTERÍSTICAS DOS FATOS SOCIAIS- Generalidade – é encontrado a todos os membros do grupo ou à sua grande maioria dos grupos sociais (casamento, educação, leis).- Exterioridade - o fato social é externo ao indivíduo, existe independentemente de sua vontade.- Coercitividade - os indivíduos são pressionados a seguir o comportamento estabelecido.