• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Logistica aplicada ao e-business - aula 1 - turma 01 e 02
 

Logistica aplicada ao e-business - aula 1 - turma 01 e 02

on

  • 3,511 views

Slides da 1ª aula de Logistica aplicada ao e-business, ministrada para a 1ª e 2ª turma do MBA em Marketing Digital e Gestão de Projetos Web da Faculdade Pitágoras de Londrina em 26/05/2012.

Slides da 1ª aula de Logistica aplicada ao e-business, ministrada para a 1ª e 2ª turma do MBA em Marketing Digital e Gestão de Projetos Web da Faculdade Pitágoras de Londrina em 26/05/2012.

Statistics

Views

Total Views
3,511
Views on SlideShare
3,511
Embed Views
0

Actions

Likes
6
Downloads
0
Comments
1

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel

11 of 1 previous next

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Logistica aplicada ao e-business - aula 1 - turma 01 e 02 Logistica aplicada ao e-business - aula 1 - turma 01 e 02 Presentation Transcript

    • Logística Aplicada ao e-business Willian Costa Aula 1 26/05/2012
    • Conteúdo Programático1. Conceitos de Logística2. Planejamento, organização e controle de sistemas logísticos3. Estratégias de distribuição4. Sistemas de transporte4.1 Frota própria4.2 Transportadora4.3 Correios (E-sedex e outros tipos de sistemas de encomendas)# Cases (B2W)5. Bitributação e guerra fiscal entre os estados6. Gestão de Compras e Fornecedores7. Gestão de estoques8. Cauda Longa
    • Conceitos deLOGÍSTICA APLICADA AOE-COMMERCE
    • Logística• Planejamento• Execução – Produto, matéria-prima, material parcialmente acabado• Recebimento• Informação• Armazenagem• Envio/Distribuição• Tempo vs. Espaço
    • Logística & E-commerce• Diferente da logística do “O cumprimento de mercado tradicional prazos e o tratamento• Loja virtual: dado ao cliente são os – Precisão pontos que os – Velocidade consumidores mais – Respostas rápidas observam em lojas – Frete Grátis virtuais” – Pós-venda de alto nível (e-commerce brasil) (suporte: Atendimento) – RMA/Garantia – Troca (processo rentável)
    • Não prometa o que vocênão pode cumprir• Regras claras de Frete Grátis• Fenômenos sazonais• Informações sobre previsões de entrega são essenciais. Defina: – Abrangência de entrega • Custos, procedimentos fiscais • Produtos perecíveis?! – Prestadores de serviços de entrega • Manuseio do produto • Políticas de entrega e logística reversa
    • Supply Chain• Gestão da cadeia de fluxo de suprimentos, desde o recebimento até a entrega dos produtos, passando por toda a armazenagem e distribuição, além de auxílio nos fluxos de equipamentos e pessoas – Planejamento, organização e controle de sistemas logísticos – Estratégias de distribuição
    • FLUXO Planejamento, Estratégias de • Centro de organização e controle distribuição de sistemas logísticosInfreaestrutura Capacidade deProduto Armazenagem Distribuição • Layout e Recebimento Conferência Input (ERP) Cadastro e classificações fiscais arquitetura Código do produto WMS WMS Código de barras EAN Armazenagem • localizaçãoVenda Integração: Plataforma vs. ERP AlocaçãoProcedimentos financeiros Análise de risco Confirmação de pagamentoSeparação & Faturamento Picking List Picking (coleta) Faturamento (NF-e) Packing List (presente?) • Frete & Packing (embalagem)Expedição Posting (envio)DistribuiçãoAcompanhamento Serviços de entrega Frete Grátis Tracking Entrega EfetuadaPós-venda AtendimentoLogística Reversa Desistência Troca Vício/Garantia (estoque)
    • Planejamento• Centro de Distribuição • Natureza do CD – Estoques (inventários) – Próprio exclusivo para e- • Geral commerce • Frações – Próprio compartilhado: • Reservas/Alocações operação multicanal • Perecíveis – Produtos Perecíveis • Devoluções – Terceirizado – Avaliação – Consignado – Troca – Produto virtual – Garantia (Serviços) – RMA – Layout e Arquitetura – Localização
    • Operadores Logísticos eEstoquesOperadores LogísticosSetores (próprios ou terceirizados) responsáveis pelaarmazenagem e distribuição do sortimento. Armazenam edistribuem os produtos conforme seu perfil, o escopo dascategorias do e-commerce e a amplitude geográfica dedistribuição.Estoque próprioEstoque dedicado para o canal de vendas e-Commerce, que éo modelo mais adequado para segurança da operação. Estaoperação pode tanto ser realizada pelo próprio lojista,quanto terceirizada para uma empresa especializada.Estoque compartilhadoEstoque híbrido, compartilhado em lojas multicanal (on-line efísico). Geralmente, adota-se o estoque mínimo comomedida de segurança para alocação de produtos.
    • Natureza dos CDsNatureza Vantagens Desvantagens ExemploPróprio exclusivo para Alocação Espaçoe-commerce Flexibilidade de ofertas Compra e reposição ($)Próprio híbrido, para Disponibilidade para envio Alocaçãooperação multicanal Sortimento Compra e reposição ($)Produtos Perecíveis Legislação Disponibilidade para envio Produção sob demanda Trocas e perdasTerceirizado Não há Compra e reposição ($) Falta de controleConsignado Não há Compra e reposição ($) Falta de controle Produtos de menor giroProduto virtual Espaço Tangibilidade(Serviços)
    • CDs Próprios & Terceirizados• PRÓPRIOS • TERCEIRIZADOS – Vantagens – Vantagens • Estrutura e Operação • Custo de manutenção • Qualidade de serviços • Treinamento de equipe • Flexibilidade • Plano de Crescimento – Desvantagens – Desvantagens • Custo de manutenção • Menor Lucratividade • Plano de crescimento • Pouco conhecimento do • Segurança mercado e do produto • Depreciação de • Fluidez de entrega equipamentos (throughput posting) • Integração com ERP
    • Layout de um CD1. Recebimento e conferência 7. Put away2. Input (ERP) > EAN 8. Picking3. Estoques principais 9. Packing4. Estoque de frações (Gaiola) 10. Posting5. Estoques secundários (Grades) 11. Laboratório de análise de vícios6. Estoque de Vícios, RMA e Garantia
    • Produtos e Stock Keeping Unit (SKU)Stock Keeping Unit (SKU) significa aunidade de manutenção estocável. Aexpressão representa especificaçõesdo produto: tamanho, cor, modelo.Cada SKU possui um código deidentificação específico. A leituradesse código pode ser óptica, pormeio do código de barras. A Código do Produtocatalogação no momento dorecebimento pode identificar pelo TamanhoEAN o local mais apropriado para a Corarmazenagem desse produto.
    • Armazenagem & DistribuiçãoARMAZENAGEM• Recebimento• Conferência• Armazenamento (put away)• Conservação• Picking (coleta)#ALGUNS PRODUTOS TÊMDEMANDA SAZONAL#
    • Warehouse Management Systemou Sistema WMS• Mapeamento EAN • Rotação do Estoque• Grade e cubagem de produtos • Put-away em tempo real• Aproveitamento de espaço • Inteligência de picking
    • Cross-DockingOtimização do processo de armazenagem edistribuição”. A mercadoria é recebida eredirecionada para o envio (posting) sem quehaja um armazenamento conciso.O objetivo é diminuir o tempo de permanênciae o custo do produto em estoque.
    • Picking, Packing e Posting• Picking – Separação e conferência dos produtos • São os mesmos comprados? • Têm alguma avaria, violação de embalagem? – Escolha do serviço de entrega – FATURAMENTO
    • Picking, Packing e Posting• Packing – Informações para – Embalagens transportadoras e • Plástico bolha clientes • Lacres – Embrulho para presente • Fitas adesivas – Treinamento da equipe • Etiquetas de postagem http://youtu.be/CYMg2t6T4d8
    • Picking, Packing e Posting• Posting – Envio do produto – Horários de coleta – Etiquetas de destinatário – Escolha do serviço de entrega – Transporte do checkout até o caminhão da transportadora – Tracking (rastreamento)
    • Sistemas deDISTRIBUIÇÃO & TRANSPORTE
    • Distribuição• Serviço próprio – Menor Cobertura – Menor prazo de entrega – Mais especialização• Serviços terceirizados – Maior abrangência – Maior prazo de entrega – Menos especialização • Manuseio dos produtos – Tracking (rastreamento) • Eletronic Data Interchange (EDI)
    • Escolha bem o seu distribuidorPara o cliente, o responsável pela entrega será sempre você!• Abrangência • Políticas da empresa:• Prazos de entrega – Permite acompanhamento por funcionários da loja?• Volume de envios – Tem treinamento, pessoal• Tabela de frete especializado no transporte• Frete cobrado da sua mercadoria? – Pedágio – Como procede em caso de extravio? Reembolso total, – Segunda e terceira tentativa parcial?• Prazos de pagamento – Como procede em caso de – Geralmente, faturamento avarias? para 30 dias
    • Políticas de Frete• Mostre ao cliente quais são: – as políticas de troca e disponibilidade em estoque – os procedimentos de envio• Distribuidores cadastrados por região• Regras de Frete e Frete Grátis da loja – Customize a plataforma para que o cliente possa escolher o serviço de entrega de sua preferência
    • Frete Grátis: decisivo para a venda• Lojas Físicas – Transporte próprio – Não existe a figura do Frete• Mercado norte-americano – Frete grátis é padrão, mas com prazo de entrega bem maior! – Frete cobrado é diferencial, com objetivo de diminuir o prazo.
    • Frete Grátis: decisivo para a vendaComo para ter uma boa política de Frete Grátis?1. Parcerias nas macrorregiões (sazonalmente) – Aumentar volume de envios • Fidelização Lojista > Transportadora – Diminuição de custos2. Valor mínimo para FG – Para toda a loja ou por categorias3. FG em bandeira própria de Cartão de Crédito – Fidelização de clientes
    • Distribuidores• Transporte próprio • Serviços:• Transportadoras • Empresa pública: grande volume de funcionários e risco de Greve
    • Willian CostaGerente de Marketing, Relacionamento e Projetos da lojaMegaMamute.com.br. Jornalista pela Universidade Estadual deLondrina. MBA em Marketing & Vendas pela UniversidadeFederal do Paraná.willian-costa@hotmail.com
    • Logística Aplicada ao e-business Abner Debiasi Aula 1 26/05/2012
    • Conteúdo Programático1. Conceitos de Logistica2. Planejamento, organização e controle de sistemas logísticos3. Estratégias de distribuição4. Sistemas de transporte4.1 Frota própria4.2 Transportadora4.3 Correios (E-sedex e outros tipos de sistemas de encomendas)5. Bitributação e guerra fiscal entre os estados6. Gestão de Compras e Fornecedores7. Gestão de estoques8. Cauda Longa
    • 1 Gestão de PRODUTOS
    • Gestão de Produtos 1Produto é qualquer coisa que possa ser oferecida aum mercado para atenção, aquisição, uso ouconsumo, e que possa satisfazer a um desejo ounecessidade.O produto é o primeiro elemento do CompostoMercadológico: todos os demais componentesdependem do estudo e conhecimento do produto
    • Gestão de Produtos 1 Ciclo de Vida do Produto
    • Gestão de Produtos 1 Ciclo de Vida do Produto Reposicionamento
    • Gestão de Produtos 1 Ciclo de Vida do Produto
    • Gestão de Produtos 1Gerir de Produtos…• Identificar oportunidades• Lançar produtos no mercado• Acompanhar o desempenho• Desacelerar produtos
    • Gestão de Produtos 1Gerir de Produtos…• Se comunicar com os consumidores• Gerenciar os ganhos e perdas• Potencializar o desempenho• Prover valores
    • Gestão de Produtos 1 desenvolvimentoexperiência do usuário preço promoção informação vendas serviço ao cliente
    • Gestão de Produtos 1SKU – Stock Keeping UnitDegsina os diferentes itens do estoque,qualquer diferença (cor, tamanho) representaum SKU.CategoriasConjunto de produtos semelhantes ourelacionados entre si.
    • Gestão de Produtos 1Classificação de mercadoriasDegsina a importância/demanda do produtopara cada linha de produtos.Por exemplo:Lançamentos, sazonais, evento, básica.
    • 2 Gestão de COMPRAS
    • Gestão de Compras e Fornecedores 2Gestão de Compras…• Planejamento de Estoques• Planejamento de Vendas ou Metas• Planejamento de Compras
    • Gestão de Compras e Fornecedores 2Prospecção de FornecedoresOnde e como encontrá-los?
    • Gestão de Compras e Fornecedores 2Prospecção de FornecedoresQualifique-os!
    • Gestão de Compras e Fornecedores 2Dinâmicas de compras• Orçamentos de compras• Oportunidades• Liquidações
    • Gestão de Compras e Fornecedores 2Avaliando o desempenho das mercadoriascompradas: A margem brutaAlém dos indicadores de Gestão do Estoque, asmargens brutas determinarão o desempenhodas compras/vendas dos produtos.
    • Gestão de Compras e Fornecedores 2Avaliando o desempenho das mercadoriascompradas: A margem bruta Margem Vendas líquidas – Custo mercadorias Bruta = Vendas líquidas
    • 3 Promoções e PDV
    • Promoções e PDV 3“A velocidade e competitividade dos e-businessexigem constante comunicação entre todos osenvolvidos.
    • Garantir a máxima disponibilidade com o menor estoque possível.
    • Gestão de Estoques ComercialMarketing Estoque Financeiro Garantia
    • Gestão de EstoquesA procura constante pelo equilíbrio entre aoferta e a demanda. Indicadores dedesempenho:• Giro dos estoques• GMROI• Cobertura dos estoques• Nível atendimento
    • Gestão de EstoquesGiro de EstoqueNúmero de vezes em determinado período emque o capital investido em estoque é recuperadoatravés das vendas. Soma das vendas GIRO = Custo do estoque médio no período
    • Gestão de EstoquesGiro de Estoque GIRO = 1Todo o estoque vendido e reposto por produtosnovos. Melhor Maior Giro
    • Gestão de Estoques Qual oGIRO DE ESTOQUE ideal?
    • Gestão de EstoquesGMROIRetorno da margem bruta do investimento emestoque.Indica os produtos com maior contribuição paraa composição geral da margem do negócio.
    • Gestão de EstoquesGMROI GMROI = MARGEM (%) x GIROPor exemplo:Produto X gerou R$ 200,00 em faturamento e lucro deR$ 50,00 R$ 50,00 / R$ 200,00 = margem de 25%
    • Gestão de EstoquesGMROI GMROI = 25% x GIROProduto X gerou R$ 200,00 em faturamento e oestoque médio de R$ 120,00 R$ 200,00 / R$ 120,00 = 1,6 de giro
    • Gestão de EstoquesGMROI GMROI = Margem 25% x Giro 1,6 = GMROI 40%Quando o GMROI é avaliado em toda a operação,permite descobrir os produtos com melhor performance.Servindo como fator indicativo e avaliatório.
    • Gestão de EstoquesCobertura dos EstoquesPor quanto tempo seu estoque atenderá suasvendas.- O estoque permitirá o atingimento de metas- Quanto comprar- Fluxo de caixa necessário
    • Gestão de EstoquesCobertura dos EstoquesImportante avaliar o giro, valor em estoque eresultados pretendidos.Coberturados Estoques = Estoque x GIRO Meta Pretendida Tempo de Estoque
    • Gestão de EstoquesNível de atendimentoAvaliar a quantidade de vendas perdidas pelafalta de produtos em estoque.Existem diversas formulas e diferentesinformações para avaliar o nível de atendimento
    • Gestão de EstoquesNível de atendimentoDe todos os itens disponíveis, qual aabrangência do teu estoque. Itens à venda x dias CURVA = Total de itens x dias /100
    • Gestão de EstoquesNível de atendimentoCalcular o valor das vendas perdidas por falta deestoque. Vendas Preço de Venda Produtos em falta x Falta (dias) Perdidas = X média da demanda diária
    • Gestão de EstoquesDescomplicando oESTOQUE
    • Gestão de Estoques • Ciclo de Estoque ReposiçãoEstoque Período de Consumo
    • Gestão de Estoques • Estoque Mínimo ou de SegurançaEstoque Estoque Mínimo
    • Gestão de Estoques• Estoque Máximo – Curva ABC – Demanda passada – Oportunidade – Cobertura de estoque
    • Gestão de Estoques • Ponto de Pedido Ponto de PedidoEstoque Estoque Mínimo Tempo de Atendimento
    • Gestão de Estoques• Estratégias de reabastecimento – Baseadas em Demanda Passada: PR = DM x TR + ES Onde PR = Estoque mínimo – ponto de reposição DM = Demanda diária TR = Tempo de entrega (em dias) ES = Estoque de Segurança (trocas, erros)
    • Gestão de Estoques• Estratégias de reabastecimento – Reposição Sazonal – Ponto de Reposição
    • Gestão de Estoques• Previsão de Estoque – Informações quantitativas • Influência de propagandas/ações • Evolução das Vendas • Variações por modismos • Variações econômicas – Informações qualitativas • Pesquisas de mercado • Opinião dos envolvidos
    • Gestão de Estoques• Alguns modelos de Estoque – In-house – Consignado – Drop Shipping
    • Gestão de Estoques• Custos – Custo de armazenagem / Desvalorização – Oportunidades – Custo de falta de estoque (stockout cost) – RMA
    • Gestão de Estoques• Critérios de avaliação de estoques – FIFO (First-in, first-out) Primeiros a entrar, são os primeiros a sair – Preço médio ponderado – Custo Padrão
    • Abner DebiasiPublicitário por formação,product guy por vocação.aedebiasi@gmail.com@abnerdebiasiabout.me/abnerdebiasi