Páginas 09 e 10 Novembro | 2010 | Ano VII | Nº 91           www.anoticiadovale.com                                        ...
02                   Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com         EDITORIAL ...
Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com                                        ...
04                    Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com      SegurançaSeg...
Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com                                        ...
06              Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com     CivismoEducação e C...
Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com                                        ...
08                     Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com      SaúdeLançad...
Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com                                        ...
10                    Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.comLuiz Washington, a...
Jornal novembro 2010
Jornal novembro 2010
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Jornal novembro 2010

714

Published on

Jornal de Novenbro

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
714
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Jornal novembro 2010

  1. 1. Páginas 09 e 10 Novembro | 2010 | Ano VII | Nº 91 www.anoticiadovale.com R$ 1,50Sobradinho discute Segurança PúblicaAudiência na Câmara mobilizou instituições e comunidadeSegurança Pública foi o TCM aprova as con-tema da audiência rea- tas do prefeito Genil-lizada dia 12, no plená-rio da Câmara Munici- son Silvapal de Sobradinho. O [+] Página 05evento foi fruto de umrequerimento do Vere-ador Jarques Canturilmotivado pelo alto ín-dice de violência quevem crescendo na cida-de. Representantes daspolícias Militar e Civile de segmentos da co-munidade estiverampresentes. Festa da Cebola em Casa Nova reúne grande público [+] Página 04 [+] Página 12 Editorial Zumbi dos novos tempos Cidadãos negros de Casa Nova são homena- geados no I Festival de Artes do Território [+] Página 02 Sertão do São Francisco [+] Página 07 Opinião Livros de Plástico Prefeito de Petrolina Por Luiz Carlos Amorim nomeia membros do [+] Página 02 Conselho Antidrogas O Prefeito de Petrolina, Fanfarra do Paulo VI é finalista do Julio Lossio nomeou os Campeonato Baiano membros que integram o Conselho Municipal Antidrogas (COMAD). [+] Página 06 O decreto determina que este seja formado Maçonaria faz festa em Casa Nova por membros represen- tantes da Sociedade Ci- [+] Página 08 vil e da Sociedade Civil Organizada, bem como de representantes dosDia da Consciência Negra em Juazeiro População negra com Poderes Públicos. carteira assinada foi Conscientização e sensibi- maior em 2009 [+] Página 08 lização marcaram as come- Em 2009 a população morações do Dia da Cons- negra de Salvador con- CURTAS & BOAS ciência Negra, em Juazeiro. quistou melhor posição Alguns vereadores go- A secretaria de Desenvol- vimento e Igualdade Social no mercado de tra- vernistas e de oposição (SEDIS) promoveu uma balho: o número de estão apoiando a candi- manhã de atividades com o carteiras assinadas de datura do vereador Nil- objetivo de valorizar a cul- trabalhadores negros son Barbosa (PTB) à pre- tura negra. O evento teve cresceu de 39,6%, em sidência da Câmara de início no CIAM e finalizou 2008, para 42,1%, no Vereadores. O professor na praça Dr. José Inácio da ano passado. Os da- Nilson de difícil identi- Silva, com apresentações dos são da Pesquisa de ficação política (não se de dança, música e demais manifestações da cultura Emprego e Desempre- sabe se situação ou oposi- africana. go (PED). ção) quer ser presidente... [+] Página 03 [+] Página 05 [+] Página 11
  2. 2. 02 Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com EDITORIAL OpiniãoZumbi dos novos tempos Livros de plástico *Luiz Carlos Amorim qualidade. O custo ain- mais editoras e gráfi- des e editor das Edições A Aprendemos há 30, 40, 50 ou 60 anos atrás, quan- da é um pouco salga- cas se interessem pela ILHA, que publicam as re-do ainda éramos meninos, em escolas tradicionais, E já existe o papel do, mas à medida que novidade, para que vistas Suplemento Literárioherdadas de nossos pais e avós, que a escravidão A ILHA e Mirandum (Con- de plástico. Uma das a produção aumentar, aquele lixo que seria fraria de Quintana), além denegra no Brasil foi extinta, através de uma lei assi- três revistas semanais esse problema deixará jogado fora passe a ser- mais de 50 livros. Editor denada pela princesa Isabel em 13 de maio de 1888. Achamada Lei Áurea, a definitiva, após várias tentati- de informação trou- de existir. vir uma causa nobre e conteúdo do portal PROSA, POESIA & CIA. e autor devas de abolição por movimentos anti-escravagistas, xe matéria a respeito, Então, estamos fren- não fique obstruindo 26 livros de crônicas, contose de aplicação de leis anteriores, como a Lei do Ven- recentemente, muito te a frente com o papel esgotos e bocas de lobo e poemas, três deles publica-tre Livre e a Sexagenários. A princesa Isabel posou interessante, por sinal. do futuro, com o papel quando chove muito, dos no exterior. Colaborador de revistas e jornais no Bra-de “santa”, entrou pra história como “libertadora”, Numa época em que se que não destruirá ár- causando enchentes. sil e exterior – tem trabalhosenquanto o sangue negro de um lutador chamado alardeia o fim do livro vores e conseqüente- Que venha o pa- publicados na Índia, Rússia,Zumbi escorria indigente em resistentes quilombos, impresso em papel, mente não agredirá o pel de plástico e que Grécia, Estados Unidos, Por- tugal, Espanha, Cuba, Ar-e os gemidos de muitos escravos se multiplicavam por causa dos e-rea- meio ambiente. Aliás, conviva harmoniosa- gentina, Uruguai, Inglaterra,em cantos de dor, através de seus tambores, danças ders (leitores eletrôni- pelo contrário: o papel mente com o e-book, Espanha, Itália, Cabo Verdee capoeiras. cos), essa notícia vem de plástico trará bene- com o leitor eletrônico, e outros, e obras traduzidas A partir da metade do século XIX a escravidão para o inglês, espanhol, ben- confirmar que o fim fícios ao meio ambien- pois ele representa um galês, grego, russo, italiano -,no Brasil passou a ser contestada pela Inglaterra. In- de livro tradicional, te, pois utilizará o plás- alento para o livro im- além de colaborar com váriosteressada em ampliar seu mercado consumidor no como conhecido até tico que seria jogado presso, uma garantia a portais de informação e cul-Brasil e no mundo, o Parlamento Inglês aprovou a agora, está bem longe. na natureza, onde leva mais de sobrevida. E é tura na Internet, como Rio Total, Telescópio, Cronó-Lei Bill Aberdeen (1845), que proibia o tráfico de es- Ele pode até concor- muito tempo para se mais durável, não ras- pios, Alla de Cuervo, Usinacravos, dando o poder aos ingleses de abordarem e rer com o livro digital, decompor. ga, é mais resistente: é de Letras, etc.aprisionarem navios de países que faziam esta prá- mas sempre terá o seu Vamos, daqui por o papel do futuro. Me- O autor assina, também,tica. lugar. diante, procurar dar o Blog CRÔNICA DO DIA, nos lixo, mais livros: a em http://luizcarlosamorim. Em 1850, o Brasil cedeu às pressões inglesas e O papel de plástico preferência ao livro equação perfeita para blogspot.comaprovou a Lei Eusébio de Queiróz que acabou com é produzido a partir de que for impresso em cuidarmos melhor doo tráfico negreiro. Em 28 de setembro de 1871 era lixo reciclável, ou seja, papel de plástico, nosso meio ambienteaprovada a Lei do Ventre Livre que dava liberda-de aos filhos de escravos nascidos a partir daquela pacotes, garrafas, po- como já fazíamos com e do futuro, uma coisadata. E no ano de 1885 era promulgada a Lei dos Se- tes de iogurte, etc. A os impressos feitos tão incerta nesses últi-xagenários que garantia liberdade aos escravos com produção ainda é pe- com papel reciclado. mos tempos, por contamais de 60 anos de idade. Somente no final do século quena, mas já existem Que a produção do do nosso descaso comXIX é que a escravidão foi mundialmente proibida. gráficas imprimindo papel de plástico – re- a natureza.Aqui no Brasil, sua abolição se deu em 13 de maio no papel de plástico, sultado do trabalho de que tem semelhança pesquisadores brasi- *Sobre o autor: Luiz Carlosde 1888 com a promulgação da Lei Áurea, feita pela Amorim é Coordenador doPrincesa Isabel. Assim conta a história, pregada reli- com o papel couchê, leiros, diga-se de pas- Grupo Literário A ILHA emgiosamente há décadas, através da grade curricular que evidencia a boa sagem – aumente, que SC, com 30 anos de ativida-das escolas, supervisionadas pelo domínio políticoburguês durante décadas após o fim do século XIX. Nossa Negritude E atualmente ainda disfarçado de cotas em uni-versidades, de perseguição em guetos, através de“bullyings”, entre outras práticas discriminatórias,inclusive institucionais, o racismo ainda é um pro-blema longe de ser erradicado em sua plenitude, *Paulo Carvalho (SPO) e religiosas de sangue sangue da resistência 20 de novembro deporque mexe com a família, com a vaidade, com a negro. Por isso nossa negra ao escravismo 1695.diferença entre classes sociais, com a beleza, e infe- Nós nos sentimos homenagem a todos no Brasil chamado: Nossa homenagemlizmente o país, mesmo com toda sua cultura dis- negros sim, e por que os negros do mundo; Zumbi dos Palmares. a todos os negros doseminada pelos nossos irmãos negros, ainda vive não? A nossa cor é suas crenças, cantos, A data foi transforma- mundo e seus descen-uma segregação diplomática, não só de negros, mas África, Bahia, Brasil; danças, culinária, no da em Dia Nacional dentes.de todo aquele desprovido de influência política ou nossa raça é da cultura VIVA ZUMBI! VIVAapadrinhamento, onde as oportunidades à ascensão mais genuína e de im- “Eu tenho um sonho. O sonho de ver A RESISTÊNCIA NE-social são motivadas por delegações partidárias, ou portância social para meus filhos julgados por sua persona- GRA!cuja capacidade do indivíduo esteja vinculada a um a cultura do mundo.nome de poder do grande mercado de atentado cul- lidade, não pela cor de sua pele”. *escritor e jornalista – Somos negros, pos-tural que é esse país terceiro-mundista. Martin Luther King saulooak@gmail.com suímos a negritude Mas, esquecendo o conteúdo histórico das es- brasileira dos morros, dia de sua maior luta da Consciência Negracolas primárias do passado, e os atentados sociaiscontra a educação, que vemos hoje tão claramente, das vilas e das favelas. pela liberdade de to- pelo Movimento Ne-nossa sociedade tem aprendido outras lições, após Somos olodum, afoxé, dos os nossos irmãos gro Unificado em 1978,atravessar dois séculos de perversidade e ignorân- ogum, yemanjá, axé e de cor. e não foi escolhida aocia. Exemplo disso é o dia 20 de Novembro, data o pai oxalá. O sincre- O dia 20 de novem- acaso, e sim como ho-maior da CONSCIÊNCIA NEGRA, e por que não tismo da Bahia pulsa bro marca todo ano no menagem a Zumbi,dizer da consciência humana? Da consciência de to- em nossas veias, so- calendário da história, líder máximo do Qui-dos nós? Porque estamos nos libertando de um pre- mos filhos do candom- embora muitos des- lombo dos Palmares econceito de séculos de história; libertando-nos de blé e de todas as ma- conheçam a impor- símbolo da resistêncianossas próprias limitações que nos fizeram escravos nifestações folclóricas tância dessa data, o negra, assassinado emde nós mesmos, e por isso deixamos de evoluir. O Zumbi dos novos tempos nasce quando omercado de trabalho e a ascensão social se abremplenamente para os nossos irmãos negros; nasce EXPEDIENTEquando as famílias negras, brancas e índias se abra- Circulação Circulaçãoçam de verdade, respeitando raça e cor; nasce quan- Juazeiro, Petrolina,do a beleza negra não é exótica ou diferente, mas Casa Nova, Remanso,igual à beleza humana de todo homem e de todamulher; nasce quando nossos costumes e cultura nos Pilão Arcado, Sobradinho,são respeitados e admirados como genuína descen- Sento-Sé,Curaçá, Este jornal é produto da empresa A Notícia do Vale. Uauá e outras.dência negra; nasce quando sabemos aceitar e res- Fundado em 15 de maio de 2003.peitar o candomblé como crença e não como cren-dice, porque também é uma religião (o sincretismo Luiz Washington Paulo Carvalho Natália Aguiar - DRT- 3476 Thaís Mariano Valente Gráfica Printpexreligioso na Bahia é exemplo disso), e nasce quan- Diretor Editor Jornalista Responsável Diagramação Gráfica Franciscanado verdadeiramente acreditamos que os negros domundo são “NOSSOS IGUAIS”. Rua das Algarobas, 238 - Centenário - Juazeiro - Bahia - Fone: (74) 3611-1561 Não é de nossa responsabilidade os Site: www.anoticiadovale.com - E-mail: anoticiadovale@hotmail.com textos assinados.
  3. 3. Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com 03 JuazeiroDia da Consciência Negra é marcado por atividades de sensibilização Da Redação to teve início no CIAM taria de Promoção da recida Souza. Fotos: Ascom e finalizou na praça Dr. Igualdade da Bahia, se- De acordo com a ge- Conscientização e José Inácio da Silva, cretarias de Educação, rente de Proteção Socialsensibilização marca- com apresentações de Saúde, Cultura, Poder Especial, Marli Carva-ram as comemorações dança, música e demais Legislativo, religiões de lho, o Dia da Consciên-do Dia da Consciência manifestações da cultu- Matriz Africana, Gru- cia Negra, que faz parteNegra, 20, em Juazei- ra africana. pos de Capoeira e Sam- do cronograma de ati-ro. A secretaria de De- Este ano a campa- ba, NAENDA, IDESAB, vidades do “Novembrosenvolvimento e Igual- nha do “Novembro Ne- UNIVASF e UNEB. Negro”, foi pautado emdade Social (SEDIS) gro” trouxe como tema Após a abertura ações voltadas a popu-promoveu uma manhã “Combate ao Racismo e da exposição “As La- lação negra possibili-de atividades com o Promoção da Igualda- vadeiras do Angari”, tando novos olhares,objetivo de valorizar a de”, e foi realizada em no CIAM, os manifes- bem como o reconhe-cultura negra. O even- parceria com a secre- tantes seguiram em cimento e valorização marcha até o centro da destes atores sociais Manifestação da cultura negra foi o ponto alto do “Novembro cidade, onde crianças responsáveis pela cons- Negro” do Programa de Erra- trução e contribuição dicação do Trabalho na formação histórica, Segundo a titular da to velado que ainda res- Infantil (PETI) realiza- cultural, política, eco- SEDIS, Maria José Al- ta. Somos todos iguais, ram apresentações que nômica e social do mu- ves, é importante que se cidadãos que têm direi- emocionaram as pesso- nicípio. “É difícil distin- discuta amplamente o tos, estes resguardados as que passaram pelo guir no Brasil quem é assunto, “acho que con- pela Constituição, que local. “Fiquei surpresa negro, vivemos em um seguimos alcançar nos- fazemos tanta questão com essa movimenta- país miscigenado, lu- so objetivo maior que de honrar. Nossa luta ção e muito feliz de ver tamos pela igualdade, é o de sensibilização. é diária, queremos um crianças aqui, pois elas inclusive de oportuni- Temos o segundo país município mais justo e crescerão tendo a cons- dades. E essa data nos mais negro do mun- que ofereça oportuni- ciência do respeito ao faz lembrar esse tema do, só perdemos para dades para todos”. próximo”, destacou a de forma mais viva”, Nigéria, então não fazDia de mobilização reuniu artistas, educadores e comunidade professora Maria Apa- afirmou a gerente. sentido esse preconcei- Fonte: Ascom/Juazeiroem praça pública PetrolinaPlano de Contingência deve ser lançado em 2011 Da Redação de um Plano de Con- jeto. municipais. Para o Cel. acionar, quando neces- gência está sendo pen- tingência para o muni- O plano consiste Daniel Ferreira, se- sário, os parceiros para sado para ser execu- Com o objetivo de cípio. Neste sentido, a num conjunto de pro- cretário de Segurança trabalhar num plano tado durante os anospreparar o município secretaria realizou dia cedimentos e ações Cidadã é preciso tra- preventivo e de recons- de 2011 e 2012, depoispara situações criti- 17, no Sest/Senat a 5ª preventivas, e conta balhar com a preven- trução”, salienta. deste período devemoscas de desastres como reunião com os par- com o apoio de diver- ção, para que as ações Ainda segundo o fazer uma avaliação daenchentes e desaba- ceiros para determinar sos parceiros como as tenham resultados po- secretário, a apresen- iniciativa e traçar estra-mentos, a secretaria de diretrizes do plano e o polícias Federal e Mili- sitivos. “A segurança tação do plano para a tégias para os próximosSegurança Cidadã de modo como cada enti- tar, Corpo de Bombei- perpassa por todas as sociedade está prevista anos”, destacou.Petrolina está traba- dade poderá contribuir ros, UNIVASF, Chesf, áreas, portanto precisa- para janeiro de 2011.lhando na elaboração com a execução do pro- e todas as secretarias mos estar preparados e “O Plano de Contin- Fonte: Comunicação/Petrolina Casa NovaX Festival de Poesia reúne grande público em Casa Nova Foto: A NotíciaPoetas da região se reencontraram após 04 anos sem o festival Da Redação o processo de triagem bém foi homenageada mais a noite de apresen- foram classificadas 20 com o troféu interpre- tação das concorrentes. Após quatro anos poesias e premiadas na tação a professora Ní- “Estamos supersatisfei-sem a realização do noite de apresentação vea, da cidade de Casa tos com a presença dosFestival de Poesias de as 3 melhores poesias Nova. poetas, dos intérpretes,Casa Nova, poetas do e os 3 melhores intér- Para o poeta Mau- e do público que com-Vale do São Francisco pretes com prêmios em ro Ramalho, do muni- pareceu em massa, in-se reencontraram numa dinheiro, troféus e certi- cípio de Sobradinho, clusive o público ado-noite de sábado, 13, em ficados. que recebeu o primeiro lescente que marcoumais uma edição his- A poesia “NOS prêmio do Festival de presença e viu o quantotórica do evento, mar- TEMPOS DE JUACE- Poesias em três oportu- é belo o poema, o sone-cando no município de MA”, do poeta Mauro nidades, o retorno des- to, a cultura. Foi umaCasa Nova o retorno do Ramalho, do município se evento é um passo surpresa muito grande Poetas da região se reencontram em noite de premiação do X Fes-festival, que segundo a de Sobradinho, ganhou importante para Casa mesmo”, concluiu. tival de Poesiassua nova coordenação, o primeiro prêmio, e o Nova e região. “Pare-o Grupo Teatral Espe- segundo lugar foi para ce que os ares de Casa Resultado Finallho da Vida, veio para Wellington Monteclaro Nova fazem bem, e aficar, agora com o apoio de Juazeiro, com a po- cultura, a poesia estão Poesiado Governo do Estado, esia “PAU-DE-FITA”, de parabéns”, disse.através de seu progra- ganhando também o Segundo Humber- 1º lugar – Nos Tempos da Juacema – Mauro Batista Ramalho – Sobradinhoma de incentivo à cul- primeiro prêmio como vaque Andrade, coor- 2º lugar – Pau-de-Fita – Welington Lima Coelho – Juazeirotura. melhor interpretação. denador do evento, a 3º lugar – A Intensidade das Pequenas Coisas da Vida – Marcos Danilo Ferreira – De acordo com a O festival este ano ho- realização este ano al- Casa Novacoordenação do X Fes- menageou o poeta, can- cançou o objetivo espe-tival de Poesias de Casa tor e compositor, Elmar rado, reunindo muitos InterpretaçãoNova, este ano o even- Herculano, um dos pri- jovens e adolescentesto registrou mais de meiros idealizadores do que compareceram ao 1º lugar – Ramon Raniery/Yuana Louise e Maurício – poema Pau-de-Fita400 poesias inscritas, Festival de Poesias de chamado do Grupo de 2º lugar – João Antônio Pereira – poema Uma Vida que se Vaie mais de 100 poetas Casa Nova, através da Teatro Espelho da Vida, 3º lugar – Juscineia Passos e Denys – poema Vida na Caatingaparticipantes. Durante Casa da Cultura. Tam- abrilhantando ainda
  4. 4. 04 Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com SegurançaSegurança Pública foi tema de audiência em Sobradinho Da Redação sobre os crimes ocor- que segurança públi- do Nonato, também Fotos: A Notícia ridos no município, ca vai além de rou- fizeram uso da palavra Segurança Pública citando aqueles com bos, homicídios, fur- expressando a impor-foi o tema da audiên- grau de ousadia e de- tos e outros crimes. tância e necessidade dacia realizada dia 12, safio às polícias, como “É preciso que todos união entre todos os seg-no plenário da Câ- no caso do roubo na se engajem nessa luta mentos da sociedade.mara Municipal de casa lotérica em fren- mesmo que tenha que O Delegado daSobradinho. O evento te à delegacia. Citou ir a outra instância”. Polícia Civil, Damiãofoi fruto de um reque- também crimes que Destacou também a Gomes Lacerda, mos-rimento do Vereador aconteceram em esco- migração de margi- trou cinco pontos im-Jarques Canturil mo- las, “algo que não se nais de outras cidades portantes que retra-tivado pelo alto índice via em Sobradinho”. para o município e fri- tam a contribuição, ode violência que vem Disse que não estava sou ainda a ousadia contexto e a realidadecrescendo na cidade. ali para acusar ou cul- dos bandidos em cer- da polícia Civil em So-Representantes das par ninguém, e sim tos casos. bradinho. Ele tambémpolícias Militar e Civil “buscar soluções para Os Vereadores Car- apresentou dados a Plenário lotado - população da cidade mostrou-se preocupadae de segmentos da co- diminuir a onda de los Passos, Manoel Mes- respeito de crimesmunidade estiveram medo provocada por sias, Gabriel Lustosa, ocorridos desde que junto com polícias de Juazeiro disse quepresentes. tantos delitos”. Francisco Sales, Geraldo assumiu o cargo, ci- de outras cidades da a segurança pública O autor do reque- Em seguida, o ve- Dantas Filho, presidente tou o Art. 5º da Cons- região. A criação de transcende o fato derimento, o vereador reador Cicinho da da Câmara, e o Chefe tituição Federal que um Conselho Muni- ter mais polícias nasJarques Canturil falou Madecom comentou de Gabinete, Raimun- fala sobre os direitos e cipal de Segurança ruas e nas delegacias. garantias fundamen- Pública também foi “Os jovens de Sobra- tais do cidadão, entre citada pelo delegado. dinho não têm opor- eles a segurança pú- Propôs a instalação tunidade de empre- blica. Explanou sobre de câmaras de vídeos go e na maioria das as obrigações e ativi- em pontos estratégi- vezes são os jovens dades das polícias lo- cos, uma melhor ilu- que cometem os deli- cais e pontuou sobre minação em determi- tos, frisando assim, a o quadro de funcio- nados locais e criação importância da famí- nários da Civil e suas de projetos voltados lia na educação dos dificuldades. aos jovens. filhos”. E concluiu Segundo ele, após O Major Soares da argumentando que dividir as atividades Companhia de Polí- discutir a segurança exercidas, que nem cia de Ações em Caa- pública não é só cul- sempre é de com- tinga discorreu sobre par a estrutura do Es- petência da polícia, a ação da companhia tado e encher as ruas sobra apenas um in- e que vai manter com de polícias, por que vestigador para toda mais freqüência uma só isso não resolveria a população. Finali- guarnição em Sobra- o problema. zou dizendo que vê a dinho. Logo após, o necessidade de uma Major Anselmo Bis- Com informações do Sobra-Geraldo Dantas, presidente da Câmara, acompanhou atentamente a audiência pública força tarefa em con- po da 76ª Companhia dinho Repórter ObrasConstruções e limpezas de aguadas movimentam comunidades de Uauá e Sobradinho Da Redação para os animais e O projeto, finan- e limpezas de agua- Alegre e Serra Verde. período de estiagem. para cultivos de hor- ciado através do Ins- das já contemplaram O técnico do IR- Discutir as viabilida- Atividades de tas e fruteiras nativas. tituto de Gestão das comunidades como: PAA que acompanha des do sertão a partirconstrução e limpeza As ações fazem parte Águas e Clima, do Boa Vista, Quixaba, as comunidades em do acesso as fontes dede aguadas, a maioria do projeto “Agua- Governo do Estado Caldeirão da Ser- Sobradinho, Adilson água, principalmentetipo “Caxios”, uma das” que na região, é da Bahia, pretende ra, Caldeirãozinho, Ribeiro, afirma que os a armazenada da chu-espécie de tanque gerenciado pelo Insti- contribuir para me- e Várzea da Água. barreiros construídos va, a partir do acessoestreito e profundo, tuto Regional da Pe- lhoria da qualidade O mesmo ocorre em no projeto oferecem à terra e das formasmobiliza comunida- quena Agropecuária de vida nas comuni- Sobradinho, onde a condições das famí- apropriadas de pro-des rurais do interior Apropriada – IRPAA, dades retomando e construção de 14 bar- lias armazenarem dução no Semiáridode Uauá e Sobradi- e atende também os aperfeiçoando tecno- reiros e a realização cerca de 600 mil litros faz parte do planonho. Trabalhando em municípios de Juazei- logias de captação e de 11 limpezas ani- de água nessas fontes. metodológico do pro-mutirão as comuni- ro, Sento-Sé, Curaçá, retenção das águas mam as comunidades Água suficiente para jeto “Aguadas”.dades estão empe- Jaguarari e Uauá, be- das chuvas. do Tatauí, Santa Te- o cultivo de hortas,nhadas na garantia neficiando mais de Em Uauá, 25 cons- reza, São João, Santa fruteiras e para os ani- Com informações de Rai-dessas fontes de água 400 famílias rurais. truções de barreiros Maria, Canaã, Campo mais durante todo o mundo Fábio SocialNatal Fest vai movimentar Sobradinho Da Redação nino Arraiá da Sili- Infantil Gente Va- De acordo com a Banda O Back de Sal- estimativa seja de 2 brina, cerca de mil lente irão receber organização, a festa vador e mais sete atra- mil camisas vendidas. O I Natal Fest Be- crianças carentes do brinquedos e brin- será de camisa e re- ções regionais, como “Não serão vendidosneficente realizado município de Sobra- des para realização alizada em dois dias pagode, samba, forró ingressos e as camisaspela Silibrina Produ- dinho. Pastoral da do Natal das crianças (04 e 05/12) na Apos- e música eletrônica. A estão à venda por 30ções irá beneficiar, Criança, APAE e o atendidas pelas enti- chesf e terá como coordenação do even- reais”, lembra a coor-além do Grupo Ju- Centro Educacional dades. atração principal a to disse ainda que a denação.
  5. 5. Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com 05 ContasTCM aprova as contas do prefeito Genilson Silva Thalita Bezerra da responsabilidade vo de muito orgulho e Fotos: Josimar Menezes do prefeito Genilson satisfação. O Tribunal de Barbosa da Silva (PT), “Esse resultado éContas dos Municí- relativas ao exercício a prova que estamospios aprovou as con- de 2009. Para o prefei- com uma administra-tas da prefeitura Mu- to Genilson, a aprova- ção séria e compro-nicipal de Sobradinho, ção das contas é moti- metida na aplicação dos recursos do mu- nicípio. Isso mostra o meu comprometimen- to com o município e o dinheiro público”, afirmou. O prefeito disse ain- da, que a aprovação das contas do município é a junção da responsabi- lidade administrativa com o controle efetivo da sua equipe coor- denada pelo secretá- rio de AdministraçãoPrefeito Genilson Silva: “Esse resultado é a prova que estamoscom uma administração séria e comprometida na aplicação dos e Finanças, Adeilsonrecursos do município” Bezerra da Silva. Sede da Prefeitura Municipal de Sobradinho TransporteSobradinho debate legalização do transporte alternativo Da Redação sensibilizadas diante reuniram com a popu- na cidade. que se comprometeram do pais de família a da forma que vem sen- lação local, dia 20, no Participaram do en- em resolver o proble- uma série de constran- As entidades da do executado o proces- plenário da Câmara de contro diversas lideran- ma. De acordo com gimentos, razão pelasociedade civil orga- so de legalização da Vereadores, para forta- ças políticas, o prefeito as entidades envolvi- qual pedem o apoionizada de Sobradi- Associação dos Trans- lecer a luta em prol do Genilson Barbosa da das, a situação desses da sociedade civil so-nho, preocupadas e portes Alternativos, se transporte alternativo Silva (PT) e vereadores, transportes tem leva- bradinhense. EmpregoPopulação negra com carteira assinada foi maior em 2009 Ascom/Setre prego (PED) que ava- zada em parceria com Fotos: Google liou a participação dos a Secretaria Estadual Em 2009 a popula- negros no mercado de do Trabalho, Empre-ção negra de Salvador trabalho em Salvador, go, Renda e Esportesconquistou melhor po- realizada pela superin- (Setre), o Departa-sição no mercado de tendência de Estudos mento Intersindical detrabalho: o número de Econômicos e Sociais Estatística e Estudoscarteiras assinadas de da Bahia (SEI) /Secre- Socioeconômicos (Die-trabalhadores negros taria de Planejamento ese) e a Fundação Se-cresceu de 39,6%, em e divulgada no dia 18, ade, também revelou2008, para 42,1%, no no Centro Público de que houve aumentoano passado. Os da- Economia Solidária do rendimento mé-dos são da Pesquisa (Cesol), no Comércio. dio mensal para estesde Emprego e Desem- A pesquisa, reali- trabalhadores, saindo Mulheres, principalmente negras, crescem no novo mercado de trabalho de R$ 878,00 para R$ “os números mostram ao eleger a promoção 897,00 por mês. Entre- um avanço na situa- da igualdade de gêne- tanto, apesar deste ga- ção do negro no mer- ro e raça uma priorida- nho, ainda existe uma cado de trabalho com de da Agenda Bahia do grande disparidade sa- a melhora de alguns Trabalho Decente. larial na capital baiana indicadores. Entretan- Entre os dois ana- com relação a gênero e to, é possível constatar lisados, os setores que raça. Enquanto a renda a persistência da dispa- tiveram aumento no nú- média mensal de uma ridade entre negros e mero de trabalhadores mulher negra empre- brancos no mercado de negros são: Comércio, gada é de R$ 741,00, a trabalho, o que eviden- que saiu de 15,8% para dos homens não-ne- cia a necessidade de 16,4% e Construção ci- gros é de R$ 2.042,00. políticas públicas es- vil, de 6,4% para 7,1%. Para a coordena- pecíficas de promoção Nos setores industriais dora executiva da da “igualdade”. Neste e de prestação de servi- Agenda Bahia do sentido, a assessora Pa- ços houve uma pequena Trabalho Decente e trícia Lima reitera a im- retração, de 8,7% para assessora especial da portância de iniciativas 8,3% e de 58,6% paraPesquisa revelou que houve aumento do rendimento médio mensal de trabalhadores negros Setre, Patrícia Lima, do Governo do Estado 58,5%, respectivamente.
  6. 6. 06 Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com CivismoEducação e Civismo marcam Dia da Bandeira em Juazeiro Fotos: Ascom Da Redação sóstomo Lima, as flâ- tius destacou a impor- deira em Juazeiro. “É mulas novas a serem tância do pavilhão. uma satisfação ter os O Dia da Bandei- usadas nos próximos “A Bandeira Nacional festejos de uma datara Nacional foi co- anos. Ainda durante é o símbolo maior de tão importante emmemorado dia 19, a cerimônia, as ban- nossa pátria e nossa nossa cidade, gosta-com uma solenidade deiras consideradas inspiração para tra- ria de agradecer porcívico-militar no Paço inservíveis foram balhar cada vez mais essa aproximação doMunicipal em Juazei- incineradas ao som pelo nosso país”, res- batalhão com o mu-ro, numa parceria da do Hino da Bandei- saltou o tenente. nicípio e por todasPrefeitura com o 72º ra cantado por todo O prefeito Isaac as parcerias já firma-Batalhão de Infanta- o efetivo da Casa do Carvalho agradeceu das”, frisou o prefei-ria Motorizado. Ao Combatente de Ca- pela escolha de come- to.meio-dia, o hastea- atinga, autoridades morar o Dia da Ban-mento do Pavilhão civis e militares e co- Fonte: Comunicação/JuazeiroNacional pelo pre- munidade em geral.feito Isaac Carvalho Ao longo da so-(PCdoB) deu início lenidade pelo Dia daaos festejos. Bandeira, oito Ofi- O evento contou ciais do Exército Bra-com a participação sileiro prestaram ode oito escolas muni- “Compromisso ao 1ºcipais da sede que re- Posto”, e outros seteceberam das mãos do militares foram con-comandante do 72º decorados com me-BI, tenente Helvetius, dalhas. Após fazerdo prefeito Isaac e do um breve histórico dapresidente da Câma- data comemorada, o O hasteamento do Pavilhão Nacional pelo prefeito Isaac Carvalho O evento foi encerrado com o tradicional desfile militar em reverên-ra de Vereadores, Cri- deu início aos festejos comandante Helve- cia à Bandeira Nacional CulturaFanfarra do Paulo VI é finalista do Campeonato Baiano Foto: A Notícia Da Redação e Fanfarras de Concei- do Paulo VI também participe de todas as ção da Feira, sagrou a foi um dos desta- etapas. Estamos mui- A fanfarra do Co- fanfarra campeã e fi- ques do concurso, fe- to preparados, vamoslégio Municipal Pau- nalista do Campeona- chando a planilha de otimistas para a finallo VI, ganhou dia 14 to Baiano, após uma pontuação com nota em dezembro, inclu-mais uma etapa do disputa com fortes máxima. “A fanfarra sive esperando quecampeonato da Liga candidatas ao título, do Paulo VI, é manti- possamos sediar esseCultural de Bandas inclusive com a atual da pela Prefeitura de evento, que ainda nãoMusicais da Bahia (LI- campeã baiana, BA- Juazeiro, através da possui local definido”,CBAMBA). O VII Tor- MAD, de Madre de secretaria de Educa- explicou o coordena-neio Intermunicipal, Deus. ção, e estamos dando dor da fanfarra, Alfre-que correspondeu ao Charles Radson, todo o suporte neces- do Gonçalves FerreiraI Concurso de Bandas A fanfarra sagrou-se campeã e é finalista do Campeonato Baiano, integrante da fanfarra sário para que esta Júnior. após uma disputa com fortes candidatas ao título Trânsito EditalAções da SDS disciplinam Inscrições para concurso de professor seguem abertas até 07 de dezembrotrânsito de Juazeiro A Universidade Química (Bacharela- de Dados, Análise Ascom/Juazeiro tacionamento de veí- a secretaria está dis- Federal do Vale do do ou Licenciatura), de Sistemas, Siste- culos de 45º para ho- ciplinando o trânsito São Francisco (Uni- Química Industrial, mas de Informação, Com o objetivo vasf) lançou dia 16, rizontal (paralelo ao e o estacionamento a Educação Física (Ba- Psicologia, Adminis-de ordenar o trânsito dois editais para meio fio), ficando as- fim de facilitar a vida charelado ou Licen- tração, Contabilida-em Juazeiro, a secre- provimento de 11 sim dos dois lados da dos usuários, sejam ciatura), Agronomia, de, Direito e tambémtaria de Defesa So- vagas de professores avenida. Desta forma veículos e pedestres. Engenharias: Flores- Educação Física.cial (SDS) através da adjunto, assistente tal, Química, Agrí- A titulação exi-Gerência de Trânsito Foto: Ascom e auxiliar. As inscri- cola, Agrícola e Am- gida é relacionadavem realizando na ções seguem abertas biental, Agronômica, com a área a qual ocidade diversas inter- até 07 de dezembro, de Agrimessura, Car- candidato vai con-venções para melho- exclusivamente pela tográfica e Civil. correr. E o valor dasria do tráfego, entre Internet, no endere- Outras áreas de inscrições varia deelas, novos estaciona- ço eletrônico http:// formação profissio- R$ 80,00 a R$170,00.mentos para motos. www.concurso.uni- nal são oferecidas Os Editais podemUma das interven- vasf.edu.br. pelo Edital 35, entre ser consultados noções foi à sinalização O Edital 34 con- as quais, Ciência da site: http://www.das vias na Praça templa diversas Computação, Enge- concurso.univasf.Imaculada Concei- áreas de formação nharia da Computa- edu.br/ção, onde foi criado profissional como ção, Engenharia Elé-estacionamento para Ciências Biológicas, Uma das intervenções foi à sinalização das vias na Praça Imaculada trica, Processamento Fonte: Ascom/Univasfmotos e mudado o es- Conceição, onde foi criado estacionamento para motos
  7. 7. Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com 07 FestivalCidadãos negros de Casa Nova são homenageados no I Festival de Artes do Território Sertão do São Francisco Foto: A Notícia Lidiane Cavalcante de todos nós, casanoven- principalmente no cam- aberto ao público dia 19 ses e brasileiros”, disse po da educação. Duran- e se estendeu até o dia Numa corrente de emocionado. te os agradecimentos, a 21 de novembro. Comvibração que, junto com Itamar Rocha lembra professora cantou emo- o tema: “Cultura Afro-as palmas, os cantos, o que durante o período da cionando o público pre- descendente”, o festivalberimbau, o pandeiro e escravidão, os negros so- sente. “Na Bahia as afri- foi realizado no Pátio deo atabaque, foi iniciada freram inúmeras injusti- canas apresentavam sua Eventos da cidade, coma solenidade de abertura ças. E à custa do seu sofri- cultura, também, através apresentações culturais,do I Festival de Artes do mento nas senzalas, nos do canto, por isso sempre exposições de artesanatoTerritório Sertão do São campos e nas cidades, foi cantei os hinos do nosso e gastronomia regional.Francisco em Casa Nova, erguido tudo o que havia povo”. Segundo o coorde-dia 18, com o grupo de no Brasil daquela época. Participaram do nador de cultura, Lu-capoeira da cidade, em “Veio a Abolição, o Bra- evento, os artistas e arte- ciano Correia, o Festivalhomenagem aos afrodes- sil mudou e hoje é uma sões do município, auto- tem como objetivo dis-cendentes, antecipando das maiores economias ridades políticas, secre- seminar a diversidadeassim a reflexão do Dia do mundo”, lembra o se- tário municipal de obras, cultural do território,da Consciência Negra, cretário, afirmando que Vandelin Carvalho, se- promovendo a integra- Cidadãos negros foram homenageados pelo trabalho que desen-comemorado dia 20 de volvem na cidade seu trabalho também cretária de Gabinete, Mi- ção da cadeia produti-novembro. está fundamentado na chele Passos, vereadora va da cultura regional, jovens e crianças do mu- versidade de costumes A cerimônia esta- luta em prol da constru- Pipiu, representando a proporcionando assim, nicípio têm várias opções de um povo, ele diz queva envolta de um clima ção de uma sociedade na Câmara Municipal de um intercâmbio com ou- de cultura, esporte e la- ao reunir toda a classe ar-descontraído, que que- qual todos tenham não Casa nova, lideranças tras culturas. Durante o zer. tística neste evento, Casabrando os protocolos apenas a igualdade for- religiosas, empresários e evento foram montados Durante a abertura Nova se destaca na valo-envolveu os presentes mal dos direitos, mas a comunidade local. stands para as 10 cida- do Festival 10 cidadãos rização da cultura, em es-numa viagem cultural, igualdade real das opor- des do Território Sertão negros foram homena- pecial a afrodescendente.nas apresentações artís- tunidades. Programação do Festival do São Francisco (Casa geados pelo trabalho “Prestando essa grandeticas, como teatro e dan- Uma das homenage- Nova, Curaçá, Pilão Ar- que desenvolvem na ci- homenagem aos cida-ça; e num processo de adas, a professora Maria O primeiro Festival cado, Juazeiro, Sento dade, no campo da po- dãos negros que são im-aculturação o grupo de de Lourdes Lopes, rea- de Artes do Território Sé, Uauá, Remanso, Ca- lítica, educação, esporte, portantes agentes na lutataekwondo demonstrou lizou uma retrospectiva Sertão do São Francisco, nudos e Campo Alegre segurança, agricultura, contra as desigualdadesque através desse espor- de sua infância durante realizado pela prefeitura de Lourdes) apresentar empreendedorismo, arte em nosso município, rea-te de origem coreana, a cerimônia; e disse que municipal de Casa Nova, suas manifestações cul- e piscicultura. O secretá- lizamos também uma re-conhecido como a arte sempre esteve à frente através das secretarias turais, através da arte, rio de Cultura, Turismo flexão relacionada ao Diade usar os pés e mãos na de questões relacionadas de Educação e Cultura gastronomia, poesia, e Esporte, Itamar Rocha da Consciência Negra,luta através da mente, os à cultura afro-brasileira, Turismo e Esporte, foi música e dança. destaca que cultura é di- uma data para a reflexão Programas Feira mostra artesanato produzido em programas do Peti e Projovem em Sobradinho Foto: Josimar Menezes Thalita Bezerra Segundo a coorde- explicou à coordenadora. esportivas, de convivên- nadora do PETI, Wilma Em Sobradinho, o cia, aulas de informática A Prefeitura Mu- Amorim, o objetivo da PETI atende 180 crianças e de artesanato. As au-nicipal de Sobradinho, feira é mostrar para a e o Projovem 150 adoles- las de arte envolvem asatravés do Programa de sociedade todos os tra- centes e funcionam no crianças, os jovens e asErradicação do Trabalho balhos que foram pro- prédio do antigo CEBEC. famílias, com o intuito deInfantil (PETI) e do Pro- duzidos pelos alunos Esses programas ofe- ensiná-las a confeccionarjovem, promoveu dia 19 durante todo o ano. “As recem as crianças e aos alguns objetos para a ge-a 1ª Feira de Resultado crianças vão ensinar o adolescentes, proteção so- ração de renda.e Amostra com produ- que aprenderam e esta- cial especial, por meio da No decorrer do even-tos confeccionados por rão interagindo com a jornada ampliada: num to teve danças, teatro,monitores e alunos dos comunidade, essa feira é turno participam da es- muita música, encena-programas. A feira ficou o resultado do que ensi- cola regular, no outro ções sobre diversos te-exposta na praça Geral- namos para as crianças e turno são assistidas pe- mas e a participação dodo Silva, em frente à Pre- jovens. E no dia 20 par- los programas, receben- grupo de samba de velhofeitura Municipal, das 9 ticipamos de uma feira do reforço escolar, além “Ecos Ribeirinhos” repre-às 13 horas. cultural em Casa Nova”, de atividades lúdicas, sentados pelas crianças. O objetivo da feira é mostrar para a sociedade todos os trabalhos que foram produzidos pelos alunos durante todo o ano MobilizaçãoI Caminhada contra a Exploração e Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes é realizada em Casa Nova Fotos: Divulgação Da Redação a Exploração e Abuso Se- conselheiro tutelar desta- O conselheiro informa xual de Crianças e Adoles- ca que o papel da escola e ainda que a violência con- Levando uma mensa- centes é uma culminância da família é muito impor- tra crianças e adolescen-gem de seriedade às ruas do projeto político pe- tante na prevenção de atos tes, principalmente a sexu-de Casa Nova, dezenas de dagógico: “Sexualidade, contra a criança e o ado- al, pode aumentar o riscojovens estudantes da rede Saúde e Desafios”. lescente. “Devemos estar de que elas desenvolvampública de ensino saíram “A partir do projeto, atentos quando nossos problemas psiquiátricosdia 11 em caminhada pelo os professores trabalha- jovens apresentarem com- na vida adulta. Em dis-centro, para mostrar à so- ram temas que envolvem portamentos diferentes do curso proferido na quadraciedade a necessidade de a sexualidade, através da seu habitual. Quando se poliesportiva, a secretáriadenunciar situações de orientação sexual. Foram isolam, ou têm atitudes de Ação Social, Maria doabuso sexual praticados discutidas questões rela- agressivas, pode ser um Carmo Ferreira convocoucontra eles. A mobilização cionadas às transforma- sinal de que algo de erra- a sociedade a participarfoi organizada pela secre- ções no corpo, opções se- do está acontecendo com dessa luta, denunciandotaria Municipal de Edu- xuais, além de pedofilia e eles”, alerta Ritanilson, às autoridades competen-cação, em parceria com as exploração e abuso sexual. solicitando a toda comu- tes casos de exploração esecretarias de Saúde, Ação A escola informa também nidade que identificando abuso sexual de criançasSocial e Conselho Tutelar. a respeito dos perigos que algum caso acione o Con- e adolescentes dos quaisO coordenador pedagó- acometem nossos jovens”, selho Tutelar e/ou ligue tome conhecimento.gico, Cícero Dias, explica esclarece o coordenador. para o Disque 100 para I Caminhada contra a Exploração e Abuso Sexual de Crianças e Ado-que a I Caminhada contra Ritanilson Rodrigues, denunciar. lescentes é uma culminância do projeto político pedagógico: “Sexu- Fonte: Ascom/Casa Nova alidade, Saúde e Desafios”.
  8. 8. 08 Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com SaúdeLançada a pedra fundamental do novo posto de saúde de Casa Nova Ascom/Casa Nova do Xavier lançou dia 04, cuperação, reabilitação por médicos, odontólo- novo posto foi pensado de parabéns por mais a pedra fundamental da de doenças e agravos gos e agentes, represen- para dar mais como- este trabalho”, enfatizou Mais uma obra es- Unidade de Saúde da mais frequentes, e na ta uma ação efetiva que didade e conforto aos a moradora.truturante começa e ser Vila Massú, que atuará manutenção da saúde beneficia diretamente a usuários dos serviços de No evento de lança-construída pela prefei- com ações de promoção desta comunidade. população carente”, res- saúde residentes na Vila mento da pedra funda-tura municipal de Casa da saúde, prevenção, re- “A saúde pública saltou. Massú e adjacências. mental da unidade deNova. O prefeito Orlan- tem sido uma das prio- De acordo com o “Estamos investindo saúde, além da comitiva Fotos: Divulgação ridades para o governo secretário municipal de nesse mais novo espaço do governo, participa- municipal que investiu saúde, Solon Xavier, a de saúde e consequen- ram o prefeito Orlando em reformas e constru- obra realizada com re- temente na qualidade Xavier, o vice Ciro Via- ção de postos de saúde e cursos do Ministério da de vida. A Vila Massú na, o secretário muni- ampliação do Programa Saúde em parceria com agora vai poder contar cipal de saúde, Solon Saúde da Família”, ex- a prefeitura municipal, com um posto com salas Xavier; secretário de go- plicou o prefeito, Orlan- orçamentada em torno amplas e modernas”. verno, Paulo Passos; de do Xavier, reafirmando de R$ 200 mil reais, be- A moradora do bair- Obras, Vanderlin Carva- seu compromisso com neficiará milhares de ro, Maria Souza diz es- lho, demais secretários a saúde da população moradores do bairro e tar muito satisfeita com municipais, presidente casanovense. “As uni- das demais localidades mais esse investimento da Câmara de Vereado- dades do Programa de da redondeza, melho- do governo municipal. res, João Borges Pinto Saúde da Família, pos- rando a qualidade da “Agora não precisare- e vereadores. Durante tas em funcionamen- saúde, garantindo um mos mais nos deslocar a cerimônia a secreta- to, garantem um novo melhor atendimento e para ter atendimento ria municipal de saúde conceito de saúde no melhores condições es- médico e odontológico, entregou também paraPara Solon Xavier o espaço físico do novo posto foi pensado para a população de Casadar mais comodidade e conforto aos usuários dos serviços de município. O trabalho truturais. Para Solon Xa- sinto a felicidade nassaúde residentes na Vila Massú e adjacências. de uma equipe formada vier o espaço físico do pessoas, o governo está Nova uma ambulância. EventoMaçonaria faz festa em Casa Nova Dia 13 de novembro Mestre Mario Evangelis- Berti e comitiva da Loja visto uma Sessão de ini- cer e fazer homenagens faz com que sejamos fa-Nossa Oficina realizou a ta; a querida Loja Deus, Lago das Acácias Or:. de ciação tão perfeita, sem a Oficina, um exemplo lhos com as nossas LojasSessão de Iniciação dos Harmonia e Amor GLEB Sobradinho – BA, todos erros, com serenidade e disto foi o Irmão José co-irmãs”.Irmãos JOÃO SOARES Or:. De Sento Sé, esteve os Irmãos visitantes es- sem ser cansativa, disse Francisco, que presen- Logo a pós a Sessão,DOS SANTOS e JONAS representada pelo nos- tiveram presentes com que a Sessão foi um con- teou os Irmãos José Lu- os Irmãos e convidados,SOUZA AMORIM. A so querido Ir:. Geraldo as cunhadas que deram forto para os olhos. O ciano de Oliveira Melo e foram saborear um jan-Sessão que contou com Cabral e também pre- o grande espetáculo de Irmão Marcio Campelo Raul Santos Filho, com tar oferecido por Nossaa presença de várias sente a nossa querida beleza, enchendo a Loja Ferraz, Del. Grão Mes- certificado de amigos da Loja e em seguida, par-Lojas da região sendo Loja Mãe, Harmonia e de brilho. tre Irmão Itamar Assis Loja Harmonia e Amor ticiparam do baile emelas: União Paz e Amor Amor n. 12 GLEB Or. A Sessão de Ini- Santos GLEB, disse que n. 12 de Juazeiro. comemoração aos 16Or. Cabrobó – PE com de Juazeiro, numa co- ciação foi um grande a Loja de Casa Nova é a anos da Loja completa-a presença de 07 Irmãos mitiva de 10 Irmãos, evento, vários Irmãos pequena notável, e que Irmãos Visitantes dos em 12/11/2010. Foiacompanhados do Dep. acompanhados do Del. de outras Lojas deram tem um carinho e admi- uma verdadeira festa. AEstadual do GOB Rome- Dist. Marcius Campelo suas avaliações dizendo ração pela oficina, disse O Venerável Mes- sociedade casanovensero Gomes e o Ven:. Luiz Ferraz e o Ven:. Mestre que a festa foi de grande ainda que já esperava tre Irmão Joel Assis Ba- esteve presente em mas-Carlos; Loja Templários José Francisco, ainda perfeição, o Ir:. Romero uma bela e organizada tista Júnior, agradeceu sa, ressaltando-se assimdo Vale também GOB fazendo parte das comi- Gomes Dep. Do Grande Sessão de Iniciação. a presença de todos os o respeito e importân-Or: Petrolina – PE com tivas, estiveram presen- Oriente PE, disse que irá Vários outros Ve- Irmãos Visitantes, disse cia de Nossa Loja para07 Irmãos acompanha- tes já na festa de 16 anos relatar ao seu Serenís- neráveis utilizaram das que a Loja de Casa Nova a comunidade, todosdos pelo Dep. Estadual o Ven:. Mestre Ir Luiz simo que nunca tinha palavras para agrade- é muito agradecida com os Irmãos confraterniza-Calbi Carvalho e o Ven:. Fotos: Divulgação o carinho que recebe ram até amanhecer o dia,Mestre Edmundo Cruz; de todas as Oficinas do juntos com os Irmãos vi-Loja Harmonia e Frater- Vale do São Francisco e sitantes, cunhadas, sobri-nidade nº 42 da Grande pediu desculpas a todas nhos, sobrinhas e amigos.Loja de Pernambuco, as Lojas, por não retri- Todos saíram da festa noOr:. Petrolina, com comi- buir na mesma moeda intuito de esperar a dotiva de 06 Irmãos acom- tanto carinho e presen- próximo ano. O Venerá-panhados do Del. Dist. ça física, pois, disse o vel agradeceu também aLuiz Carlos Almeida Venerável, que apesar presença e disse: “Esta éLima; Loja Areópago do da grande vontade de a nossa segunda festa eVale do Grande Oriente fazer mais, os Irmãos que aos poucos, vamosda Bahia Or:. de Juazei- de Casa Nova são limi- melhorá-la para que che-ro com a Presença do tados, “somos uma Loja gue ao padrão desejadoIr:. Secretario e do Vem:. A Sessão contou com a presença de várias Lojas da região pequena e isto às vezes por todos. Conselho Prefeito de Petrolina nomeia membros do Conselho Antidrogas Ascom/Petrolina representantes da Socie- e Trabalho, da Mulher, cas do município como o gestão Julio Lóssio, que aprovação acompanha- dade Civil e da Socie- de Segurança Cidadã, de Ágape, Proteja e PETRA- é de implementar polí- mento e fiscalização O Prefeito de Pe- dade Civil Organizada, Educação, representan- PE. ticas e ações de combate das políticas públicas trolina, Julio Lossio no- bem como de represen- tes da Polícia Militar de De acordo com a ao consumo de drogas e desenvolvidas na cida- meou os membros que tantes dos Poderes Pú- Pernambuco, do Poder secretária de Desenvol- substâncias ilícitas. “A de, para que na prática, integram o Conselho blicos. Judiciário, entre eles o vimento Social e Traba- reestruturação do Con- as ações beneficiem os Municipal Antidrogas Entre os membros promotor Marcos Bace- lho, Tereza Virginia de selho nesta gestão é mui- usuários para que os (COMAD). O decreto estão representantes das lar. Também foram no- Carvalho, a assinatura to importante, pois os mesmos possam usu- determina que este seja Secretarias de Saúde, meados representantes do decreto atende a um Conselhos municipais fruir dos seus direitos”, formado por membros Desenvolvimento Social de entidades filantrópi- dos compromissos da são responsáveis pela destaca Tereza Virginia.
  9. 9. Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.com 09Major Mauvar e esposa Equipe César Fotografias O empresário Ladiston com a esposa e amigo S.T.R.C.N presente à Festa da CebolaWallison Torres, um dos empreários responsáveis O empresário Cleones, esposa e amigos na Festa O deputado Luciano Simões, presente à Festa da O ex vereador Gerlon com a familia e amigo napelo sucesso da Festa da Cebola da Cebola Cebola Festa da CebolaO prefeito de Casa Nova, Orlando Xavier com o secre- O vereador João Pinto e o vice-prefeito de Casa Os diretores da Glaumur Magazine e Glaumur Os secretário Paulo Robero, Vanderlin Carvalho etario de Agricultura, Carlos Castro na Festa da Cebola Nova, Ciro Viana Calçados Carlos Castro na Festa da CebolaA rainha e as duas princesas da Festa da Cebola, Pedro Coito, um dos maiores produtores de cebola Representantes da fazenda Terra Nova, o melhor Representantes do Verdão na Festa da Cebola comem Casa Nova, com o um dos maiores produtores de Casa Nova com a Rainha e as duas princesas da vinho do Brasil a rainha e as duas princesade cebola do Vale Festa da Cebola
  10. 10. 10 Vale do São Francisco, Novembro de 2010 - Ano VII - Nº 91 - www.anoticiadovale.comLuiz Washington, aniversariante do dia 15.11 com amigos e familiares Luiz Washington com o filho Ricardo e amigosJeane, Assistente Social do HRJ, aniversariante do Jeane com amigos e familiares Waltinho da Zabumba, aniversariante do dia O mais novo restaurante e pizzaria de Casa Novadia 16.11 15/11. Parabéns!Os campeões do Festival de Poesias em Casa Nova A diretoria da APROCESF A jornalista Lidiane Cavalcante num close espe- Antonio Joaquim Cavalcante Leão - Formando - cial para Fatos e Fotos Colegio GÉO e ManoelaDr. Alex e esposa Artista de Casa Nova, residente em Brasília Motorista da Astafran, esposa e amiga Priscila - JuagroMaurinho do Acordeom e banda, de São Raimun- Raimunda, a professora que não abre nem para o Os amigos Aldo Bernard’s e Jaqueline na Festa da Doce de cebola, o melhor de todos os doces, pordo Nonato, apresentou pela primeira vez em Casa TREM carregado de navalhas, com amigas na Fes- Cebola Lívia Mª de CarvalhoNova, na Festa da Cebola. Sucesso absoluto ta da CebolaMãe e filha Patrícia Amorim - clicada pela Fatos e Fotos

×