Cabo Coaxial e Par Trançado
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Cabo Coaxial e Par Trançado

on

  • 10,289 views

Baixe mais arquivos em http://pastadomau.wikidot.com. ...

Baixe mais arquivos em http://pastadomau.wikidot.com.
Artigo sobre cabo coaxial e cabo de par trançado. Isso mesmo. Aquele cabo normalmente azul que vai atrás no computador. Isso mesmo: é hardware. Eu odeio hardware, cruz em credo!

Statistics

Views

Total Views
10,289
Slideshare-icon Views on SlideShare
10,289
Embed Views
0

Actions

Likes
1
Downloads
100
Comments
1

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft Word

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel

11 of 1

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
  • isso é muito antigo!!
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Cabo Coaxial e Par Trançado Cabo Coaxial e Par Trançado Document Transcript

    • Cabo de Par Trançado e Cabo Coaxial Vitor Boque vboque@terra.com.br Rangel Magnus Hahn rangelmh@terra.com.br Mauricio Volkweis Astiazara mauricio_volkweis@hotmail.com Universidade Luterana do Brasil Curso de Sistemas de Informação Torres, RSResumo O Cabo de Par Trançado foi inicialmente projetado para tráfego telefônico analógico.Pode ser de três tipos, variando a sua velocidade de 10 mbps a 100 mbps, de acordo com a suaamperagem. Como principais vantagens, o Cabo de Par Trançado apresenta baixo custo e altaflexibilidade, bem como pouca dificuldade de conexão e transmissão. Como desvantagens,podemos citar sua vulnerabilidade a interferências eletromagnéticas e radiofreqüência. Já o Cabo Coaxial é composto por dois fios colocados axialmente, separados entre si eenvolto por material isolante. Assumindo-se como exemplo um Cabo Coaxial de banda larga,a velocidade pode chegar a 10 mbps à freqüência de 10 gigahertz. Como principais vantagens,o Cabo Coaxial é bem mais eficiente que o Par Trançado, tendo boa imunidade ainterferências externas. Como desvantagens, o Cabo Coaxial é menos flexível que o ParTrançado e possui instalação complicada e de custo elevado.Palavras-chave: cabo coaxial, cabo de par trançado, redes, meios de transmissão.1 Introdução O maior objetivo desta pesquisa é fazer uma rápida comparação entre cabo coaxial ecabo de par trançado, trazendo assim a possibilidade de escolha entre o uso de um ou outrofio, analisando suas vantagens e desvantagens. Sendo assim, este material não disponibilizaum total e aprofundado conteúdo sobre cabo coaxial e cabo de par trançado, mas servirá comoreferência para futuras pesquisas.2 Cabo de Par Trançado2.1 Características Físicas Foi originalmente projetado para tráfego telefônico analógico. Os cabos de par trançadopossuem dois ou mais fios entrelaçados em forma de espiral, sendo que cada par é isolado dooutro por material isolante, que normalmente são recobertos por uma proteção de PVC (PolyVinyl Chloride). O objetivo desse entrelaçamento é reduzir a indução de ruídos e manter aspropriedades elétricas constantes do meio, em todo o seu comprimento. Os cabos, ao seremdispostos como estão, geram um campo eletromagnético que faz o papel de barreira contrainterferências externas ("Cross Talk"), reduzindo a diafonia (ruídos provocados pelos sinaiselétricos que trafegam em sentidos opostos).Cada par constitui um condutor positivo
    • (normalmente um fio de cor laranja, verde, azul ou marrom) e negativo (normalmente de corbranca). Muitos tipos de cabos de par trançado, como os usados na telefonia, não são protegidospor uma blindagem externa. Esses cabos são chamados de Cabos de Par Trançado SemBlindagem (UTP - Unshielded Twisted Pair), mas não devem ser utilizados em redes decomputadores. Como já foi dito, a maioria dos Cabos de Par Trançado Blindado (STP -Shielded Twisted Pair) utilizam um encapsulamento de PVC , o que, no entanto, não éindicado em instalações próximas à dutos de ar, já que este material emite gases tóxicosquando é inflamado (nesses casos outro material deve ser utilizado, normalmente teflon). O conector utilizado em redes de computadores baseadas no cabo de par trançado é oRJ-45 (similar ao conector RJ-11, de aparelhos telefônicos), macho para os segmentos de partrançado e fêmea para as placas de rede.2.2 Velocidade Em redes de computadores encontramos três tipos de cabos de par trançado, que sãoclassificados quanto à sua amperagem: • nível 3 (para redes de até 10 mbps, padrão 10BaseT para redes Ethernet); • nível 4 (16 mbps, padrão 16BaseT, pouco utilizado); • nível 5 (100 mbps, padrão 100BaseT). O primeiro é mais comum, sendo o mais indicado para a maioria das instalações, comoLANs que interligam salas de aula e escritórios. Sua distância máxima é em torno de 90metros. O par trançado, ao contrário do cabo coaxial, só permite a conexão de 2 pontos darede. Por este motivo é obrigatório a utilização de um dispositivo concentrador (hub ouswitch), o que dá uma maior flexibilidade e segurança à rede. Como qualquer condutor convencional, o par trançado sofre influências do meioexterno, sem levar em conta a perda de energia que proporcional ao aumento da distância. Emsistemas de baixa freqüência (abaixo de 100 kHz) a imunidade a ruído é muito boa. Já acimadesta freqüência os resultados, quando se emprega cabo coaxial, são muito superiores. Aqualidade da rede baseada em par trançado depende da qualidade dos condutores empregados,precisão do comprimento de cada componente do par e das técnicas usadas para dirigir ainformação ao longo do cabo. Se for empregada uma blindagem adequada, os efeitos deindução podem ser minimizados.2.3 Vantagens A vantagem principal dos sistemas de transmissão que empregam o par trançado é obaixo custo e alta flexibilidade, pois além de usar material mais barato como suporte, atransmissão e as dificuldades de conexão são muito menores que outros meios conhecidos.Possui maior facilidade de conexão de nós à rede. O anel da rede Cambridge emprega o partrançado comum com taxas nominais de 10 Mbps a distâncias de até 200 metros. A redeEthernet, embora empregue a topologia em barra, usa par trançado para conectar as estaçõesao meio, que é um cabo coaxial.2.4 Desvantagens A desvantagem deste tipo de cabo, é sua suscetibilidade às interferênciaseletromagnéticas e radio freqüência. Esses efeitos podem, entretanto, ser minimizados com
    • blindagem adequada. Vale destacar que várias empresas já perceberam que, em sistemas debaixa freqüência, a imunidade a ruídos é tão boa quanto a do cabo coaxial.3 Cabo Coaxial3.1 Características Físicas O cabo coaxial é constituído de dois condutores dispostos axialmente (sob o mesmoeixo), separados entre si e envoltos por material isolante. O condutor interno, mais rígido, éfeito de cobre e pode ser torcido ou sólido (o condutor sólido é mais indicado em redes locais,já que os dados fluem com mais facilidade num meio homogêneo). O condutor externo é umamalha metálica que, além de atuar como a segunda metade do circuito elétrico, tambémprotege o condutor interno contra interferências externas (campos eletromagnéticosestranhos). Suas características elétricas são bastante favoráveis à transmissão de sinais de altafreqüência, uma vez que possui boa imunidade a interferências externas. Existem cinco tipos de conectores para serem utilizados com cabos coaxiais em redes decomputadores: • conector BNC, padrão macho para as pontas do cabo coaxial e fêmea para as placas de rede (que, ao serem instaladas, atrelam as estações de trabalho à rede); • conector BNC tipo "T", liga dois conectores BNC macho (dois segmentos de cabo coaxial, cada um com destino a uma outra estação) ao conector BNC fêmea da placa de rede, logo é formado de duas entradas (BNC fêmea) e uma saída (BNC macho); • conector BNC tipo "I", que serve para ligar as extremidades de dois segmentos de cabo coaxial, muito utilizado para aumentar a distância entre um nó e outro; • conector Transceiver (ou conector "Vampiro") que serve para ligar um cabo coaxial grosso à estação; • finalmente conector BNC de terminação, ou simplesmente terminador, que deve ser colocado na extremidade final localizada no último segmento de rede.3.2 Velocidade Sua capacidade de transmissão é bem mais alta e, usando-se multiplexação por divisãode freqüência, é possível subdividi-lo em subcanais, cada um com uma transmissãoindependente. Quando a malha externa é feita de alumínio o cabo coaxial é dito cabo coaxial grosso(especificação RG-213 A/U), ou de banda larga, pois possui uma resistência de 75 ohms,transmitindo dados numa velocidade de até 10 mbps (megabits por segundo) à freqüência de10 gigahertz. Os cabos coaxiais de banda larga obedecem ao padrão 10Base5, e são muitoutilizados em circuitos internos de TV. Este tipo de cabo é indicado para instalações externas,como aquelas que fazem a conexão de redes de computadores situadas em diferentes prédiosnum mesmo campus universitário. Cada segmento da rede pode ter até 500 metros decomprimento e comporta até 100 nós. A distância mínima de 2,5 metros entre cada nó da rededeve ser mantida. Se a malha externa for de cobre a resistência obtida é de 50 ohms, o que permite atransmissão de dados à velocidade de 10 mbps a uma freqüência de 2 ghz. Este cabo échamado de cabo coaxial fino (especificação RG-58 A/U), ou cabo coaxial de banda base.Este tipo de cabo obedece ao padrão 10Base2, sendo utilizado em redes padrão Ethernet com
    • baixo escopo de atuação. Cada segmento da rede pode ter no máximo 185 metros decomprimento e até 30 nós. A distância mínima entre cada nó da rede é de 0,5 metro.3.3 Vantagens É um meio de transmissão bem mais eficiente que o par trançado. característicaselétricas são bastante favoráveis à transmissão de sinais de alta freqüência, uma vez quepossui boa imunidade a interferências externas. Ao contrário do cabo de par trançado, o coaxial mantém uma capacidade constante ebaixa, independente do seu comprimento, evitando assim vários problemas técnicos.3.4 Desvantagens É menos flexível que o Par Trançado. O seu processo de instalação é mais complicado etambém tem custo elevado, embora seus benefícios sejam bem maiores.6 Conclusão Pelas características de cada um dos tipos de cabo, eles devem ser usados em situaçõesdiferentes: o cabo coaxial, pela sua grande capacidade de transmissão, proteção àinterferências externas mas ao mesmo tempo rigidez, elevado custo e dificuldade demanipulação deve ser usado para pontos geograficamente distantes, na maior parte, usoexterno. Já o par trançado deve ser utilizado para ligar pontos próximos, dentro de espaçosfísicos geralmente pequenos e internos. Isso é permitido devido à flexibilidade, baixo custo efacilidade de manipulação do cabo de par trançado.Bibliografia [ALV94] ALVES, Luiz. Comunicação de Dados. Makron, São Paulo, 1994. [ALV89] ALVES, Luiz. Redes Locais de Microcomputadores: IBM PC e compatíveis. Atlas, São Paulo, 1989. [TAR86] TAROUCO, Liane Margarida Rockenbach. Redes de Computadores Locais e de Longa Distância. McGraw-Hill, São Paulo, 1986. [QUE02] QUEIROZ, Ulysses. Redes. WebPuc. Disponível por WWW em http://www.webpuc.hpg.ig.com.br/meiosfisicos.html (04/02). [RED02] REDE RIO. Tutoriais Técnicos. Disponível por WWW em http://www.rederio.br/ceo/introducao/cabeamento.html (04/02). [LOP02] LOPES, Frank César. Cabo Coaxial. Disponível por WWW em http://www.terravista.pt/baiagatas/5402/Pag2.2.htm (04/02). [TOR02] TORRES, Gabriel. Redes Locais: Placas e Cabos. Clube do Hardware. Disponível por WWW em http://www.clubedohardware.com.br/aula4.html (04/02).