Your SlideShare is downloading. ×
Arte medieval 1A REDES
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Arte medieval 1A REDES

1,893

Published on

BY MATEUS CARDOSO

BY MATEUS CARDOSO

0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
1,893
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
126
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Arte MedievalEscola Técnica Estadual Maximiano Accioly Campos - História da ArteProfª Uiara Rocha
  • 2. Arte Medieval Séc. V a XVIDADE MÉDIAPeriodização: Mil anosDesde a queda do Império Romano em 476 d.C até aConquista de Constantinopla pelos Turcos Otomanos em 1453 d.C TEMA: Arte PALEOCRISTÃ ou ARTE SACRA Manifestações Artísticas Arquitetura Escultura • Românico Pintura • Gótico Vitrais Mosaicos Iluminuras
  • 3. A Igreja detém o poder• O analfabetismo das populações era compensado com abundante ornamentação didática e símbolos na fachada e no interior das igrejas; a bíblia estava “explicada” nas figuras de pedra.
  • 4. O RomânicoEnquadramento HistóricoAs igrejas são o reflexo da época em que foram construídasA fragmentação política contribuiu para a diversidade do estilo, que apesarde sua unidade, apresentava variações regionais.O clima de guerra fez com que a igreja tornasse um lugar de defesa: asconstruções românicas são autênticas fortalezas de grossas paredes ejanelas em forma de seteiras.A obscuridade interior do templo adequava-se ao ideal de espiritualidademedieval
  • 5. Arquitetura Românica CaracterísticasUso da Abóbada de berço na cobertura das igrejasPlanta em cruz latina, construções com paredes muito grossasOs interiores são escuros e sombriosDecoração muito simples : rosáceas, Afrescos e algumas esculturasUso dos Arcos redondos na separação das naves e na aberturados claustros para o pátio.Peso das abóbadas e fraca iluminaçãointeriorJanelas estreitas em forma de seteira.Nos castelos, muralhas com ameias(fendas nos muros)
  • 6. Castelo de Óbidos – Portugal
  • 7. Catedral e Torre de Pisa - Itália
  • 8. Conjunto arquitetônico da Cidade de Pisa: Batistério, catedral, cemitério e Torre em Toscana – Itália séc. XII a XIII
  • 9. Palácio Real Alcázar de Segóvia – séc. XII. Está construído no cimo de um rochedo entre osrios Eresma e Clamores - Espanha. Alberga o museu do Colégio Real de Artilharia.
  • 10. GóticoEnquadramento históricoTriunfo do movimento das cruzadasA paz se estabilizadaRessurgimento das cidades e da burguesia As igrejas tornam-se espaços alegres e de convivênciaSurgimento de imponentes catedrais na Europa, disputa entre ascidades para a construção da catedral mais bonita.
  • 11. GóticoCaracterísticasIgrejas de paredes mais finasUso de abóbadas de ogiva arcobotantesIgrejas em forma de cruz latina, por vezes com 5 naves e capelas radiantesParedes rasgadas em janelas e rosáceas decoradas com vitraisVerticalidade nas linhas a terminar num pináculoMantém –se os contrafortes das construções românicas
  • 12. Catedral York Minsterlocalizado na cidade inglesa é uma das maisfamosas igrejas medievais do norte daEuropa, cuja reputação adquirida em grandeparte pela grande beleza e qualidade dos seusvitrais originais do século XV, na verdade, é acatedral inglesa que mantém mais vitraisoriginais.A Catedral de estilo gótico foi construídaentre 1220 e 1474, que dura mais de 250 anosde sua construção, a fachada oeste é formadapor um corpo central e duas torres maciçaspara os sinos finalizadas por três hastes quelembram agulhas.
  • 13. Catedral de Bourges - França
  • 14. Catedral de Bourgesinterior – Caminho Altoestreito mas que conduzao céu.
  • 15. Portal de entrada da Catedral de Bourges – França
  • 16. Fachada Principal Catedral de Notre Dame - Paris
  • 17. Portal do Julgamento – Notre Dame - Paris
  • 18. Interior de Notre Dame Outra Fachada de Notre DameGárgulas
  • 19. ESCULTURAS FILME 6’40Portas deGhiberti
  • 20. VitraisO colorido e aexaltação da luz naRosácea de Sainte-Chapelle, Paris.
  • 21. Vitral do Palácio Real Alcázarde Segóvia – séc. XII
  • 22. O imperador Cristão,Carlos Magnoinvadindo umafortaleza. 778 d.C
  • 23. O Batismo de Santo Agostinho - Capela do Mosteiro de SantoAgostinho na Cidade Kansas, no Estado do Kansas - Estados Unidos
  • 24. Igreja de SantaTrindade - Florença
  • 25. MosaicosPinturaAfrescos
  • 26. Perspectiva Cavaleira Idéia de profundidade. Paisagem costumam delimitar o fundo das composiçõesAmbrogio LorenzettiAlegoria do bom governo.Fresco - Salão dos Nove da prefeitura de Siena Retratos Maioria das pinturas era Religiosa Ambrogio Lorenzetti Madonna com menino, de 1319
  • 27. IluminurasIluminura é um tipo de pinturadecorativa, freqüentementeaplicado às letras capitulares noinício dos capítulos dospergaminhos medievaisNo século XIII, "iluminura" referia-se sobretudo ao uso de douraçãoe portanto, um manuscritoiluminado , literalmente aqueledecorado com ouro ou prata.O termo se aplica igualmente aoconjunto de elementosdecorativos e representaçõesimagéticas executadas nosmanuscritos, produzidosprincipalmente nos conventos eabadias da Idade Média. A suaelaboração era um ofício refinadoe bastante importante nocontexto da arte medievalIluminuras filme
  • 28. Religioso
  • 29. “Santa” Tribunal religioso onde pessoas eramInquisição condenadas torturadas e queimadas nas fogueiras por serem consideradas hereges pela Igreja Católica.
  • 30. FilmeINQUISIÇÃO• O Nome da Rosa de Umberto Eco (completo)

×