Your SlideShare is downloading. ×
matematicajundiai
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

matematicajundiai

435
views

Published on


0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
435
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. RELATÓRIO PEDAGÓGICO SARESP 2010 MATEMÁTICA CENP
  • 2. SARESP 2010 – RELATÓRIO PEDAGÓGICO
    • (i) saber em que direção caminha a Educação Básica paulista;
    p.VII
    • (ii) verificar se houve evolução em relação às avaliações dos últimos anos;
    • (iii) localizar evidências de melhoria e as fragilidades do ensino;
    • (iv) buscar os aspectos diferenciais, os modelos bem sucedidos e sobretudo, as diferenças entre o desejado e o alcançado.
  • 3. DISTRIBUIÇÃO
    • DADOS GERAIS
    • informações sobre o SARESP 2010, instrumentos utilizados e a abrangência;
    p.VIII
    • RESULTADOS
    • Resultados relativos às disciplinas / anos;
    • ANÁLISE PEDAGÓGICA
    • Aspectos pedagógicos relacionados ao Currículo.
  • 4.
    • A escala de proficiência dos alunos do 5º, 7º, 9º anos do EF e 3ª série EM são consideradas nas mesmas escalas métricas do Saeb.
    • A escala de proficiência é pontuada em 125, 150, 175, 200, 225, 250, 275, 300, 325, 350, 375, 400, 425, onde o ponto 250 equivale a média dos alunos de 9º ano no Saeb 1997, em intervalos de 25 pontos (meio desvio padrão).
    p.5
  • 5.
    • A lógica é que, quanto mais o aluno caminha ao longo da escala, mais habilidades terá desenvolvido. A descrição de cada ponto da escala apresenta as habilidades que os alunos desenvolveram, com base na média de desempenho (pela rede, diretoria ou escola, por ano / série).
    p.5
  • 6. Classificação Níveis de Proficiência Descrição Insuficiente Abaixo do Básico Os alunos, neste nível, demonstram domínio insuficiente dos conteúdos, competências e habilidades desejáveis para o ano / série em que se encontram. Suficiente Básico Os alunos, neste nível, demonstram domínio mínimo dos conteúdos, competências e habilidades, mas possuem as estruturas necessárias para interagir com a proposta curricular no ano / série subsequente. Adequado Os alunos, neste nível, demonstram domínio pleno dos conteúdos, competências e habilidades desejáveis para o ano / série em que se encontram. Avançado Avançado Os alunos, neste nível, demonstram conhecimentos e domínio dos conteúdos, competências e habilidades acima do requerido no ano / série escolar em que se encontram.
  • 7. 175 200 225 250 275 300 325 350 375 400 Níveis de Proficiência em Matemática Níveis de Proficiência 5º ano 7º ano 9º ano 3ª série Abaixo do Básico < 175 < 200 < 225 < 275 Básico 175 a < 225 200 a < 250 225 a < 300 275 a < 350 Adequado 225 a < 275 250 a < 300 300 a < 350 350 a < 400 Avançado  275  300  350  400 5º ano 7º ano 9º ano 3ª série
  • 8. RESULTADOS
  • 9. MÉDIAS DE PROFICIÊNCIA – 2010 MATEMÁTICA *Supondo um valor de 17,9 de acréscimo por ano de escolaridade, (125/7) p.31 - 33 20,4 37,9 56,7 80,8 4,5 3 2 1 225 250 300 350 Média Esperado Diferença Anos defasagem* 5º ano 204,6 7º ano 212,1 9º ano 243,3 3ª série 269,2
  • 10. SARESP 2010 A maior concentração de alunos está no nível básico. Na 3ª série, a maior concentração de alunos está no nível abaixo do básico. No EF, o 7º ano apresenta a maior concentração de alunos no nível básico. No nível adequado e no nível avançado, a maior concentração é de alunos do 5º ano. p.37 - 38
  • 11. SARESP 2008 / 2009 / 2010 2008 2009 2010
  • 12. SARESP 2009 / 2010
    • O 5º ano apresentou evolução positiva. Há mais alunos no adequado e avançado e o percentual de alunos no nível abaixo do básico diminuiu .
    5º ano 2009 2010 Abaixo básico 30,3 29 Básico 39,3 37 Adequado 24 25,7 avançado 6,3 8,2
  • 13. SARESP 2009 / 2010 p.41
    • No 9º ano houve um retrocesso, pois houve um aumento de alunos no nível abaixo do básicos.
    9º ano 2009 2010 Abaixo básico 27,6 34,9 Básico 59,5 56,6 Adequado 11,7 7,7 avançado 1,2 0,8
  • 14. SARESP 2009 / 2010 p.41
    • Na 3ª série houve um movimento no dois níveis inferiores, mas houve diminuição nos níveis adequado e avançado
    3ª série 2009 2010 Abaixo básico 58,3 57,7 Básico 36,8 38,4 Adequado 4,4 3,6 avançado 0,5 0,3
  • 15. SARESP
    • Sugestão para um trabalho na escola, voltado para a análise do “Boletim da Escola” e o Relatório do SARESP 2010
  • 16. Cálculo do tempo de defasagem das disciplinas/áreas
    • Língua Portuguesa
    • Matemática
    • Ciências e Ciências da Natureza
  • 17. MATEMÁTICA -Média de Proficiência- Nível Adequado
    • Cálculo da defasagem (em anos):
    • 5º ano - 7º ano - 9º ano - 3ª série EM
    • (225) (250) (300) (350)
    • 25 + 50 + 50 = 125
    • Sendo do 5º ano até a 3ª EM = 7 anos
    • Então: 7 anos ->125 pontos
    • Fazendo 125 : 7 = 17,9 ou 18 pontos /ano
  • 18. L. PORTUGUESA -Média de Proficiência- Nível Adequado
    • Cálculo da defasagem (em anos):
    • 5º ano - 7º ano - 9º ano - 3ª série EM
    • (200) (225) (275) (300)
    • 25 + 50 + 25 = 100
    • Sendo do 5º ano até a 3ª EM = 7 anos
    • Então: 7 anos ->100 pontos
    • Fazendo 100 : 7 = 14 pontos /ano
  • 19. CIÊNCIAS DA NATUREZA -Média de Proficiência- Nível Adequado
    • Cálculo da defasagem (em anos):
    • 7º ano - 9º ano - 3ª série EM
    • (250) (300) (350)
    • 50 + 50 = 100
    • Sendo do 7º ano até a 3ª EM = 5 anos
    • Então: 5 anos ->100 pontos
    • Fazendo 100 : 5 = 20 pontos /ano
  • 20. Então... para calcular a defasagem do tempo (em anos) para cada disciplina:
    • MATEMÁTICA -> divide por 18
    • LÍNGUA PORTUGUESA -> divide por 14
    • CIÊNCIAS DA NATUREZA -> divide por 20
  • 21. O que a escola pode focar no dia do SARESP Comparar também com os níveis esperados para cada ano / série Juvenal de Gouveia - Eq. Técnica Mat. - SEE 28,5 pontos 2 ano (300 – 200) : 7  14 pontos / ano 67 pontos 3,5 anos (350 – 225) : 7  18 pontos / ano 93 pontos 4,5 anos (350 – 250) : 5  20 pontos / ano Níveis esperados (adequados) 5º ano 7º ano 9º ano 3ª série LP 200 225 275 300 MAT 225 250 300 350 CCN - 250 300 350
  • 22. Calculando a defasagem no nível...
    • 7º ano – LÍNGUA PORTUGUESA
    • Nível esperado (Adequado) -> 225 pontos
    • Nível alcançado pela Escola -> 196,5 pontos
    • Defasagem = 225 - 196,5 = 28,5 pontos
    • Transformando esta defasagem em anos:
    • 28,5 : 14 = 2 anos
  • 23. Calculando a defasagem no nível...
    • 9º ano – MATEMÁTICA
    • Nível esperado (Adequado) -> 300 pontos
    • Nível alcançado pela Escola -> 233,3 pontos
    • Defasagem = 300 – 233,3 = 66,7 ou ≈ 67 pontos
    • Transformando esta defasagem em anos:
    • 67 : 18 = *3,7 ou ≈ 3,5 anos (3 anos e meio)
    • *3,7 anos= 3 + 7/10 = 3 anos + (7/10 x 12= 84: 10= 8,4 meses) .
    • Então 3,7 anos = 3 anos e 8 meses
  • 24. Calculando a defasagem no nível...
    • 3ª série – CIÊNCIAS DA NATUREZA
    • Nível esperado (Adequado) -> 350 pontos
    • Nível alcançado pela Escola -> 257,4 pontos
    • Defasagem = 350 – 257,4 = 92,6 ou ≈ 93 pontos
    • Transfo rmand o esta defasagem em anos:
    • 93 : 20 = 4,6 ou (4 anos e 7 meses ou 4,5 ano)
  • 25. Calculando a defasagem no nível
    • BOLETIM – DE ADAMANTINA – ESCOLA
    • 7º ano – MATEMÁTICA
    • Nível esperado (Adequado) -> 250 pontos
    • Nível alcançado pela Escola -> .... pontos
    • Defasagem = .... – .... = .... pontos
    • Transformando esta defasagem em anos:
    • .... : 18 = .... anos
  • 26. Calculando a defasagem no nível
    • BOLETIM – DE ADAMANTINA – ESCOLA
    • 3ª SÉRIE E.M. – MATEMÁTICA
    • Nível esperado (Adequado) -> 350 pontos
    • Nível alcançado pela Escola -> .... pontos
    • Defasagem = ..... – .... = .... pontos
    • Transformando esta defasagem em anos:
    • .... : 18 = ..... anos
  • 27. Calculando a defasagem no nível
    • BOLETIM – DE ADAMANTINA - ESCOLA
    • 9º ano – MATEMÁTICA
    • Nível esperado (Adequado) -> 300 pontos
    • Nível alcançado pela Escola -> ..... pontos
    • Defasagem = ...... – . ..... = ..... pontos
    • Transformando esta defasagem em anos:
    • .... : 18 = ou anos
  • 28. O que a escola pode focar no dia do SARESP Observar a distribuição dos alunos pelos níveis de proficiência, em cada ano / série e relacionar com as habilidades específicas desses níveis, que podem ser encontradas no relatório do SARESP
  • 29. ANÁLISE DO DESEMPENHO DOS ALUNOS DO 7º ANO
    • NÍVEL ABAIXO DO BÁSICO: < 200
    • Identificam e interpretam dados apresentados em gráficos de colunas
    • NÍVEL BÁSICO: 200 a < 250
    • Identificam o gráfico setorial associado aos dados de uma tabela simples de dupla entrada;
    • Resolvem problemas envolvendo a multiplicação de inteiros por um número decimal (uma casa).
    P. 95 48,3% DOS ALUNOS DESSA ESCOLA:
  • 30.
    • NÍVEL ADEQUADO: 250 A < 300
    • Não identificam um número de 4 algarismos, dado o valor de um de seus algarismos.
    • Não determinam a medida do ângulo de 180° associado a um giro descrito em texto e figura.
    • NÍVEL AVANÇADO:  300
    • Não traduzem em linguagem corrente o significado da sentença 2x – x/2 = 6.
    48,3% DOS ALUNOS DESSA ESCOLA: P. 96 - 97
  • 31. Exemplo de item que esse aluno faz: P. 102 GAB % de resposta C A B C D 10 14,9 60,2 15
  • 32. Exemplo de item que esse aluno não faz: P. 124 GAB % de resposta C A B C D 12,2 13,7 13,3 60,8