www.ser.com.br
BIOQUÍMICA
CELULAR
TODA CÉLULA É
COMPOSTA POR
SUBSTÂNCIAS
DIVERSAS. ESSES
COMPONENTES
QUÍMICOS PODEM
SER DIVIDIVOS EM
DOIS GRUPOS
INORGÂNICOS...
www.ser.com.br
FUNÇÕES DA ÁGUA NO ORGANISMO
SOLVENTE DE LÍQUIDOS CORPÓREOS.
TRANSPORTE DE ÍONS E MOLÉCULAS.
AJUDA NA RE...
IDADE – QUANTO MAIS JOVEM MAIOR É
A TAXA DE ÁGUA.
ESPÉCIE – HÁ ESPÉCIES COM MAIOR
PORCENTAGEM DE ÁGUA (EX. ÁGUAS-
VIVAS)...
SAIS MINERAIS
SÃO SUBSTÂNCIAS INORGÂNICAS QUE REGULAM
DIVERSAS FUNÇÕES NO ORGANISMO.
SÃO ENCONTRADOS
SOLÚVEL - PRESENTES
D...
Quadro das principais funções dos sais minerais –
consequências de sua carência no organismo e
fontes
Quadro das principais funções dos sais minerais –
consequências de sua carência no organismo e
fontes
Carboidratos ou glicídios são encontrados
em mel, leite, pão, macarrão, batata,
mandioca, milho, arroz e feijão.
Represent...
Podem apresentar um radical aldeídico ou um radical cetônico
Dividido em 03 grupos: os monossacarídeos, os oligossacarídeo...
LIPÍDIOS
www.ser.com.br
Os lipídios são insolúveis em
água, mas são solúveis em álcool,
benzina e éter.
Exemplos: gliceríd...
11
LÍPIDIOS
GLICERÍDEOS
São formados por ésteres de ácidos graxos e
glicerol. São encontrados nos animais
constituindo res...
PROTEÍNAS
www.ser.com.br
As proteínas são formadas por
aminoácidos compostos por um
radical NH2 (grupo amina) e um
radical...
Formadas por conjuntos de aminoácidos
Aminoácidos se unem por ligações peptídicas
Tipos de
aminoácidos
iguais
Quantidade de
aminoácidos
iguais
Posições de
aminoácidos
diferentes
Proteínas diferentes
PROTEÍNAS
ESTRUTURA DAS PROTEÍNAS
Primária (apenas uma sequência linear).
Secundária (molécula de forma
helicoidal).
Terci...
Reação não catalisada
(linha vermelha) e uma
reação catalisada
(linha azul)
Fatores que interferem na ação enzimática
A desnaturação altera
a configuração das
proteínas, impedindo
suas funções.
Infl...
Fatores que interferem na ação enzimática
Influência da
temperatura
VACINAS
SOROS
Microorganismos mortos ou
atenuados ou ainda toxinas
inativadas que esses produzem
Injeção no organismo
Prod...
Bioquimica celular 1º6
Bioquimica celular 1º6
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Bioquimica celular 1º6

1,946 views

Published on

0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
1,946
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
286
Actions
Shares
0
Downloads
65
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • Os catalisadores enzimáticos atuam como se conduzissem os reagentes por um atalho energético. O gráfico mostra uma reação não catalisada (linha vermelha) e uma reação catalisada (linha azul).
  • Bioquimica celular 1º6

    1. 1. www.ser.com.br BIOQUÍMICA CELULAR
    2. 2. TODA CÉLULA É COMPOSTA POR SUBSTÂNCIAS DIVERSAS. ESSES COMPONENTES QUÍMICOS PODEM SER DIVIDIVOS EM DOIS GRUPOS INORGÂNICOS ÁGUA SAIS MINERAIS CARBOIDRATOS LIPÍDIOS PROTEÍNAS VITAMINAS ÁCIDOS NUCLEICOS ORGÂNICOS Moléculas que possuem C (carbono).
    3. 3. www.ser.com.br FUNÇÕES DA ÁGUA NO ORGANISMO SOLVENTE DE LÍQUIDOS CORPÓREOS. TRANSPORTE DE ÍONS E MOLÉCULAS. AJUDA NA REGULAÇÃO TÉRMICA, HOMEOTERMIA (CONTROLE DA TEMPERATURA CORPÓREA). LUBRIFICANTE NAS ARTICULAÇÕES ÓSSEAS. PRESENTE NAS REAÇÕES DE HIDRÓLISE (REAÇÃO QUÍMICA ENVOLVENDO MOLÉCULAS DE ÁGUA). “MATÉRIA PRIMA” PARA REALIZAÇÃO DA FOTOSSÍNTESE. ÁGUA
    4. 4. IDADE – QUANTO MAIS JOVEM MAIOR É A TAXA DE ÁGUA. ESPÉCIE – HÁ ESPÉCIES COM MAIOR PORCENTAGEM DE ÁGUA (EX. ÁGUAS- VIVAS). www.ser.com.br MANUTENÇÃO DA HOMEOTERMIA - TRANSPIRAÇÃO EM ANIMAIS HOMEOTÉRMICOS. HIDRATAÇÃO – UM CORPO BEM HIDRATADO CONTÉM MAIOR PORCENTAGEM DE ÁGUA.   A TAXA DE ÁGUA NOS SERES VIVOS VARIA DE ACORDO COM: ATIVIDADE METABÓLICA – QUANTO MAIOR A ATIVIDADE METABÓLICA DE UM TECIDO MAIOR É A SUA TAXA DE ÁGUA. Água-viva
    5. 5. SAIS MINERAIS SÃO SUBSTÂNCIAS INORGÂNICAS QUE REGULAM DIVERSAS FUNÇÕES NO ORGANISMO. SÃO ENCONTRADOS SOLÚVEL - PRESENTES DISSOLVIDOS NA ÁGUA EM FORMA DE ÍONS. INSOLÚVEL - PRESENTES NA ESTRUTURA ESQUELÉTICA. www.ser.com.br www.ser.com.br
    6. 6. Quadro das principais funções dos sais minerais – consequências de sua carência no organismo e fontes
    7. 7. Quadro das principais funções dos sais minerais – consequências de sua carência no organismo e fontes
    8. 8. Carboidratos ou glicídios são encontrados em mel, leite, pão, macarrão, batata, mandioca, milho, arroz e feijão. Representam a principal fonte de energia. www.ser.com.br www.ser.com.br www.ser.com.br www.ser.com.br CARBOIDRATO S
    9. 9. Podem apresentar um radical aldeídico ou um radical cetônico Dividido em 03 grupos: os monossacarídeos, os oligossacarídeos e os polissacarídeos. MONOSSACARÍDEOS (CARBOIDRATOS SIMPLES). Exemplos: Galactose – encontrado no leite, função energética. Frutose e Glicose – encontrados no mel e frutos, função energética. Ribose – componente do RNA. Desoxirribose – componente do DNA. OLIGOSSACARÍDEO (FORMADO DE 2 A 10 MONOSSACARÍDEO). Exemplos: Sacarose (glicose+frutose) açúcar da cana de açúcar, função energética. Lactose (glicose+galactose) – é o açúcar do leite, função energética. Maltose (glicose+ glicose) – obtido por hidrólise do amido, função energética. . POLISSACARÍDEOS (FORMADOS POS VÁRIOS MONOSSACARÍDEOS). Exemplos: Amido – encontrado na batata, milho e mandioca, função energética. Celulose – encontrado na parede celular, função estrutural vegetal. Glicogênio – armazenado nas células do fígado e músculos, função energética. TIPOS DE CARBOIDRATOS
    10. 10. LIPÍDIOS www.ser.com.br Os lipídios são insolúveis em água, mas são solúveis em álcool, benzina e éter. Exemplos: glicerídeos, cerídeos e esteroides. www.ser.com.br Exemplos: gorduras, óleos, ceras, esteroides, etc.
    11. 11. 11 LÍPIDIOS GLICERÍDEOS São formados por ésteres de ácidos graxos e glicerol. São encontrados nos animais constituindo reserva energética ou isolante térmico e também nas sementes de soja ou amendoim. CERÍDEOS São formados por ácidos graxos e álcool. São encontrados nas ceras das superfície das folhas e frutos, e também cera das abelhas. ESTEROIDES São considerados uma categoria especial de lipídios. Participam da membrana plasmática, são precursores de hormônios sexuais testosterona e progesterona. O colesterol é um exemplo de esteróide mais conhecido. OBS: o excesso de colesterol pode causar doenças cardiovasculares.
    12. 12. PROTEÍNAS www.ser.com.br As proteínas são formadas por aminoácidos compostos por um radical NH2 (grupo amina) e um radical COOH (carboxila ou grupo ácido). São encontradas em carnes, leite, ovos e grãos diversos. www.ser.com.br www.ser.com.br www.ser.com.br
    13. 13. Formadas por conjuntos de aminoácidos
    14. 14. Aminoácidos se unem por ligações peptídicas
    15. 15. Tipos de aminoácidos iguais Quantidade de aminoácidos iguais Posições de aminoácidos diferentes Proteínas diferentes
    16. 16. PROTEÍNAS ESTRUTURA DAS PROTEÍNAS Primária (apenas uma sequência linear). Secundária (molécula de forma helicoidal). Terciária (estrutura helicoidal dobrada sobre si mesma). LIGAÇÃO PEPTÍDICA Ligação entre dois aminoácidos. PAPEL BIOLÓGICO DAS PROTEÍNAS ESTRUTURAL – participam das estruturas das células. Ex: colágeno presentes nas cartilagens, ossos, na pele e tendões. HORMONAL – alguns hormônios do nosso organismo são de natureza proteica. NUTRITIVA – são fontes de aminoácidos essenciais. ENZIMÁTICA – enzimas são proteínas que atuam como moléculas reguladores das reações biológicas. Ex: lipases quebram lipídios. DEFESA – formação dos anticorpos. ENZIMAS As enzimas são catalisadores biológicos que facilitam as reações químicas de um organismo. Para a sua atuação necessitam de: especificidade do substrato, temperatura ideal e pH ótimo de ação.
    17. 17. Reação não catalisada (linha vermelha) e uma reação catalisada (linha azul)
    18. 18. Fatores que interferem na ação enzimática A desnaturação altera a configuração das proteínas, impedindo suas funções. Influência da temperatura e pH
    19. 19. Fatores que interferem na ação enzimática Influência da temperatura
    20. 20. VACINAS SOROS Microorganismos mortos ou atenuados ou ainda toxinas inativadas que esses produzem Injeção no organismo Produção de anticorpos Eliminação do antígeno Isolamento do antígeno Injeção em um animal sadio Produção de anticorpos Coleta do sangue Separação dos anticorpos Injeção no organismo doente Eliminação do antígeno

    ×