Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
164
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. BIBLIOTECA ESCOLAR2011 Filomena Rúbio
  • 2. BIBLIOTECA ESCOLAR1. ZONAS FUNCIONAIS Filomena Rúbio_2011
  • 3. BIBLIOTECA ESCOLARATENDIMENTO Filomena Rúbio_2011
  • 4. BIBLIOTECA ESCOLARLEITURA INFORMAL Filomena Rúbio_2011
  • 5. BIBLIOTECA ESCOLARCONSULTA Filomena Rúbio_2011
  • 6. BIBLIOTECA ESCOLARMULTIMÉDIA Filomena Rúbio_2011
  • 7. BIBLIOTECA ESCOLARGESTÃO E TRATAMENTOTÉCNICO Filomena Rúbio_2011
  • 8. BIBLIOTECA ESCOLARDEPÓSITO Filomena Rúbio_2011
  • 9. BIBLIOTECA ESCOLAR2. TIPOS DE DOCUMENTOS Filomena Rúbio_2011
  • 10. BIBLIOTECA ESCOLARMONOGRAFIAS• Livros• Actas• Relatórios• … Filomena Rúbio_2011
  • 11. BIBLIOTECA ESCOLAROBRAS DE REFERÊNCIA• Biografias• Bibliografias• Enciclopédias• Dicionários• Atlas• … Filomena Rúbio_2011
  • 12. BIBLIOTECA ESCOLARPUBLICAÇÕES PERIÓDICAS• Jornais• Revistas• Boletins bibliográficos• Boletins informativos•… Filomena Rúbio_2011
  • 13. BIBLIOTECA ESCOLARMATERIAL NÃO LIVRO• Mapas• Cartazes• Transparências• Fotografias• Slides• Cassetes audio e vídeo• Objectos didácticos• Jogos• CD’s e CD-Rom’s• … Filomena Rúbio_2011
  • 14. BIBLIOTECA ESCOLAR3. DIREITOS DO UTILIZADOR Filomena Rúbio_2011
  • 15. BIBLIOTECA ESCOLAR• Livre acesso aos documentos impressos• Acesso indirecto aos documentos audio evídeo• Serviço de empréstimo (presença, sala deaula e domiciliário) Filomena Rúbio_2011
  • 16. BIBLIOTECA ESCOLAR4. DEVERES DO UTILIZADOR Filomena Rúbio_2011
  • 17. BIBLIOTECA ESCOLAR• Cumprir as normas de utilização• Cumprir prazo de empréstimo• Colocar documentos consultados no balcão deatendimento Filomena Rúbio_2011
  • 18. BIBLIOTECA ESCOLAR5. INTERNET Filomena Rúbio_2011
  • 19. BIBLIOTECA ESCOLAR• Pesquisa para trabalhos escolares têm prioridade Filomena Rúbio_2011
  • 20. BIBLIOTECA ESCOLAR6. CIRCUITO DOCUMENTAL Filomena Rúbio_2011
  • 21. BIBLIOTECA ESCOLAR• Aquisição• Carimbagem• Registo• Catalogação• Classificação• Indexação• Cotação• Arrumação• Difusão Filomena Rúbio_2011
  • 22. BIBLIOTECA ESCOLAR7. CDU CLASSIFICAÇÃO DECIMAL UNIVERSAL Filomena Rúbio_2011
  • 23. BIBLIOTECA ESCOLARA CDU é um sistema internacional de classificação dedocumentos. Baseia-se no conceito de que todo oconhecimento pode ser dividido em 10 classes principais eestas podem ser divididas infinitamente numa hierarquiadecimal. É o sistema de classificação utilizado na maioriadas Bibliotecas Escolares. Filomena Rúbio_2011
  • 24. BIBLIOTECA ESCOLAR• 0. (Zero) - Generalidades. Ciência e conhecimento.Organização. Informação. Documentação. Biblioteconomia.Instituições. Publicações.• 1 – Filosofia. Psicologia.• 2 – Religião. Teologia.• 3 – Ciências Sociais. Estatística. Política. Economia.Comércio. Direito. Administração Pública. Forças Armadas.Assistência Social. Seguros. Educação. Etnologia. Filomena Rúbio_2011
  • 25. BIBLIOTECA ESCOLAR• 5 – Matemática e Ciências Naturais.• 6 – Ciências Aplicadas. Medicina. Tecnologia• 7 – Arte. Recreação. Entretenimento. Desporto.• 8 – Língua. Linguística. Literatura.• 9 – Geografia. Biografia. História. Filomena Rúbio_2011
  • 26. BIBLIOTECA ESCOLAR8 – INDEXAÇÃO Filomena Rúbio_2011
  • 27. BIBLIOTECA ESCOLARA indexação é um processo complexo a partir do qual seextraem os conceitos (linguagem natural) dos documentos,por um exercício puramente intelectual, sendo depoisconvertidos em termos de indexação (linguagemdocumental). Este processo consiste na selecção dedeterminadas palavras – chave – os descritores, queidentificam os assuntos contidos na obra, permitindo aosutilizadores a pesquisa por palavras – chave e por assuntosnos catálogos bibliográficos. Filomena Rúbio_2011
  • 28. BIBLIOTECA ESCOLAR9 – RECURSOS HUMANOS Filomena Rúbio_2011
  • 29. BIBLIOTECA ESCOLAR• Reuniões• Horários• Distribuição de tarefas na equipa… Filomena Rúbio_2011
  • 30. BIBLIOTECA ESCOLAR10 – ÁREAS DE INTERVENÇÃO Filomena Rúbio_2011
  • 31. BIBLIOTECA ESCOLAR LEITURA E LITERACIAS• Actividades de leitura e literacia da informação: encontroscom autores, feiras do livro, concursos, clubes, ateliers,exposições, formação aos utilizadores…• Divulgação da informação: visitas guiadas, guias doutilizador, folhetos, listagens, estante digital na página daescola, plataforma moodle, blogue… Filomena Rúbio_2011
  • 32. BIBLIOTECA ESCOLARApoio/ Cooperação:• Dar apoio ao currículo, articulando com professores/departamentos, estruturas pedagógicas da escola, alunos eencarregados de educação;•Apoio ao PNL, articulando com a Coordenadora do PNL; •Colaboração com a direcção da escola; Filomena Rúbio_2011
  • 33. BIBLIOTECA ESCOLAR•Estabelecer cooperação entre as BE do agrupamento eas escolas pólo ( Política de Cooperação/ Colaboração). Filomena Rúbio_2011
  • 34. BIBLIOTECA ESCOLAR Parcerias:A nível interno dar apoio a projectos e actividades livres, extra- curriculares e de abertura à comunidade;A nível externo estabelecer parcerias com autarquia ( SABE e BM), RBE, outros agrupamentos, outras instituições do concelho e Família. Filomena Rúbio_2011
  • 35. BIBLIOTECA ESCOLAR Documentos a elaborar/ rever na gestão da BE:• Guia do Utilizador• Regimento Interno• Plano de Acção• Plano Anual de Actividades• Política de Desenvolvimento da Colecção• Manual de Procedimentos Filomena Rúbio_2011
  • 36. BIBLIOTECA ESCOLAR Manifesto da Biblioteca Escolar http://www.dapp.min-edu.pt/rbe/ Declaração Política da IASL sobre BE’s em http://www.dapp.min-edu.pt/rbe/ Lançar a rede-texto integral do relatório em http://www.dapp.min-edu.pt/rbe/ The IFLA/UNESCO school Libraries Guidelines em http://www.iflaorg/VII/s11/pubs/sguide02.pdf Nota: Os documentos referenciados, porque são fundamentais num projecto integrado da BE, não devem apenas constar de um dossiê onde deverão constar, mas devem ser analisados em conjunto pela equipa. Filomena Rúbio_2011