Brasil nos anos 80f
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Like this? Share it with your network

Share
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
737
On Slideshare
91
From Embeds
646
Number of Embeds
5

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
0

Embeds 646

http://historicizandooespacoro.blogspot.com.br 589
http://www.historicizandooespacoro.blogspot.com.br 45
http://historicizandooespacoro.blogspot.com 6
http://historicizandooespacoro.blogspot.com.es 4
http://historicizandooespacoro.blogspot.in 2

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Brasil nos anos 80
  • 2. cultura • Na música, o rock nacional ganhou espaço tanto por meio de gravadoras quanto nos selos independentes. a década de 80 é a década dos yuppies (jovens que rapidamente enriquecem através do empreendedorismo ou de investidas na bolsa de valores, materialismo, cobiça, ambição desenfreada por dinheiro, ostentação, luxo, etc...).
  • 3. • Na cultura brasileira geralmente são identificados três elementos principais: a junção do indígena, africano e europeu, influências do meio, pelas diversas atividades econômicas, pela criatividade nativa e pela incorporação de outros contextos culturais estrangeiros.
  • 4. Modernização • O projeto de modernização afetou a cultura, tanto quanto os demais setores da sociedade. Possibilitou a incorporação a ela de meios avançados de produção intelectual e uma tecnologia mais dinâmica e eficiente, de que resultou a expansão da cultura de massa, beneficiária principal desses acontecimentos. Mais que antes, a cultura passou a ser um segmento da vida econômica, interessando aos grupos financeiros que apoiaram a ampliação das editoras, investiram na publicação de livros e em galerias de arte e aceitaram o intelectual enquanto um profissional competente e confiável.
  • 5. • Impuseram-se dois tipos de atividades antes desconhecidas ou menos recorrentes: a publicidade e o jornalismo. Ambas já vinham ocupando os escritores desde o início do século, em razão do mesmo fenômeno: o esforço da sociedade rumo à modernização.
  • 6. • O jornalismo também não era um campo profissional inédito; teve, porém, suas particularidades. Enfim, o fato de escrever para a televisão ou para uma revista de circulação nacional, elaborada em moldes avançados, permitiu chegar a um público de outra maneira inalcançável, conferindo-lhe uma popularidade até esse momento desconhecida. A literatura infantil, destinada sobretudo aos alunos de primeiro grau, e a novela, gênero que à primeira vista foi o que mais cresceu nos anos 80.
  • 7. Multinacionais que apoiaram o jornalismo e a escritora • Fiat • Nestlé • IBM
  • 8. Estado com a cultura • apoio do Estado, que patrocina poucos programas culturais e, quando o faz, é de modo avarento, vagaroso e com parti pris de valor discutível, agravou a distância entre a audiência brasileira e as modalidades mais criativas de arte. A elitização da cultura e o encolhimento de algumas expressões populares autênticas resultaram desse processo, sendo algumas conseqüências de difícil reversão, mesmo com a mudança de circunstâncias políticas, econômicas e ideológicas.
  • 9. CABELOS NOS ANOS 80
  • 10. ROUPAS NOS ANOS 80
  • 11. ROPAS DA MODA
  • 12. Taxas médias de crescimento da indústria de transformação do PIB "per capita" PERIODOS INDUSTRIADE TRANFORMAÇAO INVESTIMENT O PIB PIB “PRE CAPITA” DECADA DE 70 9,0 22,8 8,6 6,1 DECADA DE 80 1,5 17,6 3,0 0,8 • A divida externa do Brasil alcançou US$ 114,6 bilhões em 1988
  • 13. • Desigualdade social. • Fraca distribuição de renda e concentração. • Descontrole da inflação e queda dos investimentos. • 42% de pobres em 1970. • 49% em 1980.
  • 14. BRASIL _ TAXA DE MOTALIDADE E NATALIDADE PERIODO (%) NATALIDADE (%) MORTALIDADE (%) TAXA DE CRECIMENTO (%) 1970 37,7 9,4 2,8 1980 34,0 8,0 2,6 2007 16,7 6,23 1,4
  • 15. • As mudanças no campo acarretaram um crescente êxodo rural, devido à concentração da propriedade e à expulsão do trabalhador, ou à perda da terra (pequenos proprietários, posseiros, etc), ou à ausência de trabalho (assalariados rurais). Com a política econômica recessiva de 1981 a 1983, o setor dinâmico da economia (a indústria de transformação) diminuiu seu ritmo de crescimento; o País começou a empobrecer como um todo, e os vários grupos sociais que compõem a sociedade tiveram uma queda significativa na sua renda. • O País rico, com sua sociedade pobre, entra na década de 80 submerso em uma crise econômica e social sem precedentes.
  • 16. A SITUAÇÃO SOCIAL DO BRASIL NOS ANOS 80 • Os analistas econômicos da conjuntura brasileira consideram os anos 80 como a "década perdida" em termos de crescimento. A área social sofreu diretamente os reflexos do comportamento negativo da economia nacional; OLIVEIRA O autor identifica o Brasil como o "Estado do Mal-Estar", onde existe crescimento econômico sem uma contrapartida a nível de participação e dos benefícios sociais.
  • 17. • A partir desse cenário, o presente texto analisará a situação social do Pais na década de 80, em duas etapas: a primeira investiga a gênese da divida social na época do crescimento acelerado dos anos 70 e o impacto social das políticas de ajustes dos anos 80.
  • 18. "década perdida"