Cartografia tematica aula 3

  • 631 views
Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
631
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. CARTOGRAFIA TEMÁTICAProf. Raul GuimarãesTEMA 03
  • 2. A VARIÁVEL VISUAL CORAs cores que percebemos são produzidas pela luz. A luz do sol,aparentemente branca, é, na verdade, composta pelas sete coresdo arco-irís. Quando a luz do sol ilumina um objeto, algumasdessas cores são absorvidas pelo objeto, enquanto as outras sãorefletidas na direção dos olhos que as percebem. É esse ofenômeno na direção dos olhos que as percebem. Esse fenômenonos permite dizer qual a cor dos objetos.
  • 3. A percepção da corA cor nada mais é que a percepção,por células especializadas da retina,de uma determinada longitude deonda da radiação eletromagnética.A retina possui dois tipos de células:os cones (responsáveis pelapercepção da cor) e bastonetes(que não distinguem cor, e sãoresponsáveis pela visão noturna).Os cones especializam-se nacaptação de uma determinada faixade longitudes de onda: azul,vermelho ou verde.Quando um fóton excita a retina, oscones respondem dentro de suafaixa de sensibilidade à intensidadeda excitação. Esta informação éenviada ao cérebro através donervo óptico, decodificada etransformada em uma percepçãoespecífica.
  • 4. As cores exercem diferentes efeitos fisiológicos sobre o organismohumano e tendem, assim, a produzir vários juízos e sentimentos.Aparentemente, damos um peso às cores. Na realidade, olhando paracada cor damos um valor-peso, mas é somente um peso psicológico.A cor, elemento fundamental em qualquer processo de comunicação,merece uma atenção especial. É um componente com grande influênciano dia a dia de uma pessoa, interferindo nos sentidos, emoções eintelecto.Efeitos psicológicos da cor
  • 5. A cor exerce ação tríplice: a de impressionar, a de expressar e ade construir:• A cor é vista: impressiona a retina.• A cor é sentida: provoca emoção.• A cor é construtiva, pois tendo um significado próprio, possui valorde símbolo, podendo assim, construir uma linguagem quecomunica uma idéia, que pode ser de leveza, alegria, sobriedade,etc.A ação tríplice da cor
  • 6. A resposta emocional à cor• A resposta emocional à cor é função do contexto culturaldo usuário. Em culturas ocidentais há uma certacorrelação entre cor e resposta emocional:• Vermelho: perigo, alerta, quente, excitante, paixão, sexoAzul: masculino, frio, calmo, confiável, estávelBranco: pureza, honestidade, frioPastel: feminino, sensibilidade, delicadeza, cálidoLaranja: emocional, positivo, jovemNegro: densidade, seriedade, morte, autoridade, poder,estabilidadeRosado: feminino, cálido, jovemVerde: natureza, conforto, positivo (esperança)
  • 7. Fatores de diferenciação das cores• Matiz: é a gradação das cores (o amarelo do azul,o verde do violeta, etc).• A intensidade ou saturação: é a pureza relativa deuma escala de cinzas. Em sua intensidademáxima, as cores são ditas puras, e intensidade éo que determina os matizes mais claros ouescuros.• O tom ou brilho é a escala do claro ao escuro deuma cor em relação a uma escala de cinzas que
  • 8. Características da cor• O contraste mede a separação entrevalores de um determinado matizContraste baixo (esq.), normal (centro) e alto (dir.)
  • 9. • O brilho mede a quantidade de corbranca adicionada à corBrillo bajo (izq.), normal (centro) e alto (der.)
  • 10. • A saturação mede aquantidade de umadeterminada corpresente namistura. Observa asvariações desaturação nas coresprimárias.TotalmenteSaturadoSem saturação
  • 11. Tom ou Brilho• Refere-se ao maior ou menorquantidade de luz presente na cor.Quando se adiciona preto adeterminado matiz, este se tornagradualmente mais escuro, e essasgraduações são chamadas escalastonais. Para se obter escalas tonaismais claras acrescenta-se branco.
  • 12. A temperatura das cores• A temperatura das cores, designa a capacidade que as cores têm deparecer quentes ou frias.
  • 13. As cores primárias• Cores Primárias: São as coresque não podem ser formadaspor nenhuma mistura. Sãoelas azul, amarelo e vermelho.
  • 14. Cores Secundárias• Cores Secundárias: São as coresque surgem da mistura de duascores primárias.
  • 15. Representação da corA primeira representação do espectro foi proposta por Sir IsaacNewton, que combinou as cores em um círculo.
  • 16. Efeitos de Contraste• Estudos têm demonstrado que os melhores efeitos decontraste são percebidos por diferença de tonalidade oubrilho.• Na conversão para tons de cinza, algumas cores assumema mesma tonalidade e se confundem. Este efeito decontraste é importante se é utilizado monitor ou impressoramonocromáticos.FIGURA 4 – Ordem Crescente de Visibilidade segundo o Contraste entre as Cores.
  • 17. Qualidade da visibilidade dacor• Em 1958, Heison, avaliou a qualidade da visibilidade dascores, a uma distância de 180 metros, numa escala de 0 a 100– amarelo âmbar............95– amarelo fluorescente. .73– laranja fluorescente.....69– laranja......................... 54– vermelho flourescente.51– vermelho..................... 35– azul............................. 26– verde........................... 24• Experiências realizadas na Alemanha, revelaram que a telaamarelo âmbar teve um desempenho 4 vezes melhor que umapreto e branco. Na seqüência ao amarelo âmbar segue-se overde e o azul
  • 18. Contraste e Harmonia• Harmonia das cores:– harmonia das cores opostas ou de contraste: o maior contraste seobtém justapondo cores complementares; a maior superfície écolorida com uma cor quente e a menor com sua cor complementarfria– harmonia das cores análogas ou vizinhas: é o emprego de uma core uma ou duas vizinhas; por exemplo: laranja e seus vizinhos,vermelho e amarelo; a cor mais clara usada na superfície maior– harmonia monocromática ou de cor dominante: é o uso de umaúnica cor, aplicada pura e em vários tons, claros e escuros• Cores Complementares:– Vermelho - Ciano (azul piscina)– Verde - Magenta (lilás)– Azul - Amarelo
  • 19. Cores complementaresCores complementares são as coresopostas no disco de cores.Ex: o vermelho é complementar do verde.O azul é complementar do laranja.As cores complementares são usadasPara dar força e equilíbrio a umtrabalho criando contrastes.raramente se usa cores apenascores complementares em umtrabalho, o efeito pode ser desastroso.Ressaltamos que as corescomplementares sãoas que mais contrastes entre si oferecem,sendo assim, se queremos destacar umamarelo, devemos colocar junto dele umvioleta.
  • 20. Cores AnálogasCores análogas são as queaparecem lado-a-lado no disco decores.São análogas porque há nelas umamesma cor básica.Pôr exemplo o amarelo-ouro e olaranja –avermelhado tem emcomum a cor laranja.Elas são usadas para dar asensação de uniformidade.Acomposição em cores análogas sãoconsideradas elegantes, e podemser equilibradas com uma corcomplementar.
  • 21. Contrastes• Cores contrastantesSão cores que, quando usadaspróximas umas das outras,produzem uma sensação dechoque. As cores contrastantessão diretamente opostas no discodas cores. Assim, a cor que maiscontrasta com o vermelho é ociano; o mesmo acontece com oazul e o amarelo; e com omagenta e verde. Se a cor éprimária, contrasta sempre com asecundária e vice-versa. Oresultado estético dessascombinações nem sempre ésatisfatório, a não ser que hajainteresse em explorar o choquevisual produzido por elas. Quandomais forte forem elas, maior seráesse impacto.
  • 22. Um bom contraste se obtém entre cores escurasda metade inferior do círculo e cores claras dametade superior.Metade inferior do círculo(abaixo)Metade superior docírculo (acima)
  • 23. ContrastesOrle BaertlingAqui um exemplo do uso da cor preto paradestacar as demais.
  • 24. Contrastes de limiteA cor central é uma mistura dasduas cores laterais. Observeque a faixa central é clareadapor cada uma das duas outrascores, mas do lado oposto. Nolimite com a faixa vermelha, ovioleta é clareado pelo azul e,no limite com a faixa azul, ovioleta é clareado pelo azul, ovioleta é clareado pelovermelho.
  • 25. Harmonia das Cores• Outra forma de manter a harmonia de coresé o uso de uma única cor, variando-se aintensidade da mesma, ou seja, dosando-seprogressivas quantidades de branco oupreto à cor pura.
  • 26. • Por outro lado, a idéia de ordenação, devalor, pode ser obtida, além de se obtervariando-se o matiz da cor, pode serobtida, utilizando-se o círculo de cores,buscando-se as cores próximas.
  • 27. Harmonias de cores
  • 28. • Harmonia triádica - Na harmonia triádica,são usadas três cores eqüidistantes nocírculo das cores. Um triângulo eqüiláterodentro do círculo das cores indica quaissão elas.• Exemplo: amarelo, azul e vermelho,usando apenas cores primárias.
  • 29. • Harmonia analóga - Usando o mesmocírculo cromático (dessa vez sem a ajudado triângulo), tem-se a harmoniaanalógica: três cores bem próximas sãoselecionadas, em que uma delas é tidacomo predominante. É uma seqüência decores.
  • 30. • Harmonia complementar - Utiliza corescomplementares, como amarelo e violeta, azul elaranja, verde e vermelho.• Harmonia de qualidade - Contraste de claro eescuro, usando as variações de uma mesmacor. Exemplo: uma página inteira em tons deazul, cortada por uma cor forte, que se destacanessa variação.• Cores quentes X cores frias - Outrascombinações envolvem o uso de cores quentescom cores frias. O contraste de uma cor com aoutra marca a composição da página.
  • 31. Dicas de combinações• Brinque de combinar. Utilize pequenas amostras, desenhe euse lápis de cor. Faça exercícios. É sério! A prática também éimportante. Desenhe um bloco, ou junte alguns retalhos everifique: você gostou? O que está faltando? Ficou escuro,coloque mais brilho e diminua o contraste. Ficou muito claro?Que tal acrescentar uma "sombra"? O que irá dar harmonia nacombinação, não é só a mistura do amarelo com verde, ou doazul com o rosa, é o complemento do esquema inicial, obalanceamento dos valores. Lembre-se: claro, médio e escuroem harmonia.Estude, aprecie e analise a sua combinação e procure saberqual o objetivo que você quer alcançar com o seu esquema decor: alegria, seriedade, luminosidade, tranqüilidade, inovação,agressividade etc.O círculo cromático é uma boa ferramenta para combinarmoscores, mas lembre-se de que regras podem ser quebradas.
  • 32. Dicas de combinações• Esquema de Cores Primárias -As cores primárias são corespuras e que merecem atenção ecuidado quando usadas.Complemente com cores neutras.Tríade - É um esquema que usa trêscores secundárias eqüidistantes. Porexemplo: verde, violeta, laranja ouentão violeta azulado, laranjaavermelhado, verde amarelado. Atríade é considerada como um dosesquemas mais harmoniosos naroda de cores. Forma um triânguloisósceles na Roda de Cores.
  • 33. Dicas de combinações• Esquema de Cores Quentes -Você combina as cores etonalidades consideradasquentes: amarelo, laranja,vermelho e marrom.Esquema de Cores Frias - Vocêcombina as cores e tonalidadesconsideradas frias: azul, verde evioleta.
  • 34. Dicas de combinações• Esquema de Cores DiretamenteComplementares - Combinarduas cores diretamente opostasna roda. Uma intensifica a outra. Éuma forma de dar início a umesquema. Por exemplo: Laranja édiretamente complementar aoazul, então, comece com azul elaranja e complemente com astonalidades (claro, médio eescuro), podendo balancear comcores neutras e os bons vizinhos.
  • 35. Dicas de combinações• Quadricolor - É um esquema queusa duas cores complementaresseparadas por duas coresadjacentes a elas. É um esquemaconsiderado harmônico, porquecontém duas cores diretamentecomplementares. Por exemplo:Azul, vermelho violeta, laranja,verde amarelado. Formam umretângulo na Roda de Cores.
  • 36. Dicas de combinações• Esquema ComplementarDividido - É um esquema com 3cores, sendo que duas sãoanálogas ou adjacentes e aterceira é uma diretamentecomplementar. Por exemplo:amarelo (complementar) com azulvioleta e vermelho violeta(adjacentes).
  • 37. Dicas de combinações• Esquema Duplo ComplementarDividido - É um esquema ondeduas cores diretamentecomplementares se juntam a duasoutras cores separadasmutuamente por uma adjacente.Neste esquema forma-se umretângulo na roda de cores. Porexemplo: verde, vermelho,amarelo e violeta.
  • 38. Dicas de combinações• Esquema policromático: Usam-se muitas cores da roda de cores.É uma combinação charmosa ealegre.Lembre-se de que ao formar um esquema, necessariamentevocê não usará apenas as cores dispostas na extremidade daroda de cores, o balanço e a harmonia vêm com o uso dastonalidades (valores): claro-médio-escuro.Cor é responsabilidade emocional.
  • 39. • Cores Acromáticas: São as cores chamadas neutras: o branco, o preto,as cinzas e os marfins.Cores acromáticas ouneutras
  • 40. BibliografiaDa cor à cor inexistente – Israel PedrosaEditora Universidade de Brasília – 3ª ediçãoPsicodinâmica da cores em comunicação – Modesto FarinaEditora Edgar Blucher Ltda – 4ª ediçãoArte & Percepção Visual – Rudolf ArnheimEditora Livraria Pioneira – 7ª ediçãowww. patches.nom/retalhos – Teoria da cores