Data: 22.04.14
Arquivo: STOE_09P.1
SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved.
Conhecimento em Automação
Training Cent...
Data: 22.04.14
Arquivo: STOE_09P.2
SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved.
Conhecimento em Automação
Training Cent...
Data: 22.04.14
Arquivo: STOE_09P.3
SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved.
Conhecimento em Automação
Training Cent...
Data: 22.04.14
Arquivo: STOE_09P.4
SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved.
Conhecimento em Automação
Training Cent...
Data: 22.04.14
Arquivo: STOE_09P.5
SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved.
Conhecimento em Automação
Training Cent...
Data: 22.04.14
Arquivo: STOE_09P.6
SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved.
Conhecimento em Automação
Training Cent...
Data: 22.04.14
Arquivo: STOE_09P.7
SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved.
Conhecimento em Automação
Training Cent...
Data: 22.04.14
Arquivo: STOE_09P.8
SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved.
Conhecimento em Automação
Training Cent...
Data: 22.04.14
Arquivo: STOE_09P.9
SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved.
Conhecimento em Automação
Training Cent...
Data: 22.04.14
Arquivo: STOE_09P.10
SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved.
Conhecimento em Automação
Training Cen...
Data: 22.04.14
Arquivo: STOE_09P.11
SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved.
Conhecimento em Automação
Training Cen...
Data: 22.04.14
Arquivo: STOE_09P.12
SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved.
Conhecimento em Automação
Training Cen...
Data: 22.04.14
Arquivo: STOE_09P.13
SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved.
Conhecimento em Automação
Training Cen...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Stoe 09 p

175 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
175
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
9
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • SumárioPáginaMostrando Mensagens da CPU ............................................................................................................2
    Escrevendo Mensagens do Usuário no Buffer de Diagnóstico .............................................................3
    Configurando suas próprias Mensagens de Texto ................................................................................4
    Chamando o Bloco SFC 52 ...................................................................................................................5
    Estrutura do Parâmetro EVENTN do Bloco SFC 52 .............................................................................6
    Módulos com Capacidade de Diagnóstico ............................................................................................7
    Mostrando Diagnóstico de Hardware no SIMATIC Manager ................................................................8
    Exercício: Habilitando Mensagens de Diagnóstico ...............................................................................9
    Exercício: Expondo Mensagens do Usuário .........................................................................................10
    Exercício: Habilitando Interrupções de Diagnóstico e Simulando Falhas de Hardware ......................11
    Exercício: Avaliando as Informações de Partida do OB de Erro ..........................................................12
    Exercício: Avaliando uma Falha de Bateria ..........................................................................................13
  • CPU Messages(Mensagens da CPU) Com esta função você pode imediatamente mostrar uma mensagem de erro para erros esporádicos no sistema em um equipamento de programação ou em um equipamento IHM. Uma janela de mensagem aparece na PG ou OP tão logo a CPU conectada vá para Stop devido a um erro (ver botão esquerdo do slide).Mensagem do usuário também pode ser mostrada com uma função do sistema.
    Módulos Registrados A lista contem todas as CPUs chamadas no SIMATIC Manager com a opção de menu PLC -> CPU Messages. A lista é dividida em quatro colunas:
    1.Na primeira coluna, um ícone mostra se uma conexão foi interrompida por parceiro externo.2.Na coluna "W", são ativadas / desativadas mensagens de diagnóstico do usuário e mensagens do sistema.3.Na coluna "A", são ativadas / desativadas mensagens de interrupção.A aplicação "CPU Messages" verifica se o módulo em questão suporta diagnóstico e mensagens de interrupção. Se este não for o caso, uma mensagem é mostrada. 4.Na coluna "Module", o nome do módulo ou o caminho do programa S7 é inserido.
    Chegada de •Top: (em cima) Tão logo uma mensagem seja recebida, a janela "CPU
    Mensagens Messages" aparece no meio da tela, a mensagem é mostrada e ao mesmo tempo ela é inserida no arquivo de mensagens.
    •Background: (ao fundo) O recebimento de mensagens ocorre ao fundo. Mensagens são mostradas na janela, mas a janela permanece por trás da tela de trabalho. As mensagens são arquivadas e podem ser mostradas quando solicitadas.
    •Ignore: (ignorar) Mensagens nunca são mostradas nem arquivadas.
    ArquivoVocê pode modificar o tamanho do arquivo (40 a 2000 mensagens) ou esvaziar o arquivo pela seleção do botão "Archive".
  • IntroduçãoA função do sistema FC 52 permite a você escrever suas próprias mensagens, por exemplo, violação do limite inferior da pressão hidráulica, no buffer de diagnóstico. Paralelamente a isto, a mensagem também pode ser mostrada no equipamento de programação ou OP. As mensagens de diagnóstico devem ser habilitadas para atender a este propósito.
    ProgramaA função do sistema SFC 52 é chamada e parâmetros atribuídos no programa do usuário. Determinados textos padrões estão armazenados na CPU. Um parâmetro do SFC seleciona estes textos. Você irá encontrar mais informações no manual “Standard and System Functions“, ou na ajuda Online.
    ExemploO SFC 52 é chamado no programa exemplo, se o valor analógico da palavra de entrada de periferia 352 exceder o valor de 2000 unidades. A mensagem é mostrada somente uma vez como um resultado da detecção da borda de subida. Ao bloco são atribuídos parâmetros de modo que uma mensagem de diagnóstico também é mostrada na PG (SEND = TRUE). O parâmetro EVENTN determina o texto a ser mostrado. LPIW352// leitura do valor analógicoL2000// valor analógico >2000>IFPM30.1// detecção de borda de subida do RLOJCNnonecall SFC52 // entrada p/usuário no buffer de diagnósticoSEND:TRUEEVENTN:W#16#9B83// externa, chegada, excedido valor limiteINFO1:MW 100// informação adicional 1INFO2:MD 102// informação adicional 2RETVAL:MW 31// retorno de valor com informação de erronone:BE
  • ChamadaCom o botão direito do mouse, clique no programaS7 e selecione a opção de menu Special Object Properties -> Message.
    Configuração de Você começa com o botão "New Message". O próximo número de mensagem
    Mensagem livre number, por exemplo, A003 é sugerido. Na tabela "Text", você pode inserir o texto de mensagem para mensagens “que chegam“ (incoming) e mensagens “que vão“ (outgoing).Você pode mudar o número da mensagem na tabela "Identification".
    Wildcards(códigos) Até dois códigos (wildcards) podem ser inseridos em um texto de mensagem. Estes valores são passados através de parâmetros "INFO1/INFO2" do SFC 52.No exemplo, o valor do INFO 2 é mostrado como um número real. Para inserir um código (wildcard), você começa com o caractere @. Este é seguido por 1 ou 2, dependendo se você deseja mostrar o valor do INFO1 ou INFO2. O formato da declaração vem em seguida, por exemplo, %e. Os seguintes formatos de declaração são possíveis:•%ixnúmero hexadecimal com i casas•%iunúmero decimal não sinalizado com i casas•%idnúmero decimal sinalizado com i casas •%enúmero ponto flutuante normalizado, valor sinalizado do formato•%Enúmero ponto flutuante normalizado, como o formatato %e, mas uma letra maiúscula fica antes do expoente (E ao invés de e)
  • IntroduçãoNo slide você pode ver um exemplo de programa, no qual uma mensagem de usuário é inserida no buffer de diagnóstico e é mostrada através de mensagem da CPU.
    DescriçãoO bloco SFC 52 é chamado condicionalmente através da entrada "EN" se o valor analógico exceder o valor limite de 5000.
    A entrada "SEND" tem o estado de sinal "1" e como um resultado, a mensagem é enviado para um PG parametrizada com mensagens de CPU.
    Na entrada "EVENTN" foi especificado que a primeira mensagem do grupo A será mostrado na chegado do evento.
    Você pode inserir códigos (wildcards) nos textos de mensagens através das entradas "INFO1/INFO2". No exemplo, o valor analógico será mostrado deste modo.
    A saída "RET_VAL" entrega uma mensagem de erro se:
    • a mensagem não puder ser enviada porque nenhum nó está conectado ou o buffer estiver cheio, ou
    •o SFC52 teve parâmetros atribuídos com valores ou formatos inválidos na chamada.
  • GeralVocê pode ver a estrutura do parâmetro EVENTN no slide. Ele é um parâmetro de entrada do bloco SFC 52, com o qual você especifica o texto da mensagem a ser inserido no buffer de diagnóstico.
  • GeralOs módulos de sinal também possuem módulos com capacidade de diagnóstico. Erros no módulo ou erros externos tais como quebra-de-fio, são identificados e indicados pelo led "SF" no módulo. No caso de um erro, o módulo dispara uma interrupção de diagnóstico pelo OB 82 na CPU. Você pode consultar dados técnicos no catálogo ST 70 ou nos manuais para determinar quais módulos possuem capacidade de diagnóstico.
    Atribuição de Para ativar os diagnósticos do módulo, clique na caixa em frente ao “Diagnostic
    ParâmetrosInterrupt“ quando estiver atribuíndo parâmetros e especifique quais canais serão monitorados. Então os campos com erros serão monitorados, por exemplo, quebra-de-fio, estão habilitados. O slide mostra o exemplo do módulo analógico 335 capaz de diagnóstico, o qual é usado na versão A da unidade de treinamento.
    Interrupção de Se nenhum OB 82 estiver presente na CPU, a CPU vai para o estado Stop
    Diagnóstico existir um módulo com erro.
    As informações de partida do OB 82 contem informações adicionais sobre a causa do erro, as quais podem ser avaliadas pelo software (ver ajuda Online).
  • IntroduçãoCom esta função, você obtem uma visão rápida do estado do sistema PLC. Se por exemplo, existe uma falha de hardware em um módulo capaz de diagnóstico, você pode identificar, por exemplo, através do uso de um símbolo, qual módulo está falho e onde está localizado. Quando você dá um duplo clique sobre o módulo falho, informações adicionais são mostradas.
    Abrindo a Selecione a opção de menu PLC -> Diagnose Hardware no SIMATIC Manager ou
    Ferramenta na ferramenta de configuração de HW, pela abertura da estação online com um clique sobre o ícone na barra de ferramentas.
    DescriçãoQuando você abrir o diagnóstico do sistema, a configuração de hardware é lida da CPU (ver tela aberta do lado esquerdo). Nesta vista, todos os módulos presentes (mesmo aqueles dos módulos de expansão ou I/O distribuído) são mostrados.
    Se a CPU estiver em modo Stop ou se existir um módulo falho, isto é indicado com símbolos. Você pode dar um duplo clique na CPU ou no módulo falho para obter demais informações de diagnóstico (ver tela aberta do lado direito). No exemplo, existe um falha de alimentação em um módulo analógico.
    NotaSe você tiver selecionado a opção de menu Options -> Customize -> View no SIMATIC Manager e ativado (checado) a caixa de diálogo "Display Quick View when Diagnosing Hardware", somente uma lista de módulos falhos será mostrada ao invés da janela completa "Diagnosing Hardware".
  • ObjetivoQuando uma CPU vai para STOP devido a um erro esporádico, uma mensagem aparecerá imediatamente na PG. Você então terá a chance de executar uma análise de erro.
    O que fazer•Abra o SIMATIC Manager e escolha o programa S7 "My Program" do projeto "My Project" e selecione a opção de menu PLC =>CPU Messages.
    •Na janela que aparece agora "Customize - CPU Messages", ative a opção "W" em frente ao projeto.
    •Agora, utilizando a chave seletora, mude a CPU para STOP e monitore a reação no PG.
    ResultadoUma tela aparece com a causa do Stop.
  • ObjetivoUm sistema deverá ser monitorado para saber se e quando uma operação manual for ativada. Uma mensagem será inserida no buffer de diagnóstico por uma transição no flip-flop "Manual".
    O que fazer•Use a lista de referência do programa S7 "FILL" para determinar qual saída é utilizada como memória do modo de operação manual.
    •Insira um novo network no final do FC 15 (programa S7 "FILL").
    •Crie um programa que insira uma mensagem no buffer de diagnóstico quando o modo de operação manual é acionado (detecção de transição do RLO).A atribuição da função do sistema SFC 52 é mostrado no slide (com excessão da condição de chamada).
    •Transfira o FC 15 para a CPU e teste o programa.
    ResultadoUma mensagem é inserida no buffer de diagnóstico quando o modo de operação manual é acionado. Se a ferramenta "CPU Messages" estiver ainda ativada, a mensagem do usuário também é mostrada na PG.
  • ObjetivoOs diagnósticos estão sendo ativadas no módulo analógico podem ser detectados assim que uma falha ocorrer, tal como uma falha de alimentação.
    O que fazerExecute os passos mostrados no slide.
    ResultadoVocê obtem informações adicionais sobre falhas de hardware através da ferramenta "Diagnose Hardware".
  • ObjetivoFamiliarizar-se com como avaliar informações adicionais no OB de erro.
    ExemploUm erro de acesso é esporadicamente sinalizado de um módulo particular (neste exercício, o módulo analógico com o endereço 352/304). Até que você possa trocar o módulo, você gostaria de prevenir que a CPU vá para o estado Stop, quando o erro de acesso é gatilhado pelo módulo. A CPU vai para o estado Stop por erros de acesso de outros módulos.
    O que fazer•Insira um novo network em frente do primeiro network no bloco OB 122 no programa S7 "ERROR".
    •Escreva o programa em um novo network para o exemplo.
    •Transfira o OB 122 para a CPU.
    •Teste o programa, retirando o conector frontal do módulo analógico.
    ObjetivoA CPU não vai para o estado Stop, quando o módulo analógico tiver falhado.
  • ObjetivoQuando uma falha de bateria ocorrer, a saída Q 9.7 (Q 5.7) piscará até que a bateria volte a operar corretamente.A avaliação do erro de bateria ocorre no OB 81 de erro.
    OB 81O OB de erro OB 81 é chamado duas vezes pelo sistema operacional. Uma vez quando o erro ocorre e novamente quando o erro é eliminado. O sistema operacional insere um identificador na variável "OB81_EV_CLASS", quando o erro ocorre ou quando é eliminada:
    •Identificador B#16#38->Falha da bateria
    •Identificador B#16#39->Bateria volta a trabalhar.Um identificador de erro pode ser encontrado em outra variável "OB81_FLT_ID". Para o S7-300, quando uma bateria falha, o número hexadecimal 22 é inserido.Para o S7-400 existem identificadores adicionais.A saída piscando não pode ser implementada no OB 81, desde que o bloco não é executado ciclicamente. Por esta razão, um flag de memória auxiliar M 81.0 somente é setado e resetado pelo OB de erro. No OB 1, esta memória auxiliar é atribuída, conectado à memória de pisca-pisca M 10.3 e atribuído a saída.
    O que fazerVer slide.
    ResultadoUma falha de bateria é sinalizada.
  • Stoe 09 p

    1. 1. Data: 22.04.14 Arquivo: STOE_09P.1 SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved. Conhecimento em Automação Training Center Erros Esporádicos
    2. 2. Data: 22.04.14 Arquivo: STOE_09P.2 SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved. Conhecimento em Automação Training Center Mostrando Mensagens da CPU
    3. 3. Data: 22.04.14 Arquivo: STOE_09P.3 SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved. Conhecimento em Automação Training Center Escrevendo Mensagens do Usuário no Buffer de Diagnóstico SEND = TRUE 1 2 Buffer de Envio Buffer de Diagnóstico Envio assíncrono p/ programa do usuário Nó p.ex. PG, OP CPU SFC 52
    4. 4. Data: 22.04.14 Arquivo: STOE_09P.4 SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved. Conhecimento em Automação Training Center Configurando suas próprias Mensagens de Texto
    5. 5. Data: 22.04.14 Arquivo: STOE_09P.5 SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved. Conhecimento em Automação Training Center Chamando o Bloco SFC 52 Network 2: mensagem do usuário quando valor limite é excedido ENO RET_VAL #error_sfc52 SFC 52 EN SEND EVENTN INFO 1 INFO 2 #analog value_ normalized #dummy W#16#A901 M 0.1 M 0.1 P #analog value_ normalized 5.000000e+003 CMP>R IN1 IN2 >=1 M 90.1
    6. 6. Data: 22.04.14 Arquivo: STOE_09P.6 SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved. Conhecimento em Automação Training Center Estrutura do Parâmetro EVENTN do Bloco SFC 52 Event class 15 14 13 12EVENTN 1..9 são textos padrões para diferentes eventos (ver o manual "Standard and System Functions") A..B textos livres, que são especificados usando Configuração de Mensagens C..F reservado para expansões no futuro Event class (classe do evento) 11 10 9 8 Identification Especifica se ela é um evento de mensagem chegando ou indo, ou, um evento interno ou externo, por exemplo: Bit 8= "1" --> mensagem de chegada (incoming) Bit 8= "0" --> mensagem de ida (outgoing) Bit 10= "1" --> falha interna Bit 11= "1" --> falha externa Identification (identificação) 7 6 5 4 3 2 1 0 Event number Número de mensagem contínua de 1 a 255 dentro de uma classe de evento Event number (número do evento)
    7. 7. Data: 22.04.14 Arquivo: STOE_09P.7 SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved. Conhecimento em Automação Training Center Módulos com Capacidade de Diagnóstico Atribuição de parâmetros para um módulo com capacidade de diagnóstico: ... dispara uma interrupção de diagnóstico pelo OB 82 quando ocorre um erro
    8. 8. Data: 22.04.14 Arquivo: STOE_09P.8 SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved. Conhecimento em Automação Training Center Mostrando Diagnóstico de Hardware no SIMATIC Manager 2x
    9. 9. Data: 22.04.14 Arquivo: STOE_09P.9 SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved. Conhecimento em Automação Training Center Exercício: Habilitando Mensagens de Diagnóstico
    10. 10. Data: 22.04.14 Arquivo: STOE_09P.10 SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved. Conhecimento em Automação Training Center Exercício: Expondo Mensagens do Usuário SFC 52 SEND EVENTN INFO1 INFO2 RET_VALTRUE W#16#9101 MW 54 MD 56 MW 52 ??? * * * um contato deve ser conectado na EN pela programação em LAD ! EN
    11. 11. Data: 22.04.14 Arquivo: STOE_09P.11 SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved. Conhecimento em Automação Training Center Exercício: Habilitando Interrupções de Diagnóstico e Simulando Falhas de Hardware Passo O que fazer Resultado Habilita a interrupção do diagnóstico no módulo analógico ! (Config.HW)1 O diagnóstico de hardware é ativado 2 Transfira a configuração na CPU 3 Remova o conector frontal do módulo analógico ! O led "SF" no módulo analógico indica uma falha de hardware 4 A configuração é aberta onlineAtive a ferramenta "Diagnose Hardware" ! 5 A mensagem "Power supply failure" é como a causa do erro Esclareça a causa do erro com a ferramenta !
    12. 12. Data: 22.04.14 Arquivo: STOE_09P.12 SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved. Conhecimento em Automação Training Center Exercício: Avaliando as Informações de Partida do OB de Erro L OB122_SW_FLT //Identificador de acesso somente leitura ou escrita L B#16#42 //Identificador de acesso somente de leitura ==I //Comparador de igualdade = M 122.0 //Flag de memória auxiliar L OB122_MEM_ADDR //Endereço do módulo, que disparou o erro L 352 //Endereço do módulo analógico (Versão A) ==I //Avaliação, se há erro no módulo analógico = M 122.1 //Flag de memória auxiliar • • • • Exemplo de um OB 122 para avaliação das informações de partida
    13. 13. Data: 22.04.14 Arquivo: STOE_09P.13 SIMATIC S7Siemens AG 1999. All rights reserved. Conhecimento em Automação Training Center Exercício: Avaliando uma Falha de Bateria Passo O que fazer Resultado O OB 81 de erro é chamadoRemova a bateria de backup da CPU1 Supostamente, ele não está piscando. Verifique, se a saída Q 9.7 (Q 5.7) está piscando. 2 A saída pisca enquanto a bateria estiver esgotada ou extraída. Encontre o erro e elimine-o3

    ×