Your SlideShare is downloading. ×
0
Climatologia – Aula 7     Geologia - FINOM           Márcio Santosprofessormarciosantos2.blogspot.com.br
Imagem das Águas de Março
Frentes• São regiões de transição ou "zonas limite" entre massas de ar  de propriedades ou características diferentes. Ass...
• Essas descontinuidades frontais podem ser  classificadas, tendo-se como fundamentos o  seu deslocamento e as mudanças de...
Uma frente fria é uma descontinuidade frontal na qualuma massa de ar de menor temperatura desloca, dasuperfície do solo, u...
• Porque a frente fria é um  cavado de pressão baixa,  mudanças rápidas em  pressão podem ser  significantes em localizar ...
Frente quente é uma descontinuidade frontal na qualuma massa de ar de menor temperatura é substituída,de junto do solo, po...
• À medida que a frente se  aproxima, o ar quente se  concentra mais próximo  da superfície, e nuvens  médias Alto-estrato...
• Frente estacionária é toda  descontinuidade frontal que  apresenta pequeno ou  nenhum deslocamento  horizontal.• Quando ...
Eventos Oscilação Sul               El Niño e La Niña• O ENOS, ou El Niño         • O El Niño pode afetar o  Oscilação Sul...
• Durante um evento El Niño, os  ventos alísios convergentes em  todo o Pacífico equatorial se  enfraquecem. Isto, por sua...
• O La Niña é um fenômeno oceânico-atmosférico com  características opostas ao EL Niño, e que caracteriza-se por  um esfri...
Climatologia – aula 7
Climatologia – aula 7
Climatologia – aula 7
Climatologia – aula 7
Climatologia – aula 7
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Climatologia – aula 7

257

Published on

Aula de Climatologia para o 3.o Período de Geologia da FINOM. Conteúdo baseado em TORRES, Fillipe e MACHADO, Pedro. Climatologia. São Paulo : Cencage Learning, 2011.

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
257
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
16
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Climatologia – aula 7"

  1. 1. Climatologia – Aula 7 Geologia - FINOM Márcio Santosprofessormarciosantos2.blogspot.com.br
  2. 2. Imagem das Águas de Março
  3. 3. Frentes• São regiões de transição ou "zonas limite" entre massas de ar de propriedades ou características diferentes. Assim, as propriedades do ar passam gradativamente de uma massa para outra (mistura ou troca).• No contato entre duas massas de ar de temperaturas diferentes forma-se uma superfície de descontinuidade, conhecida como superfície frontal.• Essa descontinuidade é uma zona de transição, estreita e inclinada, na qual os elementos meteorológicos variam mais ou menos abruptamente.• A linha ou zona de contato da superfície frontal com a superfície do solo, ou qualquer outro plano horizontal, é chamada de Frente.
  4. 4. • Essas descontinuidades frontais podem ser classificadas, tendo-se como fundamentos o seu deslocamento e as mudanças de temperatura que elas causam, em frente fria, frente quente e frente estacionária.• A massa de ar de menor temperatura, e consequentemente, maior densidade, permanece em contato com a superfície do solo, fazendo com que a massa de ar de maior temperatura e menor densidade se eleve sobre a superfície frontal.
  5. 5. Uma frente fria é uma descontinuidade frontal na qualuma massa de ar de menor temperatura desloca, dasuperfície do solo, uma massa de ar de maiortemperatura.
  6. 6. • Porque a frente fria é um cavado de pressão baixa, mudanças rápidas em pressão podem ser significantes em localizar a posição da frente. A pressão mais baixa geralmente ocorre assim que a frente passa sobre uma estação meteorológica.• Se você vai de encontro à frente de qualquer lado, a pressão atmosférica desce, e se você vem para fora da frente, a pressão atmosférica sobe.
  7. 7. Frente quente é uma descontinuidade frontal na qualuma massa de ar de menor temperatura é substituída,de junto do solo, por uma massa de ar de maiortemperatura.Em um mapa do tempo, a posição na superfície érepresentada por uma linha com triângulos ou "dentes"estendidos para o ar mais quente.
  8. 8. • À medida que a frente se aproxima, o ar quente se concentra mais próximo da superfície, e nuvens médias Alto-estratos e Alto-cúmulos são formadas. O processo da chuva ou neve ocorre quando as nuvens Alto- estratos atingem sua maior densidade. A intensificação da precipitação pode ocorrer com a formação das nuvens nimbos- estratos.
  9. 9. • Frente estacionária é toda descontinuidade frontal que apresenta pequeno ou nenhum deslocamento horizontal.• Quando o ar polar não tem força para avançar mais para o norte, nem o ar quente tem energia suficiente para empurrar a massa polar para o sul (no caso do HS), formam-se as frentes estacionárias.• Provocam chuvas continuadas sobre a área em que se localizam.
  10. 10. Eventos Oscilação Sul El Niño e La Niña• O ENOS, ou El Niño • O El Niño pode afetar o Oscilação Sul resulta da clima regional e global, interação atmosfera- mudando os padrões de oceano associada ao vento a nível mundial, e aumento acentuado da afetando assim, os temperatura da regimes de chuva em superfície do mar (TSM) regiões tropicais e de e dos ventos alísios na latitudes médias. região do Pacífico oeste, próximo à Austrália.
  11. 11. • Durante um evento El Niño, os ventos alísios convergentes em todo o Pacífico equatorial se enfraquecem. Isto, por sua vez diminui a corrente oceânica que atrai água de superfície para longe da costa ocidental da América do Sul e reduz o processo de ressurgência de frio, a água rica em nutrientes, a partir do mais profundo do oceano, levando ao achatamento da termoclina e permitindo que a água quente da superfície permaneça na parte oriental da bacia oceânica.
  12. 12. • O La Niña é um fenômeno oceânico-atmosférico com características opostas ao EL Niño, e que caracteriza-se por um esfriamento anormal nas águas superficiais do Oceano Pacífico Tropical.• Alguns dos impactos de La Niña tendem a ser opostos aos de El Niño, mas nem sempre uma região afetada pelo El Niño apresenta impactos significativos no tempo e clima devido à La Niña• Na verdade, ocorre um ciclo de aquecimento /resfriamento (respectivamente, “El Niño” e La-Niña”) da superfície do oceano Pacífico ao longo dos anos.
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×