• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
ASPECTOS SOCIAIS E PSICOLÓGICOS DO ENVELHECIMENTO
 

ASPECTOS SOCIAIS E PSICOLÓGICOS DO ENVELHECIMENTO

on

  • 10,729 views

SEGUNDA JORNADA DE GERIATRIA E GERONTOLOGIA - LAGG UFJF

SEGUNDA JORNADA DE GERIATRIA E GERONTOLOGIA - LAGG UFJF

Statistics

Views

Total Views
10,729
Views on SlideShare
10,695
Embed Views
34

Actions

Likes
0
Downloads
48
Comments
0

1 Embed 34

http://www.slideshare.net 34

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    ASPECTOS SOCIAIS E PSICOLÓGICOS DO ENVELHECIMENTO ASPECTOS SOCIAIS E PSICOLÓGICOS DO ENVELHECIMENTO Presentation Transcript

    • II Jornada da LAGG/UFJF Março/09
      • Aspectos Sociais:
      • Quem ele é;
      • Como vive;
      • O que pensa.
      • A Pesquisa:
      • Data Folha/Folha São Paulo;
      • Edição: 15/03/09 – Caderno Maturidade;
      • Período: 17 e 19/11/08;
      • Entrevistados: 1.238 pessoas acima de 60 anos;
      • 140 municípios de 24 estados e D.F.
    • II Jornada da LAGG/UFJF Março/09
      • Expectativa de Vida:
      • Início Séc. XX – 34a.;
      • 2007 – 72,6a.:
      • “ Que podia um velho fazer/ Nos idos de 1916/A não ser pegar pneumonia,/ Deixar tudo para os filhos/ E virar fotografia.”
      • (Paulo Leminski)‏
      • *1944 Viveu 45a.
      • + 1989 Curitiba/PR.
    • II Jornada da LAGG/UFJF Março/09
      • Sua Identidade:
      • 54% ganham 01 Salário mínimo através da Previdência Pública;
      • O maior programa social do País;
      • Não fosse a aposentadoria, a pobreza chegaria a mais de 50% dos idosos.
      • Como Vive:
      • 57% avalia sua saúde como ótima.
      • Ótima mas não perfeita (tem dor muscular, hipertensão, depressão, colesterol e por aí vai);
      • 82% tomam remédios regularmente. É um paradoxo? Não: o que define a saúde não é a ausência de doenças, mas a capacidade do indivíduo para desempenhar satisfatoriamente suas atividades diárias. (boa funcionalidade).
    • II Jornada da LAGG/UFJF Março/09
      • Exemplos:
      • A Pessoa pode ter diabetes, artrose e hipertensão e se achar saudável porque tem qualidade de vida.
      • Outra pessoa, tem só uma doença, mas que o imobiliza. Esta sente que não tem saúde.
      • Saúde de acordo com o gênero:
      • As mulheres reclamam mais de saúde, declaram sofrer um número maior de todos os males, fazem mais cirurgias e consultas médicas, tomam mais remédio.
      • *Elas são mais doentes? Não. Elas se cuidam muito mais.
    • II Jornada da LAGG/UFJF Março/09
      • A Sociabilidade/Inserção Social:
      • 2 em 10 vivem sozinhos;
      • 87% dos idosos dizem que a sociedade tem preconceito contra eles.
      • O valor social é dado pela capacidade produtiva. O que o idoso produz?
      • Lugar de velho é em casa?
      • O que Ele Pensa:
      • Maior sonho: A casa própria ;
      • Maior medo: da violência.
      • A maioria se diz feliz
    • II Jornada da LAGG/UFJF Março/09
      • “ A vida, a felicidade e a paz são caminhos e não destinos.”
      • (Alexandre Garcia)‏
    • II Jornada da LAGG/UFJF Março/09
      • José Anísio Silva
      • Assistente Social/Gerontólogo
      • Departamento de Saúde da Terceira Idade/SS
      • Contatos: 3690-7725
      • [email_address]