Loading…

Flash Player 9 (or above) is needed to view presentations.
We have detected that you do not have it on your computer. To install it, go here.

Like this document? Why not share!

Marketing e pesquisa de mercado

on

  • 33,036 views

Trabalho sobre conceitos de marketing, pesquisa de mercado e história da pesquisa de mercado

Trabalho sobre conceitos de marketing, pesquisa de mercado e história da pesquisa de mercado

Statistics

Views

Total Views
33,036
Views on SlideShare
33,036
Embed Views
0

Actions

Likes
2
Downloads
322
Comments
3

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft Word

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel

13 of 3 Post a comment

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Marketing e pesquisa de mercado Marketing e pesquisa de mercado Document Transcript

    • Conceito de Marketing Marketing é uma das muitas palavras estrangeiras que foram trazidas para o português, e sua tradução é mercadologia. É bem o que ela quer dizer, no nosso dia a dia, marketing nada mais é do que a procura por se manter a demanda e a oferta em perfeito equilíbrio através do uso. O uso dos próprios clientes, ou seja da compra, e também a manutenção destes compradores, para que eles continuem sempre querendo comprar. O marketing lida com os “4 P´s”, Produto, Preço, Praça e Promoção, onde produto, é o bem a ser vendido, preço, é o valor que terá o bem para atrair as pessoas à compra, praça, é o local onde estão os clientes e onde o produto será vendido, como pontos de venda e por último, promoção, que muitos pessoas, erroneamente, consideram como o velho “chamarisco” “leve 2, pague 1”, mas não é, promoção é apenas o jeito de promover o produto entre os consumidores, como a empresa vai levar ao conhecimento público o seu produto, marca, preço, praça e etc... O marketing usa, em sua essência, várias outras ciências humanas, como sociologia, antropologia, psicologia e estatística, onde este espera sempre convencer os clientes em potencial à consumir. Resumindo, o marketing serve para vender produtos, para manter a lei da oferta e procura, mas como ele irá fazer isso, é o grande desafio.Como o marketing faz para manter esta lei? Além de todas as áreas da ciências humanas que já foram ditas, ele também usa a “pesquisa de
    • mercado”, que será devidamente explicada, entendida e sua história desvendada agora. O Conceito de Pesquisa de Mercado “Seja para a abertura ou expansão de um negócio, a primeira providência que um empreendedor deve tomar é desenvolver uma análise mercadológica. A pesquisa de mercado é a ferramenta certa para suprir a necessidade de desenvolver estratégias para valorizar marcas, conhecer melhor os consumidores, identificar a estrutura da concorrência, enfim, obter informações que possam orientar não só a formulação de um plano de marketing, como a tomada de decisões mais cotidianas.” (http:// www.ibope.com.br/calandraWeb/BDarquivos/sobre_pesquisas/pesq uisa_mercado.html) Como já foi dito pela fonte do IBOPE, é imprescindível que se faça uma pesquisa de mercado, mesmo que hoje, muitos não a façam, antes de abrir qualquer empresa, lançar qualquer produto ou antes de fazer qualquer modificação em alguma estrutura defeituosa na empresa. Mas o que é pesquisa de mercado, por quê exatamente é feita e qual a sua história? Pesquisa de mercado nada mais é do que uma ferramenta de trabalho para a tomada de decisões dentro ou fora da empresa.Ela pesquisa as tendências de mercado e de clientes em potencial, para que assim, seja
    • mais fácil a tomada de decisões, para que quem vá deliberar tenha uma visão mais ampla de o que está acontecendo na sua empresa ou o que irá acontecer logo depois de sua decisão. A história da pesquisa de mercado é muito antiga, sem nem mesmo ter exatamente dados comprovados de quando “nasceu”, há dados que nos remetem ao século XVIII, ou a era medieval. Cronologicamente, várias são as datas importantes para o “nascimento” da Pesquisa de Mercado, claro, dependendo do enfoque, mas ao certo pode-se dizer que a pesquisa de mercado é muito antiga. Lembrando que a palavra “pesquisa” vem do latim perquirere - quot;procura cuidadosaquot; e mercado, mercatu “permutação ou troca de produtos e valores”, assim, vemos que a pesquisa de mercado é mais antiga que o capitalismo de hoje, pois sempre houve uma espécie muito simples, para a atualidade, de pesquisa de mercado, onde nada mais é, que ver e avaliar a situação da economia da época. Agora, vamos convergir para tempos mais modernos e nos concentrar no nascimento da Pesquisa de Mercado como hoje a vemos: com forte intuito comercial, sem, contudo, tirar sua essência e importância no âmbito social. A pesquisa de mercado é conhecida como atividade organizada desde o século XX. Algumas fontes apontam como primeira pesquisa de mercado foi realizada por Nichols-Shepard Co,um fabricante de máquinas de debulhar, da agência N.W. Ayer & Son, que usou para fins comerciais, numa análise da produção de grãos. Em 1911, Charles Collidge Parlin criou a Divisão de Pesquisa Comercial do Depto. de Propaganda da Cia. Editora Curtis, onde seu
    • primeiro trabalho foi sobre implementos agrícolas, seguido de estudos sobre hábitos e atitudes de compra de clientes de lojas de departamento (Campbell Soup) e dos problemas de marketing da indústria automobilística. Neste mesmo ano a Kellogg's realizou uma pesquisa, via correios, para determinar quais revistas eram lidas por diferentes pessoas. Alguns anos depois, em 1915, a United States Rubber Company contrata o Dr. Paul H. Nystron para chefiar seu programa de pesquisa comercial. Em 1917 a Swift & Company organizou seu departamento de pesquisa comercial, chamando L.D. Weld, da Universidade Yale, para dirigi- lo. Dois anos após, em 1919, foi publicado o primeiro livro didático de Pesquisa de Mercado: quot;Commercial Research - an outline of working principlesquot; - por C.S. Duncan. Muito da pesquisa mercadológica desta época, não existem amostragens diretas, apenas relatos de consumidores, mais já depois dos anos 30, mais especificamente do ano de 1929 em diante, as pesquisas foram se desenvolvendo, com as técnicas de estatísticas que conduziam a refinamentos nos procedimentos de amostragem e assim, maior precisão em suas conclusões. O governo dos EUA se interessou por pesquisas de mercado. Em 1929 foi criado o primeiro censo sobre isso e este ano ficou conhecido como a “Grande Depressão”, onde verbas de empresas eram cortadas e os departamentos de marketing e publicidade eram os primeiros a serem afetados. Assim não é difícil de entender por que o súbito interesse por pesquisas de mercado. As empresas precisavam restabelecer suas
    • grandezas e seus cofre, assim iam precisar da pesquisa de mercado. Nada é por acaso! Em 1933, Alfred P. Sloan, presidente da General Motors Corporation, disse: quot;A empresa moderna, com suas operações em larga escala, tende a criar um abismo entre o freguês e os responsáveis pelo destino de uma instituição. Não podemos mais depender de contatos casuais e impressões pessoais - nossa empresa é muito grande, nossas operações são em larga escala.quot; Em 1935, George Gallup, que trabalhava na agência de publicidade Young & Rubicam, abre sua própria empresa de pesquisa de opinião. Outro nome que é, quase sinônimo de Pesquisa de Mercado. No final da década, apareceu o mais importante personagem da história da pesquisa de mercado no Brasil, Prof. Octávio da Costa Eduardo, estudante de direito da Escola de Sociologia Política. Aprendeu métodos de pesquisa, sendo atraído pela pesquisa de opinião desde o início da sua atuação profissional, conseguiu um estágio no Depto. de Cultura da Prefeitura Municipal - Divisão de Documentação Social e Estatística - imaginem, na época, chefiado por Mário de Andrade. Em 1940 chegou ao Brasil, o pesquisador americano Lloyd Free, que veio para fazer uma pesquisa de como os brasileiros reagiriam com a entrada dos EUA na Segunda Guerra Mundial, e em relação aos outros países do Eixo. Assim o Prof. Octávio da Costa Eduardo, conseguiu sua primeira experiência prática em pesquisas de mercado, e esta foi a primeira pesquisa de mercado realizada no Brasil.
    • Dr. Octávio fundou em 1955 um dos mais antigos institutos de Pesquisa de Mercado no Brasil: Inese - Instituto Nacional de Estudos Sociais e Econômicos. Na época, existia somente o Ibope - fundado em 1942, e o departamento de Pesquisa de Mercado da Mcann Erickson. A pesquisa de mercado nunca foi tão bem arquitetada como na Segunda Guerra Mundial. Foi usada por praticamente todos os países em guerra, pois se podia entrar em conflitos, mas o mercado tinha que estar sempre ativo, pois em lutas se gasta muito dinheiro, e precisa-se ter algo para sustentá-la, assim o mercado tem que estar funcionando a todo vapor. Já em anos recentes, os avanços da computação mudaram a complexidade da pesquisa de mercado, pois com estes, pode-se acelerar o ritmo das pesquisas, expandir as bases da coleta de dados. Os computadores auxiliam empresas a tomar decisões. por todas as pesquisas estarem ali documentadas. Hoje, o profissional tem que encontrar os dados certos, analisá-los, e organizá-los da forma mais eficiente, para que o cliente (não perito em pesquisas de mercado) possa entendê-la e tomar suas próprias decisões, para que assim ele tenha ótimos rendimentos. Concluindo, a pesquisa de mercado sempre foi usada vastamente em toda a história da civilização, sempre teve de ser usada, tanto em situações do cotidiano, como em grandes empresas, nas tomadas de decisões, onde o que está em jogo, são altos valores monetários.
    • Fontes: Conceito de Marketing: http://www.tudoemfoco.com.br/marketing-conceito-tipos- marketing- esportivo.html Definição de Pesquisa de mercado: http://www.ibope.com.br/calandraWeb/BDarquivos/sobre_pesquis as/pesquisa_mercado.html História da pesquisa de mercado: http://grupomc-marketing.blogspot.com/ http://www.geocities.com/rminadeo/Marketing-I/mktI8-pesq.htm