Your SlideShare is downloading. ×
Boletim Informativo - Município de Ílhavo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Introducing the official SlideShare app

Stunning, full-screen experience for iPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Boletim Informativo - Município de Ílhavo

3,410
views

Published on

Edição n.º 21, Julho de 2008. …

Edição n.º 21, Julho de 2008.

Site do Instituto Superior Miguel Torga: www.ismt.pt

Visite outros sítios de Dinis Manuel Alves em www.mediatico.com.pt , www.slideshare.net/dmpa,
www.youtube.com/mediapolisxxi, www.youtube.com/fotographarte, www.youtube.com/tiremmedestefilme, www.youtube.com/discover747 ,
http://www.youtube.com/camarafixa, , http://videos.sapo.pt/lapisazul/playview/2 e em www.mogulus.com/otalcanal
Ainda: http://www.mediatico.com.pt/diasdecoimbra/ , http://www.mediatico.com.pt/redor/ ,
http://www.mediatico.com.pt/fe/ , http://www.mediatico.com.pt/fitas/ , http://www.mediatico.com.pt/redor2/, http://www.mediatico.com.pt/foto/yr2.htm ,
http://www.mediatico.com.pt/manchete/index.htm ,
http://www.mediatico.com.pt/foto/index.htm , http://www.mediatico.com.pt/luanda/ ,
http://www.biblioteca2.fcpages.com/nimas/intro.html

Published in: News & Politics

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
3,410
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
3
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Município de Ílhavo Boletim Informativo Edição nº 21 | Julho 2008 Distribuição Gratuita » Hospital de Ílhavo - Protocolo » Requalificação do Jardim Oudinot » Inauguração CMI/St.ª Casa da Misericórdia Gafanha da Nazaré Centro Cultural de Ílhavo » ver pág. 3 » ver pág. 5 » ver pág. 12 Praias do Município 2008 Bandeira Azul Ponte da Barra recuperada Novas Ciclovias e Percursos Pedonais » ver pág. 25 Relatório e Contas 2007» ver pág. 22 a 24
  • 2. 2 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 Mais Obra Município de Ílhavo ... em movimento obras concluídas recentemente... 1. 2. 3. Município de Ílhavo Boletim Informativo director Eng. José Agostinho Ribau Esteves propriedade e edição Câmara Municipal de Ílhavo redacção Pelouro da Comunicação e Informação fotografias Arquivo Câmara Municipal de Ílhavo 4. 5. 6. 7. 8. 9. design Gabinete de Comunicação impressão FIG periodicidade Trimestral tiragem 19 000 depósito Legal Nº 178608/02 distribuição Gratuita 1. Centro Cultural de Ílhavo 6. Requalificação Urbana Av. Mário Sacramento - Ílhavo 2. Requalificação Urbana Av. José Estevão - Gafanha da Nazaré 7. Ciclovia e Percursos Pedonais na Av. João Corte Real - Praia da Barra 3. Saneamento Básico da Gafanha da Encarnação 8. Acesso à Ponte da Barra (Ciclovia e Percursos Pedonais) 4. Saneamento Básico da Gafanha do Carmo 9. Repavimentação de Troço da Av. José Estevão - Gafanha da Nazaré 5. Novo Serviço de Atendimento Integrado da Câmara Municipal de Ílhavo obras em curso ... 10. 11. 12. 10. Requalificação do Jardim Oudinot - Gafanha da Nazaré 13. 11. Ligação da Rua da Fonte/acesso à A25 - Gafanha da Encarnação 12. Ampliação do Complexo Desportivo G. D. Gafanha 13. Limpeza exterior do Edifício dos Paços do Município FICHA TÉCNICA
  • 3. 3 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição Protocolo de Cooperação CMI e Santa Casa de Editorial Misericórdia de Ílhavo Construção do Hospital de Cuidados Continuados Realizou-se, no passado dia 20 de Maio, a assinatura de um Protocolo de Cooperação para a Construção do Hospital de Cuidados Continuados entre a Câmara Municipal de Ílhavo e a Santa Casa de Misericórdia de Ílhavo (SCMI). Estamos em pleno Verão, na ambiência das férias de muitos e das Festas do Município que, durante todo o mês de Agosto, vão estar ao dispor de todos com uma oferta diversificada de eventos por todo o Município. O MarAgosto 2008 começa com o Festival do Marisco que o Illiabum Clube realiza em parceria com a Câmara Municipal de Ílhavo, e vai ter o seu ponto alto A sessão da assinatura deste Pro- reclamada e necessária à população aos nossos idosos”, agradecendo o de 20 a 24 de Agosto, no renovado Jardim Oudinot, com a realização do Festival tocolo, que decorreu na Santa Casa do Município de Ílhavo e da Região. apoio total e incondicional da Câma- do Bacalhau 2008, com Tasquinhas, Música, Artesanato, Exposições, e outros da Misericórdia de Ílhavo, contou O novo Hospital, cujo início da em- ra Municipal de Ílhavo que cobrirá atractivos. com a presença do Presidente da preitada de construção está previsto dez por cento do investimento total Depois de dez anos de realização das “Tasquinhas de Ílhavo”, a Câmara Mu- Câmara Municipal de Ílhavo, Eng. até ao final do ano, terá um prazo da obra, ou seja cerca de 400.000,00 nicipal de Ílhavo e a Confraria Gastronómica do Bacalhau (entidades organiza- Ribau Esteves, do Provedor da de execução de cerca de um ano e Euros. doras) entenderam concretizar uma aposta maior na promoção dos valores da Santa Casa da Misericórdia, Prof. meio, perspectivando-se a sua con- Ribau Esteves congratulou-se gastronomia e da cultura do bacalhau de que o Município de Ílhavo é a verdadei- Fernando Maria Duarte e ainda do clusão e activação para o terceiro pelo momento vivido e anunciou ra capital nacional, apostando na afirmação desta condição. representante da Administração Re- trimestre de 2010. ainda que “a EN109 entrará em No ano da comemoração dos 110 anos da Restauração do Município e da gional de Saúde do Centro, Dr. Joa- O Provedor da Santa Casa da obras de requalificação, no âmbito inauguração desse extraordinário espaço que é o (renovado) Jardim Oudinot, quim Gomes da Silva. Misericórdia afirmou-se “fortemen- da criação de novas acessibilidades juntamos os 60 anos do Navio Santo André e temos naturalmente um forte con- A celebração deste Protocolo foi te empenhado na recuperação da- à futura unidade hospitalar”, acres- junto de argumentos para este importante salto qualitativo que seguramente considerada pelos intervenientes quele que foi o nosso Hospital, para centando que essa requalificação vamos dar com o novo Festival do Bacalhau, promovendo mais longe e junto de como um passo importante para a darmos resposta aos grandes desa- estará pronta antes do final da cons- mais pessoas estes valores identitários da Nossa Terra. concretização de uma obra há muito fios do futuro: dar qualidade de vida trução do Hospital. Nesta acção, como em tantas outras, a parceria com Associações do Municí- pio é fundamental para continuarmos a realizar e a crescer com qualidade: por isso acordámos e assinámos recentemente Acordos de Cooperação com cerca Novo Serviço Atendimento Integrado de 50 Associações de diferentes tipos de actividades. A CMI e as quatro Juntas de Freguesia do Município acordaram e assinaram também Acordos de Cooperação para 2008, que vão possibilitar às Juntas de Freguesia a realização de um conjunto de obras com o financiamento de cerca A Câmara Municipal de 220.000 euros pela CMI. No dia em que publicámos a anterior edição do Boletim Municipal (24 de de Ílhavo activou, no Março 2008), inaugurámos o Centro Cultural de Ílhavo que viveu três meses passado dia 2 de Abril, de programa inaugural com grande adesão das pessoas. Agora e desde 1 de o seu novo Serviço de Julho, com uma programação regular, o CCI segue o caminho do crescimento, da afirmação e do sucesso que seguramente continuaremos a construir com o Atendimento Integrado, apoio e a presença de todos. possibilitando aos seus Estamos igualmente a preparar com todo o cuidado e com os nossos parcei- Munícipes aceder, no ros (de entre os quais se destacam a STI e a APA) a chegada e a permanência de 20 a 23 de Setembro 2008, da Regata da STI que liga Falmouth, Ílhavo e mesmo espaço físico, Funchal, com o privilégio de receber os maiores veleiros do Mundo: um acon- com toda a comodidade tecimento extraordinário a não perder, que seguramente vai marcar a vida e a e rapidez, a um conjunto história do Município que tem “O Mar por Tradição” e de toda a região da Ria de Aveiro. vasto de serviços, até O trabalho de conquista dos Fundos Comunitários do QREN finalmente co- agora dispersos pelas meçou (embora aberto pelo Governo com cerca de um ano e meio de atraso várias Divisões da sobre a data prevista). Estamos já a apresentar candidaturas para utilizarmos essa extraordinária oportunidade de financiamento de projectos que queremos Câmara Municipal. concretizar para continuarmos a realizar mais e melhor desenvolvimento do Mu- nicípio de Ílhavo. Damos assim seguimento a planos de trabalho que há vários Assim, processos de obras par- de uma só vez e no mesmo local de pais, que vai ser implementado no anos vimos elaborando na CMI e com os Municípios da nossa região, e lutando ticulares, contratos de água e sa- atendimento, permitindo ao muníci- seguimento de todo o investimento com determinação contra as dificuldades criadas pela nova Lei das Finanças neamento, liquidação de taxas e pe obter relevantes ganhos ao nível concretizado com sucesso na sua Locais e pela situação económico-financeira muito difícil que atravessamos. licenças, liquidação de facturas de do tempo e da simplicidade dos modernização administrativa, cons- Seguimos Juntos, com Todos, a trabalhar pelo Nosso Município de Ílhavo, água, marcação de reuniões téc- procedimentos. tituindo um mecanismo de garantia pela Nossa Região da Ria de Aveiro, por Portugal, fazendo mais e melhor. nicas, candidaturas a concursos, Ainda neste âmbito, é objecti- de qualidade, a cumprir até final do Boas Férias e Bom Trabalho. contactos de aprovisionamento, en- vo da Câmara Municipal de Ílhavo presente mandato. trega de documentação diversa, en- iniciar a curto prazo o processo de José Ribau Esteves, eng. tre outros, passaram a ser tratados certificação dos Serviços Munici- Presidente da Câmara Municipal de Ílhavo
  • 4. 4 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 Câmara Municipal de Ílhavo investe na ampliação do Complexo Desportivo do GDG Teve início, no passado Esta obra, com um valor total de MaisÍlhavo, que se encontra em fase 770.000,00 Euros, será executada de projecto e licenciamento e cujo dia 10 de Julho, a obra em 90 dias no âmbito de um Contra- prazo de execução é de um ano. da Câmara Municipal to-Programa/Protocolo entre a Câ- Esta infra-estrutura será composta de Ílhavo da ampliação mara Municipal de Ílhavo, o Grupo por equipamentos que poderão ser Desportivo da Gafanha e a Junta de utilizados por equipas profissionais e requalificação do Freguesia da Gafanha da Nazaré, vi- de várias modalidades, designada- Complexo Desportivo sando o desenvolvimento da prática mente, quartos, suites, instalações do Grupo Desportivo regular e organizada de actividades de apoio e um pavilhão desportivo físicas e desportivas naquele Com- com bancada capaz de acolher mil da Gafanha, que inclui plexo (valorizado pela obra a realizar espectadores. Está, ainda, previsto, a construção de dois no âmbito do referido concurso). um restaurante, quatro “courts” de campos de treino (um Parte integrante deste Parque ténis, um polidesportivo descoberto, Municipal de Desporto e Lazer será um praiódromo, balneários de apoio em relva sintética e outro também o novo Centro de Estágios, e uma pista de cross e BTT. pelado), bem como uma das seis obras da Sociedade infra-estruturas de apoio e de acesso, numa aposta de valorização desta estrutura e do pólo de equipamentos desportivos em que se integra. Ampliação do Mercado da Costa Nova A Câmara Municipal de Ílhavo aprovou recentemente a abertura do Concurso Público para a “Ampliação do Mercado da Costa Nova”, cujo valor estimado da obra é de 1.170.000,00 Euros. Esta obra de ampliação/remode- adamente às Vendedoras no Merca- armazéns frigoríficos e de congela- das obras será cedido à Câmara didatura ao programa de apoio às lação do Mercado da Costa Nova do, cumprindo todos os requisitos e ção para peixe e marisco, uma área Municipal de Ílhavo em pleno direito pescas dos fundos comunitários assume uma grande importância a regras higieno-sanitárias em vigor. específica para venda de marisco por permuta da propriedade do res- 2007/2013 – “PROMAR” e terá um vários níveis, vindo dar resposta às Assim, o novo Mercado ficará cozido, duas lojas no rés-do-chão e taurante, numa operação que envol- prazo de execução previsto de 10 necessidades da Comunidade de dotado de várias valências, desig- um restaurante no 1º piso. ve um valor de 400.000,00 Euros. meses. Pescadores da Costa Nova, nome- nadamente uma cozinha industrial, O terreno necessário à ampliação Esta obra será alvo de uma can-
  • 5. 5 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição Obra de Requalificação Jardim Oudinot Encontra-se actualmente em fase de conclusão a obra de requalificação do Jardim Oudinot, na Gafanha da Nazaré. Com um investimento a rondar os 3.500.000,00 de Euros, esta obra realizada pela Câmara Municipal de Ílhavo, no âmbito de um acordo de parceria formal e financeira com a APA, assume uma especial importância para a Gafanha da Nazaré, para todo Município de Ílhavo e também para toda a região da Ria de Aveiro. Trata-se de uma requalificação urbana e ambiental, envolvendo um conjunto diversificado de obras, que dotarão este espaço de novas e im- e enquadramento a uma peça tão Com inauguração prevista para como é o caso do Festival do Baca- o maior Parque da Ria de Aveiro, e portantes valências, como seja um importante da nossa cultura e do Agosto, este notável espaço irá re- lhau 2008 (20 a 24 de Agosto) e da garantindo a sua disponibilização e ancoradouro de recreio, percursos nosso turismo como é o Navio Mu- ceber logo após a sua abertura ao Regata dos Grandes Veleiros (20 a fruição a todos, com uma nota de pedonais e cicláveis, equipamentos seu Santo André. Toda a zona será público dois acontecimentos funda- 23 de Setembro). relevância para o acesso directo da desportivos, parques infantis e uma iluminada para que possa ser utiliza- mentais para a estratégia de promo- Com esta obra realizada, cumpre- população da Gafanha da Nazaré à praia fluvial com apoio de bar, permi- da com segurança pelos cidadãos a ção e de afirmação do Município de se ainda um importante objectivo do Ria (na única zona onde isso é pos- tindo ainda conferir o devido acesso qualquer hora do dia. Ílhavo em Portugal e no estrangeiro, Plano Unir@Ria, materializando-se sível dentro da área portuária).
  • 6. 6 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 Fórum Municipal da Juventude II Concurso de Hip Hop O Fórum Municipal da Juventude, dançou, pelo segundo ano consecutivo, ao ritmo do “Circuito Hip-Hop”, voltando a surpreender os jovens do Município com o II Concurso ABRIL de Hip-Hop Dance, circuito hip-hop organizado pela Câmara II Concurso de Hip-hop Municipal de Ílhavo. Mercado Municipal de Ílhavo MAIO tendência flash II Concurso Foto-Talento Realizado no dia 24 de Abril, pe- inscrições las 22h00, o Concurso contou com a presença de 11 grupos de parti- II Concurso Foto-Talento cipantes, que deliciaram os mais de Sessão Fotográfica 300 espectadores que afluíram ao 24 Mai | Fórum Ílhavo Mercado Municipal de Ílhavo, num 24 Mai | Fórum Gaf. Nazaré espectáculo original marcado pelo evento contou, ainda, com a partici- Dance School 2”, oriundo de Vila ritmo ímpar e crítico do Hip-Hop. ritmo, cor e alegria. Ao longo da noi- pação de um Grupo de Beat-Box, os Nova de Gaia, o primeiro lugar, ten- O Fórum da Juventude foi bem II Concurso Foto-Talento te, os concorrentes revelaram um “B.M.A.”, que se fez admirar nesta do havido ainda a atribuição de um lembrado e representado nesta fes- exposição/votação elevado e surpreendente nível de noite de dança, numa outra vertente prémio individual, num espectáculo ta, contagiando a participação de 27 Mai | Fórum Ílhavo qualidade e criatividade, dificultan- e tonalidade do Hip-Hop. de dança onde todos brilharam e outros jovens na próxima edição do 27 Mai | Fórum Gaf. Nazaré do a decisão do júri convidado. O No final, coube ao grupo “Just apaixonaram um público rendido ao Concurso. JUNHO Fórum Municipal da Juventude tendência flash Desfile Foto Talento 2008 II Concurso FotoTalento “Tendência Flash” 14 Jun | Esc. Sec. Dr. João C. C. Gomes JULHO after aulas A Câmara Municipal de II Encontro InterFóruns Ílhavo dedicou o mês Visita ao Fórum Municipal da de Maio, no Fórum Juventude de Águeda Municipal da Juventude, 21 Jul à fotografia, tendo Workshop de Técnicas de realizado a segunda Primeiros Socorros edição do Concurso Foto 22 Jul | Fórum Ílhavo Jacinto Duarte Talento, que culminou Workshop de Pinturas Prémio Passerelle com o Desfile Tendência Faciais Flash, que teve lugar na 22 Jul | Fórum Gaf. Nazaré Escola Secundária Dr. Workshop de Folclore João Carlos Celestino Internacional Gomes, no dia 14 de 23 Jul | Fórum Ílhavo Junho, pelas 21h30. Workshop de Fimo 24 Jul | Fórum Ílhavo Repartido por três fases, o Concur- Na noite de 14 de Junho, o bri- tou, mais uma vez, com o apoio da Workshop de Técnicas Fábio Ribeiro so contou com a participação inicial lho dos flashes pautou o Desfile Associação de Estudantes da Esco- de Primeiros Socorros de 22 jovens na Sessão Fotográfica, com grandes doses de originalida- la Secundária Dr. João Carlos Ce- Prémio Fotogenia 24 Jul | Fórum Gaf. Nazaré sendo que 14 foram seleccionados de, profissionalismo e criatividade, lestino Gomes, com a presença de para o Desfile, depois de contados surpreendendo um público sempre grupos musicais e animação de pal- Workshop de Fitas os votos recolhidos durante a Exposi- atento ao espectáculo. No final des- co, assim como com um júri com- 25 Jul | Fórum Ílhavo ção das Fotografias, nos Fóruns Mu- ta segunda edição, foram premiados posto por personalidades do mundo nicipais da Juventude de Ílhavo e da três concorrentes: Fábio Ribeiro, de da moda (na figura do estilista Joel Workshop de Estampa- Gafanha da Nazaré. Em todas as eta- 16 anos, que levou para casa o Pré- Reigota), da fotografia (Pedro Tava- gem em Sabonetes pas, os jovens reuniram as melhores mio Fotogenia; Jacinto Duarte, de 16 res), da Câmara Municipal de Ílhavo 25 Jul | Fórum Gaf. Nazaré condições para fotografar e promover anos, que ganhou o Prémio Passe- e da Escola anfitriã, que contribuí- a beleza, emoção, moda e juventude relle; e ainda o jovem Márcio Rocha, ram para abrilhantar o espectáculo, num espírito aventureiro e divertido distinguido com o Prémio Surpresa assistido por mais de 200 pessoas Márcio Rocha que proporcionou a todos uma expe- “Colega Mais Flashado”. contagiadas pela cor e pelo glamour riência surpreendente e memorável. O Concurso Foto Talento II con- da passerelle. Prémio “Colega Mais Flashado”
  • 7. 7 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição Entrega de prémios VII Concurso Literário Jovem A Câmara Municipal de Ílhavo procedeu no passado dia 23 de Abril, quarta-feira, na Teve início no passado Biblioteca Municipal mês de Junho, a edição de Ílhavo, à entrega 2007/2008 do Programa dos certificados de Municipal de Bolsas de participação no VII Estágios de Trabalho. Concurso Literário Jovem, assim como dos Na corrente edição irão participar mercado de trabalho, através da sua sete jovens, seleccionados de entre participação em projectos de forma- respectivos prémios aos mais de 70 candidatos, que, durante ção prática em contexto de trabalho, vencedores. os próximos doze meses, irão efec- que complementem a sua qualifica- tuar o seu estágio em diversas áreas ção anteriormente adquirida. e serviços da Câmara Municipal de Destina-se a cidadãos residentes Ílhavo, assim como na Santa Casa no Município de Ílhavo há mais de da Misericórdia de Ílhavo, já que um ano, preferencialmente com ida- este Programa prevê igualmente des compreendidas entre os 18 e os que os estágios possam decorrer 30 anos (à data da apresentação da Nesta sétima edição do Concurso, desta forma a decisão do júri. desafiando todos a continuar a ler, a em Associações ou Empresas que sua candidatura), titulares de bacha- que visa acima de tudo fomentar há- Nesta cerimónia o Vereador da escrever e a frequentar a Biblioteca vejam as suas candidaturas a este relato ou licenciatura (nível IV e V) ou bitos de leitura nas camadas jovens, Câmara Municipal, Paulo Costa, deu Municipal de Ílhavo e os seus Pólos Programa aprovadas. detentores de comprovada aptidão criando e consolidando hábitos de os parabéns a todos os participan- de Leitura, pois a sua presença assí- O Programa Municipal Bolsas de profissional (nível III ou inferior), e escrita, assim como promover a es- tes no Concurso pela qualidade dos dua nestes espaços, e nestas inicia- Estágios de Trabalho foi criado com se encontrem à procura de primeiro crita criativa e a valorização da ex- trabalhos que enviaram, mas acima tivas, irá seguramente constituir um o principal objectivo de contribuir emprego ou sejam desempregados pressão literária, foram recebidas, de tudo pelo simples facto de terem grande incentivo e um grande desa- para a integração dos jovens desem- à procura de novo emprego. como tem sido habitual, dezenas de decidido participar, sinal claro do fio para a Câmara Municipal, contri- pregados do Município de Ílhavo no trabalhos nas categorias texto nar- seu gosto pela escrita e pela leitura. buindo de forma significativa para a rativo (género conto) e texto poético, Endereçou ainda os parabéns aos melhoria do seu desempenho nesta oriundos de alunos do 1º, 2º e 3º Ci- muitos pais e professores presentes, área tão importante da nossa vida. clos do Ensino Básico das Escolas pelo incentivo que deram aos mais do Concelho de Ílhavo, dificultando jovens para participar no Concurso, TEXTO NARRATIVO 1º Ciclo do Ensino Básico 1º Prémio | “O Paraíso”, Sara Jacinta Godinho Salgado, EB 1 Ílhavo; 2º Prémio | “A Magia do Circo”, Maria Diana de Jesus Coimbra Pascoal, EB 1 Farol da Barra; 3º Prémio | “Olá meu amigo João”, João António Serra Silva Vieira, EB 1 Chave; Menção Honrosa | “O Relógio dos Ponteiros Caídos”, Joana Maria Mascato Ferreira, EB 1 Ílhavo; Menção Honrosa | “A Carta”, Inês Filipa Gonçalves Brito, EB 1 Ílhavo; Menção Honrosa | “Ecomigos”, Diogo Miguel Ferreira da Silva, EB 1 Farol da Barra. 2º Ciclo do Ensino Básico 1º Prémio | “Uma Noite Prateada”, Pedro Senos de Aguiar, EB 2,3 José Ferreira Pinto Basto; Menção Honrosa | “SOS Planeta Terra”, Telma Xavier Ramos, EB 2,3 da Gafanha da Nazaré. 3º Ciclo do Ensino Básico 1º Prémio | “Um Rebuçado? Uns Sapatos?”, Carolina Senos de Aguiar, EB 2,3 José Ferreira Pinto Basto; 2º Prémio | “Já tentaste cheirar uma cor?”, Ana Manuel Martins Ré de Castro, EB 2,3 José Ferreira Pinto Basto; Menção Honrosa | “O Esquilo Remy”, Ana Raquel Serra Silva Vieira, EB 2,3 da Gafanha da Nazaré; Menção Honrosa | “O Animal Esquisito”, Liliana de Matos Fragoso, EB 2,3 José Ferreira Pinto Basto. TEXTO POÉTICO 1º Ciclo do Ensino Básico 1º Prémio | “A Chuva”, Ana Filipa Soares Pereira, EB 1 Gafanha de Aquém; Menção Honrosa | “O Mar”, Rita Almeida Agualusa Pires, EB 1 Ílhavo. 2º Ciclo do Ensino Básico 1º Prémio | “Segredos”, Pedro Nuno Alegrete Augusto, EB 2,3 José Ferreira Pinto Basto; 2º Prémio | “Não importa que...”,Maria Miguel Serra Pires, EB 2,3 da Gafanha da Nazaré; Menção Honrosa | “Saudade”, Eugénio Nunalo Culanda, EB 2,3 da Gafanha da Nazaré. 3º Ciclo do Ensino Básico 1º Prémio | “Brinca Criança”, Raluca Gordana Barb, EB 2,3 José Ferreira Pinto Basto; Menção Honrosa | “27 de Abril de 1975”, Leonor Vanessa Vieira Delgado, Esc. Sec. Dr. João Carlos Celestino Gomes. Para qualquer um dos escalões e valor de 100,00 Euros, o 2º de 50,00 os prémios foram entregues sob a das modalidades o 1º Prémio tem o Euros e o 3º de 25,00 Euros. Todos forma de material didáctico.
  • 8. 8 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 VI Encontro InterEscolas do Município de Ílhavo InterEscolas 2008 Decorreu, de 17 a 19 de Abril, numa realização da Câmara Municipal de Ílhavo em parceria com as EB 2,3 e Escolas Secundárias do Município, a edição 2008 do InterEscolas. Dirigido especialmente aos alunos e professores destas Escolas, o In- terEscolas desde sempre assumiu como seus principais objectivos a promoção de um maior contacto e troca de experiências entre estes O primeiro dia do InterEscolas enchido pela I Assembleia Municipal sessão, o Presidente da Assembleia co actuações de excelente nível em estabelecimentos de ensino, assim 2008 foi preenchido pelas activida- Jovem, uma das novidades do Inter Municipal, Francisco Neves Vieira, áreas como a música, a dança e o como dar a conhecer à população des do Dia Aberto, que tiveram lugar Escolas 2008, na qual participaram que moderou os trabalhos, assim teatro, nas quais os principais inter- do nosso Concelho o muito trabalho em cada uma das Escolas e para as de forma activa e empenhada alunos como o Vereador da Juventude, venientes foram os alunos das Es- por eles efectuado. quais foram convidados alunos dos das cinco Escolas, discutindo de Paulo Costa, a quem coube respon- colas e os respectivos professores. Ao longo dos cinco anos de vida restantes estabelecimentos de ensi- forma profunda e cuidada diversas der às muitas questões colocadas Olhando à elevada qualidade das desta iniciativa, estes objectivos no. Corrida de orientação, matemá- questões relacionadas com a vida pelos “jovens membros da Assem- diversas iniciativas que compuseram têm sido alcançados, fruto nomea- tica, basquetebol, cultura e expres- do Município de Ílhavo, nomeada- bleia Municipal”. o programa, assim como à elevada damente do empenho e dedicação são inglesa, ténis de mesa, graffiti e mente em áreas como o Ambiente, O último dia do InterEscolas 2008 participação verificada nas iniciati- de todos os parceiros, que vêm aqui saúde foram algumas das temáticas o Desporto, a Juventude ou o Cine- ficou marcado pela realização do I vas, quer ao nível dos alunos, quer uma excelente oportunidade de pro- abordadas, permitindo uma impor- ma. Estiveram igualmente presentes Sarau InterEscolas, que teve lugar ao nível do público, o balanço desta piciarem a toda a comunidade esco- tante troca de experiências entre nesta Assembleia o Vice-Presidente no Centro Cultural da Gafanha da iniciativa é claramente positivo, ten- lar dias diferentes, interessantes e todos. da Câmara Municipal, Fernando Ca- Nazaré, que nessa noite esteve ab- do os seus principais objectivos sido sobretudo enriquecedores. O dia seguinte foi totalmente pre- çoilo, que procedeu à abertura da solutamente repleto, levando ao pal- absolutamente alcançados. IV Jornadas da Juventude do Município de Ílhavo Decorreram no passado cundária. Dr. João Carlos Celestino tora de Projectos de I&D no Grupo Gomes, do Vereador Paulo Costa, Martifer e do Eng. Marcos Ré, Ve- dia 4 de Abril, no da Câmara Municipal de Ílhavo e de reador do Pelouro do Ambiente da Auditório do Museu Ricardo Azevedo, músico. Câmara Municipal de Ílhavo. Marítimo de Ílhavo, as Após o almoço, seguiu-se o se- gundo painel, tendo como tema No final da tarde, e já no encer- quartas Jornadas da “Os Desafios das desigualdades de ramento das Jornadas, foram entre- Juventude do Município oportunidades”, no qual intervieram gues os Certificados de Participação de Ílhavo, tendo como o Prof. Prof. Elísio Estanque, Assis- aos jovens que integraram o Progra- tente de Sociologia da Universidade ma Vocação 2008 – 1º Turno. temas principais a de Coimbra e os jovens Ana Marga- Em jeito de balanço, poder-se-á Cultura, a Desigualdade rida Morais (Estudante Universitária), afirmar que os principais objectivos de Oportunidades e o Ana Vanessa Mota (Estudante Uni- desta iniciativa foram alcançados, versitária) e Mário Catarino (colabo- tendo as IV Jornadas da Juventude Ambiente. rador no Museu Marítimo de Ílhavo). do Município de Ílhavo constituído Os “Novos Desafios Ambientais” um espaço e um momento impor- Para debater estas temáticas a mente aproveitado a oportunidade ro painel da manhã, cuja temática foi o tema escolhido para o último tante de debate acerca de algumas Câmara Municipal convidou um para enriquecer os seus próprios era “Desafios Culturais”, estiveram a painel das Jornadas, tendo contado das muitas questões que interessam conjunto diversificado de oradores, conhecimentos, já que foram muitas cargo da Dra. Cristina Areias e Dra. com a participação do Prof. Sérgio aos jovens, no qual estes puderam que durante todo o dia contribuíram as intervenções por parte da plateia, Cristina Cunha, do Instituto Portu- Magueta, do Projecto “Energias Re- intervir, dando a conhecer o seu para o esclarecimento das dezenas com dúvidas, com opiniões, com guês da Juventude, da Prof. Palmira nováveis em Acção” da Escola Se- ponto de vista, as suas dúvidas e as de jovens presentes acerca das te- pontos de vista diversos. Silva e Prof. Maria da Luz do “Pro- cundária da Gafanha da Nazaré, da sugestões relativamente às matérias máticas propostas, tendo segura- Assim, as intervenções no primei- jecto Clube Europeu”, da Escola Se- Dra. Cristina Borges Correia, Direc- em discussão.
  • 9. 9 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição Ano Lectivo 2007/2008 Acção Conhecer Objectivos cumpridos Portugal/ Lisboa 2008 Eis que chega ao fim uma excelente procura por parte dos Estabelecimentos de Ensino mais um ano lectivo, do Município e, principalmente, de repleto de coisas novas, Municípios vizinhos, tendo sido de- desafios vencidos, senvolvidos vários projectos nas di- ferentes áreas, com especial relevo objectivos alcançados, para a Educação Ambiental. aprendizagens realizadas O Desporto Escolar foi mantido por todos aqueles que em 2007/2008, com a disponibili- zação do Projecto de Iniciação à são o nosso maior Natação para o Pré-Escolar, e a Ac- património – as Crianças tividade Física e Desportiva para o e Jovens. 1º Ciclo do Ensino Básico, os quais Em 1998, há precisamente 10 culminaram com os habituais Festi- anos, a Câmara Municipal de Ílhavo val de Natação do Município de Ílha- promoveu a visita de cerca de 900 Com o final do ano lectivo nhadas e discutidas pelo Conselho a actividade Artes e Expressões para vo e o Desportílhavo 2008. Crianças, do 3º e 4º anos de escola- 2007/2008 é altura de efectuar um Municipal de Educação, que reuniu os alunos do 1º e 2º anos de esco- Atendendo à grande adesão em ridade, à EXPO 98. balanço a todo o trabalho desenvol- várias vezes, e o qual ganhou um laridade ao nível das Actividades de edições anteriores, a Câmara Muni- Desde então, todos os anos, a Câ- vido ao longo do mesmo, e apontar novo elemento em representação do Enriquecimento Curricular, para além cipal manteve o Programa de Apoio mara Municipal convida os Alunos novos desafios para o futuro. Centro de Formação de Escolas do da componente de apoio à família a Projectos Educativos (PAPE), tendo do 3º ano de escolaridade, e res- Em Outubro de 2007, a Câmara Concelho de Ílhavo. (ATL e Cantina), e formalizados os sido apoiados vários projectos que, pectivos Professores, a participarem Municipal de Ílhavo apresentou a O ano lectivo 2007/2008 ficou apoios financeiros e logísticos. de uma forma ou de outra, contribuí- numa visita de estudo a Lisboa, com toda a comunidade educativa o Pla- também marcado pela homologa- No ano lectivo 2007/2008 a Câma- ram para a melhoria efectiva da qua- passagem pelo Parque das Nações, no Municipal de Intervenção Educa- ção, por parte do Ministério da Edu- ra Municipal manteve a organização lidade da educação dos estabeleci- Oceanário de Lisboa, Mosteiro dos tiva 2007/2008, no âmbito da Se- cação, da Carta Educativa, depois e coordenação do Programa de Ge- mentos de ensino contemplados. Jerónimos, Torre de Belém e Jardim mana da Educação 2007, e depois de aprovada pela Câmara Municipal, neralização do Ensino do Inglês nos Relativamente às actividades e Zoológico, tendo já sido contempla- de aprovado por unanimidade pelo pelo Conselho Municipal de Educa- 3º e 4º anos e de Outras Actividades iniciativas pontuais, a Câmara Muni- das cerca de 5.000 Crianças. Conselho Municipal de Educação. ção e pela Assembleia Municipal. de Enriquecimento Curricular no 1º cipal de Ílhavo concretizou todas as Assim, e dando cumprimento ao Neste documento foram apresenta- Ao nível dos apoios ao processo Ciclo do Ensino Básico, tendo sido propostas apresentadas, nomeada- estipulado no Plano Municipal de dos os projectos, programas e inicia- educativo, a Câmara Municipal de desenvolvido um importante trabalho mente a Festa de Natal de 2007, a Intervenção Educativa 2007/2008, tivas que a Câmara Municipal se pro- Ílhavo concretizou as transferências de parceria entre a Câmara Munici- Semana de Teatro Infantil (integrada a Câmara Municipal de Ílhavo rea- punha desenvolver, ao longo do ano financeiras para os Agrupamentos pal, os Agrupamentos de Escola e as no Festival de Teatro do Município de lizou, no passado dia 13 de Junho lectivo, e especialmente concebidos de Escola para fazer face às des- Associações de Pais, nomeadamen- Ílhavo e pela primeira vez realizada (sexta-feira), a décima edição da para a população escolar do Município. pesas dos Jardins de Infância e Es- te na contratação de 56 professores no recém inaugurado Centro Cultural Acção “Conhecer Portugal/Lisboa” O tema “A Cultura do Município colas do 1º Ciclo com expediente e para as várias áreas de intervenção de Ílhavo), a acção Música na Escola dirigida aos Alunos do 3º ano de es- de Ílhavo” foi o escolhido para o ano limpeza e comunicações, num total Nas Actividades de Enriquecimento (pela Filarmonia das Beiras), a come- colaridade, como forma de premiar lectivo, tendo o mesmo sido ampla- de 32.220 euros. De igual modo, fo- Curricular participaram cerca de 70% moração do Dia Mundial da Criança a sua passagem pelo 1º Ciclo do mente trabalhado ao longo do ano, ram atribuídos subsídios de estudo dos Alunos que se encontravam a fre- (para o Pré-Escolar) e a acção Co- Ensino Básico. o qual teve o seu momento alto com às Crianças carenciadas no valor de quentar o 1º ciclo do ensino básico, nhecer Portugal/Lisboa 2008. Esta acção, que alia a vertente lú- a inauguração do Centro Cultural de 50 euros para o escalão A e de 30 tendo algumas áreas, nomeadamen- É pois com satisfação que a Câma- dica à vertente pedagógica, preten- Ílhavo, destacando-se ainda a edi- euros para o escalão B. te o Inglês, atingido 90% dos alunos ra Municipal de Ílhavo se congratula deu mais uma vez ser um momento ção da agenda escolar, entre outras O ano lectivo 2007/2008 caracteri- do 3º e 4º anos de escolaridade. pela concretização em 100% do Pla- de muita alegria e de convívio entre iniciativas que deixaram bem vincada zou-se, ainda, pelo aprofundamento Os Serviços Educativos Munici- no Municipal de Intervenção Educati- Alunos e Professores e, ao mesmo a importância da cultura na formação das relações de parceria entre a Câ- pais (Museus Municipais, Biblioteca va 2007/2008, agradecendo a todos tempo, propiciar novas descobertas e plena das nossas Crianças e Jovens. mara Municipal de Ílhavo e as Asso- Municipal de Ílhavo, Centro de Edu- os Parceiros que tornaram possível o aprendizagens, enriquecedoras para a Ao longo do ano lectivo, todas as ciações de Pais do Município, tendo cação Ambiental e Escola Municipal trabalho e os resultados obtidos. formação global das nossas Crianças. acções propostas foram acompa- as Associações de Pais assegurado de Educação Rodoviária) registaram Na edição deste ano foram man- tidas as visitas ao Oceanário e ao Dia Mundial da Criança 2008 Jardim Zoológico de Lisboa, incluin- do uma passagem de autocarro pelo Mosteiro dos Jerónimos, Centro Cultural de Belém, Padrão dos Des- O Dia Mundial da cobrimentos e Torre de Belém. Foram variadas as ofertas para Mais uma vez, a visita ao Oce- este dia especial, com actividades Criança é para a Câmara anário e o espectáculo dos leões educativas, de sensibilização à lei- Municipal de Ílhavo marinhos e dos golfinhos, no Jardim tura e à escrita mas com muita di- um dia muito especial, Zoológico, foram os momentos mais versão e brincadeira à mistura, onde marcantes eleitos pelos mais peque- não faltaram a Carochinha e o seu pelo que todos os nos, conforme referiu a Inês Silva, noivo João Ratão. anos é comemorado da Escola da Senhora dos Campos, Esta iniciativa decorreu na Biblio- em conjunto com as ao afirma “...o momento mais boni- teca de Ílhavo, tendo-se realizando to, emocionante e extraordinário foi das 9.30 às 11.45 horas e das 14.00 Crianças do Pré-Escolar. o espectáculo dos golfinhos...” às 16.15 horas, envolvendo cerca Na edição deste ano participaram de 800 Crianças do Pré-Escolar da na Acção Conhecer Portugal/Lisboa rede pública e IPSS do Município cerca de 450 Crianças e respectivos de Ílhavo, contando ainda com a Professores, tendo sido mobilizados importante colaboração dos alunos 10 autocarros para a viagem. dos cursos de Acção Social e Acção Para além de facultar a entrada Educativa da Escola Secundária da gratuita de todos os participantes Assim, e no âmbito do Plano Mu- mais um Dia Mundial da Criança, alusivas ao conto infantil “A outra his- Gafanha da Nazaré. no Oceanário de Lisboa e no Jardim nicipal de Intervenção Educativa com um programa especialmente tória da Carochinha”, nomeadamente Como já é habitual neste tipo de ini- Zoológico de Lisboa, bem como o 2007/2008, e na sequência das ac- dirigido às Crianças da rede Pré-Es- a apresentação de um teatro interac- ciativa, a Câmara Municipal de Ílhavo transporte, a Câmara Municipal ofe- ções realizadas nos anos anteriores, colar do Município de Ílhavo. tivo, realização de vários ateliers de ofereceu um lanche a cada Criança, receu também a cada participante a Câmara Municipal de Ílhavo orga- Na edição deste ano foi dado es- expressão artística sobre a história e bem como um marcador de livros um boné e, seguramente, um dia nizou, no passado dia 2 de Junho pecial ênfase ao livro e à leitura, com a existência de um parque de diver- alusivo ao Dia Mundial da Criança e à diferente e bem passado. (segunda-feira), a comemoração de a dinamização de várias actividades sões composto de insufláveis. Biblioteca Municipal de Ílhavo.
  • 10. 10 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 IV Aniversário 18 de Junho EMER Desportílhavo 2008 Escola Municipal de Educação Rodoviária Para assinalar o final de mais um ano lectivo e com ele o encerramento do Programa de Enriquecimento Curricular, promovido pela Câmara Municipal de Ílhavo em parceria com os Agrupamentos de Escola do Município, dirigido às cerca de 1.800 Crianças do 1º Ciclo do Ensino Básico, a Câmara Municipal A Câmara Municipal Rodoviária foi inaugurada no dia 18 Tal como nas edições anteriores, expressão plástica. organizou mais uma de Março de 2004, sendo o coro- o DESPORTÍLHAVO 2008 consis- Cada Escola teve reservada a manhã de Ílhavo comemorou, edição do Desportílhavo. lário de uma aposta, partilhada em tiu num dia desportivo em que as ou a tarde do dia 18 de Junho para par- no passado dia 18 de protocolo com o Governo Civil de Crianças do 1º Ciclo do Ensino Bá- ticipar nesta iniciativa, tendo sido distri- Março (terça-feira), o 4º Aveiro e a Direcção Geral de Viação, sico do Município tiveram a oportu- buído um lanche, um diploma de parti- na criação de um importante instru- nidade de, em convívio e em festa, cipação e um boné a cada Criança. Aniversário da Escola mento de formação e sensibilização praticarem vários tipos de modalida- Esta realização contou mais uma Municipal de Educação da população para a boa utilização Como já vem sendo hábito, e des desportivas e outras actividades vez com a parceria do Illiabum Clube, Rodoviária (EMER), tendo da via pública. dando cumprimento ao Plano Mu- preparadas para o efeito. do Grupo Desportivo da Gafanha e Desde a sua abertura, a Escola nicipal de Intervenção Educativa As várias actividades propostas da Escola Secundária Dr. João Car- preparado um programa Municipal de Educação Rodoviária, 2007/2008, a Câmara Municipal de foram organizadas tendo por base los Celestino Gomes, que cederam especial para esse dia. situada junto à Piscina Municipal Ílhavo realizou o DESPORTÍLHAVO as actividades de enriquecimento alguns dos seus atletas e alunos que da Gafanha da Nazaré, já foi visita- 2008, que teve lugar no passado dia curricular desenvolvidas ao longo do apoiaram a execução dos vários jo- Para assinalar mais um ano de da por 8.508 Crianças e Jovens de 18 de Junho (quarta-feira), no Com- ano lectivo, destacando-se as activi- gos, para além de todo o apoio pres- existência, a EMER contou com a vários estabelecimentos de ensino plexo Desportivo do Grupo Despor- dades físicas e desportivas, o inglês, tado pelos Professores das Activida- presença especial da Escola Segu- do Município de Ílhavo e de toda a tivo da Gafanha. a música e a criação de ateliers de des de Enriquecimento Curricular. ra da Guarda Nacional Republicana, região Centro, sendo que 2.023 fize- bem como dos Bombeiros Voluntá- ram-no durante o último ano. Alteração trânsito junto à Escola Secundária rios de Ílhavo que, para além de dis- A EMER está direccionada, preferen- ponibilizarem viaturas para visita por cialmente, para crianças e jovens do 3º Dr. João Carlos Celestino Gomes parte das Crianças, promoveram ac- ao 6º ano de escolaridade podendo, ções de sensibilização rodoviária. em certos casos específicos, receber A apresentação da Escola Segu- visitas de outros níveis de ensino, des- ra da GNR apostou na prevenção e de o pré-escolar ao ensino secundário, A Câmara Municipal de Ílhavo na estimulação de comportamentos bem como o público em geral que, to- continua a apostar na Segurança defensivos, enquanto que a apresen- dos os quartos sábados de cada mês, Rodoviária do Município, tendo pro- tação dos Bombeiros Voluntários de queiram visitar a Escola. cedido recentemente à alteração da Ílhavo incidiu sobre comportamen- Em termos de funcionamento, a circulação rodoviária da zona envol- tos a adoptar em caso de acidente. EMER pode receber, diariamente, vente à Escola Secundária Dr. João Para além da parte formativa, quatro grupos de 25 alunos, dois da Carlos Celestino Gomes, em Ílhavo, todas as Crianças puderam ainda parte da manhã e os restantes da na sequência da aprovação, no pas- usufruir da pista de simulação bem parte da tarde, sendo que cada ses- sado dia 8 de Abril, do estudo para como de várias actividades lúdi- são tem a duração de uma hora e reordenamento do trânsito na envol- cas, como por exemplo expressão trinta minutos, distribuídos por uma vente à referida Escola. plástica e outras, especialmente parte teórica, em sala de aula, e uma Com esta operação, a Câmara preparadas para esse dia de festa. parte prática, na pista. As marca- Municipal pretendeu melhorar as As sessões decorreram da parte da ções das visitas, que são gratuitas, condições de fluidez do tráfego e de manhã, das 09.30 às 12.00 horas. poderão ser efectuadas junto da Câ- segurança dos utilizadores naquela A Escola Municipal de Educação mara Municipal de Ílhavo. zona da Cidade de Ílhavo. Novo Serviço de Atendimento Social Misericórdia de Ílhavo, Fundação de Ílhavo; Clube Stella Maris; FOR- Prior Sardo, CERCIAV (Cooperativa PESCAS de Ílhavo; Grupo Cáritas para a Educação e Reabilitação dos Paroquial da Costa Nova; Grupo Foi activado, no dia 8 de Abril na gurança Social, I.P, Centro Distrital serviços e celeridade dos mesmos, Cidadãos Inadaptados de Aveiro) e Cáritas Paroquial da Gafanha da En- Câmara Municipal de Ílhavo, o novo de Aveiro, Engo Celestino Almeida, indo ao encontro de cada Pessoa Obra da Providência. carnação; Grupo Cáritas Paroquial Serviço de Atendimento Social Inte- assim como de um representante de carenciada e tendo como objectivo Neste processo existem ainda as da Gafanha da Nazaré; Grupo Cári- grado, na sequência da assinatura cada uma das 28 Instituições par- último a estruturação da sua vida. seguintes Entidades de Coopera- tas Paroquial da Gafanha do Carmo; do Protocolo que formalizou a par- ceiras neste Protocolo. Desta feita, cada família ou indiví- ção: ARS Centro (Centro de Saúde Grupo Cáritas Paroquial da Praia da ceria entre as entidades públicas e No Espaço de Atendimento Social duo passa a ter, apenas, um Gestor e Serviço de Saúde Pública de Ílha- Barra; Grupo Cáritas Paroquial de privadas com intervenção na área da Integrado, os munícipes podem tra- de Processo (um Técnico de Interven- vo); Direcção Regional Educação Vale de Ílhavo; Instituto de Emprego Acção Social do Município de Ílhavo. tar de todos os assuntos relaciona- ção Social) no Município de Ílhavo. do Centro; Associação Solidarie- e Formação Profissional de Aveiro; Esta cerimónia, que se realizou no dos com a área social. Um espaço As Entidades Integradas na gestão dade Social da Gafanha do Carmo; Juntas de Freguesia de S. Salva- dia anterior à activação do espaço, único que visa dar respostas mais directa do Atendimento (com partici- Centro Paroquial de Assistência e dor, Gafanha da Nazaré, Gafanha da decorreu no Salão Nobre da Câmara adequadas aos problemas sociais, pação de Técnicos) são as seguintes: Formação D. Manuel Trindade Sal- Encarnação e Gafanha do Carmo e Municipal de Ílhavo e contou com a rentabilizando os recursos existen- Câmara Municipal de Ílhavo, Cen- gueiro; Centro Social e Paroquial Património dos Pobres da Freguesia presença do Presidente da Câmara tes no Concelho, eliminando as so- tro Distrital de Aveiro do ISS, I.P., da Gafanha da Encarnação; Centro de Ílhavo. Municipal de Ílhavo, Eng. Ribau Es- breposições de intervenção e permi- CASCI (Centro de Acção Social do Social e Paroquial N. Sr.a da Naza- teves, do Director do Instituto Se- tindo um melhor planeamento dos Concelho de Ílhavo), Santa Casa da ré; Conferência S. Vicente de Paulo
  • 11. 11 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição Acordos de Cooperação Câmara Municipal de Ílhavo Associações do Município 2008 Foram formalizados, no vistas a reedição do Livro do Asso- ciativismo e a Comemoração do Dia passado dia 7 de Julho, do Voluntariado, a 5 de Dezembro, numa cerimónia pública como forma de a Câmara Municipal realizada pelas 18h30m de Ílhavo demonstrar e enfatizar o importante papel que as Associa- no Salão Nobre, os ções locais desempenham na vida Acordos de Cooperação de todos os munícipes. entre a Câmara A assinatura destes Acordos de Municipal de Ílhavo Cooperação constitui, acima de e 45 Associações do tudo, mais um excelente exemplo Município, referentes ao da forte aposta da Câmara Munici- pal nas Associações do Município, ano de 2008, totalizando No ano em que se comemoram os o Ribau Esteves, deu especial ên- e do empreendedorismo social no numa relação de verdadeira e profí- um investimento 110 Anos da Restauração do Muni- fase à importância da componente crescimento e desenvolvimento do cua parceria em benefício de todos financeiro por parte cípio, o Presidente da Câmara, Eng. do associativismo, do voluntariado Município. Para este ano estão pre- os cidadãos. da Câmara Municipal de aproximadamente ASSOCIAÇÕES DO MUNICÍPIO 300.000,00 Euros. ASSOCIAÇÕES DESPORTIVAS AGRUPAMENTOS DE ESCUTEIROS A.D.C.R. Senhora dos Campos 3.300 € Escuteiros 189 – Ílhavo 2.100 € Associação Cultural e Desportiva “Os Ílhavos” 23.500 € Escuteiros 588 – Gafanha da Nazaré 2.400 € Associação Náutica da Gafanha da Encarnação 5.500 € Escuteiros 531 – Gafanha do Carmo 1850 € Associação Surf de Aveiro 5.300 € Escuteiros 1012 – Barra 1.200 € Clube de Vela da Costa Nova 5.600 € Escuteiros 878 – Costa Nova 2.850 € Clube Natureza e Aventura Ílhavo 1.650 € ASSOCIAÇÕES CULTURAIS Grupo Columbófilo da Gafanha 5.500 € Grupo Desportivo Beira Ria 5.000 € Associação Moradores Senhora dos Campos 750 € Grupo Desportivo Gafanha D’Aquém 5.600 € A.C.D.R. Os Amigos de Malha da Carvalheira 1.500 € Ílhavo Andebol Clube 22.000 € Associação Cultural e Recreativa Os Baldas 5.500 € NEGE – Nova Estrela da Gafanha da Encarnação 8.000 € Associação Cultural e Recreativa Chio-po-po 4.500 € Sporting Clube da Vista Alegre 7.500 € Associação Cultural e Recreativa Os Palheiros 3.300 € Banda dos Bombeiros Voluntários de Ílhavo 14.000 € ASSOCIAÇÕES DE SOLIDARIEDADE SOCIAL Confraria Camoniana de Ílhavo 1.400 € CERVIAV – Coop. Ed. e Reabilitação Cidadãos Inadaptados 6.000 € Confraria Gastronómica do Bacalhau 6.500 € Centro Social Paroquial Nossa Senhora da Nazaré 6.900 € Escola de Música Gafanhense 3.000 € Centro Social Paroquial Gafanha da Encarnação 4.000 € Filarmónica Gafanhense 12.500 € Centro Paroquial de Assis. e Formação Prof. D. Manuel T. Salgueiro 5.000 € Grupo Etnográfico da Gafanha da Nazaré 19.000 € Património dos Pobres da Freguesia de Ílhavo 14.400 € Grupo Folclórico O Arrais 4.000 € Obra da Providência 4.200 € Grupo Recreativo Os Amigos da Légua 3.300 € Fundação Prior Sardo 12.000 € Grupo Regional de Danças e Cantares da Gafanha do Carmo 1.600 € Santa Casa da Misericórdia de Ílhavo 12.100 € Rancho Folclórico As Ceifeiras 2.800 € Rancho Regional da Casa do Povo de Ílhavo 11.500 € ASSOCIAÇÕES JUVENIS Cooperativa Cultural da Gafanha da Nazaré 5.000 € Grupo de Jovens da Praia da Barra 6.200 € Grupo de Jovens A Tulha 6.100 € Grupo de Jovens A Torre 2.450 € Acordos de Cooperação 2008 CMI – Juntas de Freguesia Foram assinados, no passado dia 9 de Julho, os Acordos de Cooperação com as Juntas de Freguesia do Município, assumindo a Câmara Municipal de Ílhavo por esta via - Limpeza regular de bermas das O valor do investimento da Câmara - Junta de Freguesia de S. Salvador: Refira-se que, comparativamente com um investimento de ruas e arruamentos; Municipal de Ílhavo nas acções de 96.600,00 Euros; os valores dos Acordos de Coopera- 217.732,00 Euros, para - Melhoramento de ruas e cami- obras das Juntas de Freguesia neste - Junta de Freguesia da Gafanha da ção de 2007, a Câmara Municipal de nhos; ano 2008 tem a seguinte dimensão Nazaré: 71.900,00 Euros; Ílhavo concretiza um aumento de cer- realização de obras nas - Desobstrução e limpeza regular e financeira: - Junta de Freguesia da Gafanha da ca de 10% nos Acordos de Coopera- seguintes áreas: emanilhamento de valas; Encarnação: 33.110,00 Euros; ção de 2008. - Realização de pequenas obras de - Junta de Freguesia da Gafanha do construção civil; Carmo: 16.122 ,00 Euros. - Realização de obras nos cemité- rios.
  • 12. 12 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 Inauguração do Centro Cultural de Ílhavo Foi no âmbito das Comemorações do Feriado Municipal que, em ambiente de festa, grande satisfação e orgulho, o Centro Cultural de Ílhavo abriu as portas ao público, que em grande número aguardava ansiosamente por conhecer o espaço. A cerimónia de inauguração realizou-se pelas 17h00 e contou com a presença de cinquenta anos e a propriedade das alguns milhares de seis lojas (colocando-as no mercado comercial normal). Recentemente cidadãos Ilhavenses (e conseguimos uma comparticipação não só), que assim se financeira do Programa Operacional associaram de forma da Cultura do QCA 2000/2006. O Executivo Municipal entregou por intensa e muito positiva contrato, em Abril de 2005, todas es- a este importante sas responsabilidades ao consórcio momento. de empreiteiros J.Gomes/ABB, que desenvolveu a obra com elevado pro- fissionalismo, tendo terminado a mis- O Centro Cultural de Ílhavo assu- são neste mês de Março de 2008. me-se como uma nova e importante Esta obra constitui também um capacidade do Município de Ílhavo, processo de profunda mudança na uma nova oportunidade de desenvol- filosofia e na tipologia de ocupação vimento social e cultural, um pretex- urbana do eixo central, nascente/ to novo de convívio e de valorização poente, da Cidade e do Município. de cada um de nós, numa relação O novo Mercado foi construído na aberta ao Mundo e aos Outros. Senhora do Pranto, onde estavam Esta obra materializa uma aposta instalados os Armazéns Gerais da determinada e forte, sendo um ele- Câmara. A sede da Junta de Fregue- mento relevante na estratégia que sia de São Salvador foi ocupar a Vila a Câmara Municipal de Ílhavo tem dimensão financeira de todos os âmbito de um “Concurso de Ideias” A solução financeira que esteve na Vieira, numa aposta de valorização vindo a concretizar, estruturando tempos que a Câmara Municipal de lançado no início do ano 2000. A base do concurso público da obra, do património “arte nova”. O eixo o Município com um conjunto de Ílhavo realizou, ele culmina um pro- escolha da melhor ideia foi seguida assentou num modelo inovador: es- rodoviário que serve o Centro Cul- equipamentos culturais, no âmbito cesso complexo e determinado de pelo desenvolvimento do projecto colher um empreiteiro que assumis- tural de Ílhavo liga-se directamente de uma política de desenvolvimento qualificação integral do centro da pelo arquitecto Ilídio Ramos, numa se a construção do edifício, fazen- à A17 (para nascente), e a várias das integrado, constituindo também uma Cidade e do Município de Ílhavo. opção arrojada ao nível da imagem do-o ao melhor preço, e valorizando vias da rede viária estruturante (Va- relevante intervenção de qualificação Dando seguimento a uma opção urbana resultante, bem como dos financeiramente ao mais elevado riante da Malhada, Estrada da Mota, urbana e uma referência regional. política sufragada em três actos materiais escolhidos para a concre- nível, o contrato de exploração do Variante da Ria,...) ligando-se à A25 Sendo o investimento de maior eleitorais, a ideia foi desenvolvida no tização da obra. parque de estacionamento durante (para poente). Programa inaugural O Concerto Inaugural A Exposição “Dez – Escultores Con- temporâneos”, cuja abertura ocorreu realizou-se no dia 4 de logo após a inauguração do CCI, foi Abril pela voz de uma visitada por alguns milhares de pes- das maiores referências soas que tiveram oportunidade de a apreciar até ao dia 15 de Junho. da música portuguesa, O Centro Cultural de Ílhavo iniciou Dulce Pontes, que o seu primeiro mês de programação maravilhou o público regular com a presença do famoso tido Pedro Tochas, o Encontro de Companhia Nacional de Bailado, O balanço deste primeiro trimestre comediante Joaquim Monchique, a presente no auditório do Bandas Filarmónicas (Música Nova cinema com a projecção do filme de vida do CCI revelou-se extrema- inauguração da Exposição de Cân- Centro Cultural de Ílhavo e Música Velha), para assinalar o Dia “Maria do Mar”, com música ao vivo mente positivo, superando as melho- dido Teles e João Carlos Celestino da Liberdade (25 de Abril) e o Festi- de Bernardo Sasseti ao piano e Or- res expectativas, tendo-se registado Gomes, dois conceituados artistas val de Folclore, com a participação questra Filarmonia das Beiras, en- lotação esgotada em todos os 12 Es- ilhavenses, e outro concerto notável dos 6 grupos de folclore do Municí- cerrando com chave de ouro, no dia pectáculos realizados, com a presen- a cargo de Pedro Abrunhosa, regis- Seguiram-se outros espectáculos pio de Ílhavo. 27 de Junho, com um espectáculo ça de cerca de 6.000 espectadores. tando uma vez mais grande adesão de grande qualidade e diversidade, O programa inaugural integrou único e especial protagonizado por Também a adesão do público aos por parte do público. tais como a peça de teatro “Boa ainda 3 Ciclos de Cinema, um me- Jacinta. Referência especial ainda 2 Workshops de Música e Oficinas A Todos fica o convite para que Noite, Mãe”, interpretada pelas fa- morável espectáculo de música para a realização no dia 20 de Junho Criativas de Teatro se saldaram num conheçam e utilizem todas as múl- mosas actrizes Sofia Alves e Ma- com conceituada actriz e realizado- do 1º Fórum Empresarial da Região enorme sucesso com a participação tiplas capacidades do novo Centro nuela Maria, stand up com o diver- ra, Maria de Medeiros, dança pela de Aveiro, promovido pela AIDA. de cerca de 300 pessoas. Cultural de Ílhavo.
  • 13. 13 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição próximos espectáculos Agosto 2008 CINEMA TEATRO TEATRO de RUA AGO | TERÇAS às 22h00 AGO | SEG 11 às 22h00 AGO | SÁB 30 às 22h00 Ciclo de Cinema “Dia do Pai” Escola de Mulheres, “Veja o Filme, Leia o Livro” Almeno Gonçalves André Nunes de Moliére dia 05 | Este País não é para Velhos Fernando Ferrão dia 12 | A Bússola Dourada Companhia Teatro ao Largo Pedro Teixeira dia 19 | Expiação dia 26 | O Lado Selvagem Setembro 2008 EXPOSIÇÃO STAND UP MÚSICA SET | SEX 5 às 21h30 SET | QUI 4 às 21h30 SET | SEX 12 às 21h30 Aldo Lima Habitar The Legendary Portugal Tiger Man 2003/2005 “Masquerade” Ordem dos Arquitectos patente até 12 de Outubro CINEMA SET | TODO O MÊS Ciclo de Cinema “Clássicos” Semana da Maioridade dia 06 21h30 | Nunca é tarde demais dia 09 15h30 | Gigi dia 11 15h30 | Amália - O musical de Filipe La Féria dia 15 15h30 | Aconteceu no Oeste dia 22 15h30 | Dias do Paraíso dia 29 15h30 | Cinema Paraíso MÚSICA MÚSICA TEATRO-ATELIER SET | SÁB 20 às 21h30 SET | SÁB 27 às 21h30 SET | DOM 28 às 11h00 Filarmonia Ala dos “Mãos das Beiras Namorados Grandes” e Coro da Casa com os convidados Teatro do Montemuro Rão Kyao do Pessoal e Nancy Vieira do Porto HORÁRIO Terça-feira a Domingo de Aveiro 10H00 às 13H00 | 14H00 às 18H00 Dias de Espectáculos Concerto dos 200 anos da 2 horas antes e 30 minutos após o início dos espectáculos Abertura da Barra www.centrocultural.cm-ilhavo.pt
  • 14. 14 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 3º Concurso Gastronómico do Município de Ílhavo “Sabores a Maresia” Com o objectivo principal so os Restaurantes D. Coutinho (Ba- calhau à D. Coutinho), o Dóri (Açorda de promover a qualidade de Bacalhau), Solar da Carroça (Ba- e a diversidade da oferta calhau da Casa), a Pizzaria Ilhapizza VENCEDOR gastronómica como pólo Restaurante “O Porão” | “Bacalhau à Gafanhão” (Lasanha de Bacalhau), o Paraque- dista (Bacalhau Especial da Casa), de atracção turístico o Gafanhão (Bacalhau à Gafanhão), do Município de Ílhavo, a Marisqueira Boca da Barra (Baca- a Câmara Municipal lhau à Boca da Barra), o Restaurante Ria Gastronómica (Bacalhau à Car- realizou, no passado dia melita) e o Restaurante Farnel Pronto 30 de Maio, a terceira a Comer (Bacalhau da Bia). edição do Concurso Para além do prato de bacalhau admitido a concurso, todos os Res- Gastronómico “Sabores taurantes presentearam o júri e res- a Maresia”. tantes convidados com uma segun- da mostra gastronómica, que ficará Esta iniciativa, que integrou as Co- tos, sendo um deles obrigatoriamente Presidente da Federação Portugue- segundo lugar coube à Marisqueira por certo na memória e, sobretudo, memorações do Dia do Pescador (31 à base do fiel amigo, o bacalhau. sa das Confrarias Gastronómicas, da Costa Nova com a “Couvada de no paladar dos convivas. de Maio), revestiu-se de um cariz es- Ao júri, constituído pelo Presiden- Dr.a Madalena Carrito, coube a di- Bacalhau”, seguida pelo Restauran- Todas estas receitas farão parte de pecial, por decorrer paralelamente ao te da Câmara Municipal de Ílhavo, fícil tarefa de eleger os melhores te Casa Velha (Hotel de Ílhavo) que uma futura publicação gastronómica Congresso da Federação Portuguesa Eng. Ribau Esteves, pelos Confra- pratos, dada a excelente qualidade confeccionou “Bacalhau à Casa Ve- a editar oportunamente pela Câma- das Confrarias Gastronómicas, acolhi- des Hélder Viana e João da Mada- de confecção e criatividade na apre- lha”. Pela primeira vez, houve ainda ra Municipal de Ílhavo, dando assim do este ano pelo Município de Ílhavo. lena em representação da Confraria sentação dos mesmos. um quarto prémio para o “Bacalhau continuidade a um processo de afir- O Concurso contou com a participa- do Bacalhau, pelo Grão Mestre da O vencedor desta edição foi o Especial da Casa“, do Restaurante mação de Ílhavo como a Capital do ção de 13 Restaurantes sedeados no Confraria da Panela ao Lume, pela Restaurante “O Porão” que apresen- Mestre Palão. Bacalhau, sempre com o intuito de Município, que apresentaram dois pra- Eng.ª Ângela Soeiro e presidido pela tou o seu “Bacalhau à Gafanhão”. O Participaram ainda neste Concur- estimular o sector da restauração. 31 de Maio Dia do Pescador II Congresso das Confrarias Gastronómicas Portuguesas O Dia do Pescador Por iniciativa da é uma data especial Federação das Confrarias comemorada um pouco Gastronómicas, e com por todo o país, sobretudo o apoio da Câmara nas localidades que têm Municipal de Ílhavo e da a sua história e o seu Confraria Gastronómica presente profundamente do Bacalhau, realizou-se, ligados ao Mar. durante os dias 30, 31 de Maio e 1 de Junho, no Museu Marítimo de Ílhavo, o II Congresso das Confrarias Gastronómicas Portuguesas. No dia 31 de Maio, a Câmara Mu- também estiveram presentes na co- Mais de meia centena de Con- da de enguias, caldeirada de peixe Ílhavo, seguindo-se o espectáculo nicipal associou-se a estas come- memoração mais de uma centena frarias do Continente, Açores e de Matosinhos, doces e vinhos da alusivo às Comemorações do Dia morações, através da realização de de participantes do II Congresso das Madeira, para além de delegações Madeira, fogaças de Santa Maria do Pescador. um espectáculo memorável, exibido Confrarias Gastronómicas Portu- internacionais de França (Conselho da Feira e carne Barrosã assada na Na sessão de encerramento, fo- no Centro Cultural de Ílhavo, pelas guesas, que teve lugar nos dias 30, Francês das Confrarias), Espanha e brasa foram algumas das especiali- ram prestadas merecidas home- 22h. O espectáculo foi composto 31 de Maio e 1 de Junho no Museu Cabo Verde (Confraria do Grogue de dades em destaque neste mega jan- nagens a Francisco Sampaio (Pre- pela projecção do filme mudo “Maria Marítimo de Ílhavo. St. Antão) e a Confraria Gastronó- tar, que contou com a participação sidente da Região de Turismo do do Mar”, de Leitão de Barros, acom- Paralelamente ao Congresso e à mica de Macau marcaram presença de mais de uma centena de Confrei- Alto Minho), Gonçalo Reis Torgal panhado, ao vivo, por Bernardo Sas- comemoração do Dia do Pescador, neste encontro. ras e Confrades. (Confraria Gastronómica da Panela setti ao piano e pela Orquestra Filar- decorreu, ainda, no Hotel de Ílhavo, O ponto alto deste II Congresso O dia seguinte foi dedicado à ao Lume) e o chefe Silva, tendo re- monia das Beiras, sob a direcção do o Concurso Gastronómico “Sabo- ocorreu no dia de abertura, com o apresentação e discussão de traba- cebido os títulos Associados da Fe- maestro Vasco Pearce e vozes de res a Maresia”, que contou com a Jantar da Partilha, que reuniu todas lhos trazidos por várias Confrarias, deração Portuguesa das Confrarias Isabel Nogueira e Sandra Morais. A participação de 13 restaurantes do as Confrarias numa mostra gastro- culminando numa sessão de debate Gastronómicas. pedido da Cinemateca Portuguesa, Município. Do júri, fizeram parte ele- nómica genuinamente portuguesa, com os representantes de França, Com o apoio a esta iniciativa, a o filme de Leitão de Barros ganhou mentos das Confrarias, que avalia- onde foram postos em evidência os Cabo Verde, Macau e, também, da Câmara Municipal de Ílhavo contri- uma nova vida com a partitura do ram dois pratos diferentes: um prato produtos de excelência de cada re- Federação Macarronésia (Confra- buiu para a divulgação do Municí- pianista português, num abraço ori- de bacalhau e um outro ao critério gião. Bolos de bacalhau, doces de rias das Ilhas Atlânticas). À noite, pio, nomeadamente da sua gastro- ginal entre imagem e música. de cada restaurante. Vouzela, queijos da Serra de Estrela, realizou-se um jantar com todos os nomia, onde o Bacalhau ocupa lugar Numa sessão aberta ao público, tripas à moda do Porto, caldeira- participantes, no Centro Cultural de de grande destaque.
  • 15. 15 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição 24 de Março Feriado Municipal de Ílhavo 2008 A celebração do Medalha do Concelho em Vermeil Ao Grupo Etnográfico da Gafanha da Nazaré Feriado Municipal pelo trabalho notável que tem desenvolvido ao longo dos seus vinte e cinco anos de vida ao de Ílhavo realizou-se nível da etnografia e do folclore, representan- do com zelo e dedicação a Cidade da Gafanha no passado dia 24 da Nazaré e o Município de Ílhavo, sendo um parceiro de grande importância para a Câma- de Março, Segunda- ra Municipal de Ílhavo, tendo capacidade para assumir e gerir compromissos de relevante im- feira de Páscoa, portância social, cultural e política. numa edição marcada Medalha do Concelho em Vermeil Ao Cidadão Manuel Margaça, Munícipe de pela ambiência das Ílhavo residente em Cuxhaven, Alemanha, pelo trabalho notável que tem desenvolvido ao nível Comemorações dos 110 da preservação e da promoção dos valores da história e da cultura do Município de Ílhavo, co- Anos da Restauração do ordenando e dinamizando várias acções junto da Comunidade Portuguesa e Ilhavense. Município, pelo assinalar Medalha do Concelho em Vermeill dos últimos dez anos Ao Cidadão Joaquim António Pinto Coelho, Munícipe de Ílhavo residente em Newark, Es- de gestão da Câmara tados Unidos da América, pelo trabalho notável que tem desenvolvido ao nível da preservação Municipal de Ílhavo e e da promoção dos valores da história e da cul- tura do Município de Ílhavo, coordenando e di- pela inauguração do namizando várias acções junto da Comunidade Portuguesa e Ilhavense. Centro Cultural de Ílhavo. Medalha do Concelho em Vermeill Ao Cidadão Alexandre Manuel Santana Nunes, Munícipe de Ílhavo residente em NewBedford, Estados Unidos da América, pelo trabalho notá- vel que tem desenvolvido ao nível da preserva- ção e da promoção dos valores da história e da A cerimónia teve início pelas cultura do Município de Ílhavo, coordenando e 11h00 com o Hastear das Bandeiras dinamizando várias acções junto da Comunida- de Portuguesa e Ilhavense e exercendo actual- ao som da Filarmónica Gafanhense mente as funções de Presidente da Direcção da junto aos Paços do Concelho, se- Associação Humanitária Os Amigos de Ílhavo de NewBedford. guindo-se a Sessão Solene Come- morativa, este ano especialmente Medalha de Dedicação em Vermeill Ao Sr. Hélder Manuel Deus Viana pelo serviço dedicada às Comunidades Ilhaven- prestado na Câmara Municipal de Ílhavo duran- ses espalhas pelo Mundo. Após as te 31 anos (entrada para o Quadro de Pessoal da Câmara Municipal de Ílhavo a 1 de Junho de intervenções do Presidente da As- Etnográfico da Gafanha da Nazaré, Presidente da Câmara Municipal. manhã, atraiu várias centenas de 1976, assumindo as suas funções como Assis- sembleia Municipal, Dr. Neves Vieira, que este ano celebra 25 anos de Com a Medalha de Dedicação em munícipes. Durante a tarde os mais tente Administrativo, entre outras, e passado à situação de aposentado a 2 de Março de 2007), e dos representantes dos partidos uma vida notável, e a três munícipes Vermeil e em Prata foram igualmen- novos tiveram oportunidade de par- serviu com dedicação, excepcional zelo, com- com assento na Assembleia Muni- “Embaixadores” de Ílhavo no Mun- te condecorados os funcionários da ticipar no Street Basket e nos Matra- petência e espírito de bem servir, assumindo-se como um funcionário atento, activo e colabora- cipal, procedeu-se à entrega das do. “Manuel Margaça, em Cuxha- Câmara Municipal de Ílhavo, agora quilhos Humanos, tendo as Bandas dor nas várias tarefas. Condecorações Honoríficas, finali- ven (Alemanha), Alexandre Nunes, aposentados, Hélder Viana e Fer- Filarmónica Gafanhense e a Banda Medalha de Dedicação em Prata zando a sessão com a intervenção em NewBedford e Jack Coelho, em nando Conde, respectivamente, dos Pombeiros Voluntários de Ílha- Ao Sr. Fernando Ribau Lopes Conde pelo ser- do Presidente da Câmara Municipal, Newark, nos EUA, são uma expres- “cujas carreiras honram a instituição vo iniciado, pelas 15h30, mais um viço prestado na Câmara Municipal de Ílhavo durante 17 anos (entrada para o Quadro de Eng. Ribau Esteves, que se congra- são viva e activa da presença da que serviram com nobreza”. notável Concerto, encontrando-se a Pessoal da Câmara Municipal de Ílhavo a 11 de tulou pelo momento vivido, dedican- nossa cultura nessas terras, com O programa do Feriado Municipal Praça já nessa altura repleta de gen- Fevereiro de 1990, assumindo as suas funções como Fiscal de Obras Municipais), tendo pas- do-o aos Cidadãos do Município de uma ligação que a Câmara Muni- integrou igualmente o já tradicional te que aguardava com entusiasmo a sado à situação de aposentado a 18 de Outubro Ílhavo. cipal de Ílhavo e as suas entidades Mercado à Moda Antiga realizado, inauguração do Centro Cultural de de 2007. Serviu com dedicação, excepcional zelo, competência e espírito de bem servir, as- Este ano foi entregue a Medalha homólogas transformaram em pro- desta vez, na grande Praça do Cen- Ílhavo, o que veio a acontecer ao fi- sumindo-se como um funcionário atento, activo do Concelho em Vermeil ao Grupo tocolos de geminação”, afirmou o tro Cultural de Ílhavo que, logo pela nal da tarde. e colaborador nas várias tarefas. Festival de Teatro do Município de Ílhavo 2008 Com o principal do Centro Social de N.ª S.ª da Paz, Montemuro no palco do Centro Cul- em Vale de Ílhavo, respectivamente. tural da Gafanha da Nazaré. objectivo de promover e No dia 18 de Maio, o Festival foi A pensar no público mais jovem, a descentralizar a Cultura, para a rua com grupo Radar 360º, Câmara Municipal de Ílhavo promo- a Câmara Municipal de que iniciou a divertida peça “La Fa- veu a Semana do Teatro Infantil que, mile Royale” no Largo do Farol e nos dias 7, 8 e 9 de Maio, animou as Ílhavo realizou, entre os percorreu depois as ruas da Praia da cerca de 2500 Crianças e respecti- dias 3 e 24 de Maio, a Barra, interpelando os transeuntes e vos Docentes dos Estabelecimentos edição 2008 do Festival convidando-os para uma fotografia de Ensino Pré-Escolar e 1º Ciclo do de família (instantânea). Município que afluíram ao Centro de Teatro. A 23 de Maio o Festival contou Cultural de Ílhavo. Para esta edição com a presença da Companhia foi escolhida a peça “Poção Mágica”, Do programa fizeram parte nove SA Marionetas, que levou à cena a cargo do Grupo de Teatro Arteriso, espectáculos de grande qualidade e o Teatro D. Roberto, composto pe- cuja história de 3 palhaços (Pipoca, variedade para que todos os espec- las divertidas peças “O Barbeiro”, Fininho e Zonzão) fez as delícias de tadores, independentemente da fai- “A Tourada” e “A Rosa e os três todas as Crianças presentes. xa etária, pudessem encontrar boas atro Ribalta levou a divertida peça dias 16 e 17 de Maio, o cartaz inte- namorados”, caracterizadas pela Com a participação de todos os razões para ir ao Teatro. “A ordem é Ressonar” ao Salão de grou as peças “Médico à Força” pelo presença estridente de pequenos Grupos de Teatro Amador do Muni- Este ano, e com uma nota inova- Festas da Casa de N.ª S.ª da Luz, na Teatro Meia Via, no Salão Cultural da fantoches que provocaram o riso cípio, o Festival de Teatro do Muni- dora, a abertura do Festival teve lu- Légua e, no dia seguinte, o Grupo Ar- Gafanha da Encarnação, e a estreia constante em toda a plateia do Te- cípio de Ílhavo continua a ser uma gar no Centro Cultural de Ílhavo, um teriso voltou ao Município de Ílhavo, de “Pedra Moura”, uma peça da au- atro da Vista Alegre. das múltiplas iniciativas do Calendá- magnífico equipamento que acolheu desta vez ao palco do Salão Cultural toria de José Perdigão (heterónimo O Festival de Teatro encerrou no rio Cultural promovido pela Câmara a Peça “Dia das Mentiras”, protago- da Gafanha do Carmo, para apresen- José Mário Catão), interpretada pelo dia 24 de Maio, num registo dramá- Municipal de Ílhavo que, atendendo nizada pelo Teatro da Trindade. tar a peça “O Assalto ao Museu”. Grupo Recreativo dos Amigos da tico, com a peça “O Anjo de Mon- ao enorme sucesso desta edição, No dia 9 de Maio, o Grupo de Te- No fim-de-semana seguinte, nos Légua (GRAL), no Salão de Festas temuro”, interpretada pelo Teatro de encontra-se já a preparar a de 2009.
  • 16. 16 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 Regata Comemorativa dos 500 Anos do Funchal Regata dos Grandes Veleiros 20 a 23 Setembro 2008 Terminal Norte do Porto de Aveiro (Forte da Barra/Jardim Oudinot - Gafanha da Nazaré) Faltam já menos de dois meses para o Município de Ílhavo acolher, durante quatro dias (20 a 23 de Setembro), os maiores e mais belos veleiros do mundo, que irão participar na Regata dos Grandes Veleiros – Regata Comemorativa dos 500 Anos do Funchal, que liga Falmouth (Inglaterra), Ílhavo e o Funchal. Mir (Rússia) Esta iniciativa, da responsabilida- Destaque ainda para a alegria de da Câmara Municipal de Ílhavo, contagiante das suas tripulações, que conta com o apoio e colabora- que durante estes dias irão segura- ção de diversas entidades, de entre mente trazer uma cor e uma dinâmi- as quais a STI (Sail Training Interna- ca nunca vistas. tional) e a APA, irá constituir segu- ramente um momento marcante na Durante o quatro dias de perma- história recente do nosso Município, nência da frota, irão também ter contribuindo de forma decisiva para lugar um conjunto vasto de iniciati- a sua promoção e afirmação como vas, que irão decorrer no renovado destino privilegiado para todos os Jardim Oudinot, local com carac- Pogoria (Polónia) Creoula (Portugal) Shabab Oman (Oman) Astrid (Holanda) Cuauhtémoc (México) amantes do Mar. terísticas únicas para acolher esta Regata, como sejam espectáculos Nesta iniciativa há a destacar, musicais, animação de rua, parque desde logo, a beleza única destes de diversões, mostra de artesanato, fantásticos veleiros, nos quais se insufláveis para crianças, desfile das encontra o nosso conhecido NTM tripulações, espectáculo de fogo de Creoula, ou o maior veleiro do mun- artifício, actividades desportivas, do, o Sedov, alguns com mais de gastronomia, entre muitas outras. 100 metros de comprimento, oriun- Referência especial ainda para a Alexander Von Humboldt Capitan Miranda (Uruguai) Sedov (Rússia) Far Barcelona (Espanha) dos de países tão diversos como Procissão e Festa em Honra da N. (Alemanha) Bulgária, Rússia, Alemanha, Reino Sra. dos Navegantes, que terá lugar Unido, Polónia, Holanda, Uruguai, no Domingo, dia 21 de Setembro, Portugal, México, Oman, Espanha, que este ano integrará o programa Letónia e Bélgica, que durante estes oficial da Regata. dias estarão atracados no Terminal Norte do Porto de Aveiro, de portas abertas para receber todos aqueles Sem dúvida a não perder! que os queiram visitar. Kaliakra País (Bulgária) Príncipe Perfeito (Portugal) Tecla (Holanda) Pelican (Reino Unido)
  • 17. 17 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição
  • 18. 18 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 Resumo da Actividade Biblioteca Municipal de Ílhavo Resumo ABRIL aos pais das crianças dos jardins- atelier no qual participaram 2 grupos no dia 13 pelas 18:30 e contou com “e o outro aqui tão perto” de-infância abrangidos pelo projec- distintos: o primeiro no período da a presença de cerca de 60 convida- da Actividade A UNESCO decretou 2008 como to “Ler para Crescer”. Na sessão manhã, onde participou uma turma dos. A inauguração da exposição o Ano Europeu do Diálogo Intercul- participaram cerca de 18 pais dos do 7º ano da EB23 da Gafanha da contou com a presença do vice-pre- Abril a Junho tural e, com o objectivo de fomentar 4 jardins-de-infância que contou Encarnação (15 alunos) e no perí- sidente do Município, Eng. Fernan- a escrita e a criatividade das crian- com a presença do Vice-presidente odo da tarde uma turma do 9º ano do Caçoilo. 2008 ças, a Direcção-Geral do Livro e das da CMI, Eng. Fernando Caçoilo. Os da EB23 da Gafanha da Nazaré (18 3 DE JUNHO Bibliotecas lançou um Passatempo, pais foram convidados a assinar um alunos). Este atelier teve como prin- Inauguração da Exposição Am- no qual puderam participar crianças “Compromisso com os Livros” no cipal objectivo estabelecer relações biente Vivo dos 8 aos 13 anos, divididos por qual todos os elementos activos do afectivas entre a personalidade de duas categorias (dos oito aos 10 e projecto (Biblioteca Municipal, Pais, cada um e as suas preferências de No âmbito da Semana do Ambien- dos 11 aos 13 anos). A Biblioteca Educadores e Crianças) se compro- leitura. Foi um momento bem diver- te +Eco2008 esteve patente na sala Municipal de Ílhavo aceitou o desa- metem assumir os seus direitos e tido no qual alunos, professores e polivalente da BMI até ao dia 30 de fio e despertou nos seus utilizadores deveres. Para além da assinatura do técnicos ficaram a conhecer qual o Junho a “Exposição Ambiente Vivo” mais jovens a vontade de participar. “Compromisso com os livros”, aos seu perfil de leitor e tivemos grandes que contou com a presença de tra- Nos dias 2 e 3 de Abril a EB1 Se- presentes foi apresentado o projec- surpresas... balhos realizados pelas crianças que nhora do Pranto visitou a Biblioteca to, tal como se irá desenrolar ao lon- frequentam os estabelecimentos de 13 DE MAIO Municipal, e, entre outras activida- go dos 3 anos de duração. A acção ensino do concelho de Ílhavo. No dia “Expressões 13” pela Escola des em que participaram, as turmas contou com ainda com a presença da inauguração estiveram presentes Secundária Dr. João C. Celestino do 3º e 4º ano foram convidadas a da Prof. Dra. Ana Margarida Ramos 23 crianças que frequentam o 2º ano Gomes participar no passatempo “e o outro e da Dra. Sara Reis da Silva, em re- na EB1 Ferreira Gordo. Este grupo aqui tão perto”. Dos textos elabora- presentação da Casa da Leitura, que Ao longo de uma semana esteve assistiu à Hora do Conto dinami- dos, foram seleccionados cinco pelo referiram algumas sugestões de lei- patente na sala polivalente e no átrio zada pela equipa de animação da Júri da BMI e enviados para partici- tura para pré-leitores, sugestões de da Biblioteca Municipal mais uma biblioteca e também pelo Eng. Mar- parem a nível nacional, dos quais os actividades com os livros, salientan- mostra artística dos alunos que fre- cos Ré e Eng. Luís Rabaça. No final Biblioteca Municipal de Ílhavo textos de Afonso dos Santos Rufino do ainda a importância do contacto quentam os cursos de vertente artís- da história realizaram uma pequena HORÁRIO e Nair Resende Calão, alunos do 3º com os livros nesta faixa etária. tica da Escola Secundária Dr. João actividade com material destinado à ano, ficaram classificados em 3º lu- Carlos Celestino Gomes. A Expres- reciclagem e de seguida visitaram a 2ª FEIRA 21 DE ABRIL gar. Estão de Parabéns os nossos sões 13, assim denominada por ser exposição. “Diz-me quem és, dir-te-ei o que 14H00 às 18H00 jovens participantes! já a 13ª exposição realizada por esta 3ª a 6ª FEIRA lês, por Andreia Brites” escola neste âmbito, contou com a 5 DE ABRIL 10H00 às 12H30 | 14H00 às 18H30 Promovido no âmbito do Programa presença de trabalhos dos alunos SÁBADO “Compromisso com os Livros” de Itinerâncias Culturais da DGLB, que frequentam os 9º, 10º, 11º e 12º 14H00 às 18H00 Acção de sensibilização dirigida decorreu na Biblioteca Municipal um anos. Esta exposição foi inaugurada 10 de Maio Feira da Saúde, Ílhavo 2008 A Câmara Municipal dirigiram à Biblioteca Municipal de to mais descontraído, foi constante Ílhavo puderam realizar uma série a animação cultural e desportiva le- de Ílhavo organizou, no de rastreios, nomeadamente visuais, vada a cabo pelos Seniores do Mo- passado dia 10 de Maio, auditivos, de colesterol, glicemia, vimento Maior da Câmara Municipal a “Feira da Saúde, Ílhavo tensão arterial, osteoporose, índice de Ílhavo que, com a sua alegria e de massa corporal, monóxido de boa condição física, incentivaram o 2008” com o principal carbono e terapia da fala. Tiveram público a participar activamente. objectivo de fomentar e igualmente oportunidade de receber À semelhança das anteriores edi- adoptar hábitos de vida conselhos úteis para uma vida mais ções, realizadas em Maio (Ílhavo) e saudável no que respeita a cuidados em Agosto (Praia da Barra) do ano salutares como forma de com a pele, com oportunidade de transacto, a “Feira da Saúde, Ílhavo prevenir doenças. realizar mini faciais, conselhos reno- 2008” saldou-se num enorme su- vados e actualizados de nutrição e cesso superando todas as expecta- realização de electrocardiograma. tivas da organização. A iniciativa contou com a precio- No âmbito desta iniciativa decor- sa adesão de diversas entidades do reu ainda uma interessante e útil Feira da Saúde Município de Ílhavo, ligadas à área Senos, Santos, Diniz Gomes, Plena ca Dentária da Barra, a Dentalcare, palestra subordinada a um tema da da saúde. Assim, marcaram presen- Saúde e Farmacentro, os labora- o Instituto Português de Sangue, a actualidade “Doenças coronárias e 9 de Agosto ça no certame disponibilizando uma tórios de análises clínicas Avelab e Escola Profissional de Vagos, a San- morte súbita”, proferida pelo Prof. Extensão de Saúde da panóplia de informações, mostra Delbran, a Cliso, a Clinigrama, a Luís ta Casa da Misericórdia e os Bom- Doutor Armando Gonçalves, da Fun- Praia da Barra de produtos, serviços e meios de Óptica, a Ria Óptica, a Fundação beiros Voluntários de Ílhavo. dação Portuguesa de Cardiologia. diagnóstico gratuitos, as Farmácias Portuguesa de Cardiologia, a Clíni- Os mais de 300 visitantes que se No exterior do edifício e num regis-
  • 19. 19 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição Resumo da Actividade Museu Marítimo de Ílhavo abril maio junho Resumo da Actividade Até 13 de Abril 10 de Maio 1 de Junho Abril a Junho Exposição de fotografia “Barcos Abertura da exposição de fotogra- Dia Mundial da Criança Tradicionais Portugueses - navega- fia “O Destino do Peixe”, de Brigitte 2008 ções, instantes e devoções” de Ma- d’Ozouville e Isabelle Lebastard. Ex- nuel Gardete. posição patente até 20 de Julho. 5 de Abril a 26 de Abril 18 de Maio Exposição Colecção Capitão Antó- Dia Internacional dos Museus nio Marques da Silva e assinatura de Protocolo de depósito Dia Aberto e Ateliers temáticos de Serviço Educativo Inauguração da exposição de pin- tura “Rostos da Pesca”, com obras de Silva Porto, Lázaro Lozano, João Vaz, Augusto Roquemont, Marques de Oliveira, entre outros. Apresentação do livro-álbum “Por- tugal no Mar: Homens que foram ao Bacalhau”. Edição Campo das Letras e Câmara Municipal de Ílha- vo/Museu Marítimo de Ílhavo. Dia Internacional dos Museus - 18 de Maio de 2008 INAUGURAÇÃO DA EXPOSIÇÃO DE PINTURA E DESENHO APRESENTAÇÃO DO LIVRO-ÁLBUM “Rostos da Pesca” “Portugal no Mar: Homens que foram ao Bacalhau” obras de Silva Porto, Marques de Oliveira, João Vaz, Ricardo Hogan, Láza- edição Campo das Letras e Câmara Municipal de Ílhavo/Museu Marítimo ro Lozano, entre outros. de Ílhavo. Descobrir na pintura portuguesa dos séculos XIX e XX os Rostos da Pesca Este livro grande da memória é dedicado a todos os homens que foram corresponde ao anseio de humanizar a cultura do mar e as visões que temos ao bacalhau. Trata de uma saga fascinante que, de certo modo, simboliza o do mundo das pescas. A forma plural como os pintores viram e representa- crepúsculo do “Portugal marítimo” – real ou imaginário. Dando continuidade ram, de maneira mais ou menos figurativa, as paisagens humanas das pes- a um esforço de pluralização das memórias da “grande pesca” no sentido carias portuguesas oferece boas pistas de leitura para uma sistematização de as tornar menos reprodutoras no plano social e mais abertas do ponto de das representações artísticas do mundo das pescas na época contemporâ- vista cultural, o Museu Marítimo de Ílhavo tem construído diversos projectos nea. É esse o principal desafio de interpretação que o Museu Marítimo de no propósito de inscrever na memória pública rostos e nomes desta extra- Ílhavo propõe com esta exposição que reúne cerca de trinta obras de pin- ordinária aventura humana. Este livro-álbum pretende dar uma expressão tura e desenho oriundas de museus portugueses e colecções particulares. territorial e aberta, visível e esteticamente exaltante, às memórias da pesca Rostos da Pesca insere-se num projecto expositivo iniciado em 2005 com a do bacalhau. Como escreveu Santos Graça, a pesca do bacalhau era “áspe- temporária Artes de pesca. As pescas na Arte. Ao inquérito das artes e das ra, dura, tremenda, quase heróica”, uma verdadeira “epopeia dos humildes”. paisagens humanas outras problemáticas se seguirão. Quem eram estes homens? Sobranceiros ao mito ou meros figurantes das Poderá visitá-la até 27 de Setembro, na Sala de Exposições Temporárias. narrativas oficiosas, entre 1935 e 1974, ao todo foram cerca de vinte mil Entrada livre. os pescadores que se matricularam na pesca do bacalhau. Ano após ano, durante longos meses de trabalho e lonjura, ausentavam-se das suas terras e famílias para opor à contingência de rendimento das pescarias locais o salário mais certo da “pesca grande”. Muitos deles estão ainda entre nós, de norte a sul do país, em todas as comunidades do litoral e em algumas do interior, dando rosto à maritimidade que por vezes se invoca quando se discorre sobre o destino e o ethos português. À venda na Loja do Museu Marítimo de Ílhavo.
  • 20. 20 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 20, 21 e 28 de Junho Marchas Sanjoaninas 2008 O Município de Ílhavo voltou a ser palco, no passado mês de Junho, das tradicionais Marchas Sanjoaninas de Ílhavo Promovidas pela Câmara Muni- cipal de Ílhavo, participaram, nesta edição de 2008, a Associação Cul- tural e Recreativa “Os Palheiros” da Costa Nova, o Grupo de Jovens “A Tulha” da Gafanha de Aquém, o Grupo de Jovens da Praia da Barra, a Associação de Pais e Amigos das Crianças da Gafanha da Encarnação e o Grupo de Dança “As Pestinhas”, da Gafanha da Nazaré. Assim, nas noites de 20, 21 e 28 de Junho, as Marchas Sanjoaninas desfilaram com muito ritmo, cor e alegria na Avenida Fernão Maga- lhães, na Praia da Barra, no antigo Mercado Municipal da Gafanha da Nazaré e no Pavilhão Municipal Cap. Adriano Nordeste, em Ílhavo, res- pectivamente, deslumbrando com as suas maravilhosas coreografias e cantares as várias centenas de pes- soas que aí afluíram. Todo este espectáculo é o resul- tado do empenho dos grupos que durante meses a fio trabalharam sucesso, motivo que leva a Câmara » Grupo de Jovens “A Tulha” da Ga- afincadamente todos os aspectos Municipal de Ílhavo a manter a sua fanha de Aquém Tema: Homenagem ao Prof. Guilher- que uma marcha envolve: a escolha aposta nesta festa de cariz popular, mino Ramalheira e Carlos Paião, dois do tema, a poesia, a música, a co- promovendo a divulgação da cria- vultos ilhavenses que se distinguiram reografia, os trajes, os arcos e ba- ção artística nas vertentes da core- na área da música lões. Tudo preparado ao mais ínfimo ografia, música e poesia, bem como pormenor, mobilizando dezenas de a notoriedade e visibilidade cultural » Grupo de Jovens da Praia da Barra Tema: 200 Anos da Abertura da Barra marchantes, entre Crianças e adul- e artística do Município. tos, que muito contribuíram para » Associação de Pais e Amigos da abrilhantar este grandioso espectá- ASSOCIAÇÕES PARTICIPANTES: Crianças da Gafanha da Encarnação Tema: 110 Anos da Restauração do culo de cariz popular. » Associação Cultural e Recreativa Município de Ílhavo A tradição das Marchas Sanjoani- “Os Palheiros” da Costa Nova Tema: 110 Anos da Restauração do nas no Município de Ílhavo, este ano » Grupo de Dança “As Pestinhas” Município de Ílhavo, 200 Anos da Tema: 50 Anos do Grupo Desportivo integrada nas Comemorações dos Abertura da Barra e fundação do lu- da Gafanha 110 Anos da Restauração do Muni- gar da Costa Nova do Prado cípio, registou uma vez mais grande Protocolo de Cooperação Comemorações do 1º de Maio Câmara Municipal de Ílhavo e Escola Secundária Dia do Trabalhador Dr. João Carlos Celestino Gomes blico presente. O programa integrou a realiza- ção, na Senhora dos Campos, da 3ª edição do Concurso de Karaoke da Senhora dos Campos, Futebol entre Foi aprovado, na passada Reu- Autarcas e Dirigentes Associativos, nião de Executivo de 2 de Junho, Bailes ao som dos Grupos Musicais um Protocolo de Colaboração entre “Central Troviscal” e “Mega”, a ac- a Câmara Municipal de Ílhavo e a tuação dos Ganda Malucos e, em Escola Secundária Dr. João Carlos destaque, o 12º Festival de Folclo- Celestino Gomes, segundo o qual No âmbito das Comemorações do re Primavera 2008 que contou com a primeira se compromete a acolher 1º de Maio – Dia do Trabalhador, a as actuações de seis grupos: Ran- dois estudantes que realizarão está- Câmara Municipal de Ílhavo, a Jun- cho Regional da Casa do Povo de gio na área de Formação Tecnológi- ta de Freguesia de S. Salvador, a Ílhavo, Grupo de Danças e Cantares ca com duração de 210 horas. A.D.C.R. Senhora dos Campos e o Regionais da Feira, Rancho Folclóri- Os estagiários terão um orientador Rancho Regional da Casa do Povo co do Carregado, Grupo Etnográfico de estágio designado pela Escola que de Ílhavo organizaram um conjunto de Danças e Cantares de Fermêdo e trabalhará em estreita colaboração de iniciativas que registaram como Mato (Arouca), Rancho Regional de com o monitor da entidade de estágio tem sido habitual grande sucesso, a Campo (Valongo) e Rancho Típico da Câmara Municipal de Ílhavo. avaliar pelo elevado número de pú- da Palheira (Coimbra).
  • 21. 21 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição 10 de Junho Dia de Portugal No âmbito das 5 e 9 de Junho, apresentando parte um cariz muito especial, já que um da nossa história e da nossa cultura, dos momentos altos do Feriado Mu- Comemorações do Dia especialmente junto da Comunida- nicipal foi o tributo à Comunidade de Portugal, de Camões de Emigrante Ilhavense. Emigrante, com a condecoração de e das Comunidades O artesão António Marcos Abreu três “Embaixadores” do Município levou consigo a arte de pintar os tí- de Ílhavo no Mundo: Jack Coelho Portuguesas (10 de picos “Palheirinhos” da Costa Nova (Newark), Manuel Margaça (Cuxha- Junho), o Município e os Pergaminhos em Caligrafia ven) e Alexandre Nunes (New Be- de Ílhavo voltou a Gótica, trabalhando ao vivo duran- dford), o actual Presidente da Direc- te a Feira de Artesanato integrada ção da Associação Humanitária Os associar-se à nossa no Programa das Comemorações, Amigos de Ílhavo em New Bedford. Comunidade Emigrante maravilhando as muitas centenas de este importante pessoas que por lá passaram. Do programa oficial da visita cons- Com a realização desta acção, a tou ainda a Cerimónia de Abertura acontecimento, Câmara Municipal de Ílhavo apoiou a das Comemorações, o Hastear da fazendo-se representar participação da Associação Humani- Bandeira Portuguesa no edifício da nas comemorações tária dos Amigos de Ílhavo nas efe- Câmara Municipal de New Bedford, mérides, renovando o compromisso a recepção oficial pelo Mayor Scott em New Bedford, nos assumido no âmbito do Acordo de Lang e um jantar com a Associação Estados Unidos da Cooperação celebrado entre ambas. Humanitária dos Amigos de Ílhavo América. Neste ano em que comemoramos e Comunidade Ilhavense, a quem, os 110 Anos sobre a Restauração desde já, endereçamos o nosso Assim, a Câmara Municipal de Presidente da Câmara, Eng. Fernan- Marcos Abreu do CASCI, que se do Município, as Comemorações agradecimento pelo acolhimento e Ílhavo foi representada pelo Vice- do Caçoilo, e pelo artesão António deslocaram aos EUA, entre os dias do 10 de Junho revestiram-se de simpatia prestados. 7º Aniversário da Elevação Protocolo de Colaboração CMI/AEMA da Gafanha da Nazaré a Cidade Foi no dia 19 de Abril de 2001 que a Vila da Gafanha da Nazaré viveu um momento histórico ao ver a sua categoria ascender a Cidade. Para assinalar o 7º aniversário deste importante acontecimento, A Câmara Municipal a Câmara Municipal de Ílhavo, em nado unicamente a ser utilizado em parceria com a Junta de Freguesia Países diferentes daquele em que é de Ílhavo ratificou, da Gafanha da Nazaré, realizou um emitido, tendo validade nas áreas no passado dia 2 de conjunto de acções dedicadas à jo- geográficas das Municipalidades Junho, o Protocolo de vem Cidade, nomeadamente a apre- suas subscritoras. sentação de uma série de estudos Os titulares do PA receberão Cooperação entre os e projectos actualmente em curso, acompanhamento especial do Muni- Associados da AEMA bem como a visita dos Autarcas e cípio membro da AEMA, sempre que - Associação Europeia Dirigentes Associativos a importan- para uma centena de viaturas. Com acesso, terá oito salas do 1º Ciclo solicitado e em caso de acidente de tes obras em desenvolvimento na um orçamento total de 3.800.000,00 e três de Jardim de infância, para saúde ou viatura, roubo, ou outra de Municipalidades Gafanha da Nazaré. de Euros, a obra deverá começar no além das valências complementares circunstância de natureza grave, ex- com Marina/Portos de Após o Hastear das Bandeiras, na início do próximo ano. obrigatórias. cepcional e fortuita. Recreio, aprovado no Sede da Junta de Freguesia, proce- Relativamente ao projecto da A finalizar a comemoração deste Membros da AEMA: deu-se à apresentação do Estudo Ampliação e Remodelação do Cen- 7º aniversário, realizou-se a visita último Congresso da Prévio do Projecto de Qualificação tro Cultural da Gafanha da Nazaré, às Obras de Reabilitação do Jardim BÉLGICA (Gent e Nieuwpoort); AEMA realizado a 15 de Urbana do Centro da Cidade e do o Presidente da Câmara afirmou a Oudinot, onde o Presidente da Câ- CROÁCIA (Rovinj); Maio de 2008, na Cidade Projecto de Ampliação e Remodela- pretensão de “criar condições de mara falou à Comunicação Social ESPANHA (Pablos de La Frontera); ção do Centro Cultural da Gafanha conforto não só para quem assis- sobre a mais emblemática obra ac- FRANÇA (Grimaud e Villeneuve- do Funchal. da Nazaré. Segundo o Presidente da te aos espectáculos mas também tualmente em curso, de grande im- Loubet); Câmara, Eng. Ribau Esteves, “esta para quem trabalha no auditório, portância para a Gafanha da Nazaré. Assim, e no âmbito deste proto- GRÉCIA (Aghios Nikolaos, Kalym- obra que vai surgir visa a qualifica- que é único mas passará a principal Orçada em 3.500.000,00 Euros, a colo, será criado o “Espaço AEMA nos e Kos); ção urbana por valorização do uso quando nascer o segundo, através obra envolve a construção de diver- - EA”, que será um espaço de ex- ITÁLIA (Quartú Sant’Elena); pedonal da Avenida José Estêvão, da eliminação do anfiteatro exterior. sas infra-estruturas: um ancoradou- posição e informação sobre a activi- PORTUGAL (Albufeira, Cascais, mantendo a circulação automóvel Os auditórios terão capacidade para ro de recreio, percursos pedonais e dade Municipal de cada Associado, Faro, Figueira da Foz, Funchal, Grân- num dos sentidos e a construção de 400 e 80 lugares, respectivamente. cicláveis (que farão a ligação entre a comprometendo-se cada membro a dola, Horta, Ílhavo, Lagoa, Lagos, uma grande praça na área do antigo Seguiu-se a visita ao Mercado da parte antiga e nova do jardim), equi- disponibilizar a informação que en- Lisboa, Loulé, Machico, Marina de mercado”. Este projecto, desenvol- Gafanha da Nazaré e aos terrenos pamentos desportivos, parques in- tenda constar no referido espaço, Albufeira, Marina de Cascais, Marina vido no âmbito da Sociedade Anó- do futuro Novo Centro Educativo fantis e uma praia fluvial com apoio nomeadamente os Boletins Munici- de Ferragudo, Marina de Lagos, Ma- nima “MaisÍlhavo”, à qual a Câmara da Cale da Vila, onde Ribau Esteves de bar. Com a opção de dar vida ao pais ou outras publicações. rina de Portimão, Matosinhos, Naza- Municipal de Ílhavo pertence, vai afirmou que, de acordo com a Carta espaço, “a réplica da guarita será Ainda no âmbito deste Protoco- ré, Oeiras, Ponta Delgada, Portimão, contemplar dois edifícios (num deles Educativa, se irá proceder à desac- um bar interior e exterior”, propor- lo, foi criado o “Passaporte AEMA” Porto Santo, Praia da Vitória, Sesim- ficarão instalados a Sede da Junta tivação do Jardim de Infância e à cionando no futuro momentos de (PA), para membros Associados, bra, Setúbal, Vila Franca do Campo de Freguesia e os CTT) e um estacio- instalação de uma Creche. O Centro grande bem-estar e descontracção programa que consiste num progra- e Vila Real de Santo António); namento em cave com capacidade Educativo ficará numa área nova de aos seus utilizadores. ma de assistência em viagem, desti- TURQUIA (Fethiye).
  • 22. 22 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 Câmara Municipal de Ílhavo Prestação de Contas 2007 O ano de 2007 foi o segundo ano completo do man- tou no cumprimento dos objectivos definidos e numa gestão financeira - Apoio à actividade da Associação Humanitária dos Bombeiros Vo- dato autárquico iniciado a 28 de Outubro de 2005, equilibrada, numa fase em que não estiveram disponíveis fontes impor- luntários de Ílhavo (formalizada por Acordo de Cooperação); tantes de receita, nomeadamente os Fundos Comunitários. constituindo uma componente importante do manda- A realização financeira ao nível das Grandes Opções do Plano 2007 - Manutenção da actividade regular do Serviço Municipal de Protec- to, numa lógica de trabalho assente no planeamento, foi de 12.074.777,45 Euros. ção Civil, junto da população em geral, e em especial com a comunidade com especial destaque para o planeamento financeiro A execução física com expressão financeira das Grandes Opções do escolar, destacando-se as acções de comemoração do Dia Internacional de preparação para a utilização das verbas do QREN Plano 2007, foi de 27.943.710,20 Euros. da Protecção Civil (1 de Março); A homologação das candidaturas do Centro Cultural de Ílhavo e da 2007/2013, na realização de projectos e de obras de Biblioteca Municipal de Ílhavo, em regime de “overbooking” no IIIQCA, - Realização de reuniões do Conselho Municipal de Segurança. grande importância para o Município de Ílhavo. com uma comparticipação máxima total de cerca de 4.800.000 euros, » EDUCAÇÃO Os condicionalismos do ano 2006 tiveram agravamento, na medida foi uma conquista importante que no entanto não teve qualquer encaixe em que a nova Lei das Finanças Locais teve o seu primeiro ano de aplica- financeiro em 2007.ADMINISTRAÇÃO GERAL ção e aquele que devia ter sido o primeiro ano de execução do novo pa- - Finalização, aprovação e homologação da Carta Educativa do Mu- » ADMINISTRAÇÃO GERAL cote de Fundos Comunitários, o QREN 2007/2013, afinal não iniciou a sua nicípio de Ílhavo. execução, nem sequer a sua configuração regulamentar foi terminada. Mesmo assim a Câmara Municipal de Ílhavo assumiu a sua condição O ano 2007 fica marcado pela implementação do SIADAP, o novo - Implementação a 100% dos objectivos definidos nos Planos Muni- de continuar a ser um agente da mais elevada importância na construção regime de avaliação do desempenho dos Funcionários da Administração cipais de Intervenção Educativa 2006/2007 e 2007/2008; de desenvolvimento do Município, concretizando um trabalho intenso, Local, com uma nota positiva, e principalmente com bons indicadores de construído por um vasto conjunto de parcerias com os Cidadãos, as As- desenvolvimento do sistema para o ano de 2008. - Programa de Iniciação à Natação para as crianças dos Jardins de sociações, as Empresas, o Governo e outras Entidades da Administração No âmbito da administração geral da Câmara Municipal de Ílhavo, ini- Infância e realização do VIII Festival de Natação do Município de Ílhavo; Central e Local. ciámos a preparação da activação do Serviço de Atendimento Integrado (e a respectiva obra de adaptação do edifício), numa perspectiva de op- - Gestão do Programa de Enriquecimento Curricular, com as activi- A orientação determinada pelas Grandes Opções do Plano 2007 e timização dos recursos e de facilitar a utilização presencial dos Serviços dades de Inglês, Música, Educação Física, Apoio ao Estudo, Expressão enquadrada pelo plano de acção “Continuar a Mudar”, foi seguida com da CMI pelos Munícipes. Plástica e Informática (numa parceria liderada pela CMI e participada pe- determinação, procurando vencer dificuldades, captar novas oportunida- A preparação, em conjunto com os Municípios da AMRia/GAMA, de los Agrupamentos de Escola e pelas Associações de Pais); des e optimizar as capacidades existentes. projectos de modernização administrativa a financiar pelo QREN foi um trabalho importante que se realizou visando, entre outros objectivos, a - DesportÍlhavo 2007; No ano 2007 as obras marcantes foram as do Centro Cultural de Ílha- integração do atendimento e a desmaterialização dos processos admi- vo e do Saneamento Básico da Gafanha da Encarnação e Gafanha do nistrativos. - Gestão da Escola Municipal de Educação Rodoviária; Carmo (1a fase), ambas com uma situação no final do ano muito próximo A formação dos Funcionários Municipais ao abrigo do Programa Fo- do encerramento. ral, gerido pela Associação de Municípios da Ria, desenvolveu-se no âm- - Programa Municipal de Educação Ambiental (várias acções); bito da planificação assumida pelo Programa de Formação 2006/2007. No que respeita às acções, as comemorações dos 70 anos do Museu Os Serviços promoveram a devida gestão e utilização das capaci- - Semana de Teatro Infantil; Marítimo de Ílhavo foram o marco distintivo deste ano 2007, concretizan- dades novas que conseguimos concretizar pelo Programa Aveiro Digital do um vasto conjunto de iniciativas que assumiram um balanço muito po- 2003/2006, sendo que participámos activamente no Fórum Aveiro Digital - Programa “Baú de Histórias”; sitivo. Mantivemos um forte dinamismo na área da Educação, da Cultura, realizado em Março 2007, e que marcou o encerramento do Programa: da Acção Social, do Turismo, do Desporto, destacando-se as actividades o Conselho Municipal de Educação em rede e o Sistema de Informação - Assinatura e gestão de Acordos de Cooperação com as Associa- de carácter estruturante da agenda Municipal: FestÍlha, “+ECO/Semana Geográfica, são seguramente alguns dos melhores exemplos. ções de Pais para a gestão das Cantinas e dos ATL’s, tendo sido conti- do Ambiente”, Festival de Teatro, Semana Jovem, MarAgosto, Maiorida- Assinámos e iniciámos a execução de um Protocolo com as quatro nuada com toda a dedicação, investindo no aumento da qualidade dos de, Semana da Educação, entre outras acções. Juntas de Freguesia do Município e com a AMRia, para executar o projec- seus serviços; to “Agir para Ligar”, que propicia o financiamento dos Espaços Internet e A elaboração, aprovação e homologação da Carta Educativa do Mu- a sua qualificação funcional. - Confecção e fornecimento de refeições às cantinas escolares, tendo nicípio de Ílhavo foi uma concretização importante do ano 2007, numa A criação da Sociedade Anónima “MaisÍlhavo” e o início da sua ac- sido assinado o Protocolo para o Fornecimento de Refeições no 1º Ciclo acção que congregou toda a Comunidade Educativa do Município. tividade, foi um elemento relevante deste ano 2007, estruturando a sua com o Ministério da Educação; organização e iniciando o desenvolvimento dos projectos que lhe estão A qualidade de vida das Pessoas que residem, trabalham e/ou pas- entregues. - Assinatura de Protocolos de Colaboração com a Escola Secundária sam algum do seu tempo livre no Município de Ílhavo, manteve o seu de Ílhavo, no âmbito da organização, funcionamento e avaliação dos cur- » SEGURANÇA E ORDEM PÚBLICA ritmo de crescimento sustentável neste importante ano 2007. sos tecnológicos de nível secundário; ACTIVIDADE - Acompanhamento da activação a 30 de Janeiro do novo Quartel da - Comemorações do Dia Mundial da Criança; GNR da Gafanha da Nazaré; Neste documento sumário de Relatório e Contas 2007 apresentam- - Acção “Conhecer Portugal/Lisboa” a 6 de Junho; se referenciadas as acções de maior relevância desenvolvidas pela Câma- - Finalização e aprovação do Plano Municipal de Defesa da Floresta ra Municipal de Ílhavo, no âmbito das Grandes Opções do Plano 2007. A Contra Incêndios e gestão da Comissão Municipal de Defesa da Floresta - Entrega das Bolsas de Estudo Municipais do ano lectivo execução de investimento manteve um nível relevante, e a gestão assen- Contra Incêndios; 2006/2007;
  • 23. 23 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição - Agenda Escolar 2007/2008 (lançada em Outubro 2007); - Gestão e valorização do Sistema de Informação Geográfica. - Finalização do projecto e adjudicação do concurso público para a requalificação do Jardim Oudinot, na Gafanha da Nazaré; » ILUMINAÇÃO PÚBLICA - Festa de Natal para todas as crianças das Escolas do 1º Ciclo e dos Jardins de Infância (acção realizada em conjunto com as Juntas de - Manutenção e gestão cuidada dos espaços verdes existentes por Freguesia de S. Salvador, da Gafanha da Nazaré, Gafanha da Encarnação - Execução em parceria com a EDP de alguns investimentos de refor- todo o Município; e da Gafanha do Carmo). ço da qualidade da iluminação pública. » PROTECÇÃO DO MEIO AMBIENTE » URBANIZAÇÃO - Lançamento do Programa de Apoio a Projectos Educativos 2007/2008; - Programa Educativo para o Ambiente, “Ílhavo - O Ambiente com - Expansão da rede de Circuitos Pedestres, com a activação do Trilho dois sorrisos”; - Manutenção de boas condições de instalações e equipamento das das Padeiras. nossas Escolas do 1º Ciclo e Jardins de Infância. - Programa ECO-Escolas, Projecto ZOOM, Projecto “Coastwatch Eu- - Desenvolvimento de projectos de qualificação urbana e preparação rope 2007”; » SAÚDE do lançamento dos respectivos concursos: - Avenida Mário Sacramento (Ílhavo); - Campanha “O Nosso Papel é Valorizar o Seu”; - Realização de duas edições da nova iniciativa “Feira da Saúde”, - Centro da cidade da Gafanha da Nazaré (área envolvente do com o objectivo de incentivar a população do Município a adoptar estilos velho Mercado); - Gestão do Centro de Educação Ambiental (na Gafanha D’Aquém) e de vida mais saudáveis e eventualmente corrigir alguns comportamentos - Rede de Ciclovias, nomeadamente as das praias da Barra e do Núcleo de Educação Ambiental da Costa Nova; menos benéficos. A 19 de Maio na Biblioteca Municipal de Ílhavo e a 4 de Costa Nova. Agosto no edifício da Extensão de Saúde da Barra; - Largo situado entre o Cemitério e o Campo do NEGE (Gafanha - +ECO 2007 / Semana do Ambiente; da Encarnação); - Desenvolvimento da parceria com a Santa Casa da Misericórdia de - Zona envolvente à EB 2,3 e ao Pavilhão Desportivo da Gafanha - Bandeira Azul na Barra e na Costa Nova; Ílhavo visando a construção do Hospital de Cuidados Continuados (projecto, da Encarnação; licenciamento, contactos institucionais com potenciais financiadores,...); - Frente Ria da Costa Nova (2ª fase). - Bandeira de “Praia Acessível, Praia Para Todos” na Barra e na Costa Nova; - Manutenção da pressão institucional junto do Ministério da Saúde - Execução da obra de qualificação urbana da envolvente sul ao Cen- - Dia Europeu Sem Carros (Ílhavo e Gafanha da Nazaré); visando a activação da Extensão de Saúde da Barra, integrado no Edifício tro Cultural de Ílhavo; de Serviços Públicos da Barra, lutando pelo cumprimento do compromis- - Formalização de Acordos de Cooperação com as Associações de » SANEAMENTO so de activação desta Extensão de Saúde (ao abrigo do Contrato-Progra- Escuteiros do Concelho; ma assinado entre a CMI e a ARSCentro). - Finalização das obras de saneamento básico na Ermida; - Assinatura de Protocolo de Colaboração para a recolha e tratamen- » ACÇÃO SOCIAL to de biomassa com a empresa EnerForest; - Reabilitação de troços do colector pluvial da Av. José Estêvão, na - Desenvolvimento dos trabalhos de preparação da activação da Gafanha da Nazaré; - Activação do Trilho Cultural “Na Rota das Padeiras” (Rede de Cir- nova metodologia de intervenção e gestão social do Município de Ílhavo, cuitos Pedestres). em parceria com os parceiros sociais e acompanhando experiências de - Desenvolvimento das obras de saneamento básico na Gafanha da » HIGIÉNE PÚBLICA outros Municípios: o Atendimento Social Integrado; Encarnação e na Gafanha do Carmo (1ª fase); - Desenvolvimento da actividade da Comissão Local de Acção Social - Desenvolvimento de projectos para obras de saneamento básico a - Manutenção em boas condições das acessibilidades a deficientes e de trabalho de intervenção social em parceria com as IPSS’s; realizar na Cidade de Ílhavo (zona antiga); em todos os sanitários da Barra e da Costa Nova; - Liderança e Gestão da Comissão de Protecção de Menores em Risco; - Construção da estação Elevatória da Zona Industrial da Mota; - Manutenção dos sanitários públicos existentes, com gestão em par- ceria com operadores privados. - Apoio técnico, institucional e financeiro à obra do Lar / Centro Co- - Acompanhamento da gestão do sistema de saneamento básico em » CEMITÉRIOS munitário da Gafanha do Carmo (da Associação de Solidariedade Social alta da SIMRIA. da Gafanha do Carmo); - Desenvolvimento de estudos de novos métodos de gestão dos sis- - Acompanhamento, por ligação institucional às respectivas Juntas - Apoio técnico, institucional e financeiro à obra de ampliação e remo- temas de água e saneamento básico (redes de baixa) no âmbito da GAMA de Freguesia, da gestão do Cemitério de Ílhavo e da Casa Mortuária da delação do Lar de S. José, Ílhavo (do Património dos Pobres de Ílhavo); e da SIMRIA. Gafanha da Nazaré, com um balanço positivo ao trabalho desenvolvido pelas Juntas de Freguesia em causa. » ÁGUA - Atribuição da declaração de interesse público municipal ao projecto » CULTURA de construção de um Lar para a Terceira Idade do Centro Social Paroquial da Gafanha da Encarnação; - Instalação de uma nova conduta adutora de água na Ponte da Barra, reforçando a capacidade de transporte de água para a Barra e a Costa Nova; - Desenvolvimento da construção do Centro Cultural de Ílhavo; - Apoio técnico e institucional às IPSS’s, no processo de apresenta- ção de candidaturas ao programa PARES; - Gestão de padrões elevados de qualidade da água ao abrigo do - Comemoração dos 70 anos do Museu Marítimo de Ílhavo, com um sistema de controlo da qualidade da água em vigor e no âmbito da gestão vasto programa (destacando-se a acção 70 anos / 70 horas) e reabertura - Realização da 9a edição da MAIOR IDADE / Viver Solidário; de todo o sistema; do Navio-Museu Santo André (após a realização de um conjunto de inter- venções de beneficiação); - Gestão da acção “Movimento Maior” (Desporto para a Maioridade); - Construção de um novo reservatório de água na Ermida (obra a cargo da empresa Pelicano, no âmbito da urbanização da Quinta da Valenta); - Concretização do Acordo de Permuta da antiga Escola Preparatória - Gestão dos “Espaços Maioridade” a funcionar nos Pólos da Biblio- de Ílhavo (imóvel do estado) pelos terrenos onde está implantada a actual teca Municipal; - Definição, preferencialmente à escala intermunicipal, do modelo de Escola Básica de 2º e 3º Ciclo de Ílhavo (imóvel propriedade do Município) gestão das redes de baixa de água e de saneamento básico, sem colocar entre a CMI e a DGPatrimónio, recebendo a CMI o edifício da velha Escola - Execução de Acordos de Cooperação com as Associações de Ac- de lado a possibilidade de integração dos sistemas de alta e de baixa. Preparatória de Ílhavo, visando a criação do “Centro Etnográfico de Artes ção Social do Município. e Ofícios” que se encontra em desenvolvimento de projecto. » RESÍDUOS SÓLIDOS » HABITAÇÃO - Assinatura e execução do protocolo de Cooperação Cultural entre a - Acompanhamento exigente da operação do concessionário para a CMI e a Empresa Vista Alegre; - Acompanhamento social e gestão dos inquilinos de habitação social da CMI; gestão dos resíduos sólidos urbanos (RSU) e limpeza urbana do Concelho; - Desenvolvimento do projecto de qualificação do Centro Cultural da - Desenvolvimento de trabalhos preparatórios e negociações para - Gestão do projecto-piloto de recolha de RSU’s “porta-a-porta”, e Gafanha da Nazaré (3a fase), assim como dos projectos das Casas da resolução de problemas urbanos de bairros habitacionais devidamente concretização de campanhas de sensibilização da População para a re- Música de Ílhavo e da Gafanha da Nazaré (nestes dois casos com parce- cadastrados, nomeadamente em Ílhavo e na Gafanha da Nazaré; dução da quantidade de RSU’s produzida, sendo que em 2007 registá- rias de gestão com Associações Culturais ligadas à música); mos uma redução na produção face a 2006. » ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO - Formalização de Acordos de Cooperação com as Associações Cul- - Gestão e dinamização do Centro de Educação Ambiental e do Eco- turais do Concelho e com a Associação dos Amigos de Ílhavo de New- - Participação activa nos trabalhos da Comissão Mista de Coordena- centro Municipal na Gafanha D’ Aquém; Bedford (EUA); ção do Plano Regional de Ordenamento do Território / Centro, pela sua elevada importância a vários níveis; - Gestão do Ecocentro Municipal e acompanhamento da gestão dos - Festival de Teatro 2007 (Maio); Ecopontos pela ERSUC; - Gestão do processo de revisão do Plano Director Municipal de Ílha- - Realização das Marchas Sanjoaninas, com a participação das mar- vo e de elaboração de vários Planos de Pormenor, com a sua adaptação - Acompanhamento e fiscalização da operação do concessionário da chas da Costa Nova, Gafanha d’Aquém, Gafanha da Encarnação, Car- à nova legislação, sendo que os processos esbarraram nos novos “relató- gestão dos RSU (recolha e limpeza urbana), STL; valheira, Gafanha da Nazaré e Barra, e três apresentações (Gafanha da rios ambientais” que ainda hoje não têm a sua definição feita; Nazaré, Barra e Ílhavo); » JARDINS, PARQUES E ESPAÇOS VERDES - Desenvolvimento e aprovação de vários Estudos Urbanísticos;
  • 24. 24 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 - Realização de várias exposições (pintura, fotografia,...) na Galeria - Desenvolvimento do projecto da Circular Poente Norte a Ílhavo 4ª Junta de Freguesia da Gafanha da Encarnação: Municipal de Ílhavo, na Sala das Temporárias do Museu Marítimo de Ílha- Fase (ligação das Lavegadas a Verdemilho, fazendo a travessia da Couta- » Investimento da CMI: Previsto Realizado vo, no Centro Cultural da Gafanha da Nazaré e na Biblioteca Municipal; da) e outros da Rede Viária Estruturante; - investimento em obras ................... 23.200 23.200 - inv. Em estruturas da Junta ............. 6.950 6.950 - Dinamização da Biblioteca Municipal de Ílhavo o dos seus três Pó- - Acompanhamento da obra da Ponte da Barra e realização dos pro- los, e comemoração do 2o aniversário da Biblioteca (em Setembro, com a jectos necessários à sua boa interligação à rede viária municipal (rodovia » Verba recebida do Governo (FFF) 62.953 euros presença de D. Ximenes Belo) e da Festa da Na Sra das Neves (Agosto); e ciclovia). Junta de Freguesia da Gafanha do Carmo: » ESTACIONAMENTO - Realização de dois espectáculos com a Filarmonia das Beiras: “Mú- » Investimento da CMI: Previsto Realizado sica na Escola” em Março e “Concerto de Natal” em Dezembro; - investimento em obras ............. 14.638 14.638 - Entrada em funcionamento do Parque de Estacionamento do Cen- » DESPORTO tro Cultural de Ílhavo e área envolvente, em Abril 2007; » Verba recebida do Governo (FFF) 31.389 euros » OUTRAS ACÇÕES - Finalização do projecto de ampliação das infraestruturas desporti- - Gestão de parcómetros e acompanhamento da gestão da rede de vas do Complexo Desportivo do GDGafanha; abrigos para passageiros. - Comemorações do Feriado Municipal, com a inauguração da exposi- » TRANSPORTES - Assinatura de Protocolo de Utilização do Pavilhão Desportivo da Es- ção da ANMP “30 anos de Poder Local Democrático / Portugal Presente”; cola Secundária de Ílhavo, entre a CMI e Conselho Executivo da Escola; - Início da implementação do Plano Municipal de Trânsito; - Acções evocativas dos aniversários de elevação da Gafanha da Na- - Desenvolvimento de vários programas de promoção da actividade zaré e de Ílhavo a cidade, e da Gafanha da Encarnação a vila (acções desportiva da população (Desporto Escolar, Desporto para Todos, Des- - Acompanhamento da actividade dos operadores privados de trans- conjuntas com as respectivas Juntas de Freguesia); porto para a Maior Idade) e de várias actividades (Pedalada do Milénio, portes públicos. Programa Ílhavo Radical,...); - Comemorações do 25 de Abril e do Dia do Trabalhador; » MERCADOS E FEIRAS - Apoio às actividades desenvolvidas pelas Associações do Conce- - Participação nas Comemorações do 10 de Junho nos EUA (New lho, no âmbito dos Acordos de Cooperação assinados. - Desenvolvimento do projecto de ampliação do Mercado da Costa Bedford); Nova e negociação dos terrenos; » JUVENTUDE E TEMPOS LIVRES - Publicação de três edições do Boletim Municipal; - Acompanhamento da Junta de Freguesia da Gafanha da Nazaré, na - Dinamização dos Foruns da Juventude (Ílhavo, Gafanha da Nazaré e gestão do Mercado da Gafanha da Nazaré; - Publicação mensal da agenda de eventos do Concelho, “Viver em”; Pólo de Vale de Ílhavo), com a activação de novos programas, destacan- do-se as “Oficinas Criativas”; - Gestão do novo recinto da Feira dos 13, e de todo o Parque Muni- - Publicação do boletim interno CMI “ Nosso Pessoal”. cipal da Vista Alegre; - Co-gestão dos Gabinetes de Apoio à Saúde Juvenil (Ílhavo e Gafa- » TURISMO nha da Nazaré), com o Centro de Saúde de Ílhavo; - Execução de Acordos de Cooperação com as Associações de Jo- - Acções de promoção turística do Concelho de Ílhavo, destacando- vens do Concelho; se a participação na Bolsa de Turismo de Lisboa, BTL 2007; - Gestão do Programa “Vocação” (programa de ocupação de tempos - VII Pedalada do Milénio (Junho 2007); livres de longa duração); - Realização das Festas do Município 2007 / MAR AGOSTO; CONSIDERAÇÃO FINAL - Programa “Ílhavo Radical”; - Desenvolvimento dos trabalhos preparatórios da Regata STI come- - VII Programa Municipal de Ocupação de Tempos Livres; morativa dos 500 anos do Funchal (Falmouth, Ílhavo, Funchal), a realizar Embora com um conjunto complexo de constrangimentos ao nível do em Setembro 2008; acesso a nova receita que propiciasse uma capacidade mais elevada de - Concurso Literário Jovem 2007 / Escreve um Conto; investimento, o ano de 2007 recebe um balanço positivo pelo cumprimen- - Acompanhamento da gestão da concessão do Parque de Campis- to dos objectivos definidos, dando contributo para o desenvolvimento do - Gestão do Serviço de Apoio à Formação e ao Emprego (SAFE); mo da Barra. Município e para a elevação da qualidade de vida da população. - Encontro Inter-Escolas 2007; - Acompanhamento da gestão e estruturação de intervenção de qua- A preparação de projectos e de algumas obras que vão corporizar lificação do parque de Campismo da Gafanha da Nazaré (com o GDGafa- o investimento dos próximos anos, nomeadamente na perspectiva da - Jornadas da Juventude do Município de Ílhavo (3a edição); nha e a Junta de Freguesia da Gafanha da Nazaré). utilização dos Fundos Comunitários do QREN 2007/2013, foi uma tarefa muito importante que desenvolvemos, sendo que a aposta arriscada na » JUNTAS DE FREGUESIA / PROTOCOLOS - Semana Ílhavo Jovem 2007; conquista de apoios do III QCA deu ainda bons frutos: tivemos a aprova- ção de duas candidaturas de obras executadas / em curso, às verbas de - Programa “Sábados no Jardim”; Execução dos Acordos de Cooperação aprovados, assinados e con- “overbooking” do QCA 2000/2006, estando ainda outra para aprovação. cretizados, com cada uma das quatro Juntas de Freguesia - S. Salvador, - Publicação da revista jovem “atua”. Gafanha da Nazaré, Gafanha da Encarnação e Gafanha do Carmo – no Os investimentos em obra no valor de 6.320.425,98 milhões de eu- âmbito da política de apoio e cooperação da Câmara Municipal de Ílhavo ros, as múltiplas acções realizadas ao longo do ano, e os vários serviços » ESTRUTURAS DE APOIO À ACTIVIDADE com as Juntas de Freguesia do Concelho, assente no princípio da coope- prestados, contribuíram de forma objectiva para a elevação do nível de DOS PESCADORES ração institucional, da responsabilidade e da transparência. desenvolvimento do Município e da qualidade de vida dos Cidadãos, con- seguindo-se uma gestão equilibrada e mantendo a Câmara Municipal de - Gestão dos Cais dos Pescadores da Costa Nova e da Gafanha da As verbas, com um valor total de 214.688 Euros, foram aplicadas em Ílhavo, uma boa situação económico-financeira global. Encarnação; obras (propostas pelas Juntas e acordadas pelas partes), nomeadamente, limpeza regular de bermas das ruas e arruamentos, melhoramento de ruas Mantivemos o nosso empenhamento produtivo nos trabalhos de ges- - Comemoração do Dia do Pescador (31 Maio 2007); e caminhos, desobstrução e limpeza regular de valas, emanilhamento de tão e liderança associativa intermunicipal, nomeadamente na Associação valas, realização de pequenas obras de construção civil, gestão dos ce- Nacional de Municípios Portugueses (no Conselho Directivo), na Asso- - Participação (com parceria institucional) e patrocínio do I Salão In- mitérios, além de alguns investimentos em estruturas das Juntas. ciação de Municípios da Ria (na Presidência do Conselho de Administra- ternacional do Mar, Pescas e Aquicultura, realizado no Parque de Feiras ção), na Grande Área Metropolitana de Aveiro (Presidência da Junta), na e Exposições de Aveiro. Registe-se a execução quase a 100% dos referidos Protocolos por Associação de Municípios do Carvoeiro (no Conselho de Administração) cada uma das quatro Juntas de Freguesia. e na SIMRIA (no Conselho de Administração), no âmbito das responsabi- » ESTABELECIMENTOS INDUSTRIAIS As verbas para obras transferidas no ano de 2007, foram as seguintes lidades assumidas. LIGADOS AO ABASTECIMENTO (valores em euros): Junta de Freguesia de S. Salvador: Procedemos a um vasto e diversificado conjunto de acções come- - Construção das infraestruturas da Zona Industrial da Gafanha D’ » Investimento da CMI: Previsto Realizado morativas dos 70 anos do Museu Marítimo de Ílhavo, com uma relevante Aquém; - investimento em obras ............. 87.875 84.875 qualidade e dimensão nacional e internacional. - Desenvolvimento de projecto e de negociações visando a constru- » Verba recebida do Governo (FFF) 184.634 euros Apresentamos o nosso agradecimento a todos os Autarcas, Funcio- ção da Via de Ligação da Zona Industrial das Ervosas à Via de Ligação nários, Colaboradores, Voluntários, Associações, Governo e Instituições Ílhavo / A17. Junta de Freguesia da Gafanha da Nazaré: da Administração Central, Fornecedores, Empreiteiros,..., que estiveram » Investimento da CMI: Previsto Realizado na construção do Município de Ílhavo neste importante ano de 2007, pelo » REDE VIÁRIA E SINALIZAÇÃO - investimento em obras .................... 45.200 45.200 contributo que foram capazes de dar. - investimento em obras ............. 20.000 20.000 - Implementação da 1ª fase de reformulação da circulação rodoviária na José Agostinho Ribau Esteves, eng. cidade da Gafanha da Nazaré, na zona da Rua D. Manuel Trindade Salgueiro; » Verba recebida do Governo (FFF) 135.505 euros Presidente da Câmara Municipal de Ílhavo
  • 25. 25 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição Praias da Barra e Costa Nova Praias do Município 2008 Novas Ciclovias e Percursos Pedonais Ponte da Barra recuperada O passado dia 4 de Bandeira Azul Julho foi sem dúvida um dia com um especial significado para o Município de Ílhavo, pois foi essa a data escolhida para proceder ao hastear da Bandeira Azul e da Bandeira “Praia Acessível Praia para Todos”, nas praias da Barra e da Costa Nova, para a abertura oficial da Ciclovia da Praia da e circulação nas nossas praias mais Barra, assim como para seguro e apetecível. a activação da nova Após a chegada da comitiva à Praia da Costa Nova procedeu-se ao iluminação da Ponte hastear das bandeiras nesta praia, da Barra, sinais claros seguindo-se depois a Praia da Barra. do grande empenho No final desta cerimónia, na qual participaram dezenas de pessoas, e investimento da entre convidados e população, o Câmara Municipal na Presidente da Câmara, Eng. Ribau manutenção e melhoria Esteves, destacou a maior qualida- de urbana, a melhor condição de da qualidade, segurança fruição da paisagem e a maior segu- e acessibilidade das rança dos utilizadores como os ga- nossas praias. nhos principais deste investimento na ciclovia, destacando igualmente o especial significado de vermos no- vamente hasteadas nas nossas duas Desde 1989 que, ano após ano, as praias a “Bandeira Azul” e a Bandeira duas praias do Município são presen- “Praia Acessível Praia para Todos”. teadas com o importante galardão da À noite, o espectáculo foi a cores, “Bandeira Azul”, o mesmo acontecen- com um magnífico Fogo de Artifício no do desde 2005 com a Bandeira “Praia Canal de Mira da Ria de Aveiro, lan- Acessível Praia para Todos”, o que, çado das ilhas junto à Ponte da Barra, para além de representar qualidade e que culminou com a acender da nova segurança balnear para quem delas iluminação ornamental sob o tabulei- usufrui, é também símbolo da prática ro, embelezando a arquitectura da re- de desenvolvimento sustentável e pre- novada Ponte, nuns merecidos “Para- servação dos recursos naturais que béns” por todo o trabalho realizado. tanto privilegiam a nossa localização. Esta iluminação estética da Ponte Com encontro marcado às 17 ho- mente realizada por monitores dos Gi- e representando um investimento te Real (arruamento central da área da Barra, sem dúvida um novo mo- ras nos Armazéns Gerais da Câma- násios GimClube e Clube Fitness, que da Câmara Municipal de Ílhavo de urbana da Praia da Barra). Esta tivo de atracção desta relevante obra ra Municipal de Ílhavo, na Gafanha também participaram na pedalada. cerca de 400.000,00 Euros, vem nova ciclovia, que complementa as de engenharia, surge de um acordo D’Aquém, a comitiva, composta por A realização deste percurso per- contribuir de forma muito relevante já existentes nesta praia, irá ligar-se estabelecido entre o EP e a Câmara cerca de meia centena de pessoas, mitiu então proceder, antes da ceri- para a melhoria do ordenamento e igualmente num futuro próximo à ci- Municipal de Ílhavo, no qual o EP rea- iniciou a sua viagem rumo à Praia da mónia do hastear das bandeiras, à das condições de segurança dos clovia a ser construída na Praia da lizou o projecto e o investimento nesta Costa Nova, utilizando como meio abertura oficial da Ciclovia da Praia automobilistas, ciclistas e peões Costa Nova, por via da requalifica- iluminação, e a Câmara Municipal de de transporte a bicicleta, levando na da Barra, que, com uma extensão que circulam na Ponte da Barra, ção da zona da “Biarritz”, tornando Ílhavo assumiu a manutenção do sis- bagagem uma aula ao ar livre previa- total de aproximadamente 3,5 Km, assim como na Avenida João Cor- todo este trajecto de entrada, saída tema e os custos com a energia. Protocolo entre a Câmara Municipal de Ílhavo, Aveiro Rescue e Associação de Concessionários de Praia da Beira Litoral Foi assinado, no passado dia 4 de Aveiro como contrapartida aos servi- Julho, o Protocolo de Cooperação ços de dinamização de projectos de entre a Câmara Municipal de Ílhavo, a animação do Núcleo de Educação Associação de Salvamento Aquático Ambiental, gestão da utilização do Ti- de Aveiro - Aveiro Rescue e a Asso- ralô, sendo que esta entidade assume ciação de Concessionários de Praia também a responsabilidade do servi- da Beira Litoral. ço de vigilância da praia (com Nada- A Câmara Municipal atribuiu um dor-Salvador) entre a Rua dos Banhos subsídio de 5.075,00 Euros à Asso- e a Avenida do Mar, na Costa Nova, ciação de Salvamento Aquático de assim como a gestão do Bar do NEA.
  • 26. 26 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 1 a 7 de Junho + ECO 2008 - Semana do Ambiente Balanço efectuado revela esta viagem aos tempos modernos de um Concelho que marca de for- 135.000 participantes ma especial o panorama nacional em 5 anos de Educação nesta, como em outras matérias! Ambiental Municipal! Uma última referência especial para a dinamização do 4º Seminá- rio Local «As Escolas e o coastwa- tch!», permitindo que as Crianças, Jovens, Docentes e Familiares, que encheram por completo o Auditó- rio do Museu Marítimo, pudessem apresentar e discutir o que obser- A +ECO (Semana do Ambiente) varam com o trabalho desenvolvido constitui, desde sempre, um mo- durante a época pós-balnear, e des- mento alto do muito trabalho que cobrir propostas de solução para os ano após ano é realizado na Câmara problemas que afectam o nosso Li- Municipal de Ílhavo, mas também toral – frente Ria e frente Mar. Neste um momento chave de renovação evento foi ainda possível observar da alegria e imensa vontade para com atenção particular o quanto al- a dinamização do trabalho, parcei- Apesar de todo este importante e dora e inovadora forma de Educar. potencialmente recicláveis! guns dos nossos Estabelecimentos ro e amigo que, com os Docentes, positivo trabalho desenvolvido, no- A criatividade das nossas Crian- A requalificação e renovação dos de Ensino têm progredido na busca Crianças e Jovens dos nossos Es- vos e criativos desafios marcaram ças, dos nossos Jovens e respecti- ecossistemas dunares nas Praias de inovadoras formas de energia, tabelecimentos de Ensino, temos o inicio desta semana temática: dis- vos Docentes a todos espantou na da Barra e da Costa Nova, a visita menos poluentes e mais rentáveis! desenvolvido e queremos continuar tribuição de equipamentos adequa- mostra dos trabalhos desenvolvidos a um dos nossos mais antigos Ami- Novas histórias nos aguardam nos a desenvolver. Assume-se mesmo dos à deposição selectiva dos óleos para a exposição «Ambiente Vivo», gos – Parque Biológico de Gaia - e próximos tempos, com os mesmos como a grande reunião das emoções alimentares usados – mini-oleões a qual se constitui como a grande a atenção particular para a Educa- ou com outros personagens porque (e tantas foram vividas) que em es- - pelas Famílias e Unidades de Res- montra da Imaginação Estudantil, ção Rodoviária serviram de mote a a construção de um Concelho Sus- pecial as nossas Crianças, Jovens e tauração Ilhavenses; mais e melhor conjugando para o efeito as preocu- um dia vivido de forma intensa por tentado/Sustentável é também feita Professores experimentam em cada Recolha Selectiva Municipal; certifi- pações ambientais com os materiais todos quantos connosco têm vivido de pequenos grandes momentos! um dos momentos que connosco cação dos procedimentos ambien- trabalham e partilham nas diferentes tais das Unidades de Restauração O início da edição 2008 da +ECO fica marcado pela divulgação dos números que fazem história na Educação Ambiental: temáticas e projectos que caracte- do Município, com a dinamização da » 135.000 participantes na Educação Ambiental nos últimos 5 anos; rizam o Programa Educativo para o campanha «Pratos Limpos»; Alarga- » 2º Melhor Município no País no âmbito da dinamização do projecto Eco-Escolas; Ambiente «Ílhavo: O Ambiente com mento na abrangência da Rede Mu- » 72% da Rede Escolar servida por equipamentos de Recolha Selectiva de Resíduos; dois Sorrisos!». Não é possível já dis- nicipal de Ciclovias, com as novas e » 1º, e único, Município do País a dinamizar uma Revista de Actividades de Educação Ambiental - «O Ambúzio»; sociar da Semana do Ambiente o or- modernas estruturas localizadas na » 12.000 Kg de papel proveniente dos Estabelecimentos de Ensino foi recolhido e enviado para Reciclar nos últimos 5 anos; gulho que sentimos em ter também Ponte da Barra e na parte urbana do » 21.000 Kg de papel proveniente dos diferentes Serviços Municipais foi recolhido e enviado para Reciclar nos últimos 5 anos connosco o crescente e vital envolvi- lugar da Barra, entre outros. (ao mesmo tempo que se conseguiu estabilizar o papel gasto nas diferentes valências); mento que os nossos Encarregados Voltámos a dedicar especial aten- » passou-se de 4%, em 2004, para 7% na percentagem de separação dos Resíduos Sólidos Urbanos, resultante de mais de Educação depositam em todo ção aos Pais Natureza através de e melhor oferta no que ao equipamentos de deposição selectiva de RSU diz respeito – 93 ecopontos; 35 mini-ecopontos este trabalho, que nos motiva a to- dois especiais momentos, nomea- escolares; 1 Ecocentro e Recolha Selectiva nos diferentes serviços da Câmara Municipal; dos na construção de um Concelho damente com a sessão especial na » o projecto piloto de Recolha Multimaterial porta-a-porta, efectuado na zona histórica da Cidade de Ílhavo tem conduzido a Sustentado/Sustentável, sem que tal Lixoteca 2008 e a atribuição de um uma importante redução na produção de RSU indiferenciados - 50% - e a 21% na quantidade de RSU valorizados. facto lhe possa retirar criatividade, mini-oleão, por forma a destacar o vitalidade ou competitividade. seu importante papel nesta motiva- ACTIVIDADES NAS PISCINAS DO MUNICÍPIO DE ÍLHAVO » Aulas de hidroginástica » Natação em regime livre » Natação terapêutica (problemas de coluna) com massagens » Massagens » Pólo Aquático » Natação para bebés » Regime livre com análise técnica » Hidrokids (hidroginástica para jovens)* » Festas de aniversário » Férias Divertidas » Aulas de aprendizagem e aperfeiçoamento para crianças e jovens » Aulas de aprendizagem e aperfeiçoamento para adultos » Shiatsu » Natação pré e pós-parto* » Multiactividades* CONTACTOS Piscina Municipal de Ílhavo Tel 234 329 607 Piscina Municipal da Gafanha da Nazaré Tel 234 363 080 * abertura de classes sujeita a número mínimo de pré-inscrições
  • 27. 27 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição Actividade AMRia/GAMA Associativismo Municipal O Verão de 2008 tem Esta é uma fase da maior impor- - elaboração de candidatura às A parceria entre os Municípios e a O trabalho vai continuar em ritmo tância para os Municípios da região Redes Urbanas para a Competitivi- Universidade de Aveiro para a mate- intenso e responsável, fazendo em sido e vai continuar a da Ria de Aveiro, que integram a As- dade e a Inovação; rialização da estratégia assumida no simultâneo a construção de novos ser de intensa actividade sociação de Municípios da Ria e a - estruturação com entidades do Plano Territorial de Desenvolvimento modelos de gestão da relação entre para as Associações Grande Área Metropolitana de Avei- Ministério do Ambiente (que lideram o e de muitos dos projectos que vão Câmaras Municipais fortalecendo a ro (e proximamente e em substitui- processo) do programa “Polis da Ria”; dar corpo ás frentes de trabalho intermunicipalidade, entre as Câma- de Municípios da nossa ção destas duas, a nova Associação - realização de estudos de um acima referidas, tem sido e vai con- ras Municipais, a Universidade e as região (e seus Municípios que vai derivar da aplicação do novo novo modelo de gestão, de escala tinuar a ser da maior importância, Empresas, numa aposta clara e forte associados), preparando regime legal). intermunicipal, para os sistemas de havendo também a participação em em unir esforços para construirmos São múltiplas as frentes de trabalho baixa de água e saneamento básico; crescendo nesta parceria, das em- uma região com mais qualidade de e negociando o em que estamos empenhados, desta- - acompanhamento da criação e presas, representadas pela Associa- vida para todos aqueles que aqui desenvolvimento cando-se as seguintes: activação da nova Região de Turis- ção Industrial do Distrito de Aveiro. residem, trabalham ou passam al- de projectos de - execução do projecto de moder- mo do Centro, com delegação de Foi nesse âmbito que no passa- gum do seu tempo de lazer ou de nização administrativa recentemente gestão do produto turístico “Ria de do dia 20 de Junho se procedeu à cultura. desenvolvimento aprovado no âmbito do QREN (no va- Aveiro” correspondente ao território assinatura de um Protocolo de Co- municipal e regional que lor de 2,5 milhões de euros); da NUTIII Baixo Vouga. operação (que já está em execução) José Ribau Esteves, eng queremos materializar - estruturação e negociação do Pla- A importância de todos estes dos- entre a Grande Área Metropolitana Presidente do CA/AMRia e da Junta no Territorial de Desenvolvimento do siers é muito grande, sendo que a de Aveiro, a Universidade de Aveiro da GAMA com o apoio dos Fundos Baixo Vouga e da sua Lista de Pro- sua execução se perspectiva até e a Associação Industrial do Distrito Comunitários do QREN jectos, com um valor de cerca de 100 2013, num contributo da maior im- de Aveiro, integrado na sessão de 2007/2013. milhões de euros e uma perspectiva portância para o desenvolvimento abertura do 1o Fórum Empresarial de apoio de Fundos do QREN de 70 de cada Município e da nossa região da AIDA, realizado no Centro Cul- milhões de euros, com gestão contra- da Ria de Aveiro / Baixo Vouga para tural de Ílhavo, com a presença do tualizada pela GAMA/Baixo Vouga; os próximos anos. Ministro da Economia. Parecer CMI/dragagem e reforço do cordão dunar O Executivo Municipal Assim, a Câmara Municipal de se do comportamento das corren- de estabilização e requalificação do ria dos casos de significância redu- Ílhavo, e no âmbito do referido do- tes de maré e da erosão provocada cordão dunar que porventura s se zida podendo ainda de acordo com deliberou na sua cumento sugeriu algumas recomen- nas infra-estruturas e nas estruturas vier a constituir com a intervenção o projecto ser minorados, através da reunião de 5 de Maio, dações por forma, a garantir, que existentes em especial no interior da proposta, incluindo a denominada adopção das medidas de mitigação tomar conhecimento e sejam devidamente desenvolvidos laguna e particularmente nos colec- dragagem de manutenção. no mesmo previstas. No entanto e/ou implementados os seguintes tores da SIMRIA. vii) Execução de obras de requa- também os haverá positivos resul- concordar com o parecer aspectos: iv) Realização da intervenção cor- lificação nas estruturas existentes tantes, essencialmente, do desen- emitido pelo Presidente i) Implementação de um plano de respondente à obra a efectuar no (passadiços) de apoio à fruição do volvimento económico expectável da da Câmara Municipal de monitorização da qualidade da água período imediatamente após o ter- cordão dunar e que porventura po- dinâmica já demonstrada pelo Porto nas praias e/ou zonas balneares mo da época balnear, com início no derão vir a ficar afectadas com a de Aveiro e que nesta sequência, nos Ílhavo sobre o relatório afectadas directa e indirectamente dia 15 de Setembro movimentação de areias origina- proporcionará a devida mais valia de avaliação de “impacte pela intervenção a realizar com pe- v) Análise da possibilidade de mu- da pela deposição dos dragados, tendo vista uma melhor potenciação ambiental do Projecto riodicidade pelo menos quinzenal dança dos locais de depósito para nestas se incluindo a execução de do crescimento e do desenvolvimen- incluindo neste caso os parâmetros Sul do 5º Esporão atendendo a que é um novo passadiço que permita a to sustentado da própria região onde de intervenção na Zona microbiológicos, os sólidos suspen- esta a zona que mais carece de refor- ligação entre as Praias da Barra e o mesmo se insere. da Barra de Aveiro com sos e a turvação da água do mar. ço do cordão dunar, com a vantagem da Costa Nova aproveitando e/ou Deste modo a serem implemen- Dragagem e Reforço do ii) Implementação de um Plano de de minoração dos aspectos que obs- rentabilizando as infra-estruturas já tadas as medidas preconizadas no gestão de conflitos de uso seja das tam a uma melhor fruição da praia já existentes com aproveitamento dos EIA bem como todas as demais, e Cordão Dunar”. praias adjacentes e potencialmente existente e uma atenuação dos con- fundos do QREN. que no presente parecer se apon- mais afectadas com a intervenção seja flitos de uso da praia propriamente Haverá obviamente alguns impac- tam, considera a CMI que é possível da própria toalha marítima afectada. dita em especial a que já se encontra tes negativos associados à execução e importante a viabilização da exe- iii) Análise exaustiva e objectiva do estabilizada entre o 3º e o 4º esporão do projecto os quais são, conforme cução da intervenção em causa impacte causado na hidrodinâmica na zona da Costa Nova. referido anteriormente, localizados, lagunar e nesta sequência a análi- vi) Implementação de medidas na sua maioria reversíveis e na maio- Parque de Campismo da Praia da Barra Novo sistema de reaproveitamento de águas residuais ro para o Ambiente. bomba, um filtro de malha de aço, uma capacidade de cerca de 1000 Para tal, a água dos chuveiros destinando-se a reter resíduos sóli- campistas, significa que este siste- é reconduzida para um tanque de dos de maior dimensão; o segundo, ma permite reciclar no máximo entre decantação, com a capacidade de colocado a seguir à bomba, um filtro 30 a 50 m3 de água por dia na épo- 2.000 litros, que fará a separação de rede com uma dimensão de 20 ca alta. Contudo, o sistema está li- parcial do detergente existente nas µm, destinado a reter escamações mitado pela quantidade de água que águas bem como a decantação de da pele: o terceiro, colocado ime- entra no sistema (proveniente dos alguns resíduos sólidos, como se- diatamente a seguir ao anterior, um chuveiros) e pela capacidade de ar- jam areias, cabelos, etc. De seguida, filtro de carvão activo, para retirar mazenamento. Por isso, a expectati- Foi recentemente implementado reaproveitamento de águas residuais estas águas são encaminhadas para cheiro e aclarar a água. va do concessionário será conseguir pelo concessionário do Parque de que, em síntese, permite a recolha um outro reservatório, com a mes- Este sistema permite, no máxi- reciclar cerca de 1/3 do consumo de Campismo da Praia da Barra, a em- da água dos chuveiros, com vista à ma capacidade, sendo então a água mo, reciclar entre 30 a 50 litros (o água do Parque, ou seja, cerca de presa Catarino e Associados Lda., sua posterior utilização nos autoclis- bombeada para a canalização que que correspondentes entre três a 1.100 m3 de água por ano. com o acompanhamento dos servi- mos das sanitas, obtendo-se desta abastece os autoclismos dos bal- cinco descargas do autoclismo) de O custo da implementação deste ços técnicos da Câmara Municipal forma uma diminuição da factura da neários. Pelo meio, é sujeita a três água por campista por dia, e tendo sistema rondou os 5.000,00 Euros. de Ílhavo, um inovador sistema de água, assim como um benefício cla- filtros, sendo o primeiro, antes da em atenção que este parque possui
  • 28. 28 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 Câmara Municipal de Ílhavo Comissão Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios Decorreu no passado dia De entre os outros assuntos de- para os mais novos. Plano Geral de Actividades do Gabinete Técnico Florestal batidos, merece especial destaque a Participaram nesta reunião da 18 de Junho, na Câmara 1. TAREFAS DE PLANEAMENTO apresentação do técnico do Gabine- Comissão, cujo principal objectivo - Elaboração, execução e actualização do Plano Municipal/Intermunicipal de Defesa da Flo- Municipal de Ílhavo, a te Técnico Florestal, significando na é a coordenação, a nível local, das resta contra Incêndios e dos programas e projectos dele derivados reunião da Comissão - Participação nas tarefas de planeamento e ordenamento dos espaços rurais do município prática este gesto a activação formal acções de defesa da floresta con- - Participação nas acções de planeamento de protecção civil do Gabinete, que constituirá sem tra incêndios florestais, bem como Municipal de Defesa da dúvida uma mais valia para a imple- a sua execução, o responsável pela 2. TAREFAS OPERACIONAIS Floresta Contra Incêndios - Acompanhamento do Programas de Acção previstos no Planeamento Municipal/Intermuni- mentação de um conjunto vasto de Protecção Civil Municipal, Eng. Pau- cipal de Defesa da Floresta contra Incêndios de Ílhavo, fazendo parte acções e de procedimentos, com lo Costa, que presidiu à reunião, o - Centralização da informação relativa aos Incêndios Florestais (Áreas ardidas, pontos de início e causas de incêndio) vista à diminuição dos riscos, assim Comandante dos Bombeiros Volun- da ordem de trabalhos - Relacionamento com as entidades, públicas e privadas, de DFCI (serviços do Estado, mu- como dos impactos, dos incêndios tários de Ílhavo, João Mouro, a re- a apresentação formal nicípios, organizações de produtores, órgãos gestores de baldios, ...) florestais no Município de Ílhavo. presentação do Concelho Local de - Promoção do cumprimento do estabelecido no Sistema Nacional de defesa da Floresta do técnico do Gabinete contra Incêndios, relativamente às competências aí atribuídas aos municípios Nota de destaque igualmente Educação do Concelho de Ílhavo, - Acompanhamento e divulgação diária do Índice de Risco de Incêndio para o Plano Operacional Municipal Prof. Margarida S. Marcos, os re- Técnico Florestal - Coadjuvação do Presidente da CMDFCI e da CMOEPC em reuniões e em situações de 2008, documento elaborado pelo presentantes da Direcção Geral dos emergência, quando relacionadas com incêndios florestais e designadamente na gestão dos (GTF), a apresentação meios municipais associados a DFCI e a combate a incêndios florestais GTF e do qual constam nomeada- Recursos Florestais, Eng. Pinheiro e apreciação para mente todos os meios que estarão Duarte e Eng. Teresa Serra, o repre- 3. TAREFAS DE GESTÃO E CONTROLO disponíveis para o combate aos in- sentante da GNR, Tenente Henrique - Supervisão e controlo de qualidade das obras municipais sub-contratadas no âmbito de aprovação do Plano DFCI cêndios durante este Verão. Fernando de Oliveira Faria e o re- Operacional Municipal - Elaboração dos Relatórios de Acompanhamento e dos Relatórios Finais dos Programas de Foram ainda apresentadas as di- presentante do ICNB, Eng. Gilberto Acção previstos no Plano Municipal de Defesa da Floresta 2008, as actividades - Elaboração de Informações Mensais dos Incêndios registados no Município versas diligências efectuadas pela Mendes da Silva. - Elaboração de Informações Especiais sobre Grandes Incêndios (> 100 ha) ocorridos Câmara Municipal de Ílhavo nos últi- já realizadas pelo GTF, - Gestão de Bases de Dados mos tempos, como é o caso da sen- - Construção e Gestão de SIG de DFCI assim como outros sibilização de proprietários florestais 4. TAREFAS ADMINISTRATIVAS assuntos de interesse, para a necessidade de procederem - Emissão de Propostas e de Pareceres no âmbito das medidas e acções de DFCI à correcta gestão dos seus terrenos, relacionados com a - Constituição de Dossier actualizado com a Legislação relevante para o sector florestal assim como iniciativas no âmbito da temática das florestas 5. FORMAÇÃO E TREINO sensibilização para a preservação - Participação em Acções de Formação e Treino no âmbito da DFCI, designadamente nas da floresta, especialmente dirigidas promovidas pela DGRF ou por ela divulgadas A Prevenção em Meio Escolar Depois da realização pelo Ser- do trimestre do ano foi, à semelhan- disponibilidade para a realização viço Municipal de Protecção Civil, ça do sucedido em 2007, igualmente destes exercícios. no primeiro trimestre do ano, de um dedicado à realização de iniciativas Estas iniciativas inserem-se na es- conjunto de iniciativas com vista à similares, alargando desta forma o tratégia global da Câmara Municipal formação e à informação da comu- alcance das mesmas. de Ílhavo para a área da Protecção nidade escolar acerca de questões Assim, foram realizados dois si- Civil, com os objectivos principais directamente relacionadas com a mulacros, que tiveram lugar na EB1 de lhe dar maior notoriedade e ca- segurança nos estabelecimentos de da Cale da Vila, Gafanha da Nazaré pacidade de intervenção, sensibi- ensino, das quais se destacam as (24 de Abril) e EB1 da Gafanha de lizando cada um dos nossos cida- acções de formação sobre o uso de Aquém (21 de Maio). dãos para o papel vital que podem extintores, assim como um simula- Todas estas iniciativas decorre- e devem assumir na prevenção de cro na EB 2,3 da Gafanha da encar- ram com grande sucesso, fruto no- situações de risco, integrando desta nação, no âmbito da comemoração meadamente do trabalho empenha- forma, cada um deles, a equipa da do Dia Internacional da Protecção do dos responsáveis por cada um Protecção Civil. Civil (1 de Março), com o objectivo destes estabelecimentos de ensino, Neste momento encontra-se já principal de testar o Plano de Emer- assim como naturalmente dos Bom- em preparação o plano de activida- gência da Escola e o próprio Plano beiros Voluntários de Ílhavo, que des para o próximo ano lectivo. Municipal de Emergência, o segun- mais uma vez demonstraram total
  • 29. 29 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição Centro Cultural de Ílhavo Praça Euro 2008 Tal como aconteceu Nacional e das restantes selecções idades compreendidas entre os 8 e do Euro, em torno de um ecrã gigan- os 10 anos. Durante os fins-de-se- em 2004, a Câmara te de 12 metros quadrados, a par de mana do mês de Junho, 16 selec- Municipal de Ílhavo diversas actividades organizadas ções competiram pelo primeiro lugar voltou a associar-se ao pelas Câmara Municipal. no mini-campeonato de futebol, que Antes e depois dos jogos, foi pos- terminou com a vitória da Roménia grande acontecimento sível assistir a sessões de cinema sob a Alemanha, por 2-1. do Euro 2008, através ao ar livre, espectáculos musicais e A festa do Euro 2008 no Municí- da criação de uma a diversas actividades desportivas, pio só terminou com o “Playstation como futebowling, pontaria, poker- Ílhavo Cup”, o primeiro torneio de zona de acolhimento soccer e futevulcão. Para além des- playstation em Portugal jogado num de adeptos na Praça tas actividades, a Praça Euro 2008 ecrã de 12 metros quadrados. Para do novo Centro Cultural contava, também, com quatro “bar- crianças e jovens dos 7 aos 14 anos, raquinhas” de bebidas, dinamizadas esta competição proporcionou con- de Ílhavo, denominada por 21 Associações do Município. dições verdadeiramente excepcio- “Praça Euro 2008”. Simultaneamente ao Campeonato nais para os mais novos jogarem o Europeu de Futebol na Áustria e Su- UEFA Euro 2008. No final, os vence- Entre os dias 7 e 29 de Junho, os íça, decorreu, no recinto da “Praça dores levaram para casa uma PSP, Munícipes e visitantes aficionados Euro 2008”, o “I Europeuzito de Ílha- ficando os segundos classificados do desporto-rei puderam assistir vo”, no qual participaram mais de 80 com uma réplica da camisola oficial e vibrar com os jogos da Selecção crianças, de ambos os sexos, com da selecção nacional. Município de Ílhavo IX Festival de Natação Dando cumprimento ao Plano Municipal de Intervenção Educativa 2007/2008 e aos objectivos de promoção da prática desportiva da população, a Câmara Municipal de Ílhavo Passeio Ciclo-Turístico realizou, nos dias 21 e 28 de Junho, o Festival de VIII Grande Pedalada Natação do Município de Ílhavo 2008. Foi em ambiente salutar Este ano o almoço/convívio teve Esta iniciativa, que vai já na sua lugar no Parque de Merendas da e de convívio que se nona edição, pretendeu assinalar o Gafanha da Encarnação, onde a realizou no passado final de mais uma época nas Piscinas animação e a boa disposição foram dia 15 de Junho a VIII Municipais, quer ao nível do Progra- constantes. ma de Iniciação à Natação, dirigido Recuperadas as forças, foi altura Grande Pedalada, às Crianças do Pré-Escolar, quer ao de retomar caminho, passando pela promovida pela Câmara nível das próprias classes de nata- Gafanha do Carmo e pela Vista Ale- Municipal de Ílhavo. ção da Câmara Municipal de Ílhavo, gre, com destino final a Vale de Ílha- dirigidas ao público em geral. vo, onde todos puderam banhar-se Assim, no dia 21 de Junho, as 950 nas límpidas e refrescantes águas Crianças do Projecto de Iniciação à Não obstante a ameaça de mau da Piscina Descoberta, marcando Natação efectuaram a sua magnífica tempo para esse dia, centenas de assim a abertura deste equipamento exibição para os inúmeros familiares aficionados das bicicletas aceitaram para mais uma época estival. e amigos que se deslocaram à Pis- instalados para o efeito. um dos pontos altos do Festival. o desafio da Câmara Municipal de No final, houve o tradicional sor- cina Municipal da Gafanha da Naza- As classes da Maioridade e de Hi- Para além do convívio que esta Ílhavo e colocaram os pés aos pe- teio de duas bicicletas e ainda a en- ré para apreciar, orgulhosamente, o droterapia usufruíram igualmente do iniciativa propicia entre os partici- dais para participar na oitava edição trega de prémios surpresa entre os seu desempenho. seu espaço de recreio, ao qual se pantes e a assistência, este é um da Grande Pedalada. participantes. No dia 28 de Junho foi a vez das seguiu, em jeito de surpresa, uma momento único para apresenta- A concentração ocorreu pelas 10 Como já vem sendo tradição des- Classes de Natação, cuja exibição demonstração efectuada pelos pro- ção pública das aprendizagens e horas na Praça do Centro Cultural de 2001, a Grande Pedalada tem teve lugar na Piscina Municipal de Ílha- fessores de Hidroginástica e ainda conquistas efectuadas ao longo da de Ílhavo, tendo os participantes se- reunido cada vez mais adeptos, de vo, demonstrarem as suas conquistas uma aula conjunta daquela modalida- época, tendo a Câmara Municipal guido o itinerário proposto para este todas as idades e oriundos de vários e competências adquiridas durante de com todos os participantes. Este de Ílhavo premiado os 1850 inter- ano, percorrendo diversas localida- pontos do Município e até da Re- o ano. Na parte final do espectáculo último período do Festival de Nata- venientes com um prémio surpresa des do Município, nomeadamente S. gião, aliando a prática de um des- houve ainda tempo para um momento ção foi dedicado ao tema dos Jogos e um diploma de participação, pela Salvador, Gafanha de Aquém, Gafa- porto saudável não só para corpo e lúdico, com direito a mergulho, slide Olímpicos, com a realização de uma sua contribuição para o sucesso nha da Nazaré e Gafanha do Carmo, para a mente, mas também para o para a água e o sempre agradável excelente coreografia repleta de ritmo deste IX Festival de Natação do Mu- e aproveitado o momento para des- meio ambiente, sendo consensual o desfrutar dos insufláveis aquáticos e cor, cujo momento foi considerado nicípio de Ílhavo. frutar da bela paisagem circundante. enorme sucesso da iniciativa.
  • 30. 30 Município de Ílhavo | Boletim Informativo nº 21 | Julho 2008 no valor de 300,00 Euros cada. Atribuição de Medalha do Concelho Abertura de Concurso Público da tres – Praia da Barra”. REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA » Deliberado por unanimidade proce- em Vermeill a Joaquim António Pinto Empreitada “Parque Municipal de MUNICIPAL DE ÍLHAVO der à adjudicação à empresa Paviaze- Coelho. Desporto e Lazer – Construção de REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA 3 de Março de 2008 » Deliberado por unanimidade e voto méis, Lda., pelo valor de 291.700,00 Resumo Campos de Treino e Vedação – Ga- MUNICIPAL DE ÍLHAVO secreto aprovar a proposta apre- Euros + IVA. fanha da Nazaré”. 7 de Abril de 2008 sentada pelo Presidente da Câmara » Deliberado por unanimidade aprovar Regulamento do Programa Municipal Resumo Municipal, que prevê que esta Con- a proposta apresentada pelo Vereador de Bolsas de Estágios de Trabalho. REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA » Deliberado por unanimidade apro- decoração Honorífica seja entregue Fernando Fidalgo Caçoilo, que, entre Isenção do pagamento das compar- MUNICIPAL DE ÍLHAVO var a proposta apresentada pelo Ve- na Sessão Solene do Feriado Muni- outras coisas, apresenta uma estima- ticipações relativas à cedência de 28 de Abril de 2008 reador Paulo Teixeira Costa. Mais se cipal de Ílhavo do dia 24 de Março de tiva de custo de 770.000,00 Euros e viaturas (autocarros) e Associações Resumo deliberou o seu envio à Assembleia 2008. um prazo de execução de 90 dias. do Município. Municipal. » Deliberado por unanimidade tomar Protocolo de Cooperação entre a conhecimento da proposta apresen- Atribuição de Medalha do Concelho Grandes Opções do Plano e Orça- Câmara Municipal de Ílhavo e o tada pelo Vereador Paulo Teixeira Alteração do Regulamento Geral de em Vermeill a Manuel Margaça. mento da Câmara Municipal de Ílha- Agrupamento de Escolas da Gafa- » Deliberado por unanimidade e voto Costa, que isenta Associações do Utilização do Centro Cultural de Ílhavo. vo 2008 – 1ªs alterações. nha da Encarnação. » Deliberado por unanimidade aprovar secreto aprovar a proposta apre- Município de pagamento de 2.317,00 » Deliberado por maioria, com a abs- » Deliberado por unanimidade ratificar a proposta apresentada pelo Presi- sentada pelo Presidente da Câmara Euros relativos ao mês de Março. tenção dos Vereadores do Partido o Protocolo, que, em síntese, faculta dente da Câmara Municipal. Mais se Municipal, que prevê que esta Con- Socialista, ratificar a decisão do Pre- ao formador do Curso de Emprega- deliberou o seu envio à Assembleia decoração Honorífica seja entregue sidente da Câmara Municipal. dos de Mesa deste Agrupamento de Programa Municipal de Bolsas de Municipal. na Sessão Solene do Feriado Muni- Escolas o fornecimento dos recursos Estágios de Trabalho - 2008/2009. cipal de Ílhavo do dia 24 de Março de » Deliberado por unanimidade aprovar humanos necessários à gestão e fun- Grandes Opções do Plano e Orça- 2008. a proposta apresentada pelo Verea- cionamento do serviço de bar e cafe- Alteração pontual ao Estudo Urba- mento da Câmara Municipal de Ílha- dor Paulo Teixeira Costa, que, entre taria do Centro Cultural de Ílhavo, até nístico 13 - Envolvente ao antigo vo 2008 – 1ªs revisões. outras coisas, prevê a admissão de » Deliberado por maioria, com a abs- 31 de Maio do corrente ano. Hospital de Ílhavo. Atribuição de Medalha do Concelho » Deliberado por unanimidade aprovar um total de 7 estagiários para a cor- tenção dos Vereadores do Partido em Vermeill a Hélder Manuel Deus a presente alteração do EU 13. rente edição do Programa. Socialista, ratificar a decisão do Pre- Viana. Atribuição de subsídio pontual à » Deliberado por unanimidade e voto sidente da Câmara Municipal. Mais se Fundação Prior sardo, para apoio a secreto aprovar a proposta apre- deliberou o seu envio à Assembleia Regras para a participação de 100 Atribuição de subsídio pontual à Fun- renda de casa de munícipes caren- sentada pelo Presidente da Câmara Municipal. Instruendos na Regata Comemorati- dação Prior sardo, para apoio a renda ciados. Municipal, que prevê que esta Con- » Deliberado por unanimidade apro- va dos 500 Anos do Funchal. de casa de munícipes carenciados. » Deliberado por unanimidade aprovar decoração Honorífica seja entregue » Deliberado por unanimidade apro- var a proposta apresentada pela Ve- Prestação de Contas 2007 (Relatório a proposta apresentada pelo Vereador na Sessão Solene do Feriado Muni- var a proposta apresentada pela Ve- readora Margarida São Marcos, que e Contas). Paulo Teixeira Costa. cipal de Ílhavo do dia 24 de Março de readora Margarida São Marcos, que » Deliberado por maioria, com o voto prevê a atribuição de um subsídio no 2008. prevê a atribuição de um subsídio no contra dos Vereadores do Partido So- valor de 150,00 Euros. valor de 250,00 Euros. cialista, aprovar o documento. Mais Isenção do pagamento das compar- se deliberou o seu envio à Assembleia ticipações relativas à cedência de Atribuição de Medalha do Concelho Subsídio de Estudo Ano Lectivo Municipal. viaturas (autocarros) e Associações em Vermeill a Fernando Ribau Lopes Atribuição de subsídio pontual à 2007/08 - Adenda à listagem inicial. » Deliberado por unanimidade aprovar do Município. Conde. Santa Casa da Misericórdia de Ílha- » Deliberado por unanimidade tomar » Deliberado por unanimidade e voto a proposta apresentada pela Vereado- vo, para apoio a renda de casa de Aplicação dos Resultados. conhecimento da proposta apresen- secreto aprovar a proposta apre- » Deliberado por maioria, com a abs- ra Margarida São Marcos, que prevê a munícipes carenciados. tada pelo Vereador Paulo Teixeira sentada pelo Presidente da Câmara » Deliberado por unanimidade apro- tenção dos Vereadores do Partido atribuição de um subsídio unitário no Costa, que isenta Associações do Municipal, que prevê que esta Con- var a proposta apresentada pela Ve- Socialista, aprovar a proposta de apli- valor de 50,00 Euros a três alunos. Município de pagamento de 1.484,00 decoração Honorífica seja entregue readora Margarida São Marcos, que cação de resultado. Mais se deliberou Euros relativos ao mês de Fevereiro. na Sessão Solene do Feriado Muni- prevê a atribuição de um subsídio no o seu envio à Assembleia Municipal. REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA cipal de Ílhavo do dia 24 de Março de valor de 300,00 Euros. MUNICIPAL DE ÍLHAVO 2008. Reordenamento do trânsito na en- REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA 5 de Maio de 2008 Minuta do Contrato - Programa/Pro- volvente à Escola Secundária Dr. Resumo MUNICIPAL DE ÍLHAVO Normas de Participação no V Concur- tocolo entre a Câmara Municipal de João Carlos Celestino Gomes. 17 de Março de 2008 » Deliberado por unanimidade aprovar Resumo so de Fotografia “Olhos Sobre o Mar”. Ílhavo, Junta de Freguesia da Gafa- Antecipação de valor do Acordo de » Deliberado por unanimidade aprovar a proposta apresentada pelo Vereador nha da Nazaré e o Grupo Desportivo Cooperação com a Associação Cul- a proposta apresentada pelo Vereador Fernando Fidalgo Caçoilo. Atribuição de Medalha do Concelho da Gafanha. tural e Desportiva “Os Ilhavos”. Paulo Teixeira Costa. » Deliberado por unanimidade aprovar » Deliberado por unanimidade aprovar em Vermeill ao Grupo Etnográfico da a presente Minuta do Contrato – Pro- a proposta apresentada pelo Vereador Gafanha da Nazaré. REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA » Deliberado por unanimidade e voto grama/Protocolo, com vista à execu- Fernando Fidalgo Caçoilo, que prevê Atribuição de subsídios pontuais à MUNICIPAL DE ÍLHAVO secreto aprovar a proposta apre- ção das obras a realizar nos termos a atribuição de uma verba no valor de Fundação Prior Sardo, para apoio a 21 de Abril de 2008 sentada pelo Presidente da Câmara do projecto de requalificação da zona 5.000,00 Euros para apoio à realiza- renda de casa de munícipes caren- Resumo Municipal, que prevê que esta Con- envolvente ao Campo de Jogos e dos ção da 31ª Edição da Volta a Ílhavo ciados. decoração Honorífica seja entregue » Deliberado por unanimidade aprovar Campos de Treino do Grupo Despor- em Bicicleta, a transferir no mês de Alteração pontual ao Estudo Urba- na Sessão Solene do Feriado Muni- a proposta apresentada pela Vereado- tivo da Gafanha, integrado no Parque Maio até ao dia da prova, como forma nístico 61 - Solar da Lagoa. cipal de Ílhavo do dia 24 de Março de ra Margarida São Marcos, que prevê Municipal de Desporto e Lazer. » Deliberado por unanimidade aprovar de pagamento antecipado de Acordo 2008. a atribuição de seis subsídios no valor a alteração do EU 61. de Cooperação e a descontar no fu- de 360,00, 450,00, 360,00, 200,00, turo plano de transferências mensais. Atribuição de subsidio pontual à As- 960,00 e 420,00 Euros. Atribuição de Medalha do Conce- sociação Chio-Pó-Pó. Adjudicação da obra de “Ligação » Deliberado por unanimidade aprovar lho em Vermeill a Alexandre Manuel da Rua da Fonte/IP5 (A25 – Nó PS4) REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA a proposta apresentada pelo Presi- Santana Nunes. Atribuição de subsídios pontuais à – Gafanha da Encarnação”. MUNICIPAL DE ÍLHAVO » Deliberado por unanimidade e voto dente da Câmara Municipal, que pre- » Deliberado por unanimidade pro- Santa Casa da Misericórdia de Ílha- 19 de Maio de 2008 secreto aprovar a proposta apresenta- vê a atribuição de um subsídio pontual ceder à adjudicação à empresa Ro- vo, para apoio a renda de casa de Resumo da pelo Presidente da Câmara Munici- no valor de 2.700,00 Euros, para fazer sas Construtores, S.A., pelo valor de munícipes carenciados. pal, que prevê que esta Condecoração » Deliberado por unanimidade apro- face às despesas relativas à participa- 142.823,16 Euros + IVA. Alteração pontual ao Estudo Urba- Honorífica seja entregue na Sessão var a proposta apresentada pela Ve- ção e colaboração da Associação no nístico 27 – Av. José Estêvão – Ga- Solene do Feriado Municipal de Ílhavo readora Margarida São Marcos, que “Dia Europeu Sem Carros” dos anos Adjudicação da obra de “Constru- fanha da Nazaré. do dia 24 de Março de 2008. prevê a atribuição de dois subsídios de 2005, 2006 e 2007. » Deliberado por unanimidade aprovar ção de Ciclovia e Percursos Pedes-
  • 31. 31 www.cm-ilhavo.pt o mar por tradição Câmara Municipal de Ílhavo Deliberações a alteração do EU 27. deliberou o seu envio à Assembleia Misericórdia de Ílhavo Celebrado Acordos de Cooperação a celebrar ticipações relativas à cedência de Municipal. entre esta Instituição e a Câmara entre a Câmara Municipal de Ílhavo viaturas (autocarros) e Associações Atribuição de Subsídio Pontual à As- Municipal de Ílhavo. e as Associações de Pais - Ano Lec- do Município. » Deliberado por unanimidade ratificar » Deliberado por unanimidade tomar sociação Desportiva, Cultural e Re- tivo 2007/2008. REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA o Protocolo, que tem como objecto » Deliberado por unanimidade aprovar conhecimento da proposta apresen- creativa da Senhora dos Campos. MUNICIPAL DE ÍLHAVO » Deliberado por unanimidade aprovar estabelecer as condições de coo- a proposta apresentada pela Verea- tada pelo Vereador Paulo Teixeira 16 de Junho de 2008 a proposta apresentada pelo Verea- peração entre a Câmara Municipal dora Margarida São Marcos. Costa, que isenta Associações do Resumo dor Paulo Teixeira Costa, que prevê a de Ílhavo e a Santa Casa da Miseri- Município de pagamento de 2.383,00 atribuição de um subsídio no valor de córdia para a construção do hospital Euros relativos ao mês de Maio. Protocolo de Estágio entre a Escola Adjudicação do Concurso Público 1.200,00 Euros, para apoio às despe- de cuidados continuados cujo custo Secundária Dr. João Carlos Celesti- da Empreitada “Parque Municipal sas relativas à comemoração do 1 de estimado da construção se cifra em no Gomes e a Câmara Municipal de de Desporto e Lazer – Construção REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA Maio – Dia do Trabalhador. 4.000.000,00 Euros, com um apoio Ílhavo. de Campos de Treino e Vedação”. MUNICIPAL DE ÍLHAVO financeiros da Câmara Municipal de » Deliberado por unanimidade ratificar » Deliberado por unanimidade proce- 23 de Junho de 2008 Ílhavo de cerca de 10%. o Protocolo der à adjudicação ao consórcio Ma- Atribuição de um Subsídio Pontual à Resumo nuel Francisco de Almeida, S.A./Na- Associação Académica da Universi- tiva, Lda., pelo valor de 783.130,72 dade de Aveiro. Abertura de Concurso Público da Atribuição de subsídio pontual à Acordo de Cooperação a estabele- » Deliberado por unanimidade aprovar Euros + IVA. Mais se deliberou que empreitada “Ampliação do Mercado Fundação Prior Sardo, para apoio a cer com a Associação Humanitária a proposta apresentada pelo Verea- se procedesse à audiência prévia nos da Costa Nova”. renda de casa de munícipes caren- dos Bombeiros Voluntários de Ílhavo dor Paulo Teixeira Costa, que prevê » Deliberado por unanimidade aprovar termos do CPA: não havendo recla- ciados. para o corrente ano. a atribuição de um subsídio no valor a proposta apresentada pelo Vereador » Deliberado por unanimidade apro- mação a adjudicação é definitiva. » Deliberado por unanimidade aprovar de 800,00 Euros, para apoio à reali- Fernando Fidalgo Caçoilo, que, entre var a proposta apresentada pela Ve- o presente Acordo de Cooperação zação dos “Campeonatos Nacionais outras coisas, apresenta uma estima- readora Margarida São Marcos, que que, entre outras coisas, prevê um Corrida Mais Louca da Ria 2008 - Universitários 2008” e do “Campeo- tiva de custo de 1.170.000,00 Euros e prevê a atribuição de um subsídio no apoio financeiro 40.000,00 Euros à Corrida de Embarcações Originais nato Universitário de Surf/Bodyboard um prazo de execução de 10 meses. valor de 1.200,00 Euros. » Deliberado por unanimidade aprovar Associação. 2008”, sendo que 450,00 Euros di- a proposta apresentada pelo Vereador zem respeito aos “Campeonatos Na- Paulo Teixeira Costa. Normas de Participação no Con- Atribuição de subsídio pontual à Acordos de Cooperação a celebrar cionais Universitários 2008” e 350,00 curso das Marchas Sanjoaninas de Santa Casa da Misericórdia de Ílha- com as Juntas de Freguesia do Mu- Euros ao “Campeonato Universitário Ílhavo - 2008. vo, para apoio a renda de casa de Protocolo Conjunto com a Asso- nicípio para o corrente ano. de Surf/Bodyboard 2008”. » Deliberado por unanimidade aprovar » Deliberado por unanimidade aprovar munícipes carenciados. ciação de Salvamento Aquático de a proposta apresentada pelo Presi- » Deliberado por unanimidade apro- os presentes Acordos de Cooperação Aveiro - Aveiro Rescue; Associação dente da Câmara Municipal. var a proposta apresentada pela Ve- que, entre outras coisas, prevê um Programa Municipal de Ocupação de Concessionários de Praia da Bei- readora Margarida São Marcos, que apoio financeiro total de 217.732,00 de Tempos Livres - 2008. ra Litoral para a Gestão, Manuten- » Deliberado por unanimidade aprovar prevê a atribuição de um subsídio no Euros. ção e Exploração do Bar de Apoio REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA a proposta apresentada pelo Vereador valor de 900,00 Euros. ao Núcleo de Educação Ambiental MUNICIPAL DE ÍLHAVO Paulo Teixeira Costa. (NEA) da Costa Nova. Aprovação do Atribuição de subsídio pontual à 2 de Junho de 2008 Resumo Acordos de Cooperação a celebrar Protocolo Conjunto e Atribuição de Fundação Prior Sardo, para apoio Atribuição de subsídio pontual à AN- entre a Câmara Municipal de Ílhavo Subsídio Pontual para o Efeito. a renda de casa de munícipe caren- » Deliberado por unanimidade aprovar DDI – Associação Nacional de Des- Protocolo AEMA 2007 – Cooperação e Associações de Acção Social do ciado. a proposta apresentada pelo Vereador » Deliberado por unanimidade apro- porto para a Deficiência Mental. e Solidariedade. Município de Ílhavo. » Deliberado por unanimidade aprovar » Deliberado por unanimidade ratificar » Deliberado por unanimidade aprovar Marcos Labrincha Ré. var a proposta apresentada pela Ve- a proposta apresentada pelo Vereador o Protocolo. a proposta apresentada pela Verea- readora Margarida São Marcos, que Fernando Fidalgo Caçoilo, que prevê dora Margarida São Marcos. prevê a atribuição de um subsídio no Acordos de Cooperação a celebrar a atribuição de um subsídio no valor valor de 440,00 Euros. Alteração pontual ao Estudo Urba- entre a Câmara Municipal de Ílhavo de 1.500,00 Euros, para minorar os nístico 27 – Av. José Estêvão – Ga- Acordos de Cooperação a celebrar e Colectividades de Cariz Desporti- custos de inscrição, viagem e estadia fanha da Nazaré. entre a Câmara Municipal de Ílhavo vo do Município de Ílhavo. Atribuição de subsídio pontual à dos nossos atletas Augusto Pereira e » Deliberado por unanimidade aprovar » Deliberado por unanimidade aprovar e Associações Juvenis do Município Santa Casa da Misericórdia de Ílha- Paulo Oliveira no 3º Campeonato do a alteração do EU 27. a proposta apresentada pelo Vereador de Ílhavo. vo, para apoio a renda de casa de Mundo de Ciclismo em Portugal, para » Deliberado por unanimidade aprovar Fernando Fidalgo Caçoilo. munícipe carenciado. atletas com deficiência mental. a proposta apresentada pelo Vereador » Deliberado por unanimidade apro- Acordo de Colaboração – Empreita- Paulo Teixeira Costa. var a proposta apresentada pela Ve- da “EN 109-7 – Reabilitação da Pon- Horário de funcionamento para o readora Margarida São Marcos, que Atribuição de subsídio pontual à AN- te da Barra sobre o Canal de Mira”. corrente ano da Piscina Municipal » Deliberado por unanimidade ratificar prevê a atribuição de um subsídio no DDI – Associação Nacional de Des- Atribuição de apoio publicitário ao ao Ar Livre de Vale de Ílhavo. o Protocolo entre a Câmara Muni- » Deliberado por unanimidade aprovar valor de 870,00 Euros. porto para a Deficiência Mental. Grande Prémio de Ciclismo Abimota. » Deliberado por unanimidade apro- cipal de Ílhavo e a EP - Estradas de » Deliberado por unanimidade aprovar a proposta apresentada pelo Vereador var a proposta apresentada pelo Ve- Portugal, S.A., no qual se encontra a proposta apresentada pelo Vereador Fernando Fidalgo Caçoilo, que prevê Acordos de Cooperação a celebrar reador Fernando Fidalgo Caçoilo, que prevista designadamente a constru- Fernando Fidalgo Caçoilo, que prevê que o período de abertura da piscina entre a Câmara Municipal de Ílhavo prevê a atribuição de um subsídio no ção dos circuitos pedonais e para a atribuição de um apoio publicitário para o ano de 2008 seja de 16 de Ju- e Colectividades de Cariz Cultural valor de 1.000,00 Euros, para minorar ciclistas entre a Rotunda e a Ponte no valor de 1.500,00 Euros para a 2ª nho a 14 de Setembro (dependendo do Município de Ílhavo. as despesas inerentes à realização do da Barra, com um custo estimado de e 4ª etapas, que passam no Concelho das condições climatéricas), e que o » Deliberado por unanimidade aprovar Campeonato de Portugal de Ciclismo 87.600,00 Euros + IVA, obra a cargo de Ílhavo nos dias 6 e 8 de Junho. horário de funcionamento (abertura ao a proposta apresentada pelo Presi- para jovens com deficiência mental, do Município de Ílhavo, contribuindo público) de Segunda-feira a Domingo dente da Câmara Municipal. no Concelho de Ílhavo, no dia 10 de a EP, S.A. com o apoio financeiro até seja das 13h00 às 20h00 horas. REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA DA Maio. àquele montante. Apoio ao Classic Clube de Portugal CÂMARA MUNICIPAL DE ÍLHAVO » Deliberado por unanimidade apro- Acordos de Cooperação a celebrar 11 de Junho de 2008 var a proposta apresentada pelo Pre- Empreitada “Ligação e Articulação Resumo entre a Câmara Municipal de Ílhavo REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA sidente da Câmara Municipal, que da Pista Ciclável da Ponte da Barra e os Agrupamentos de Escuteiros MUNICIPAL DE ÍLHAVO prevê a atribuição de um subsídio no à Ciclovia, em execução pela Câma- Proposta de Doação do edifício Vila do Município de Ílhavo. 26 de Maio de 2008 » Deliberado por unanimidade aprovar valor de 2.000,00 Euros. Resumo ra Municipal de Ílhavo”. Vieira à Junta de Freguesia de São » Deliberado por unanimidade proce- a proposta apresentada pelo Vereador Salvador. der ao ajuste directo à empresa Pavia- » Deliberado por unanimidade aprovar Marcos Labrincha Ré. Protocolo de Cooperação para a zeméis, Lda., pelo valor de 87.588,12 a proposta apresentada pelo Presi- Construção do Hospital de Cuida- Euros + IVA. dente da Câmara Municipal. Mais se dos Continuados da Santa Casa da Isenção do pagamento das compar-