• Like
zimbábue / congo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
Uploaded on

 

More in: Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
812
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
1
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. LOCALIZAÇÃO GEOGRÁFICA * ÁFRICA AUSTRAL * AO SUL DO RIO ZAMBEZE ATÉ O RIO LIMPOPO * PLANALTO DO ZIMBÁBUE
  • 2. A MAIORIA DOS REGISTROS QUE SE TEMSOBRE O IMPÉRIO MONOMOTAPA FORAM DEIXADOS PELOS EXPLORADORES PORTUGUESES.
  • 3. O FATO MAIS COMPROVADO NESTA REGIÃO É A EXISTÊNCIA DE GIGANTESCAS CONSTRUÇÕES DEPEDRA, NA QUAL, A MAIS IMPORTANTE É A DA GRANDE ZIMBÁBUE (PARA ESSAS CONSTRUÇÕES O SOLO FOI CUIDADOSAMENTE NIVELADO, AS PAREDES SÃO FEITAS DE PEDRA SECA, SEM ARGAMASSA, MUITO COMUM NA ÁFRICA ANTIGA)
  • 4.  SIGNIFICADO DA PALAVRA ZIMBÁBUE (VEM DA LÍNGUA SHONA E QUER DIZER DIZIMBA DZA MABWE – CASA DE PEDRA -, E DZIMBA WOYE – CASA VENERADA)
  • 5.  DURANTE BOA PARTE DOS SÉCULOS XVI E XIX O PRECONCEITO POR PARTE DOS EXPLORADORES E HISTORIADORES EUROPEUS FORAM EVIDENTES COM RELAÇÃO A ORIGEM DE QUEM CONSTRUIU AQUELAS ESTRUTURAS DE PEDRA.
  • 6. A BUSCA PELAS GRANDES JAZIDAS DE OURO NO SUL DA ÁFRICA LEVARAM OS PORTUGUESES ATÉ O IMPÉRIO MONOMOTAPA
  • 7. KARL MAUCH - TEORIA DA DESCOBRIU AS RUÍNAS DOCIDADE BÍBLICA DE OFIR. GRANDE ZIMBÁBUE
  • 8. CECIL RHODES, UM LEGÍTIMOCOLONIALISTA.SAQUEOU BOA PARTE DOSVESTÍGIOS ARQUEOLÓGICOSE MINÉRIOS DO ZIMBÁBUE.ASSIM COMO A MAIORIAESMAGADORAEUROPÉIA, ACREDITAVA NASUPERIORIDADE DA RAÇABRANCA.
  • 9. GERTRUDE CATON-THOMPSON,APRESENTANDO O SEU RELATÓRIOEM 1929, NA CIDADE DE JOANESBURGODETERMINA, NAS SUASCONCLUSÕES, QUE A CIDADE DEPEDRA (ZIMBAUÉ) ERA DEORIGEM AFRICANA E TIVERA A SUAVIDA NO PERÍODO COMPREENDIDOENTRE OS SÉCULOS IX E XIII, SENDO AMESMA PONTO DE CHEGADA E DEPARTIDA DE CARAVANAS ÁRABESQUE A LIGAVAM AO LITORAL ÍNDICOA COMERCIAREM, O QUE A TORNOUNO CENTRO DUMA GRANDECIVILIZAÇÃO AFRICANA, QUE FICARIACONHECIDA COMO REINO DOZIMBABUÉ.
  • 10. A VONTADE DE CONHECER ESTE REINOLENDÁRIO LEVARIA À ORGANIZAÇÃO DE VÁRIAS EXPEDIÇÕES, CUJO OBJETIVO SERIA ESTABELECER RELAÇÕES COMERCIAIS DIRETAS COM O MONOMOTAPA E A SUA TERRA. ALGUNSPORTUGUESES A QUEM CABERIA LEVAR A BOM TERMO ESTA MISSÃODIPLOMÁTICA, VIRIAM A RELATAR SOBRE AS SUAS EXPERIÊNCIAS EIMPRESSÕES, COMO É O CASO DE DUARTE BARBOSA.
  • 11.  “ Do qual os habitadores são todos pretos de cabelo frisado.” “Não adoram nenhum ídolo, nem o têm: creem que há um só Deus, criador de todas as coisas.”
  • 12.  ESSENCIALMENTE AGRÍCOLA TRABALHOS AGRÍCOLAS DEIXADOS PARA AS MULHERES. TÉCNICAS RUDIMENTARES JEAN-FRANÇOIS DE ROME
  • 13.  PRATICADO PELOS CAMPONESES TAMBÉM PELOS ESPECIALISTAS, COMO OS FERREIROS E OS TECELÕES. PRODUTOS DESTINADOS AOS MERCADOS LOCAIS OU TROCAS COM OUTRAS CIDADES.
  • 14.  ESSICONGO - OU NOBRES CONGOLESES, SÃO AQUELES QUE VIERAM COM O PRIMEIRO REI “LUKENI”. HABITAVAM A CIDADE REAL. ABHATA – SIGNIFICA “ MORADORES DE ALDEIA”, ERAM OS QUE VIVIAM NAS PROVÍCIAS E NAS ZONAS RURAIS.
  • 15. • O TERMO ABHATA TORNOU-SE POR MUITO TEMPO UM TERMO PREJORATIVO, DESIGNANDO PESSOAS POBRES DE ESPÍRITO E IGNORANTES.• AS VESTIMENTAS ENTRE OS ESSICONGOS E OS ABHATAS ERAM DIFERENTES.• ALIMENTAÇÃO TAMBÉM ERA DIFERENCIADA. OS PRIMEIROS COMIAM CARNE E CEREAIS, JÁ OS ABHATAS VIVIAM DE SUAS COLHEITAS.
  • 16.  SEGUNDO JOHN THORNTON, O SISTEMA ECONÔMICO DO CONGO BASEAVA-SE EM 2 ELEMENTOS: ECONÔMIA ALDEÃ - REPARTIÇÃO DAS SUPERFÍCIES CULTIVÁVEIS ENTRE AS FAMÍLIAS, EXTRAÇÃO DO SOBREPRODUTO PARA OS CHEFES DE ALDEIAS E PARA OS CHEFES RELIGIOSOS ( BITOMI) ECONÔMIA URBANA - CONTROLE TOTAL DA PRODUÇÃO PELO REI, UTILIZAÇÃO MACIÇA DE MÃO DE OBRA SERVIL. (MODO DE PRODUÇÃO ESCRAVISTA)
  • 17.  UTILIZADOS NAS PRODUÇÕES QUE SUSTENTAVAM A ARISTOCRACIA. FORMAVAM UMA FORÇA MILITAR, EM CASOS DE GUERRA NO EXTERIOR OU PARA PROTEGER A CAPITAL.
  • 18.  A estrutura econômica concentrava-se em Mbanza Kongo. Estima-se que cerca de 30 mil pessoas viveram na cidade. Nas províncias, o número médio de habitantes era de 3 mil.
  • 19. ALDEÕES/ CHEFES DE GOVERNADOR REIAGRICULTORES ALDEIAS DA PROVÍNCIA
  • 20.  REI = mani Kongo CORPO ELEITORAL FORMADO POR 4 MEMBROS, REPRESENTANDO OS KANDAS MAIS PODEROSOS, POSTERIORMENTE TEVE-SE UM ACRÉSCIMO NESSE NÚMERO, CONTABILIZANDO 12 MEMBROS. Mani Vunda TINHA DIREITO AO VETO.
  • 21. ERA O RESPONSÁVEL POR EMPOSSAR O REI. DARIA 3 LEGITIMIDADES AO MESMO.
  • 22.  1- CONTATO COM OS ESPÍRITOS E REALIZAR OS CULTOS PARA A PROTEÇÃO DO REINO. TERMINADA ESSA PARTE, ADQUIRIA SUAS VESTICES E ACESSÓRIOS DA REALEZA. 2- COM SEUS TRAJES, ERA LEVADO POR 12 NOBRES, ESSES REPRESENTANDO OS 12 KANDAS DO MITO DA FUNDAÇÃO DO REINO. DURANTE 8 DIAS, FARIA RITUAIS PARA ANULAR QUALQUER RELAÇÃO DE PARENTESCO EXISTENTE.( SEXO COM IRMÃS, ASSASSINAR UM JOVEM PARENTE ). COM ISSO, GANHAVA O CONTROLE DOS ESPÍRITOS “nkadi mpemba”. 3- CULTO AOS REIS ANCESTRAIS.
  • 23. GRANDES PODERES TRAZ GRANDESRESPONSABILIDADES
  • 24.  CONSELHO REAL – FORMADO POR 12 MEMBROS, DIVIDIDOS EM TRÊS GRUPOS DE QUATRO. GRUPO 1 – FORMADO SOMENTE POR HOMENS, OS MAIS IMPORTANTES DO REINO, INCLUINDO O “Mani Vangu” JUÍZ DO REINO E O Mani Lumbu, RESPONSÁVEL PELOS BAIRROS REAIS DA CAPITAL. GRUPO 2 – FORMADO TAMBÉM SOMENTE POR HOMENS, FUNCIONÁRIOS MENOS GRADUADOS DO REINO. GRUPO 3 - RESERVADO AS MULHERES, RAINHAS VIÚVAS, IRMÃS OU TIAS DOS REIS.