E-book mais web marketing

2,781 views
2,712 views

Published on

E-Book mais WebMarketing com mais de 100 artigos do blog.

Published in: Education
0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
2,781
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
26
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

E-book mais web marketing

  1. 1. C M YCMMYCYCMY K
  2. 2. C M YCMMYCYCMY K
  3. 3. i ii i Mais Web Marketing Miguel Brand˜o a C M YCMMYCYCMY K manufactured byi i i i
  4. 4. i ii i The original blog can be found at http://www.maiswebmarketing.com/ C M YCMMYCYCMY K All rights reserved by the author. No part of this publication may be reproduced, stored in a retrieval system, or transmitted, in any form or by any means, electronic, mechanical, photocopying, recording and/or otherwise without the prior written permission of the author. This book may not be lent, resold, hired out or otherwise disposed of by way of trade in any form, binding or cover other than that in which it is published, without the prior consent of the author. Manufactured by on 1 de Abril de 2011i i i i
  5. 5. i ii i Conte´do u Artigos mais visitados em Mar¸o . . . . . . . . . . . . . . . . . c 1 Navegadores de Internet (Browsers) – Historial . . . . . . . . . 1 O Marketing em contexto de mudan¸a – Evento . . . . . . . . c 2 Adwords – Introdu¸˜o . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . ca 4 Estrutura de uma p´gina de destino optimizada (Landing Page) a 6 Coloque os seus Tweets na assinatura de E-Mail . . . . . . . . 7 Google e “Content Farms” . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8 Linkedin chega aos 100 milh˜es de membros . . . . . . . . . . . o 11 Google anuncia novo Google Analytics . . . . . . . . . . . . . . 12 C Social Media Marketing Day – Conferˆncia Gr´tis . . . . . . . e a 14 M As principais altera¸oes do algoritmo do Google ao longo dos anos c˜ 16 Y 4 Ferramentas gr´tis para pesquisa de palavras-chave . . . . . . a 17 Guia de Marketing Online . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 19CM O que s˜o Redes Sociais Verticais e Horizontais . . . . . . . . . a 20MY O mapa mundo das redes sociais em 2011 . . . . . . . . . . . . 23CY Oferta de 30 euros em Adwords . . . . . . . . . . . . . . . . . . 24CMY WEB Conferˆncias com Slideshare – Zipcast . . . . . . . . . . e 25 Como criar um plano de SEO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 28 K Conferˆncia “Ser Freelancer em Portugal” – Aveiro‘11 . . . . . e 32 A evolu¸˜o do E-Commerce ao longo dos anos – Infogr´fico . . ca a 35 SEO ou PPC? . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 38 11 tendˆncias do Marketing Digital em 2011 . . . . . . . . . . . e 39 Jornadas de Marketing do ISCAP – Porto . . . . . . . . . . . . 40 Artigos mais visitados em Fevereiro . . . . . . . . . . . . . . . 41 Manual de SEO parte VII – Optimiza¸˜o de conte´dos – Final ca u 43 Como criar uma p´gina personalizada no Facebook . . . . . . . a 45 Manual de SEO parte VI – Link Building: links internos e externos 46 Como escolher as palavras-chave para SEO . . . . . . . . . . . 49 Palestra “Marketing na era Digital” . . . . . . . . . . . . . . . 50 Marketing Multicanal: O que quero, quando quero e onde quero! 52 ii i i i
  6. 6. i ii i A evolu¸˜o do Microsoft Windows . . . . . . . . . . . . . . . . 54 ca Page Rank ser´ uma preocupa¸˜o de futuro? . . . . . . . . . . 55 a ca A psicologia das cores . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 58 Manual de SEO parte V – Link Building . . . . . . . . . . . . . 61 As diferen¸as no E-mail marketing entre Software versus Servi¸os c c Online . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 63 A evolu¸˜o do Photoshop . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 67 ca 3 ferramentas para detectar c´pias(Pl´gio) de texto do seu Blog 68 o a 7 t´cnicas de criatividade para criar artigos – Parte III Final . 70 e Manual de SEO parte IV – Boas pr´ticas de SEO: t´cnicas e a e qualidade . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 73 7 dicas para evitar que a sua newsletter caia na pasta de spam! 75 7 t´cnicas de criatividade para criar artigos – Parte II . . . . . 78 e Editores de fotos online gr´tis – Parte II . . . . . . . . . . . . . 81 a Manual de SEO parte III – Boas pr´ticas de SEO: conte´ do e a u design . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 84 C Hist´ria do Social Media – Infogr´fico . . . . . . . . . . . . . . 85 o a Manual de SEO parte II – Entender SEO: porquˆ e como usar? 86 e M Social Media Marketing em n´meros . . . . . . . . . . . . . . . 88 u Y Qwiki – enciclop´dia interactiva . . . . . . . . . . . . . . . . . . 89 eCM O que s˜o Backlinks? Porque tenho de fazer isso? . . . . . . . 90 aMY 3 ferramentas gr´tis para analisar o comportamento dos visi- a tantes do seu blog . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 92CY Manual de SEO parte I – Entender SEO: o que ´? . . . . . . . 97 eCMY Ideias para aumentar as visitas do seu Web Site/Blog – Parte II 100 K Online Marketing Expo – Madrid . . . . . . . . . . . . . . . . . 101 10 Ferramentas para o Twitter . . . . . . . . . . . . . . . . . . 103 Como conseguir backlinks para o seu Blog . . . . . . . . . . . . 106 Como as Redes Sociais est˜o a influˆnciar as t´cnicas de SEO . 107 a e e Landing Pages (P´ginas de destino) – O que s˜o? . . . . . . . . 109 a a Conhe¸a o Wordpress por dentro! . . . . . . . . . . . . . . . . . 112 c Como obter o retorno do investimento em web marketing . . . 113 A evolu¸˜o do Marketing . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 115 ca Lan¸amento do livro “Web Trends – 10 cases made in web 2.0” 116 c Como criar v´ ıdeos para o seu canal no Youtube . . . . . . . . . 119 Alojamento gr´tis de ficheiros . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 121 a Top 20 das Redes Sociais em 2010 . . . . . . . . . . . . . . . . 123 Objectivos para 2011 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 125 iii i i i
  7. 7. i ii i A utiliza¸˜o das Redes Sociais numa empresa/blog . . . . . . . 127 ca SEO – Infogr´fico . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 128 a As Redes Sociais – Factos e Figuras . . . . . . . . . . . . . . . 129 Estudo Linkedin Portugal . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 130 Editores de fotos online gr´tis – Parte I (Video) . . . . . . . . . 132 a Cuidados a ter para quem trabalha a tempo inteiro na Internet? 134 Barra de Ferramentas Para Blogs . . . . . . . . . . . . . . . . . 135 Sabe quanto vale o seu Blog? . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 139 Web 2.0 – O que ´ isso? . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 141 e Enviar Newsletters Gr´tis (v´ a ıdeo) – Parte I . . . . . . . . . . . 143 European Ecommerce Conference . . . . . . . . . . . . . . . . . 145 SEO: Estrat´gia de palavras-chave . . . . . . . . . . . . . . . . 146 e Como medir o sucesso das suas campanhas na Internet . . . . . 148 7 t´cnicas de criatividade para criar artigos – Parte I . . . . . . 151 e 5 T´cnicas de Social Media Marketing . . . . . . . . . . . . . . 153 e E-commarketing SHOW, Portugal . . . . . . . . . . . . . . . . 156 C Marketing Show 2010 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 157 Web Marketing ou SEO? . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 159 M An´lise do Primeiro mˆs de vida! . . . . . . . . . . . . . . . . . 161 a e Y Forma¸˜o Linkedin – Porto & Lisboa . . . . . . . . . . . . . . . 163 caCM Workshops E-Business – An´lise . . . . . . . . . . . . . . . . . 164 aMY Evolu¸˜o do Byte . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 165 ca SEO para Iniciantes . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 166CY Como atrair mais seguidores nas redes sociais . . . . . . . . . . 167CMY Social Media Day, Portugal – Opini˜o . . . . . . . . . . . . . . 170 a K Ideias para aumentar as visitas do seu Web site/Blog . . . . . . 172 Como fazer marketing gr´tis utilizando o Telem´vel . . . . . . 174 a o 12 dicas Linkedin . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 176 Twitter para os neg´cios – (Parte II) . . . . . . . . . . . . . . . 179 o Como enviar Newsletters gr´tis! . . . . . . . . . . . . . . . . . . 181 a Twitter para os neg´cios – (Parte I) . . . . . . . . . . . . . . . 186 o Linkedin . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 188 Expo E-Commerce – Espa˜a . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 190 n Avances en el Comercio y Negocio en Internet . . . . . . . . . . 191 Semin´rio “Bairrada dois.zero” . . . . . . . . . . . . . . . . . . 193 a I jornadas Marketing, Publicidade e Rela¸˜es P´blicas . . . . . 194 co u Estrat´gia para website . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 194 e Ol´ Mundo! . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 197 a iiii i i i
  8. 8. i ii i C M YCMMYCYCMY Ki i i i
  9. 9. i ii i Artigos mais visitados em Mar¸o c Sexta-feira, 1 de Abril de 2011 Como estamos no dia 1 de Abril vou fazer um post com os artigos mais visitados do mˆs de Mar¸o. Deste modo pretendo fazer aqui e c uma revis˜o de tudo o que se passou no mˆs anterior. Gostaria de a e destacar o aumento cada vez mais de visitantes ao blog Mais Web Marketing. Artigos mais visitados no mˆs de Mar¸o: e c • Como criar uma p´gina personalizada no Facebook1 a • Como enviar newsletters gr´tis2 a • O que s˜o redes sociais verticais e horizontais3 a • Top 20 das redes sociais em 20104 C • Mapa mundo das redes sociais em 20115 M • Como criar um plano de SEO6 YCMMY Navegadores de Internet (Browsers) –CY HistorialCMY Quinta-feira, 31 de Mar¸o de 2011 c K Nos ultimos anos os navegadores de Internet (Browsers) tem sido uma ´ concorrˆncia feroz entre os gigantes da ind´stria das novas tecnologias. e u J´ ´ dif´ lembrar o momento em que o Netscape tinha mais de a e ıcil 86% da quota de mercado. Quando a Microsoft come¸ou a integrar o c 1 http://www.maiswebmarketing.com/como-criar-uma-pagina- ← personalizada-no-facebook/ 2 http://www.maiswebmarketing.com/como-enviar-newsletters-gratis/ 3 http://www.maiswebmarketing.com/o-que-sao-redes-sociais-verticais ← -e-horizontais/ 4 http://www.maiswebmarketing.com/top-20-das-redes-sociais-em-2010/ 5 http://www.maiswebmarketing.com/o-mapa-mundo-das-redes-sociais-em ← -2011/ 6 http://www.maiswebmarketing.com/como-criar-um-plano-de-seo/ 1i i i i
  10. 10. i ii i Internet Explorer no Windows sem surpresa tomou conta do mercado e dominando por v´rios anos. A gigante Google tamb´m entrou na a e corrida com o Chrome. Na minha opini˜o a corrida neste momento ´ a e a 3: Internet Explorer, Firefox e Chrome. Nos pr´ximos anos vamos o ver quem vence a corrida. . . Aproveite este infografico com a Hist´ria o dos navegadores de Internet. C M YCMMYCYCMY K O Marketing em contexto de mudan¸a – c Evento Quarta-feira, 30 de Mar¸o de 2011 c Ter´ lugar no pr´ximo dia 08 de Abril 2011, no Audit´rio M3, o a o o Semin´rio Anual da Faculdade de Ciˆncias da Economia e da Empresa a e (FCEE), este ano desenvolvido no ambito da XII Semana Nacional de ˆ Marketing da APPM e subordinado ` tem´tica O Marketing em a a Contexto de Mudan¸a7 .c 7 http://www.por.ulusiada.pt/Upload/Noticias/4d8c7ebd02937.jpg 2i i i i
  11. 11. i ii i O Marketing em Contexto de Mudan¸a, abarca um leque muito c variado de interesses, como o Marketing de Guerrilha, Dharma Mar- keting, Marketing Emocional, Marketing Pol´ ıtico, Marketing Social, Marketing 2.0 e Marketing de Luxo, entre outros. C O evento assume-se como um espa¸o de reflex˜o e debate em torno c a M dos novos desafios que as mudan¸as sociais e econ´micas est˜o a c o a ter no contexto do marketing, dando um particular enfoque ` cres- a Y cente importˆncia que o desenvolvimento e sedimenta¸˜o de la¸os a ca cCM do foro emocional com marcas e produtos e/ou empresas assume.MY O Semin´rio contar´ com a participa¸˜o de um prestigiado cartaz, a a ca reunindo eminentes acad´micos, distintos empres´rios e um dos mais e aCY criativos Marketeers da actualidade. Entre os oradores destacam-seCMY as presen¸as de Alexandra Silva (Funda¸˜o do Gil), Filipe Carrera c ca K (Internacional Conferencist), Paulo Gon¸alves Marcos (BES), Isa- c bel Cantista (Universidade Lus´ ıada), Pedro Alvellos (Yeatman Ho- tels), Andr´ Rabanea (Torke), Carlos Brito (Faculdade de Economia e do Porto), Jos´ Caramelo Gomes (Universidade Lus´ e ıada) e Minoo Farhangmehr (Universidade do Minho). A iniciativa encerrar´ com a uma experiˆncia sensorial interactiva, conduzida pelo Chef. Pedro e Nunes e pelo En´logo Manuel Soares, com a modera¸ao de Fernando o c˜ Melo. Por ultimo, ainda no ambito desta jornada, ser´ desencadeada ´ ˆ a uma arrojada “ac¸˜o surpresa” de marketing de guerrilha. ca A entrada ´ livre mas a inscri¸˜o ´ obrigat´ria8 . Aos parti- e ca e o 8 https://spreadsheets.google.com/viewform?formkey= ← dHpNLXRtclYyVmtBUmZ5UGdVaDlvQ3c6MA 3i i i i
  12. 12. i ii i cipantes inscritos ser´ entregue um Certificado de Presen¸a. a c Web site do evento9 . Adwords – Introdu¸˜o ca Ter¸a-feira, 29 de Mar¸o de 2011 c c C O mundo da publicidade com o avan¸o da Internet sofreu grandes c M altera¸˜es quando a Google implementou um sistema nos resultados co do seu motor de busca acess´ a todos, grandes empresas ou apenas ıvel Y e s´ a uma pessoa. Qualquer pessoa/empresa com algum dinheiro, ´ o eCM capaz em poucos minutos de se dirigir a milh˜es de consumidores em oMY todo o mundo, tomando para si parte duma fatia do mercado global.CY Algo impens´vel no marketing tradicional. aCMY Depois disto, verifica-se que as grandes empresas, dei- K xaram de ter a importˆncia que tinham pelo seu peso a monet´rio na divulga¸˜o dos seus produtos. Hoje qual- a ca quer um tem poder para fazer as suas campanhas, seja para vender servi¸os de limpeza, mudan¸as de casa ou c c rel´gios. Nada mais f´cil do que comprar uns quantos o a cliques e dispor de um email e de um site que se queira promover, para estar tamb´m na crista da revolu¸ao publi- e c˜ cit´ria mundial. Isso consegue-se com o AdWords e outras a plataformas concorrentes da Google com programas equi- valentes. 9 http://por.ulusiada.pt/noticias/artigo.php?news_id=1968 4i i i i
  13. 13. i ii i Vantagens do Google Adwords: • Segmenta¸˜o - Escolha onde quer que os seus an´ ncios sejam ca u publicados e para quem. • CPC (custo por clique) – Pague apenas quando algu´m clicar e no seu an´ ncio sem investimento m´ u ınimo ou compromisso de permanˆncia. e • Ranking – Os an´ ncios relevantes conseguem uma melhor u posi¸˜o no Google por um valor mais baixo. ca • ROI (Return of Investment) – Total visibilidade de quantos cliques se convertem em contactos ou vendas. Conceitos Gerais: • Lance m´ ınimo – Valor m´ınimo a pagar, por clique, para a C veicula¸˜o do an´ncio pela palavra-chave. ca u M • Lance m´ximo de CPC – Valor m´ximo que o anunciante est´ a a a Y disposto a pagar, por clique, para a veicula¸ao do an´ncio pela c˜ u palavra-chave. N˜o pode ser inferior ao valor do lance m´ a ınimo.CMMY • CTR (Click-Through Rate, ou Taxa de Cliques) – Medida deCY desempenho dos an´ ncios, calcula-se pela f´rmula: n.º de u o cliques / n.º de impress˜es * 100. Quanto maior a frequˆncia o eCMY de clique, maior ser´ o CTR. a K • ´ Indice de Qualidade – Base para o c´lculo da qualidade da a palavra-chave e para a determina¸ao do lance m´ c˜ ınimo, qualita- tivamente depende da lista de keywords, an´ncios e p´ginas de u a chegada (landing pages). Quantitativamente depende do CTR, hist´rico de campanha e hist´rico de conta. o o Anatomia de uma conta AdWords: Uma conta cont´ at´ 25 e e campanhas, cada campanha poder´ conter v´rios grupos de a a an´ ncios. 6 Passos para a Optimiza¸˜o do AdWords u ca 5i i i i
  14. 14. i ii i • Defini¸˜o de Objectivos ca • Selec¸˜o das Palavras-Chave ca • Desenvolvimento dos An´ncios u • Cria¸˜o de Destinos ca • Controlo de Resultados C • Optimiza¸˜o cont´ ca ınua M YCM Estrutura de uma p´gina de destino aMY optimizada (Landing Page)CY Segunda-feira, 28 de Mar¸o de 2011 cCMY No artigo onde explico o que s˜o Landing Pages ( P´ginas de destino)10 a a K ficamos a saber o que realmente s˜o estas p´ginas, qual o objectivo em a a criar p´ginas de destino espec´ a ıficas e alguns exemplos que se aplicam estas mesmas p´ginas. Mas afinal como se cria uma Landing Page? a Vou partilhar aqui um infogr´fico criado pela .formstack.com onde a podemos verificar visualmente uma Landing Page optimizada para campanhas na Internet! 10 http://www.maiswebmarketing.com/landing-page/ 6i i i i
  15. 15. i ii i C M Y Coloque os seus Tweets na assinatura deCM E-MailMY Sexta-feira, 25 de Mar¸o de 2011 cCYCMY K Coloque os seus Tweets na assinatura da sua conta de correio electr´nico do Hotmail, Gmail, Yahoo, Outlook Express, Windows o Mail e Outlook 2003/07. Esta aplica¸˜o ainda est´ em fase BETA, ca a mas funciona na perfei¸ao. Desta forma est´ a promover os seus Twe- c˜ a ets sempre que envia e-mails, mas as vantagens desta ferramenta ´ que e pode escolher o que quer que apare¸a; pode escolher que apare¸a o seu c c perfil do Twitter, o Twitter mais recente, ou um Tweet rotativo. Como configurar esta ferramenta nas suas contas de E- mail: 7i i i i
  16. 16. i ii i Entre no site da aplica¸ao Twitfooter11 e a partir da´ dˆ permiss˜o c˜ ı e a a ` aplica¸˜o aceder ` sua conta do Twitter. ca a Conclus˜o: a C Esta ferramenta ´ muito util para divulgar a nossa conta do Twitter e ´ M assim como os nossos Tweets no envio de e-mails. Logo, podemos ter Y mais visitas ao nosso perfil do Twitter e mais visitas ao nosso projecto na Internet. Parece-me quase obrigat´rio utilizar esta aplica¸˜o no o caCM nosso plano de web marketing mais concretamente no planeamentoMY das redes sociais. Acho que esta ferramenta vai ser muito utilizadaCY no futuro! Eu j´ a utilizo! aCMY K Google e “Content Farms” Quinta-feira, 24 de Mar¸o de 2011 c Com as altera¸˜es do algoritmo em 2011 o Google j´ come¸ou a co a c controlar sites e blogs com Content Farms12 . Para os web masters que tˆm blogs deste tipo para ganhar dinheiro, preparem-se para o e pior! Em web marketing13 h´ quem utilize estas t´cnicas com a a e finalidade de ter muitos backlinks14 , ou seja, criam blogs no Blogger 11 http://twitfooter.com 12 http://en.wikipedia.org/wiki/Content_farm 13 http://www.maiswebmarketing.com/category/webmarketing 14 http://www.maiswebmarketing.com/o-que-sao-backlinks/ 8i i i i
  17. 17. i ii i ou Sapo Blogs, v˜o buscar conte´ dos pela Internet criam posts com a u esses conte´dos, alguns copiados na integra outros alterados. Colocam u as palavras-chave espalhadas pelos artigos assim como em todo o blog, alguns casos resultam na perfei¸ao mas para o utilizador que pesquisa c˜ no Google encontra muitas vezes os sites/blogs chamados lixo. Pouco conte´do interessante, links a apontar sempre para o mesmo site/blog, u cheios de publicidade etc. C M YCMMYCYCMY K O Google que pretende dar ao utilizador os melhores resultados com o termo que procura, decidiu come¸ar a “limpar” este tipo de sites/blogs c que utilizam estas t´cnicas – Content Farms ou Link Farms. Content e Farms – basicamente s˜o sites/blogs que se alimentam de conte´dos a u alheios, copiados automaticamente, em alguns casos feitos apenas com tradu¸oes autom´ticas de conte´dos e sem sentido mas “carregados” c˜ a u de keywords (palavras-chave) relevantes para aparecer destacado nos motores de busca. Link Farms – s˜o sites/blogs com conte´dos super a u optimizados, com v´rias p´ginas cheias de links com palavras-chave a a a apontar para outros sites com o objectivo de obter mais backlinks, ou 9i i i i
  18. 18. i ii i cliques em publicidade. Explica¸ao mais detalhada de link farm.15 c˜ O web site Focus.com16 criou um infogr´fico onde explica visualmente a a rela¸ao do Google com este tido de conte´dos – Content Farms. Se c˜ u utiliza estas t´cnicas e estrat´gias no seu plano de SEO, prepare-se e e porque o Google j´ est´ a tomar medidas, algumas delas j´ se notam a a a em grandes sites de artigos. A Sixtrix.com17 publicou um estudo onde j´ se pode ver as diferen¸as que o algoritmo da Google j´ efectuou a c a e alterou estes agregadores de conte´ dos. Vejam ent˜o o infogr´fico u a a criado pela equipa da Focus. C M YCMMYCYCMY K 15 http://www.linkfarm.info 16 http://www.focus.com 17 http://www.sistrix.com/blog/985-google-farmer-update-quest-for- ← quality.html 10i i i i
  19. 19. i ii i Linkedin chega aos 100 milh˜es de membros o Quarta-feira, 23 de Mar¸o de 2011 c No blog18 oficial da rede social Linkedin19 , foi anunciado que esta semana foi atingido os 100 milh˜es de membros inscritos. Para planear o C uma estrat´gia nas Redes Sociais20 o Linkedin j´ ´ uma rede a ter e ae M muita considera¸˜o, mesmo sendo uma rede mais direccionada para ca Y profissionais. Os pa´ que esta rede social teve uma explos˜o foram ıses aCM o Brasil, M´xico, ´ e India e Fran¸a. Deixo-vos um infogr´fico com toda c a a informa¸˜o. caMYCYCMY K 18 http://blog.linkedin.com/2011/03/22/linkedin-100-million/ 19 http://www.maiswebmarketing.com/dicas-linkedin/ 20 http://www.maiswebmarketing.com/category/redes-sociais/ 11i i i i
  20. 20. i ii i C M Y Google anuncia novo Google AnalyticsCM Ter¸a-feira, 22 de Mar¸o de 2011 c cMYCYCMY K Na conferˆncia( Google Analytics User Conference21 ) que se realizou e 21 http://gaugecon.com 12i i i i
  21. 21. i ii i em S˜o Francisco nos Estados Unidos, a Google anunciou uma nova a vers˜o do Google Analytics, ao que tudo indica ser´ uma nova ex- a a periˆncia para os utilizadores completamente nova. O novo Analytics e ter´ uma cara nova com mudan¸as significativas e que parece mais a c empresarial. A ultima vers˜o do Google Analytics foi ` mais/menos ´ a a 2 anos. Esta nova vers˜o do Google Analytics vai ser gradualmente a distribu´ aos utilizadores em fases de acordo com o Google. ıda Muitas mudan¸as v˜o acontecer no Analytics, segundo o site searchen- c a gineland.com de onde foram retiradas as imagens seguintes podemos ver algumas mudan¸as j´ preparadas. c a C M YCMMYCYCMY K Conclus˜o: a Quando a concorrˆncia come¸a a apertar o Google aparece sempre e c 13i i i i
  22. 22. i ii i com novas surpresas e o Analytics j´ precisava de uma renova¸˜o. a ca Vamos aguardar para saber o que a´ vem. . . ı Social Media Marketing Day – Conferˆncia e Gr´tis a Segunda-feira, 21 de Mar¸o de 2011 c No dia 11 de Abril ‘2011 vai realizar-se a conferˆncia Online tendo e como tema Social Media Marketing durante todo o dia iniciando `s 09.15h. Esta conferˆncia ser´ toda ela realizada Online com 21 a e a oradores profissionais em Social Media Marketing de 15 pa´ ıses C diferentes onde poder´ ficar a conhecer dicas, ferramentas e pensa- a M mentos de profissionais com ideias diferentes. O registo ´ gr´tis e a Y mas limitado! Por isso registe-se22 j´! aCM Ser´ um dia com um impressionante grupo de personalidades liga- aMY dos ao Social Media Marketing. Com este evento ir´ de certeza a buscar inspira¸˜o adicional a partir destes profissionais de Social caCY Media Marketing partilhando com todos os seus conhecimentos eCMY experiˆncias sobre Social Media Marketing. e K Oradores do evento 22 http://markedu.com/100/home.html 14i i i i
  23. 23. i ii i C A organiza¸˜o deste evento est´ a cargo da conhecida Markedu do ca a M qual s˜o respons´veis por organizarem eventos ligados ao marketing a a Online. YCMMYCYCMY K 21 m´ ıdias sociais marketing profissionais de pa´ em 15 partes de ıses 15i i i i
  24. 24. i ii i toneladas de social media marketing dicas, ferramentas e pensamen- tos As principais altera¸˜es do algoritmo do co Google ao longo dos anos Sexta-feira, 18 de Mar¸o de 2011 c A empresa level343.com apresentou esta semana no seu web site um infogr´fico com as principais altera¸˜es do algoritmo do Google ao a co longo dos anos. Este infogr´fico est´ em inglˆs, mas percebe-se perfei- a a e tamente as mudan¸as efectuadas no algoritmo. Para quem trabalha c com SEO23 tem que estar sempre atento a estas mudan¸as(muitas) c que o Google faz durante cada ano que passa. C M YCMMYCYCMY K Ao efectuar um plano de SEO24 temos que estar atentos `s novas a mudan¸as dos motores de busca e tamb´m planear as mudan¸as que c e c v˜o acontecer no futuro. Para isso os eventos25 sobre web marketing a 23 http://www.maiswebmarketing.com/category/seo-2 24 http://www.maiswebmarketing.com/como-criar-um-plano-de-seo/ 25 http://www.maiswebmarketing.com/palestra-marketing-digital/ 16i i i i
  25. 25. i ii i s˜o muito importantes, conferˆncias26 , os livros27 etc, temos de estar a e sempre atentos, de olhos bem abertos as mudan¸as que est˜o sempre ` c a a acontecer na Internet! Deixo aqui o infogr´fico lan¸ado a 14 de a c Mar¸o 2011. c C M YCMMYCYCMY K 4 Ferramentas gr´tis para pesquisa de a palavras-chave Quinta-feira, 17 de Mar¸o de 2011 c Uma das ferramentas gr´tis mais conhecidas e utilizada ´ a Goo- a e gle Adwords Keyword Tools. Mas existem muitas mais alternativas, embora como ´ evidente todas as ferramentas que a Google for- e nece devemos ter em conta como utiliza¸˜o obrigat´ria. Em todo o ca o 26 http://www.maiswebmarketing.com/web-conferencias-com-slideshare- ← zipcast/ 27 http://www.maiswebmarketing.com/livro-web-trends/ 17i i i i
  26. 26. i ii i caso vou partilhar neste post mais 4 ferramentas para pesquisa de palavras-chave. O web site que disponibiliza estas ferramentas ´ o e WordStream28 . Com alguns servi¸os a pagar para campanhas na c Internet o web site WordStream29 fornece 4 ferramentas muito uteis ´ para complementar as nossas pesquisas de palavras-chave. • The Free Keyword Tool – com esta ferramenta podemos escolher as palavras-chave que queremos e a aplica¸˜o d´-nos ca a v´rias alternativas variantes das escolhas que fizemos e respectivo a volume de pesquisas. C • The Free Keyword Niche Finder – esta ferramenta a meu ver ´ a mais importante de todas as 4. Podemos escolher e M nichos de mercado que nos interessa apostar na Internet, porque Y colocamos uma ou v´rias palavras-chave e a aplica¸˜o d´-nos a ca aCM v´rias escolhas com dados de volume de pesquisa. aMY • The Free Keyword Grouper – esta ferramenta d´-nos dados aCY em massa de v´rias palavras-chave. aCMY • The Negative Keyword Tool – para campanhas de Pay Per K Click esta ferramenta ´ muito importante para ficarmos a saber e que tipo de palavras-chave negativa nos interessa apostar. Conclus˜o: Estas ferramentas gr´tis s˜o alternativas vi´veis para a a a a complementar uma pesquisa mais exaustiva das palavras-chave e desta forma refor¸ar os resultados de outras aplica¸˜es. Nunca devemos c co depender de uma ferramenta s´!o 28 http://www.wordstream.com/free-keyword-tools 29 http://www.wordstream.com/free-keyword-tools 18i i i i
  27. 27. i ii i Guia de Marketing Online Quarta-feira, 16 de Mar¸o de 2011 c A empresa Unbounce30 publicou um infogr´fico que poder´ servir a a como guia para um plano de marketing Online. Est´ muito bem a estruturado e muito f´cil de perceber. Embora seja em Inglˆs conse- a e guimos facilmente a partir deste infogr´fico elaborar o nosso plano a de marketing Online. Est´ muito completo, e pode-se adaptar a a todos os nossos neg´cios na Internet. A n˜o perder, recomendo a o a visualiza¸ao deste infogr´fico com muita aten¸ao e depois tirar o que c˜ a c˜ deseja para adaptar ao seu blog. Clique na imagem para ver em tamanho maior. Para quem quiser aprofundar todo o esquema que aqui foi feito neste infogr´fico, vou deixar aqui tamb´m um artigo da a e SEOMOZ31 onde explica todas as t´cnicas descritas neste infogr´fico. e a Em Inglˆs, mas recomendo a sua leitura porque os conte´ dos s˜o e u a muito actuais. C M YCMMYCYCMY K 30 http://unbounce.com/what-is-unbounce/overview 31 http://www.seomoz.org/blog/the-noob-guide-to-online-marketing- ← with-giant-infographic-11928 19i i i i
  28. 28. i ii i C M Y O que s˜o Redes Sociais Verticais e aCM HorizontaisMY Ter¸a-feira, 15 de Mar¸o de 2011 c cCYCMY Numa breve defini¸ao daquilo que s˜o as redes sociais, podemos defi- c˜ a nir que s˜o ferramentas Online projectadas para permitir a interac¸ao a c˜ K social a partir da partilha e da cria¸ao colaborativa de informa¸ao. No c˜ c˜ fundo ´ a conjuga¸ao da tecnologia com interac¸oes sociais resultando e c˜ c˜ na produ¸ao de conte´do colaborativo. Segundo a defini¸ao das redes c˜ u c˜ sociais na Wikip´dia, estas s˜o respons´veis pela partilha de ideias e a a entre pessoas que possuem interesses e objectivos em comum. Deste modo um grupo de discuss˜o ´ composto por indiv´ a e ıduos que possuem identidades semelhantes. 20i i i i
  29. 29. i ii i Hoje em dia existem centenas de redes sociais, cabe-nos escolher as que nos interessa para poder implementar estrat´gias de Social Media e Marketing32 . Cada rede tem as suas pr´prias caracter´ o ısticas e para isso temos de saber filtrar as que mais nos conv´m estar presentes e com o nosso blog/site. C Tipologias das Redes Sociais M Redes Horizontais – as redes sociais horizontais s˜o aquelas que s˜o a a Y centradas apenas em conectar pessoas, ou seja, consiste em estar presente numa rede onde tem amigos e exibir para outros essas mesmaCM rede de amigos, ´ o chamado efeito bola de neve. . . Estas redes s˜o e aMY um pouco de tudo em uma s´ rede, cada utilizador partilha para oCY todos e todos partilham com todos no mesmo local. Dividem gostos eCMY opini˜es sobre diversos assuntos e o objectivo destas redes tem como o atingir alargar ao m´ximo por todo o mundo. Exemplo de Redes a K Sociais horizontais: Facebook, Hi5, MySpace, Linkedin, Orkut, etc. Redes Verticais – as redes sociais verticais s˜o aquelas que est˜o centra- a a das num nicho de mercado, nestas redes os utilizadores ligam-se com a finalidade de debater um determinado assunto ou tema de interesse comum. Partilham ideias, interesses, gostos, opini˜es pelo tema em o comum pelo qual tˆm uma certa “paix˜o”. Diz-se rede vertical porque e a todos os utilizadores est˜o interessados no tema central na comuni- a dade em quest˜o, ao contr´rio das redes generalistas ou horizontais a a que apenas visam o registo de utilizadores em massa. Exemplo de Redes Sociais Verticais: Travelpod, Trip Advisor, LonelyPlan, etc. 32 http://www.maiswebmarketing.com/category/redes-sociais 21i i i i
  30. 30. i ii i Vantagens das Redes Verticais: • Oferecem maior conte´do sobre o assunto, visto serem especiali- u zadas. Oferece uma melhor experiˆncia para o utilizador. e • Alta segmenta¸ao, visto o tema da comunidade ser em volta do c˜ mesmo entre todos os utilizadores. • Os utilizadores dessas redes s˜o mais especializados. a • Maior probabilidade de convers˜o. a • Melhor identifica¸˜o dos h´bitos de consumo do p´blico alvo. ca a u Desvantagens das Redes Verticais: • Como o foco do assunto ´ muito espec´ e ıfico, estas redes est˜o a limitadas ` sua especialidade. a • Lan¸ar novas funcionalidades nestas redes ´ mais arriscado. c e • E mais complicado atrair utilizadores e mantˆ-los nestas redes ´ C e M porque o tema ´ o mesmo. e • Barreiras a outros conte´dos. Y uCM Conclus˜o: N˜o basta estar presente nas maiores redes sociais, ou a aMY nas mais famosas, ou ent˜o estar presente em v´rias redes e “despejar” a aCY conte´ dos sem nenhum objectivo. Para um plano de web marke- uCMY ting33 ´ necess´rio definir a estrat´gia de social media marketing e e a e K para isso temos de saber as tipologias existentes das redes sociais, para que servem, e o que queremos ao estar presente em algumas destas redes. Temos que ter objectivos s´rios ao entrar nas redes e sociais e tirar o m´ximo de partido para os nossos neg´cios Online. a o 33 http://www.maiswebmarketing.com 22i i i i
  31. 31. i ii i O mapa mundo das redes sociais em 2011 Segunda-feira, 14 de Mar¸o de 2011 c As Redes Sociais cada vez mais tˆm um papel muito importante nas e estrat´gias de web marketing. Ser´ que o Facebook, o actual l´ e a ıder das redes sociais vai aguentar-se durante muitos anos com a evolu¸ao c˜ da Internet e com toda a dinˆmica que a envolve? Para j´ tudo indica a a que vai aguentar-se durante mais alguns bons anos. Vamos estar atentos ao futuro, porque muitas mudan¸as a curto/m´dio prazo v˜o c e a acontecer! Em 2010 apresentei um artigo com o top 20 das redes sociais34 , mas neste ano de 2011 vou deixar aqui um infogr´fico com a um mapa mundial das Redes Sociais. Este mapa pode ajudar-nos a perceber em que redes sociais podemos apostar em pa´ diferentes. ıses Clique na imagem para ver em tamanho maior. C M YCMMYCYCMY K 34 http://www.maiswebmarketing.com/top-20-das-redes-sociais-em-2010/ 23i i i i
  32. 32. i ii i Oferta de 30 euros em Adwords Sexta-feira, 11 de Mar¸o de 2011 c O Google AdWords ´ uma solu¸˜o simples e eficaz para o ajudar a e ca ganhar novos clientes na Internet. Promova a sua empresa com a sua pr´pria mensagem no Google atrav´s dos Links Patrocinados, que o e aparecem no topo e no lado direito das p´ginas dos resultados de pes- a quisa. Assim, ir´ estar presente sempre que os utilizadores da Internet a procurem activamente pelos seus produtos e/ou servi¸os, de forma c bastante relevante. Pode escolher onde e quando quer anunciar, deste modo pode colocar os seus an´ ncios mais aproximado do utilizador u C final, interagindo com ele quando este se sente inclinado a verificar M uma oferta e resolve clicar. Assim, cada pessoa pode competir com grandes empresas pelo mesmo mercado, j´ que ambos disputam o a Y espa¸o nos mesmos locais, e frequentemente os pequenos anuncian- cCM tes levam a palma `s grandes companhias nas suas campanhas, se aMY souberem jogar as cartas correctamente.CY Onde mostrar os resultados?CMY No site da Google, os an´ncios que s˜o chamados links patrocinados, u a K aparecem acima das listagens das pesquisas at´ 3 e a direita at´ 8. Se e ` e existirem outros an´ncios n˜o vis´ u a ıveis por n˜o terem sido selecionados, a poder˜o ser consultados clicando num link abaixo do ultimo. Outros a ´ sites com pesquisas e que tˆm acordos de colabora¸ao como ´ o caso e c˜ e do YouTube. Os seus an´ncios podem tamb´m aparecer na Rede de u e Conte´ do e no Gmail. Existem milh˜es de sites em todo o mundo u o e em todas as l´ınguas que exibem an´ ncios atrav´s da plataforma u e Adsense como o Gmail ou muitos outros. Se nunca utilizou o Google Adwords35 esta ´ uma grande oportunidade e 35 http://www.adwordsportugal.com/pt_pub_lp.php?utm_source= ← PublicIdees&utm_campaign=Coupon30_March2011&utm_medium= ← affiliation&utm_content=468x60 24i i i i
  33. 33. i ii i para come¸ar a aprender a mexer neste sistema de publicidade Online. c N˜o tem nada a perder porque tem aqui uma oferta de 30€ para a c ´ o come¸ar as suas campanhas hoje mesmo! E s´ clicar no an´ ncio e u preencher os campos necess´rios. a Vantagens de utilizar o Google Adwords • Simplicidade – Crie a sua campanha em apenas alguns minu- tos. • Segmenta¸˜o – Direccione o seu an´ ncio para uma cidade, ca u uma regi˜o, um pa´ ou mesmo para o mundo inteiro a ıs • Relevˆncia - O seu an´ ncio ´ visto apenas pelas pessoas que a u e procuram o seu produto ou servi¸o (potenciais clientes). c • Rentabilidade – S´ paga pelos cliques efectivamente recebidos o no seu an´ncio. u C • Flexibilidade - N˜o existe or¸amento m´ a c ınimo, podendo ajustar M quanto e como quer investir, a qualquer momento, sem custos Y adicionaisCM Conclus˜o: Com esta oferta n˜o h´ nada a perder, experimenta o a a aMY Google Adwords com 30€ de OFERTA! Fonte: Google.ptCYCMY K WEB Conferˆncias com Slideshare – Zipcast e Quinta-feira, 10 de Mar¸o de 2011 c Provavelmente j´ conhecem o Slideshare36 um dos servi¸os mais a c conhecidos do mundo em partilhar apresenta¸oes pela Internet. Mas c˜ neste artigo vou falar do Zipcast da Slideshare 37 que foi lan¸ado c recentemente e que permite realizar WEB conferˆncias com as nossas e apresenta¸˜es. co 36 http://www.slideshare.net 37 http://www.slideshare.net/zipcast 25i i i i
  34. 34. i ii i Al´m da apresenta¸˜es da nossa conta podemos escolher qualquer e co uma das milh˜es de apresenta¸oes dispon´ o c˜ ıveis no Slideshare apertar no novo bot˜o “Zipcast” para transformar essa mesma apresenta¸ao a c˜ numa Web conferˆncia privada ou p´blica com v´ e u ıdeo, audio e chat. ´ Sem necessidade de instalar nada, usando como tecnologia o HTML5, ´ uma boa op¸˜o para quem quer partilhar conhecimento usando e ca todos os recursos que a web permite actualmente. C M YCMMYCYCMY K 10 maneiras de usar Zipcast 1. Partilhe as suas ideias com amigos: se quer trocar uma ideia com os amigos, por exemplo, em que quer partilhar especifica¸oes de c˜ um produto com amigos remotos. Pode apenas partilhar uma apresenta¸ao que viu no SlideShare, por exemplo, as ultimas c˜ ´ projec¸˜es de “Maria Meekers” . Basta criar um Zipcast pri- co vado e convidar os seus amigos, dando-lhes o link atrav´s de e mensagens instantˆneas. a 26i i i i
  35. 35. i ii i 2. Inicie a promo¸˜o de um novo produto usando o Zipcast: se ca tem poucos recursos de marketing – mas sabe como construir o Buzz no Twitter e no Facebook pode muito bem utilizar em seu favor um webinar informal. Junte tudo no Facebook e em breve ter´ mais utilizadores a crescer em volta desse novo produto de a forma viral. 3. Dar uma palestra numa conferˆncia noutro lugar do mundo. e Poder´ dar uma palestra a partir de casa para qualquer parte a do mundo. 4. Ensinar algu´m, em qualquer lugar: se ´ um professor e quer e e fazer uma palestra a distˆncia para os seus alunos durante uma ` a viagem? Com Zipcast pode envolver os seus alunos, sem custo ou complexidade. Al´m disso, os alunos j´ possuem logins e a Facebook o que j´ uma vantagem. a 5. Reuni˜es com clientes: numa empresa de marketing por exemplo o C pode convidar a equipa do cliente para a sua sala de reuni˜es e o M apresentar as suas ideias. Pode convidar toda a sua equipa, de Y modo que o cliente n˜o apenas ou¸a e veja a proposta, mas fica a c a saber quem s˜o as pessoas que ir˜o trabalhar com ele atrav´s a a eCM do v´ ıdeo.MY 6. Se tem uma equipa de vendas pode reunir-se com todos, mesmoCY n˜o estando presentes. aCMY 7. Suporte a clientes: basta dar aos seus clientes o link para a K sala de reuni˜es e falar com eles sobre o problema. Mostre-lhes o apresenta¸oes, links ou documentos ou v´ c˜ ıdeos no SlideShare e Zipcast. 8. Angariar fundos sem fins lucrativos com Zipcast: se tem uma entidade sem fins lucrativos que procura angariar fundos pode convid´-los para a sala de reuni˜es no SlideShare. a o 9. Compartilhe albuns de fotografias de viagens com os seus amigos: ´ se foi de f´rias para qualquer pa´ e tem um monte de fotos e ıs de edif´ıcios hist´ricos pode partilhar com amigos que est˜o o a interessados em arquitectura. Pode iniciar uma conferˆncia com e 27i i i i
  36. 36. i ii i Zipcast para compartilhar e discutir estas imagens com os seus amigos. 10. Seja imaginativo e explore todas as potencialidades com o Zip- Cast. Conclus˜o: Esta ser´ mais uma op¸ao gr´tis para realizar webinars. a a c˜ a Como a aplica¸˜o dimdim foi comprada por uma empresa e paga-se ca a sua utiliza¸˜o, o Slideshare lan¸ou o Zipcast gratuitamente e que ca c surge como uma boa alternativa. Tem outras funcionalidades pagas, mas essa op¸˜o ´ para quem quiser ir mais al´m duma conferˆncia ca e e e via Web. Como criar um plano de SEO Quarta-feira, 9 de Mar¸o de 2011 c C Criar um plano de SEO para um site ou um blog ´ uma das primeiras e M coisas que deve fazer antes de iniciar a implementa¸ao das t´cnicas de c˜ e Y SEO. Na verdade este ´ um dos erros mais comuns que quase todos e os webmasters cometem, n˜o tˆm um plano de SEO porque acham a eCM que ´ s´ aplicar as t´cnicas e usar as devidas ferramentas de SEO e j´ e o e aMY est´! Para aqueles que est˜o a iniciar-se, para quase tudo ´ mesmo a a eCY necess´rio planear. Num plano de Web Marketing38 completo temos aCMY de planear tamb´m SEO, Redes Sociais, etc. Isto ´ mesmo muito e e importante para acompanhar a evolu¸˜o e preparar estrat´gias com ca e K os dados que foram tra¸ados no nosso plano. c Ent˜o por onde come¸ar, como criar um plano de SEO? O seu blog ou a c web site ´ o seu neg´cio. Ent˜o, qual ´ o objectivo de neg´cio, ser´ por e o a e o a c ´ aqui que vai come¸ar. E necess´rio ter um objectivo, precisa saber a o que quer alcan¸ar com o seu blog. Com base nos seus objectivos c de neg´cio deve definir as suas metas de SEO tamb´m. Claro que o o e objectivo de todos n´s webmasters ´ ter muito tr´fego, mas este o e a objetivo de SEO ´ muito amplo e n˜o vai ajudar a maximizar todos e a c ´ os esfor¸os . E preciso ter um objectivo real para o nosso neg´cio, por o isso, seja mais objectivo naquilo que quer atingir com o seu blog. 38 http://www.maiswebmarketing.com/category/webmarketing 28i i i i
  37. 37. i ii i C M Claro que, cada caso ´ um caso, cada blog tem o seu objetivo real. e Y Acontece que muitos webmasters est˜o sempre a aplicar t´cnicas de a eCM SEO por meses ou mesmo anos sem um objectivo real e o que acontece,MY n˜o conseguem atingir nada. Ter uma meta vai ajud´-lo a fazer o a aCY seu plano de SEO, vai saber onde pode focar, e de onde se pode obter o seu tr´fego. O que precisa para um blog ou web site para aCMY ter sucesso ´ o tr´fego “filtrado” e para isso o seu plano de SEO vai e a K ajudar porque j´ tra¸ou as metas e objectivos. J´ tem um ponto de a c a partida para avan¸ar. c Levantamento da situa¸˜o – An´lise/Diagn´stico ca a o • Fa¸a a an´lise da sua situa¸˜o actual – Como est´ o seu blog c a ca a nos resultados de buscas? O seu blog est´ optimizado on-site a ´ e off-site? E muito importante saber como est´ o seu blog no a momento para come¸ar a perceber o que vai fazer concretamente, c etc. • Fa¸a a an´lise dos seus concorrentes – uma pesquisa de mercado c a ´ importante para perceber onde est˜o os seus concorrentes e e a o que andam a fazer, para isso avalie os 5 primeiros resultados 29i i i i
  38. 38. i ii i dos motores de busca com as palavras-chave mais importantes para seu blog. Tentar perceber quais as t´cnicas que eles est˜o e a a usar. Analise o conte´ do deles e como organizam as urls, u p´ginas, conte´dos, etc. a u • Identificar como ser encontrado pelos motores de busca – tente encontrar quais os direct´rios e f´runs relacionados com o seu o o blog para link building. Se vai utilizar as redes sociais e quais as redes a utilizar, etc. • Definir quais s˜o os conte´dos relevantes – tentar entender aquilo a u que mais lhe interessa em termos de conte´ dos para se focar u num nicho e para isso focar mais o seu blog. • Que ferramentas vamos utilizar para gerir as nossas ac¸˜es. co Planeamento/Objectivos Estes objectivos surgem depois de um bom diagn´stico da sua situa¸ao. Devem ser objectivos mensur´veis, o c˜ a ´ realistas e ambiciosos. E importante definir muito bem os nossos C objectivos para o nosso blog, respondendo a uma quest˜o indispens´vel a a M – para que quero utilizar SEO no meu Blog? Y • Quero atrair mais visitantes. Identificar as Palavras-ChavesCM para o seu Blog – utilize as ferramentas gr´tis do Google. aMY • Quero ter conte´ dos de qualidade. Desenvolver o Conte´ do – u uCY v˜o ser criados posts todos os dias? Um, dois, trˆs por semana? a eCMY Que tipo de imagens utilizar nos artigos? Etc. K • Quero ter artigos bem destacados nos resultados dos motores de busca. Elaborar t´ ıtulos relevantes nos posts – para chamar ` aten¸˜o do visitante crie t´ a ca ıtulos do g´nero: como fazer. . . 5 e t´cnicas de.. etc. e • Quero ter um blog que utiliza regras que os motores de busca entendam. Crie uma estrutura de links amig´veis a – para os motores de busca ´ importante ter URL s e amig´veis do tipo: http://www.maiswebmarketing.com/ ← a como−escolher−palavras−chave−para−seo. • Quero que os visitantes do meu blog naveguem sem problemas. Teste a Usabilidade e Acessibilidade do seu blog. 30i i i i
  39. 39. i ii i • Quero atrair visitantes das redes sociais. Planear as ac¸oes em c˜ Redes Sociais – Quais as redes sociais onde os nossos concorren- tes est˜o. Que redes s˜o mais eficazes para o seu blog. a a • Quero comunicar um produto/servi¸o. Tenho um e-book para c vender no meu blog. • Quero criar uma comunidade em volta do meu blog. • Etc. . . Execu¸˜o ca • Coloque o Google Analytics39 no seu blog. • Coloque as Meta-tags com as palavras-chave. • Fa¸a an´lise de web semˆntica baseada no W3C40 . c a a • Crie um sitemap.xml e robots.txt e insira no Google Webmas- C ters41 , Yahoo42 e no Bing43 . M • Fa¸a a an´lise dos links e tenha a certeza de que todos funcionam c a Y e n˜o est˜o quebrados. a aCM • SEO on-site e off-site.MY • Linkbuilding.CY • Etc.CMY Monitorizar Um bom projecto tem que estar sempre actualizado, K vivo. Reveja sempre o que foi feito, teste para ver se ainda faz sentido o que est´ planeado ou se continua a funcionar como antes. N˜o a a se esque¸a que na Internet ´ tudo muito dinˆmico, as coisas est˜o c e a a sempre a mudar a cada dia que passa e por isso. . . Teste, teste e teste. • Fa¸a uma an´lise constante nos resultados do Google Analytics c a 39 http://www.google.com/analytics/ 40 http://www.w3.org/ 41 http://www.google.com.br/webmasters/ 42 http://siteexplorer.search.yahoo.com/ 43 http://www.bing.com/toolbox/webmasters/ 31i i i i
  40. 40. i ii i • Acompanhe e analise os dados do Google Webmaster, Bing e Yahoo • Analise o posicionamento das palavras-chaves nos motores de busca. Conclus˜o: Para finalizar, fa¸o referˆncia a mais um ponto indis- a c e pens´vel a ter em conta que considero fazer parte da execu¸˜o do a ca plano e n˜o do plano em si – Controlar, Avaliar e Actualizar. a Um plano de pouco serve se n˜o for controlado, avaliado e actualizado. a Como referi anteriormente a Internet est´ em constante evolu¸˜o a ca e modifica¸˜o ´ uma ´rea muito dinˆmica e est´ em constante ac- ca e a a a tualiza¸˜o, ´ importante mantermo-nos em alerta e periodicamente ca e voltarmos a fazer o diagn´stico da situa¸ao, reformulando tudo o que o c˜ for “afectado”. Com este artigo pretendo dar uma base para um plano de SEO. Provavelmente haver´ outras t´cnicas e estrat´gias, mas aqui utilizei a e e C como base um plano de marketing tradicional e tentei adaptar ao M planeamento de Search Engine Optimization44 . Em web marketing Y a base de tudo ´ um plano de Marketing tradicional adaptado ` e a WEB.CMMYCY Conferˆncia “Ser Freelancer em Portugal” – eCMY Aveiro‘11 K Ter¸a-feira, 8 de Mar¸o de 2011 c c No pr´ximo dia 2 de Abril de 2011 vai realizar-se em Aveiro a con- o ferˆncia ” Ser Freelancer em Portugal“. Tudo o que precisa saber e para iniciar a sua carreira vai ser explicado nesta conferˆncia, por e profissionais com anos de experiˆncia e muita sabedoria para partilhar! e Tem como principal objectivo mostrar que n˜o ´ imposs´ criar o a e ıvel seu pr´prio emprego numa altura em que a conjuntura nacional se o mostra negativa. Este ´ um evento que vai reunir 8 profissionais de e areas distintas, mostrando assim que quando h´ empenho e dedica¸ao ´ a c˜ 44 http://www.maiswebmarketing.com/category/seo-2 32i i i i
  41. 41. i ii i ´ poss´ e ıvel tornar-se um excelente profissional da ´rea desejada em a Portugal e ainda tirar muitos frutos disso. Objectivos da Conferˆncia Com o objectivo de dar a conhecer um e pouco mais do Mundo Freelancer a todos os poss´ ıveis interessados, a proposta da conferˆncia vem no sentido de informar e retirar todas e as poss´ıveis d´ vidas relativas ao in´ u ıcio de actividade, em 8 ´reas a distintas. • Elucidar todos os que desejam criar o seu pr´prio emprego das o melhores formas de come¸ar c • Mostrar que ´ poss´ trabalhar em casa e ainda assim ganhar e ıvel C dinheiro M • Ajudar todos aqueles que n˜o sabem por onde come¸ar a c Y • Indicar as melhores t´cnicas para encontrar bons clientes eCM • Ajudar a manter esses clientes (crucial para Freelancers)MY • Ajudar todos os interessados na ´rea legal e judicial com a aCY presen¸a de uma colaboradora da ´rea da contabilidade c aCMY • Mostrar que ´ poss´ manter-se na linha da lei actual e ainda e ıvel K assim conseguir ter lucros A quem se destina Esta conferˆncia destina-se essencialmente a pes- e soas que queiram trabalhar a full-time ou part-time em determinada a ´rea, s˜o elas: a • Blogging • Fotografia • Design • Tradu¸˜o ca • Jornalismo 33i i i i

×