Lost in Translation - Sofia Coppola

  • 78 views
Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
78
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2

Actions

Shares
Downloads
1
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Lost in translation (pt: O amor é um lugar estranho)Ano:2003Realizadora: Sofia CoppolaElenco: Bill Murray (Bob), Scarlett Johansson (Charlotte), Giovanni Ribisi (John)Genero: Drama SinopseBob , uma estrela de cinema, e Charlotte, mulher de um workaholic, são doisamericanos que estão a passar uns tempos em Tóquio, Bob por razões de trabalho eCharlotte porque foi acompanhar o marido.Ambos têm um problema em comum, insónias.E por causa dessas insónias acabam por se conhecer e criar um laço muito fortelevando-os a ter varias aventuras na cidade de Tóquio. Momento do filme que considero mais importanteO momento do karaoke com musicas que Bob e Charlotte cantam, que ao mesmotempo mostra a fase da vida que eles estavam a passar e a escapatória quearranjaram, um no outro, para fugir a monotonia que a vida deles se estava a tornar.Podemos também reparar que começa a notar-se uma certa química/cumplicidadeentre ambos que faz o espetador ficar atento/agarrado para saber como vai desenrolaro resto do filme. Opnião pessoal do filmeDe um modo mais geral o filme mostra a grande dificuldade de comunicação eexpressão quando não se sabe a língua do país para aonde vamos, e também afrustração que essa dificuldade em comunicar cria.Por outro lado, essa falta de comunicação e de expressão leva-nos também ao quelevou Bob e Charlotte a conhecerem-se: tentativa de fugir da solidão que ambossentiam, fugirem da sua rotina e do que a sua vida se estava a tornar.E acima de tudo, encontrar respostas para o futuro e o que fazer com a sua vida.E este filme marcou-me por isso mesmo, por ter passado um tempo muito mau naminha vida e ter-me sido complicado dar a volta por cima e por vezes basta um simplesdesvio da nossa rotina, ou um simples acaso de conhecer alguém novo, comoaconteceu neste filme, para conseguir dar a volta por cima e ganhar um novo animopara a vida.Miguel Fonseca nº53109Produção AudioVisual | CM | UTAD | 2012-2013