Transmissão Sonora Digital

321 views
241 views

Published on

Apresentação dos Modelos Radiofônicos e Não Radiofônicos pesquisados na minha Dissertação de Mestrado defendida em 2007.

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
321
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transmissão Sonora Digital

  1. 1. TRANSMISSÃO SONORA DIGITAL:Um Estudo de Caso dos Modelos Radiofônicos e NãoRadiofônicos na Comunicação ContemporâneaCurso de ComunicaçãoSocial – UNEB / CampusXIV - CoitéDisciplina Tecnologias deProdução RadiofônicaProf. Dr. Macello Medeiros
  2. 2. Critérios Características Seminais Radiofônicas:– Fluxo de Transmissão Contínuo– Elementos Radiofônicos: Elementos Radiofônicos Principais ouConceituais: Linguagem e Discurso Radiofônico Elementos Secundários ouConjunturais/Estruturais: Locutor/Apresentador,Vinhetas, Chamadas, Grade de Programação,Blocos Musicais, etc.
  3. 3. ModelosRadiofônicos:Fluxo Contínuo e Presença deElementos Radiofônicos
  4. 4. ClassificaçãoFenômenosFluxo deTransmissãoElementosRadiofônicosClassificaçãoWebradio Contínuo Sim RadiofônicoNetStation Contínuo Sim RadiofônicoTVStation Contínuo Sim RadiofônicoCellStation Contínuo Sim RadiofônicoRádio Digital Contínuo Sim RadiofônicoVisual Radio Contínuo Sim Radiofônico
  5. 5. Webradio As Webradios são emissoras exclusivas dainternet e criadas especificamente para estesuporte, não havendo uma emissoracorrespondente sendo transmitida via ondashertzianas (antena). Ex. IRadio (http://www.iradio.com.br/site/)
  6. 6. Netstation (Transposição) Na Netstation, não existe uma programaçãodiferenciada daquela que está no dial. Amesma programação que é transmitida pelaantena (ondas hertzianas) é transmitida aomesmo tempo pela internet. Ex. Rádio Metrópole (http://www.radiometropole.com.br).
  7. 7. TVstation (Transposição) Algumas emissoras de rádio passaram adisponibilizar através dos canais de áudiodas TVs à Cabo a mesma programaçãotransmitida pelo ar, ou seja, transpondo osinal transmitido por antena para o sinal viacabo (ou via satélite) de uma TV fechada. Ex. Rádio BBC(http://www.sky.tv.br/sonasky/radios/default.aspx)
  8. 8. Cellstation (Transposição) Alguns aparelhos celulares já vêm com estaopção de “sintonizar’ uma rádio local, comose o celular fosse em um aparelho de rádiocomum, com diferença na qualidade sonora. Ex. Globo FM
  9. 9. Rádio Digital Este modelo tem como suporte os jáconhecidos aparelhos de rádio receptor que,no lugar dos atuais aparelhos analógicos,são substituídos pelos receptores digitais. Ex. XM Satellite Radio(http://www.xmradio.com/ )
  10. 10. Cellradio (Visual Radio) O “Cellradio” surgiu de uma preocupação das rádiostradicionais com o avanço das Webradios (ouInternet Webcasting). Através de alguns aparelhoscelulares e outros artefatos móveis (palm tops,tablets, etc.), é possível sintonizar e usufruir dosserviços interativos que são disponibilizados pelaemissora, que vão desde as informações musicaisaté download de ringtones e envio de sugestões. Ex. Infinity Broadcasting Corporation(http://www.visualradio.com/visualradio/index.htm)
  11. 11. ModelosNão Radiofônicos:Fluxo Intermitente e Ausência deElementos Radiofônicos
  12. 12. ClassificaçãoFenômenosFluxo deTransmissãoElementosRadiofônicosClassificaçãoPodcasting Intermitente Sim* Não RadiofônicoJukebox On Net Intermitente Não Não RadiofônicoJukebox On TV Contínuo Não Não RadiofônicoJukebox On Cell Intermitente Não Não Radiofônico* Modelos “Metáfora” e “Editado da Grade”
  13. 13. Podcasting O Podcasting pode ser considerado um fenômeno dainternet. Sua forma de produção e disponibilizaçãodescentralizada endossa o fato de que muitos fenômenosque ocorrem no ciberespaço. Durante a pesquisa, foipossível detectar três modelos diferentes de podcast: oModelo “Metáfora” de um programa de rádio, o Modelo“Editado” da grade de programação e o Modelo“Registro”. Ex. Metáfora: Maestro Billy (http://maestrobilly.blog.uol.com.br/), Editado: PodFlash comAmaury Júnior (http://www.podflash.com.br/), Registro:Podcast do Gui Leite(http://podcast.guileite.com/podcast.php)
  14. 14. Jukebox On Net (Playlist) Este modelo não radiofônico de transmissãosonora foi o pioneiro na internet e nasce emmeio às experiências que aconteciam naépoca em que surge um novo conceito deinteratividade e multimedialidade com osuporte da rede. Ex. Rádio UOL (http://radio.musica.uol.com.br)
  15. 15. Jukebox On TV (Playlist) As Jukebox On TV, mais conhecidos comocanais de músicas das TVs fechadas, sãotransmissões sonoras que segue o mesmomodelo em playlist ou seqüência de músicasagrupadas por estilo musical, semelhante aomodelo “Jukebox On Net”. Ex. Canal de Rock((http://www.sky.tv.br/sonasky/radios/default.aspx)
  16. 16. Jukebox On Cell (Playlist) Em alguns modelos de aparelhos celulares,podemos encontrar, entre os serviços detransmissão sonora, os download de sons emúsicas para toques, conhecidos comoringtones; download de Podcasts e músicasem formato MP3, que podem ser acessadasdo próprio celular. Ex. Aparelho ROKR da Motorola.(http://direct.motorola.com/)
  17. 17. ModelosDesconsiderados
  18. 18. ClassificaçãoFenômenosFluxo deTransmissãoElementosRadiofônicosClassificaçãoBrodcast Cart** Ambos SimRadiofônico e NãoRadiofônicoOutdoor Interage** Intermitente Não Não RadiofônicoP2P** Intermitente Não Não Radiofônico** Estes fenômenos não caracterizam corruptelas, portanto não serão consideradoscomo modelos.
  19. 19. The Public Broadcast Cart A proposta desse modelo de transmissão sonora épermitir, através da conexão WiFi, adescentralização de uma emissão sonora realizadapor qualquer passante na praça, basta se aproximardo carrinho e “irradiar” sua mensagem.
  20. 20. The Outdoor Interage Um caso identificadona pesquisa foi umaexperiência realizadapor uma empresa deOutdoor em julho de2006 na cidade de SãoPaulo, em que erapossível receber sons,vídeos e imagens viabluetooth em celulares,palms, notebooks, etc.
  21. 21. P2P Este modelo de transmissãosonora via internet causoubastante polêmica quandofoi criado por dois jovensestudantes que gostavamde trocar músicas pelainternet. Os dois amigoscriaram o sofwtare Napster,que permitia ocompartilhamento demúsicas de ponto a pontoou de pessoa a pessoa(peer to peer).
  22. 22. FIMObrigado !

×