Egito Antigo

11,415
-1

Published on

Egito Antigo

  1. 1. Egito Antigo (3200a.C .)
  2. 2. A civilização egípcia <ul><li>Localizados no extremo nordeste da África, a civilização egípcia floresceu às margens do Rio Nilo; </li></ul><ul><li>Eles se beneficiaram das cheias do Nilo; </li></ul><ul><li>As abundantes chuvas que ocorriam de junho a setembro caiam na nascente do rio, fazendo com que transborde suas águas e o conseqüente depósito de HUMUS fertilizantes em suas estreitas margens; </li></ul><ul><li>Ao final do período de cheias o rio volta ao seu leito normal e as margens, fertilizadas, tornam possível uma rica agricultura; </li></ul>
  3. 3. Períodos da história do Egito <ul><li>PRÉ-DINÁSTICO (4000a.C.-3200a.C.); </li></ul><ul><li>ANTIGO IMPÉRIO (3200a.C. – 2300a.C.); </li></ul><ul><li>MÉDIO IMPÉRIO (2000a.C. – 1580a.C); </li></ul><ul><li>NOVO IMPÉRIO (1580a.C – 525a.C); </li></ul>
  4. 4. Período Pré-Dinástico (4000a.C.-3200a.C.) <ul><li>Diante do aumento populacional que acontece no período neolítico, foram feitas obras hidráulicas, construção de diques e canais; </li></ul><ul><li>Inicialmente as coletividades locais e regionais eram conhecidas como NOMOS, lideradas pelos NOMARCAS; </li></ul>
  5. 5. Período Pré-Dinástico (4000a.C.-3200a.C.) <ul><li>Dos nomos originou-se a formação de dois reinos: </li></ul><ul><li>ALTO EGITO – terra do sul; </li></ul><ul><li>BAIXO EGITO – terra do norte; </li></ul><ul><li>Em 3200a.C., Menés, governante do Alto Egito, impôs a unificação dos dois reinos, subordinando 42 nomos e tornando-se aquele que teria a autoridade de um único soberano, o FARAÓ, termo que significa “Casa Grande”; </li></ul>
  6. 6. Antigo Império (3200a.C. – 2300a.C.) <ul><li>Com a unificação dos dois reinos feito por Menés a capital ficou sendo em MÊNFIS; </li></ul><ul><li>As principais características deste período foram: </li></ul><ul><li>Grandes obras de irrigação; </li></ul><ul><li>Desenvolvimento da agricultura; </li></ul><ul><li>Construção de grandes pirâmides, QUÉOPS, QUEFRÉN e MIQUERINOS; </li></ul><ul><li>O Estado egípcio era pacifista, pois era isolado dos outros povos; </li></ul><ul><li>Haviam vários conflitos com os lideres dos antigos nomos e a fraqueza imperial trouxe invasões no Norte do Egito na região do Delta; </li></ul>
  7. 7. Médio Império (2000a.C. – 1580a.C) <ul><li>Em meio a conflitos os egípcios conseguiram estabelecer a unidade do Egito; </li></ul><ul><li>A capital do Império seria agora Tebas ; </li></ul><ul><li>Foi um período próspero , marcado pela expansão territorial; </li></ul><ul><li>Houve as primeiras relações comerciais dos egípcios com outros povos; </li></ul><ul><li>Em 1630a.C., a trajetória do Médio Império sofreu uma interrupção; </li></ul><ul><li>O Egito foi conquistado pelos HICSOS, povo da Ásia, que utilizava armas de ferro e carros de guerra com cavalos, desconhecidos para os egípcios; </li></ul><ul><li>Estes conquistadores permaneceram mais de um século no território egípcio, dando encerramento ao Médio Império; </li></ul>
  8. 8. Novo Império (1580a.C – 525a.C) <ul><li>Sob a liderança do faraó Amósi I, os egípcios se uniram e expulsaram os hicsos; </li></ul><ul><li>Outros povos como os Hebreus que se estabeleceram no Egito, acabaram se tornando escravos; </li></ul><ul><li>Começa o processo de expansionismo do Egípcios, dominando a Palestina, a Etiópia, a Síria e a Fenícia; </li></ul>
  9. 9. Declínio do Império <ul><li>Em 1075a.C., começou um longo período de decadência do Egito , pois outros povos começaram a invadir o Império; </li></ul><ul><li>No séc. VII a.C., o país foi ocupado pelos ASSÍRIOS; </li></ul><ul><li>Em 525a.C., caiu em poder dos PERSAS; </li></ul><ul><li>Em 332a.C., foi dominado por ALEXANDRE da Macedônia; </li></ul><ul><li>Em 30a.C., o Egito foi anexado pelos ROMANOS; </li></ul>
  10. 10. Civilização Egípcia <ul><li>Destacou-se muito nas áreas de ciências . </li></ul><ul><li>Desenvolveram conhecimentos importantes na área da matemática , usados na construção de pirâmides e templos. </li></ul><ul><li>Na medicina , os procedimentos de mumificação, proporcionaram importantes conhecimentos sobre o funcionamento do corpo humano. </li></ul>
  11. 11. Economia Egípcia <ul><li>era baseada principalmente na agricultura que era realizada, principalmente, nas margens férteis do rio Nilo. </li></ul><ul><li>Os egípcios também praticavam o comércio de mercadorias e o artesanato </li></ul><ul><li>Os trabalhadores rurais eram constantemente convocados pelo faraó para prestarem algum tipo de trabalho em obras públicas (canais de irrigação, pirâmides, templos, diques). </li></ul>
  12. 12. Escrita Egípcia <ul><li>Foi algo importante para este povo, pois permitiu a divulgação de idéias, comunicação e controle de impostos. </li></ul><ul><li>Existiam duas formas de escrita: a demótica (mais simplificada) e a hieroglífica (mais complexa e formada por desenhos e símbolos). </li></ul><ul><li>Uma espécie de papel chamada papiro que era produzida a partir de uma planta de mesmo nome também era utilizado para escrever. </li></ul>
  13. 13. Religião Egípcia <ul><li>Era repleta de mitos e crenças interessantes. </li></ul><ul><li>Acreditavam na existência de vários deuses (muitos deles com corpo formado por parte de ser humano e parte de animal sagrado) que interferiam na vida das pessoas. </li></ul><ul><li>Cada cidade possuía deus protetor e templos religiosos em sua homenagem. </li></ul><ul><li>Como acreditavam na vida após a morte, mumificavam os cadáveres dos faraós colocando-os em pirâmides, com o objetivo de preservar o corpo para a vida seguinte. </li></ul>
  14. 14. Religião Egípcia <ul><li>O coração era pesado pelo deus da morte, que mandava para uma vida na escuridão aqueles cujo órgão estava pesado (que tiveram uma vida de atitudes ruins) e para uma outra vida boa aqueles de coração leve. </li></ul><ul><li>Muitos animais também eram considerados sagrados pelos egípcios, de acordo com as características que apresentavam : </li></ul><ul><li>chacal (esperteza noturna) </li></ul><ul><li>gato (agilidade) </li></ul><ul><li>carneiro (reprodução) </li></ul><ul><li>jacaré (agilidade nos rios e pântanos) </li></ul><ul><li>serpente (poder de ataque) </li></ul><ul><li>águia (capacidade de voar) </li></ul><ul><li>escaravelho (ligado a ressurreição). </li></ul>
  15. 15. FIM Lutero Ramos

×