Exp12 cdr ppt_concecao_messianica
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Exp12 cdr ppt_concecao_messianica

on

  • 245 views

 

Statistics

Views

Total Views
245
Views on SlideShare
125
Embed Views
120

Actions

Likes
0
Downloads
5
Comments
0

3 Embeds 120

http://gavetadenuvens.blogspot.pt 114
http://gavetadenuvens.blogspot.com.br 3
http://gavetadenuvens.blogspot.com 3

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Exp12 cdr ppt_concecao_messianica Exp12 cdr ppt_concecao_messianica Presentation Transcript

  • Expressões, 12.º ano A conceção messiânica da História em Mensagem (ex. 1. e 1.1., pág. 216) Deus quer, o homem sonha, a obra nasceDeus quer, o homem sonha, a obra nasce O agente primeiro, que deseja O recetor da inspiração/vontade divina, que a executa A concretização da vontade divina e o resultado da ação humana + Relação de causa/efeito entre os três sujeitos e respetivas açõesRelação de causa/efeito entre os três sujeitos e respetivas ações Teofania: revelação de uma intenção divina A História como conjugação dos planos espiritual e humanoA História como conjugação dos planos espiritual e humano
  • Expressões, 12.º ano Deus quer, o homem sonha, a obra nasceDeus quer, o homem sonha, a obra nasce “Deus quis que a terra fosse toda uma, / Que o mar unisse, já não separasse” “Sagrou-te” “Foste desvendando a espuma” O desejo divino de unir por via marítima a Terra levou à escolha e sagração do Infante D. Henrique que, com a sua ação, cumpriu a obra espiritualmente concebida. O Infante é representante de Deus, concretizador da sua obra. O desejo divino de unir por via marítima a Terra levou à escolha e sagração do Infante D. Henrique que, com a sua ação, cumpriu a obra espiritualmente concebida. O Infante é representante de Deus, concretizador da sua obra. O InfanteO Infante + A conceção messiânica da História em Mensagem (ex. 1. e 1.1., pág. 216)