Your SlideShare is downloading. ×
0
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Replanejamento 2012 em power point
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Replanejamento 2012 em power point

3,600

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
3,600
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
31
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. E.E.PROF. ROSENTINA FARIA SYLLOS REPLANEJAMENTO 2012
  • 2. “ CADA TEXTO ESCOLHIDO,CADA LEITURA FEITA,CADA SESSÃO DE COMENTÁRIOS, CADA REALIDADE CRIADA, CONVERGEMPARA A FORMAÇÃO DE LEITORES” ( Virginia Gastaldi)
  • 3. OBJETIVOS VIVENCIAR UMA SITUAÇÃO DE LEITURA DENTRO DAS DIFERENTES ATIVIDADES DE PRÁTICA DE LEITURA.REFLETIR SOBRE SITUAÇÕES DE LEITURA COM O PRÓPOSITO DE MELHORAR A FLUENCIA LEITORA DOS ALUNOS . DISCUTIR/REFLETIR SOBRE O CONCEITO DE FLUENCIA LEITORA . COMPARTILHAR A NECESSIDADE DE TRABALHAR COM O CONTEÚDO DE FLUENCIA LEITORA COM A EQUIPE DE PROFESSORES.REFLETIR COM O GRUPO DE PROFESSORES OS AJUSTES NECESSÁRIOS PARA O PLANEJAMENTO DAS DIFERENTES ATIVIDADES DE LEITURA .
  • 4. CONTEÚDOS FLUÊNCIA LEITORADIFERENÇAS ENTRE AS MODALIDADES DE LEITURACONTEÚDOS ENVOLVIDOS NA PRÁTICA DE LEITURA
  • 5. DESENVOLVIMENTO
  • 6. 1ª ATIVIDADE : LEITURA DO TEXTO JORNALÍSTICO SUBSÍDIOS AS HTPCS NOVATOS EM CENA
  • 7. O que vem primeiro, a leitura ou a escrita? (vídeo)
  • 8. http://www.youtube.com/watch?v=DWBXICUvFfo A construção de capacidades leitoras: ler para saber maishttp://www.youtube.com/watch?v=fdI9BnB_PeY&feature=relmfuhttp://www.youtube.com/watch?v=aLA7tmUIB9s&feature=relmfu
  • 9. Pergunta:Ler e escrever são a mesma coisa?
  • 10. Não: São processos diferentes e comotal exigem estratégias diferentes... Um se dá de dentro para fora e outro de fora para dentro .
  • 11. Ler, se aprende lendo...
  • 12. AFINAL,O QUE É LER?
  • 13. Leia o texto abaixo : 35T3 P3QU3N0 T3XTO 53RV3 4P3N45 P4R4 M05TR4R COMO NO554 C4B3Ç4 CONS3GU3 F4Z3R CO1545 1MPR3551ON4ANT35! R3P4R3 N155O! NO COM3ÇO 35T4V4 M310 COMPL1C4DO, M45 N3ST4 L1NH4 SU4 M3NT3 V41 D3C1FR4NDO O CÓD1GO QU4534UTOM4T1C4M3NT3, S3M PR3C1S4R P3N54R MU1TO, C3RTO? POD3 F1C4R B3M ORGULHO5O D155O! SU4 C4P4C1D4D3 M3R3C3! P4R4BÉN5
  • 14. Chocolate em pó farinha de trigo ovos leite
  • 15. Se estiver na porta da geladeirapode ser uma lista de compras...
  • 16. Nos Panfletos...
  • 17. Nas receitas... Ingredientes Massa 1 xícara(s) (chá) de leite morno(a) 3 unidade(s) de ovo 4 colher(es) (sopa) de margarina derretida(s) 2 xícara(s) (chá) de açúcar 1 xícara(s) (chá) de chocolate em pó 2 xícara(s) (chá) de farinha de trigo1 colher(es) (sopa) de fermento químico em pó Cobertura 1 xícara(s) (chá) de açúcar 3 colher(es) (sopa) de amido de milho 5 colher(es) (sopa) de chocolate em pó 1 xícara(s) (chá) de água quanto baste de sal 3 colher(es) (sopa) de margarina 1 colher(es) (chá) de essência de baunilha
  • 18. Importância dos gêneros textuais Ler tem que fazer sentido Servir de comunicação social.
  • 19. 2ª ATIVIDADE :RODA DE LEITORES COM OACERVO DO LER/ESCREVER
  • 20. Os livros e a Leitura A escola deve favorecer a relação com os livros e com a leitura, pois é o espaço que deve garantir oacesso à cultura letrada. Não se pode deixar de lado a importância de “ler para alguém” ou “contar histórias”. Socializar as leituras realizadas com os colegas, em rodas de leitura, para expressar-se oralmente e compartilhar com os outros o que se leu, o que se sentiu, o que se descobriu, as opiniões.
  • 21. Aprendizagem Significativa
  • 22. 3ª ATIVIDADE: EM GRUPOS LER O TEXTO:PORQUE O AVIÃO CONSEGUE VOAR?
  • 23. Relato de observação do trabalho da Professora Dercy Alves da EE João Ramalho – 5° Ano A professora Dercy acredita que a leitura é uma importante atividade para os alunos se apropriarem gradativamente dos comportamentos, procedimentos ecapacidades envolvidos no ato ler, portanto em sua rotina é prioridade, desde oinício da aula. Neste momento costuma ler textos de vários gêneros, além é claro nas atividades em que os alunos são convidados a ler e expor suas ideias. Existe na rotina da professora momentos em que ela convida seus alunos a explorarem o texto com texto com a finalidade de “Ler para Estudar”. Nesta semana, escolheu para trabalhar com os alunos um texto intitulado “Por que o avião consegue voar?” da revista Ciência Hoje para Crianças. Segue abaixo o trabalho e os procedimentos utilizados pela professora. Descrição de atividade de ler para estudar: Texto utilizado pela professora:
  • 24. Por que o avião consegue voar? O que sustenta os aeroplanos no céu não é nenhuma força mágica, mas, sim, o próprio ar! Por: A Redação, com base em entrevista concedida por Maurício Pazini Brandão, professor do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) Como o avião, mesmo pesando, às vezes, milhares de quilos e carregado de pessoas, cargas e todo tipo de coisa, consegue voar com tanta facilidade? Essa dúvida já deve ter deixado você intrigado algumas vezes, não é? Pois saiba que a explicação é muito mais simples do que você imagina. O principal responsável pelo vôo do avião é o ar. Quando esse aparelho está voando, o ar que passa por suas asas gerauma força para cima, que se equilibra com a força que seu peso faz para baixo, e o sustenta. Mas não é só. O ar produz,ainda, uma força, o arrasto, que se opõe ao movimento para frente do avião. E, para manter uma velocidade constante, os motores fazem uma força no sentido contrário ao arrasto.O arrasto é uma força que todos nós conhecemos. Ou será que você, ao correr depressa, nunca teve a sensação de que o ar o empurrava para trás? Essa resistência que o ar faz ao nosso movimento é justamente a força de arrasto. Mas como é produzida a outra força, a que joga o avião para cima, impedindo que ele caia? Dois fatores são responsáveis por isso e ambos estão relacionados ao movimento do ar na asa. Em primeiro lugar, o ar dá um impulso na asa, que é levemente inclinada para cima. Se você, em um dia com muito vento, esticar sua mão, meio inclinada, poderá verificar isso ao vivo: uma força a empurrará um pouco para trás, mas também um pouco para cima. Quem a joga para trás é o arrasto, mas quem a empurra para cima é a força que proporciona sustentação ao avião. O outro fator que ajuda a manter o avião no ar é a pressão. Quando o avião está em movimento, o ar passa tanto pela parte superior das suas asas – que é arredondada e, portanto, mais comprida – quanto pela parte de baixo, que é praticamente reta e mais curta. Na parte de cima da asa, o ar alcança uma velocidade maior do que na parte de baixo.Talvez você não saiba, mas, quanto maior a velocidade do ar, menos pressão ele gera. Assim, na parte de cima da asa, o ar produz uma pressão menor do que na parte de baixo. Resultado? É gerada uma força de baixo para cima, que empurra o avião para o alto: a força de sustentação!Os dois fatores que dão sustentação ao avião, porém, apenas surgem quando ele atinge uma certa velocidade. Por isso, as pistas de decolagem são longas e retas: para a aeronave se tornar cada vez mais veloz.Viu só como o principal responsável por sustentar os aviões lá no céu não é nenhuma força mágica, mas, sim, o próprio ar?
  • 25. A professora Dercy iniciou sua aula contextualizando acerca da atividade que iriam realizar utilizando os seguintes procedimentos: Antes: Escolheu uma matéria da revista Ciência Hoje das Crianças: “Por que o avião Consegue Voar?” Realizou a leitura com antecedência com o objetivo de antecipar as questões dos alunos; Elaborou o seguinte rol de questões: Vocês já andaram de avião? Por que ele consegue ficar no ar? Quem inventou o avião? Quem é o autor deste texto? O que vocês acharam do texto? Do que fala o texto? Por que a asa do avião é longa? Onde o texto foi publicado? Grife as palavras desconhecidas e procure n dicionários seu significado. Durante a atividade: Contextualizou o que iria ler; No primeiro momento a professora realizou a leitura com o objetivo de levar os alunos a terem um contato inicial com o texto.Ao longo da leitura realizava paradas para explicar os assuntos lidos a cada momento em que ela percebia que os alunos estavam com dúvidas; No segundo momento ela propôs a leitura e explorou as perguntas do roteiro que ela elaborou anteriormente. A professora ficou satisfeita com desempenho dos alunos e pediu que respondessem algumas questões( mas ,não as do rol de questões) sobre o tema com o objetivo de saber o que elas aprenderam em relação ao tema.
  • 26. Pensar ,refletir e responder nos grupos as seguintes questões: 1.QUAL O OBJETIVO INICIAL DA PROFESSORA AO TRABALHAR COM O TEXTO: PORQUE O AVIAO CONSEGUE VOAR?2.O QUE A PROFESSORA GARANTIU ANTES , DURANTE E DEPOIS DO PLANEJAMENTODA AULA PARA QUE A ATIVIDADE FOSSE UMA BOA SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM?3.QUAIS PROCEDIMENTOS, COMPORTAMENTOS E CAPACIDADES DE LEITURA ESTÃO ENVOLVIDOS NA SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM ANALISADA ?
  • 27. ANTES: CONTEXTUALIZOU ,FEZ UM PLANEJAMENTO,PESQUISOU, SELECIONOU,ESTUDOU E FEZ ALEITURA DO TEXTO,ELABOROU E ANRECIPOU UM ROTEIRO DE PERGUNTAS (?) DURANTE: LEITURA COMPARTILHADA ,PARANDO E EXPLICANDO, GRIFANDO PALAVRAS, TENHO O ROL DE PERGUNTAS A SEREM FEITAS, TEM CLARO O OBJETIVO DA LEITURA> LER PARA ESTUDAR, PARADAS ...CONTEXTUALIZOU O PORQUE DA LEITURA?DEPOIS: COMPREENSÃO, COMPARAÇÃO COM OUTRAS LEITURAS
  • 28. PROCEDIMENTOS: LER DE MANEIRA SEQUENCIADA E NÃO SALTIADA GRIFAR AS PALAVRAS DESCONHECIDAS PARA ENTENDER PLANEJA O CONTEUDO LEITURA COM FINALIDADE ELABORAÇÃO DE QUESTÕES PARA ESTUDO DO TEXTO COMPORTAMENTO LEITOR: SABER OUVIR LER PARA ESTUDAR SELECIONAR UM BOM TEXTO CRITÉRIO DE ESCOLHA CAPACIDADES: DECODIFICAÇÃO(GRIFAR, LOCALIZAR PALAVRAS DESCONHECIDAS COMPREENSAO ( TODAS AS ESTRATÉGIAS) ATIVAÇÃO DO CONHECIMENTO DE MUNDO ANTECIPAÇÃO, LOCALIZAR,COMPARAR
  • 29. Ambiente alfabetizador
  • 30. 3.2 SOCIALIZAÇÃO
  • 31. 4ª ATIVIDADE: LEITURACOLABORATIVA/COMPARTILHADA DO TEXTO: QUE FAZER QUANDO AS CRIANÇAS JÁ LEEM, MAS SUAS LEITURAS SÃO POUCO FLUÍDAS?
  • 32. Planejamento
  • 33. 5ª ATIVIDADE:NOS GRUPOS FORMADOS, CADA GRUPO FICARÁ RESPONSÁVELPELO PLANEJAMENTO DE UMA MODALIDADE DE LEITURA .
  • 34. PLANEJAMENTOATIVIDADE: RODAS DE LEITORESORIENTAÇÕES: Nas quais os alunos possam compartilhar opiniões sobre os livros e textos lidos(favoráveis ou desfavoráveis) e indicá-los (ou não) aos colegas.PASSOS :1) Colocar livros do acervo da sala para os alunos escolherem ;2)Determinar um tempo para lerem individualmente ( pode ser em sala / ou levarem para casa( ler) e trazer no dia seguinte para socialização .3) Na roda de leitores o professor faz as mediações , perguntando quem gostaria de socializar aleitura que realizou, chamando atenção para falar o nome do livro, autor , porque gostou ou nãoda leitura e fazer a indicação literária.4)Finalizar a roda de leitores, dizendo que na próxima semana farão novamente
  • 35. Aprendizagem
  • 36. ATIVIDADES LEITURA DIÁRIALeitura para os alunos, de contos, lendas, mitos e livros de história em capítulos de forma a repertoriá-los ao mesmo tempo em que se familiarizam com a linguagem que se usa para escrever, condição para que possam produzir seus próprios textos. RODAS DE LEITORESNas quais os alunos possam compartilhar opiniões sobre os livros e textos lidos (favoráveis ou desfavoráveis) e indicá-los (ou não) aos colegas
  • 37. LEITURA PELOS ALUNOS Leitura de diferentes gêneros textuais (em todas as séries doCiclo) para dotá-los de um conhecimento procedimental sobre a forma e o modo de funcionamento de parte da variedade de gêneros que existem fora da escola. Isto é, conhecerem sua forma e saberem quando e como usá-losMOMENTO EM QUE OS ALUNOS TENHAM QUE LER HISTÓRIAS Leitura de Histórias para os colegas ou para outras classes – para que melhorem seu desempenho neste tipo de leitura, possam compreender a importância e a necessidade de se preparar previamente para ler em voz alta .
  • 38. ATIVIDADES DE PESQUISAPesquisa em que os alunos consultem fontes em diferentes suportes (jornal,revista, enciclopédia, etc.) para aprender a buscar informaçõesATIVIDADES DE LE ITURA COM DIFERENTES PROPÓSITOSLeitura com diferentes propósitos: para se divertir, se informar sobre um assunto,localizar uma informação específica, para realizar algo, propiciando que os alunosaprendam os procedimentos adequados aos propósitos e gênerosATIVIDADES EM QUE OS ALUNOS,APÓS A LEITURA DE UM TEXTO,COMUNIQUEM AOS COLEGAS O QUE COMPREENDERAMCompartilhem pontos de vista sobre o texto que leram, sobre o assunto e façamrelação com outros textos lidos
  • 39. 6ª ATIVIDADE: RETOMAR O PLANO DE AÇÃO EVERIFICAR AS AÇÕES E ACRESCENTARAS REFERENTES AO TRABALHO COM LEITURA.

×