Bricadeiras
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Bricadeiras

on

  • 5,527 views

para evento com crianças

para evento com crianças

Statistics

Views

Total Views
5,527
Views on SlideShare
4,855
Embed Views
672

Actions

Likes
1
Downloads
66
Comments
0

7 Embeds 672

http://universoinfantiltialuciajp.blogspot.com.br 580
http://universoinfantiltialuciajp.blogspot.com 57
http://www.slideshare.net 25
url_unknown 7
http://universoinfantiltialuciajp.blogspot.pt 1
http://universoinfantiltialuciajp.blogspot.jp 1
http://www.universoinfantiltialuciajp.blogspot.com.br 1
More...

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft Word

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Bricadeiras Bricadeiras Document Transcript

  • Bricadeiras/dinâmicas<br />Pode criar e adaptar de forma que faça uma revisão referente as cores do plano da salvação <br />1 - Corrida do milho: Traçam-se duas linhas paralelas e distantes. Atrás de uma das <br />linhas, coloca-se uma bacia com grãos de milho. Atrás da outra linha, os participantes são reunidos aos pares - um deles segura uma colher e o outro um copo descartável. <br />Dado o sinal, os participantes com a colher correm até a bacia. Enchem a colher com milho e voltam para a linha de largada. Lá chegando, colocam o milho no copo que seu companheiro segura. Vence a dupla que primeiro encher o copinho com milho. <br />2-DENTRO E FORA DO CORAÇÃO<br />Primeiro Momento :Colocar o cartaz com o desenho do coração no centro da sala. Cada pessoa escreve, fora do coração, uma palavra que expresse o que vê e ouve das pessoas da comunidade a respeito do mundo das drogas e das vítimas da dependência. <br />Segundo Momento :Escreve dentro do coração uma palavra que expresse o que está sendo feito para mudar a problemática das drogas em nossa comunidade e na sociedade de modo geral. <br />Terceiro Momento:Pedir aos jovens que comparem o que está escrito dentro e fora do coração. <br />Quarto Momento:Nossa comunidade tem agido com misericórdia para com as vítimas das drogas?<br />OBS: Esta dinâmica pode ser realizada com outros temas, por exemplo, uma realidade da comunidade, liderança, pobreza, uma avaliação de um grupo e outros motivos presentes no momento. Pode tanto ser realizada com jovens como com adultos.<br />3-TUBARÃO<br /> Material :Um local espaçoso.<br />Como Fazer:1. O animador explica a dinâmica: "Imaginem que agora estamos dentro de um navio, e neste navio existem apenas botes salva-vidas para um determinado número de pessoas. Quando for dita a frase 'Tá afundando', os participantes devem fazer grupos referentes ao número que comporta cada bote, e quem ficar fora do grupo será 'devorado' pelo tubarão" (deve ser escolher uma pessoa com antecedência). 2. O número de pessoas no bote deve ser diminuído ou aumentado, dependendo do número de pessoas.<br />Conclusão:a) Quem são os tubarões nos dias de hoje? b) Quem é o barco?c) Quem são os botes? d) Alguém teve a coragem de dar a vida pelo irmão? <br />4-A VELA E O COPO <br />Objetivo:Mostrar que nada sobrevive, quando uma pessoa se sente prisioneira de alguém ou de si mesma. <br />Material:Uma vela, fósforos e um copo de vidro transparente. <br />Como Fazer:<br />1. Colocar uma vela sobre a mesa e acende-la cuidadosamente. Deixar que se queime por alguns segundos. 2. Em seguida, pegar um como transparente e, cuidadosamente e lentamente, colocar sobre a vela. Aos poucos, ela se apagará. 3. Deixá-la assim e pedir que as pessoas falem o que sentiram ou observaram, quando viram a experiência. <br />5-DINÂMICA DO COMPANHEIRISMO<br />Material: folhas de jornal e música .<br />*Colocar algumas folhas de jornal no chão para integrantes da brincadeira. A música alta, depois baixa o volume e organizador da brincadeira diz – “O navio afundou cuidado com os tubarões”. Os integrantes procuram abrigo nas ilhas (os jornais). Cada vez se tira jornais do chão e assim se repete, até ficar a última folha e todos ter que ficar naquele único jornal. <br />- SIGNIFICADO: Que nessa hora não devemos ter egoísmo, e sim vontade de ajudar o próximo. <br />6-ACENDER E APAGAR<br />Material:Uma caixa de fósforos e dez velas para cada equipe, latas de conserva cheias de areia para se colocar as velas, um apito ou sino para o animador.<br />Como Fazer:1 - O animador divide o grupo em duas equipes, que se organizam em filas paralelas, atrás da linha de partida.2 - Em frente a cada equipe, colocam-se as velas, cobrindo o percurso que vai desde a linha de partida até a meta (15 metros).3 - O primeiro integrante de cada fila recebe uma caixa de fósforos.4 - A um sinal do animador, correm a acender as velas. Acendida a última, cada qual volta para sua fila e toca no ombro do segundo participante. Este corre a apagar as velas. Ao terminar, volta para sua fila e toca no ombro do terceiro. Este corre e faz o mesmo que o primeiro participante.5 - O exercício continua assim até que a fila inteira participe. Ganha a equipe que terminar primeiro.<br />7-DESENHO DOS PÉS<br />Objetivos:Socializar, integrar, perceber a necessidade de assumir compromissos, crescer, valorizar-se. <br />Material:Uma grande folha de papel e lápis colorido para cada participante.<br />Como Fazer:1. O animador motiva os participantes a desenharem num grande papel o próprio pé. 2. Em seguida, encaminha a discussão, de forma que todos os participantes tenham oportunidade de dizer o que pensam. a) Todos os pés são iguais? b) Estes pés caminham muito ou pouco? c) Por que precisam caminhar? d) Caminham sempre com um determinado objetivo? e) Quanto já caminhamos, lembrar de pessoas que lutaram por objetivos concretos e conseguiram alcançá-los. 3. Terminada a discussão, o animador convida a todos que escrevam no pé que desenharam algum compromisso concreto que irão assumir.<br />8- SENTINDO O ESPÍRITO ( para o lanche missionário)<br />Objetivo:Mostra que não adianta falarmos do Espírito Santo se não provarmos e sentirmos ele em nossas vidas.<br />Material:Uvas.<br />Como Fazer:1. O coordenador deve falar um pouco do Espírito Santo para o grupo. 2. Depois o coordenador da dinâmica deve mostrar o cacho de uva e perguntar a cada um como ele acha que está o sabor destas uvas. 3. Obviamente alguns irão descordar a respeito do sabor destas uvas, como: acho que está doce, que está azeda, que está suculenta etc.4. Após todos terem respondido o coordenador entrega uma uva para cada um comer. 5. Então o coordenador deve repetir a pergunta (como esta o sabor desta uva?). <br />Conclusão:Só saberemos o sabor do Espírito Santo se provarmos e deixarmos agir em nós.<br />9-DOIS CÍRCULOS<br />Objetivo:Motivar um conhecimento inicial, para que as pessoas aprendam aos menos o nome das outras antes de se iniciar uma atividade em comum.<br />Participantes:Indefinido, mas é importante que seja um número par de pessoas. Se não for o caso, o coordenador da dinâmica pode requisitar um "auxiliar".<br />Material:Uma música animada, tocada ao violão ou com gravador.<br />Como Fazer:1. Formam-se dois círculos, um dentro do outro, ambos com o mesmo número de pessoas. 2. Quando começar a tocar a música, cada círculo gira para um lado. 3. Quando a música pára de tocar, as pessoas devem se apresentar para quem parar à sua frente, dizendo o nome e alguma outra informação que o coordenador da dinâmica achar interessante para o momento. Repete-se até que todos tenham se apresentado.Muda-se as pessoas do círculo,para que todos se conheçam. <br />