Your SlideShare is downloading. ×
Curso de branding moodle versao final
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Curso de branding moodle versao final

568
views

Published on


0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
568
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
47
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Branding Construção de Marca Conheça o poder do Branding e seu conjunto de atividades que visa otimizar a gestão das marcas de uma organização como diferencial competitivo.
  • 2. Aula 02 Posicionamento e Significado de Marca Aula 01 Conceitos de Branding e Desafios do Branding Aula 03 Design e Elementos de Marca Nesse Curso você aprenderá: Nessa aula você aprenderá:
  • 3. Para maximização do seu aprendizado sugerimos: Assistir o nosso video de boas vindas Realizar as atividades propostas Ler a apostila com bastante atenção
  • 4. Muito Prazer! Email: luchiodi@hotmail.com Facebook: https://www.facebook.com/luciane.chiodi Twitter: @LucianeChiodi Youtube: http://www.youtube.com/user/luluchiodi2?feature=watch
  • 5. Vamos agora conhecer o conceito de Branding
  • 6. Conceito de Branding De acordo com Kotler, Philip: Branding é muito mais do que dar nome a uma oferta. Branding é fazer certa promessa aos clientes sobre como viver uma experiência e um nível de desempenho completos. Ou seja, é o processo de construção de marcas. E consiste em criar ou identificar uma vantagem competitiva sustentável e explorá-la. Também podemos afirmar que brandig é a forma como uma empresa cria, transmite e oferece ao mercado essa diferenciação Lembre-se: A palavra branding deriva do verbo, “brand” e significa “marcar”. Branding está assim mesmo no gerúndio, pois significa que é um processo constante de cuidado com a marca, e como conseqüência requer investimento.
  • 7. Outro aspecto importante… É uma nova postura empresarial com foco na marca. O Branding é capaz de fazer com que um consumidor prefira um produto “B” a um produto “A”, simplesmente porque ele se chama “B” A marca que faz com que uma boneca Barbie seja vendida a cada 2 segundos no mundo, e que 40 milhões de pessoas comam em um MCDonald’s por dia e que 80% dos refrigerantes vendidos no mundo tenham apenas 04 rótulos diferentes. Curiosidade: As 50 marcas mais valiosas do mundo em 2013 - Confira as melhores colocadas no quesito valor de marca na edição 2013 do ranking Best Global Brands, da Intebrand. Disponível em: http://exame.abril.com.br/marketing/noticias/as-50marcas-mais-valiosas-do-mundo-em-2013#1 Valor de Marca Apple 2013 (US$ bilhões): 98,316
  • 8. Origens históricas do Branding O branding existe, de uma forma ou de outra, há séculos. A motivação original do ato de “marcar” era possibilitar que artesãos e outros identificassem os frutos de seu trabalho de modo que os clientes pudessem reconhecêlos facilmente. A utilização de marcas, ou pelo menos de marcas comerciais, remonta à cerâmica antiga e às marcas dos pedreiros aplicadas a bens fabricados à mão para identificar sua fonte. Utensílios de cerâmica e lâmpadas de argila às vezes eram vendidos longe das oficinas onde eram fabricados, e os compradores procuravam os selos de oleiros confiáveis como guia de qualidade. Foram encontradas marcas em porcelana chinesa antiga, em jarros de cerâmica da Grécia e Roma antigas e em mercadorias provenientes da Índia datadas de cerca de 1300 a.C. .
  • 9. Utensílios de cerâmica e lâmpadas de argila às vezes eram vendidos longe das oficinas onde eram fabricados, e os compradores procuravam os selos de oleiros confiáveis como guia de qualidade. Foram encontradas marcas em porcelana chinesa antiga, em jarros de cerâmica da Grécia e Roma antigas e em mercadorias provenientes da Índia datadas de cerca de 1300 a.C. .
  • 10. Mas o que é marca?
  • 11. Segundo a definição da American Marketing Association (AMA), “marca é um nome, termo, símbolo, desenho ou uma combinação desses elementos que deve identificar os bens ou serviços de um fornecedor ou um grupo de fornecedores e diferenciá-los dos da concorrência. Lembre-se: Então, sempre que um profissional de marketing cria um novo nome, logotipo ou símbolo para um novo produto, ele cria uma marca. Existem controvérsias sobre o conceito de marca. Alguns administradores referem-se a uma marca como mais do que isso, definindo-a como algo que criou um certo nível de conhecimento, reputação e proeminência no mercado
  • 12. Diferença entre Marca e Produto
  • 13. Diferença entre Marca e Produto De acordo com Kotler: “Produto é qualquer coisa que possa ser oferecida a um mercado para apreciação, aquisição, utilização ou consumo e que possa satisfazer uma necessidade ou um desejo. Assim, o produto pode ser um bem físico, um serviço, uma pessoa, uma organização, um lugar ou uma idéia. Uma Marca é um produto, mas um produto que acrescenta outras dimensões que o diferenciam de algum modo de outros produtos desenvolvidos para satisfazer a mesma necessidade.Essas diferenças podem ser racionais e tangíveis- relacionadas com o desempenho de produto da marca – ou mais simbólicas, emocionais e intangíveis – relacionadas com aquilo que a marca representa. Lembre-se: Então, o produto pode ser um bem físico, um serviço, uma pessoa, uma organização, um lugar ou uma idéia.
  • 14. Lembre-se: Então, o produto pode ser um bem físico, um serviço, uma pessoa, uma organização, um lugar ou uma idéia.
  • 15. O que é possível o Branding fazer por sua empresa? Garantir uma maior visibilidade para a empresa, Gerar maior lucratividade Ajudar a inibir a concorrência Ajudar o consumidor a conhecer o seu produto ou serviço O branding é responsável por fazer com que um consumidor escolha o seu produto e não o de seu concorrente! Socializar as produções O Branding é o responsável em fazer com que a cada segundo, duas bonecas Barbie seja vendida no mundo! .
  • 16. Livros Online Existem excelentes livros online sobre Branding à disposição gratuitamente para downloads (inbranding, Marca Pessoal, Criando Marcas, Marcas em Redes Sociais, etc…) basta usar! No Blog do Curso de Extensão da EADFACHA você encontra um espaço bem interessante de leitura. Acesse: http://brandingonline.wordpress.com/category/livros.
  • 17. Amplie seus conhecimentos Navegue pelos endereços abaixo e pela nossa hemeroteca e reflita sobre o conceito de Branding e sua importância nas Organizações. http://brandingonline.wordpress.com/category/livros/ O que é Branding? http://portaldebranding.com/v1/?p=4965 Branding: Um novo conceito a ser incorporado. http://www.administradores.com.br/artigos/marketing/branding-um-novo-conceito-a-serincorporado/72787/ Marca e Branding: Entenda seus Conceitos http://www.administradores.com.br/artigos/marketing/marca-e-branding-entenda-os-seusconceitos-e-praticas/55462/ Para aprofundar a leitura acesse os endereços acima. Caso os links não funcionem copie o endereço desejado e cole-o na barra de endereço de seu navegador
  • 18. Vamos agora conhecer os desafios do Branding
  • 19. Desafios a serem superados Criar e construir marcas são os dois maiores desafios enfrentados pelos gerentes. Para cada marca de sucesso há centenas de marcas fracassadas. Até marcas conhecidas e respeitadas tem seus deslizes. O Pesquisador Tim Calkins da Kellogg School of Management, gerenciou uma pesquisa com mais de 200 gestores de marcas e listou 03 dos principais desafios. Desafio 01 – Caixa Desafio 02 – Consistência Desafio 03 – Saturação Conheça os principais desafios que os gestores de marca enfrentam nas Empresas e esteja preparado para superá-los
  • 20. Desafio de Caixa Lembre-se: Lidar com o desafio de caixa pode ser a barreira mais difícil de ultrapassar. Seja persistente! .
  • 21. Lembre-se: Lidar com o desafio de caixa pode ser a barreira mais difícil de ultrapassar. Seja persistente! .
  • 22. Desafio de Caixa O desafio de caixa ou de lidar com preocupações financeiras a curto prazo é o maior desafio enfrentado pelos líderes de marca. É movido por um enigma muito simples: os executivos precisam apresentar resultados financeiros a curto prazo, mas as marcas são ativos de longo prazo. Lidar com restrições financeiras de curto prazo é um dos desafios mais críticos do branding. Lembre-se: Lidar com o desafio de caixa pode ser a barreira mais difícil de ultrapassar. Seja persistente! .
  • 23. Dicas para enfrentar o desafio de Caixa Balancear: Os gerentes devem balancear a obtenção de resultados financeiros de curto prazo com a construção de marca a longo prazo. Entender: Entender que as Marcas são ativos de longo prazo. Se adequadamente gerenciada, uma marca pode permancer por décadas. Conscientizar: Fazer com que a cúpula da Organização entenda que o valor de uma marca está no futuro; o retorno financeiro do ano atual é parte muito pequena do total.  Saiba Escolher: Entre atingir metas financeiras de curto prazo ou investir em uma marca a longo prazo.  Saia do Circulo vicioso: Pare de optar por programas com resultados a curto prazo como promoção de vendas, redução de gastos. Se esse programa não for bem sucedido pode gerar outro problema, só que a longo prazo. Lembre-se: Lidar com o desafio de caixa pode ser a barreira mais difícil de ultrapassar. Seja persistente! .
  • 24. Desafios de consistência Uma marca representa o cartão de visita da empresa, a maneira como a recepcionista atende o telefone, como o assistente entrega seu cartão, o vendedor que reclama para os amigos que a empresa onde trabalha não cuida de seus funcionários...
  • 25. Desafios de consistência Consistência é a capacidade de levar uma organização inteira a abraçar a marca e a acompanhar seu desempenho no decorrer do tempo. Definir o posicionamento da marca e desenvolver um portfólio de produtos adequados a realidade da empresa são tarefas imprescindíveis e que geram resultados positivos. Marcas são criadas mediante uma ampla variedade de pontos de contato; cada vez que os clientes entram em contato com a marca eles formam associações. Isso siginifica que todas as pessoas de uma organização tem impacto fortíssimo sobre as marcas. Uma marca representa o cartão de visita da empresa, a maneira como a recepcionista atende o telefone, como o assistente entrega seu cartão, o vendedor que reclama para os amigos que a empresa onde trabalha não cuida de seus funcionários...
  • 26. Lidando com os desafios de consistência Gerar estratégias capazes de levar uma organização inteira a abraçar a marca e a acompanhar seu desempenho no decorrer do tempo.. Levar as Pessoas: Todas as pessoas de uma empresa têm impacto sobre a marca, da recepcionista ao gerente de propaganda e do representante de serviços ao cliente. Definir habilmente o posicionamento da marca e desenvolver o portfólio ideal de marcas.  Cuidar dos pontos de contato: Marcas são criadas mediante uma ampla variedade de pontos de contato. Cada vez que os clientes itneragem com uma marca, formam associações.  Promover experiência consistente: Marcas bem sucedidas oferecem a seus clientes uma experiência consistegnte em cada ponto de contato existente em toda a organização. Lembre-se: A marca é qualquer ponto de contato e qualquer idéia que um cliente forma sobre ela! .
  • 27. Desafio de Saturação Lembre-se: Lidar com o desafio de caixa pode ser a barreira mais difícil de ultrapassar. Seja persistente! .
  • 28. Desafio de Saturação Outro grande desafio que o gestor de marcas encontra é o de saturação. Devemos sempre estar preparados para enfrentar o desafio de fazer com que a nossa marca fique em destaque no meio de tantas que existem no mercado. Atualmente existe uma infinidade de mídias disponíveis para os consumidores. Atualmente os consumidores são bombardeados de informações de todos os lados, o que faz com que os mesmos acabem automaticamente “desprezando” ou mesmo “não notando” as informações com relação a sua marca. Por isso, romper esse ambiente extremamente saturado é bastante difícil. Fazer com que alguém preste atenção a sua marca e ainda por cima formar associações importantes! Lembre-se: Lidar com o desafio de caixa pode ser a barreira mais difícil de ultrapassar. Seja persistente! .
  • 29. Lidando com os desafios de saturação… Aprenda a balancear: Os gerentes devem balancear a obtenção de resultados financeiros de curto prazo com a construção de marca a longo prazo. Comece a entender: Entender que as Marcas são ativos de longo prazo. Se adequadamente gerenciada, uma marca pode permancer por décadas. Conscientize: Fazer com que a cúpula da Organização entenda que o valor de uma marca está no futuro; o retorno financeiro do ano atual é parte muito pequena do total.  Saiba Escolher: Entre atingir metas financeiras de curto prazo ou investir em uma marca a longo prazo.  Saia do Circulo vicioso: Pare de optar por programas com resultados a curto prazo como promoção de vendas, redução de gastos. Se esse programa não for bem sucessido pode gerar outro problema, só que a longo prazo. Conheça os principais desafios que os gestores de marca enfrentam nas Empresas e esteja preparado para superá-los
  • 30. Conhecendo os conceitos chaves do Branding Posicionamento
  • 31. Posicionamento da marca Um posicionamento de marca articula a meta que um consumidor atingirá ao usá-la e explica por que é superior a outros meios de realizar essa meta. Idealmente, está baseada na idéia das metas e percepções de um grupo-alvo de consumidores. Os gerentes desenvolvem declarações formais de posicionamento para assegurar uma visão compartilhada da marca no interior da organização e orientar o pensamento tático. Pode ser amplamente distribuída na empresa e, depois, compartilhada com seus parceiros (por exemplo, agência de propaganda e varejistas). Embora o posicionamento seja escrito na linguagem do consumidor, não se espera que este o leia. Ao contrário, o consumidor verá os resultados finais de uma declaração de posicionamento – o design de marca, o preço, as comunicações e os canais de distribuição. Importante: Posicionamento de Marca: Refere-se ao significado específico pretendido para uma marca na mente do consumidor. Ou seja, refere-se ao significado específico pretendido para uma marca nas mentes dos consumidores. .
  • 32. FUNDAMENTOS DO POSICIONAMENTO DE MARCA Definição dos pontos de diferença Breve descrição dos ConsumidoresAlvo Criação do Quadro de Referencia Razões para Acreditar CONHEÇA OS FORMATOS E A TERMINOLOGIA PARA APRESENTAR A POSIÇÃO DE SUA MARCA
  • 33. Fixando o conceito…  Descrição dos consumidores alvo: características de identificação, como fatores demográficos e psicográficos (atividades, interesses, opiniões)  Uma declaração da meta-alvo- Será utilizada para estimular o consumo da marca. Por exemplo: Situações em que a marca pode ser utilizada.  Ponto de Diferença - Uma definição que explique por que a sua marca é superior as outras  Razões para acreditar – Apoiar as evidencias dos apelos promocionais relacionados aos pontos de diferença. Lembre-se: A declaração formal de posicionamento deve ser elaborada para assegurar uma visão compartilhada da marca dentro da organização e orientar o pensamento tático. Uma declaração de posicionamento de marca pode ser amplamente distribuída da empresa, e também com os stakeholders. .
  • 34. Exemplo de uma declaração formal de posicionamento “Para as Instituições de Ensino Particulares aumentarem a lucratividade e que não podem dar-se ao luxo de perderem alunos. O branding in box desenvolvido pela ABCBranding é um pacote com muito mais benefícios do que outras marcas, porque são desenvolvidas por padrões de qualidade da marca e são endossadas por uma extenso quadro de profissionais capacitados e habilitados para o mercado educacional, proporcionando um trabalho de alta qualidade em pouco tempo.” Lembre-se: As vezes, uma marca pode ser posicionada para mais de um alvo, principalmente quando a demanda do alvo inicial torna-se saturada. .
  • 35. Recomendações para os gestores de marca
  • 36. Recomendações… Antes de começar um programa de branding, procure responder essas questões: Quem deve ser visado para o uso da marca? Que meta permite que a marca atinja o alvo? Por que a marca deve ser escolhida entre outras que atingem a mesma meta? Os pontos de diferença da Marca podem assumir a forma de benefícios emocionais ou racionais; O forte posicionamento de marca oferece orientações para a execução da estratégia de marketing; A parte mais difícil de um posicionamento é definir os atributos; Escolha no máximo 03 atributos (mais do que isso pode ser diluído na mente do consumidor); Nunca se esqueça: A Marca é uma promessa, logo promessa é divida. Só prometa aquilo que você irá entregar; Lembre-se: A declaração formal de posicionamento deve ser elaborada para assegurar uma visão compartilhada da marca dentro da organização e orientar o pensamento tático. Uma declaração de posicionamento de marca pode ser amplamente distribuída da empresa, e também com os stakeholders. .
  • 37. Oriente os colaboradores...E torne a marca o foco central da organização! Os funcionários recebem uma razão tangível para acreditar na empresa e mantê-los motivados. Os funcionarios podem perceber como estão alinhados ao plano global para transmitir a visão e a promessa da marca aos clientes Os funcionários podem desenvolver um nível de orgulho, vinculado ao atendimento da promessa da marca. O recrutamento e a seleção são fortalecidos Um bom programa de branding passa primeiro pelo branding interno! Lembre-se: A Marca é uma promessa! E processa é divida. .
  • 38. Fixando o conceito… O posicionamento de marca exerce um papel importante na construção e no gerenciamento de uma grande marca. Ele pode ser desenvolvido ao responder algumas questões, quais como: Quem é meu público-alvo? Qual é a meta que permite que a marca atinja o alvo? Por que a marca deve ser escolhida entre outras? Lembre-se: Uma das constribuições mais importantes de um forte posicionamento de marca seja oferecer orientações para a execução estratégica de marketing. .
  • 39. Conhecendo os conceitos chaves do Branding – Design de Marca
  • 40. Design de Marca Design de Marca: É o grande responsável em transformar a descrição interna de marketing de uma marca em algo tangível, com que os consumidores possam fazer relacionamentos. .
  • 41. Design de Marca O Design de Marca é uma etapa entre a articulação de seu conceito e a criação da propaganda e de outros contatos com o consumidor. Para desenhar uma marca o profissional de marketing deve tomar várias decisões críticas em relação o uso de nomes, cores, símbolos, logotipos, jingles, embalagens, dominios, etc... O Design de Marca deve estar intimamente relacionado com o posicionamento e os atributos definidos para a marca. O profissional deve pensar agora em marcas como conceito. Lembre-se: É muito importante que o design de marca seja feito em parceria com um profissional de Design. Um dos grandes erros das empresas é pensar que qualquer cor, qualquer desenho, qualquer letra já é suficiente para o desenho de uma marca forte. .
  • 42. Mas como pensar em marcas como conceito? Para desenhar uma marca, o profissional envolvido deve pensar em vários aspectos com relação ao uso de elementos primordiais para a construção de uma marca, como por exemplo: Qual o nome que darei a marca? Quais as cores adequadas para expressar os atributos da marca? Qual é o melhor símbolo? Todos esses componentes ajudam os consumidores a perceberem o produto ou serviço de uma forma diferenciada. Lembre-se: Os consumidores experimentam uma marca como um conceito. Um conceito é um conjunto de associações que dão um significado específico a marca! .
  • 43. Fixando o conceito… O Design de marca é a forma pela qual diferenciamos certo item entre todas as coisas que experimentamos É um conjunto de associações que dão ao produto ao serviço um significado específico. Podemos pensar em conceito de marca como a “Promessa Central” O Conceito de Marca ou Alma da Marca deve: Comunicar, Simplificar e Inspirar. Lembre-se: É mediante o processo de design de marcas que o profissional pode influenciar as percepções dos consumidores!
  • 44. Importância do Design de Marca  Aumentar a lembrança da marca Facilitar a formação de associações de marca fortes, favoráveis e exclusivas Gerar julgamentos e sentimentos positivos sobre a marca Importante: O design de marca é uma etapa entre a articulação do seu conceito e a criação da propaganda e de outros contatos com o consumidor. Deve utilizar uma ampla variedade de “pistas”. .
  • 45. Exemplo de Design de Marca e suas pistas… Atenção: A marca Philadelphia é um produto bem sucedido há quase 100 anos. No decorrer nos anos, o conceito de marca vem sendo aperfeiçoado para que a “essência” da marca possa ser declarada. Philadelphia é um todo celestial todos os dias Propaganda mostra consumidores como anjos Pistas: cremosidade, autenticidade, recompensa especial, acessível todos os dias, criatividade. .
  • 46. Etapas do processo de definição do Design de Marca Inicie com a articulação do conceito da sua marca. Como você gostaria que o consumidor percebesse sua marca? Identifique os atributos de sua marca (ou categorias perceptuais) que facilitarão o conceito da marca se forem usadas pelos consumidores. Ex: rapidez, agilidade, beleza. Lembre-se: É quase impossível definirmos um Design de Marca sozinho. Se a sua empresa não tem um bom designer contrate um... Mas jamais tente desenhar sem ter a expertise. Considere fatores que possam afetar a percepção acerca da sua marca, tais como: nome da marca, nome do produto, identidade corporativa, léxico verbal, ilustração, simbolos visuais, paleta de cores, domínio. Faça um pré-teste do seu design com alguns consumidores. Lembre-se: O design de marca não é apenas um dos quadros P’s ou um tipo de atividade de comunicação de marketing. É parte integral do ato de fazer com que os consumidores percebam seu conceito. .
  • 47. Elementos de Marca
  • 48. Elementos de Marca Lembre-se: Pode ser escolhida uma diversidade de elementos da marca que, pela sua natureza, reforcem a notoriedade da marca ou facilitem a formação de associações fortes, favoráveis e únicas relativamente à marca. .
  • 49. Lembre-se: Pode ser escolhida uma diversidade de elementos da marca que, pela sua natureza, reforcem a notoriedade da marca ou facilitem a formação de associações fortes, favoráveis e únicas relativamente à marca. .
  • 50. Elementos de Marca Para muitas pessoas a marca é só um nome e um logo. Pensar dessa forma é a mesma coisa de querer conhecer a fundo a pessoa somente conhecendo o nome e uma foto. Com certeza esses são os elementos mais visíveis e importantes. Porém existem muitos outros elementos que formam a marca: - Nome - Logo - Símbolos - Personagens - Slogan ou frases descritivas - Tipografia - Paleta de cores - Embalagem - Elementos gráficos A combinação desses elementos é a famosa Identidade da Marca. Lembre-se: Pode ser escolhida uma diversidade de elementos da marca que, pela sua natureza, reforcem a notoriedade da marca ou facilitem a formação de associações fortes, favoráveis e únicas relativamente à marca. .
  • 51. Domínios na Internet As URLs, também chamados de domínios, são usados para especificar a localização da página da internet O número de registros de domínios cresce vertiginosamente, o que faz com que as empresas optem em usar também palavras criadas. O ideal é explorar a lembrança da marca para um dominio. Para uma marca, o domínio principal é em geral uma tradução direta e talvez até mesmo literal do nome de marca. Embora haja algumas exceções e variações. Lembre-se: a definição do nome do seu site é muito importante para fixar o nome da marca ! .
  • 52. Dicas para registrar seu domínio Não deixe para a última hora. Faça o mais rápido possível o registro do seu domínio. Aqui no Brasil o mais comum é o uso do registro.com.br Mantenha o máximo de simplicidade ao escolher o dominio  Evite clichês Crie uma personalidade exclusiva Prefira combinações inesperadas Reinvente uma palavra real Invente palavras novas Certifique-se de que é capaz de atender a sua promessa de marca Imporante: Muitas marcas compram também domínios com outras extensões diferentes da .com.br. É muito barato o registro do domínio, por isso não custa nada registrar .net, .com., .org e assim por diante... .
  • 53. Logotipos e Símbolos Podemos representar uma marca através do símbolo ou do logotipo, são duas formas de materialização de um conceito mais ou menos abstrato para o público. É comum as pessoas se referirem ao símbolo como logotipo. Diz-se freqüentemente: o logotipo da nike ou da shell , quando, na verdade, a intenção é a referência ao símbolo. Lembre-se: Simbolo ou logotipo, são duas formas de materialização de um conceito.. .
  • 54. Símbolos Símbolo é a figura, ou desenho da marca. Ele pode ser abstrato ou figurativo, e neste segundo caso, expressar exatamente o significado ou serviço proposto. Exemplos: Os Símbolos da Nike, da Volkswagen, da Apple, da Rede Globo. Lembre-se: Muitas vezes somente o símbolo já é capaz de fazer com que uma pessoa reconheça a marca. .
  • 55. Logotipo Logotipo é a utilização de letras (especialmente desenhadas ou adaptadas) para compor o nome de uma empresa ou produto. É uma assinatura institucional, a representação gráfica da marca através de letras. Exemplos: Os logotipos da Coca-Cola, da Sony, do Google, da IBM. Lembre-se: Como toda a assinatura, o logotipo precisa de seguir um padrão visual que a torna reconhecida onde quer que ela seja estampada ou reproduzida. .
  • 56. Logomarca Logomarca é um termo utilizado erroneamente e de forma genérica para designar logotipo, símbolo ou marca, sem que haja consenso nem precisão absoluta ao que ele se refere, se apenas ao símbolo, ao logotipo ou ao sinal misto (combinação de ambos). O seu uso está popularizado no Brasil mas é considerado incorreto por não possuir significado preciso Lembre-se: Embora difundido na linguagem cotidiana é considerado por designers profissionais e acadêmicos um neologismo impreciso e incorreto.. .
  • 57. Como se constrói logotipos e simbolos? A partir de formas e cores. As formas podem ser tipográficas, figurativas ou abstratas. A cor, uma linguagem universal, embora conforme a cultura possui significados diferentes. A seleção da cor tem que seguir um critério, segundo o seu contexto e o significado que se pretende comunicar. Lembre-se: Embora difundido na linguagem cotidiana é considerado por designers profissionais e acadêmicos um neologismo impreciso e incorreto.. .
  • 58. Como se constrói logotipos e simbolos? A partir de formas e cores. As formas podem ser tipográficas, figurativas ou abstratas. A cor, uma linguagem universal, embora conforme a cultura possui significados diferentes. A seleção da cor tem que seguir um critério, segundo o seu contexto e o significado que se pretende comunicar. Lembre-se: Embora difundido na linguagem cotidiana é considerado por designers profissionais e acadêmicos um neologismo impreciso e incorreto.. .
  • 59. Exemplos de Logotipos Abstratos: Icones: Lembre-se: Os exemplos acima são de marcas bem famosas! .
  • 60. Slogans São frases curtas que comunicam informações descritivas e persuasivas sobre a marca. Eles aparecem frequentemente na propaganda, mas também podem desempenhar um papel importante na embalagem e em outros aspectos do programa de marketing. Lembre-se: As figuram acima apresentam exemplos de slogans. .
  • 61. Slogans Lembre-se: As figuram acima apresentam exemplos de slogans. .
  • 62. Jingles São mensagens musicais cujo tema central é a marca. Normalmente criados por compositores e letristas profissionais, eles geralmente tem ganchos e refrões que ficam registrados quase permanentemente na mente os ouvintes. Quem nunca ouviu o Jingle: “depois de um sonho bom, a gente levanta...toma aquele banho e escova os dentinhos” Acesse o link abaixo para ouvir os 16 mais famosos jingles brasileiros. Acesse: http://www.f3r.com.br/jingles-clasicos-da-publicidade-brasileira/ Lembre-se: a produção desse tipo de comercial era mais frequente até a meados da década de 90, onde muitas marcas, trabalhavam pesado nesse tipo de comunicação e atribuem o seu reconecimento como marca até hoje, devido ao grande exito que tiveram com seus jingles (caso dos Cobertores Parahyba e Casas Pernambucanas). .
  • 63. Embalagens A embalagem envolve várias atividades, tais como: O projeto, a produção de recipientes e rótulos para um produto. A embalagem deve cumprir uma série de objetivos, tais como: Identificar a marca Transmitir informações descritivas e persuasivas Facilitar o transporte e a proteção do produto Auxiliar na armazenagem domética Auxiliar o consumo do produto Aviso: No próximo slide você verá exemplos de embalagens de sucesso. .
  • 64. Atenção: Três tipos de embalagens leite condensado Moça e a embalagem colorida do absorvente Intimus. .
  • 65. Plano de Branding
  • 66. Lembre-se: Para que um plano de Branding realmente tenha sucesso ele deve ser pensado logo na realização do planejamento estratégico da Empresa. .
  • 67. Plano de Branding Defina seu posicionamento de mercado Defina seu público Alvo Defina a Promessa Central de Sua Marca. Desenhe a Personalidade da Marca Pense na sua comunicação Defina os Elementos de Marca Ações de Comunicação Lembre-se: Não existe uma receita de bolo, por isso é necessário adequar as dicas a necessidade de sua empresa. .
  • 68. Avisos Será um prazer receber a sua visita em nossa plataforma e responder ao nosso quizz. Duvidas? Entre no nosso fórum! luchiodi@hotmail.com. Ou entre em contato comigo através do Email: Se você quiser continuar os debates sobre Branding é só me adicionar no Facebook e participar do grupo chamado Branding. Lá poderemos trocar materiais e conversarmos um pouco mais a respeito! Espero que o curso seja bastante útil para você! E não poderia deixar de desejar: Boa Caminhada rumo ao SUCESSO!