05 o-neolitico-e-a-revolucao-agricola-6-ano

  • 17,590 views
Uploaded on

 

More in: Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
No Downloads

Views

Total Views
17,590
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
164
Comments
2
Likes
2

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. O NEOLÍTICO E A REVOLUÇÃO AGRÍCOLA
  • 2. A ERA DA PEDRA POLIDA (NEOLÍTICO)
  • 3. POR VOLTA DE 800 a.C, GRUPOS HUMANOS COMEÇARAM A FABRICAR ARMAS E UTENSÍLIOS COM PEDRAS POLIDAS.ALGUNS DESSES UTENSILIOS ERAM ENXADAS, MACHADOS, FOICES E VASOS.AS MAIS ANTIGAS PEDRAS POLIDAS FORAM ENCONTRADAS NO ORIENTE MÉDIO
  • 4. A REVOLUÇÃO AGRÍCOLA
  • 5. PESQUISADORES ACREDITAM QUE AS MULHERES ERAM EM GERAL, RESPONSÁVEIS PELA COLETA DE RAÍZES E FRUTOS
  • 6. A AGRICULTURA TERIA SIDO UMA INVENÇÃO DA MULHER.
  • 7. ASSIM ALÉM DE CAÇAR, PESCAR E COLETAR OS SERES HUMANOS COMEÇARAM A PLANTAR E A COLHER.
  • 8. O CULTIVO DAS PRIMEIRAS PLANTAS OCORREU NA TURQUIA E NO CRESCENTE FÉRTIL, REGIÃO LOCALIZADA NO ORIENTE MÉDIO.
  • 9. O CRESCENTE FÉRTIL SE ESTENDIA DO VALE DO RIO NILO, NO EGITO, ATÉ AS MARGENS DOS RIOS TIGRES E EUFRATES, ONDE ATUALMENTE SE LOCALIZA O IRAQUE.
  • 10. RIOS TIGRES E EUFRATES
  • 11. AS PRIMEIRAS PLANTAS CULTIVADAS FORAM OS CEREAIS: O TRIGO, NO ORIENTE MÉDIO E NA ÁFRICA; O TRIGO E O ARROZ, NA ÍNDIA E NA CHINA: E O MILHO, NA AMÉRICA
  • 12. MUDANÇAS NA VIDA HUMANA
  • 13. AS MUDANÇAS PROVOCADAS PELA AGRICULTURA VARIARAM DE LUGAR PARA LUGAR.
  • 14. ALÉM DISSO, A PRATICA AGRÍCOLA NÃO FAZIA PARTE DA VIDA DE TODOS OS GRUPOS HUMANOS.
  • 15. NA REGIÃO DA ÁFRICA AO SUL DO DESERTO DO SAARA, POR EXEMPLO, AS COMUNIDADES CONTINUARAM VIVENDO BASICAMENTE DA CAÇA, DA PESCA E DA COLETA.
  • 16. APRENDER A PRODUZIR O PRÓPRIO ALIMENTO PROVOCOU UMA VERDADEIRA REVOLUÇÃO NO MODO DE VIDA DO SER HUMANO.
  • 17. OS GRUPOS HUMANOS SE TORNARAM SEDENTÁRIOS, OU SEJA, PASSARAM A VIVER MAIS TEMPO EM UM MESMO LUGAR
  • 18. A NECESSIDADE DE ACOMPANHAR O DESENVOLVIMETO DAS PLANTAS OBRIGOU OS GRUPOS HUMANOS A SE FIXAREM EM DETERMINADOS ESPAÇOS.
  • 19. MAS ISSO NÃO IMPEDIA DE SE DESLOCAREM EM BUSCA DE TERRAS FÉRTEIS.
  • 20. ASSIM, MESMO COM A AGRICULTURA O NOMADISMO NÃO ACABOU POR COMPLETO
  • 21. A DURABILIDADE DOS GRÃOS PERMITIU O ARMAZENAMENTO DOS ALIMENTOS POR LONGOS PERÍODOS , GARANTINDO A SOBREVIVÊNCIA DA COMUNIDADE
  • 22. AS ALDEIAS DESSE PERÍODO REUNIAM UM CONJUNTO DE HABITAÇÕES SEMELHANTES, CONTRUÍDAS COM PEDRA E MADEIRA.
  • 23. COM O CULTIVO DA TERRA E A CRIAÇÃO DE ANIMAIS, A ALIMENTAÇÃO TORNOU-SE MAIS DIVERSIFICADA.O RESULTADO FOI UM GRANDE AUMENTO POPULACIONAL.
  • 24. A FORMAÇÃO DE ALDEIAS E O AUMENTO POPULACIONAL TAMBÉM CRIARAM PARA OS GRUPOS HUMANOS A NECESSIDADE DE DEFENDER SEUS TERRITÓRIOS.
  • 25. A CRIAÇÃO DE ANIMAIS
  • 26. NO MESMO PERÍODO DO DESENVOLVIMENTO AGRÍCOLA, OS GRUPOS HUMANOS PERCEBERAM QUE PODIAM DOMESTICAR OS ANIMAIS.
  • 27. OS PRIMEIROS A SEREM DOMESTICADOS FORAM O CACHORRO, A CABRA, A OVELHA, O BOI, O CAVALO, ENTRE OUTROS.
  • 28. O CACHORRO AJUDAVA NA CAÇA E PROTEGIA O GRUPO CONTRA ATAQUE DE ANIMAIS SELVAGENS.
  • 29. OVELHAS E CABRAS FORNECIAM PELE E LEITE
  • 30. TRABALHO E ORGANIZAÇÃO SOCIAL
  • 31. OS DESENVOLVIMENTO DA AGRICULTURA OBRIGOU OS GRUPOS HUMANOS A VIVER JUNTOS DAS TERRAS DE CULTIVO.
  • 32. ALI FUNDARAM ALDEIAS, REUNINDO FAMÍLIAS VIZINHAS .
  • 33. TODAS DECISÕES DA COMUNIDADE ERAM TOMADAS EM CONSELHOS FORMADOS PELOS CHEFES DAS FAMÍLIAS.
  • 34. AS ALDEIAS NEOLÍTICAS SITUAVAM-SE NAS PROXIMIDADES DE UM RIO, O QUE GARANTIA A ÁGUA PARA REGAR OS CAMPOS E ABASTECER A POPULAÇÃO E O GADO.
  • 35. A DIVISÃO DO TRABALHO DEPENDIA GERALMENTE DE SEXO E DA IDADE:
  • 36. AS MULHERES TRABALHAVAM NA AGRICULTURA E PREPARAVAM OS ALIMENTOS; OS HOMENS CAÇAVAM E CUIDAVAM DOS ANIMAIS.
  • 37. NO PERÍODO NEOLÍTICO OCORREU UMA ESPECIALIZAÇÃO: SURGIRAM ALGUNS ARTESÃOS, QUE FABRICAVAM TECIDOS, OBJETOS DE CERÂMICA, CESTOS, ARMAS E OUTROS OBJETOS.