A disciplina da inovacao

2,301 views
2,105 views

Published on

A disciplina da inovação segundo Peter Drucker e a agilidade

Apresentação feita no Caipira Ágil em Campinas/SP em 17/08/2013

Published in: Business

A disciplina da inovacao

  1. 1. A disciplina da inovação segundo Peter Drucker e a agilidade @lucabastos ThoughtWorks
  2. 2. Criar um novo produto de sucesso é um feito grandioso que vale uma vida inteira.
  3. 3. É também uma das coisas mais arriscadas que se pode tentar.
  4. 4. As empresas falham por não arriscar na busca de novas tecnologias ou novos modelos de negócios capazes de atender futuras demandas
  5. 5. As empresas falham por não arriscar na busca de novas tecnologias ou novos modelos de negócios capazes de atender futuras demandas
  6. 6. As empresas falham por não arriscar na busca de novas tecnologias ou novos modelos de negócios capazes de atender futuras demandas
  7. 7. As empresas falham por não arriscar na busca de novas tecnologias ou novos modelos de negócios capazes de atender futuras demandas
  8. 8. Falham por que concentram todos as suas energias apenas cuidando de pequenas melhorias
  9. 9. Falham por que concentram todos as suas energias apenas cuidando de pequenas melhorias nas tecnologias dos produtos já desenvolvidos para clientes que as sustentam neste momento.
  10. 10. Estas conclusões estão no livro O dilema da inovação de 1997 do prof. Clayton Christensen
  11. 11. No livro ele diz: “Mesmo que as empresas façam tudo certo, se não abrirem os olhos ao futuro poderão ainda estar erradas"
  12. 12. No livro ele diz: “Mesmo que as empresas façam tudo certo, se não abrirem os olhos ao futuro poderão ainda estar erradas"
  13. 13. Viraram pó ou foram absorvidas: Burroughs, Univac, Honeywell Bull, Control Data, Data General, Digital, Wang, Tandem, RCA, Nortel, Compaq, Gateway, Packard Bell, Lotus, Ashton Tate (DBase), WordPerfect, Borland, Aldus (Pagemaker), Quest, Syllicon Graphics (faliu em 2006, depois foi comprada e ainda existe com nome SGI mas não é a mesma coisa), Sun, Ingres, Informix e muitas outras
  14. 14. Inovação é a chave da sobrevivência
  15. 15. "The business enterprise has two -‐ and only these two -‐ basic functions: marketing and innovation” Peter Drucker no livro The Practice of Management, de 1954
  16. 16. “Innovation is significant positive change.” Scott Berkun em http://scottberkun.com/2013/the-‐best-‐ definition-‐of-‐innovation/
  17. 17. “Innovation is applied criativity.” Tim Brown em Change by Design
  18. 18. Inovação Estratégia Ideia Execução Implementação
  19. 19. Inovação Estratégia Ideia Execução Implementação Não existe inovação sem implementação
  20. 20. “Inovação é dinheiro novo.” Clemente Nóbrega e Adriano Lima em Innovatrix, inovação para não gênios
  21. 21. “Innovation is change that creates a new dimension of performance.” Peter Drucker em The Peter F. Drucker Award for Nonprofit Innovation
  22. 22. O que vou falar aqui
  23. 23. Como Peter Drucker entendia inovação, Mostrar seus princípios que ainda são atuais e O papel da agilidade na inovação.
  24. 24. Como Peter Drucker entendia inovação, Mostrar seus princípios que ainda são atuais e
  25. 25. Como Peter Drucker entendia inovação, Mostrar seus princípios que ainda são atuais e O papel da agilidade na inovação.
  26. 26. The Discipline of Innovation Peter Drucker http://www.docstoc.com/docs/26841555/HBR-‐-‐-‐The-‐Discipline-‐of-‐Innovation-‐-‐-‐Peter-‐Drucker
  27. 27. Inovação, esforço disciplinado para melhorar o potencial de um negócio
  28. 28. O cerne da atividade de empreendedorismo é a inovação
  29. 29. Inovação é a função específica do empreendedorismo
  30. 30. Inovação é a função específica do empreendedorismo seja em um negócio existente
  31. 31. Inovação é a função específica do empreendedorismo seja em um negócio existente, numa instituição de serviço público
  32. 32. Inovação é a função específica do empreendedorismo seja em um negócio existente, numa instituição de serviço público ou num novo empreendimento iniciado por alguém sozinho na cozinha da sua família.
  33. 33. 7 Fontes de Inovação
  34. 34. Há inovações que surgem de um lampejo de gênio
  35. 35. Porém a maioria das inovações,
  36. 36. Porém a maioria das inovações, especialmente as de sucesso,
  37. 37. Porém a maioria das inovações, especialmente as de sucesso, resultam de uma busca consciente e objetiva por oportunidades encontradas em poucas situações
  38. 38. 4 fontes de oportunidades que existem DENTRO de uma empresa
  39. 39. 1.  Ocorrências inesperadas 2.  Incongruências 3.  Mudanças no processo 4.  Mudanças no mercado
  40. 40. 1. Ocorrências inesperadas
  41. 41. Exemplo: 1a máquina de contabilidade da IBM no início dos anos 30
  42. 42. A máquina foi feita para bancos mas nenhum comprou
  43. 43. Porém a biblioteca de NY comprou
  44. 44. Porém a biblioteca de NY comprou e Thomas Watson vendeu mais de 100 delas para outras bibliotecas
  45. 45. 15 anos depois, quando todos pensavam que computadores só serviam para a ciência
  46. 46. A UNIVAC lançou um computador mais avançado para aplicações de negócio
  47. 47. A IBM imediatamente percebeu a possibilidade inesperada de sucesso e reprojetou suas máquinas para disputar o mercado mais mundano como folhas de pagamento e outros
  48. 48. Em 5 anos virou lider do mercado e assim permaneceu por muitas décadas.
  49. 49. Outros exemplos: •  Ford Edsel
  50. 50. Outros exemplos: •  Ford Edsel •  Novocaina, 1o narcótico não viciante
  51. 51. 2. Incongruências
  52. 52. Exemplo: Laboratórios Alcon – cirúrgia de catarata
  53. 53. A cirúrgia usava um procedimento de 300 anos que exigia que os cirurgiões cortassem um ligamento
  54. 54. Bill Conner, fundador da Alcon, explorou esta incongruência da tecnologia médica
  55. 55. Adicionou uma substância preservativa a uma enzima já conhecida 50 anos antes e assim fez com que ela durasse meses
  56. 56. Esta enzima dissolvia o ligamento dispensando o corte
  57. 57. Todos os cirurgiões passaram a usar.
  58. 58. Todos os cirurgiões passaram a usar. A Alcon foi fundada com um monópolio mundial e 15 anos depois a Nestlê a comprou por uma boa quantia
  59. 59. Outros exemplos: •  Mercados crescentes mas de pouco lucro
  60. 60. Outros exemplos: •  Mercados crescentes mas de pouco lucro •  Construção de navios mais rápidos X navios roll-‐on, roll-‐off e navios porta containers
  61. 61. 3. Necessidades do processo
  62. 62. Exemplo: Invenção do linotipo em 1890 Antes não se podia produzir jornais de forma rápida e em grande volume
  63. 63. Outro exemplo: Invenção dos anúncios nos jornais Sem eles o jornal seria caro
  64. 64. O linotipo e a venda dos anúncios possibilitaram a expansão da imprensa escrita
  65. 65. 4. Mudanças no mercado
  66. 66. Exemplo: Empresas de corretagem surgidas em 1960
  67. 67. Outros exemplos: •  Seguros saúde
  68. 68. Outros exemplos: •  Seguros saúde •  Telecomunicações
  69. 69. 3 fontes de oportunidades que existem FORA do ambiente intelectual e social de uma empresa
  70. 70. 1.  Mudanças demográficas 2.  Mudanças na percepção 3.  Novos conhecimentos
  71. 71. 1. Mudanças demográficas
  72. 72. Exemplo: A atenção com o crescimento demográfico ou educacional mudando perfil dos trabalhadores
  73. 73. Exemplo: A atenção com o crescimento demográfico ou educacional mudando perfil dos trabalhadores: – fabricação de robots
  74. 74. Exemplo: A atenção com o crescimento demográfico ou educacional mudando perfil dos trabalhadores: – fabricação de robots – busca por novas opções de lazer
  75. 75. 2. Mudanças de percepção
  76. 76. Mudanças de percepção não alteram fatos mas mudam seus significados
  77. 77. Exemplo: Busca de saúde, mais prática de exercícios.
  78. 78. 3. Novos conhecimentos
  79. 79. Ao contrário do que se fala em palestras sobre inovação, nem toda
  80. 80. Ao contrário do que se fala em palestras sobre inovação, nem toda inovação baseada em novos conhecimentos é importante
  81. 81. Ao contrário do que se fala em palestras sobre inovação, nem toda inovação baseada em novos conhecimentos é importante e nem sempre o sucesso é de quem lança primeiro
  82. 82. Exemplo: O nosso sistema bancário.
  83. 83. Exemplo: O nosso sistema bancário. O 1o banco surgiu 30 anos após criado o conceito e faliu.
  84. 84. Exemplo: O nosso sistema bancário. O 1o banco surgiu 30 anos após criado o conceito e faliu. O 1o banco de sucesso só veio anos depois
  85. 85. Outros exemplos: •  Computador, conhecimento disponível em 1918, 1o apareceu em 1946.
  86. 86. Outros exemplos: •  Computador, conhecimento disponível em 1918, 1o apareceu em 1946. •  A inglesa De Havilland construiu o 1o jato, Boeing e Douglas aproveitaram o invento.
  87. 87. Recapitulando as 7 fontes de oportunidades de inovação
  88. 88. Incongruências Ocorrências inesperadas Novos conhecimentos Necessidades do processo Mudanças no mercado Mudanças de percepçao Mudanças demográficas
  89. 89. PrincípiosxxxXxx xxXxxxda Inovação
  90. 90. A inovação proposital e sistemática
  91. 91. A inovação proposital e sistemática começa com a análise das fontes de novas oportunidades
  92. 92. Dependendo do contexto, as fontes terão diferentes importâncias em diferentes tempos
  93. 93. Como inovação é tanto conceitual como baseada em percepção, quem
  94. 94. Como inovação é tanto conceitual como baseada em percepção, quem quiser inovar precisa ir lá fora
  95. 95. Como inovação é tanto conceitual como baseada em percepção, quem quiser inovar precisa ir lá fora olhar, perguntar e ouvir.
  96. 96. Para ser efetiva uma inovação deve ser simples e focada
  97. 97. Para ser efetiva uma inovação deve ser simples e focada Precisa fazer uma única coisa,
  98. 98. Para ser efetiva uma inovação deve ser simples e focada Precisa fazer uma única coisa, de outro modo confunde o público
  99. 99. O melhor elogio que uma inovação pode receber é quando dela dizem:
  100. 100. O melhor elogio que uma inovação pode receber é quando dela dizem:
  101. 101. O melhor elogio que uma inovação pode receber é quando dela dizem: “Isto é óbvio, é muito simples, como não pensei nisto antes!”
  102. 102. Inovações efetivas começam pequenas.
  103. 103. Inovações efetivas começam pequenas. Exemplo: a ideia de colocar sempre 50 palitos em uma caixa de fósforos deu aos suecos liderança mundial por meio século
  104. 104. Inovações efetivas começam pequenas. Exemplo: a ideia de colocar sempre 50 palitos em uma caixa de fósforos deu aos suecos liderança mundial por meio século
  105. 105. Inovar exige talento e conhecimento.
  106. 106. Inovar exige talento e conhecimento. Porém mais do que genialidade
  107. 107. Inovar exige talento e conhecimento. Porém mais do que genialidade, inovação é acima de tudo, trabalho duro, focado e com propósito
  108. 108. A base do empreendedorismo
  109. 109. A base do empreendedorismo é a prática sistemática da inovação.
  110. 110. Fim do artigo The Discipline of Innovation
  111. 111. Atenção: The Discipline of Innovation do Peter Drucker foi publicado em 1985
  112. 112. O papel da agilidade em uma cultura de inovação
  113. 113. É possível ser inovador até em uma garagem cheirando a óleo
  114. 114. Mas também é possível que por falta de condições, a inovação seja inibida
  115. 115. Dificilmente uma empresa será inovadora em um ambiente em que se apontam dedos
  116. 116. Dificilmente uma empresa será inovadora em um ambiente em que se apontam dedos e é preciso pedir licença para tudo
  117. 117. Dificilmente uma empresa será inovadora sem uma cultura de inovação
  118. 118. Inovação é criatividade aplicada
  119. 119. Inovação é criatividade aplicada E criatividade vem das pessoas
  120. 120. O desenvolvimento ágil tem entre seus valores responder à mudanças e
  121. 121. O desenvolvimento ágil tem entre seus valores responder à mudanças e valorizar pessoas
  122. 122. Empresas de desenvolvimento de software que seguem os princípios do manifesto ágil podem ser mais inovadoras
  123. 123. Vou falar mais sobre inovação e agilidade no http://www.agiletrendsbr.com/
  124. 124. Nós na ThoughtWorks temos ambiente e cultura de inovação

×