Plano de aula luciana juliano
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Like this? Share it with your network

Share

Plano de aula luciana juliano

  • 4,970 views
Uploaded on

Apresentação do Plano de Aula TCIs-FURG

Apresentação do Plano de Aula TCIs-FURG

More in: Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
  • Oi Lú,
    ficou bem legal seu plano p/ aula 5. Missão cumprida!
    bjo. Sueli
    Are you sure you want to
    Your message goes here
No Downloads

Views

Total Views
4,970
On Slideshare
4,969
From Embeds
1
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
28
Comments
1
Likes
1

Embeds 1

http://www.slideshare.net 1

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL Tecnologias da Informação e Comunicação na Educação Luciana Monteiro Almeida Juliano PLANEJAMENTO E SELEÇÃO DO MATERIAL Escolhi o assunto BULLYNG para trabalhar com os alunos da escola doensino fundamental do 5º ano ao 9º ano. Trabalharemos na biblioteca com acontação de história com a campanha intitulado Era uma vez... minha escolacontra o bullying. Com o livro Perseguição de Tânia Alexandre Martinelli nacontação de história e o livro Bullying Mentes Perigosas nas Escolas de AnaBeatriz Barbosa Silva para informar sobre assunto e contar algumas históriasque a autora descreve. Usaremos os recursos tecnológicos como vídeos dosalunos contando e relatando se já sofreram algum tipo de bullying na escola eoutro, que os alunos irão construir depois de todos os esclarecimento arespeito do bullying. Mostrarei o filme Bullying, do ano 2009, com duração de1:30mim. Os alunos irão fazer fotos e vídeos da campanha Era uma vez... minhaescola contra o bullying divulgando e informando para a comunidade escolar.Assistiremos filme que aborde o assunto para uma roda de debates nabiblioteca. A música do Renato Russo “Mais uma Vez” será trabalhada o queos alunos conseguiram captar sobre a letra dessa música. Fotografar todos osmomentos e fazer um vídeo no final da campanha com os alunos. A partir,desse breve esclarecimento passaremos para o plano de aula.
  • 2. PLANO DE AULA – Era uma vez.. minha escola contra o bullying FOTO: Luciana M Almeida Juliano.Público-alvo: alunos do ensino fundamental do 5º ano ao 9º anoOBJETIVOS  Contar histórias;  Ler histórias de bullying;  Informar os alunos sobre o bullying e ciberbullying;  Pesquisar a o tema em livros e sites;  Promover campanhas contra o preconceito e desreipeito ao próximo;  Assistir filmes a respeito do tema;  Ouvir a música do Renato Russo “Mais uma Vez”;  Construir cartazes contra o bullying informativo;  Redigir uma redação;  Fotografar os momentos;
  • 3. CONTEÚDO  Era uma vez... minha escola contra o bullying;  Informar os alunos sobre o bullying;  Atitudes e ações contra o bullying na escola;  Mostrar as conseqüências e causas sofridas pelo bullying;  Observar e identificar, alunos em atitudes suspeitas de bullying TEMPO ESTIMADO Quatro aulas MATERIAL NECESSÁRIO E RECURSOS TECNOLÓGICOS Folhas de papel A4, cartolina coloridas, lápis, lápis de cor, canetinhas, cola, tesoura. Câmera digital, aparelho de DVD, televisão, data show. DESENVOLVIMENTOOs alunos serão convidados a participar da campanha Era uma vez... minhaescola contra o bullying, a bibliotecária fará um breve esclarecimento sobre oassunto. Como o que significa a palavra “bullying” de origem inglesa e semtradução ainda no Brasil, é utilizada para qualificar comportamentos violentos
  • 4. no âmbito escolar, tanto de meninos quanto de meninas. Dentre essescomportamentos podemos destacar as agressões, os assédios e as açõesdesrespeitosas, todos realizados de maneira recorrente e intencional por partedos agressores. Em algum momento no ambiente escolar algum dia jásofremos com o bullyng com os apelidos pejorativos e depreciativos. Então,vamos ver como conhecer as formas de bullying para sabermos denunciar os“agressores”.Formas de Bullying:Verbal:  Insultar;  Ofender;  Xingar;  Fazer gozações;  Colocar apelidos pejorativos;  Fazer piadas ofensivas;  Zoar;FISICA E MATERIAL  Bater;  Chutar;  Espancar;  Empurrar;  Ferir;
  • 5.  Beliscar;  Roubar ou destruir os pertences da vitima;PSICOLÓGICO E MORAL  Irritar;  Humilhar;  Excluir;  Isolar;  Ignorar, desprezar;  Discriminar;  Aterrorizar e ameaçar;  Chantagear;  Tiranizar;  Dominar;  Perseguir;  Difamar;  Passar bibletes e desenhos entre os colegas de caráter ofensivo;  Fazer intrigas, fofocas ou mexericos.SEXUAL
  • 6.  Abusar;  Violentar;  Assediar;  Insinuar. VIRTUALOs avanços tecnológicos também influenciam esse fenômeno típico dasinterações humanas. O chamado ciberbullyng nova forma de bullyng com autilização de aparelhos e equipamentos de comunicação ( celular e internet),que são disseminados na rede de maneira avassaladora, com calúnias edesrespeito e depreciação da imagem. IDENTIFICANDO OS PERSONAGENS DO BULLYINGAS VÍTIMASNo recreio,Encontram-se freqüentemente isolados do grupo ou perto de alguma adultoque possa protege-lâs.Na sala de aula,Apresentam postura retraída, deixam explicitas sua inseguranças eansiedades.Apresentam faltas freqüentes às aulas, com intuito de fugir das situações deexposição, humilhações ou agressões.Mostram-se comumente tristes, deprimidas ou aflitas.Nos jogos ou atividades em grupo, sempre são os últimos a serem escolhidos.Aos poucos vão se distanciando e desinteressando das atividades e tarefasescolares.
  • 7. OS AGRESSORES (BULLIES)No ambiente escolarComeçam com brincadeirinhas de mau gosto, que rapidamente evoluem paragozações, risos provocações.Colocam apelidos pejorativos e ridicularizantes, com explicito propósitomaldoso.Insultam, difaman, ameaçam, constrangem e menosprezam alguns alunos.Fazem ameaças diretas e indiretas, dão ordens, dominam e subjugam seuspares.Pertubam e intimidam, utilizando-se de empurrões, socos, pontapés, tapas,puxada de cabelos ou de roupas.Estão sempre envolvendo, de forma direta ou velada, em desentendimentos ediscussões entre alunos, ou entre alunos e professores.Pegam materiais escolares, dinheiro, lanches e quaisquer pertences de outrosestudantes, sem consentimento. OS ESPECTADORESSão os que estão geralmente assistindo cenas diárias de bullying com oscolegas na escola e em sala de aula mais preferem manter-se calados. Pormedo de repressão dos agressores.Após apresentação do significado do bullying e saber identificar as vitimas,agressores e espectadores. Passaremos para as atividades propostas nesseplano de aula.
  • 8. 1º MomentoOs alunos após assistirem a palestra feita pela bibliotecária sobre o temabullying. Inicie uma conversa com os alunos sobre a importância do tema dacampanha Era uma vez... minha escola contra o bullying. Começaremos umdebate com os estudantes na biblioteca como eles podem identificar as vitimase os agressores de bullying. Será feita as seguintes perguntas: Nossa escolapossui alguma forma de bullying citados na palestra? O que devemos fazerpara acabar com o bullyng? Devemos ser como o espectador que só assiste enão denuncia porque não é com ele, mas é com seu colega?Depois do debate e questionamento com os alunos iremos ouvir a música doRenato Russo Mais uma Vez, para uma reflexão.Mais Uma VezRenato RussoComposição : Renato Russo, Flavio VenturiniMas é claro que o solVai voltar amanhãMais uma vez, eu sei...Escuridão já vi piorDe endoidecer gente sãEspera que o sol já vem...Tem gente que está ( ESTAS FRASES NOS MOSTRA QUE NÃO ESTAMOS SÓ)Do mesmo lado que vocêMas deveria estar do lado de láTem gente que machuca os outros ( NESSAS FRASES ESTÁ EXPLICITO BULLYING)Tem gente que não sabe amarTem gente enganando a genteVeja nossa vida como estáMas eu sei que um diaA gente aprendeSe você quiser alguémEm quem confiarConfie em si mesmo...Quem acreditaSempre alcança...Mas é claro que o solVai voltar amanhã
  • 9. Mais uma vez, eu sei...Escuridão já vi piorDe endoidecer gente sãEspera que o sol já vem...Nunca deixe que lhe digam:Que não vale a penaAcreditar no sonho que se temOu que seus planosNunca vão dar certoOu que você nuncaVai ser alguém...Tem gente que machuca os outros ( NESSAS FRASES ESTÁ EXPLICITO BULLYING)Tem gente que não sabe amarMas eu sei que um diaA gente aprendeSe você quiser alguémEm quem confiarConfie em si mesmo!...Quem acredita ( NESSAS FRASES ESTÁ OBJETIVANDO O POSITIVISMO PARA COMBATER OBULLYING NA ESCOLA)Sempre alcança...(7x)2º MomentoOs alunos retomaram o tema da campanha e iram fazer em grupo de nomáximo cinco alunos um cartaz informativo com o título Era uma vez... minhacontra o bullyng os alunos terão que colocar atitudes e atos que podemosacabar com o bullying no ambiente escolar. Será sugerido uma pequenahistória ( redação) com inicio, meio e fim, sendo os alunos os mocinhos dahistória e o bullying o vilão. Os alunos poderam usar a criatividade, sensocritico , informação e imaginação.3º MomentoA bibliotecária irá contar a história do livro Perseguição, não, não este não éum livro de aventura. A perseguição é outra e tem nome bullying. Ospersonagens Leo e Malu sofrem esse tipo de perseguição no nono ano: sãoalvos de comentários maldosos, apelidos depreciativos, agressões ebrincadeiras de mau gosto. Todos os dias. Por causa do cabelo, do peso, daroupa.É tudo preconceito. Preconceito? “Ah, mas é só brincadeira!”, alguns vão
  • 10. dizer. “Não precisa ser radical, qual é o problema? Eles nem ligam..Ligam sim.E não sabem que vão fazer. Em quem confiar? Para quem contar? Comoanular as provocações e reestruturar a auto-estima? Duas pessoas, duashistórias semelhantes, mas com duas formas diferentes de lidar com essasituação... Após ouvirem a história os alunos terão que fazer um vídeo emgrupo de no máximo cinco alunos com acabou a história perseguição.4º MomentoOs alunos assistiram um filme sobre o Bullying que mostra toda a trajetória deum aluno que sofre ameaças todos os dias com os colegas de aula comapelidos, deboches do modo dele se vestir e conversar etc.. Depois deassistirem o vídeo os alunos terão de fazer um novo debate de conscientizaçãodo assunto e retomar o tema da campanha Era uma vez... minha escola contrao bullyng. Após, todos as atividades que os alunos participaram no primeiromomento apresentação do tema com debate, no segundo momento um cartaze uma pequena história da campanha com atitudes contra o bullying, noterceiro momento com a contação da história Perseguição os alunos terão quefazer um vídeo. Com todas essas etapas concluídas os alunos apresentaram acampanha Era uma vez... minha escola contra o bullying para a comunidadeescolar e terão a conscientização que o bullying é um mau que precisa seracabado com atos e atitudes de respeito com o colega e saber viver emcomunidade e respeitar as diferenças. Para que o ambiente escolar possaseguir seu curso de educar e formar cidadãos de bem, com o foco e objetivoprincipal no processo ensino-aprendizagem e uma educação de qualidade. AVALIAÇÃOOs alunos que participarem e conseguirem concluir todas as etapas propostasna campanha Eram uma vez... minha escola contra o bullying, terão nota
  • 11. integral. Os alunos que faltarem em alguma das etapas e ou não participaremde alguma das atividades terão a nota dividida. Como por exemplo, cada etapavale 25% se participou dos quatro momentos terão 100% da nota. REFERÊNCIASCOLL, César. PISCOLOGIA DA EDUCAÇÃO VIRTUAL: Aprender e Ensinarcom as Tecnologias da Informação e da Comunicação. Porto Alegre: Artmed,2010. 365 p.DEMO, Pedro. HABILIDADE E COMPETÊNCIAS: no Século XXI. PortoAlegre: Mediação, 2010. 103 p.DOHME, Vania. TÉCNICAS DE CONTAR HISTÓRIAS: Um Guia paraDesenvolver as suas Habilidades e Obter Sucesso na Apresentação de umaHistória. Petrópolis-RJ: Vozes, 2010. 219 p.
  • 12. FILME: BULLYING – 2009Disponível em: http://www.filmesonlinehd.com/bullying-dublado-online/. Acessoem 02 maio de 2011.LÉVY, Pierre. CIBERCULTURA. São Paulo: Ed. 34, 1999. 260 p.----------------------. AS TECNOLOGIAS DA INTELIGÊNCIA: O Futuro doPensamento na Era da Informática. Rio de Janeiro: Ed. 34, 1993. 204 p.MARTINELLI, Tânia Alexandre. PERSEGUIÇÃO. São Paulo: Saraiva, 2010.104 p.MICHELS, Jane Maria. ERA UMA VEZ...: Técnicas Pedagógicas para a Horado Conto. Novo Hamburgo: Borboletras, 2006. 80 p.MORALES, Pedro. A RELAÇÃO PROFESSOR-ALUNO: o que é, como se faz.São Paulo: Loyola, 2008. 167 p.PALFREY, Jonh; GASSER, Urs. NASCIDOS NA ERA DIGITAL: Entendendo aPrimeira Geração de Nativos Digitais. Porto Alegre: Artmed, 2011. 352 p.PÉRISSE, Paulo. O EDUCADOR APRENDEDOR. São Paulo: Cortez, 2004.117 p.RUSSO, Renato. MAIS UMA VEZ.Disponível em: http://letras.terra.com.br/renato-russo/65550/. Acesso em: 02
  • 13. maio de 2011.SILVA, Ana Beatriz Barbosa. BULLYING: mentes perigosas nas escolas. Riode Janeiro: Objetiva, 2010.187 p.SILVA, Waldeck Carneiro da. MISSÉRIA DA BIBLIOTÉCA ESCOLAR. SãoPaulo: Cortez, 2003. 119 p.VANIEL, Berenice Vahl. COMPREEDENDO A COGNIÇÃO SOB APERSPECTIVA DA ENAÇÃO.Disponivel em: http://www.uab.furg.br//mod/resource/view.php?id=13621.Acesso em: 29 abr. 2011.