• Save
Insights de design urbano
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Insights de design urbano

on

  • 1,245 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,245
Views on SlideShare
1,245
Embed Views
0

Actions

Likes
1
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Insights de design urbano Insights de design urbano Document Transcript

  • Insights sobre Design Urbano agosto, 2012 Documento licenciado a Luis
  • Índice1. Definições 32. Objetivo e Metodologia 43. Tendências, Cool Examples: e 1ºs Insights por Tendência a. Cool & The City 5 b. Cool Nostalgia 23 c. Cool Hope 28 d. Cool Sustainability 324. Resumo de 1ºs Insights por Tendência 355. Insights Finais 36 Documento licenciado a Luis
  • 1. DefiniçõesTENDÊNCIAUma Tendência é um processo de mudança que resulta da observaçãodo comportamento dos consumidores e que origina a criação e odesenvolvimento de novas ideias: de negócio, de produto ou serviço, demarca ou de ação.É um processo de mudança comportamental que está assente emmentalidades emergentes e que é suportada, posteriormente, eminterpretações passíveis de gerar capazes de seremconvertidos em negócios.COOLHUNTA observação etnográfica e qualitativa com o registo disciplinado emetodológico de acontecimentos e fenómenos Culturais, Sociais,Humanos e Políticos, mas também de Marketing, Comunicação e Gestãocom vista à identificação de Tendências e construção de insightsempresariais para potenciar a Inovação.COOL EXAMPLESSão observações individualizadas que são recolhidas pelosobservadores de Tendências (Coolhunters) e que para serem válidas eúteis aos propósitos de um devem:1. Ser representativas da(s) Tendência(s) em observação/análise;2. Ser atrativas ou seja, que chamem a atenção;3. Ser ispiradoras ou seja, que tenham a capacidade de gerar para além da sua interpretação mais óbvia;4. Indicar ter potencial de crescimento ou a capacidade de contagiar grupos e segmentos de pessoas. 3 Documento licenciado a Luis
  • 2. Objetivo do Documento1. Objetivo Obter Insights oriundos das Tendências e Mentalidades do Consumidor para projetar caminhos para o futuro do Design Urbano, já que: a. Mais de 50% das pessoas no mundo vivem hoje em cidades, já não mais, como no passado, forçadas pelas migrações e transformações geradas pela Revolução Industrial, mas sim porque querem e gostam. E as projeções indicam que, em 50 anos, este percentual estará entre os 70 e os 80%; b. Pelo que o Design Urbano transcende a sua função meramente planeadora e urbanística e abarca aspetos sociais tão distintos e importantes como a inclusividade, a integração ou a reintegração social, os movimentos espontâneos de revolta ou júbilo e, claro e subjacente a todos, a sustentabilidade que já deixou de ser um movimento e passou a ser uma necessidade cada vez mais absoluta.2. Metodologia Qualitativa; 100% em linha com os princípios e métodos de Coolhunting desenvolvidos e praticados pela Ayr Consulting. 4 Documento licenciado a Luis
  • Cool & The - O que é IMAGEM Cool & The City é uma Mentality Trend que também espelha um driver ou que vai, para sempre, influenciar o DNA das sociedades. Mais de metade da população mundial vive em grandes cidades e vive-a com tanta intensidade como uma terra-natal. E querem torná-la a SUA cidade, cuidar dela e decorá-la como se fosse a SUA casa, e, assim torná-la de um simples local de moradia para uma localidade de vida e com vida, e cujas vertentes principais são: . Ter pontos de - Acolher Reverter a sua bem a todos degradação Refletir a sua personalidade 5 Documento licenciado a Luis
  • - Cool ExamplesAs Cidades do Design e o Design para as CidadesO QUE É?As Cidades do Design:Helsinki foi nomeada a Capital Mundial do Design de2012 pelo Concelho Internacional das Sociedades deDesign Industrial, com a candidatura Aberta Entronizando o Design na baseada numambicioso programa de criação e utilização dedesigns que realmente façam uma diferença paramelhorar a vida da cidade, em caráter quasepermanente. IMAGEMPORQUE É COOL?1. Porque um número cada vez maior de cidades jáentende a importância de utilizar o Design emconjunção com o Planeamento Urbano, por forma acanalizar o potencial criativo que nelas existe eaumentar a qualidade de vida, mais e para maisgente, sempre, como demonstram Shanghai (com oseu Bonitas, Mentes e, agora,Helsinki;2. E porque cada vez mais vemos que a cidade é o para a maioria das pessoas e que édever de todos cuidar mais e melhor delas o local aque chamamos de nossa e não somenteonde moramos, mas sim vivemos. Ter pontos de -stressing Acolher Reverter a sua bem a todos degradação Refletir a sua IMAGEM personalidade 6 Documento licenciado a Luis
  • - Cool Examples A cidade pertence-nos A interpretação do artistaO QUE É?O Elevado Presidente Costa e Silva, mais conhecido como é a maior via rápida de São Paulo,que atravessa o centro e por onde passam diariamente centenas de milhares de motas, carros e autocarros.Numa manhã de Domingo, o artista e fotógrafo Felipe Morozini e 21 amigos/colaboradores, o e utilizaram uma tinta à base de cal (de forma a não infringir a lei que proíbe o uso de Graffiti)para pintarem flores no alcatrão. Esta equipa transformou esta estrada, inicialmente sem graça, numaverdadeira obra de arte, que pode ser vista e admirada diariamente pelas centenas de milhares de pessoasque vivem (inclusive o próprio Felipe) e trabalham perto.PORQUE É COOL?Porque mostra o quanto os cidadãos realmente querem valorizar a qualidade de vida nas cidades. E, nestecaso específico, pela de uma área 100% funcional e importante para São Paulo mas, aomesmo tempo, extremanente feia, poluída e invasiva da privacidade dos que residem e trabalham ao seuredor. Ter pontos de -OUTRAS TENDÊNCIAS RELACIONADAS: Acolher Reverter a sua- Cool Wonderlands & Human Pearls; Identities Narrated degradação bem a todos Refletir a suahttp://www.babelgum.com/4003990/suspended-garden-babylon.html personalidade 7 Documento licenciado a Luis
  • - Cool ExamplesSujando as ruas com arteO QUE É?Ben Wilson é um artista que cria pinturas emminiatura feitas a partir de pastilhas elásticas queestão coladas ao chão.Ele tem feito isto nos últimos sete anos em váriaspartes de Londres e da Europa, esforçando-se por algo que algumas pessoas achariamnojento em algo artístico e .PORQUE É COOL?Porque mostra que a arte pode ser inspirada eencontrada nos sítios mais banais e aparentementeimpossíveis. E também porque atua como um avisosurpreendentemente eficaz da absoluta necessidadede dar vida aos cada vez mais decadentes centrosurbanos e evitar, não a sua morte, mas a suaviragem para cenários deploráveis e inerradicáveisque só podem gerar miséria e violência. Ter pontos de - Acolher Reverter a sua bem a todos degradação Refletir a sua personalidade 8 Documento licenciado a Luis
  • - Cool Examples GUMWALL: Uma parede que tem históriaO QUE É?De Seattle, USA, chega-nos a Gum Wall, uma parede de tijolo completamente coberta com pastilha elásticaem 4,5 metros de altura e 15 metros de comprimento. Situada em Post Alley, por baixo de Pike PlaceMarket, esta parede tornou-se uma obra de arte iniciada em 1993, onde as pessoas colam pastilhaselásticas e moedas criando a sua única.Considerada uma Art das massas, esta parede tornou-se uma das principais atracões turísticas em2009 em Seattle.PORQUE É COOL?Street Art é expressa em diversas formas e feitios, onde as pessoas expressam os seus sentimentos eliberdade na cidade que amam, tentando conectar-se com aqueles que os rodeiam.Esta ideia, não só é uma mais valia para a cidade que fica com uma referência única comparativamente àsoutras cidades do mundo, como para as pessoas que, ao participarem no dessa parede depastilha elástica, aliviam o stress, expressando os seus sentimentos de forma criativa. Ter pontos de - Acolher Reverter a sua bem a todos degradação Refletir a sua personalidade 9 Documento licenciado a Luis
  • - Cool Examples "Street Art" Baseada na LocalizaçãoO QUE É?Um artista francês chamado OX, utiliza os outdoors de forma muito inteligente. Ele usa o ambiente que estáem redor do mesmo, para criar algo único e diferente. O conceito extra associado a este movimento é queOX cria, não só um outdoor único, mas também um tipo de publicidade que está conectado com o ambiente.PORQUE É COOL?É um facto que os out-doors e peças de mobiliário urbano, por melhores que sejam, a paisagemurbana. O exemplo de São Paulo, que os baniu de todo, pode ser extremo, mas reflete o desejo de umacidade mais limpa e mais bonita (ou menos feia). Esta proposta de OX vai um passo mais adiante, eprovoca a simbiose entre o comercial e o artístico, pelo embelezamento de cores e formas que a utilizaçãodas molduras de Mupis e Out-Doors trazem como veículos de arte genuinamente urbana. Ter pontos de - Acolher Reverter a sua bem a todos degradação Refletir a sua personalidade 10 Documento licenciado a Luis
  • - Cool Examples Spacebox - mini moradias com dignidade a baixo custoO QUE É?Criadas pela Universidade de Utrecht, estas minimoradias de baixo custo medem entre 18 e 23m2 e têmespaço suficiente para uma cozinha e uma casa debanho. O seu design permite que sejam usadas como ou empilhadas como um edifício e o materialusado permite que sejam pintadas com cores vivas, oque cria bonitas combinações.Foram criadas com o objetivo de hospedar estudantes,mas o seu potencial como detornou-se aparente devido ao facto de serem cómodas epráticas a baixo custo. Também a sua resistência e bomaspeto estão a transformá-las numa proposta alternativaàs zonas delapidadas com grande necessidade deresidências com preço acessível mas com dignidadepara pessoas com salários baixos.PORQUE É COOL?Numa altura em que a decadência do centro da cidade,os sem-abrigo, as medidas de corte de despesas e asmoradias socias degradadas se estão a tornar umproblema cada vez maior, conceitos como Spaceboxapresentam uma solução de confiança para todos essesproblemas dando um toque de beleza e, acima de tudo,dignidade, o que fará com que as áreas onde sãoconstruídas e as pessoas que lá habitam tenham ummelhor aspeto e disposição. Ter pontos de - Acolher Reverter a sua bem a todos degradação Refletir a sua personalidade 11 Documento licenciado a Luis
  • - Cool Examples Camilla Watson Photography Tributo: A Mouraria renovadaO QUE É?Camilla Watson é uma fotógrafa britânica que há 4 anos vive em Lisboa, na Mouraria. Faz das ruas umpalco, tornando a sua produção fotográfica numa instalação outdoor. Neste caso, trata-se de umamanifestação artística onde compõe fotografias de grande formato em ambientes naturais. A sua obrapropicia uma relação especial com o espectador desde o momento em que é preparada. A tela é a pedradas casas que o tempo extenuou. Reencarna em paisagem urbana.No projeto Camilla "prega" os moradores às paredes dos prédios como se eles própriosfizessem parte dos muros do Bairro. Para fazer chegar o seu trabalho a viajantes e amantes da Mouraria,Camilla chega a fotografar fotos de outras fotos projetando depois uma realidade multiplicada, saturada delembranças e recordações. O seu tema-chave são as comunidades locais. As pessoas.PORQUE É COOL?Numa sociedade cada vez mais envelhecida e num dos bairros mais multiculturais e multirraciais de Lisboa,valorizam-se as origens. Dá uma nova alma ao bairro, humanizando-o e personalizando-o.Espelha, de forma inequívoca, que as histórias dão solidez e raízes e a cidade passa a pertencer-nos. Ter pontos de -OUTRAS TENDÊNCIAS RELACIONADAS:- Cool Compassion; Identities Narrated Acolher Reverter a sua bem a todos degradação Refletir a sua personalidade 12 Documento licenciado a Luis
  • - Cool ExamplesA Torre DinâmicaO QUE É?Dynamic Tower, projetado por Jurgen Adriaansen,onde cada andar se move separadamente, e oedifício se auto sustenta devido às suas turbinas querecebe energia do vento - energia eólica.PORQUE É COOL?Porque reflete, ao mesmo tempo, a dinâmica da IMAGEMcidade sempre em movimento, sempre mutantecom um nível de auto sustentabilidade e depreservação que manda uma mensagem importantede pertença, partilha e compreensão. Ter pontos de - Acolher Reverter a sua bem a todos degradação Refletir a sua personalidade IMAGEM 13 Documento licenciado a Luis
  • - Cool ExamplesO Edifício que aterra em qualquer ladoO QUE É?Até agora, uma pessoa tinha que viver numacaravana caso quisesse ter paisagens diferentes dasua casa. No entanto, alguns engenheiros earquitetos finlandeses muito inteligentes deram a estesentimento de liberdade uma nova dimensão muitomaior e relevante.Criaram e construíram o primeiro domundo, presentemente localizado em Turku, na costasudoeste da Finlândia.É um edifício de 3 andares, com 10 metros de altura,com um peso de cerca de 220 kg e é concebido paraaguentar terramotos e ser movido para qualquer ladono globo, com a ajuda de uma grua.PORQUE É COOL?1. Porque redefine verdadeiramente e muitoprovavelmente enaltece o conceito de que atéagora significava a localização dessa mesma casa,sempre no mesmo sitio, para sempre. Agora, aé um edifício onde vivemos com todo o conforto esentimentos que ela nos confere, e o sitio onde esta élocalizada pode variar dependendo do prazer ou danecessidade;2. E também porque é uma prova viva e móvel deque o Design, mais do que nunca, deve combinar o Ter pontos deWow, How and How Good . - Acolher Reverter a suaOUTRAS TENDÊNCIAS RELACIONADAS bem a todos degradação- Design = WOW + HOW + HOW GOOD. Refletir a sua personalidade 14 Documento licenciado a Luis
  • - Cool Examples A ponte que torna mais claro o caminho a seguirO QUE É?Criada com o objetivo de ser um símbolo de ligação entre o velho e o novo distrito da cidade de Tblisi,capital da Geórgia, a Ponte da Amizade ponte possui milhares de LEDs espalhados na sua estrutura.Os LEDs agem em conjunto com a enorme quantidade de vidro, presente tanto nos corrimões quanto noteto da construção, de forma a clarear a passagem por completo durante a noite.PORQUE É COOL?Porque, para além de agir como um elo de ligação e reconciliação entre o passado e o presente e, ainda,das múltiplas etnias e culturas que compõem a maioria das antigas Repúblicas Soviéticas, ela passa umamensagem ao mesmo tempo forte e clara: o caminho a seguir para seguirmos todos em frente é o daclareza e da transparência, todo o tempo. Ter pontos de - Acolher Reverter a sua bem a todos degradação Refletir a sua personalidade 15 Documento licenciado a Luis
  • - Cool ExamplesViajando com a natureza onde ela menos existeO QUE É?Uma série de autocarros cujos interiores foramtransformados em belos jardins, em São Paulo,Brasil.PORQUE É COOL?Porque, com o tráfego cada vez mais congestionadoe a poluição sonora, visual e auditiva cada vezmais forte nas grandes cidades e megalópoles comoSão Paulo e outras, iniciativas como esta, ainda quepassageiras, reativam ou mesmo ativam pelaprimeira vez para muitos um contacto com anatureza que nos quebra a rotina, nos ensina queexiste vida para além do que as cidades nosoferecem e nos ajudam, pelo contraste, a relaxar e arecarregar as nossas baterias. Ter pontos de - Acolher Reverter a sua bem a todos degradação Refletir a sua personalidade IMAGEM 16 Documento licenciado a Luis
  • - Cool Examples Semáforos que reduzem o stress do tráfegoO QUE É?O designer Thanva Tivawong inovou na representação dos semáforos ao introduzir um novo conceito maisagradável, intuitivo e sofisticado: ampulhetas.Estes dispositivos utilizam a iluminação à base de LEDs e destacam-se por possuir um baixo consumo deenergia e proporcionar visibilidade superior aos semáforos tradicionais. O sistema também fornece umaclara noção de tempo de tráfego aberto ou fechado aos condutores e peões.PORQUE É COOL?Porque, para além de ser visualmente bonito e fácil de entender, contribui em muito para a do no tráfego, o que reduz os níveis de stress de condutores e peões e contribui, assim, para asegurança e qualidade de vida nas cidades. Ter pontos de - Acolher Reverter a sua bem a todos degradação Refletir a sua personalidade IMAGEM 18 Documento licenciado a Luis
  • - Cool ExamplesL.O.V.E. - mais conhecido como "o dedo médio"O QUE É?L.O.V.E. é uma escultura de 4 metros de altura, feitapelo artista italiano Maurizio Cattelan, exibido em frenteao edifício de valores de bolsa de Milão. O que oespectador vê é uma grande mão, com os dedos todoscortados, com exceção do dedo do meio. O gesto, naótica de Cattelan, é dirigido contra todas as ideologias.De facto, o gesto é provocativamente "não intencional",como se o dedo médio fosse a única parte da mão querestou de uma saudação nazi. A escultura, altamentecontroversa, tem despertado tanto emoções deentusiasmo como de polémica. IMAGEMPORQUE É COOL?Porque a colocação do Dedo Médio de Cattelan emfrente a um lugar de poder económico faz da estátuaum símbolo aberto a múltiplas interpretações: É umgesto para com o edifício (e assim, para com o mundofinanceiro) dirigido para nós como cidadãos econsumidores? Ou talvez, uma mensagem enviada aosgovernantes ocultos do mundo, cujo poder atropela osgovernos e as pessoas?A escultura e o autor não revelam explicitamente o seusignificado. Mas movimentos como o "Ocuppy WallStreet" e "Indignados" tornaram-se conhecidos daopinião pública muito antes do "Dedo Médio", podendousar L.O.V.E como símbolo de suas alegações contra oestabelecimento económico. Ter pontos de - Acolher Reverter a sua bem a todos degradação Refletir a sua personalidade 19 Documento licenciado a Luis
  • - Cool ExamplesEste bar é para dormir (mesmo)O QUE É?Uma das grandes novidades em Paris está destinada adar sono, muito sono. O ZZZ Zen - Le Bar à Siestepropõe... sonecas.Nada como uma sesta a meio de um dia cansativo,certo? É sob esse mote que nasceu este "bar" central,que pode ser muito útil para os turistas que percorremquilómetros diariamente pela Cidade Luz ou para oslocais que trabalham longe de casa e muitas vezesnecessitam fazer uma pausa a meio do dia para reporenergias.Num edifício de quatro pisos, em ambienteabsolutamente calmo e calmante, há cabinas derelaxamento com camas que dão massagens shiatsu ecadeiras de gravidade zero, às quais se pode adicionaros serviços de manicura ou pedicura.Com direito a música ambiente indutora dorelaxamento, o dorminhoco cliente pode descansar até45 minutos.PORQUE É COOL?Cada vez mais vivemos numa corrida contra o tempoem que nos é exigida uma produtividade máxima ehoras e horas de trabalho. O ser humano não é ilimitadoe precisa muitas vezes de parar para relaxar e reporenergias. Ter pontos dePermite a qualquer pessoa, independentemente dos -seus motivos, fazer uma pausa na sua vida frenética,quer esteja de visita (e todos sabemos o quão cansativo Acolher Reverter a suapode ser visitar uma cidade), quer esteja no seu dia-a- bem a todos degradaçãodia regular. Refletir a sua personalidade 20 Documento licenciado a Luis
  • - 1ºs InsightsIMAGEM 1. Adaptabilidade e mobilidade estruturais serão cada vez mais importantes: a. Para dar respostas mais rápidas e eficazes aos influxos de residentes para as cidades e às suas movimentações internas dentro das cidades; b. E para refletir a cada vez mais desejada mobilidade social que as cidades prometem e que, cada vez mais, terão de cumprir. 2. A - preventiva e/ou corretiva transcenderá cada vez mais o plano puramente estético para atuar em 3 vertentes cruciais: a. Redução do estímulo à criminalidade e comportamento anti- social; b. Aumento da sustentabilidade infra e supra-estrutural de prédios, instalações e equipamentos; c. Manutenção de níveis de comércio e geração de receitas dentro de cada comunidade. 3. Megalópoles feitas de micro-comunitários, como resposta à necessidade de uma - mais direta, eficiente e eficaz no seio das megalópoles, por contraposição à burocracia e peso das Juntas e Freguesias de hoje. 4. Cada vez mais - que complementarão os grandes parques e áreas públicas, para amenizar a cada vez mais dura e stressante diária imposta pelas megalópoles. 21 Documento licenciado a Luis
  • Cool Nostalgia - O que é IMAGEM Nostalgia fala-nos da o de valores ticos e mbolos de uma o passada, recorrendo a ncias ticas ou es fortes que m dar um novo valor s ncias atuais. O desejo de recordar e reviver os cones do passado, exponencia a surpresa quando as encontramos. O sentimento de a vai muito mais m do que a simples o de um objeto que nos pertenceu um dia.     22 Documento licenciado a Luis
  • - Cool Examples Via Catarina Sensação de baixa da cidade num ShoppingO QUE É?O Via Catarina é um centro comercial moderno no Porto, situado numa das zonas de comércio maistradicionais na adorada cidade, que conseguiu estabelecer um bom equilíbrio entre necessidadesarquitetónicas e comerciais, que afetam a própria experiência de compra.Não só conseguiram preservar a fachada do antigo edifício que serve como entrada principal, mas também(e através do uso engenhoso de fachadas simuladas da época no lado de dentro) reproduzir a sensação deuma antiga rua da baixa do Porto, sem comprometer a ergonomia e a rentabilidade de cada m2, que sãoessenciais para o sucesso de qualquer centro comercial e, daí, conseguir atrair uma vasta gama de marcasverdadeiramente modernas.PORQUE É COOL?1. Porque numa altura em que os centros comerciais urbanos parecem cada vez mais iguais e representamuma ameaça aos edifícios mais antigos que são uma importante parte da estrutura das cidades, conseguesensibilizar e dar um novo ar a um edifício que estaria, de outra forma, condenado a tornar-se devoluto ouaté a ser demolido.2. Porque ao não mentir relativamente à autenticidade do seu interior e ao procurar reproduzir as fachadasde edifícios do passado, traz uma amostra da autenticidade do serviço e da atmosfera morosa de dias hámuito vividos, quando o comércio na baixa era uma verdadeira experiência;3. E também porque o louvar de tempos que teriam um proeminente serviço ao cliente serve como estímuloa um nível de atenção e serviço mais personalizado dentro de um espaço que, de outra forma, quase oexcluiria. 23 Documento licenciado a Luis
  • - Cool Examples Azulejos Portugueses se encontram com o Graffiti UrbanoO QUE É?Em Portugal, o azulejo é mais do que um mero elemento decorativo com pouco valor intrínseco. Tem sidoum meio importante para a expressão artística portuguesa à mais de cinco séculos. E agora o está a levar esta maravilhosa arte um passo mais à frente e a reinventar a históriamisturando a linguagem do graffiti urbano com os estilos e métodos do azulejo tradicional, e como tal,mantendo a sua alma intacta, mas transformando-a numa explosão de cores, personagens, formas epormenores que expressam as necessidades contemporâneas urbanas com uma expressão artística.PORQUE É COOL?1. Porque prova, de uma forma artística surpreendente, a extraordinária capacidade portuguesa de sereinventarem constantemente e, ao mesmo tempo, mantendo os elementos essenciais da sua pessoa ealma: confrontação sem violência; protestos sem destruição; revolução sem (demasiada) disrupção.2. E também parece-se e comporta-se como um azulejo tradicional, e como tal, não choca o que está emseu redor, trazendo uma mensagem potente que chama a atenção aos pormenores a serem descobertos.www.addfueltothefire.com 24 Documento licenciado a Luis
  • - Cool Examples Retrô Cabelo e Estilo de um Tempo em que os Salões de Cabeleireiros eram locais de EstiloO QUE É?Retrô Hair (com o acento tónico no último para tornara sua pronúncia mais é um salão decabeleireiro localizado na Rua Augusta, mesmo no centroda rua de compras no distrito de São Paulo.A sua decoração é uma mistura de novo com velho, e,essencialmente procura recapturar a atmosfera e,vamos lá dizer, mais civilizada e exclusiva e muitomenos stressante desse lugar dos anos 50 e 60, pelo seudesign, serviço, atenção ao pormenor e, sim, penteadosque podem variar dos mais clássicos e intemporais até aomais arrojados e modernos.PORQUE É COOL?1. Porque, como o Brasil continua a subir a curva decrescimento, as mega cidades como São Paulo tantobeneficiam como sofrem disto devido ao crescimento deproblemas inevitáveis que tendem a reduzir a qualidadede vida e o caráter de muitas áreas emblemáticas. Destaforma, o toque do Retro-chic como este, ajuda arecapturar e a preservar o espírito das ruas que semprefoi querido e estimados pelos ;2. E porque também prova que a é umareceita muito boa para se olhar para o futuro com menosstress, confiança renovada e, porque não, um estilo egosto arrojado que ajuda sempre.http://www.retrohair.com.br/blog/sobre/ 25 Documento licenciado a Luis
  • - 1ºs InsightsIMAGEM 1. Revalorização da qualidade, real e percebida, é o conceito-chave: a. De estruturas e áreas que realmente fazem parte do ADN de cada cidade; b. De hábitos, costumes e heranças culturais que formam as suas personalidades e lhes dão uma identidade e geram um sentimento de pertença que será cada vez mais importante para evitar a sua degradação; c. E de níveis de serviço que quanto mais altos forem mais terão reflexo na prática da cidadania. 2. O conceito de será reduzido e temperado pelo de : a. Estilos b. Técnicas e materiais. 3. Os de surgirão e terão voz ativa: a. Nas concessões de licenças de construção e restauração de imóveis e áreas; e b. Na criação e manutenção de que mantenham, reflitam, propaguem e dinamizem e a história e a herança de cada bairro e comunidade. 26 Documento licenciado a Luis
  • O que éIMAGEM O Cool Hope nasceu de um extremo sentimento de otimismo gerado pela fé num mundo melhor e nas capacidades infinitas do ser humano em alcançar feitos incríveis. No fundo, temos bastante consciente o que é realmente importante na vida e o que faz sentido. Estamos mais alertas e motivados para o dever cívico e responsabilidade social como nunca. Pois, sentimo-nos mais otimistas, com uma capacidade surpreendente de perseverança, tornando todas as adversidades úteis, pedagógicas e reveladoras de uma nova forma, mais saudável e revitalizante, de encarar a vida. 27 Documento licenciado a Luis
  • - Cool ExamplesMovimentos no GraffitiO QUE É?Reverse Graffiti é um estilo de Artque em vez de usar tinta para pintar as paredes, sãousados stencils e água pressurizada, criando formase desenhos. O pioneiro deste movimento chama-sePaul Curtis, também conhecido por Moose.PORQUE É COOL?Através de um comportamento artístico e criativo,Paul Curtis é capaz de se expressar através de StreetArt, mas a unicidade está na sua ideia de mostrar apoluição e sujidade que cobrem as cidades.Apesar de limpar a sujidade da cidade com a suaarte, e tentar elevar a preocupação das pessoas paraessa situação, este tipo de artista continuam a sermarginalizados. IMAGEM 28 Documento licenciado a Luis
  • - Cool ExamplesO QUE É?Nikita Normez é um artista cuja missão consiste emestimular a reabilitação de espaços decadentes oumesmo abandonados no seu país nativo: a Rússia.E ele desenvolveu esta técnica única e impactante apartir do graffiti, dando expressões faciais a paredesque riem. Sim! Sorrisos enormes que não passamdespercebidos e que chamam a atenção para todosquantos os cruzam para dois pontos: a necessidadede substituir por um a tristeza de áreas ecidades abandonadas onde antes havia vida etambém porque pode e muitas vezes conseguecriar diversão.PORQUE É COOL?Porque realmente eleva a arte urbana a um outronível, do ao the ground.http://vimeo.com/32435748 29 Documento licenciado a Luis
  • - 1ºs InsightsIMAGEM 1. Cada vez maior transformação da arte em the seja para: a. Transmitir mensagens de alerta, protesto ou motivação; b. Pura e simplesmente, decorar. 2. Criação e manutenção de compostas de muros, paredes e espaços públicos destinados a: a. Galerias de arte popular; b. Foruns de manifestações e debates; c. Centros de combate a problemas sociais. 30 Documento licenciado a Luis
  • O que éIMAGEM Movimentos, protestos e constantes avisos alertam-nos para um planeta em perigo. Produtos ecológicos são viáveis mas demasiado caros. Grandes marcas dão o exemplo com alterações nas suas políticas em relação ao meio ambiente e aquecimento global. Precisamos ser mais inovadores num mercado globalizado. Uma maior sensatez e pró-atividade emergentes nas gerações mais novas os mais velhos. 31 Documento licenciado a Luis
  • - Cool ExampleO prédio que produz dividendos energéticosO QUE É?A Elithis Tower em Dijon, França, é o primeiro prédiodo mundo considerado energeticamente positivo, jáque gera muito mais energia do que realmente gastae descarrega seis vezes menos gases do efeitoestufa do que um edifício comercial padrão.E também conta com um grande painel quedisponibiliza a todos dentro e fora - os dadosambientais do prédio, tais como: consumo de energiadiário, quantidade de lixo reciclado, consumo deágua, etcPORQUE É COOL?Porque prova que as empresas, para além de terema obrigação de gerarem lucros e dividendos, tambémpodem e devem gerar dividendos ambientais, algoque agora, com este exemplo, se pode dizer que vaicontribuir positivamente para o balanço dasempresas que lá estão sediadas bem como para obalanço da sustentabilidade. Algo a seguir, melhorare praticar mais e mais.OUTRAS TENDÊNCIAS RELACIONADAS- Total Transparency. 32 Documento licenciado a Luis
  • - Cool Example A Casa GirassolO QUE É?É uma casa que roda 360º de forma a aproveitar todas as potencialidades do sol. Foi este o projetovencedor da primeira edição do Prémio SIM, um concurso da responsabilidade do Movimento SIM daSamsung Portugal, destinado a ideias criativas e inovadoras.A "Casa Girassol" foi desenvolvida por três portugueses: Pedro Bandeira, Filipe Bandeira e Dulcineia Nevesdos Santos. No seu conceito está um espaço rotativo, capaz de girar à procura do máximo de eficiênciaenergética solar numa perspetiva de auto sustentabilidade.O projeto vai ser posto em prática, num terreno em Coimbra.PORQUE É COOL?Num mundo em que os recursos energéticos escasseiam, esta casa aproveita a energia pura que oambiente disponibiliza, como o sol e o vento, utilizando a sua máxima eficiência, sem lhes causar qualquerprejuízo. A isto chama-se sustentabilidade! E o Planeta Terra depende dela para sobreviver. 33 Documento licenciado a Luis
  • - 1ºs InsightsIMAGEM A sustentabilidade passará a ser o denominador para qualquer projeto e passa e reperesentar Eficácia: a. Energética e Ecológica - Emissões, eficiências energéticas, consumos, etc.; b. Ocupacional - Vida útil projetada em consonância com o tecido arquitetónico e social envolvente, sem necessidades maiores de adaptações e/ou alterações de infra e/ou superestruturais de monta. c. Comercial - Valor projetado de retorno vis-à-vis ou de construção, incorporação e manutenção, incluindo aí o imanente a cada área e/ou localização dentro de cada área. 34 Documento licenciado a Luis
  • Resumo de 1ºs Insights por Tendência 1. Cool & The City a. Adaptabilidade e mobilidade estruturais serão cada vez mais importantes: b. IMAGEM - para atuar em 3 vertentes cruciais: a. Criminalidade e comportamento anti-social; b. Sustentabilidade infra e supra-estrutural; c. Comércio e geração de receitas. c. - por contraposição à burocracia das Juntas e Freguesias. d. - amenizar a diária imposta pelas megalópoles. 2. Cool Nostalgia a. Revalorização da qualidade de estruturas, sentimento de pertença e níveis de serviço. b. Menos e mais : c. de para gerir o tecido urbano e a memória destes. 3. Cool Hope a. Transformação da arte em the ; b. para galerias de arte popular, foruns de debates e combate a problemas sociais. 4. Cool Sustainability Sustentabilidade passa a reperesentar Eficácia: i. Energética e Ecológica; ii. Ocupacional; iii. Comercial . 35 Documento licenciado a Luis
  • Insights Finais (1) 1. O Urbanismo será supersedido pelo Design Urbano: a. Que não pertencerá predominantemente aos Arquitetos e incluirá Designers, Sociólogos e Marketeers, não só para infra ou superestruturas, mas sim para a criação de conceitos urbanos residenciais, comerciais, industriais e até agrários; b. Aos quais se irão juntar, em muitos casos, as grandes empresas, devido: a. À oportunidade do alargamento ao Design Urbano das suas políticas de Responsabilidade Social; e, ao mesmo tempo b. Da necessidade ditada pelo cada vez maior aperto dos fundos públicos para obras e projectos que não sejam infra-estruturais. 2. O Design Urbano reconhecerá a origem orgânica das cidades, ou seja, a necessária e inescapável ação dos habitantes na sua criação, manutenção e alteração para melhor ou pior; 3. Portanto, conterá permanente a participação da população, num processo de - : a. Despoletado e dirigido por propostas-base dos Arquitetos, Designers, Sociólogos e Marketeers: i. Quer para o desenvolvimento de novas áreas; ii. Quer para a recuperação ou alteração de áreas existentess, sejam de raiz, sejam para colmatar b. Trabalhado 3 níveis , mais e mais interligados: i. Urbano/Cultural Tudo o que tenha a ver com a herança e a identidade arquitetónica e cultural de uma cidade; ou ii. Urbano/Arquitetural Tudo o que de complemente ou suplemente o Urbano/Arquitetural; iii. Urbano/Funcional Tudo o que tenha a ver com o funcionamento direto ou indireto do Urbano/Cultural e Urbano/Arquitetural. 36 Documento licenciado a Luis
  • Insights Finais (2) 4. Nos 3 níveis do processo de co-creation, o Design Urbano terá em conta, para além dos quesitos Arquitetónico, Estrutural (infra e super) e Paisagístico, os seguintes outros indissóciáveis da sua essência e aplicação: a. Mobilidade e adaptabilidade: a. Pessoal; b. E de parte de edifícios e estruturas. b. Inclusividade cultural, social e religiosa; c. Saúde e bem-estar, passiva e ativa; d. Redução/desestímulo a focos de: a. Comportamento anti-social; b. Degradação por abandono de prédios e equipamentos; c. Degradação ambiental. e. Contenção/redução da das inevitáveis megalópoles pela existência de espaços e superfícies localizados comunitariamante: a. De incentivo à produção cultural localizada; b. De preservação e/ou revitalização histórico/cultural . 5. Sustentabilidade = Eficácia 37 Documento licenciado a Luis
  • Documento licenciado a Luis