Direção Defensiva:   Pegue carona nessa ideia       Imagem: Portal São Francisco
TUDO QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE       DIREÇÃO DEFENSIVA112    O QUE É DIREÇÃO DEFENSIVA?34   CONSENQUÊNCIAS E RISCOS DA ...
1    O QUE É DIREÇÃO       DEFENSIVA?
DEFININDO A DIREÇÃO DEFENSIVAÉ o tipo de direção responsável e segura, que se baseia em regras quevisam preservar a vida, ...
2    CONSEQUÊNCIAS E RISCOS    DA DIREÇÃO IMPRUDENTE
CONSEQUÊNCIAS E RISCOS DA DIREÇÃO    IMPRUDENTEA maioria dos motoristas não consideram o trânsito como um ambiente perigos...
3    CARROS: FUNCIONAMENTO,    MANUTENÇÃO E CONDUÇÃO
CARROS: FUNCIONAMENTO, MANUTENÇÃO E  CONDUÇÃODirigir com segurança requer que o motorista se sinta seguro com o veículo qu...
CARROS: FUNCIONAMENTO, MANUTENÇÃO ECONDUÇÃO| Cuidados gerais: •   Combustível: veja se o indicado no painel é suficiente p...
CARROS: FUNCIONAMENTO, MANUTENÇÃO ECONDUÇÃO| Cuidados com os pneus:•    Calibragem: siga as recomendações do fabricante do...
CARROS: FUNCIONAMENTO, MANUTENÇÃO E    CONDUÇÃO    | Cuidados com o cinto de segurança:•     Veja se os cintos não têm cor...
CARROS: FUNCIONAMENTO, MANUTENÇÃO E    CONDUÇÃO    | Cuidados com o sistema de iluminação:•      Faróis queimados, em mau ...
CARROS: FUNCIONAMENTO, MANUTENÇÃO ECONDUÇÃO| Cuidados com os freios:•    Nível de fluido baixo: é só observar o     nível ...
4    MOTORISTA: COMPORTAMENTO       E MUDANÇA DE HÁBITO
MOTORISTA: COMPORTAMENTO E MUDANÇADE HÁBITOSTão importante quanto fazer a manutenção do seu carro regularmente é fazer o u...
MOTORISTA: COMPORTAMENTO E MUDANÇADE HÁBITOS •    Usar o telefone celular ao dirigir, mesmo que seja viva voz; •    Assist...
MOTORISTA: COMPORTAMENTO E MUDANÇADE HÁBITOSAgora que você já sabe o que o motorista do veículo não deve fazer, confira ab...
MOTORISTA: COMPORTAMENTO E MUDANÇADE HÁBITOS•       Utilize calçados que fiquem bem fixos aos seus pés,        para que vo...
5    CARACTERÍSTICAS E REGRAS      DAS VIAS DE TRÂNSITO
CARACTERÍSTICAS E REGRAS DAS    VIAS DE TRÂNSITO    As vias públicas são os espaços por onde circulam os agentes do sistem...
CARACTERÍSTICAS E REGRAS DASVIAS DE TRÂNSITO•   Estreitamento de pista: redobre sua atenção, reduza a velocidade e a    ma...
6    AÇÕES DA NATUREZA E SEUS             RISCOS
AÇÕES DA NATUREZA E SEUS RISCOSAlgumas ações da natureza tornam as vias de trânsito ainda mais perigosas. Por isso, ocondu...
AÇÕES DA NATUREZA E SEUS RISCOS•   Neblina ou cerração: acenda a luz baixa do farol para melhor a visibilidade,    aumente...
7    RESPEITO AO MEIO AMBIENTE      E CONVIVÊNCIA SOCIAL
RESPEITO AO MEIO AMBIENTE E CONVIVÊNCIA    SOCIAL     Nos últimos anos, o planeta tem sofrido com o efeito do aquecimento ...
RESPEITO AO MEIO AMBIENTE E CONVIVÊNCIASOCIAL•   Não acelere quando o veículo estiver em ponto morto ou parado no trânsito...
6    INFRAÇÕES E PUNIÇÕES
INFRAÇÕES E PUNIÇÕESUm motorista responsável é aquele que evita cometer infrações no trânsito, não sópara fugir das puniçõ...
INFRAÇÕES E PUNIÇÕES PENALIDADES •       Advertência por escrito; •       Multa; •       Apreensão do veículo; •       Cas...
7    FONTES
FONTES                     Fundação Carlos Chagas | DENATRAN | Ministério das CidadesImagem: Portal São Francisco
www.lmtransportes.com.brBAHIA                                         MINAS GERAIS                                        ...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Direção defensiva: pegue carona nessa ideia

7,369

Published on

Apresentação que explica o que é a direção defensiva e como ela pode contribuir para diminuir os acidentes de trânsito.

Published in: Automotive
1 Comment
5 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
7,369
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
439
Comments
1
Likes
5
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Direção defensiva: pegue carona nessa ideia

  1. 1. Direção Defensiva: Pegue carona nessa ideia Imagem: Portal São Francisco
  2. 2. TUDO QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE DIREÇÃO DEFENSIVA112 O QUE É DIREÇÃO DEFENSIVA?34 CONSENQUÊNCIAS E RISCOS DA DIREÇÃO IMPRUDENTE45 CARROS: FUNCIONAMENTO, MANUTENÇÃO E CONDUÇÃO MOTORISTA: COMPORTAMENTO E MUDANÇA DE HÁBITOS CARACTERÍSTICAS E REGRAS DAS VIAS DE TRÂNSITO AÇÕES DA NATUREZA E SEUS RISCOS RESPEITO AO MEIO AMBIENTE E CONVIVÊNCIA SOCIAL NO TRÂNSITO INFRAÇÕES E PUNIÇÕES
  3. 3. 1 O QUE É DIREÇÃO DEFENSIVA?
  4. 4. DEFININDO A DIREÇÃO DEFENSIVAÉ o tipo de direção responsável e segura, que se baseia em regras quevisam preservar a vida, a saúde e a natureza. E são essas regras queorientam os motoristas a reconhecerem situações de perigo, para quepossam se prevenir e evitá-las mantendo seu veículo, sua vida e a dasdemais pessoas envolvidas no trânsito em segurança;Por isso, essas normas estão diretamente ligadas a agentes como opróprio condutor, o veículo, as vias públicas, as ações da natureza, dentreoutros que compõem o sistema de trânsito.Imagem: Gil Caminhões
  5. 5. 2 CONSEQUÊNCIAS E RISCOS DA DIREÇÃO IMPRUDENTE
  6. 6. CONSEQUÊNCIAS E RISCOS DA DIREÇÃO IMPRUDENTEA maioria dos motoristas não consideram o trânsito como um ambiente perigoso e pensamque nada acontecerá com eles. Com isso, continuam a dirigir de forma irresponsável,colocando sua segurança e a de outras pessoas em risco. Conheça alguns dos riscos e dosmales causados pela direção imprudente:• O sofrimento de muitas pessoas, causados por mortes e ferimentos, inclusive com sequelas físicas e/ou mentais, muitas vezes irreparáveis;• Prejuízos financeiros, por perda de renda e afastamento do trabalho;• Constrangimentos legais, por inquéritos policiais e processos judiciais, que podem exigir o pagamento de indenizações e até mesmo prisão dos responsáveis. Imagem: Gazeta Interativa
  7. 7. 3 CARROS: FUNCIONAMENTO, MANUTENÇÃO E CONDUÇÃO
  8. 8. CARROS: FUNCIONAMENTO, MANUTENÇÃO E CONDUÇÃODirigir com segurança requer que o motorista se sinta seguro com o veículo que conduz.Por isso, é necessário que o condutor saiba como funciona seu veículo e o mantenha sempreem bom estado de conservação. Logo, o motorista precisa estar sempre atento àsrecomendações do fabricante de seu automóvel e fazer manutenção regularmente comprofissionais qualificados. Medidas como essa, além de evitarem acidentes, levam ocondutor a evitar gastos com futuros consertos e reposição de peças. Confira nos próximosslides algumas medidas preventivas ligadas aos equipamentos e sistemas do seu veículo: Imagem: Hidromar
  9. 9. CARROS: FUNCIONAMENTO, MANUTENÇÃO ECONDUÇÃO| Cuidados gerais: • Combustível: veja se o indicado no painel é suficiente para chegar ao destino; • Nível de óleo de freio, do motor e de direção hidráulica: observe os respectivos reservatórios, conforme manual do proprietário; • Nível de óleo do sistema de transmissão (câmbio): para veículos de transmissão automática, veja o nível do reservatório. Nos demais veículos, procure vazamentos sob o veículo; • Água do radiador: nos veículos refrigerados a água, veja o nível do reservatório de água; • Água do sistema limpador de para-brisa: verifique o reservatório de água; • Palhetas do limpador de para-brisa: troque, se estiverem ressecadas; • Desembaçador dianteiro e traseiro (se existirem): verifique se estão funcionando corretamente; • Funcionamento dos faróis: verifique visualmente se todos estão acendendo (luzes baixa e alta); • Regulagem dos faróis: faça através de profissionais habilitados; • Lanternas dianteiras e traseiras, luzes indicativas de direção, luz de freio e luz de ré: inspeção visual.
  10. 10. CARROS: FUNCIONAMENTO, MANUTENÇÃO ECONDUÇÃO| Cuidados com os pneus:• Calibragem: siga as recomendações do fabricante do veículo, observando a situação de carga (vazio e carga máxima). Pneus murchos têm sua vida útil diminuída, prejudicam a estabilidade, aumentam o consumo de combustível e reduzem a aderência em piso com água;• Desgaste: o pneu deverá ter sulcos de, no mínimo, 1,6 milímetros de profundidade. A função dos sulcos é permitir o escoamento de água para garantir perfeita aderência ao piso e a segurança, em caso de piso molhado;• Deformações na carcaça: veja se os pneus não têm bolhas ou cortes. Estas deformações podem causar um estouro ou uma rápida perda de pressão;• Dimensões irregulares: não use pneus de modelo ou dimensões diferentes das recomendadas pelo fabricante para não reduzir a estabilidade e desgastar outros componentes da suspensão. Imagem: Bagari
  11. 11. CARROS: FUNCIONAMENTO, MANUTENÇÃO E CONDUÇÃO | Cuidados com o cinto de segurança:• Veja se os cintos não têm cortes, para não se romperem numa emergência;• Confira se não existem dobras que impeçam a perfeita elasticidade;• Teste o travamento para ver se está funcionando perfeitamente;• Verifique se os cintos dos bancos traseiros estão disponíveis para utilização dos ocupantes;• Ajuste firmemente ao corpo, sem deixar folgas;• A faixa inferior deverá ficar abaixo do abdome, sobretudo para as gestantes;• A faixa transversal deve vir sobre o ombro, atravessando o peito, sem tocar o pescoço;• Não use presilhas. Elas anulam os efeitos do cinto de segurança. Imagem: Seguro Auto Fácil
  12. 12. CARROS: FUNCIONAMENTO, MANUTENÇÃO E CONDUÇÃO | Cuidados com o sistema de iluminação:• Faróis queimados, em mau estado de conservação ou desalinhados: reduzem a visibilidade panorâmica e você não consegue ver tudo o que deveria;• Lanternas de posição queimadas ou com defeito, à noite ou em ambientes escurecidos (chuva, penumbra): comprometem o reconhecimento do seu veículo pelos demais usuários da via;• Luzes de freio queimadas ou com mau funcionamento (à noite ou de dia): você freia e isso não é sinalizado aos outros motoristas. Eles vão ter menos tempo e distância para frear com segurança;• Luzes indicadoras de direção (pisca-pisca) queimadas ou com mau funcionamento: impedem que os outros motoristas compreendam sua manobra e isso pode causar acidentes. Imagem: Portal Heliópoles
  13. 13. CARROS: FUNCIONAMENTO, MANUTENÇÃO ECONDUÇÃO| Cuidados com os freios:• Nível de fluido baixo: é só observar o nível do reservatório;• Vazamento de fluido: observe a existência de manchas no piso sob o veículo;• Disco e pastilhas gastos: verifique com profissional habilitado;• Lonas gastas: verifique com profissional habilitado.Imagem: Niterói iTV
  14. 14. 4 MOTORISTA: COMPORTAMENTO E MUDANÇA DE HÁBITO
  15. 15. MOTORISTA: COMPORTAMENTO E MUDANÇADE HÁBITOSTão importante quanto fazer a manutenção do seu carro regularmente é fazer o usocorreto dos equipamentos como pedais, câmbio de marcha, retrovisores, etc. Alémdisso, existem outros hábitos comportamentais que comprometem a atenção epromovem o desgaste físico do motorista, conheça alguns deles: • Consumir bebida alcóolica; • Usar drogas; • Usar medicamento que modifica o comportamento, de acordo com seu médico; • Ter participado, recentemente, de discussões fortes com familiares, no trabalho, ou por qualquer outro motivo; • Ficar muito tempo sem dormir, dormir pouco ou dormir muito mal; • Ingerir alimentos muito pesados, que acarretam sonolência; Imagem: Niterói iTV
  16. 16. MOTORISTA: COMPORTAMENTO E MUDANÇADE HÁBITOS • Usar o telefone celular ao dirigir, mesmo que seja viva voz; • Assistir televisão a bordo ao dirigir; • Ouvir aparelho de som em volume que não permita ouvir os sons do seu próprio veículo e dos demais; • Transportar animais soltos e desacompanhados no interior do veículo; • Transportar, no interior do veículo, objetos que possam se deslocar durante o percurso. Imagem: Chevrolet Nova
  17. 17. MOTORISTA: COMPORTAMENTO E MUDANÇADE HÁBITOSAgora que você já sabe o que o motorista do veículo não deve fazer, confira abaixoalgumas orientações para evitar o desgaste físico do condutor e manter a concentração:• Dirija com os braços e pernas ligeiramente dobrados, evitando tensões;• Apoie bem o corpo no assento e no encosto do banco, o mais próximo possível de um ângulo de 90 graus;• Ajuste o encosto de cabeça de acordo com a altura dos ocupantes do veículo, de preferência na altura dos olhos;• Segure o volante com as duas mãos, como os ponteiros do relógio na posição de 9 horas e 15 minutos. Assim você enxerga melhor o painel, acessa melhor os comandos do veículo e, nos veículos com “air bag”, não impede o seu funcionamento;• Procure manter os calcanhares apoiados no assoalho do veículo e evite apoiar os pés nos pedais, quando não os estiver usando; Imagem: Carros Motor
  18. 18. MOTORISTA: COMPORTAMENTO E MUDANÇADE HÁBITOS• Utilize calçados que fiquem bem fixos aos seus pés, para que você possa acionar os pedais rapidamente e com segurança;• Coloque o cinto de segurança, de maneira que ele se ajuste firmemente ao seu corpo. A faixa inferior deve passar pela região do abdome e a faixa transversal passar sobre o peito e não sobre o pescoço;• Fique em posição que permita enxergar bem as informações do painel e verifique sempre o funcionamento de sistemas importantes como, por exemplo, a temperatura do motor;• Observe as informações no painel do veículo, como velocidade, combustível, sinais luminosos;• Confira regularmente os espelhos retrovisores;• Fique atento à movimentação de outros veículos à sua frente, à sua traseira ou nas laterais;• Atente à movimentação dos pedestres, em especial nas proximidades dos cruzamentos; Imagem: Portal São Francisco
  19. 19. 5 CARACTERÍSTICAS E REGRAS DAS VIAS DE TRÂNSITO
  20. 20. CARACTERÍSTICAS E REGRAS DAS VIAS DE TRÂNSITO As vias públicas são os espaços por onde circulam os agentes do sistema de trânsito, ou seja, veículos, pedestres e até mesmo animais, uma vez que essas vias podem fazer parte dos centros urbanas ou das rodovias brasileiras. Independente do cenário a que pertençam, as vias públicas têm cada uma suas particularidades que devem ser consideradas pelo motorista para evitar acidentes de trânsito. Alguns fatores que devem ser considerados nessas vias são:• Fixação da velocidade: obedeça a velocidade máxima das placas de sinalização, considerando que ela pode variar a depender das condições da pista e do tráfego de veículos;• Curvas: siga as instruções das placas de sinalização e evite movimentos bruscos com o volante;• Declives: Nunca desligue o motor do carro nas descidas de declives acentuados, assim como desengrenar o veículo;• Cruzamentos entre vias: siga as instruções das placas de sinalização, redobre a atenção e reduza a velocidade do veículo;• Ultrapassagem: siga as instruções das placas de sinalização e mesmo que elas permitam a ultrapassagem, calcule a potência do seu veículo e a velocidade do carro à sua frente antes de realizar a manobra;• Calçadas ou Passeios Públicos: este espaço é de uso exclusivo dos pedestres, por isso, nunca pare ou estacione seu carro em calçadas;
  21. 21. CARACTERÍSTICAS E REGRAS DASVIAS DE TRÂNSITO• Estreitamento de pista: redobre sua atenção, reduza a velocidade e a marcha e aguarde até chegar a sua vez de passar pela pista;• Acostamento: nunca trafegue no acostamento se não for extremamente necessário, este espaço da via é destinado a carros com problemas, pedestres e ciclistas. Também mantenha um distanciamento entre a faixa em que está trafegando e o acostamento, pois em casos de desníveis entre eles, o motorista pode perder o controle do carro;• Condições do piso da pista de rolamento: ao detectar ondulações, buracos, elevações, inclinações ou alterações desse tipo, diminua a velocidade do veículo usando os freios antes de passar pelo trecho com esses problemas;• Trechos escorregadios: diante de trechos com areia, água, óleo ou quaisquer tipos de líquidos e materiais na pista mantenha o equilíbrio do veículo sem fazer alterações bruscas de velocidade;• Árvores ou outros tipos de vegetação: diante de trechos em que a vegetação encobrir as placas de sinalização, diminua a velocidade do veículo e procure alguma orientação que indique o que é ou não permitido fazer neste trecho. Além disso, entre em contato com as autoridades do lugar para que o problema seja resolvido;
  22. 22. 6 AÇÕES DA NATUREZA E SEUS RISCOS
  23. 23. AÇÕES DA NATUREZA E SEUS RISCOSAlgumas ações da natureza tornam as vias de trânsito ainda mais perigosas. Por isso, ocondutor do veículo deve redobrar o cuidado com a direção e prestar mais atenção natrajetória que está fazendo. Confira abaixo como agir em situações onde as ações danatureza são determinantes para aumentar a probabilidade de acidentes:• Chuva: fique atento desde o início da chuva e quando ela se intensificar ligue o farol em luz baixa, reduza a velocidade e aumente a distância entre o veículo à sua frente. Também é perigoso frear bruscamente, devido a perda de aderência e risco de derrapagem, por isso mantenha sempre o equilíbrio;• Aquaplanagem ou hidroplanagem: a aquaplanagem acontece quando o pneu perde a aderência ao solo e o condutor perde completamente o controle do sobre o automóvel, para evitar que isso aconteça o motorista deve segurar a direção com força e manter os pneus do veículo conservados;Imagem: Auto Peças Rocha
  24. 24. AÇÕES DA NATUREZA E SEUS RISCOS• Neblina ou cerração: acenda a luz baixa do farol para melhor a visibilidade, aumente a distância do carro à sua frente e diminua velocidade do veículo;• Vento: ventos fortes desestabilizam o veículo, por isso, fique atento à vegetação e ao perceber sinais de ventos fortes diminua a velocidade para manter o equilíbrio do automóvel;• Fumaça proveniente de queimadas: evite parar o carro no acostamento, pois a redução de visibilidade impedirá os outros motoristas de enxergarem seu carro. Além disso, diminua a velocidade, acione a luz baixa do farol e redobre a atenção na pista;• Penumbra (ausência de luz): acenda o farol baixo do veículo;
  25. 25. 7 RESPEITO AO MEIO AMBIENTE E CONVIVÊNCIA SOCIAL
  26. 26. RESPEITO AO MEIO AMBIENTE E CONVIVÊNCIA SOCIAL Nos últimos anos, o planeta tem sofrido com o efeito do aquecimento global, e um dos principais fatores que contribuem para esse aquecimento é a liberação de gases poluentes feitas pelos veículos automotores. Com isso, um condutor responsável não pode ficar alheio a essa situação, pelo contrário, deve adotar uma postura sustentável. Veja as dicas abaixo:• Regule e faça a manutenção periódica do seu motor;• Calibre periodicamente os pneus;• Não carregue excesso de peso;• Troque de marcha na rotação correta do motor;• Evite reduções constantes de marcha, acelerações bruscas e freadas excessivas;• Desligue o motor numa parada prolongada;• Ao observar situações que agridam a natureza, sujem os espaços públicos ou que também possam causar riscos para o trânsito, solicite ou colabore na sua remoção ou limpeza; Imagem: Ideias Sustentáveis
  27. 27. RESPEITO AO MEIO AMBIENTE E CONVIVÊNCIASOCIAL• Não acelere quando o veículo estiver em ponto morto ou parado no trânsito;• Mantenha o escapamento e o silencioso em boas condições;• Faça a manutenção periódica do equipamento destinado a reduzir os poluentes – catalizador (nos veículos em que é previsto);• Mantenha sempre sacos de lixo dentro do veículo. Não jogue lixo na via, nos terrenos baldios ou na vegetação à margem das rodovias;• Entulhos devem ser transportados para locais próprios. Não jogue entulho nas vias e suas margens;• Em caso de acidente com transporte de produtos perigosos (químicos, inflamáveis, tóxicos), procure isolar a área e impedir que eles atinjam rios, mananciais e a flora;• Faça a manutenção, conservação e limpeza do veículo em local próprio. Não derrame óleo ou descarte materiais na via e nos espaços públicos;• O espaço público é de todos, faça a sua parte mantendo limpo e conservado.
  28. 28. 6 INFRAÇÕES E PUNIÇÕES
  29. 29. INFRAÇÕES E PUNIÇÕESUm motorista responsável é aquele que evita cometer infrações no trânsito, não sópara fugir das punições que pode sofrer por parte do poder público, mas também,porque elas geralmente têm como consequência os acidentes de trânsito. Desse modo,a depender do erro que cometeu, o motorista é enquadrado nos diferentes níveis deinfrações, que variam entre leves, médias, graves e gravíssimas. Essas infrações, porusa vez, refletem-se em punições chamadas de medidas administrativas, conheçaalgumas delas a seguir:MEDIDAS ADMINISTRATIVAS• Retenção do veículo ou remoção do veículo;• Recolhimento do documento de habilitação (CNH ou Permissão para Dirigir);• Recolhimento do certificado de licenciamento;• Transbordo do excesso de carga;
  30. 30. INFRAÇÕES E PUNIÇÕES PENALIDADES • Advertência por escrito; • Multa; • Apreensão do veículo; • Cassação do documento de habilitação; • Frequência obrigatória em curso de reciclagem Imagem: Fatefe
  31. 31. 7 FONTES
  32. 32. FONTES Fundação Carlos Chagas | DENATRAN | Ministério das CidadesImagem: Portal São Francisco
  33. 33. www.lmtransportes.com.brBAHIA MINAS GERAIS Tel.: (31) 3468-9518Matriz: Fax.: (31) 3468-9518Tel.: (71) 2102-9600 / Fax: (71) 2102-9640 lmbelohorizonte@lmtransportes.com.brcomercial@lmtransportes.com.br PERNAMBUCOFiliais: Tel.: (81) 3476-2882Tel.: (71) 3461-1306 lmrecife@lmtransportes.com.brlmcatu@lmtransportes.com.br PIAUÍTel.: (71) 3390-9600 Tel.: (86) 3229-1289Fax: (71) 3390-9694 lmteresina@lmtransportes.com.brlmsalvador@lmtransportes.com.br RIO DE JANEIROCEARÁ lmriodejaneiro@lmtransportes.com.brTel.: (85) 3295-4888 / Fax.: (85) 3289-3297 RIO GRANDE DO NORTElmfortaleza@lmtransportes.com.br Tel.: (84) 3523-2562DISTRITO FEDERAL lmnatal@lmtransportes.com.brTel.: (61) 3233-5180 / 3361-0408 SÃO PAULOFax.: (61) 3233-5180 Tel.: (11) 4122-8410 / Fax.: (11) 4122-8416lmbrasilia@lmtransportes.com.br lmsaopaulo@lmtransportes.com.br
  1. Gostou de algum slide específico?

    Recortar slides é uma maneira fácil de colecionar informações para acessar mais tarde.

×