Your SlideShare is downloading. ×
Como nós aprendemos e pensamos
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Como nós aprendemos e pensamos

1,096
views

Published on

Inteligências múltiplas

Inteligências múltiplas


0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
1,096
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
32
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. COMO NÓS APRENDEMOS E PENSAMOS Inteligências Múltiplas
  • 2. Biografia Howard Gardner, nascido em Scranton, Pennsylvania, é um psicólogo cognitivo e educacional norte-americano, ligado à Universidade de Harvard e conhecido em especial pela sua teoria das inteligências múltiplas, que mostra que a inteligência é composta de pelo menos oito competências: lógico-matemática, lingüística, interpessoal, intrapessoal, corporal-cinestésica, musical, espacial e naturalista.
  • 3. Gardner iniciou a formulação da idéia de "inteligências múltiplas" com a publicação da obra "The Shattered Mind" ( 1975 ). Mais tarde, conceituou a inteligência como " um potencial biopsicológico para processar informações que pode ser ativado num cenário cultural para solucionar problemas ou criar produtos que sejam valorizados numa cultura ".
  • 4. Gardner sustenta que as inteligências não são objetos que possam ser quantificados, e sim, potenciais que poderão ser ou não ativados, dependendo dos valores de uma cultura específica, das oportunidades disponíveis nessa cultura e das decisões pessoais tomadas por indivíduos e/ou suas famílias, seus professores e outros.
  • 5.  
  • 6. FALE !
    • Alunos verbais ou lingüísticos gostam e entendem linguagem oral e escrita. Eles preferem se comunicar com os outros falando e escrevendo, e freqüentemente gostam de ler. Aprendem melhor através da linguagem: ouvida, falada, lida, contada, discutida e escrita.
  • 7. Estratégias de Estudo
    • Escrever as características de uma personagem
    • Escrever um resumo
    • Debater
    • Escrever um panfleto
    • Escrever poesia
    • Criar um lema
    • Fazer um discurso
    •  
    • Escrever um diálogo
    • Contar histórias
    • Escrever uma carta para o editor
    • Escrever um ensaio
    • Participar de tribunal de julgamento simulado
    • Escrever uma pesquisa
  • 8. Estratégias de Estudo
    • Escrever um texto com pontos importantes sobre alguns assuntos
    • Escrever uma história
    • Escrever mensagens
    • Escrever uma biografia
    • Escrever um conto de fadas, mitos ou lendas
    • Escrever um artigo de revista ou jornal
    • Fazer uma lista dos tópicos importantes
    • Escrever um jornal
    • Escrever uma ficção ou não ficção.
    • Fazer uma gravação
    • Escrever um relatório
    • Criar palavras cruzadas
  • 9. CONTE!
    • Alunos lógico-matemáticos amam números de todas os tipos em Matemática, obviamente, mas também números associados com Ciências, Estudos Sociais e Artes. A porcentagem de animais marinhos em cada filo, a aumento da população no Brasil desde o último censo e o número de horas que um brasileiro passa assistindo televisão: são números que chamarão a atenção dos alunos lógico-matemáticos. Esses alunos têm a habilidade de pensar conceitualmente e identificar padrões (numéricos, estéticos, etc.). Eles gostam de resolver problemas e descobrir soluções, aprendendo melhor utilizando-se de números e análises.
  • 10. Estratégias de Estudo
    • Elaborar um labirinto ou quebra-cabeça
    • Elaborar histórias em quadrinho
    • Investigar um problema
    • Solucionar uma equação ou problema numérico
    • Fazer um sumário ou esboço
    • Fazer uma avaliação ou classificação
    • Fazer uma tabela
    • Gravar dados ou informações
    • Fazer um diagrama
    • Fazer análises
    • Criar uma analogia
    • Desenhar uma caricatura
    • Construir uma linha do tempo
  • 11. Estratégias de Estudo
    • Fazer uma crítica
    • Construir um gráfico
    • Fazer um fluxograma (seqüência de ações ou procedimentos)
    • Calcular probabilidades
    • Fazer uma sondagem
    • Elaborar um programa, jogo ou gráfico em computador
    • Fazer um cálculo
    • Desenvolver uma hipótese
    • Analisar moldes e tendências
    • Formular projetos
    • Desenvolver uma fórmula
    • Inventar um código
    • Computar uma resposta
    • Desenvolver uma teoria
  • 12. DESENHE!
    • Alunos espaciais ou visuais constroem imagens e figuras mentais para ajudá-los a aprender e a lembrar. Eles aprendem melhor tendo a oportunidade de representar materiais visualmente, por meio de gráficos, tabelas, mapas conceituais, figuras, webs e diagramas.
  • 13. Estratégias de Estudo
    • Desenhar, esboçar ou pintar
    • Ilustrar
    • Construir um protótipo ou modelo
    • Elaborar um website
    • Criar histórias em quadrinho
    • Fazer uma escultura em papel machê ou argila
    • Fazer um mapa
    • Fazer um pôster
    • Fazer um mural
    • Fazer uma colagem
    • Elaborar recursos visuais para uma apresentação (slides, transparências)
    • Tirar fotografias
  • 14. Estratégias de Estudo
    • Fazer móbiles
    • Construir maquete
    • Elaborar uma estrutura
    • Fazer um diagrama
    • Planejar propaganda visual
    • Fazer slides de câmera digital
    • Construir uma exposição para uma coleção (de selos, moedas, animais,etc.)
    • Criar jogos de tabuleiro
    • Elaborar um panfleto
    • Elaborar um cartão-postal
    • Elaborar um cartão comemorativo
    • Elaborar cenário para uma peça teatral
  • 15. MOVIMENTE-SE!
    • Alunos corporal-cinestésicos gostam de se expressar por movimento. Eles têm boas habilidades motoras global e fina, necessitando manusear e realizar ações ou construções. Eles aprendem melhor através da experimentação, da atuação em peças teatrais, de atividades manuais de modelagem ou na construção de maquetes.
  • 16. Estratégias de Estudo
    • Jogos de representação de papéis (Role Playing)
    • Construir uma maquete
    • Dramatizar
    • Fazer uma filmagem
    • Representar uma sátira
    • Fazer uma paródia ou imitação cômica
    • Pantomima ou mímica
    • Desenvolver uma invenção
    • Realizar uma dança ou outro movimento criativo
    • Fazer uma atividade ou um experimento laboratorial
    • Improvisar
    • Participar de uma peça
  • 17. CANTAROLE!
    • Alunos musicais respondem a intensidade, ritmo, tom e padrões musicais. Eles podem gostar de cantar, cantar rap ou tocar instrumentos. Eles podem ou não ter habilidades musicais, mas eles respondem habilmente à música. Eles aprendem melhor quando o aprendizado está ligado ao senso de ritmo e música.
  • 18. Estratégias de Estudo
    • Cantar
    • Participar de um coral
    • Compor músicas
    • Escrever uma canção
    • Atuar num musical
    • Cantar num grupo, coral ou coro
    • Improvisar músicas
    • Cantar ou escrever um rap
    • Tocar um instrumento musical
    • Criar um jingle
    • Escrever músicas
    • Interpretar ritmos com instrumentos de percussão
  • 19. LIDERE!
    • Alunos interpessoais são pessoas que lidam bem com pessoas. Eles são freqüentemente bons em organizar, comunicar e motivar os outros. Eles tendem a ter facilidade no relacionamento com pessoas. Muitos são empáticos e intuitivos. Um aluno interpessoal pode usar sua habilidade de liderança como um membro de representação estudantil ou como um organizador de campanhas e mutirões. Gostam de trabalhar e se envolver com os outros.
  • 20. Estratégias de Estudo
    • Participar de atividades em grupo
    • Planejar uma campanha por uma causa ou uma questão
    • Participar de discussões
    • Fazer um projeto voluntário
    • Conduzir uma entrevista
    • Participar de uma mesa redonda
    • Debater pensamentos, idéias, perspectivas pessoais
    • Organizar um evento ou atividade
    • Conduzir o grupo para o consenso
    • Ajudar na solução de conflitos
    • Solucionar problemas com um grupo
    • Dar conselhos aos seus colegas
    • Parafrasear as idéias dos outros
  • 21. REFLITA!
    • Alunos intrapessoais são pensadores e reflexivos. Eles examinam intimamente idéias, temas e perspectivas. Eles entendem a si mesmos e seus sentimentos sobre as coisas. Gostam da sua independência e podem trabalhar para alcançar seus objetivos. Eles aprendem melhor quando é permitido refletir, compartilhar opiniões pessoais e trabalhar sozinho.
  • 22. Estratégias de Estudo
    • Manter um diário ou relato pessoal
    • Escrever uma lista de metas e objetivos para o futuro
    • Manter registros e arquivos pessoais
    • Fazer uma auto-avaliação do seu trabalho
    • Listar suas idéias e crenças
    • Elaborar argumentos que sustentem suas opiniões
    • Estabelecer metas pessoais
    • Apresentar seu ponto de vista, perspectiva ou crença.
    • Identificar suas crenças sobre um tema
  • 23. INVESTIGUE!
    • Alunos naturalistas podem ajustar, adaptar e usar tudo o que está ao seu redor para sobreviver e obter êxito. Alguns desenvolvem a experiência e o conhecimento necessários para superar as dificuldades e os perigos do dia-a-dia, podendo se tornar manipuladores de situações e posicionamentos. Eles freqüentemente sentem uma ligação pessoal com o mundo natural. Aprendem melhor quando solicitados a observar uma situação, investigar um problema e explorar sobre como as coisas funcionam.
  • 24. Estratégias de Estudo
    • Classificar objetos
    • Fazer comparações
    • Fazer previsões
    • Planejar uma caminhada
    • Identificar objetos baseados nas suas características
    • Investigar como algo funciona
    • Explorar um tópico ou um tema
    • Planejar uma exposição para um zoológico ou museu
    • Criar uma coleção (de selos, moedas, figurinhas, entre outras)
    • Conduzir estudos por meio da observação
    • Participar de uma experiência ou simulação
    • Identificar um problema
    • Construir uma exposição de objetos, experimentos ou artefatos.
    • Solucionar um problema

×