Estágio supervisionado Licenciatura Computação

8,511 views
8,192 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
8,511
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
309
Actions
Shares
0
Downloads
147
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Estágio supervisionado Licenciatura Computação

  1. 1. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃOSECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TRIÂNGULO MINEIRO
  2. 2.  É um componente curricular. Oportuniza: ◦ o exercício da profissão docente, ◦ a reflexão crítica sobre o processo de ensino e aprendizagem, ◦ a reflexão sobre a organização administrativa e pedagógica da instituição. Será planejado, executado, acompanhado e avaliado em conformidade com estas normas, o Regulamento de Estágio do IFTM e a legislação pertinente. Será desenvolvido em escolas e em outros espaços educacionais
  3. 3.  possibilitar ao estagiário vivência real e prática das atividades profissionais da docência, integrando ensino, pesquisa e extensão; assegurar formação profissional que permita ao licenciado apreender processos teórico-crítico e operativo-instrumentais para o exercício da docência em diferentes espaços educacionais; proporcionar ao estagiário situações de convívio, cooperação e a troca de experiências, necessários ao desenvolvimento do comportamento ético e compromisso profissional; criar situações reais que promovam a prática de estudo, da análise, da problematização, da reflexão e da proposição de alternativas capazes de colaborar com a melhoria das situações de ensinar e aprender encontradas nas escolas; facilitar o processo de atualização de conteúdos disciplinares permitindo adequar estes conteúdos às constantes inovações; estimular a criatividade de forma a aprimorar modelos, métodos, processos e a adoção de tecnologias e metodologias alternativas; integrar os conhecimentos do ensino, pesquisa e extensão em benefício da comunidade; desenvolver concepção multidisciplinar e a indissociabilidade entre teoria e prática no processo formativo do licenciando.
  4. 4.  3.1 Estágio de Observação 3.2 Estágio de Participação 3.3 Estágio de Regência
  5. 5.  Objetivo: conhecer a realidade no contexto educacional e refletir sobre o planejamento, execução e avaliação dos processos de ensinar e aprender. A observação é sistemática, com retorno para discussão e estudo, a partir de pesquisas e suas implicações para a prática pedagógica, compreendendo, assim, os problemas e as possibilidades de intervenção.
  6. 6.  É organizado de forma que os estudantes estagiários participem da dinâmica da sala de aula, possibilitando a vivência de situações educativas específicas e de atividades por eles planejadas.
  7. 7.  Oferece a possibilidade do exercício da docência vivenciando o processo de ensinar e aprender, ou seja, ter a visão global da prática educativa: planejamento, execução e avaliação de aulas. 3.3.1 O desenvolvimento do Estágio Curricular Supervisionado perpassará pelo seguinte direcionamento metodológico: a) conhecimento da realidade; b) reflexão sobre a realidade; c) identificação de situações que possam tornar-se objeto de proposta pedagógica a ser realizada; d) desenvolvimento de propostas para atuação pedagógica sobre as questões levantadas; e) execução da(s) proposta(s); f) avaliação; g) conclusão.
  8. 8.  O Estágio Curricular Supervisionado ocorrerá em escolas ou outras instituições educativas (públicas ou privadas) devidamente regularizadas.
  9. 9. a) estudante-estagiário, discente regular dos Cursos de Licenciatura;b) supervisor de estágio do quadro de servidores (Eliane Borela);c) professor orientador do quadro de docentes (Luciana Araujo);d) instituição concedente, onde o estágio supervisionado curricular será realizadoe) supervisor da escola/instituição concedente;f) estudantes, discentes da escola/instituição concedente;g) professor – docente da escola/instituição concedente.
  10. 10.  Denomina-se Instituição Concedente as de ensino público ou privado e outros espaços educacionais devidamente regularizadas e conveniadas com o IFTM. Compete a Instituição Concedente:a) favorecer a integração entre a formação proporcionada pelo IFTM e as diferenciadas situações de ensino e aprendizagem educacionais;b) proporcionar aos estudantes estagiários o intercâmbio de informações e experiências concretas que o preparem para o exercício profissional;c) propiciar condições necessárias para a realização do estágio.
  11. 11.  Supervisor da Instituição Concedente: são os profissionais indicados pela escola/instituição conveniada que acompanham as atividades dos estagiários no campo de estágio. Compete ao Supervisor da Instituição Concedente:a) fornecer ao estudante-estagiário os subsídios necessários à elaboração do projeto de estágio;b) colaborar na elaboração do plano de atividades do estudante-estagiário;c) orientar e acompanhar a execução das atividades do estudante-estagiário;d) prestar informações ao Professor Orientador responsável sobre o desempenho do estudante-estagiário;e) emitir parecer avaliativo sobre o desempenho do estudante-estagiário quanto à frequência, execução e qualidade das atividades desenvolvidas;f) participar, sempre que possível, de programas e seminários de estágio promovido pelo IFTM.
  12. 12. Objetivo geral: Propiciar ao estudante a compreensão do papel da(s) tecnologia(s) no âmbito da educação formal.Ementa: Tecnologias no âmbito educacional: concepções e metodologias. Normas e responsabilidades do estagiário. Observação em instituição de ensino básico, técnico, tecnológico e/ou de planejamento/ gestão educacional. Elaboração do Projeto de Estágio. Execução do projeto elaborado. Construção do Relatório de Estágio evidenciando os fenômenos observados e reflexão crítica.
  13. 13. Objetivos gerais: Propiciar ao estudante apreender o ato de ensinar no contexto da informática. Estudar/compreender a organização e contextualização dos conhecimentos de informática no âmbito dos ensinos básico, técnico ou tecnológico.Ementa: Observação a ser realizada em instituição de ensino básico, técnico ou tecnológico, em espaços de ensino de informática (laboratório de ensino de informática e/ou sala de aula). Elaboração do Projeto de Estágio contemplando a integração entre conhecimentos adquiridos e a prática. Construção do Relatório de Estágio evidenciando os fenômenos observados e reflexão crítica.
  14. 14. Objetivos gerais: Propiciar ao estudante estagiário aprender por meio do exercício da regência de aulas e/ou concepção, planejamento ou gestão pedagógicas, no contexto da informática. Proporcionar oportunidades para o desenvolvimento de práticas inter, multi e transdisciplinares. Desenvolver a reflexão crítica com ferramenta para a constituição de conhecimentos.Ementa: Reflexão e ação fundamentadas nos conhecimentos constituídos e na observação da realidade vivenciada. Construção execução do Projeto de Estágio. Ação (regência e/ou desenvolvimento de atividades de concepção, planejamento ou gestão pedagógicas. Construção do Relatório de Estágio evidenciando a(s) ação(ões) desenvolvida(s) e reflexão crítica e as contribuições advindas da prática do estágio para a formação do(a) licenciando(a), bem como para a educação.
  15. 15. Objetivos gerais: Propiciar ao estudante estagiário aprender por meio do exercício da regência de aulas e/ou concepção, planejamento ou gestão pedagógicas, no contexto da informática. Proporcionar oportunidades para o desenvolvimento de práticas inter, multi e transdisciplinares. Desenvolver a reflexão crítica com ferramenta para a constituição de conhecimentos.Ementa: Regência em instituição de ensino básico, técnico ou tecnológico, em espaços de ensino (laboratório de ensino de informática e/ou sala de aula). Elaboração do Projeto de Estágio contemplando a integração entre conhecimentos adquiridos e proposição de prática(s) inovadora(s), sucedida por reflexão crítica demonstrando facilidades, dificuldades e limitações no decorrer da ação. Construção do Relatório de Estágio evidenciando as contribuições advindas da prática do estágio para a formação do(a) licenciando(a), bem como para a educação.
  16. 16. a) Termo de compromisso – estudante / instituição conveniada.c) O plano de estágio:• dados de identificação do estudante-estagiário e da instituição concedente;• objetivos a serem alcançados;• setores em que o estudante-estagiário atuará;• atividades a serem desempenhadas pelo estudante-estagiário;.• forma de acompanhamento e avaliação do estudante-estagiário;• data e assinaturas.
  17. 17.  Ao final de cada período letivo - relatórios parciais. Ao término do estágio curricular supervisionado - relatório final de todas as atividades desenvolvidas.
  18. 18.  Ao término do estágio; Se comprovada insuficiência na avaliação de desempenho; A pedido do estudante-estagiário; Em decorrência do descumprimento do Termo de Compromisso por parte do estudante-estagiário ou da instituição concedente; Não comparecimento às atividades de estágio superior a 25% da carga horária total; sem motivo justificado.
  19. 19.  Processual e contínua. Objetiva o desenvolvimento do estudante- estagiário, a reflexão da sua prática docente e o repensar da ação pedagógica. Aprovação – cumprimento de todas as atividades do estágio supervisionado, perfazendo as 400 horas. Avaliadores do estágio supervisionado: o supervisor da instituição concedente e o professor orientador do IFTM. Parecer conclusivo sobre o aproveitamento do estudante-estagiário – elaborado pelo supervisor da instituição concedente e professor orientador.
  20. 20. I. Temas – a partir das demandas solicitadas pela instituição concedente do estágio;II. Projetos deverão ser aprovados pelo professor orientador e pelo supervisor na instituição concedente;III. Os projetos poderão ser desenvolvidos por meio de: 1. oficinas; 2. aulas de reforço - em horário extraclasse; 3. dinâmicas; 4. teatros; 5. jogos para o ensino do conteúdo, objeto de formação; 6. auxílio e acompanhamento na elaboração de projetos de ensino na área deformação.

×