Programa ibis versão final...

903 views
726 views

Published on

Apresentação final Programa Compromisso ibis com o meio ambiente

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
903
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
7
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Programa ibis versão final...

  1. 1. www.latf.com.br
  2. 2. Orientações gerais • “antes de começar, certifique-se que você esteja sentado em um lugar confortável, com caneta e papel nas mãos, caso haja alguma dúvida ou sugestão. • Este é um curso e-learning, onde você aprenderá no seu tempo, clicando com o mouse conforme for orientado. • O ibis agradece pela sua participação. Aproveite!” www.latf.com.br
  3. 3. Objetivos do curso • “Você já deve ter ouvido falar de programas de preservação e conservação ambiental, programas de reciclagem, consumo consciente de fontes renováveis como a água etc. • Temos certeza que sempre que ouve este assunto você pensa em boas ideias para melhorar o ambiente a sua volta. • Mas, o que queremos propor agora, com a “conscientização sobre o meio ambiente” é uma reciclagem do nosso conhecimento sobre o assunto. A fim de que possamos, ao final deste treinamento, reciclar nossas ideias e que juntos possamos transformar estas ideias em ações, estabelecendo assim a sinergia necessária para que nossa preocupação com o meio ambiente vá além dos espaços dos nossos hotéis no Brasil, América Latina ou no mundo, mas que essa mudança seja o começo da verdadeira e maior herança que podemos deixar aos nossos filhos, sobrinhos e netos: um planeta limpo e sustentável, livre de efeito estufa, enchentes, poluição do ar, da água e do solo, enfim, um lugar que eles possam chamar de lar. • E, o primeiro passo para esta mudança está a um click de começar. • Benvindos ao ibis, junte-se a nós e de verdade faça acontecer!” www.latf.com.br
  4. 4. O mundo é seu • Gerações após gerações recebemos nosso Planeta como herança. • E o que estamos fazendo para preservar esse bem e deixá-lo para as nossas crianças? • “Seja a mudança que você quer no mundo” Mahatma Gandhi www.latf.com.br
  5. 5. Personagens (referências para criação)  Urubu: politicamente incorreto. É vizinho e amigo do pássaro ibis, do tipo malandro, que quer tirar vantagem em tudo.  ibis: vizinho do Urubu, trabalha na rede ibis e é consciente do seu papel na sociedade e no mundo. Inteligente, didático e paciente, explica tudo com detalhes e não se abala com perguntas maliciosas.  Sr. Coruja: gerente geral de uma unidade ibis e responsável por levar as informações e procedimentos corretos que devem ser adotados na gestão de um hotel. www.latf.com.br
  6. 6. Cena 1 • Os vizinhos saem das suas casas ao mesmo tempo. É outono e suas calçadas estão cheias de folhas secas e alguns lixinhos (papel de bala, bituca de cigarro, latinha de refrigerante) jogados por pedestres. • O Urubu pega uma mangueira d’agua e empurra a sujeira para uma boca de lobo. • O ibis varre a sujeira e separa o lixo em latas coloridas presas ao muro de sua casa. • O urubu observa o ibis e satiriza: “nossa, quanto trabalho! Por que você não faz como eu? Joga uma água e pronto!” • Sem dar muita atenção, o ibis responde: “faço isso para não desperdiçar água.” • Urubu: “Ahá, sabia que você era pão-duro! Você faz isso para economizar dinheiro!” • ibis: “Não! Não faço isso para economizar dinheiro, faço isso para não desperdiçar a água do nosso planeta e contribuir com a limpeza. Isso é pensar no futuro! Tudo o que fazemos, de bom e de ruim, volta para a gente. A vida é um ciclo! E se soubermos utilizar os recursos que o planeta nos oferece de forma inteligente, economizar dinheiro acaba sendo uma consequência” • Urubu: “hum... Interessante... Então quer dizer que eu ajudo o planeta e ainda economizo dinheiro??? Como é que eu faço isso?” • ibis: “Posso te dar algumas dicas que eu aprendi no meu trabalho! Que tal se você fosse comigo até lá pra eu te mostrar tudo o que eu sei? • Urubu: “Legal, vamos!” E, aonde você trabalha? • ibis: “Eu trabalho na rede ibis! • Urubu: “Humpf! Você encheu o peito ao dizer: “Eu trabalho na Rede ibis”. Quero só ver este seu trabalho...” • Enquanto caminham, desavisadamente o urubu abre uma bala e joga o papel no chão. • ibis: “Então tá! Enquanto caminhamos até o hotel, vou começar falando sobre a limpeza da calçada: você sabia que o lixo jogado na rua é uma das principais causas de enchentes?” • Urubu: “Sério? Mas é só um papel de bala...” www.latf.com.br
  7. 7. Tudo é um ciclo - enchentes • Enquanto o Pássaro ibis e o Urubu caminham até o hotel, as seguintes informações são apresentadas pelo Pássaro ibis... • Se cada pessoa jogar um único papel de bala nas ruas, juntos formarão toneladas de lixo, que entupirão ralos, bueiros, contribuindo com enchentes, que causam doenças e tragédias. • Também pioramos a situação quando construímos em margens de rios, acabando com a mata e cimentando o chão, impedindo que a terra puxe a água. O esgoto das casas são despejados sem tratamento diretamente nesses rios, assim como alguns moradores fazem com sacos de lixo e até móveis. Tudo isso volta para as ruas e casas em forma de enchente na primeira chuva forte! • Urubu, pensativo: “nossa, não sabia disso… • ibis: “Ëntão, antes de jogarmos um simples papelzinho de bala no chão, temos que pensar nas consequencias dos nossos atos! www.latf.com.br
  8. 8. Cena 2• ibis: “Chegamos!”• Urubu: “Puxa é aqui que você trabalha”?• ibis: “É sim Urubu, e quero que você seja benvindo ao hotel ibis!”• Urubu: “Nossa! Deve ter muita gente trabalhando aqui pra que esse hotel fique limpo desse jeito!”• ibis: ”Não precisamos de um batalhão de pessoas para manter isso tudo limpo e bonito. Apenas temos a consciência que cada um deve fazer a sua parte! Este trabalho é feito por todos nós colaboradores da rede ibis. Para que não tenhamos, por exemplo, um papel de bala no lobby do hotel, todos os nossos colaboradores precisam estar atentos aos mínimos detalhes!• Urubu: “Até parece! E você acha que todo mundo realmente está atento a todos os detalhes?• ibis: “Claro que sim! Quer fazer uma aposta?• Urubu: “Aposta?”• ibis: “Isso mesmo! Aposto com você que não encontraremos nenhuma sujeira, papel de bala, ou qualquer outra coisa nas áreas comuns e nos apartamentos do nosso hotel”• Urubu: “Duvido”!• ibis: “Então, quer apostar?”• Urubu: “Veja bem! Nunca gostei muito de apostas e na verdade, mesmo não parecendo, sempre fui muito careta. É....que tal se mudássemos de assunto?”• ibis: “Sei”. Olha lá, meu gerente. Vem aqui para que eu possa apresentá-lo”• Sr. Coruja: “Bom dia ibis, que bom encontrá-lo por aqui! Quem é este, novo colaborador?”• Urubu (Pensa em silêncio e diz): “Bem que poderia ser!”• ibis: “Este é o meu amigo e vizinho urubu..”• Sr. Coruja: “Como vai Sr. Urubu, seja muito benvindo ao nosso hotel ibis”.• Urubu: “Obrigado”!• Sr. Coruja: “E ao que devemos a honra de uma visita tão especial?”• ibis: “Chefe, eu o trouxe para conhecer nosso hotel e nossos programas voltados para a preservação do meio ambiente e do planeta• Sr. Coruja: “Que ótimo ibis! Sendo assim, fique a vontade Sr. Urubu para conhecer nossos programas de preservação e conscientização do meio ambiente. Estarei por aqui, caso precisem de alguma coisa!”• Urubu: “Obrigado!”• ibis: “Valeu chefe!” www.latf.com.br
  9. 9. Continuação cena 2 • Ambos chegam ao jardim e encontram um sistema de irrigação ligado. • Urubu: “ahá! Vocês dizem ser conscientes, ecológicos, mas olha lá o desperdício de água! • ibis: “você sabia que até para regar as plantas é preciso pensar no melhor horário para que não haja desperdício? Aqui no hotel, por exemplo, regamos as plantas ou bem cedinho ou no final do dia. Isso porque esses são os horários em que o sol não está tão quente fazendo com que a água não evapore tão rapidamente, mantendo a terra úmida por mais tempo e as plantas mais saudáveis!” • Urubu: “ah, isso eu posso fazer em casa!” • ibis: “você pode fazer muito mais do que isso para cuidar da sua a água!” www.latf.com.br
  10. 10. Tudo é um ciclo - água• Enquanto caminham dentro do hotel, o Pássaro ibis comenta sobre a importância da água no planeta e sobre o papel de cada colaborador na economia e no uso consciente da água dentro da rede ibis...• ibis: Você sabia que 50 a 100 litros de água diários é o que um país como o Brasil, pode desperdiçar, com vazamentos de canos e torneiras e maus hábitos?• “Além disso Sr. Urubu, poluímos a água com detergentes, óleos de cozinha, óleos de carro e moto, gasolina e produtos químicos. Um único litro de óleo de cozinha jogado no ralo da pia contamina mais de 10 mil litros de água potável”.• “Hoje, no mundo, são mais de 2,6 bilhões de pessoas que não têm água limpa ou condições básicas de higiene. www.latf.com.br
  11. 11. Tudo é um ciclo - água• Urubu: “Caramba, não imaginava que desperdiçávamos tanta água assim...”• ibis: “Viu só! Porém, aqui na rede ibis nós temos um programa para diminuição e reaproveitamento da agua.• Urubu: “Programa?• ibis: “Sim, o (todo orgulhoso responde) Plant for the Planet.”• Urubu: “E o que é esse tal de Plant for the Planet?”• ibis: “É um programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente. Através do Plant for the Planet conscientizamos os nossos hóspedes a reutilizarem as suas toalhas, evitando assim que elas sejam trocadas após cada uso”.• Urubu: “E isso funciona?”• ibis: “Claro que sim! Só aqui na América Latina, no ano de 2011, 98 unidades participaram do programa e até agora no Brasil mais de 412.000 mil árvores já foram plantadas”.• Urubu (sem acreditar no que acabara de ouvir): “SENSACIONAL!”• ibis: Sensacional mesmo. E esse trabalho conta muito com o apoio de todas as áreas do nosso hotel. Nossas camareiras, por exemplo, sempre devem estar atentas para não efetuarem a troca da toalha ou do enxoval, quando os hóspedes deixam suas toalhas penduradas no banheiro e também quando colocam sobre a cama, nosso folder informativo, solicitando que o seu enxoval não seja trocado”• Urubu: “Então quer dizer que com a ajuda das equipes ibis e com o uso consciente da água dentro e fora do hotel, contribuímos para o planeta?”• ibis: “Exatamente! E não é só isso. Ainda temos redutor de vazão no chuveiro, implantado em 100% da rede!”• Urubu: “nossa!”• ibis: “mas, na sua casa você também pode contribuir, mudando pequenos hábitos como, por exemplo....” www.latf.com.br
  12. 12. Cena 3  Ao escovar os dentes, feche a torneira;  Não tome banhos demorados: 5 a 10 minutos são suficientes;  Não jogue lixo no vaso sanitário;  Ao lavar as louças, feche as torneiras. Na lava-louças, ligue apenas quando ela estiver em sua capacidade máxima;  Prefira a vassoura à mangueira quando for limpar a calçada;  Guarde o óleo de cozinha frio em garrafas PET e leve-o a pontos de coleta como alguns supermercados. Lá, eles encaminharão para reciclagem, que reutilizará esse óleo para fabricação de sabão ou biodiesel. ibis: “Desta maneira economizamos o nosso dinheiro e ainda preservamos a água do nosso planeta!” Inserir cenas que ilustram as dicas www.latf.com.br
  13. 13. Continuação cena 3 • Urubu: “Puxa! Agora eu já sei a importância da água e como fazer para não desperdiçá-la. E ainda vou economizar uma grana!” • Ambos entram em um apartamento. Imediatamente o Urubu acende a luz, apesar de estar dia. O ibis fala: “Que tal abrirmos as janelas em vez de acender as luzes?” • Urubu lembrando das dicas do amigo e vizinho pensa... “Hum, ele tem razão!” • ibis: “bom, já que estamos falando em economia e meio ambiente, vou te explicar sobre a energia elétrica, e como nós aqui no ibis contribuímos pela economia e seu bom uso”... • Entra imagens e textos www.latf.com.br
  14. 14. Tudo é um ciclo - energia • ibis: “Sempre ao entrar ou sair de um apartamento, por exemplo, apagamos as luzes. Em nossos refeitórios, utilizamos lâmpadas mais econômicas e, além disso, você sabia que o hotel ibis faz uma medição e temos uma meta?” • Urubu: “É mesmo, uma meta?” • ibis: “Isso mesmo, temos uma meta. No ano de 2011 chegamos a reduzir 1% de quilowatts por unidade habitacional alugada. • Urubu: “Puxa! Estou impressionado com a rede ibis e com o trabalho de toda equipe!” • ibis: “Não queria dizer, mas já que você mencionou isso, posso falar: A gente aqui é fera! E não para por ai, cada colaborador contribuindo pela encomia da energia, consegue diminuir nossos gastos e ainda por cima, no final do ano, podemos receber o nosso PPR?” • Urubu: “PP Quem? • ibis: “PPR. Mas sobre ele falamos depois… Antes disso, só para você saber, fique atento as seguintes dicas:” • 30% da energia elétrica distribuída no país é desperdiçada em maus hábitos, como não apagar a luz ao sair de um cômodo; • 5% a 10% do consumo mundial de energia de TVs, e outros aparelhos é gasto somente por estarem ligados na tomada. • OBS: segue mais textos no slide seguinte... www.latf.com.br
  15. 15. Cena 4 • Utilize mais lâmpadas; • Use mais luz natural: Abra as janelas durante o dia em vez de acender as luzes; • Pinte os ambientes de cor clara, especialmente os tetos, que refletem e espalham a luz pro todo o ambiente; • Mantenha os lustres e globos transparentes bem limpos, assim não vai gastar energia à toa; • Não deixe as luzes acesas em ambientes onde não tem ninguém; • Não forre as prateleiras da geladeira, isso dificulta a passagem do ar, gastando mais energia; • Evite usar equipamentos de alto consumo, como ferro de passar roupa e chuveiro elétrico, nos horários de pico entre 18h e 21h; • Para subir 1 andar ou descer 2 andares, evite o elevador, procure usar a escada, contribuindo também para sua saúde. • ibis: “Viu com é fácil? Nosso papel dentro da rede ibis é sempre colaborar com a economia da energia. Quando entramos para trabalhar na rede ibis nosso papel se torna ainda mais importante para a preservação do meio ambiente e do planeta.” • Urubu: “É mesmo. Posso te fazer uma pergunta?” • ibis: “Claro!” • Urubu: “Sabe se estão contratando gente para trabalhar aqui?” • ibis (com um sorriso e fazendo um charme danado, responde): “Posso ver pra você!” Inserir cenas que ilustram as dicas www.latf.com.br
  16. 16. Cena 5 • ibis: “Bom, já que falamos de água e energia, que tal falarmos sobre como separar o lixo?” • Urubu: “ah, não, isso não! Dá muito trabalho!” • ibis: “dá menos trabalho do que você imagina e é muito mais importante do que você pensa.” • Urubu: “ok, mas eu não sei aonde eu vou ganhar com isso...” • ibis: “Saber descartar o lixo também contribui para a sua saúde. ” • Urubu: “minha saúde?” • ibis: “ sim, veja:” www.latf.com.br
  17. 17. Tudo é um ciclo - resíduos • 1,1 Kg de lixo é o que gera aproximadamente, um país com mais de 100 milhões de habitantes. Até o fim da vida, em média cada habitante com essa população, pode acumular até 25,5 toneladas de lixo. • Apenas 13% desse lixo acaba em programas de reciclagem ou técnica de reciclagem de lixo orgânico. • 500g por pessoa, por ano, é o quanto produzimos de . O Brasil lidera essa lista entre os 11 países emergentes. Celulares, computado res, TVs, eletronicos em geral. www.latf.com.br
  18. 18. Pra onde vai o lixo no Brasil? 76% - Céu Aberto 13% Aterro Controlado 10% Aterro Sanitário 1% - Usina de Compostagem www.latf.com.br
  19. 19. Cont.Lixo Céu Aberto: é todo lixo depositado em ambiente aberto e sem nenhum controle quanto aos tipos de lixo ouquanto ao local aonde são depositados.Aterro Controlado: é uma fase intermediária entre o lixão e o aterro sanitário. Normalmente é um lugar próximoao Lixo de Céu Aberto que foi remediado, ou seja, o lixo recebe cobertura de argila, e grama e captação dechorume e gás. Esse lugar é preparado para receber o lixo com uma manta que impermeabiliza o solo, evitando oenvenenamento dessa terra e da água que pode estar por baixo dela. E todos os dias o lixo é coberto com terraou forração, para receber mais uma camada de lixo.Aterro Sanitário: é uma espécie de depósito onde são descartados resíduos sólidos (lixo) vindos deresidências, indústrias, hospitais e construções. Grande parte deste lixo é formada por não recicláveis egeralmente são construídos, na maioria das vezes, em locais distantes das cidades. Isto ocorre em função do malcheiro e da possibilidade de contaminação do solo e de águas subterrâneas.Usina de Compostagem: Compostagem é o conjunto de técnicas aplicadas para controlar a decomposição demateriais orgânicos, com a finalidade de obter, no menor tempo possível, um material estável, rico em húmus e A fnutrientes minerais www.latf.com.br
  20. 20. Você sabe quanto tempo alguns materiais precisam parase decomporem na Natureza? a) Embalagens plásticas: mais de 100 anos b) Papéis: de 3 a 6 meses c) Latas de alumínio: 100 anos d) Tampa de Garrafa: 150 anos e) Vidro: mais de 10.000 anos f) CD e DVD: 180 anos ibis: “É muito importante estarmos em conformidade com a política ambiental da nossa empresa e com os requisitos do sistema de gestão ambiental.” Urubu: “Puxa vida ibis, não tinha ideia de quanto o tema “lixo” é de extrema importância para nós e que com a adoção de pequenos novos hábitos poderemos contribuir para um futuro melhor e mais ecológico.” ibis: “Sem dúvida. Aliás, aqui na rede ibis, também estamos fazendo a nossa parte buscando sempre separar o lixo corretamente. Essa separação é feita em todas as áreas do nosso hotel” Urubu: “Estou impressionado. Quero conhecer melhor essa separação e ver de perto o trabalho dos colaboradores”. ibis: “Então vamos conhecer...” www.latf.com.br
  21. 21. Finalização cena 5 ibis: “Você sabia que o solo é a terra que usamos para plantar. Quando essa terra fica poluída, isto é, quando jogamos lixo ou enterramos algo sem tomarmos cuidado, os alimentos produzidos ficam envenenados”. “Alguns tipos de lixo são mais perigosos do que outros. O lixo perigoso é chamado de resíduos perigosos, que são lixos químicos, como baterias, produtos de limpeza para pisos, agrotóxicos e inseticidas. Os resíduos perigosos podem prejudicar seriamente o meio ambiente e a nossa saúde.” Urubu: “E aqui na rede ibis? Como vocês cuidam desses lixos perigosos?” ibis: “Aqui temos muito cuidado com os resíduos perigosos! Por exemplo, hoje 100% da rede ibis tem colhedor de pilhas. Através deles, nossos hóspedes e colaboradores podem descartar despreocupadamente suas pilhas e baterias.” Urubu: “Acho que tenho algumas pilhas lá em casa. Posso trazê-las e depositá-las aqui?” ibis: “É claro meu amigo!” Coloca esta imagem (coletor de pilhas e baterias, disponíveis em toda rede ibis) para representar a cena. www.latf.com.br
  22. 22. Cena 6 • ibis: “mas é importante sempre pensarmos na quantidade de lixo que estamos produzindo. E pra isso, seguimos uma regrinha simples, dos 3 Rs!” • Urubu: “3 Rs? O que é isso?” • ibis: “Reduzir, Reutilizar e Reciclar.” – Reduzir: é diminuir a quantidade de lixo que produzimos. Devemos pensar no lixo que vamos produzir antes mesmo de comprá-los; – Reutilizar: é utilizar várias vezes a mesma embalagem. Com um pouco de imaginação e criatividade podemos aproveitar sobras de materiais para outros fins; – Reciclar: é transformar o lixo antes inútil em matérias-primas ou novos produtos. É um benefício tanto para o meio ambiente como para economia de energia. Urubu: “E como posso saber o que pode e o que não pode ser reciclado?” ibis: “Isso é simples: Vejamos a seguir...” www.latf.com.br
  23. 23. O que pode ser reciclado e o que ainda não pode? 1) PAPEIS ainda não Caixa de Papelão, Jornal, Revista, Papel sanitário, Papel carbono, Impressos em geral, Embalagens Fotografias, Fitas adesivas, Tocos longa-vida. de cigarro. www.latf.com.br
  24. 24. O que pode ser reciclado e o que ainda não pode? 2) VIDROS ainda não Espelhos, vidros, box de banheiro, lâmpadas Garrafas de bebidas, bem como incandescentes e fluorescentes, seus cacos. Frascos em geral, cristais. Utensílios de vidro ampolas de remédios. Potes de temperado. Tubos e válvulas de produtos alimentícios. televisão. Cerâmica, porcelana, pirex. www.latf.com.br
  25. 25. O que pode ser reciclado e o que ainda não pode? 3) METAIS ainda não Latas (cerveja e refrigerante enlatados) Tampinhas, arames, pregos e Clipes e grampos, Esponjas de parafusos. Objetos de cobre, aço. alumínio, bronze, ferro, chumbo ou zinco, Canos e tubos. www.latf.com.br
  26. 26. O que pode ser reciclado e o que ainda não pode? 4) PLÁSTICOS ainda não Embalagens de refrigerantes, de materiais de limpeza, de alimentos diversos. Copos plásticos. Canos e tubos. Cabos de panelas, tomadas. Sacos plásticos. Embalagens Tetrapak (misturas de papel, plástico e metal). www.latf.com.br
  27. 27. O que fazer com o resto? • O lixo orgânico, que contém restos de comida, cascas de frutas, grama, restos de folhagens, restos de capina, pó de café, etc., pode ser separado e destinado para compostagem para transformá-lo em adubo para plantas. • Resíduos perigosos como pilhas e baterias possuem pontos de coleta específicos que dão o destino correto para esse tipo de material. Baterias e pilhas recicladas viram materiais que dão cor a fogos de artifício, pisos de cerâmica, vidros e tintas. • Lâmpadas também devem ser entregues em pontos de coleta específicos. Elas são levadas a empresas que reutilizam até 98% da matéria prima para fabricação de novas lâmpadas. • Sr. Coruja (volta a cena e fala ao ibis e ao urubu): “É isso mesmo ibis! Aqui já estamos fazendo a nossa parte! Cada colaborador contribui pela separação adequada do lixo. Nossas camareiras iniciam a separação já dentro dos apartamentos e graças ao trabalho delas e de todas as áreas, conseguimos praticar os 3 Rs. • ibis (cheio de orgulho e com o peito estufado diz): “Esse é o meu gerente!” www.latf.com.br
  28. 28. Dinâmica LIMPE O HOTEL COLOCANDO CADA LIXO EM SUA CESTA CORRETA:COZINHA: Orgânicos:RECEPÇÃO: Não Reciclável: Vidros:APARTAMENTO: Plásticos:ÁREAS COMUNS: Metais: Papeis: Lâmpadas: Pilhas: • Para esta dinâmica deverão ser criados os cenários acima mencionados: (cozinha, recepção, apartamento e áreas comuns de um hotel ibis) e o participante do treinamento e-learning deverá limpar essas áreas colocando cada lixo dentro da sua cesta correspondente. • Dúvidas: Pedimos que consultem a LAT&F. www.latf.com.br
  29. 29. Cena 7 • Urubu: “nossa, você é mesmo inteligente ibis. Nunca pensei que ajudar o planeta também ajudaria o meu bolso!” • ibis: “E basta algumas pequenas mudanças de hábito e já estamos fazendo a diferença!” • Sr. Coruja: “Você sabia urubu que no ano de 2004, o ibis tornou-se a primeira marca no setor a obter a certificação ambiental ISO 14001” • Urubu: “ISO 14001, o que é isso?” Sr. Coruja: “ISO é o nome mundial para “International Organization for Standardization” (Organização Internacional de padronização). Não se trata de sigla, mas uma derivação da palavra grega “Isos” que significa “igual”. Trata-se de uma organização que estabelece normas de padronização em diversos setores identificadas por um determinado número. Os hotéis ibis também possuem a certificação da “Qualidade”, chamada ISO 9001. A ISO 14001 é a nossa ferramenta para o sistema de gestão ambiental.” • Urubu: “Uau!” • Sr. Coruja: “Esta certificação reconhece as nossas ações nas seguintes áreas:” – Redução do consumo de água; – Redução do consumo de energia e promoção da energia renovável; – Implementação da classificação de resíduos; – Conscientização da nossa equipe, fornecedores e clientes quanto ao respeito ao meio ambiente e a necessidade de ações concretas no dia a dia. Para isso, todas as áreas do hotel e cada colaborador, em sua respectiva função, deve colaborar para que anualmente estejamos em conformidade com todos esses pontos. • “Venham, vou mostrar-lhes o que a rede ibis já pratica em seus hotéis…. www.latf.com.br
  30. 30. Carta Ambiental • Sr. Coruja: “Dependemos de todos para reduzir os impactos ambientais do hotel. Assim como fazemos para conquistar a certificação de “Qualidade”, cada um de nós deve fazer a sua parte também para a gestão ambiental.” • “Esta é a carta ambiental. É um dos importantes instrumentos de política ambiental da Accor desenvolvidos para orientar os hotéis na gestão das questões ambientais.” • ibis: “É isso mesmo chefe. Através dela temos empenhando-nos pela proteção ambiental e agimos em favor da sua preservação”. • Sr. Coruja: “Exatamente ibis! Com ela cada unidade trabalha de acordo com as suas especificações e metas”. Carta ambiental www.latf.com.br
  31. 31. Situação de Emergência • Sr. Coruja: “Além disso, em casos de emergência definimos a sistemática para a preparação e atendimento a situações emergenciais que possam gerar impacto ambiental negativo adverso.” • Campo de Aplicação: Este procedimento é aplicado pelos gestores dos hotéis ou por pessoal preparado designado, para atuação quando em situações de emergência. É aplicado ainda nas simulações de situações de emergência com o objetivo de teste do procedimento e treinamento da equipe do hotel. • Urubu: “Mas, como uma situação de emergência pode prejudicar o meio ambiente?” • Identificação das situações de emergência: A identificação das situações de emergência que podem acontecer num hotel e que podem gerar impactos ambientais é feita com base numa lista já identificada em nossas atividades decorrente de:  Existência de regulamentação específica sobre estes aspectos decorrentes dos riscos apresentados;  Fazerem parte dos principais riscos avaliados em função do nosso conhecimento em hotelaria;  Serem relativas à maioria dos hotéis. • Sr. Coruja: “Vejamos no exemplo a seguir, o quadro que nos mostra os incidentes/acidentes potenciais nos hotéis...” www.latf.com.br
  32. 32. Situação de Emergência INCIDENTE ASPECTO IMPACTO PREVENÇÃO E RESPOSTA POSSÍVEL P – Treinar periodicamente funcionários Criar e manter a brigada de incêndio. Poluição do Fazer a manutenção, conforme PMP, dos dispositivos ar anti incêndio (splinkers, extintores, hidrantes)Utilização dos apartamentos e áreas comuns do hotel Incêndio Consumo de R – Ação inicial da brigada água Acionar bombeiros (telefones e contatos disponíveis nos seguintes locais: recepção, manutenção, sala da administração) P – Trabalhar com fornecedores qualificados Treinar o pessoal do hotel para acompanhar esta Poluição do atividade. Vazament ar R – Acionar brigadaReposição de carga de gás, ligação de botijões de gás. o de gás Consumo de Isolar local Incêndio água Fechar válvulas de admissão e saída de gás. Acionar bombeiros, se necessário. Providenciar reparos, se necessário. P – Treinar do pessoal envolvido (brigada). Consumo de Fazer a manutenção dos splinkers, conforme PMP. VazamentFuncionamento dos splinkers recurso o de água R – Fechar válvulas de água natural Providenciar reparos. P – Vistoriar tubulações de água, conforme PMP Consumo de (pintura, oxidação, vazamentos) e reparar se VazamentRompimento de tubulação de água recurso necessário. o de água natural R – Fechar registro mestre, identificar a causa do vazamento e reparar. www.latf.com.br
  33. 33. Cena 8 • Urubu: “Realmente é incrível o trabalho de vocês.” • Sr. Coruja: “Obrigado Sr. Urubu. Este trabalho requer muito esforço e claro treinamento. • ibis: “Aliás chefe, o que seriam das equipes ibis se não tivéssemos tantos treinamentos como este?” • Sr. Coruja: “Verdade ibis. Nossos treinamentos Sr. Urubu são extremamente importantes para a gestão de sucesso em nossos hotéis. Todos os colaboradores passam por diversas capacitações, sempre buscando alinhar teoria com a prática e conscientizando nossas equipes sobre a importância do seu papel dentro da rede ibis.” • Urubu: “É incrível ver como tudo aqui funciona e principalmente ver de perto que este trabalho jamais aconteceria se vocês não tivessem o apoio de cada área de trabalho. Recepção, Governança, A&B, Cozinha, Manutenção, Administrativo, Gerência e Assistência. Parabéns!” • Sr. Coruja: “Obrigado! Agora que tal se conhecêssemos mais profundamente esses trabalhos, vocês topam?” • ibis: “Só se for agora” • Urubu: “Claro!” www.latf.com.br
  34. 34. No ibis (resíduos) • Você sabia que um hotel produz cerca de 42t de lixo. Cada quarto ocupado produz entre 1,3 e 1,4 kg de lixo. Menos de 1% desse lixo é perigoso. • O que já fazemos: • Nas áreas publicas e recepções: – Coleta de cartuchos de tinta, toners e papéis; – Pratica de politicas de menor consumo de papel; – Reciclagem de jornais e revistas; – Coleta de lâmpadas e pilhas; – Coleta de recipientes vazios de produtos perigosos. • Quartos de hóspedes: – Durante a limpeza, coleta de pilhas, papeis e vidros que não foram descartados pelos hospedes. • Cozinhas e restaurantes: – Coleta seletiva de embalagens de papelão e vidro; – Reciclagem de lixo orgânico; – Coleta de óleo de cozinha e gordura provenientes do preparo da comida. www.latf.com.br
  35. 35. No ibis (água) • No ibis, 1,4 litros de água são economizados por quarto ocupado. São mais de 47.600 litros de água por hotel, o que representa 38,1 milhões de litros por ano nos mais de 800 hotéis da rede ibis no mundo. • O que já fazemos: • Lavanderia: – Cuidadosamente selecionamos fornecedores que lutam pelo controle de consumo de água, baseando no consumo máximo de 15l por quilo. • Cozinhas: – Checar e cuidar para que não haja nenhum vazamento nas torneiras ou canos; – Utilizar as lava-louças na capacidade máxima. • Quartos dos hospedes: – Instalação de reguladores de fluxo de agua: • 12l/min nos chuveiros • 6l/min nas torneiras das pias – Checar e cuidar para que não haja nenhum vazamento; – Sugerir aos hospedes para que reutilizem as toalhas e enxovais. • Áreas externas: – Instalação de sistemas de economia de agua; – Experimentar cada sistema de coleta e reutilização da agua da chuva. www.latf.com.br
  36. 36. No ibis (energia) • Para conquistar a economia de energia, é necessário monitorar cuidadosamente hábitos de consumo. No caso do ibis, isso também significa instalar equipamentos de maior eficiência na economia de energia, que mantenha uma iluminação confortável para os hospedes. • O que já fazemos: • Área externa: – Instalação de painéis solares para aquecimento da agua domestica; – Experimentação de “telhas verdes” para melhor isolamento. • Cozinhas e Restaurantes: – Sistema de reaproveitamento de energia da ventilação e ar-condicionado; – Controle do aquecimento do ar-condicionado; – Ligar o fogão somente durante a utilização; – Utilizar todos os equipamentos da cozinha em suas capacidades máximas. • Quarto dos hospedes: – Retirar das tomadas equipamentos elétricos; – Aumento do uso de lâmpadas econômicas; – Regular o termostato para manter uma temperatura agradável; – Fechar as cortinas para manter o quarto em temperatura agradável durante o verão. • Recepção e áreas comuns: – Colocar todos os aparelhos elétricos no modo econômico; – Instalação de lâmpadas econômicas nos lobbies e corredores. www.latf.com.br
  37. 37. No ibis (biodiversidade) • A preservação da biodiversidade é uma das grandes preocupações da rede ibis. Isso inclui ações de plantio de árvores e suporte ao ambiente local. • O que já fazemos: • Cozinhas e restaurantes: – Earth Guest day – dia em que diversas marcas do Grupo Accor em todo o mundo oferecem somente cardápios orgânicos. • Áreas externas: – Utilização de espécies de plantas adaptadas as condições locais; – Redução no uso de produtos químicos (pesticidas) para cultivo de áreas verdes; – União com iniciativas locais para preservação do meio ambiente (limpeza de praias, recuperação de mananciais etc.); – Plant for the planet – ação com o apoio da Accor de compensação de emissão de carbono pelos hotéis da rede, com o plantio de quase 3 milhões de árvores em áreas de recuperação. www.latf.com.br
  38. 38. Dinâmica • Relacione a coluna A com a coluna B A B • Quartos dos Hóspedes • Earth gest day • Cozinhas e Restaurantes • Plant for the planet • Áreas externas • Sugerir aos hospedes para que • Recepção e áreas comuns reutilizem as toalhas e enxovais. • Lavanderias • Controle das quantidades de produtos de limpeza usados. • Retirar das tomadas equipamentos elétricos • Coleta de cartuchos de tinta, toners e papéis e Pratica de politicas de menor consumo de papel www.latf.com.br
  39. 39. Cena 9 • Urubu: “Puxa, aprendi muita coisa! A partir de hoje vou mudar minhas atitudes, pensando no meio ambiente e no futuro dos meus filhos.” • ibis: “Que legal! E olha só, além de tudo isso, ainda temos um programa chamado Earth Guest Day (Dia da Terra) ou mais conhecido como: “Dia Accor por um mundo melhor!” • Urubus: “E o que seria ele?” • Sr. Coruja: “Earth Guest é o programa da Accor, que foi lançado no ano de 2006, para apoiar ações ligadas as área social e do meio ambiente focado em 8 prioridades: proteção às crianças, desenvolvimento social, alimentação e saúde - EGO, responsabilidade social; energia, água, lixo e biodiversidade - ECO, gestão ambiental”. • “Algumas dessas ações nós já vimos ao longo desta sua visita em nossa hotel e outras são repassadas para nossas equipes, através de treinamentos e formações específicas.” • Urubu: “Minha nossa, você são fantásticos. Estou impressionado com toda estrutura e trabalho feito por vocês. A propósito Sr. Coruja: Será que não tem nenhuma vaga de trabalho aberta, sabe como é, é tão difícil encontrar uma empresa que tenha tantos valores morais e éticos e principalmente que lute de verdade pela preservação do meio ambiente e do planeta?” • Nesta hora o Sr. Coruja e o Pássaro ibis olham para o Urubu e dizem: Quem sabe, agora que você já conhece nossas ações e certamente as levará para a sua vida pessoal, podemos pensar no seu caso! • Urubu: “Valeu gente” Agora vou voltar correndo para casa e espalhar entre todos os meus vizinhos como juntos podemos mudar o planeta! www.latf.com.br
  40. 40. Final da cena 9 • Urubu: “Antes, só uma dúvida que ainda tenho?” • Sr. Coruja: “Então pergunte!” • Urubu: “O que é mesmo o tal do PPR?” • ibis (fala baixinho para o Sr. Coruja): “Sabia que ele não iria esquecer disso”. • Sr. Coruja: “PPR é a sigla de (Programa de Participação nos Resultados). No final de cada ano, fazemos um balanço das nossas despesas e receitas e quando alcançamos a meta estipulada para cada unidade ibis, toda equipe é premiada com um salário a mais, que pode ser proporcional ou integral, dependendo do tempo de casa de cada colaborador”. Por isso, quanto mais conscientizada forem as nossas equipes e mais contribuírem para uma gestão sustentável, maiores serão as nossas possibilidades de ganharmos o prêmio”. • ibis: “Tá vendo só Urubu, se você vier trabalhar com a gente já tem uma missão!” • Urubu: (com um olhar cheio de esperança e louco para se tornar um colaborador ibis): “Exatamente, colaborar, ajudar e praticar. Pois o planeta está em nossas mãos...” www.latf.com.br
  41. 41. Dinâmica • Pegada ecológica: http://www.footprintnetwork.org/en/index.php/GFN/page/calculators/ www.calculadoracarbono-cgd.com • Carta compromisso. • Ficarão como arquivos adicionais www.latf.com.br

×