• Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
  • Muito bem ilustrado. Recomendo
    Are you sure you want to
    Your message goes here
  • Muitooooooooooo bom!!!!!!!
    Are you sure you want to
    Your message goes here
  • Material de biologia interessente. Recomendo para todos estudantes do curso de biologia e ciências agrárias. Ajudou-me a entender muitos conteúdos e aprofundar outros. Bué fixe.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
No Downloads

Views

Total Views
18,775
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4

Actions

Shares
Downloads
195
Comments
3
Likes
3

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Reino vegetal ou Metaphyta ou Plantae
  • 2. Talófitas Criptógamas Fanerógamas Algas Pluricelulares Briófitas Pteridófitas Gimnospermas Angiospermas Clorofíceas ou algas verdes Rodofíceas ou algas vermelhas Feofíceas ou algas pardas ex: Musgos e hepáticas ex: Samambaias e avencas ex: Pinheiro do Paraná qualquer planta que produz fruto ( ex: mangueira, cajueiro, laranjeira, abacateiro...)
  • 3. Briófitas musgos musgos hepáticas musgos
  • 4. musgos musgos líquens hepáticas musgos samambaias
  • 5. Pteridófita (samambaia) soros da samambaia Samambaiaçu Pteridófitas
  • 6. soros da avenca Avenca (pteridófita) Pteridófitas
  • 7. sequóia Pinheiro do Paraná Pinha imatura Pinha madura Pinha ou estróbilo ou flor pinha fecundada semente semente ou pinhão Pinus Gimnospermas
  • 8. cycas ciprestes gimnospermas
  • 9. Angiospermas
  • 10. Como as plantas se reproduzem?
  • 11. Todas as plantas são seres haplodiplobiontes, por isso reproduzem-se por metagênese ou alternância de gerações. Fase esporofítica (2n) ou esporófito esporos(n) Fase gametofítica (n) ou gametófito gametas (n) Zigoto (2n) sofre R! ( meiose )e produz crescem e formam a E! ( mitoses ) produz E! se unem e formam o fecundação cresce e forma o E! fase sexuada do ciclo fase assexuada do ciclo
  • 12.  
  • 13. Briófitas
  • 14. Quais são as principais características das briófitas?
    • 1. São plantas criptógamas (não produzem flor, semente ou fruto)
    • 2. Foram as primeiras plantas que ocuparam o ambiente terrestre;
    • 3. Vivem em ambientes úmidos, pois dependem da água do meio ambiente para a fecundação;
    • 4. São as únicas plantas avasculares , ou seja, sem tecidos condutores de seivas (xilema e floema). Devido a esta característica apresentam um pequeno porte (alguns centímetros) e o transporte das seivas é realizado lentamente de uma célula para outra, por difusão ou por osmose;
    • 5. A fase gametofítica(n) é duradoura e a esporofítica(2n) é passageira ;
    • 6. Reproduzem-se por metagênese ou alternância de gerações;
  • 15. Esporófito(2n) Gametófito(n)
  • 16. Pteridófitas
  • 17. Quais são as principais características das pteridófitas?
    • 1. São plantas criptógamas;
    • 2. Foi o segundo grupo vegetal na escala evolutiva das plantas, e o primeiro a possuir vasos condutores de seivas, ou seja, são vasculares;
    • 3. A presença da vascularidade permitiu a elas crescerem mais que as briófitas;
    • 4. Também vivem em ambientes úmidos, pois assim como as briófitas necessitam da ajuda da água do meio para a fecundação;
    • 5. A fase esporofítica(2n) duradoura e a gametofítica(n) passageira;
  • 18. caule do tipo rizoma soros gametófito hermafrodita(n) ( PRÓTALO)
  • 19. Quais são as principais semelhanças entre as briófitas e as pteridófitas?
    • São plantas criptógamas, ou seja, não produzem flor, semente ou fruto;
    • Vivem em ambientes úmidos, pelo fato de ambas dependerem da água do meio para a reprodução;
  • 20. Quais são as principais diferenças entre as briófitas e as pteridófitas?
  • 21. 1º. Briófitas: - São avasculares, - A fase gametofítica(n) é duradoura e a esporofítica(2n) é passageira; - O gametófito(n) é dióico; - O esporófito(2n) depende do gametófito(n) feminino quanto a nutrição. 2º. Pteridófitas: - São vasculares; - A fase gametofítica(n) é passageira e a esporofítica(2n) é duradoura; - O gametófito(n) é monóico ou hermafrodita (lembrar do prótalo ou “coração de bigode”); - Neste grupo o esporófito não depende do gametófito quanto a nutrição, pois ambos fazem fotossíntese.
  • 22. Gimnospermas
  • 23. Pinheiro do Paraná estróbilo ou pinha ou flor do pinheiro Sequóia gigante
  • 24. Sequóia gigante
  • 25. Sequóias gigantes
  • 26. Quais são as principais características das gimnospermas?
    • São plantas fanerógamas , ou seja, estruturas reprodutivas visíveis.
    • Suas estruturas reprodutivas denominam-se estróbilos ou pinhas, elas não possuem elementos de atração para os polinizadores, por isso são polinizadas pelo vento.
    • Foram as primeiras plantas a conquistarem definitivamente o ambiente terrestre , pois não dependem mais da água do ambiente para a fecundação e seu embrião fica protegido em uma estrutura que possui reservas e uma capa que o protege contra a desidratação, ou seja, estou falando da semente;
    • São plantas vasculares , sendo a maioria árvores lenhosas (de grande porte);
    • São plantas espermatófitas (produtoras de sementes);
    • São plantas sifonógamas, ou seja , produzem grão de pólen e tubo polínico ;
  • 27.  
  • 28.  
  • 29. Angiospermas
  • 30. Quais são as principais características das angiospermas?
    • São plantas fanerógamas (produzem flor e semente);
    • São espermatófitas (produtoras de sementes);
    • São as únicas plantas que produzem semente protegida por fruto ;
    • Geralmente produzem flores coloridas, cheirosas, que produzem néctar, por isso são polinizadas por animais, tais como, insetos (abelhas, borboletas, formigas...), passarinhos (ex:beija-flor) ou até mesmo algumas espécies de mamíferos voadores (ex: morcegos nectívoros);
    • É o grupo vegetal mais recente e mais abundante da Terra. Esse sucesso na dispersão se deve ao fato de serem as únicas plantas que produzem fruto, uma estrutura que além de proteger a semente serve de elemento de atração para os animais dispersores de sementes, ou seja, aqueles que comem o fruto e eliminam as sementes através das fezes;
    • Também não dependem mais da água do meio para a reprodução, pois produzem grão de pólen e tubo polínico ;
    • Como é um grupo muito numeroso foi subdividida em dois outros grupos, as angiospermas monocotiledôneas e as angiospermas dicotiledôneas ;
  • 31. Angiospermas
  • 32.  
  • 33.  
  • 34. O androceu é o aparelho reprodutor masculino, ele é formado pelos estames O gineceu ou pistilo Ou carpelo é o aparelho Reprodutor feminino ovário óvulo fruto semente
  • 35. Gineceu ou pistilo ou carpelo: é formado pelo estigma, estilete, ovário e óvulo. Androceu : é formado pelos estames, sendo cada estame formado por um filete e por uma antera. (local onde se produz os grãos de pólen)
  • 36.  
  • 37.  
  • 38. Resumo:
  • 39. 1. (Ufscar) Muitas das características que surgiram ao longo da história evolutiva das plantas permitiram a conquista do ambiente terrestre. Considere os musgos e as samambaias e a) cite uma característica compartilhada por esses dois grupos que torna essas plantas dependentes da água para a fertilização. b) compare os dois grupos com relação à presença de um sistema vascular para transporte de água e nutrientes.
  • 40. 2. (Ufrj) Na conquista do meio terrestre pelos vegetais, as adaptações referentes à reprodução foram fundamentais.   No contexto da propagação dos gametas, indique se são as Angiospermas ou as Pteridófitas as que apresentam menor dependência da água. Justifique sua resposta.
  • 41. 3. (Unicamp) Um estudante de Biologia, desejando obter gametófitos para demonstração em uma Feira de Ciências, seguiu três procedimentos distintos:   I. Coletou soros nas folhas de uma samambaia, esmagou-os e deixou-os em xaxim constantemente umedecido por vários dias; II. Colocou grãos de pólen em solução açucarada e esperou algumas horas até que germinassem; III. Colocou sementes de feijão em algodão embebido em água, tendo o cuidado de manter a preparação em local bem iluminado.   a) O que são gametófitos? b) É possível obtê-los nas 3 condições descritas? Explique.
  • 42. 4. (Unicamp) Os grãos de pólen e os esporos das plantas vasculares sem sementes variam consideravelmente em forma e tamanho, o que permite que um grande número de famílias, gêneros e muitas espécies possam ser identificados através dessas estruturas. Os grãos de pólen e os esporos das plantas vasculares sem sementes permanecem inalterados em registros fósseis, em virtude do revestimento externo duro e altamente resistente, o que possibilita inferências valiosas sobre floras já extintas.   a) Suponha que em um determinado local tenham sido encontrados apenas grãos de pólen fósseis. A vegetação desse local pode ter sido formada por musgos, samambaias, pinheiros e ipês? Justifique sua resposta. b) Esporos de plantas vasculares sem sementes e grãos de pólen maduros, quando germinam, resultam em estruturas diferentes. Quais são essas estruturas?  
  • 43. 5. (Ufscar) ) A polinização é um evento essencial para a produção de frutos nas plantas. Em algumas espécies, no entanto, pode haver formação de frutos na ausência de polinização, se as flores forem pulverizadas com certos hormônios vegetais. a) Que parte da flor é estimulada pelos hormônios a se desenvolver em fruto? b) Qual é a diferença entre um fruto gerado pela aplicação de hormônios, sem que haja polinização, e um fruto resultante da polinização?
  • 44. 6. (Unicamp 2010) Atualmente, o Brasil está na corrida pela segunda geração do etanol, o álcool combustível, produzido a partir da cana-de-açúcar, tanto do caldo, rico em sacarose, quanto do bagaço, rico em celulose. O processo para a produção do etanol é denominado fermentação alcoólica.   a) Qual dos dois substratos, caldo ou bagaço da cana, possibilita produção mais rápida de álcool? Por quê? b) O milho é outra monocotiledônea que também pode ser usada na produção de álcool. Cite duas características das monocotiledôneas que as diferenciem das dicotiledôneas, atualmente denominadas eudicotiledôneas
  • 45. 7. (Ufpi) Atualmente, biólogos da área de sistemática e evolução dos seres vivos incluem as algas como pertencentes ao reino Protista, e não ao reino Vegetal, como tradicionalmente se conhece devido à sua aparência com as plantas. A explicação para se classificar as algas como Protista e não como Vegetal está no fato da: a) presença de células com parede celulósica. b) ausência de envoltório nuclear em suas células. c) ausência de tecidos e órgãos bem diferenciados. d) presença de clorofila como pigmento fotossintetizante. e) ausência de organelas celulares.
  • 46. 8. (Fatec) A figura a seguir representa um organismo vivo.     Assinale a alternativa que relaciona correta e respectivamente o reino, a divisão (ou filo) e o elemento reprodutivo derivado do esporófito. a) 'Fungi', 'Bryophyta' e esporo. b) 'Plantae', 'Bryophyta' e esporo. c) 'Plantae', 'Pteridophyta' e esporo. d) 'Fungi', 'Pteridophyta' e semente. e) 'Protista', 'Fungi' e semente.  
  • 47. 9. (Mackenzie) O ciclo de vida de briófitas e pteridófitas pode ser representado segundo o esquema a seguir.     A respeito dele, podemos afirmar que: a) a meiose ocorre em I. b) I constitui a geração predominante para os dois grupos vegetais. c) somente II e IV são diplóides. d) I constitui a geração predominante para briófitas e não para pteridófitas. e) somente II e IV são haplóides.
  • 48. 10. (Pucrs) Responder à questão preenchendo com V (verdadeiro) ou F (falso) os parênteses correspondentes às afirmativas sobre os musgos.   ( ) Pertencem ao grupo das briófitas. ( ) São seres vivos heterotróficos absortivos. ( ) São desprovidos de traqueídeos. ( ) Preferem solos secos e frios. ( ) São parentes das hepáticas.   A seqüência correta, resultante do preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é a) F - F - V - V - V b) F - V - F - V - F c) V - F - V - F - V d) V - V - F - V - V e) V - V - V - F - F
  • 49. 11. (Ufpel)     As briófitas são plantas criptogâmicas avasculares que podem ser muito úteis para o homem. A formação de "tapetes" de muitas espécies promove a absorção e retenção de água e uma diminuição no impacto da gota da chuva. Várias espécies habitam as margens dos rios, absorvendo a água e retendo partículas do solo em suspensão. Existem espécies que têm a capacidade de concentrar metais pesados, como o mercúrio, outras, de reter poluentes do ar. No Japão, foi identificada uma espécie que se desenvolve apenas em água poluída. Existem espécies de briófitas que servem ainda de alimento para alguns mamíferos, pássaros e peixes, e que podem ser usadas para fins medicinais, entre outras finalidades. "Ciência Hoje", v.16, n.91, junho de 1993 [adapt.]  
  • 50. Com base nos textos e em seus conhecimentos, é correto afirmar que as Briófitas - a) vegetais que são parasitas somente quando as raízes se fixam nos hospedeiros arbustivo-arbóreos - são úteis como indicadores ecológicos da poluição, no controle da erosão e do assoreamento de rios. b) vegetais que, em seu ciclo reprodutivo, formam o esporófito (n), após a fecundação da oosfera pelo anterozóide no gametófito (2n) - são prejudiciais ao ecossistema, uma vez que levam à bioacumulação de metais pesados ao longo da cadeia alimentar. c) vegetais que apresentam rizóides para fixação no substrato e conduzem a água e os sais minerais através de vasos rudimentares - são úteis como indicadores ecológicos da poluição, sem ação, entretanto, no controle da erosão do solo e do assoreamento de rios. d) vegetais que, assim como as pteridófitas, apresentam estruturas produtoras de gametas bem visíveis - são prejudiciais ao ecossistema, uma vez que levam a uma maior bioacumulação de metais pesados quanto menor for o nível trófico na cadeia alimentar. e) vegetais que não apresentam sistema vascular organizado em xilema e floema - são úteis como indicadores ecológicos da poluição, no controle da erosão do solo e do assoreamento de rios.
  • 51. 12. (Ufsm) Buscando informações sobre musgos, um estudante consultou o índice a seguir, retirado de dois livros que diferiam quanto ao sistema de classificação dos vegetais.   LIVRO A   REINO PLANTAE - Vegetais inferiores (corpo reduzido a um talo) p. 201. - Vegetais intermediários (sem sementes, com ou sem tecidos de condução) p. 202. - Vegetais superiores (com sementes, com tecidos de condução) p. 204   LIVRO B REINO PLANTAE - Criptógamos avasculares (sem semente, sem tecidos de condução) p.340 - Criptógamos vasculares (sem sementes, com tecidos de condução) p. 341 - Fanerógamos (com sementes, com tecidos de condução) p.342   Em que páginas dos livros A e B, respectivamente, o estudante encontrará as informações que procura? a) 201 e 340. b) 201 e 341. c) 202 e 341. d) 202 e 340. e) 204 e 342.  
  • 52. 13. (Unesp) Um estudante recebeu nove cartões, cada um apresentando uma característica ou o nome de uma estrutura presente em diferentes grupos de plantas (fig. 1). Sua tarefa era formar dois grupos de três cartões, de modo que no grupo I fossem incluídos apenas cartões com características ou estruturas encontradas em briófitas e, no grupo II, apenas cartões com características ou estruturas encontradas em angiospermas. Assinale a alternativa que, no quadro (fig. 2), apresenta possibilidades de formar corretamente os grupos I e II.
  • 53. 14. (Fuvest) A figura mostra a face inferior de uma folha onde se observam estruturas reprodutivas.     A que grupo de plantas pertence essa folha e o que é produzido em suas estruturas reprodutivas? a) Angiosperma; grão de pólen. b) Briófita; esporo. c) Briófita; grão de pólen. d) Pteridófita; esporo. e) Pteridófita; grão de pólen.
  • 54. 15. (G2) Considere as seguintes características:   I - nítida alternância de gerações II - presença de tecidos de condução III - ocorrência de meiose espórica   Um musgo (briófita) e uma samambaia (pteridófita) apresentam em comum: a) I e II b) II e III c) I e III d) I, II e III e) nenhum dos itens
  • 55. 16. (Pucrs) Responder à questão com base nas afirmativas a seguir, sobre as plantas pteridófitas.   I. São o grupo mais antigo de plantas vasculares. II. Possuem caule chamado de rizoma e folhas normalmente divididas em folíolos. III. Suas minúsculas flores podem ser vistas apenas com o auxílio de uma lupa. IV. Sua reprodução envolve a produção de esporos.   Pela análise das afirmativas, conclui-se que estão corretas as da alternativa a) I, II e III b) I, II, III e IV c) I, II e IV d) I, III e IV e) II, III e IV
  • 56. 17. (Ufrs) Assinale a alternativa que completa corretamente as lacunas do texto abaixo.   O artigo 1o do Decreto Municipal no 9732 de Porto Alegre, de 11 de junho de 1990, proíbe a industrialização e a comercialização de vasos, estacas e placas de xaxim ('Dicksonia sellowiana') no município de Porto Alegre.   As plantas desta espécie, .......... no Rio Grande do Sul, são ........... e pertencem ao grupo das .......... .   a) exóticas - avasculares - gimnospermas b) exóticas - avasculares - pteridófitas c) nativas - avasculares - gimnospermas d) exóticas - vasculares - gimnospermas e) nativas - vasculares - pteridófitas
  • 57. 18. (Ufv) Para o cultivo de plantas de diferentes grupos taxonômicos foram construídos quatro canteiros, como se segue:   1 - Bryophyta 2 - Pteridophyta 3 - Gymnospermae 4 - Angiospermae   Considerando as características dos grupos anteriormente mencionados, assinale a alternativa CORRETA: a) as plantas de todos os canteiros foram cultivadas a partir de sementes coletadas nos seus respectivos habitat. b) as plantas dos canteiros 1 e 2 foram cultivadas em ambientes úmidos e sombreados, em virtude das particularidades de seus ciclos de vida. c) as plantas dos canteiros 3 e 4 apresentam sementes com um ou dois cotilédones e frutos com pericarpo desenvolvido. d) em todos os canteiros foram cultivadas plantas monóicas e dióicas, para garantir a polinização das espécies. e) os canteiros 2, 3 e 4 são de grandes dimensões, pois as plantas apresentam crescimento secundário.
  • 58. 19. (Fatec) Considere, no esquema a seguir, as características de determinados grupos vegetais.     Com base no esquema, que representa a evolução vegetal ao longo de milhões de anos, assinale a alternativa que apresenta os grupos vegetais que correspondem, respectivamente, aos números 1, 2, 3 e 4. a) Briófitas, angiospermas, gimnospermas e pteridófitas. b) Briófitas, pteridófitas, angiospermas e gimnospermas. c) Pteridófitas, briófitas, gimnospermas e angiospermas. d) Briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiospermas. e) Pteridófitas, briófitas, angiospermas e gimnospermas.
  • 59. 20. (Fatec) Os organismos I, II, III, IV e V apresentam características descritas na tabela a seguir:     A ordem crescente de evolução desses organismos é a) II, IV, I, III e V. b) IV, I, V, II e III. c) II, IV, V, I e III. d) IV, II, I, V e III. e) II, IV, I, V e III.
  • 60. 21. (Fuvest)     O diagrama representa as relações filogenéticas entre as algas e os principais grupos de plantas atuais. Cada círculo numerado indica uma aquisição evolutiva compartilhada apenas pelos grupos representados nos ramos acima desse círculo. Por exemplo, o círculo 1 representa "embrião dependente do organismo genitor", característica comum a todos os grupos, exceto ao das algas. Os círculos de números 2, 3 e 4 representam, respectivamente, a) alternância de gerações; fruto; semente. b) alternância de gerações; tecidos condutores; fruto. c) tecidos condutores; fruto; flor. d) tecidos condutores; semente; fruto. e) semente; flor; tecidos condutores.
  • 61. 22. (Fuvest) O esquema a seguir representa a aquisição de estruturas na evolução das plantas. Os ramos correspondem a grupos de plantas representados, respectivamente, por musgos, samambaias, pinheiros e gramíneas. Os números I, II e III indicam a aquisição de uma característica: lendo-se de baixo para cima, os ramos anteriores a um número correspondem a plantas que não possuem essa característica e os ramos posteriores correspondem a plantas que a possuem.     As características correspondentes a cada número estão corretamente indicadas em: a) I - presença de vasos condutores de seivaII - formação de sementesIII - produção de frutos b) I - presença de vasos condutores de seivaII - produção de frutosIII - formação de sementes c) I - formação de sementesII - produção de frutosIII - presença de vasos condutores de seiva d) I - formação de sementesII - presença de vasos condutores de seivaIII - produção de frutos e) I - produção de frutosII - formação de sementesIII - presença de vasos condutores de seiva
  • 62. 23. (Mackenzie) Os termos "criptógama" e "fanerógama" são utilizados, respectivamente, para indicar plantas que não têm flores e as que têm flores; "avascular" e "vascular" designam, respectivamente, plantas que não têm e que têm vasos condutores de seiva. Assinale a alternativa que apresenta exemplo de planta criptógama vascular. a) Samambaia b) Pinheiro c) Musgo d) Elodea e) Cacto
  • 63. 24. (Pucmg) O esquema mostra a evolução das plantas a partir de uma alga ancestral. Os números 1, 2, 3 e 4 representam características ou aquisições evolutivas dos grupos vegetais a seguir.     Após analisar o esquema, assinale a afirmativa INCORRETA. a) 1 apresenta o gametófito como fase predominante em seu ciclo de vida. b) 2 indica um ancestral que apresenta como aquisição vasos condutores de seiva. c) Somente a partir de 4 surgem as fanerógamas, que independem da água para a fecundação. d) Para o grupo que se origina a partir de 4, ocorre uma grande diversificação dos processos de polinização e dispersão das sementes.
  • 64. 25. (Uel) Considerando-se briófitas, pteridófitas, gimnospermas e angiospermas, fizeram-se as seguintes afirmações:   I. O gametófito é, comparativamente, mais desenvolvido nas briófitas. II. O gametófito atinge o máximo de redução nas gimnospermas e nas angiospermas. III. O esporófito das pteridófitas sempre é parasita do gametófito, enquanto que nos outros grupos ele é autótrofo. IV. Os esporófitos dos quatro grupos de plantas são haplóides, originando esporos por mitose.   São corretas SOMENTE, a) I e II b) I e III c) II e III d) II e IV e) III e IV
  • 65. 26. (Ufpr) O esquema a seguir representa o ciclo reprodutivo de uma pteridófita (samambaia).     Nesse ciclo reprodutivo, a meiose ocorre a) no gametófito, para a formação de gametas. b) no esporófito, para a formação dos esporos. c) logo após a fecundação. d) durante o desenvolvimento do zigoto. e) durante a germinação dos esporos.  
  • 66. 27. (Unifesp) Em um sítio arqueológico foram encontrados três fósseis, cada um contendo diferentes órgãos vegetais: 1 - caule; 2 - flor; 3 - semente. Não se sabe se são provenientes de uma única planta ou de três plantas diferentes. Sobre tais fósseis, foram levantadas as seguintes hipóteses:   I - Os três fósseis pertencem a plantas com sistema vascular (condução de água e nutrientes) organizado. II - Os fósseis 1 e 3, se pertencerem a uma mesma planta, são ou de uma gimnosperma ou de uma angiosperma. III - Os fósseis 2 e 3, se pertencerem a uma mesma planta, são ou de uma gimnosperma ou de uma angiosperma. IV - Os fósseis 1 e 2, se pertencerem a uma mesma planta, são exclusivamente de uma angiosperma.   Estão corretas: a) I, II e III. b) I, III e IV. c) I, II e IV. d) II, III e IV. e) todas as hipóteses.