Moluscos

40,292 views

Published on

Published in: Technology, Education
1 Comment
19 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
40,292
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1,711
Actions
Shares
0
Downloads
1,104
Comments
1
Likes
19
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Moluscos

  1. 1. MOLUSCOS
  2. 2. MOLUSCOS <ul><ul><ul><ul><ul><li>Alguns representantes </li></ul></ul></ul></ul></ul>Representantes : Lulas, Polvos, lesmas, caracóis, mariscos, ostras, mexilhões , sépias, náutilos, quíton. Depois de artrópodes, é o segundo maior filo do Reino Animal. Lula Polvo Sépia mariscos Náutilo Quíton
  3. 3. Caracterização. <ul><li>Corpo não segmentado </li></ul><ul><li>Simetria bilateral, </li></ul><ul><li>Celomados, </li></ul><ul><li>Protostômios, </li></ul><ul><li>Triblásticos. </li></ul>
  4. 4. MORFOLOGIA DE UM MOLUSCO Os moluscos apresentam um padrão básico de organização corporal. O corpo dos moluscos está dividido em 3 regiões básicas: cabeça , pé e massa visceral . Apesar do nome molusco = corpo mole, muitos moluscos apresentam uma concha calcária, produzida pelo manto. É a epiderme desse órgão que secreta o carbonato de cálcio, formador da concha. Em algumas espécies interna e reduzida (ex.: lulas) e em outras, como a lesma, a concha é ausente.
  5. 5. Classificação Classe Monoplacophora : Apresentam concha com uma só placa. Vivem em águas profundas, entre 2.000 e 7.000 metros. Ex.: Neopilina
  6. 6. Classe Polyplacophora : Possuem uma concha calcária formada por 7 ou placas que recobrem o dorso do animal. Marinhos. Ex.: Quíton
  7. 7. Classe Gastropoda : Possui o maior número de espécies dentre os moluscos, com cerca de 70.000 espécies. Único grupo de moluscos com representantes na água doce, no mar e no ambiente terrestre. Grande diversidade de hábitos alimentares: há espécies carnívoras, espécies herbívoras e espécies detritívoras.
  8. 8. A conquista do ambiente terrestre foi possível graças a algumas adaptações, tais como: * Concha cônica e mais leve, mais fácil de ser carregada. * Fecundação interna * Respiração pulmonar Quanto à reprodução, há espécies monóicas e espécies dióicas. A fecundação pode ser interna ou externa. Algumas espécies possuem larva. Os gastrópodes pulmonados são hermafroditas e o desenvolvimento é direto. Biomphalaria Escargot
  9. 9. Classe Bivalvia (Pelecypoda ) : Apresentam corpo envolvido por uma concha constituída de 2 valvas. Ocorrem tanto na água doce como no ambiente marinho. Na evolução do grupo houve redução da cabeça e desaparecimento da rádula . Os bivalves são animais filtradores e conseguem o alimento pelas brânquias. Ostra Vieiras
  10. 10. PRODUÇÃO DE PÉROLA <ul><li>Certos bivalves são capazes de produzir pérolas com valor comercial – são as ostras perlíferas . A formação da pérola inicia-se quando algum corpo estranho entra no espaço entre a concha e o manto. Este, então, secreta sucessivas camadas de nácar (madrepérola  material orgânico, brilhante, presente na superfície interna da concha, usado para fazer botões) sobre o invasor. Trata-se, portanto, de um mecanismo de defesa do molusco. </li></ul>Ostra perlífera
  11. 11. <ul><li>Classe Cephalopoda: </li></ul><ul><li>Grupo de moluscos mais evoluídos. </li></ul><ul><li>Representantes: lulas, sépias, náutilo, polvo, argonauta. </li></ul><ul><li>São moluscos com sistema circulatório fechado e sistema nervoso bem com gânglio cerebróide bem desenvolvido. </li></ul><ul><li>Possuem olhos com visão em cores. </li></ul><ul><li>Há espécies com concha calcária externa (ex.:náutilo), com concha interna e reduzida (ex.: lula) e sem concha (ex.: polvo). </li></ul><ul><li>A pele possui células denominadas cromatóforos, dotadas de pigmentos, cuja alteração de distribuição promove alterações na cor do animal. </li></ul><ul><li>Lulas e moluscos possuem glândula de tinta. Sempre que ameaçados eliminam o conteúdo dessa glândula, o que torna o ambiente turvo, possibilitando-os fugir. </li></ul>Náutilo Polvo argonauta
  12. 12. Respiração <ul><li>Branquial (ocorre nas formas aquáticas) </li></ul><ul><li>Pulmonar (ocorre nos gastrópodes  único grupo de moluscos a conquistar o ambiente terrestre. </li></ul><ul><li>Em algumas espécies há respiração cutânea. </li></ul>
  13. 13. Sistema Digestório *Apresentam tubo digestório completo. A digestão é extracelular e intracelular. Na boca dos moluscos, exceto dos bivalves, há uma estrutura exclusiva do grupo: a rádula .
  14. 14. Detalhe de uma rádula
  15. 15. Sistema Circulatório Presença de um sistema circulatório. Nos moluscos, o sistema circulatório é aberto , exceto nos cefalópodes. Nesse tipo de sistema circulatório o sangue sai do coração em vasos que vão se ramificando e, ao chegarem aos tecidos, terminam em cavidades. Assim, o sangue banha as células. Uma característica desse tipo de sistema circulatório é que ao sair dos vasos o sangue perde pressão, o que limita o tamanho do animal. Nos cefalópodes, o sistema circulatório é fechado . O sangue fica permanentemente dentro de vasos sangüíneos.
  16. 16. Sistema Excretor Ocorre por meio de metanefrídeos (nefrídeos). Cada metanefrídeo possui uma abertura no celoma, responsável pela filtração do líquido celomático e uma abertura na cavidade do manto, por onde as excertas são eliminadas.
  17. 17. Sistema Nervoso Tipo ganglionar ventral. Há vários gânglios nervosos ligados entre si por meio de cordões nervosos ventrais.
  18. 18. Reprodução <ul><li>Há fecundação interna e externa, e desenvolvimento direto e indireto. </li></ul>
  19. 19. Reprodução <ul><li>Poliquetos possuem sexos separados e fecundação externa, dimorfismo sexual e ausência de clitelo. </li></ul>
  20. 20. IMPORTÂNCIA DOS MOLUSCOS <ul><li>Integrantes de um grande número de cadeias alimentares; </li></ul><ul><li>Muitos bivalves atuam como bioindicadores, pois são capazes de concentrar toxinas e poluentes presentes nas brânquias; </li></ul><ul><li>Alimentícia (ostras, mariscos, lulas) </li></ul><ul><li>Econômica ( exportação do molusco para culinária; exportação de pérolas) </li></ul><ul><li>Algumas espécies participam do ciclo biológico de determinados vermes; </li></ul><ul><li>Comprometimento da estrutura de embarcações (ex.: teredo). </li></ul>

×