Contabilidade de custos slides 01 e 02 - leonardo almeida - introdução e nomenclaturas em custos

1,522 views
1,444 views

Published on

0 Comments
5 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
1,522
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
85
Comments
0
Likes
5
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Contabilidade de custos slides 01 e 02 - leonardo almeida - introdução e nomenclaturas em custos

  1. 1. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos Prof. Leonardo Souza de Almeida Bacharel em Ciências Contábeis – UEFS Especialista em Contabilidade Gerencial com ênfase em Controladoria Aluno do Mestrado em Contabilidade – UFBA lsalmeida@uefs.br
  2. 2. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida Roteiro da Aula: 1. Contextualização disciplina. da 2. Terminologias de Custos. 3. Classificação de custos. 4. Atividades. Duração da aula: 2 aulas de 50 minutos.
  3. 3. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida “O grau de desenvolvimento das teorias contábeis e de suas práticas está diretamente associado, na maioria das vezes, ao grau de desenvolvimento comercial, social e institucional das sociedades, cidades ou nações”. (Sérgio de Iudícibus)
  4. 4. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida A teoria ensina que o surgimento da contabilidade se confunde com o surgimento da civilização. Homem primitivo -> registro de materiais de caça, alimentos, animais etc. Era mercantilista -> Contabilidade estruturada para servir as empresas comerciais. Revolução Industrial -> Quase só existia contabilidade Financeira (Geral). Necessidade de um controle maior e melhor (Gerencial)
  5. 5. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida Homem primitivo Contabilidade Não havia mensuração, pois não havia moedas Registro Era mercantilista: predomínio do comércio Contabilidade Registro, Mensuração Controle e Evidenciação Apuração do Resultado Estoques Iniciais (+) Compras (-) Estoques Finais (=) CMV Receitas (-)CMV = Lucro Bruto (-) Despesas Resultado Antes do Imposto de Renda
  6. 6. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida Revolução Industrial: O que acontece quando se produz diversos produtos como em uma indústria? Maior complexidade na função do Contador; O valor de Compras na empresa comercial estava agora substituído por uma séria de valores pagos pelos fatores de produção. Tornou-se relevante a Contabilidade de Custos. Mão-deObra Outros Gastos Matéria Prima Outros Materiais Diretos
  7. 7. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade Financeira x Contabilidade Gerencial Contabilidade de Custos
  8. 8. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida Uma rápida revisão... O que é contabilidade? “Contabilidade é a ciência que estuda e controla o patrimônio das entidades, mediante o registro, a demonstração expositiva e a interpretação dos gastos nele ocorridos, com o fim de fornecer informações sobre sua composição e variações, bem como sobre o resultado econômico e decorrente da gestão da riqueza patrimonial” (Hilário Franco 1996) Qual é o objeto da contabilidade? É o patrimônio de uma entidade. Qual é o objetivo da contabilidade? Auxiliar na tomada de decisões.
  9. 9. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida Contabilidade: financeira, gerencial e de custos Contabilidade Financeira, Gerencial e de custos são a mesma coisa? Confusão em relação aos termos; Algumas pessoas consideram como Sinônimos; Do ponto de vista didático e visando atender melhor às especificidades de seus usuários, costuma-se dividir a contabilidade em ramos/áreas. Contabilidade Gerencial Contabilidade Pública Contabilidade Rural Contabilidade de Custos Contabilidade Financeira Contabilidade das Cooperativas e do Terceiro Setor
  10. 10. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida Contabilidade: financeira x gerencial
  11. 11. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida E a contabilidade de custos? “Contabilidade de Custos é a área da Contabilidade que trata dos gastos incorridos na produção de bens e serviços.” (FERREIRA, 2010) “A primeira preocupação dos Contadores, Auditores e Fiscais foi a de fazer da Contabilidade de Custos uma forma de resolver seus problemas de mensuração monetária dos estoques e do resultado.” (MARTINS, 2009) “A contabilidade de custos controla os estoques de matérias-primas, as embalagens e demais materiais utilizados na produção, os custos indiretos de fabricação, os estoques de produtos em elaboração e de produtos acabados e os custos dos produtos vendidos.”
  12. 12. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Terminologia da Contabilidade de Custos
  13. 13. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida Gasto Gasto é a contrapartida necessária à obtenção de um bem ou serviço. Ex.: Na compra à vista, o gasto é a redução do ativo, em virtude do pagamento. Na compra à prazo, o gasto representa o aumento do passivo, em razão da obrigação assumida. Um gasto pode ter como contrapartida um investimento, um custo ou uma despesa.
  14. 14. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida Investimento Investimento é o gasto que tem como contrapartida um ativo. Corresponde à aquisição de bens ou serviços que se incorporam ao patrimônio como um ativo. Ex.: Compra de matéria-prima. Aquisição de uma máquina. Pode ser investimento permanente ou circulante.
  15. 15. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida Custo Custo é o gasto necessário à produção de bens ou serviços. Corresponde a bens ou serviços utilizados na produção de outros bens ou serviços. Os gastos posteriores à produção necessários à administração e comercialização dos produtos, não são custos, e sim despesas. Ex.: Utilização da matéria-prima na produção.
  16. 16. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida O caso da matéria-prima: A aquisição de matéria-prima é um investimento. A aplicação da matéria-prima na fabricação de um produto é CUSTO.
  17. 17. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida Despesa É a redução patrimonial intencional com o objetivo de realização de receitas. Não transitam por investimento ou custo, sendo transferidos diretamente para o resultado do exercício. Ex.: Salário dos funcionários administrativos. Depreciação dos computadores da Telefonista.
  18. 18. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida Perda anormal Perda improdutiva, É o sacrifício patrimonial anormal. involuntário e Ex.: Matéria-prima roubada. Destruição de embalagens por incêndios. Remuneração dos operários no período de greve.
  19. 19. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida Perda normal É a perda produtiva. Decorre do processo normal de produção e é tratada como CUSTO. Ex.: Sobra no corte do tecido usado para fabricação de roupa.
  20. 20. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida Um exemplo legal: Considere os valores abaixo relativos aos custos e despesas dos diversos departamentos da empresa FÊTÊCÊ S/A. a) Qual o custo incorrido? b) Qual o despesas? total das Descrição Material de Consumo do escritório da administração central Salários da Fábrica R$ 5 100 Despesas com telefone e correios do departamento de vendas 10 Comissão de vendas 40 Despesas de frete sobre vendas 20 Matéria-prima consumida na produção 400 Despesas financeiras 30 Honorários da diretoria do departamento de administração 40 Manutenção da fábrica 50 Materiais indiretos consumidos na produção 70 Energia elétrica da fábrica 80 Seguro da fábrica 20 Depreciação da fábrica 80 Salário da administração geral 30
  21. 21. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida a) Qual o custo incorrido? Descrição R$ Salários da Fábrica 100 Matéria-prima consumida na produção 400 Manutenção da fábrica 50 Materiais indiretos consumidos na produção 70 Energia elétrica da fábrica 80 Seguro da fábrica 20 Depreciação da fábrica 80 Total dos custos: R$ 800,00
  22. 22. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida b) Qual o total das despesas? Descrição Material de Consumo do escritório da administração central R$ 5 Despesas com telefone e correios do departamento de vendas 10 Comissão de vendas 40 Despesas de frete sobre vendas 20 Despesas financeiras 30 Honorários da diretoria do departamento de administração 40 Salário da administração geral 30 Total das Despesas = R$ 175,00
  23. 23. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida C) Considere que tenham sido produzidas 100 unidades do produto. Qual o custo unitário de cada peça produzida? C.Unitário = C. Total / Produção C.Total = R$ 800,00 Produção = 100 C.Unitário = R$ 8,00
  24. 24. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida D) Considere que todas as peças produzidas tenham sido vendidas, cada uma por R$11,75. Qual o total da receita e qual o resultado antes do IR? Receita = QV x P.V QV = Quantidade Vendida P.V = Preço de Venda Receita = 100 x 11,75 = R$ 1.175,00
  25. 25. Faculdade de Tecnologia e Ciências Ciências Contábeis Contabilidade de Custos – Prof. Leonardo Almeida D) Considere que todas as peças produzidas tenham sido vendidas, cada uma por R$11,75. Qual o total da receita e qual o resultado antes do IR? Receita 1.175,00 (-) CPV (-) 800,00 Lucro bruto (=) 375,00 (-) Despesas Operacionais (-) 175,00 - De vendas 70,00 - Administrativas 75,00 - Financeira 30,00 Lucro Líquido antes do IR (=) 200,00

×