Ppt 4ª Ação de Formação_2012_1º Anos EF

697 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
697
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
124
Actions
Shares
0
Downloads
14
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Ppt 4ª Ação de Formação_2012_1º Anos EF

  1. 1. DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS 4ª Ação de Formação dos 1º Anos das Séries Iniciais SECRETARIA DA EDUCAÇÃO 1 Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  2. 2. Objetivos: • Ampliar os conhecimentos sobre a linguagem e os recursosdiscursivos presentes nos contos de fadas. •Garantir comportamentos de escritor ao apreciar Obra literária,como: 1. Planejar um texto e escrevê-lo. 2. Preocupar-se em reapresentar o conteúdo da história. 3. Preocupar-se em utilizar recursos discursivos para tornar ahistória mais interessante e a linguagem mais literária. •Propor análise das sequências didáticas de coleção , resoluçãode problemas de situações reais, que norteiam o trabalho com asTrajetórias Hipotéticas de Aprendizagem III. Conteúdos: •A linguagem dos contos de fadas. •Planejamento e produção escrita. •Recursos discursivos dos contos de fadas. •Sequências didáticas THA III. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  3. 3. Produção Oral com destino escrito Produção Oral com destino escrito1.Momento:Leitura em voz alta pela formadora do Livro “ Chapeuzinho Vermelho” Charle Perrault SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  4. 4. SECRETARIA DA EDUCAÇÃOCoordenadoria de Gestão da Educação Básica
  5. 5. Era uma vez uma garotinha de um vilarejo, a mais bonitaque se pode imaginar: a mãe a adorava, e a avó aadorava mais ainda. Essa boa senhora tinha mandadofazer para ela um pequeno capuz vermelho que lhe caíatão bem que todo mundo a chamava de ChapeuzinhoVermelho. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  6. 6. SECRETARIA DA EDUCAÇÃOCoordenadoria de Gestão da Educação Básica
  7. 7. SECRETARIA DA EDUCAÇÃOCoordenadoria de Gestão da Educação Básica
  8. 8. Um dia, a mãe preparou uns bolinhos e lhe disse:“Vá ver como a vovó está passando, pois me contaram queela estava doente.. Leve um bolinho e este potinho demanteiga”.Chapeuzinho Vermelho seguiu então para casa daavozinha, que morava em outra aldeia. Passando por umbosque, encontrou o compadre Lobo, que ficou com muitavontade de comê-la, mas não se atreveu, por causa de unslenhadores que estavam na floresta.Ele lhe perguntou para onde ia. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  9. 9. SECRETARIA DA EDUCAÇÃOCoordenadoria de Gestão da Educação Básica
  10. 10. SECRETARIA DA EDUCAÇÃOCoordenadoria de Gestão da Educação Básica
  11. 11. A pobre menina, que não sabia que era perigoso parar eficar falando com um lobo, disse:“Vou ver minha avozinha e levar para ela um bolinho comum potinho de manteiga que mamãe está mandando”.“Ela mora muito longe?”, disse Chapeuzinho Vermelho, “ébem depois do moinho que você está vendo lá adiante, naprimeira casa da aldeia.”“Muito bem!”, disse o lobo. “Quero ir vê-la também; voupor este caminho aqui, e você, por aquele caminho ali;vamos ver quem chega primeiro.”O lobo começou a correr com toda a sua força pelocaminho que era o mais curto, e a menina foi pelocaminho mais longo, divertindo-se em colher avelãs,Correr atrás de borboletas e fazer ramalhetes com asflorzinhas que encontrava. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  12. 12. SECRETARIA DA EDUCAÇÃOCoordenadoria de Gestão da Educação Básica
  13. 13. O lobo não demorou muito para chegar à casa davovozinha; ele bateu: toc, toc.“Quem está aí?“É a sua netinha, Chapeuzinho Vermelho”, disse olobo imitando a voz dela, “que está lhe trazendo umbolinho e um potinho de manteiga mandados pelamamãe.” SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  14. 14. A boa vovozinha, que estava decama porque andava meiodoente, gritou:“Puxe o pino, e a porta se abriu.Ele se jogou sobre a pobremulher e a devorou... SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  15. 15. SECRETARIA DA EDUCAÇÃOCoordenadoria de Gestão da Educação Básica
  16. 16. SECRETARIA DA EDUCAÇÃOCoordenadoria de Gestão da Educação Básica
  17. 17. Chapeuzinho Vermelho, que ouviu a voz grossa do lobo, primeiro tevemedo, mas lembrando que a vovozinha estava resfriada, respondeu:“É a sua netinha. Chapeuzinho Vermelho, que lhe traz um bolinho eum potinho de manteiga que a mamãe mandou.”O lobo gritou, suavizando um pouco a voz:“ Puxe o pino, e o trinco abrirá.”Chapeuzinho Vermelho puxou o pino, e a porta se abriu.Quando a viu entrar, o lobo se escondeu debaixo da coberta, na cama,e disse:“Ponha o bolinho e o potinho de manteiga em cima do baú e venha sedeitar comigo.”Chapeuzinho Vermelho se despiu e foi para a cama, onde ficou muitoespantada de ver como a avozinha estava diferente. Então a meninadisse: “Que braços compridos a senhora tem, vovozinha!” SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  18. 18. SECRETARIA DA EDUCAÇÃOCoordenadoria de Gestão da Educação Básica
  19. 19. SECRETARIA DA EDUCAÇÃOCoordenadoria de Gestão da Educação Básica
  20. 20. “ Que dentes grandes a senhora tem, vovozinha!”“É para te comer!”Ao dizer essas palavras, o Lobo Mau se jogou sobreChapeuzinho Vermelho e a comeu. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  21. 21. SECRETARIA DA EDUCAÇÃOCoordenadoria de Gestão da Educação Básica
  22. 22. Moral da HistóriaAqui vemos que a infância inexperiente, sobretudo assenhoritas, bem-feitas, amáveis e bonitas, faz muito malde escutar todo tipo de gente, e que não é causa deestranheza se há tantas que do lobo viram presa. Digo olobo, pois numa progenitura nem todos têm a mesmanatureza:Alguns há de espírito cortês, calados, sem rancor, semamargura, que, em segredo, condescendentes e comdoçura, seguem as jovens donzelas até nas casas, aténas ruelas.Mas, ai! Quem não sabe que esses lobos melosos detodos são os mais perigosos? SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  23. 23. 2. Momento: Informes –“Exposição dos Projetos” - SESC. conviteExposição Série Olhos de Criança 1º Anos das Série Iniciais do EF SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  24. 24. Link<http://www.youtube.com/watch?v=iwIum2M4XtA> SECRETARIA DA EDUCAÇÃO 24 Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  25. 25. Dia 20 – Abertura das 19h30 às 21h30 no Auditório do SESCMestre de cerimônia:Um casal de crianças será apresentador do evento e/outro casal de apoio:• Apresentação dos slides das escolas.• Roda Cantada (Projeto brincadeira):•Depoimento de uma Professora Coordenadora e/ouprofessor e/ou aluno(a):• Jogando Capoeira (Projeto África):• Declamando Poesias (Projeto leitura):• Coquetel e apreciação dos banners no Espaço Solarium. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  26. 26. SECRETARIA DA EDUCAÇÃOCoordenadoria de Gestão da Educação Básica
  27. 27. Dia 21 – Exposição: Cultura é Currículo – Lugares de Aprender/ A criança de Seis Ano no EF Nome da Exposição Local Dia Vagas Horário Público Série Olhos de Criança01 “Série Olhos de Criança - O SESC São José 21/09/2012 4 09 h às 10 1 ano mundo dos Gibis” dos Campos Ciclo I02 “Série Olhos de Criança - SESC São José 21/09/2012 4 10h às 11 1 ano Brinquedos e Brincadeiras” dos Campos Ciclo I03 “Olhos de Criança - Escultura SESC São José 21/09/2012 4 14h às 15h 1 ano Infantil” dos Campos Ciclo I04 “Olhos de Criança - Revelando SESC São José 21/09/2012 4 15h às 16h 1 ano tintas” dos Campos Ciclo I05 “Olhos de Criança - Jogos na SESC São José 21/09/2012 4 15h às 16h 1 ano infância” dos Campos Ciclo I SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  28. 28. 22 – Dia da família no SESC para visitação da exposição.Haverá banners e recreação. Sugestão de sábado letivo.Manhã: das 10h30 ás 12hEncaminhar bilhete para fazer a confirmação de presença. Aescola poderá organizar a contratação de ônibus. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  29. 29. 3.Momento: Produção Oral com destino escrito “ Conto Chapeuzinho Vermelho”. Analisando duas situações de encaminhamentos para produção oral com destino escrito. Em grupo: 1.Registre os apontamentos que podem ser considerados pelo seu grupo, socialize ; 2.Assista a Vídeo da professora Mariluci Link< http://www.youtube.com/watch?v=Yw9r6CHKcoc> 3.Considerações importantes. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  30. 30. Condições Didáticas consideradas ao planejar:Você e seu grupo, irão fazer:•Uma breve descrição de cada uma dasatividades.•Um breve parágrafo explicitando o quevocês querem que as criançasaprendam em cada uma das duassituações de atividades. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  31. 31. 3. Considerações importantesAprender a escrever envolve dois processos paralelos: aspectos notacionais •características da representação gráfica da linguagem. •relacionados ao sistema alfabético e às restrições ortográficas. aspectos discursivos •características da linguagem em uso. •relacionados à linguagem que se usa para escrever. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  32. 32. • Considerar o contexto comunicativo (para quê escrever, paraquem escrever, o que escrever e como escrever) no planejamento erealização de produção coletiva de textos.• Realizar situações de leitura de diferentes textos de um mesmogênero para a ampliação do repertório lingüístico dos alunos eapropriação de suas características próprias a partir da familiaridadecom eles.• Utilizar estratégias de planejamento e revisão nas situações deprodução coletiva.• Favorecer a participação de todos da classe durante a produção(formas de agrupar os alunos e propostas referentes à escrita de cadaparte do texto).• Favorecer a aprendizagem de conteúdos relacionados ao queconsiste um “ato de escrita” para “escritores” experientes.• Realizar atividades de revisão de textos na presença e com aparticipação dos alunos que priorizem análise e reflexão sobre alíngua e não apenas a “correção”. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  33. 33. Lição A professora, de novo brava com o Bocão:– Eu disse pra você escrever trintavezes: "Preciso melhorar minha letra".E você só escreveu vinte e oito vezes. E o Bocão: – Ih... professora, preciso melhorar minhas contas também... Ziraldo SECRETARIA DA EDUCAÇÃOCoordenadoria de Gestão da Educação Básica
  34. 34. SECRETARIA DA EDUCAÇÃOCoordenadoria de Gestão da Educação Básica
  35. 35. EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM – 1º ANO 1-Identificar escritas 1-Identificar 1-Realizar contagemTHA 1 THA 2 THA 3 de objetos( em numéricas relativas escritas numéricas coleções móveis ou a números relativas a fixas) pelo uso da familiares e números familiares sequência numérica frequentes. e frequentes. NÚMERONÚMERO oral. 2-Reconhecer a 2-Reconhecer a SE SE 2- Fazer contagens utilização de NÚMER utilização de OPERA- orais em escalasOPERA- OS E ÇÕES números no seu números no seu ascendentes e ÇÕES OPERA- contexto contexto doméstico descendentes, de um e formular ÇÕES doméstico e em um. hipóteses sobre sua formular hipóteses leitura e escrita. sobre sua leitura e escrita. 1-Identificar como se 1-Identificar pontos movimentar no espaço de referência para escolar e chegar em indicar sua um determinado lugar localização na sala 1-Identificar pontos da escola, oralmente. de aula. de referência para 2- Indicar como seESPAÇO indicar a ESPAÇO movimentar no espaço 2-Identificar pontos E ESPAÇO localização de sua E FORMA escolar e chegar a um de referência paraFORMA E sala de aula na lugar determinado da indicar a escola, por meio de localização de sua FORMA escola. desenho. sala de aula na escola. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  36. 36. EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM – 1º ANO 1-Identificar dias da 1-Identificar diasTHA 1 semana, THA 2 1- Relacionar dia,GRAND explorando da semana, THA 3 mês e ano o explorando o E- presentes na calendário. calendário. ZAS E GRANDE- escrita de uma GRANDE- data.MEDIDA 2-Identificar dia do ZAS E 2-Identificar dia do ZAS E S mês, explorando o MEDIDAS mês, explorando o MEDIDAS calendário. calendário. 1-Preencher fichas de identificação pessoal com dados 1- Ler tabelas 1-Fazer como idade, altura, simples. observaçõesTRATA- número de irmãos, condições doMENTO peso, etc. TRATAME TRATAME tempo e registrá-DA N- N- las em tabelasINFOR- 2-Ler tabelas TO DA TO DA simples. INFORMA-MAÇÃO simples com INFORMA- números de ÇÃO ÇÃO telefone de pessoas. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  37. 37. Análise das Sequências Trajetória Hipotética de Aprendizagem 3• Há alguma atividade que considere extensa paraser aplicada em uma aula?•Qual adaptação você sugere em relação a gestãodo tempo e a extensão da atividade? SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  38. 38. Qual coleção possui mais objeto? bolinhasQual coleção tem mais a de carrinhos ou a de bolinhas? 4 bolinhas a maisQuanto mais?Qual coleção tem menos: a de bolinhas ou de 8 ursinhos a menosursinhos? Quantas a menos?Se juntarmos todas as coleções, quantos 36 objetosobjetos teremos? SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  39. 39. Foram 7 meses de formação Caminharemos mais 4 deles, Nossa meta será imbatível. Transpor acima de tudo e todos A melhor das convicções, que Vai ser assim simplesmente “ Professores dos 1º Anos”. Oba! SECRETARIA DA EDUCAÇÃO 39Coordenadoria de Gestão da Educação Básica
  40. 40. Obrigado! SECRETARIA DA EDUCAÇÃO 40Coordenadoria de Gestão da Educação Básica

×