Ceni plano anual 2011 2012
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Ceni plano anual 2011 2012

on

  • 1,279 views

O CENI – Centro de Integração e Inovação de Processos Assoc.I&D propõe, através da LEARNING FACTORY, novas abordagens para a formação, através da demonstração e da experimentação com ...

O CENI – Centro de Integração e Inovação de Processos Assoc.I&D propõe, através da LEARNING FACTORY, novas abordagens para a formação, através da demonstração e da experimentação com aplicações práticas num espaço - Learning Factory - orientado para o desenvolvimento de actividades de transferência de tecnologia, de qualificação dos recursos humanos das empresas e de investigação e desenvolvimento aplicados permitindo:

Transferir conhecimentos no âmbito do Lean Management, (indústria e serviços), e gestão das operações e da logística;

Incrementar a qualificação de quadros médios e superiores de empresas em áreas diversas da gestão e da tecnologia (saber fazer).

Criar maior dinâmica nas empresas em termos de melhoria de processos e inovação (liderança e inovação).

Desenvolver uma maior capacidade de lidar com situação imprevistas, adaptado produtos e processos (gestão e controlo).

Promover novas capacidades de demonstração, facilitando a adopção de novas tecnologias no terreno (“gemba").

Estimular novas dinâmicas em termos de liderança e gestão de recursos humanos (empreendedorismo).

Aumentar o nível de partilha de informação intra empresas e criar oportunidades de cooperação (1+1=3).

Statistics

Views

Total Views
1,279
Views on SlideShare
1,279
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
15
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Ceni plano anual 2011 2012 Ceni plano anual 2011 2012 Document Transcript

  • Plano de Formação 2011/2012
  • OFERTA FORMATIVAO CENI – Centro de Integração e Inovação de ProcessosAssoc.I&D propõe, através da LEARNING FACTORY, novasabordagens para a formação, através da demonstração e daexperimentação com aplicações práticas num espaço -Learning Factory - orientado para o desenvolvimento deactividades de transferência de tecnologia, de qualificaçãodos recursos humanos das empresas e de investigação edesenvolvimento aplicados permitindo: Transferir conhecimentos no âmbito do Lean Management, (indústria e serviços), e gestão das operações e da logística; Incrementar a qualificação de quadros médios e superiores de empresas em áreas diversas da gestão e da tecnologia (saber fazer). Criar maior dinâmica nas empresas em termos de melhoria de processos e inovação (liderança e inovação). Desenvolver uma maior capacidade de lidar com situação imprevistas, adaptado produtos e processos (gestão e controlo). Promover novas capacidades de demonstração, facilitando a adopção de novas tecnologias no terreno (“gemba"). Estimular novas dinâmicas em termos de liderança e gestão de recursos humanos (empreendedorismo). Aumentar o nível de partilha de informação intra empresas e criar oportunidades de cooperação (1+1=3). 2
  • OFERTA FORMATIVAA oferta formativa do CENI está orientada, nesteâmbito, para o Lean Management, nas Operações e naLogística, quer em empresas industriais quer deserviços, com o objectivo de satisfazer as principaisnecessidades das organizações, no contexto actual emque actuam, qualificando os seus recursos humanosem abordagens ou técnicas de análise, organização emelhoria de processos.A formação tem um cariz prático e de demonstração deconceitos, através do uso da simulação ou daapresentação de casos, permitindo aos participantesuma eficaz aquisição de competências para aimplementação das boas práticas de gestão LEAN, nasorganizações que representam.O CENI oferece uma oferta formativa visando qualificarprofissionais de diversos sectores de actividade (daindústria ou dos serviços) ligados à gestão dasoperações.Dada a natureza modular da oferta formativa, épossível conceber um programa de formação paraempresas adaptado às necessidades específicas decada cliente.A formação poderá ser ministrada na Learning Factoryou noutros contextos de aprendizagem consideradosadequados e que respondam às necessidades dasorganizações. 3
  • ÍNDICE Pág.1. FORMAÇÃO PARA A INDÚSTRIA E SERVIÇOS 5LEAN MANUFACTURING (PRODUCTION) 7LEAN SERVICES 8VALUE STREAM MAPPING (VSM) 9GESTÃO DA CADEIA LOGÍSTICA – BEER GAME 10LEAN ACCOUNTING & PERFORMANCE MANAGEMENT 11KAIZEN/GEMBA – MELHORIA CONTÍNUA 12O TRABALHO PADRÃO – STANDARD WORK 13O MÉTODO KANBAN 14RAPID IMPROVEMENT EVENTS (RIE) 15LOGÍSTICA INTERNA 16INCOTERMS 2011 17SIX SIGMA 18ERGONOMIA EM PROCESSOS LEAN 19TOTAL PRODUCTIVE MAINTENANCE (TPM) 20TOPS/8D 21MÉTRICAS DE GESTÃO LEAN 22BALANCEAMENTO DAS LINHAS DE PRODUÇÃO (HEIJUNKA) 23O DESDOBRAMENTO DA ESTRATÉGIA (HOSHIN KANRI) 245S – GESTÃO VISUAL 25SMED – QUICK CHANGEOVER 26POKA YOKE 27QUALITY FUNCTION DEPLOYMENT (QFD) 28GESTÃO DE STOCKS 292. FORMAÇÃO COMPORTAMENTAL 30A GESTÃO DE PESSOAS EM AMBIENTE DE LEAN MANAGEMENT 31COACHING 32GESTÃO DO TEMPO 33LIDERANÇA E GESTÃO DE EQUIPAS 34GESTÃO DO CONFLITOS 35GESTÃO DO STRESS 36INTELIGÊNCIA EMOCIONAL (IE) 37TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO 38ORGANIZAÇÃO DE REUNIÕES 39COMO COMUNICAR EM PÚBLICO? 40TRABALHO EM EQUIPA 41RELACIONAMENTO INTERPESSOAL 42TÉCNICAS DE FACILITAÇÃO 433. FORMAÇÃO EM OUTRAS ÁREAS DE FORMAÇÃO 44TÉCNICAS DE SEGURANÇA E HIGIENE NO TRABALHO- REGULAMENTAÇÃO 45PRIMEIROS SOCORROS 46INTRODUÇÃO À INFORMÁTICA 47HIGIENE E SEGURANÇA NO TRABALHO E PRÁTICAS LEAN 48SISTEMAS DE GESTÃO 49AUDITORIA ISO 9001 50 4
  • 1 - FORMAÇÃO PARA AINDÚSTRIA E SERVIÇOS Lean Manufacturing Lean Services Value Sream Mapping (VSM) Gestão da cadeia Logística – Beer Games Lean Accouting & Performance Management Kaizen/Gemba – A melhoria Contínua O Trabalho Padrão – Standard Work 5S e Gestão Visual O Método Kanban Rapid Improvement events (RIE) Logística Interna Incoterms 2011 Six Sigma 5
  • 1 - FORMAÇÃO PARA AINDÚSTRIA E SERVIÇOS Ergonomia em Processos Lean Total Production Maintenance (TPM)Resolução de problemas em 8D – TOPS/8D Métricas de Gestão LeanBalanceamento das linhas de produção (HEIUNKA)O desdobramento da Estratégia ( HOSHIN KANRI)5S – Gestão VisualIntrodução ao SMED Poka Yoke QFD (Quality Function Deployment) Gestão de Stocks 6
  • LEAN MANUFACTURING (PRODUCTION)Pretende-se desenvolver uma abordagem sobre Lean Manufacturing, tambémconhecido como Lean Production, ou Sistema de Produção da Toyota (TPS) que é, na suaforma mais básica, a eliminação sistemática de resíduos, tais como asuperprodução, espera, transporte, stock, movimento, ao longo do processoprodutivo, processamento, defeitos, assim como a implementação dos conceitos dosistema “pull not push”.Conteúdo programático• Conceito de takt time• Fluxo de peça unitária (one piece flow)• Sistema Kanban• Balanceamento das operações• Sistema Pull• Nivelamento da produção (Heijunka)DestinatáriosResponsáveis pelo Planeamento, Produção e Logística.MetodologiaFormação em sala e jogos interactivos de representação de conceitos.Duração- 16 Horas – 11 horas de formação em sala + 5 horas de simulação prática.www.ceni.pt 7
  • LEAN SERVICESO curso de formação em Lean Services permitirá uma compreensão da natureza dasactividades e os padrões de procura ao nível dos serviços.Com a simulação serão introduzidos os conceitos Lean aos participantes, possibilitandoque estes possam experimentar alterações num processo e observar os resultados,motivando-os a desejarem implementar melhorias nos seus processos.Conteúdo Programático• Os princípios do Lean Thinking e a sua aplicação aos serviços• Valor e Desperdícios nos serviços• Trabalho Standard e a Organização da Área de Trabalho• Diagrama Spaghetti e Sistema de Puxar• Balanceamento da carga de trabalho• Trabalho de Equipa e Treino InterdisciplinarDestinatáriosDirigido a Técnicos e a Profissionais de Melhoria Contínua, Directores e outroscolaboradores de processos e serviços/administrativos.MetodologiaFormação teórico prática na Learning Factory assente em estudos de casos e na resoluçãode situações práticas trazidas pelos participantes com vista a implementação do LeanServices.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 8
  • VALUE STREAM MAPPING (VSM)Pretende-se desenvolver conhecimentos e competências que permitam aos participantesdesenvolver nas suas organizações boas práticas de gestão e implementar ferramentas esoluções Lean, de modo a melhorar o seu desempenho operacional, por via do domíniodas etapas do Value Stream Mapping e da identificação das vantagens da utilização doVSM nas organizações como ferramenta de melhoria contínua.O VSM foi introduzido pela primeira vez pelo construtor automóvel japonês Toyota edesde então tem sido implementado em milhares de empresas em todo o mundo.Conteúdo programático• Princípios Lean, conceitos de “valor” e de “desperdício”• Caracterização da cadeia de valor e seu mapeamento• O VSM como ferramenta de diagnóstico e de melhoria• Os 7 resíduos (mudas) na cadeia de valor• Utilização da metodologia A3 no âmbito do VSMDestinatáriosDirigido a todos os colaboradores que pretendam desenvolver competências a nível daoptimização dos seus processos de trabalho.MetodologiaFormação em sala combinada com análise de casos práticos.Duração- 16 Horas – 11 horas de formação em sala + 5 horas de simulação prática.www.ceni.pt 9
  • GESTÃO DA CADEIA LOGÍSTICA – BEER GAMEPretende-se através de abordagem prática, aumentar os conhecimentos sobre a Gestãoda Cadeia de Abastecimento, a qual é responsável pela integração de todos osintermediários e processos chaves do negócio, desde o utilizador até ao fornecedor amontante da cadeia. Responsável também pela transformação dos inputs (recursos) emoutputs (resultados) a logística é parte integrante da cadeia, possibilitando controlar osfluxos de bens, produtos e ou serviços e a sua respectiva informação de forma efectiva eeficiente.Conteúdo programático• Gestão de Capacidade• Planeamento e Controlo• Gestão de Stocks• Fluxo de Materiais• Filosofias “Push” e “Pull”• Gestão da Cadeia de abastecimento• Conceito Bull-Whip Effect• Jogo interactivo – Beer GameDestinatáriosTodos os colaboradores que pretendam desenvolverem competências a nível daoptimização de uma Cadeia de Abastecimento.MetodologiaFormação na Learning Factory combinada com a simulação do funcionamento de umacadeia de abastecimento real, através de um jogo muito conhecido intitulado de BeerGame.Duração-8 horas – 4 horas de formação em sala + 4 horas de formação prática.www.ceni.pt 10
  • LEAN ACCOUNTING & PERFORMANCE MANAGEMENTPretende-se desenvolver abordagens para a definição dos sistemas de custeio e avaliaçãodo desempenho que suportem as operações de uma empresa industrial ou de serviços eimplementar os conceitos de Lean Accounting na análise da performance dasorganizações, permitindo uma avaliação correcta do impacto da introdução de novosprodutos /serviços, facilitando o desenvolvimento de processos de melhoria contínua epermitindo um suporte eficaz à estratégia da empresa Lean.Conteúdo programático• Introdução aos conceitos contabilísticos básicos• O Balanço• Demonstração de Resultados• O Custo• Orçamento e Análise de Desvios• Os sistemas de custeio analítico tradicionais e seus problemas• Lean Accounting – conceito e benefícios face aos sistemas de custeio tradicionais• A Box Score• Value Stream Costing• O Custeio do Produto numa lógica de VSC• Integrated Planning• Target Costing• Roadmap para a Implementação do Lean Accounting• O diagnóstico do estádio actual e definição do estádio futuroDestinatáriosDirigido a Directores Financeiros, Directores de Administrativos, Directores de Controlo deGestão, Controllers, Responsáveis de Serviços Gerais e a Directores deCompras, Directores Operacionais e Directores Gerais.MetodologiaFormação teórico-prática assente numa forte dinâmica em torno dos conceitoscontabilísticos e sua articulação com o Lean Management.Duração- 16 horas – 11 horas de formação em sala + 5 horas de simulação prática.www.ceni.pt 11
  • KAIZEN/GEMBA – MELHORIA CONTÍNUAKaizen (do japonês 改 善, mudança para melhor) é uma palavra de origem japonesa com osignificado de melhoria contínua. Kaizen actua de forma ampla para reconhecer e eliminaros desperdícios existentes na empresa, quer sejam em processos produtivos já existentesou em fase de projecto, produtos novos, manutenção de máquinas ou, ainda, processosadministrativos. “ Hoje melhor do que ontem, amanhã melhor do que hoje. “Conteúdo programático• Gestão de Capacidade• O que é a melhoria contínua• Ciclo PDCA• Criação de estrutura de promoção dos Círculos de Kaizen• Importância do trabalho em equipa• Sustentação do LEAN através dos Círculos de Kaizen• Competências do Sensei (Mestre)DestinatáriosChefias intermédias e colaboradores de diferentes departamentos (industria e serviços).MetodologiaFormação na Learning Factory combinada com análise de casos práticos.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 12
  • O TRABALHO PADRÃO – STANDARD WORKEsta acção permite aos participantes aumentar conhecimentos sobre o TrabalhoPadronizado ou Standard Work , conceito fundamental do Sistema Lean Manufacturing /Toyota Production System e um dos elementos principais na construção de uma culturaLEAN dentro de uma organização.Quando o Trabalho Padronizado está devidamente implementado permite satisfazer osrequisitos de Segurança, Qualidade, Custo e Entrega (SQCD) assim como serve de basepara as futuras actividades de melhoria Contínua (Kaizen).Conteúdo programático• Gestão de Capacidade• Definição de Trabalho Padronizado• Funções, benefícios, factores• 7 passos de construção do Trabalho Padrão• Diferentes formas de representação• Ferramentas de análise• Exemplos e exercícios práticosDestinatáriosChefias intermédias e colaboradores de diferentes departamentos (industria e serviços).MetodologiaFormação em sala combinada com acções práticas realizadas nos locais de trabalho.Duração-16 horas – 11 horas de formação em sala + 5 horas de simulação prática.www.ceni.pt 13
  • O MÉTODO KANBANPretende-se desenvolver abordagens para a compreensão dos processos de agilização aentrega e a produção de peças. O Kanban tornou-se um instrumento eficaz para apoiar ofuncionamento do sistema de produção como um todo e tem provado ser um excelentemeio para promover melhorias, dado que a redução do número de Kanban em circulaçãopermite destacar áreas com problemas.Kanban é uma palavra de origem japonesa que significa literalmente registo ou placavisível e permite agilizar a entrega e a produção de peças.Conteúdo programático• Princípios do sistema Kanban• Desenvolver e gerir os Planos Para Cada Peça (PPCP)• Dimensionar supermercados• Diferentes modalidades de transporte• Calcular tempo necessário para entregas• Níveis máximos e mínimos de um supermercadoDestinatáriosResponsáveis pelo Planeamento, Produção e Logística e Profissionais de logística,Compras, Manufactura e Controlo de produção.MetodologiaFormação na Learning Factory combinada com Jogos interactivos de representação deconceitos.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 14
  • RAPID IMPROVEMENT EVENTS (RIE)Pretende-se descreve os elementos e actividades que criam um evento de melhora rápidamelhoria desenvolvendo uma abordagem de identificação de oportunidades de melhoriaatravés de uma ferramenta, simples e eficaz focada na redução de custos e melhoria dosprocessos com elevada aplicabilidades nas organizações.Conteúdo programático• Os objectivos dos RIE• Passos a seguir na implementação de RIE• Procedimentos de análise de processos• Processo Perfeito• Exercícios com base em casos reaisDestinatáriosDirigido a Técnicos e a Profissionais de Melhoria Contínua, Directores e outroscolaboradores de processos e serviços de produção, logística e qualidade.MetodologiaFormação teórico-prática assente em estudos de casos e na resolução de situaçõespráticas trazidas pelos participantes com vista a implementação dos RIE.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 15
  • LOGÍSTICA INTERNAPretende-se desenvolver abordagens que sejam facilitadoras da implementação epotenciação de processos logísticos, com a redução dos custos logísticos associados àsactividades de processamento, movimentação, armazenagem e transporte quecompreende o fluxo de produtos ou informações. Pode-se classificar as despesas logísticasem várias áreas como impostos, administrativos, movimentação, armazenagem,transporte, stocks, processamento de pedidos e embalagem.Conteúdo programático• Gestão de stocks e de armazéns• Armazenamento dinâmico• KPI’s de gestão de materiais• Put away & Picking• Práticas de redução de stocks• Classificação de materiais• Definição do bordo de linha• Cadeia de fornecimento / JITDestinatáriosDirigido a todos os colaboradores de operações logísticas e de Planeamento e Controlo.Saliente-se que esta acção de formação está direccionada para as áreas operacionais daorganização.MetodologiaFormação teórico-prática assente em estudos de casos e na resolução de situaçõespráticas trazidas pelos participantes com vista a implementação de boas práticas delogística interna.Duração- 8 horas – 5 horas de formação em sala + 3 horas de simulação prática.www.ceni.pt 16
  • INCOTERMS 2011Pretende-se que os participantes aumentem os seus conhecimentos quanto às práticasassociadas aos contratos de compra e venda de bens, permitindo estabelecer, comexactidão, a divisão de tarefas, de custos e de riscos entre compradores e vendedores eidentificar qual o Incoterm que melhor responde à sua organização quer como compradorquer como fornecedor.Os Incoterms enquadram-se no âmbito dos costumes e práticas que regulam o comérciointernacional e são reconhecidos pela ONU, sendo utilizados como cláusulas contratuaisnos contratos de compra e venda de mercadorias.Conteúdo programático• Evolução• Os 13 Incoterms e alterações 2010/2011• Responsabilidades específicas do comprador• Responsabilidades específicas do vendedor• Quando / Como / Que Segurança, contra que os Documentos• SLA (Service Level Agreement)DestinatáriosDirigido a todos os colaboradores de operações logísticas e das áreas de Planeamento eControlo.MetodologiaFormação teórico-prática assente em estudos de casos e na resolução de situaçõespráticas trazidas pelos participantes com vista a implementação de boas práticas.Duração- 8 Horas – 6 horas de formação em sala + 2 horas de simulação prática.www.ceni.pt 17
  • SIX SIGMAO objectivo desta acção no âmbito dos 6 Sigma é o domínio das suas metodologias eferramentas de forma a dotar os participantes de conhecimentos adequados aodesenvolvimento e implementação de projectos na sua área de actuação.O objectivo fundamental é o de reduzir de forma contínua, a variação nos processos,eliminando defeitos ou falhas nos produtos e serviços.Conteúdo Programático• Conceitos e Vantagens do 6 Sigma• Conceitos estatísticos e métricas do 6 Sigma• Métodos DMAIC e DMADV• O papel dos profissionais: Black Belt, Green Belt, etc• A gestão de projectos• Trabalho de equipa nos projectos de implementação• Estudos de caso e exercíciosDestinatáriosDirigido a todos os colaboradores que pretendam desenvolver competências a nível daoptimização dos processos organizacionais e de trabalho.MetodologiaFormação teórico prática na Learning Factory com análise de casos práticos.Duração- 16 horas – formação em sala.www.ceni.pt 18
  • ERGONOMIA EM PROCESSOS LEANPretende-se com esta acção dotar os participantes de conhecimentos para a projecçãodos espaços de trabalho assentes nos princípios da ergonomia tendo em vista aminimização do esforço a maximização da produtividade, com saúde e segurança.Conteúdo programático• Evolução• O conceito de ergonomia• O posto de trabalho e conceitos Lean associados• Os postos de trabalho e os estágios Lean• As pré-condições e os elementos para um trabalho padronizado• A eliminação do desperdício de movimentos• A prevenção da saúde: Casos práticos• Auditorias ergonómicasDestinatáriosDirigido a Directores de produção supervisores, chefes de equipa, técnicos e responsáveisda Engenharia Industrial, Planeamento, Produção, Construção de produtos e ferramentasou a profissionais da área da Saúde e da Segurança industrial.MetodologiaFormação teórico prática com base em estudos de casos e orientada para a resoluçãoprática de situações do quotidiano. A formação deverá ser realizada na Learning Factorycombinada com auditorias ergonómicas aos postos de trabalho.Duração- 16 horas – 8 horas de formação em sala + 8 horas de simulação prática.www.ceni.pt 19
  • TOTAL PRODUCTIVE MAINTENANCE (TPM)Pretende-se que os participantes dominem a metodologia do TPM, no dia a dia dasoperações, reforçando o trabalho em equipa, e trabalhando proactivamente em vez dereactivamente ajudando a eliminar as perdas relacionadas com os equipamentos, sejamelas provocadas por avarias, defeitos ou acidentes.Conteúdo programático• A evolução da manutenção, as origens do TPM e os conceitos e definições associadas aoTPM• A organização das actividades do TPM segundo os “oito pilares”• A manutenção autónoma• As técnicas e ferramentas usadas pelo TPM• A implementação do TPM• Benefícios e factores de sucesso do TPM• AuditoriasDestinatáriosDirigido a directores, colaboradores da engenharia de produto, engenharia da qualidade,engenharia de processo, supervisores da produção, operadores, especialistas damanutenção.MetodologiaFormação teórico-prática orientada para a resolução de situações reais do quotidianoprofissional.Duração- 16 horas – 8 horas de formação em sala + 8 horas de simulação prática.www.ceni.pt 20
  • TOPS/8DPretende-se proporcionar o conhecimento e a aplicação da metodologia para a correcçãoe resolução de problemas em 8 etapas. Abordar problemas de forma sistemática, demodo a poder solucionar os problemas em equipa - Team Oriented Problem Solving.Conteúdo programático• Resolução de problemas• O método de resolução de problemas em oito etapas: 1 - Formação da equipa multifuncional 2 - Descrição do problema 3 - Implementar e verificar acções provisórias de contenção 4 – Identificar possíveis causas do problema 5 - Selecção e verificação de acções correctivas permanentes 6 – Implementar acções correctivas permanentes 7 - Prevenção de reocorrência 8 - Felicitação da equipa• Metodologias de resolução de problemas: a documentação de suporte• Workshop de apresentação de resultados à chefiaDestinatáriosOperadores, chefes de equipa, técnicos e responsáveis da Engenharia Industrial,Planeamento, Produção, Construção de produtos e ferramentas.MetodologiaFormação teórico-prática com base em estudos de casos e orientada para a resoluçãoprática de situações do quotidiano. Resolução de um caso prático apresentado pelosformandos.Duração- 24 horas – 16 horas de formação em sala + 8 horas de simulação prática.www.ceni.pt 21
  • MÉTRICAS DE GESTÃO LEANAs Métricas Organizacionais e de acompanhamento promovem a gestão e controlo doobjectivo da satisfação do cliente quer interno quer externo. Com esta acção pretende-seidentificar métricas-chave com vista a implementação de um sistema contínuo deavaliação de desempenho.Melhoria do processo Lean é uma iniciativa transversal a toda a empresa com o objectivode alcançar a excelência operacional. Esta é uma abordagem que facilita a melhoria daeficiência do processo e qualidade ao entregar um produto ou serviço mais rápido e comredução de custos.Conteúdo programático• A importância da medição• As principais métricas (kpi’s) de avaliação• Diferenças entre métricas• BSC (Balance Scorecard)DestinatáriosDirigido a Gestores e Chefias intermédias de Departamentos Administrativos eOperacionais.MetodologiaFormação teórico-prática assente em estudos de casos e na resolução de situaçõespráticas trazidas pelos participantes com vista a implementação de boas práticas.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 22
  • BALANCEAMENTO DAS LINHAS DE PRODUÇÃO(HEIJUNKA)Esta acção visa dotar os participantes de conhecimentos com vista a optimizar a definiçãode postos de trabalho ao longo de uma linha de produção e o domínio das técnicas para aimplementação autónoma do nivelamento das operações nas organizações.O Heijunka converte a instabilidade do pedido dos clientes num nivelado e previsívelprocesso de manufactura, e é geralmente usado em combinação com outras técnicas Leande produção.Conteúdo programático• Conceitos e princípios Heijunka• Os objectivos e benefícios do Heijunka• As etapas de implementação do Heijunka• As ferramentas utilizadas no nivelamento das operações• Boas práticas e apresentação de estudos de casoDestinatáriosDirigido a Directores de produção supervisores, chefes de equipa, técnicos e responsáveisda Engenharia Industrial, Planeamento, Produção, Construção de produtos e ferramentas.MetodologiaFormação teórico-prática com base em estudos de casos e orientada para a resoluçãoprática de situações do quotidiano.Duração- 8 horas – 5 horas de formação em sala + 3 horas de simulação prática.www.ceni.pt 23
  • O DESDOBRAMENTO DA ESTRATÉGIA (HOSHIN KANRI)O desdobramento estratégico por toda a organização é uma abordagem sistematizada,envolvendo todas as equipas e criando uma verdadeira cultura Lean na organização, cujoâmbito está na procura metódica da melhoria contínua dos processos através da reduçãode desperdícios e/ou ineficiências.Conteúdo programático• Objectivos do Hoshin Kanri• Fases do desdobramento suportadas pelo PDCA Circle• Os formatos de suporte A3• Decisão com dados• Exercícios PráticosDestinatáriosDirigido a Directores, Responsáveis de Serviços, Chefias intermédias e supervisores.MetodologiaFormação teórico prática com base em estudos de casos ou de casos trazidos pelosparticipantes.Duração- 16 horas – 8 horas de formação em sala + 8 horas de simulação prática.www.ceni.pt 24
  • 5S – GESTÃO VISUALOs 5 “S” são uma ferramenta de trabalho que possibilita desenvolver um planeamentosistemático de classificação, ordem, limpeza, permitindo assim de imediato maiorprodutividade, segurança, melhor clima organizacional, maior motivação doscolaboradores e consequente melhoria da competitividade organizacional. Estaferramenta é considerada por vários autores como a base da limpeza e organizaçãosustentada dos postos de trabalho nas empresas industriais ou de serviços.Conteúdo programático• A prática dos 5S• Seiri, Seiton, Seiso, Seiketsu e Shitsuke• Auditorias• A importância da arrumação e limpeza nos postos de trabalho Kaizen Events• O sexto S (segurança)DestinatáriosTodos os colaboradores que pretendam desenvolver competências a nível dos 5´Sprovenientes de diferentes departamentos (indústria e serviços).MetodologiaFormação na Learning Factory combinada com auditorias em locais de trabalhoevidenciando as particularidades de cada um dos “S”.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 25
  • SMED – QUICK CHANGEOVERPretende-se com esta acção compreender os princípios e a metodologia do SMED (Single-Minute Exchange of Die), bem como, dominar os conceitos básicos da ferramenta e aplicá-los na mudança rápida de ferramentas reduzindo o tempo e os custos de mudança deproduto e processo. A sua redução tem um efeito directo no aumento do tempodisponível para produção e na redução do tempo total do ciclo de produção.Conteúdo programático• Objectivos do SMED• Operações Internas• Operações Externas• As Ferramentas de aplicação do SMED• Reengenharia das operações• Etapas do SMEDDestinatáriosDirigido a Chefias intermédias e a colaboradores directos da área de Produção eQualidade.MetodologiaFormação em sala combinada com vídeos e jogos interactivos e realização de exercícios deimplementação prática.Duração- 16 horas – 8 horas de formação em sala + 8 horas de simulação prática.www.ceni.pt 26
  • POKA YOKEO Poka Yoke é conhecido como um dispositivo, ferramenta ou procedimento que previnea ocorrência de erros e/ou defeitos no processo de fabrico. Faz a análise dos processosque causam o defeito/erro e adopta medidas de integração/melhoria dos mesmos. Visaoptimizar ou automação das tarefas de forma a reduzir os riscos associados. É umaferramenta fundamental para objectivo de zero defeitos/Qualidade 100%Conteúdo programático• Métodos• Tipos de Poka Yoke• Exemplos de aplicações práticas• Melhoria ContínuaDestinatáriosDirigido aos colaboradores e chefias que pretendam perceber e ganhar competências naavaliação e melhoramento dos processos.MetodologiaFomação na Learning Factory.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 27
  • QUALITY FUNCTION DEPLOYMENT (QFD)Pretende-se com esta acção desenvolver a metodologia QFD para a concepção ou revisãode produtos/serviços de forma a contribuir para a melhoria da qualidade do produto ouserviço aumentado a satisfação dos clientes e redução do tempo total para colocação nomercado de novos produtos. O QFD é uma ferramenta de planeamento que permitetraduzir e incorporar os requisitos de qualidade dos clientes em características /especificações apropriadas à organização em cada estágio do ciclo de desenvolvimento deum novo ou revisão de um produto/serviço, produção e vendas/distribuição. QFDidentifica os aspectos significativos valorizados pelo cliente em que a organização devefocar os seus recursos.Conteúdo programático• Abordagem QFD• Metodologia QFD• Casa da Qualidade• Caso Prático – Casa da Qualidade• Benefícios da aplicação QFDDestinatáriosDirigido Quadros intermédios e Coordenadores de Projectos de Inovação/melhoria;Responsáveis pelos departamentos de Engenharia e Desenvolvimento; Colaboradores dosdepartamentos de Qualidade, Produção, Vendas, Marketing e Logística.MetodologiaFormação em sala com exposições temáticas combinada com casos práticos e debatesinteractivos de modo a assegurar a compreensão dos aspectos básicos da ferramenta emetodologia para uma implementação do QFD.Duração- 16 horas – 12 horas de formação em sala + 4 horas de simulação prática.www.ceni.pt 28
  • GESTÃO DE STOCKSUm inventário (stock) é uma reserva de materiais que permite facilitar o processo deprodução e/ou satisfazer as necessidades de procura, do cliente. A gestão permiteperceber os impactos/resultados nas áreas financeira e comercial de uma organização.Conteúdo programático• Conceitos• Objectivos da gestão de Stocks• Função dos stocks e os impactos na organização• Programas para Gestão de StocksDestinatáriosChefias de produção, logística que pretendam integrar um sistema de Gestão de Stocks naorganização.MetodologiaFormação na Learning Factory com exercícios práticos.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 29
  • 2 - FORMAÇÃO COMPORTAMENTAL A Gestão de Pessoas em Ambiente LeanCoaching Gestão do Tempo Gestão de Equipas Gestão de Conflitos Gestão do Stress Inteligência Emocional Liderança de Equipas Técnicas de Negociação Organização de Reuniões Como comunicar em Público? Trabalho em Equipa Relacionamento Interpessoal Técnicas de Facilitação 30
  • A GESTÃO DE PESSOAS EM AMBIENTE DE LEANMANAGEMENTPretende-se melhorar as competências dos líderes e das equipas que participam naimplementação de processos de Lean Management nas organizações, através de umconjunto de técnicas e ferramentas que promovem o desenvolvimento das competênciasLean.Conteúdo programático• As 7 competências de Lean People• O papel das pessoas e a liderança em contextos de Lean Management• A formação e o papel dos Senseis• A mudança: os 7 passos para uma mudança eficazDestinatáriosResponsável de equipas que pretendam desenvolver competências para odesenvolvimento de competências de Lean Management.MetodologiaFormação teórico-prática com a análise de casos práticos e análises de situaçãoapresentadas pelos participantes.Duração- 16 horas – 8 horas de formação em sala + 8 horas de simulação prática.www.ceni.pt 31
  • COACHINGÉ um processo que visa o desenvolvimento profissional dos colaboradores actuando namelhoria das competências identificadas, de forma profunda e sustentada ao longo dotempo.Conteúdo programático• Conceitos• Tipos de Coaching• Estudos de CasosDestinatáriosChefias e colaboradores que pretendam adquirir competência de coaching.MetodologiaFormação na Learning Factory e exercícios práticos.Duração- 8 Horas – formação em sala.www.ceni.pt 32
  • GESTÃO DO TEMPOPretende-se sensibilizar para a importância do factor tempo nas organizações, conheceras estratégias de organização pessoal do trabalho, a identificação dos desperdiçadores detempo e métodos para os controlar bem como instrumentos para melhor gerir o tempo.Conteúdo Programático• Realização de auto-avaliação de competências pessoais• A organização do trabalho e a gestão eficaz do tempo• Os instrumentos de gestão do tempo• A delegação de tarefas• As formas de ganhar tempo no planeamento de reuniõesDestinatáriosGestores, Chefias, Supervisores, e todas as pessoas que pretendem desenvolvercompetências na gestão do tempo.MetodologiaFormação teórica e análise de planos individuais de melhoria na organização pessoal dotrabalho.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 33
  • LIDERANÇA E GESTÃO DE EQUIPASPretende-se melhorar a eficácia na gestão das equipas, através de um conjunto detécnicas que promovem a motivação e a mobilização das equipas, a comunicação, ofeedback e a prática de métodos de acompanhamento da realização de objectivos.Os conceitos estão relacionados com a identificação das vantagens da liderança centradanas pessoas vs liderança centrada na tarefa, na identificação de vários estilos de liderançae na adequação do estilo de liderança a diferentes situações. Saber identificar os graus dematuridade e o estádio de desenvolvimento das equipas; estabelecer e comunicarobjectivos; dar feedback e conhecer os elementos centrais da motivação da equipa e dasestratégias para colocar a criatividade da equipa ao serviço da inovação.Conteúdo programático• Liderança e gestão das equipas - Conceito de gestão de equipas - Prática da gestão nas equipas vs da prática da liderança - A liderança e a criação de equipas eficazes.• Estilos de liderança - Vantagens e desvantagens liderança centrada nas pessoas vs liderança centrada na tarefa - Grau de maturidade dos colaboradores. - Diferentes estilos de liderança e adequação a diferentes situações. O papel do líder como Coach• Conduzir e animar equipas de trabalho - Elementos centrais para a motivação de equipas - Estabelecer e comunicar objectivos - Feedback e comunicação em equipa - A criatividade da equipa para a inovaçãoDestinatáriosResponsável de equipas que pretendam desenvolver competências para exercer aliderança de forma eficaz.MetodologiaFormação teórico-prática com a análise de casos práticos e análises de situaçãoapresentadas pelos participantes.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 34
  • GESTÃO DO CONFLITOSEsta formação visa compreender e caracterizar as situações de conflitos e/ou tensão eadoptar comportamentos eficazes como oportunidade de melhoria.Conteúdo Programático• Os conceitos de situações de conflito e de tensão• A identificação de tipos, níveis, fontes e formas de conflitos• Os comportamentos facilitadores da resolução de conflitos• As estratégias de resolução de problemasDestinatáriosCoordenadores de Equipa, Técnicos, Supervisores, Gestores, Chefias, e/ou Líderes deProjecto.MetodologiaExposição teórica e resolução de diversos casos práticos.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 35
  • GESTÃO DO STRESSO stress é um componente cada vez mais presente na realidade das organizações.Perceber as causas e determinar soluções torna-se fulcral para o sucesso da organização eo bem-estar dos seus colaboradores.Conteúdo programático• Conceitos• Gestão de Conflitos e Gestão do Stress• TécnicasDestinatáriosChefias e colaboradores que pretendam aprender técnicas de gestão do stress e aplicarmetodologias no posto de trabalho.MetodologiaFormação na Learning Factory, com exercícios práticos.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 36
  • INTELIGÊNCIA EMOCIONAL (IE)O objectivo desta formação visa identificar as capacidades da inteligência emocional e oseu impacto, aprender a aplicar as competências da I.E. no exercício da liderança, eutilizar as emoções básicas de forma adaptativa.Conteúdo Programático• Os conceitos da inteligência• As dimensões da I.E.• A gestão pessoal das emoções• A gestão emocional no relacionamento interpessoal• Liderar pessoas com a I.E.• Promover a I.E. para melhorar a eficáciaDestinatáriosCoordenadores de Equipa, Técnicos, Supervisores, Gestores, Chefias, Líderes de Projecto,e todas as pessoas que pretendem melhorar as competências de relacionamentointerpessoal.MetodologiaFormação teórica sobre conceitos próprios, utilização questionários de auto-diagnóstico,exercícios práticos de treino comportamental e simulações do quotidiano profissional.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 37
  • TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃOO objectivo desta formação é conhecer os elementos-chave para planear uma negociaçãoe seus objectivos, as técnicas de comunicação, a estratégia e tácticas para a condução danegociação que conduzam a um desfecho ganhador para as partes envolvidas.Conteúdo Programático• O desafio da negociação• Os objectivos de uma negociação,• O planeamento da negociação• As estratégias da negociação• A linguagem utilizada• O processo negocialDestinatáriosGestores, Chefias, Coordenadores de Equipa, Supervisores, Líderes de Projecto e todos osprofissionais que exerçam funções comerciais.MetodologiaExposição teórica e resolução de diversos casos práticos..Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 38
  • ORGANIZAÇÃO DE REUNIÕESPretende-se desenvolver competências ao nível da preparação e condução de reuniões detrabalho. No fim da formação, os formandos deverão ser capazes de preparar, conduzir etratar toda a informação da reunião simulada.Conteúdo Programático• Introdução do conceito grupo e sua dinâmica• O perfil do moderador de reuniões• A reunião como grupo de trabalho• As condições para o êxito na realização de reuniões• Os tipos de reuniões• A ordem de trabalhos• O tratamento dos resultados de uma reunião• A actaDestinatáriosChefias, Coordenadores de Equipa, Assessores, Secretários de Administração e outrosprofissionais que pretendam desenvolver as competências no planeamento de reuniões.MetodologiaFormação teórica sobre conceitos próprios, preparação e simulação de condução de umareunião.Duração- 16 horas – formação em sala.www.ceni.pt 39
  • COMO COMUNICAR EM PÚBLICO?Este curso permite desenvolver as técnicas de comunicação e exposição adequadas erealização de auto-diagnóstico para melhorar o auto-controlo perante a audiência.Conteúdo Programático• O planeamento e organização de apresentações• As leis gerais da comunicação• As competências para falar em público• O desenvolvimento de apresentações• Realização de autoscopiasDestinatáriosChefias, Coordenadores de Equipa, Supervisores, Líderes de Projecto, responsáveis pelaárea da comunicação e imagem e todos os profissionais que pretendam desenvolver ascompetências e técnicas de apresentação.MetodologiaFormação teórica sobre conceitos próprios e simulações com recurso a câmara de vídeo eTv.Duração- 16 horas – formação em sala.www.ceni.pt 40
  • TRABALHO EM EQUIPAEsta formação visa reconhecer a importância de equipas motivadas, dar empowermentaos elementos de equipas e gestão dos comportamentos numa filosofia win-win dotrabalho em equipa.Conteúdo Programático• A importância do trabalho em equipa• Melhorar o auto-conhecimento• O comportamento pró-activo no processo de comunicação• A gestão do binómio cooperar vs competir para obter melhores resultados• As equipas de elevada performanceDestinatáriosChefias, Coordenadores de Equipa e/ou de Projecto.MetodologiaFormação teórica sobre conceitos próprios e simulações diversas.Duração- 24 horas – 16horas de formação em sala + 8 horas de simulação prática.www.ceni.pt 41
  • RELACIONAMENTO INTERPESSOALO objectivo desta formação é identificar as bases do comportamento, conhecer astécnicas de comunicação, a utilização do auto-conhecimento para melhorar a eficácia nacomunicação, a identificação da presença de conflitos e gestão do relacionamento combase no desenvolvimento da confiança.Conteúdo Programático• As diferenças inter-individuais• O clima de confiança nas relações• Os conflitos vs problemas• A persuasãoDestinatáriosCoordenadores de Equipa, Supervisores, Chefias, Líderes de Projecto, e todas as pessoasque pretendem melhorar as competências no relacionamento interpessoal.MetodologiaFormação teórica sobre conceitos próprios, utilização de questionários de auto-diagnóstico e exercícios práticos.Duração- 16 horas – formação em sala.www.ceni.pt 42
  • TÉCNICAS DE FACILITAÇÃOEsta formação visa compreender os benefícios da utilização das técnicas de facilitação emcontexto de trabalho com equipas ou da formação, a identificação das técnicas defacilitação efectivas para liderar grupos com vista ao alcance dos objectivos, estimular aparticipação de todos e lidar com pessoas difíceis em equipas.Conteúdo Programático• Contextualização da facilitação• Os tipos de facilitação• O papel, funções e competências de um facilitador• As técnicas de facilitaçãoDestinatáriosCoordenadores de Equipa, Chefias e Formadores de qualquer área pedagógicaresponsáveis por ministrar acções de formação.MetodologiaFormação teórica e utilização de ferramentas e recursos tecnológicos de apoio àaprendizagem.Duração- 16 horas – formação em sala.www.ceni.pt 43
  • 3 - FORMAÇÃO EM OUTRAS ÁREAS DE FORMAÇÃO Técnicas de Segurança e Higiene no Trabalho ePráticas LeanPrimeiros Socorros Introdução à Informática Técnicas de Segurança e Higiene no Trabalho -RegulamentaçãoSistemas de GestãoAuditoria ISO 9001 44
  • HIGIENE E SEGURANÇA NO TRABALHO E PRÁTICAS LEANPretende-se com esta formação desenvolver conhecimentos que potenciem uma culturade trabalho, com segurança e higiene, preservando não só a qualidade de vida doscolaboradores - com a eliminação de problemas ergonómicos e de segurança - mascontribuindo igualmente para a preservação adequada dos materiais do processo(matéria-prima, produto semi-acabado, produto acabado) aspectos essenciais para oincremento da eficiência do Lean Manufacturing.Conteúdo programático• O 6º S – Segurança• Práticas LEAN nas organizações e a Importância da prevenção• A prevenção: Movimentação de Cargas, Armazenamento, Utilização de máquinas eequipamentos, Equipamentos eléctricos Ferramentas portáteis e os Equipamentos deProtecção Individual (EPIs)• A Higiene no Trabalho: O Ambiente térmico, a Iluminação, o Ruído, Radiações AgentesQuímicos• A Saúde no Trabalho• As auditorias de SegurançaDestinatáriosDirigido a Directores de produção supervisores, chefes de equipa, técnicos e responsáveisda Engenharia Industrial, Planeamento, Produção, Construção de produtos e ferramentasou a profissionais da área da Saúde e da Segurança industrial.MetodologiaFormação teórico prática com base em estudos de casos e orientada para a resoluçãoprática de situações do quotidiano. A formação deverá ser realizada na Learning Factorycombinada com auditorias de segurança aos postos de trabalho.Duração- 16 horas – 8 horas de formação em sala + 8 horas de simulação prática.www.ceni.pt 45
  • PRIMEIROS SOCORROSPretende-se dotar pessoas com os conhecimentos necessários para executar eficazmentea abordagem de vítimas em paragem cardio respiratória ou vítima de acidentes.Conteúdo Programático• O sistema integrado de emergência médica• A cadeia de sobrevivência• Os riscos para o reanimador• O algoritmo do suporte básico de vida• A posição lateral de segurança• A paragem cardio respiratória• As manobras de desobstrução das vias aéreas• Os mecanismos de lesão• A abordagem de uma vítima• As feridas, as hemorragia e choque• As queimaduras e electrocussãoDestinatáriosPessoas encarregues de prestar o primeiro contacto com vítimas.MetodologiaFormação teórica sobre os conceitos próprios e simulações diversas.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 46
  • INTRODUÇÃO À INFORMÁTICAA informática revolucionou a forma como hoje em dia gerimos os nossos postos detrabalho. Desde equipamentos, Hardware e Software, todos alinham competências quetornam a execução do trabalho mais eficaz e mais rápido.Conteúdo programático• Conceitos• A informática numa perspectiva empresarial• Estudos de CasosDestinatáriosChefias e colaboradores que pretendam adquirir conceitos sobre sistemas de informaçãoe como eles podem ajudar na melhoria contínua da execução dos procedimentos eprocessos da organização.MetodologiaFormação na Learning Factory e exercícios práticos.Duração- 16 horas – formação em sala.www.ceni.pt 47
  • TÉCNICAS DE SEGURANÇA E HIGIENE NO TRABALHO -REGULAMENTAÇÃOEsta acção de formação pretende sensibilizar para os assuntos relacionados em matériade segurança e higiene no trabalho, nomeadamente ao ordenamento jurídico próprio, aidentificação de perigos e riscos laborais, os factores de risco no trabalho, os meios deprevenção e protecção, a ergonomia no trabalho, os planos de emergência e a segurançacontra incêndios.Conteúdo Programático• As obrigações legais• Os direitos e deveres dos empregadores e trabalhadores• Os conceitos de higiene e segurança no trabalho• O papel das estruturas de trabalhadores• A abordagem ergonómica• O plano de emergência• Os meios de prevenção e apoio contra incêndios.DestinatáriosProfissionais encarregues da segurança e higiene notrabalho, Operadores, Supervisores, Chefias e Gestores.MetodologiaFormação teórica sobre conceitos próprios e realização de exercícios práticos.Duração- 24 horas – formação em sala.www.ceni.pt 48
  • SISTEMAS DE GESTÃOUm Sistema de Gestão é uma estrutura que permite gerir e implementar políticas demelhoria dos procedimentos e processos de uma organização. Ajuda a traçar objectivos ea atingir metas através de um conjunto de estratégias para optimizar os processos, comintegração da gestão.Conteúdo programático• Conceitos• A importância dos Sistemas de Gestão• Soluções de redução de custos e gestão do desempenhoDestinatáriosChefias que pretendam fazer a integração de um sistema de gestão ou que pretendamaprimorar/optimizar o já existente.MetodologiaFormação na Learning Factory, com estudos de casos.Duração- 16 horas – formação em sala.www.ceni.pt 49
  • AUDITORIA ISO 9001A Norma Portuguesa ISO 9001 especifica os requisitos para um sistema de gestão daqualidade de uma organização. Tem como intuito, aumentar a satisfação docliente, aplicando processos de melhoria contínua do sistema, garantindo aconformidade com os requisitos dos clientes e as políticas vigentes.Conteúdo programático• Percepção da Norma• Os 8 Princípios de Gestão da Qualidade• ISO 9001 vs ISO 14001• Estudos de CasosDestinatáriosChefias que pretendam optimizar um sistema de gestão ou adquirir competências paragerir uma certificação de um sistema de gestão da qualidade.MetodologiaFormação na Learning Factory, com casos de estudos.Duração- 8 horas – formação em sala.www.ceni.pt 50
  • OPTIMIZAÇÃO LOGÍSTICA GESTÃO LOGÍSTICA – BEER GAMEINTRODUÇÃO AO LEAN LEAN SERVICES 51
  • Entidades ParticipantesAlfaMicro IG IBÉRICAATEC CROWN C&SAutoVision Leadership Business ConsultingBES-Banco Espírito Santo Methodus – Sist.e Informação, S.A.BPI Methodus Inovação Unipessoal, LdaCENTIMFE MicrosoftCGD Moldes Plásticos S.A.IPS OGMAESTSetúbal PalmetalESTS – Msc_Eng.Prod. Pioneer Electronics IbéricaESTS – Pg. Tecnologia & Inovação Prage PCES (CZ)FIAPAL Portugal TelecomINESC – Porto SANTANDER TOTTAINETE SAPECINOVINTER SugalidalVW – Autoeuropa TAPIPS – CIMOB TetraPakIPS – GICOM T-SystemsISEG YDreamsKarel de Grote Hogeschool Antuerp AutovisionLauak Portugal PORTUCELCPC Informática Sistemas SAGE