Your SlideShare is downloading. ×
Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo - Denise Cadete Gazzinelli
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Introducing the official SlideShare app

Stunning, full-screen experience for iPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo - Denise Cadete Gazzinelli

3,344
views

Published on

Published in: Business, Technology

0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
3,344
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
155
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo Denise Cadete Gazzinelli 21 de março de 2007
  • 2. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo Proporcionar mobilidade às pessoas faz com que elas tenham acesso a educação, a cultura e ao trabalho e, esta mobilidade, tem como resultante o desenvolvimento econômico.
  • 3. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo É impossível de se pensar em desenvolvimento econômico e social sem pensar em um amplo projeto de transporte coletivo.
  • 4. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo A Mobilidade Urbana no Brasil
  • 5. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo Quanto e como pagamos por esta situação?
  • 6. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo A Mobilidade Urbana no Brasil política baseada no uso do automóvel, gerando exclusão social e quadro de abandono do Transporte Público; queda constante de receita (a ineficiência das cidades brasileiras como entrave para a atração de novos investimentos); • redução de produtividade e competitividade; •segurança no trânsito comprometida (com mortos e feridos no trânsito chegando a cifras equivalentes às da violência urbana e superiores às de conflitos bélicos internacionais).
  • 7. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo Constatações (1) Muitas cidades se desenvolvendo desordenadamente. Custos elevados de operação dos transportes públicos. Faltam modelos institucionais adequados para resolver os problemas de locomoção. As pessoas têm acesso limitado ao transporte motorizado. As cidades não investem o suficiente em infra-estrutura.
  • 8. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo Constatações (2) O ar nas áreas urbanas está cada vez mais poluído. Muitas pessoas morrem ou são feridas em acidentes de trânsito. O aumento de viagens equivale a um aumento de consumo energético. A insegurança afugenta usuários potenciais. SITUAÇÃO CRÍTICA!
  • 9. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo A cidade está, a cada dia, menos acessível para todos! Imigrantes chegam Uso do terreno mal Renda aumenta Política favorece a cidade administrado modo privado Mais viagens e mais Descontrole Se estabelecem na periferia Sem provisão de legal ou ilegalmente transporte público longas urbano Mais carros, Setor informal se mais trânsito Congestio- desenvolve namento Pressão política Transporte público lento e desacreditado Maior capacidade das vias Usuários mudam modos Caminhar e bicicleta Baixa renda Alta renda
  • 10. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo A cidade está, a cada dia, menos acessível para todos! Andar a pé Pressão por mais infra-estrutura (viadutos, avenidas, etc.) Aumento dos congestiona- População Bicicleta mentos Transporte público, sem prioridade: Lento e desacreditado Automóvel Alternativo / Clandestino
  • 11. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo Indicadores de desempenho Falta de Prioridade Física para Opção pelo Transporte Automóvel Público • Maior Tempo Maiores de Viagem Custos • Maior Custo Urbanos Falta de Operacional Redução Opção pelo da Eficiência Planejamento •Baldeações Clandestino Perda de Urbano e •Irregularidade Demanda dos Regional do Serviço Transportes • Imobilidade Queda na • Desconforto Qualidade •Insegurança de Vida Falta de Deixar de Planejamento Viajar dos Transportes Públicos
  • 12. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo O Transporte Coletivo Indutor de desenvolvimento Instrumento de inclusão social
  • 13. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo O Transporte de Passageiros O investimento no transporte coletivo tem alto interesse social, econômico e estratégico, podendo mudar a qualidade de vida e a eficiência de uma cidade: no campo social, o transporte público de qualidade aumenta o acesso a empregos, serviços sociais, comércio, cultura e lazer; no campo econômico, o transporte aumenta a oferta de empregos e as trocas comerciais; no lado ambiental, o transporte adequado ajuda a reorganizar o espaço urbano e a reduzir o uso do automóvel, reduzindo a poluição atmosférica. Investimentos no transporte coletivo e trânsito poderão reduzir os custos econômicos dos deslocamentos, mesmo com uma frota crescente de veículos particulares.
  • 14. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo A infra-estrutura de veículos ocupa o espaço urbano de uma maneira ineficiente Sabe qual é a diferença entre O espaço que ocupam nas ruas. um ônibus e 50 carros?
  • 15. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo As soluções devem ser sustentáveis
  • 16. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo As soluções devem ser sustentáveis Uma rede de transporte eficaz é necessária para conectar atividades e pessoas.
  • 17. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo O Decálogo da Mobilidade O Plano de Mobilidade Urbana
  • 18. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo O Decálogo da Mobilidade 1. Manter um transporte coletivo integrado e buscar melhorar sua qualidade a cada dia. 2. Manter as velocidades de deslocamento e melhorar a velocidade do transporte público. 3. Aumentar a superfície e a qualidade da rede viária dedicada aos pedestres. 4. Potencializar as áreas para estacionamento e melhorar sua qualidade. 5. Melhorar a informação e comunicação aos usuários da via pública. 6. Elaborar uma regulamentação adequada à mobilidade da cidade.
  • 19. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo O Decálogo da Mobilidade – cont. 7. Aumentar a segurança viária e o respeito entre os usuários dos diferentes modos de transporte. 8. Promover o uso de combustíveis menos poluentes e o controle da poluição – inclusive sonora – causados pelo tráfego. 9. Incentivar o uso da bicicleta como modo habitual de transporte. 10. Promover uma distribuição urbana ágil e ordenada de mercadorias.
  • 20. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo Cabe ressaltar Não se trata de medidas restritivas. A partir da organização da movimentação de veículos pode-se assegurar a mobilidade de pessoas e bens. É preciso tomar consciência de que a falta de regras nos conduz cada vez mais à imobilidade, quando o desrespeito ao próximo e até mesmo a selvageria se instalam no espaço público.
  • 21. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo O futuro da mobilidade depende de uma oferta de transportes moderna, que considere o espaço urbano e atenda às necessidades econômicas e sociais da cidade.
  • 22. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo O Espírito Santo 2025 “ Em 2025, o Espírito Santo será um dos primeiros estados brasileiros a erradicar a pobreza, resultado de um modelo de desenvolvimento marcado pela qualidade de seu capital humano, pela capacidade competitiva de suas empresas, pela inclusão social, pelo compromisso com o meio ambiente e por instituições públicas eficientes e reconhecidas.” (junho/2006) Como o transporte público de passageiros se insere neste cenário? Em 2025, o Espírito Santo será um dos primeiros estados brasileiros a possuir uma Mobilidade Cidadã.
  • 23. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo Conclusões É impossível de se pensar em desenvolvimento econômico e social sem pensar em um amplo projeto de transportes públicos. Proporcionar mobilidade às pessoas faz com que elas tenham acesso a educação, a cultura e ao trabalho e, esta mobilidade, tem como resultante o desenvolvimento econômico.
  • 24. Logística das Cidades Mobilidade Cidadã e o Transporte Coletivo Denise Cadete Gazzinelli presidencia@ceturb.gov.br denise@antp.org.br