Boletim informativo 7
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Boletim informativo 7

on

  • 598 views

 

Statistics

Views

Total Views
598
Views on SlideShare
404
Embed Views
194

Actions

Likes
0
Downloads
1
Comments
0

2 Embeds 194

http://www.izaiasdacruz43333.com.br 177
http://www.izaiasdacruz.com.br 17

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Boletim informativo 7 Boletim informativo 7 Document Transcript

    • MINISTÉRIO DA PESCA E AQUICULTURA MARCELO BEZERRA CRIVELLA SUPERINTENDÊNCIA FEDERAL DA PESCA E AQUICULTURA DO PARANÁ JOSÉ ANTONIO FARIA DE BRITO CURITIBA – QUARTA FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2012DESTAQUES DESTA EDIÇÃO SUPERINTENDENTE DO PARANÁ PRESTIGIA A 14ª FESTA DAS ORQUÍDEAS E DO PEIXE EM MARIPÁ COORDENADOR DO PRB-PR VISITA A SUPERINTENDÊNCIA FEDERAL DA PESCA E AQUICULTURA VICE-GOVERNADOR DO PARANÁ RECEBE O SUPERINTENDENTE FEDERAL DA PESCA E AQUICULTURA DO PARANÁ ENCONTRO NA CASA CIVIL DO PARANÁ COM A PRESENÇA DO DEPUTADO ESTADUAL EDSON PRACZYK
    • MINISTÉRIO DA PESCA E AQUICULTURA PRESTIGIA A 14ª FESTA DAS ORQUÍDEAS E DO PEIXE EM MARIPÁ/PRDe 23 a 26 de agosto, no Centro Municipal de Eventos, no Município de Maripá,aconteceu a 14ª Festa das Orquídeas e do Peixe, uma semana de festa para o Municípioque é referência na produção de orquídeas e de peixes. Nesta edição, a ComissãoOrganizadora prestigiou a Saúde e o Cooperativismo do Município.Maripá, localizado no Oeste do Estado do Paraná, distante 568 km da capital, Curitiba,com população de 5.889 habitantes (IBGE 2010) é o 5º Município do Paraná emqualidade de vida e 49º do país (Índice de Desenvolvimento Humano - IDH).Durante asfestividades, os maripaenses deram grande exemplo de planejamento e organização, oevento atraiu turistas de grande parte do país.Em Máripá, o cultivo de peixes teve seu início na década de 90, hoje, conta com cercade 55 produtores comerciais, com produção em torno de 600 toneladas.AberturaA aberturaoficial foirealizada naquinta feira(25),reunindocerca de 500 pessoas, o evento contou com presenças ilustres, como a doSuperintendente Federal da Pesca e Aquicultura do Paraná – Dr. José Antonio Faria deBrito, do Secretário da Agricultura e do Abastecimento do Estado do Paraná – NorbertoAnacleto Ortigara, do Presidente do Instituto EMATER/PR – Rubens Niederheitmann,entre representantes de entidades ligadas as atividades do cultivo de orquídea e de peixe,além de convidados.
    • O Presidente da Comissão Central Organizadora – CCO, Dorval Conci, premiou asorquídeas mais belas e numa ajusta homenagem, premiou membros da sociedade naárea da saúde de Maripá; como o primeiro médico do Município e idealizadores doprimeiro hospital, além dos primeiros produtores rurais e membros da C.Vale,Cooperativa Agroindustrial que atua hámuito tempo no Município.O Secretário de Agricultura eAbastecimento do Estado do Paraná, noseu discurso, agradeceu a presença doSuperintendente Federal da Pesca eAquicultura do Paraná, acrescentando aimportância do MPA nas ações em prol dodesenvolvimento da piscicultura noEstado.Encontro de piscicultores Norberto Ortigara 11º Encontro de Piscicultores de Maripá – Oficina com duzentos e cinqüenta participantesNa manhã da sexta feira (26), cerca de 250 pessoas, entre produtores de peixe,cooperativas, acadêmicos da UFPR/ Campus Palotina e UNIOESTE, Campus MarechalCândido Rondon e Campus Toledo, além de entidades ligadas a piscicultura estavampresentes no 11º Encontro de Piscicultores de Maripá. Superintendente - José Antonio Faria de Brito, Cezar Ziliotto – Emater Regional e Carlos Piovesan – Secretário de Agricultura e Gestão Ambiental do Município de Palotina.O MPA estava representado pelo Superintendente Federal da Pesca e Aquicultura doParaná, Dr. José Antonio Faria de Brito e pelo Coordenador-Geral de Registro daAquicultura, Rui Donizete Teixeira – MPA/Brasília.
    • Foram seis, as apresentações nesta oficina: Nutrição de organismos aquáticos-comoescolher uma boa ração, apresentada pelo Dr. Wilson Rogério Boscolo, Professor daUNIOESTE- Campus Toledo/PR; Doenças de peixes: boas práticas de manejo xsanidade, apresentada pelo Dr. Gilberto Cezar Pavanelli, Professor da UFPR, CampusPalotina; Carcinicultura de água doce-sistema de policultivo,apresentada pelo Dr.Eduardo Luiz Ballester, Professor da UFPR – Campus Palotina; Manejo da água e aimportância do oxigênio para o sucesso na criação de tilápias, apresentada pelo Dr.Sérgio Tamassia, Epagri/SC; Metodologias que devem ser adotadas para se obtermaior rendimento/peso de filé: Influência no preço final da tilápia, apresentada porSidney Godinho, Presidente da COPISCES; Mercado e comercialização do pescado,apresentada pelo Dr. José Antonio Faria de Brito, Superintendente Federal da Pesca eAquicultura do Paraná e Registro Geral do Aquicultor , apresentada por Rui DonizeteTeixeira, Coordenador-Geral de Registro da Aquicultura do Ministério da Pesca eAquicultura.Apresentações do MPAO Superintendente do Paraná apresentou um histórico da criação do MPA e a atualsituação do setor em relação à Comercialização e Mercado. José Antonio Faria deBrito, citou as palavras do Ministro Marcelo Crivella, recentemente, na Rio+20, onde oMinistro relatou a importância e as vantagens do cultivo de peixes. O Superintendentetambém mostrou a nova política da Superintendência do Paraná para a região. “Todossabemos da importância que Maripá e região possuem na produção de peixes noEstado do Paraná, nós vamosretomar o diálogo com o setor ecom as prefeituras e iniciar oplanejamento para que asações do Ministério da Pesca eAquicultura cheguem muitoem breve para esta região.Maripá é uma referência, nãosó para o Estado, mas para oBrasil”, concluiu osuperintendente. Apresentação do Superintendente do Paraná – Dr. José Antonio Faria de BritoRui Donizete Teixeira, atraiu aatenção de todos ao apresentar aimportância, necessidade,objetivos e vantagens que oRegistro Geral do Aquicultor tempara o produtor de peixes. “Épreciso que todos entendam,que com o registro deaquicultor, o produtor serálegalizado, obtendo todas asvantagens que existe para estaatividade”, disse. Rui Donizetedeu ênfase para que visitem o site Rui Donizete Teixeira – Apresentando o RGP
    • do MPA e busquem orientações com a Superintendência do Paraná, “É fácil e simplesfazer o registro”, concluiu.José Antonio Faria de Brito ficou entusiasmado com o que viu e prometeu trabalharmuito para atender as demandas do setor, algumas instituições apresentaram aoSuperintendente, projetos e ações em benefício do desenvolvimento da piscicultura. SUPERINTENDENTE DO PARANÁ RECEBE A VISITA DO COORDENADOR DO PRB/PARANÁNa manhã desta segunda feira (27), oSuperintendente Federal da Pesca eAquicultura do Paraná, Dr. JoséAntonio Faria de Brito, recebeu avisita do Coordenador do PartidoRepublicano Brasileiro no Estado doParaná, Oliveira Filho. Na ocasião oSuperintendente apresentou aoCoordenador, que é Suplente noParlamento Federal, as demandas dosetor da pesca e aquicultura no Oestedo Estado, mais precisamente emMaripá e Palotina. José Antonio Faria de Brito e Oliveira FilhoOliveira Filho ficou entusiasmado com os números apresentados na produção de peixese pela referência que a região tem no contexto do Estado e do Brasil.As principais demandas são: Frigorífico de Peixes, Caminhão do Peixe e EscavadeiraHidráulica. Ações que ficaram por anos longe desta região serão retomadas. OSuperintendente reiniciou o diálogo com autoridades locais e produtores, prometeutrabalho, e começa a cumprir. Disse que a presença de Oliveira Filho e o seu entusiasmocom a região mostra o interesse do PRB, partido do Ministro Marcelo Crivela, com osetor.EncaminhamentoJosé Antonio Faria de Brito e Oliveira Filho estarão em breve na região, dialogandocom os produtores de peixe e com as autoridades locais, buscando conhecer de perto osentraves e visitando os tanques escavados que tanto beneficiam a produção de peixes noEstado. Também irão à Brasília, apresentar ao Ministro Marcelo Crivella o potencialdesta região e as ações que devem ser direcionadas. Maripá e Palotina no roteiro do Superintendente e do Coordenador do PR.
    • PARCERIA ENTRE O MPA E APPA EM BENEFÍCIO DOS PESCADORES ARTESANAIS DO LITORAL DO ESTADOA Coordenadora de Educação Ambiental da Administração dos Portos de Paranaguá eAntonina / APPA, Engª. Simone Tanus, foi recebida em Curitiba, pelo SuperintendenteFederal da Pesca e Aquicultura do Paraná, Dr. José Antonio Faria de Brito.ACoordenadora busca parceria para estimular os pescadores do litoral a conhecerem osbenefícios das fazendas marinhas , locais para desenvolver o cultivo de organismosaquáticos nas águas da Baía de Paranaguá.Também presente, a Oceanógrafa da SFPA/PR, Rafaela Cristine Zem, que explicou aexistência de um projeto neste sentido, de parceria do MPA com Grupo de Integraçãoda Aqüicultura Recursos Renováveis /GIA – Planos Locais de Desenvolvimento daMaricultura / PLDM. Foi feito um estudo e os resultados já mostram todas as áreas eespécies com potencial para o cultivo, entre peixes, mexilhões e ostras. Também aspossíveis fontes de poluição, possíveis conflitos, a variação da salinidade, área deexclusão: Portos, Restrições Ambientais, entre outros.O MPA investiu cerca de R$ 750 mil no PLDM, que abrange os sete municípioslitorâneos do Estado, além das Baías que envolvem o litoral.EncaminhamentosO Superintendente sugeriu um encontro com representantes de instituições envolvidasna realização do Projeto: Ministério Publico Federal, Ministério Público Estadual,Polícia Ambiental, GIA, Instituições Ambientais, APPA e MPA. O encontro aconteceráem breve, no Município de Paranaguá.
    • VICE-GOVERNADOR DO ESTADO DO PARANÁ RECEBE O SUPERINTENDENTE FEDERAL DA PESCA E AQUICULTURA DO PARANÁ José Antonio Faria de Brito e Flávio Arns, durante encontro em CuritibaO Vice-Governador e Secretário de Educação do Estado do Paraná, Flávio Arns,recebeu nesta quarta feira (22), em seu gabinete, o Superintendente Federal da Pesca eAquicultura do Paraná, José Antonio Faria de Brito. Presentes no encontro, a Diretorado Departamento de Educação e Trabalho / SE-PR, Marilda Aparecida DiorioMenegazzo e o Assessor da SFPA/PR, Hudson Galvani Amarilla.José Antonio Faria de Brito, foi buscar parceria na área da educação. O Ministério daPesca e Aquicultura possui um programa de alfabetização voltado para pescadoresartesanais e suas famílias - Pescando Letras , um projeto de abrangência nacional.Flávio Arns, apresentou os trabalhos do Estado em relação ao combate aoanalfabetismo e disse que a Superintendência do Paraná poderia ser parceira no litoraldo Estado, mais precisamente nas ilhas, onde o índice de analfabetismo é muito alto. Hudson Amarilla, José Antonio Faria de Brito, Flávio Arns e Marilda Aparecida Menegazzo
    • O Estado do Paraná investe cerca de R$ 100 milhões na alimentação escolar e segundoFlávio Arns, o Governo gostaria de investir mais, priorizando a qualidade daalimentação nas escolas e contribuindo com os pequenos agricultores. OSuperintendente do Paraná mostrou os benefícios do pescado na alimentação escolar eprojetos para o estímulo deste produto nas escolas da capital e do interior.Um encontro entre a SFPA/PR e a Superintendência do Desenvolvimento Educacional –SE-PR, será agendado para dar continuidade ao assunto – Merenda escolar; Como érealizado no Estado; Como é escolhido os alimentos; Distribuição, entre outros.José Antonio Faria de Brito convidou aSecretaria de Educação do Estado doParaná, à participar da Ação Cívica e Social/ ACISO, onde a SFPA/PR junto com oExército Brasileiro, Polícia Ambiental doParaná, Ministério Público Estadual,Universidade Federal do Paraná, entre outrasinstituições, estarão realizando no final doano, uma série de ações sociais voltadas paraos pescadores artesanais e suas famílias nolitoral do Estado. Novo encontro será agendado ENCONTRO INSTITUCIONAL NA CASA CÍVIL DO ESTADO DO PARANÁDeputado Estadual Edson Praczyk, Economista Guilherme Ferreira de Oliveira, Superintendente Dr. José Antonio Faria de Brito, Chefe da Casa Civil Luiz Eduardo Sebastiani, João Eliezer Palhuca, Dr. Fábio Aurélio e Dr. Leonardo Franco de BritoO Chefe da Casa Civil do Governo do Estado do Paraná – Luiz Eduardo Sebastiani,recebeu no seu gabinete, no Palácio Iguaçu, em Curitiba, nesta terça feira (28), oDeputado Estadual /PRB-PR Edson Praczyk, o Superintendente Federal da Pesca eAquicultura do Paraná – Dr. José Antonio Faria de Brito e o Dr. Leonardo Franco deBrito - Assessor Jurídico do PRB-PR, com eles, vieram de São Paulo: O Vice-
    • Presidente do Sindicato das Empresas Patrimoniais de São Paulo, João Eliezer Palhuca,o Economista, Guilherme Ferreira de Oliveira e o Advogado, Dr. Fábio Aurélio.Na ocasião, os participantes conversaram sobre a construção do novo MercadoMunicipal de Paranaguá. Sua construção seria em torno do Aquário que já existe noMunicípio.Os empresários de SãoPaulo vieram conheceros bastidores desteempreendimento e asações referentes aoprojeto.José Antonio Faria deBrito, que tem buscado Encontro positivo – Casa Civil do Governo do Estado do Paranáparcerias, visando o desenvolvimento da pesca e aquicultura no Estado, colocou aosparticipantes os avanços do setor e as políticas públicas que o Ministério da Pesca eAquicultura tem projeto para o Paraná. PESCADORES DE FOZ DO IGUAÇU RECEBEM O SUPERINTENDENTENesta quarta feira(30),cerca de 70 pescadores artesanais do Município de Foz doIguaçu/PR, se reuniram na Colônia Z -12, para conhecerem o Superintendente JoséAntonio Faria de Brito, que estava acompanhado pelo Deputado Estadual Reni Pereira/PSB-PR.Deputado Estadual Reni Pereira e oSuperintendente José Antonio Faria deBrito
    • Escritório em Foz do IguaçuO Superintendente foi apresentado pelo Presidente da Z 12 - Flávio Kabroski.José Antonio Faria de Brito apresentou a sua forma de gestão. Com entusiasmo, disseque as ações para melhorar a vida dos pescadores e suas famílias serão sempreprioridade e que a Superintendência do Paraná estará sempre ao lado dos pescadoresartesanais de Foz do Iguaçu. "É por assim entender, que estamos, em parceria com aItaipu Binacional, para em breve colocarmos à disposição de vocês um escritório daSuperintendência Federal da Pesca e Aquicultura, neste Município", destacando que oprincipal objetivo, será o de resolver as demandas com maior rapidez.Pescador conversa com o Superintendente Luiz Antonio Faria de Brito e Flávio KabroskiFlávio Kabroski apresentou algumas demandas ao superintendente, que prontamenteacionou o Articulador do Oeste da SFPA/PR, Paulo Machajewski para que asprovidências necessárias fossem tomadas.Após a apresentação, o superintendente atendeu alguns pescadores, que queriam tiraralgumas dúvidas.O Superintendente, em breve, voltará ao Município para conhecer o espaço para oescritório pretendido. Comunicação SFPA/PR ANTONIO RICARDO MEDEIROS ASSUNÇÃO ricardo.medeiros@mpa.gov.br 41. 3264-1646/3407 Rua Francisco Alves Guimarães, 346 – Cristo Rei – Curitiba / PR CEP. 80050-210