Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
Resenha do filme como estrelas na terra
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Resenha do filme como estrelas na terra

  • 46,328 views
Published

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
No Downloads

Views

Total Views
46,328
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
13

Actions

Shares
Downloads
270
Comments
1
Likes
2

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Como Estrelas na Terra Toda Criança é Especial Luci Bubinick Silveira Lopes RESENHA CRÍTICA do filme Taare Zameen Par – Every Child is Special Como Estrelas na Terra - Toda Criança é Especial. Índia / Ano: 2007. O filme conta a história de um garoto de oito anos de idade que apresenta dificuldadesna escola e em sua vida social. Ishaan vive com seus pais e irmão na Índia. Ao contráriode Ishaan, seu irmão é o melhor aluno da turma e também é excelente nos esportes. Como as dificuldades vem aumentando, a escola convoca a família para uma reunião,informando-a que o garoto não apresentou avanços. Os pais e professores pensam que omenino faz de propósito, que não é interessado pelos estudos. Desta forma, a famíliadecide enviar Ishaan para um colégio interno, a fim de ser disciplinado e,consequentemente, obter êxito nos estudos. Ainda não há qualquer diagnóstico sobresuas dificuldades. Após um período no colégio interno, onde a solidão, a tristeza e severas punições porparte dos professores passam a ser constantes em sua vida, Ishaan aos poucos vaideixando de desenhar e pintar, o que antes realizava com muita propriedade. Mergulhadoem profunda depressão, o menino conhece o professor de Artes, que veio substituir oprofessor titular da classe. Este professor também trabalha em um colégio para criançascom necessidades educacionais especiais. Com este novo olhar, o professor passa a sedar conta de que Ishaan apresenta dislexia, um distúrbio de aprendizagem em que acriança confunde letras similares, grafias parecidas, reflete as letras e não relaciona o somcom os símbolos. Assim, o professor passa a usar diversos meios para ensinar Ishaan,que aos poucos vai recuperando sua auto estima e vai compreendendo o mundo daleitura e escrita. Por fim, o professor oportuniza uma grande competição de arte entre toda escola,onde diversos talentos e o respeito a Ishaan passam a ser valorizados. No filme percebe-se o papel do professor como fundamental na formação doemocional de seu aluno. A criança, quando estigmatizada, acaba perdendo a vontade deaprender. É dever do professor: estimular o crescimento emocional de seus alunos,destacar suas potencialidades e incentivá-los para se sentirem seres humanoscompetentes e bem sucedidos. Cada criança tem sua potencialidade única e aprende deforma diferente. Impossível querer ensinar a todas igualmente. Entretanto, caímos na Luci Bubinick Silveira Lopes, Professora e Orientadora Educacional. Especialização Lato Sensu Ação Educativa do Ensino Fundamental.
  • 2. Como Estrelas na Terra Toda Criança é Especial Luci Bubinick Silveira Lopesrealidade de turmas numerosas onde tempo e boas condições de trabalho são deficitáriaspara uma dedicação singular. O filme transborda Educação. Abre novas perspectivas para o universo daaprendizagem. Fez-me lembrar de Paulo Freire em Pedagogia do Oprimido, onde diz que"ninguém educa ninguém, ninguém se educa a si mesmo, os homens se educam entre si,mediatizados pelo mundo". Mesmo o filme abordando a dislexia, ele nos remete a outras dificuldades ousubjetividades de aprendizagem. Ao assistir ao filme, não pude deixar de visualizar minhapesquisa em TDAH. Minha motivação ao pesquisar sobre os sintomas de déficit deatenção e hiperatividade vem dos diversos sintomas apresentados em sala de aula.Muitas vezes, o aluno só possui o olhar do professor. Como justifiquei em minha pesquisa, lidar com esses alunos é sempre complicado. Namaioria dos casos, os alunos são tidos como indisciplinados, inquietos, sem compromisso,pois não realizam tarefas. Isso ocorre pela dificuldade deste aluno em prestar atenção adetalhes, ser facilmente distraído por estímulos alheios a qualquer tarefa, com frequênciainterromper a aula, não conseguir esperar sua vez ou ainda se meter em assuntos deoutros. Alunos com estas características, geralmente apresentam um baixo rendimentoescolar, bem como uma baixa auto-estima. São alunos com dificuldade de relacionamentoe que podem tornar precário seu desenvolvimento educacional e social. O filme é fantástico. Emociona. Incita reflexão e mudança de paradigma. É um filmedirecionado a Pais e Educadores. Toda pessoa que tem uma criança em suas mãos, sejaela de passagem ou não, deveria assisti-lo. Como acadêmica do Curso de Especialização Ação Educativa do Ensino Fundamentalvejo infinitas possibilidades pedagógicas quando me deparo com educandos e suaspotencialidades. O filme é de uma sensibilidade ímpar pelas interações sócio-pedagógicase pela subjetividade emocional da criança. É mais uma direção a ser observada e possívelde ser tomada, sendo com crianças portadoras de necessidades educativas especiais ounão. Luci Bubinick Silveira Lopes, Professora e Orientadora Educacional. Especialização Lato Sensu Ação Educativa do Ensino Fundamental.