Populações prof. juliana [Introdução à Engenharia Ambiental]

  • 632 views
Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
632
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
7
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. DINÂMICA DAS POPULAÇÕES
    Profa. JulianeKayse, M.Sc.
    Humaitá-AM/2011
  • 2. DINÂMICA DAS POPULAÇÕES
    POPULAÇÃO
    Conjunto de indivíduos da mesma espécie que dividem o mesmo hábitat.
    COMUNIDADE
    Estrutura organizada de espécies que interagem por meio de interdependência.
  • 3. DINÂMICA DAS POPULAÇÕES
    RELAÇÕES INTERESPECIFICAS
    ASSOCIAÇÕES NEUTRAS
    ASSOCIAÇÕES BENÉFICAS (ou POSITIVAS)
    ASSOCIAÇÕES MALÉFICAS (ou NEGATIVAS)
  • 4. DINÂMICA DAS POPULAÇÕES
    NEUTRALISMO – associação neutra na qual duas espécies são independentes.
    COMENSALISMO – associação positiva entre uma espécie comensal e uma espécie hospedeira.
    COOPERAÇÃO – associação positiva, na qual ambas espécies levam vantagem.
    MUTUALISMO – união positiva na qual os individuos são intimamente ligados.
  • 5. DINÂMICA DAS POPULAÇÕES
    AMENSALISMO – associação negativa em que a espécie amensal sofre inibição em seu crescimento ou reprodução pela espécie inibidora.
    PREDAÇÃO – associação negativa em que a espécie predadora ataca e devora a espécie-presa.
    PARASITSIMO – associação negativa em que a espécie parasita inibe o crescimento, reprodução ou o metabolismo da espécie hospedeira.
    COMPETIÇÃO – associação negativa quando duas espécies apresentam o mesmo nicho ecológico.
  • 6. DINÂMICA DAS POPULAÇÕES
    BIODIVERSIDADE ou DIVERSIDADE BIOLÓGICA
    variedade e a variabilidade existente entre os organismos vivos e as complexidades ecológicas nas quais elas ocorrem.
    • Diversidade GENÉTICA
    • 7. Diversidade ESPECÍFICA
    • 8. Diversidade ECOSSITÊMICA
  • DINÂMICA DAS POPULAÇÕES
    ECOSSISTEMA:
    Biótipo – elementos fornecidos pela natureza.
    Biocenose – conjunto de seres vivos.
    “Conjunto de seres vivos que interage entre si e com meio natural de maneira equilibrada, pela reciclagem de matéria e pelo uso eficiente da energia solar.”
  • 9. DINÂMICA DAS POPULAÇÕES
    ECOSSISTEMA: sistema estável, equilibrado e auto-suficiente, apresentando em toda sua extensão características:
    Topográficas;
    Climáticas;
    Pedológicas;
    Botânicas;
    Zoológicas;
    Hidrológicas; e
    Geoquímicas.
  • 10. ECOSSISTEMAS
    RECICLAGEM DE MATÉRIA E FLUXO DE ENERGIA
    AUTÓTROFOS: seres capazes de sintetizar seu próprio alimento.
    QUIMIOSSINTETIZANTES – fonte de energia é oxidação de compostos inorgânicos.
    FOTOSSINTETIZANTES – utilizam o sol como fonte de energia.
    HETRETRÓFOS: seres incapazes de sintetizar seu próprio alimento.
    DECOMPOSITORES.
  • 11. RADIAÇÃO SOLAR
    ORIGEM DA RADIAÇÃO SOLAR
    ESPECTRO ELETROMAGNÉTICO:
    RADIAÇÃO ELETROMAGNÉTICA – Ondas que se propagam no espaço, caracterizados pelo seu comprimento (l) ou pela freqüência de oscilação (f).
  • 12. RADIAÇÃO SOLAR
    ORIGEM DA RADIAÇÃO SOLAR
    ESPECTRO ELETROMAGNÉTICO:
  • 13. RADIAÇÃO SOLAR
    CAMPO DE RADIAÇÃO
    Principal característica de um campo de radiação é a RADIÂNCIA (ou INTENSIDADE DA RADIAÇÃO).
    DENSIDADE DO FLUXO DE RADIAÇÃO
    IRRADIÂNCIA
    EMITÂNCIA RADIANTE
  • 14. RADIAÇÃO SOLAR
    COEFICIENTES
    ABSORÇÃO
    REFLEXÃO
    TRANSMISSÃO
    ALBEDO
    Superfícies não vegetada: Cor, Rugosidade, etc.;
    Superfícies vegetadas: Espécie, fase do desenvolvimento, estado de sanidade, geometria da copa, índice de área foliar, etc.
  • 15. RADIAÇÃO SOLAR
    BALANÇO DE ENERGIA