Your SlideShare is downloading. ×
0
Primeiros dias-no-jardim-de-infância
Primeiros dias-no-jardim-de-infância
Primeiros dias-no-jardim-de-infância
Primeiros dias-no-jardim-de-infância
Primeiros dias-no-jardim-de-infância
Primeiros dias-no-jardim-de-infância
Primeiros dias-no-jardim-de-infância
Primeiros dias-no-jardim-de-infância
Primeiros dias-no-jardim-de-infância
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Primeiros dias-no-jardim-de-infância

2,074

Published on

Não é da minha autoria, pertence a MAria de Jesus Sousa (Jucaa

Não é da minha autoria, pertence a MAria de Jesus Sousa (Jucaa

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
2,074
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
94
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Uma história criada por Maria Jesus Sousa (Juca) (formatada com imagens disponíveis na internet)
  • 2. Era uma vez um grupo de crianças pequenas, médias e grandes. Terminadas as férias, vieram para o jardim de infância: umas chegaram pela primeira vez… outras regressaram à sua sala.
  • 3. Algumas das mais pequeninas choravam um pouquinho, talvez com receio, principalmente na hora da mãe ou o pai se irem embora…
  • 4. Mas as mais crescidas chegavam contentes… já sabiam como é andar no jardim de infância: brinca-se, aprende-se e faz-se amigos novos!
  • 5. Quando alguém chorava, a educadora dizia-lhe com carinho: - Pronto, já passou, vamos brincar um bocadinho que logo a mãe vem buscar-te… e então os meninos sossegavam e distraiam-se do choro.
  • 6. E enquanto os adultos estavam ocupados com os mais pequenitos, os meninos mais crescidos esperavam um bocadinho para começarem o dia todos juntos e bem dispostos... com a luzinha do coração bem acesa (aquela que faz só pensar e fazer coisas boas!)
  • 7. Depois de alguns dias, os meninos habituaram-se, cresceram um bocadinho e deixaram de chorar ao chegar à sala. Dão um beijinho à mãe e assim acendem também a sua luzinha do coração!
  • 8. Já sabem que durante o dia há tempo para tudo: conversar, ouvir histórias, cantar canções, planear, lanchar, brincar, trabalhar, arrumar… é o que fazem, com todo o entusiasmo.
  • 9. E é assim que deve ser, porque andar no jardim de infância é FIXE! FIM

×