• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Escola estadual senador filinto müller
 

Escola estadual senador filinto müller

on

  • 611 views

Dinamarca

Dinamarca

Statistics

Views

Total Views
611
Views on SlideShare
611
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
5
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Escola estadual senador filinto müller Escola estadual senador filinto müller Presentation Transcript

    • Escola Estadual Senador Filinto Müller Dinamarca Disciplina: Geografia Professora: Maria de Lurdes Aluna: Larissa Santos da Silva Nº 25 Ano: 3º A Turno: matutino
    • Dados principais
      • Área :  43.094 km2
      • Capital :  Copenhague
      • População :   5,54 milhões (estimativa 2009)
      • Nome Oficial : Reino da Dinamarca
      • Nacionalidade :  dinamarquêsa
      • Data Nacional :  5 de junho (Dia da Constituição)
    • Geografia
      • Localização :  norte da Europa
      • Cidade Principais :  Copenhague, Arhus, Odense, Alborg, Esbjerg
      • Densidade Demográfica :  127 hab./km2
      • Fuso Horário:  + 4h
      • Clima: temperado oceânico
    • População
      •   Total: 5,3 milhões (2000), sendo dinamarqueses 57%, europeus alemães e nórdicos 40%, outros 3% (1996). 
      • Densidade: 122,99 hab./km2.
      • População urbana: 85% (1998).
      • População rural: 15% (1998).
      • Crescimento demográfico: 0,3% ao ano (1995-2000).
      • Fecundidade: 1,72 filho por mulher (1995-2000).
      • Expectativa de vida M/F: 73/78 anos (1995-2000).
      • Mortalidade infantil: 7 por mil nascimentos (1995-2000).
      • Analfabetismo: menor do que 5% (2000). IDH (0-1): 0,911 (1998).
    • Economia
      • Moeda: coroa dinamarquesa.
      • PIB: US$ 174,9 bilhões (1998).
      • PIB agropecuária: 4% (1998).
      • PIB Indústria: 27% (1998).
      • PIB serviços: 69% (1995).
      • Crescimento do PIB: 2,9% ao ano (1990-1998).
      • Renda per capita: US$ 33.040 (1998).
      • Força de trabalho: 3 milhões (1998).
      • Agricultura: trigo, cevada, batata, beterraba.
      • Pecuária: bovinos, suínos, aves.
      • Pesca: 1,9 milhão de t (1997 ).
      • Mineração: gás natural, petróleo.
      • Indústria: alimentícia, química, máquinas, produtos eletroeletrônicos (domésticos).
      • Exportações: US$ 47,8 bilhões (1998).
      • Importações: US$ 45,9 bilhões (1998).
      • Principais parceiros comerciais: Noruega, Alemanha, Suécia, Holanda (Países Baixos), Reino Unido, França.
    • Política
      • Forma de governo: Monarquia parlamentarista.
      • Divisão administrativa: 14 condados, 1 cidade e 1 distrito.
      •   Principais partidos: Social-Democrata (SD), Liberal (V), Conservador do Povo (KF).
      • Legislativo: unicameral - Parlamento, com 179 membros (175 representantes da metrópole, 2 das ilhas Faroe e 2 da Groenlândia), eleitos por voto direto para mandato de 4 anos.
      • Constituição em vigor: 1953. Territórios administrados: Groenlândia e ilhas Faroe.
      • Monarca da Dinamarca : é a Rainha Margarida 2 ; e seu filho o Príncipe Frederico é o hedeiro.
    • Clima
      • O clima do país é ameno, a temperatura média no inverno é de 0,5°C, e de 16°C no verão. Durante o inverno incide muito vento do mar em direção a costa, além da queda constante de neve e de poucas horas de sol. No verão, as horas de escuridão é que são as de menor de duração.
    • Vegetação
      • Dentro da sua vegetação, sua flora, destaca-se a vegetação do país onde as árvores mais comuns são os pinheiros e abetos que agem como uma paragem temporária para os ventos do mar.
    • Meio Ambiente
      • A DINAMARCA ESTUDA BENEFICIAR FINANCEIRAMENTE QUEM CONSTRUIR CASAS "VERDES". A IDEIA É QUE AS PESSOAS QUE UTILIZAREM PAINÉIS SOLARES E SISTEMA DE REAPROVEITAMENTO DE ÁGUA, POR EXEMPLO, PAGUEM MENOS IMPOSTOS.
      • COM ISSO, O GOVERNO PRETENDE QUE TODAS AS NOVAS CASAS CONSTRUÍDAS SEJAM CONSIDERADAS "VERDES" ATÉ 2020 .
    • Bibliografia
      • http://www.suapesquisa.com/paises/dinamarca/
      • http://www.portalbrasil.net/europa_dinamarca.htm