I Encontro Nacional da Advocacia Corporativa

760 views
663 views

Published on

Palestra proferida por Lara Selem na XXI Conferência Nacional dos Advogados, em Curitiba/PR, 22/11/2011

Published in: Career
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
760
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

I Encontro Nacional da Advocacia Corporativa

  1. 1. O Crescimento daLitigiosidade e seus Impactos no Planejamento Estratégico da Empresa Lara Selem
  2. 2. XXI Conferência Nacional da OAB 2011
  3. 3. Sucesso do Código Profissionalização de Defesa do das bancas Consumidor e jurídicas que conscientização atendem pessoas da população. físicas e sindicatos.Ingresso de 32 Alta rentabilidade milhões novos por sócio em consumidores - e comparação com de potenciais escritórios com litigantes. foco empresarial. AUMENTO DA LITIGIOSIDADE
  4. 4. A Justiça  Insegurança jurídica decorrente de mais de 150 mil textos legais em vigor.  Entrada em vigor da súmula vinculante, do princípio da repercussão geral e da cláusula impeditiva de recursos.  Estrangulamento do Judiciário.  O número de processos em circulação passou de 60 milhões em 2004 para 85 milhões em 2010 (CNJ).XXI Conferência Nacional da OAB 2011
  5. 5. A Economia  A partir de 2005 o Brasil acelerou o crescimento e em 2008 superou a média mundial.  Aumento da demanda por ativos reais de baixo risco: o Brasil se destaca como fronteira de oportunidades de investimentos de menor risco, em especial na área de infra-estrutura.  Gargalos: baixa capacitação da população, infra- estrutura logística, carga tributária, excesso de burocracia, baixo nível de poupança.XXI Conferência Nacional da OAB 2011
  6. 6. Quatro CenáriosEconômicos Intensidade de enfrentamento dos gargalos estruturais ao desenvolvimento sustentado 2012-2030 Alta Baixa 1. Um salto para o 2. Um emergente retardatário Ambiente econômico mundial A emergência dos 1º mundo emergentes A conquista da prosperidade Perdendo espaço em um sustentável mundo de oportunidades 3. Mudança de 4. Crescimento patamar inercial “Business as usual” O desperdício das melhores Prosperidade à vista oportunidades Fonte: Macroplan – Prospectiva, Estratégia & Gestão
  7. 7. O Mercado Jurídico  O Brasil é o 3o maior mercado jurídico do mundo em número de advogados, sendo superado pelos EUA e Índia.  São Paulo concentra 33,40% dos advogados brasileiros (OAB).  Mais de 1.100 cursos de Direito; 2 milhões de bacharéis em Direito.  Despreparo dos advogados em início de carreira.  Escritórios com foco em pessoas físicas e sindicais não aparecem nos anuários.XXI Conferência Nacional da OAB 2011
  8. 8. Os Departamentos Jurídicos  Pressão da Diretoria da Empresa para:  Cumprir o planejamento estratégico,  Cumprir o budget,  Fazer mais e melhor por menos,  Lei Sarbanes-Oxley  Governança CorporativaXXI Conferência Nacional da OAB 2011
  9. 9. Os Escritórios parceiros  Os escritórios de advocacia parceiros sofrem pressão do Departamento Jurídico para:  Ter alta reputação, qualidade dos serviços jurídicos, relacionar-se bem com o jurídico,  Cumprir metas de redução de passivo,  Atender o trabalho administrativo,  Dar vazão ao aumento da demanda contenciosa,  Atender o cliente em nível nacional,  Equilibrar-se com honorários cada vez menos competitivos,  Oferecer profissionais bem formados e administração eficiente.XXI Conferência Nacional da OAB 2011
  10. 10. XXI Conferência Nacional da OAB 2011
  11. 11. Fonte de grande desequilíbrioEscritórios que Escritórios que atuam contra as defendem as empresas em geral empresas em geral recebem seus recebem seus honorários com honorários em base no resultado base fixa por (20-30%). processo.
  12. 12. Conclusão  Reduzir o impacto do aumento da litigiosidade no Planejamento Estratégico da empresa implica em:  Prever o aumento da demanda com bases estatísticas.  Mais folga no budget para contratação de serviços jurídicos de maior qualidade.  Esforço conjunto entre departamento jurídico e escritórios de advocacia parceiros em reduzir o gapno relacionamento.  Escritórios de advocacia parceiros preparados para suportar o aumento da demanda e entregar serviços jurídicos de qualidade.  Ampliar a visão sustentável da relação entre empresa + departamento jurídico + escritórios de advocacia parceiros.XXI Conferência Nacional da OAB 2011 Fonte: Análise 500 2010
  13. 13. Muito obrigada! laraselem@estrategianaadvocacia.com.br www.estrategianaadvocacia.com.br Twitter: @laraselem

×